Your SlideShare is downloading. ×
Tabela Matriz   Novo Curso
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Tabela Matriz Novo Curso

121
views

Published on

Published in: Travel, Technology

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
121
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) Aspectos críticos que a Literatura Desafios. Acções Domínio Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças identifica a implementar Perfil muito exigente e qualificado. Um profissional com Reforço do papel Alargar formação na Currículo com competências em 3 da BE, quando o área das TIC; deficiências nas TIC; grandes áreas: prof.bib. tem este Oferta formativa Bibliotecnologia perfil; reforço das Um profissional de aprendizagens dos informação e alunos; comunicação; dominando o acesso, o uso e a Competências do comunicação/difusão da professor bibliotecário informação; Gestão Terá que gerir todos os recursos, o espaço,os Dificuldade em vencer equipamentos, os Capacidade de Excessiva carga certas resistências recursos humanos e a mobilização e de burocrática sobre o Estabelecer relacionadas com o informação; como bom liderança; membro prof. bibliotecário; prioridades e planos peso dos exames gestor deve ainda ser activo na de acção faseados no nacionais numa Esc. proactivo, líder, Comunidade Portaria 756/2009 tempo. Secundária. carismático, promotor do Educativa. trabalho colaborativo, conector,visionário,
  • 2. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) avaliador de práticas; ser o exemplo da aprendizagem contínua ao longo da vida; Pedagogia/didáctica Nunca bastará ser um bom profissional nas duas áreas anteriores; porque estamos numa Escola e porque é um professor bibliotecário, deve possuir competências próprias da missão educativa: Falta de tempo para criar cumplicidades e tarefas e necessidades empatia, facilitar a tão gigantescas. aprendizagem, dominar as linhas principais do sistema educativo. Gestão no sentido da A BE assume-se Projecto Educativo Participação na optimização dos como importante muito vago acerca do revisão do Projecto processos e dos recursos parceiro na papel da BE; Educativo da Escola; para produzirem construção do Organização e Gestão da melhores resultados e conhecimento; BE um impacto mais significativo na qualidade dos serviços da BE.
  • 3. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) A Escola (RI) Dificuldades em gerir inclui a BE na tamanha quantidade e Novas instalações formulação e tipos de informação; decorrentes do desenvolvimento projecto de Dispersão de da sua missão; modernização das energias, escolas secundárias; especialmente num O prof. ano de instalação e bibliotecário tem reorganização(devido assento no C. às várias mudanças Pedagógico; Partilha de sucessos, de espaço…). insucessos e Organização da nova problemas ( com a BE. A BE deve ter um equipa, a direcção e programa forte, com a escola ); entrelaçado com o Projecto Educativo da Trabalho Escola. colaborativo e de Dificuldade em grande coesão na acompanhar as Equipa necessidades da nova Dinamizadora da oferta educativa da BE; escola (CNO, EFAs, CEFs e Profissionais ); A BE adequa os seus objectivos, recursos e Necessidade de actividades ao horário mais alargado currículo nacional ( abertura no período dos dois ciclos: nocturno ). básico e secundário;
  • 4. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) A BE dispõe de uma colecção variada, adequada aos gostos e interesses dos utilizadores; A BE dispõe de uma verba anual Escassez de recursos para o seu Repensar o papel da digitais; Definir documento Necessidade urgente de funcionamento, BE na sociedade da orientador da Politica diversificar os suportes; para renovação de informação; de Desenvolvimento equipamento e da Colecção; para actualização da colecção; Gestão da Colecção Necessidade de Actualização da O fundo reforço/actualização colecção, de acordo com documental está da área das Ciências e a diversidade cada vez organizado da nova oferta maior dos utilizadores. segundo um educativa da Escola, Diversificar os sistema de nomeadamente ligada suportes. classificação ao ensino não regular. normalizado, obedecendo à CDU e N.Portug. de Catalogação; Catálogo on-line; Parceria com a BIB. Parceria com a Municipal: catálogo Bib. Municipal; concelhio, partilha do GIB.
  • 5. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) Fundo documental 100% tratado; A BE promove difusão da informação: bole- tim , placards, blogue… Boa articulação/comu- Dificuldade em nicação da BE transformar com as estruturas informação em pedagógicas; conhecimento: Modelos de ensino condutistas dão lugar a Ensino de Produzir materiais A BE como espaço de modelos construtivistas, competências para Insistir nas parcerias Falta prática de educativos em conhecimento e centrados no aluno e no o uso da BE; desenvolvidas com trabalho colaborativo; trabalho colaborativo aprendizagem. Trabalho desenvolvimento de Área de Projecto, com os competências. Dificuldades em 12º ano; Excesso de reuniões Departamentos; colaborativo e articulado Trabalho envolver certos grupos de professores(cada com Departamentos e articulado com os disciplinares. vez se perde mais docentes. Departamentos e Reforçar o trabalho tempo na Escola com Novos recursos com as Áreas articulado com o burocracias e com o Continuar a apostar educativos, apoiados no Curriculares Não director de turma. “não essencial”…); na boa difusão da uso das TIC, num Disciplinares; informação. ambiente cooperativo. O PAA da BE é Mudanças muito parte integrante do rápidas. PAA da Escola;
  • 6. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) Desenvolvimento sistemático de actividades de promoção da leitura; Promoção de concursos com o Desenvolvimento de objectivo de competências promover a escrita Projecto Educativo Novas instalações; imprescindíveis para Formação para a leitura e Contribuir para o ,a oralidade e muito vago no papel Pressão dos exames a construção do para as literacias sucesso educativo e para outras literacias da BE e do nacionais(extensão conhecimento; o desenvolvimento das associadas ao acto desenvolvimento das dos programas….); literacias de ler; literacias; Projectos e linhas sistema de ensino imprescindíveis na nossa orientadoras do PNL valoriza sociedade. Parcerias com: Promoção da leitura e da RBE. excessivamente o Bib. Municipal V. em ambientes digitais. produto final. Preparar os nossos Conde alunos para um PNL mundo em mudança. Correntes d’Escritas, Póvoa de Varzim ; Encontros com escritores; Dificuldade em Usar os novos ambientes transformar BE e os novos ambientes como instrumentos informação em digitais. facilitadores das conhecimento; aprendizagens; inserir a
  • 7. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) BE nos novos ambientes Complexidade do e- digitais . Complexidade do ambiente; Envolvimento no e-ambiente. PTE; Falta de sentido Rentabilizar as crítico para ferramentas Web. questionar a informação da Web. A problemática da avaliação dos serviços A BE implementa e do impacto nas um sistema de aprendizagens é algo Aperfeiçoar os auto-avaliação do novo, que precisa de modelos de recolha Provar que a BE oferece seu desempenho e percorrer um longo Mais uma difícil e de evidências; Gestão de evidências/ soluções com impacto na divulga os caminho, até se tornar Esta formação. demorada tarefa para avaliação. qualidade das resultados junto numa prática habitual. a BE. Dedicar mais tempo a aprendizagens. da Comunidade recolher e tratar esses Escolar(C.Pedagó dados. gico e Conselho Geral). Dificuldade em monotorizar certos resultados.
  • 8. Conhecimento na área Biblioteca escolar (Sec. José Régio, Vila do Conde) Gestão da mudança SÍNTESE Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias Face à evolução do paradigma tecnológico, a BE passou a ser um espaço de trabalho e de construção do conhecimento. Qualidade das instalações e dos equipamentos; Segundo R.Todd, um espaço de Dificuldades em transpor para o contexto Continuar a contribuir para a promoção das knowledge ,connectios, actions educativo esta mudança de paradigma: esta aprendizagens ao longo da vida; contribuir and evidences. alteração não abarca apenas os conteúdos, mas para a globalização dos recursos informativos, Saber canalizar para a “nossa causa” todos os também a forma; tecnológicos e humanos. apoios: internos e externos; Tempo para desenvolver estas múltiplas Papel preponderante da BE na formação para tarefas. Potenciar sinergias. as literacias, para o acompanhamento curricular e nas aprendizagens dos alunos.

×