Eduardo Diogo Presidente do CONSAD - O CONSAD: Agenda Comum de  Gestão Pública – União e Estados - 2013
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Eduardo Diogo Presidente do CONSAD - O CONSAD: Agenda Comum de Gestão Pública – União e Estados - 2013

on

  • 1,518 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,518
Views on SlideShare
1,253
Embed Views
265

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

5 Embeds 265

http://www.fee.tche.br 156
http://www.fee.rs.gov.br 40
http://www.fee.com.br 25
http://intranet.fee.tche.br 24
http://jupiter 20

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Eduardo Diogo Presidente do CONSAD - O CONSAD: Agenda Comum de  Gestão Pública – União e Estados - 2013 Eduardo Diogo Presidente do CONSAD - O CONSAD: Agenda Comum de Gestão Pública – União e Estados - 2013 Presentation Transcript

  • O CONSAD: Agenda Comum de Gestão Pública – União e Estados
  • Agenda Comum de Gestão Pública: • • • • • • • • • • Eixo I – Modelos Jurídico-Institucionais da Administração Pública; Eixo II – Gestão de Pessoas; Eixo III – Tecnologia da Informação; Eixo IV – Compras Governamentais; Eixo V – Atendimento aos Usuários dos Serviços Públicos; Eixo VI – Gestão Patrimonial; Eixo VII – Planejamento, Monitoramento e Avaliação; Eixo VIII – Orçamento Público; Eixo IX – Gestão do Desempenho Institucional; Eixo X – Apoio à Melhoria e à Inovação Municipal.
  • São objetivos da Agenda Comum de Gestão Pública: • • • • • • Melhorar a qualidade dos serviços públicos disponibilizados aos cidadãos e ao setor produtivo; Melhorar a eficiência e a qualidade do gasto público no curto e longo prazo; Ampliar a capacidade de governança e implementação de políticas públicas Instrumentalizar as instâncias de participação social, contribuindo para que os cidadãos se tornem efetivamente partícipes na atividade pública; Contribuir para realização dos investimentos públicos que visem acelerar a competitividade nacional; e Promover a inovação e a gestão do conhecimento, assim como o seu compartilhamento entre as esferas de governo, a sociedade e o mercado.
  • • Fóruns • Congresso • Honrarias • Missões de Cooperação em Gestão
  • Grupos Técnicos: • • • • • • • • • • Pesquisa Salarial Perícia Médica Tecnologia e Informação Compras, Licitação e Contratos Gestão de Pessoas Recursos Humanos Concursos Públicos Cessão de Servidores Compras de Passagens e Afins Comunicação Social
  • Alianças Estratégicas: • CONSEPLAN • CONAPREV • CONFAZ • CLAD • Dentre Outros
  • A Construção Democrática das Políticas Públicas: • PPA / Planos de Longo Prazo Obrigação do Gestor Público: • Ouvir e Enxergar.
  • A Gestão das Políticas Públicas: • PROCESSO instrumento para se obter o RESULTADO com a maior eficiência e eficácia.
  • Princípios e Valores "X“ Ordenamento Restritivo: • • Para quem os tem, não carece Leis restritivas e proibitivas; Para quem NÃO os tem, não há Lei que impeça com que ajam na calada da noite...
  • Gestão Interfederativa: • COOPERAR E COMPETIR
  • Consolidação de Alianças Entre o 1º, 2º e 3º Setores: • AMPLIAR todos os espectros e vertentes de atuação da Gestão Pública.
  • Complementaridade Entre o Político e o Técnico: • Valorização, reconhecimento e respeito recíproco...
  • Meritocracia • Tema polêmico e controverso Serviço Público – Iniciativa Privada
  • Mérito - Conceito • Capacidade de cada um realizar determinada coisa ou se posicionar em uma determinada hierarquia, baseado nos seus talentos ou esforço pessoal. (Fonte: Lívia Barbosa – Meritocracia à brasileira: o que é desempenho no Brasil?)
  • Mérito Ambiente / Posicionamento PERFIS DE EQUIPES: SISTEMA SOLAR CONSTELAR • • • • • • • O brilho advém do líder Super valorização das idéias do líder Liderança baseada no poder A participação vem da obrigatoriedade Incentivo à inteligência individual Prevalece a competição • • • • • O brilho advém de todos os participantes Valorização da diversidade Liderança baseada em competência O compromisso surge com a participação Incentivo à inteligência coletiva Prevalece a cooperação
  • Mérito Ambiente / Posicionamento ASPECTOS DIFICULTADORES: • • • • • • • • Negação de erros e falhas Imagem agigantada ou apequenada de si Hiper-controle Manipulação de imagens Baixo autoconhecimento Modelos idealizados Imediatismo Relações de cumplicidade
  • Mérito Ambiente / Posicionamento ASPECTOS FACILITADORES: • • • • • • • • Humor e atitude lúdica Rapidez Antecipação e inovação Autoconhecimento Proatividade Mentalidade alargada Percepção dos ínfimos Atividade negativa
  • Desafio Central da Gestão: Governar é a Arte de Liderar Pessoas !!! • • • • O CUIDAR DO CAPITAL HUMANO... ATIVIDADE NEGATIVA... SOBERBA... ELEVAÇÃO DO NÍVEL DE CONSCIÊNCIA... MÃOS LlMPAS...
  • Gestão de Pessoas (Agenda Comum de Gestão Pública) Gestão de Pessoas é o mais importante da Agenda. Princípios e valores Liderança (Santa Tereza D’Avila): • Desapego • Amor • Humildade (Atividade Negativa)
  • Gestão de Pessoas (Agenda Comum de Gestão Pública) Resultado • Buscar índice de felicidade • Unifor - Ensinando e Aprendendo • GE – Se dá para Imaginar, dá para Fazer • Engendrar o Perfazer o Repentir Fechamento: Carlos…
  • MUITO GRATO! Eduardo Diogo Presidente do CONSAD