Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
  • Save
Dicas OHSAS 18002 | A Política de Segurança e Saúde no Trabalho
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Dicas OHSAS 18002 | A Política de Segurança e Saúde no Trabalho

  • 3,000 views
Published

Edição de Março/2013. …

Edição de Março/2013.
Para informações sobre o nosso próximo curso, acesse: http://bit.ly/cursoOHSAS18001

Published in Business
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
3,000
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. QSP – Centro da Qualidade, Segurança e Produtividade
  • 2. Associe-se ao QSP
  • 3. www.qsp.org.br Março/2013 Nesta edição: A Política de Segurança e Saúde no Trabalho Textos extraídos do Manual: OHSAS 18002:2008 - Diretrizes para a Implementação da OHSAS 18001:2007 Saiba mais: http://bit.ly/risktec12
  • 4. www.qsp.org.br Seção 4 - Requisitos do sistema de gestão da SST 4.2 Política de SST Texto da OHSAS 18001 (clique aqui para adquirir o manual em português com a OHSAS 18001:2007) A Alta Direção deve definir e autorizar a política de SST da organização e assegurar que, dentro do escopo definido de seu sistema de gestão da SST, a política: a) seja apropriada à natureza e escala dos riscos de SST da organização; b) inclua um comprometimento com a prevenção de lesões e doenças e com a melhoria contínua da gestão da SST e do desempenho da SST; c) inclua um comprometimento em atender, pelo menos, aos requisitos legais aplicáveis e a outros requisitos subscritos pela organização que se relacionem a seus perigos de SST; d) forneça o arcabouço para o estabelecimento e análise crítica dos objetivos de SST; e) seja documentada, implementada e mantida; f) seja comunicada a todas as pessoas que trabalhem sob o controle da organização, com o intuito de que elas tenham ciência de suas obrigações individuais em relação à SST; g) esteja disponível às partes interessadas; e h) seja periodicamente analisada criticamente para assegurar que permanece pertinente e apropriada à organização. Convém que a alta direção demonstre a liderança e o comprometimento necessários para que o sistema de gestão da SST tenha sucesso e alcance a melhoria do desempenho da SST. Uma política de SST estabelece um senso global de direcionamento e é a força motriz para a implementação e a melhoria do sistema de gestão da SST da organização, para que possa manter e potencialmente melhorar seu desempenho da SST.
  • 5. www.qsp.org.br Convém que a política permita que as pessoas sob o controle da organização compreendam o comprometimento global da organização e como isso pode afetar suas responsabilidades individuais. É responsabilidade da alta direção da organização definir e formalizar a política de SST. O envolvimento contínuo e proativo da alta direção no desenvolvimento e na implementação de uma política de SST é crucial. Convém que a política de SST da organização seja apropriada à natureza e à escala de seus riscos identificados e guie o estabelecimento dos objetivos. Para ser apropriada, a política de SST deveria:  ser consistente com a visão de futuro da organização, e  ser realista, sem exagerar na natureza dos riscos que a organização enfrenta, nem considerá-los triviais. Ao desenvolver a política de SST, convém que a organização considere:  sua missão, visão, valores e crenças principais,  a harmonização com outras políticas (corporativa, integrada, etc.),  as necessidades das pessoas que trabalham sob o controle da organização,  os perigos de SST da organização,  os requisitos legais e outros subscritos pela organização, relacionados aos seus perigos de SST,  o desempenho histórico e atual da organização quanto à SST,  as oportunidades e necessidades de melhoria contínua e de prevenção de lesões e doenças,  a visão das partes interessadas,  o que é necessário para estabelecer objetivos realistas e alcançáveis. A política, no mínimo, deveria incluir declarações sobre o comprometimento da organização com:  a prevenção de lesões e doenças,  a melhoria contínua da gestão da SST,  a melhoria contínua do desempenho da SST,
  • 6. www.qsp.org.br  o atendimento aos requisitos legais aplicáveis, e  o atendimento a outros requisitos subscritos pela organização. A política de SST pode estar conectada a outras políticas da organização. Convém que ela seja consistente com as políticas globais de negócios da organização e com suas políticas para outras disciplinas de gestão, como por exemplo a gestão da qualidade e a gestão ambiental. É recomendado que a comunicação da política auxilie a:  demonstrar o comprometimento da alta direção e da organização para a SST,  aumentar a conscientização sobre os comprometimentos assumidos na política,  explicar por que o sistema da SST foi estabelecido e é mantido,  orientar indivíduos a compreenderem suas responsabilidades e prestações de contas de SST (ver 4.4.2). Ao comunicar a política, convém fazer considerações sobre como promover e manter a conscientização das pessoas que estão ou estarão sob o controle da organização. A política pode ser comunicada de formas alternativas no que diz respeito ao texto da política em si, tais como através do uso de regras, diretrizes e procedimentos, cartões, pôsteres, etc. Ao comunicar a política, convém levar em conta questões como diversidade no local de trabalho, níveis de instrução, conhecimentos de línguas, etc. Fica a critério da organização determinar como deseja tornar a política disponível às partes interessadas, como por exemplo através da publicação da política em seu website ou através de cópias impressas mediante solicitação. Convém que, periodicamente, a política de SST seja analisada criticamente (ver 4.6), para assegurar que ela se mantém pertinente e é apropriada para a organização. As alterações são inevitáveis, uma vez que a legislação evolui e as expectativas sociais, crescem. Consequentemente, a política de SST e o sistema de gestão da SST da organização precisam regularmente ser analisados criticamente, a fim de assegurar sua eficácia e adequação contínuas. Se a política for alterada, convém que a política revisada seja comunicada a todas as pessoas que trabalham sob o controle da organização.
  • 7. www.qsp.org.br NOTA “Gestão da SST” significa: atividades coordenadas para dirigir e controlar uma organização no que diz respeito à Segurança e Saúde no Trabalho. Na próxima edição de abril/2013: Identificação de perigos, avaliação de riscos e determinação de controles (parte 1/3) _______________________________________________________ Curso Exclusivo do QSP Para mais informações, clique na figura ou acesse: http://www.qsp.org.br/auditor_18001.shtml