Arquitetura Corporativa e Gestão de Portfolio de Projetos<br />Atila Belloquim<br />Gnosis IT Knowledge Solutions<br />
TI e Negócio<br />10 entre 10 CIOs hoje estão preocupados com:<br />Alinhar TI ao Negócio;<br />Comprovar a relevância e c...
Problemas de Arquitetura<br />Problemas com a Estratégia<br />Estratégia desconectada da Operação<br />Dificuldades em com...
Problemas de Arquitetura<br />Gestão de Riscos realizada com informação incompleta<br />Falta de padrões em<br />Infraestr...
Projetos<br />A estratégia é implementada através de um conjunto (portfolio) de projetos<br />Instrumentos de mudança<br /...
Problemas com projetos<br /><ul><li> Projetos:</li></ul>duplicados;<br />sem prioridade alocando recursos escassos;<br />q...
Gestão do portfolio de projetos<br />PPM: Project Portfolio Management<br />Metodologia, técnicas e ferramentas para<br />...
PPM - Benefícios <br />Eliminação de projetos duplicados<br />Combinação de projetos gerando economias de escala<br />Elim...
PPM - Limitações<br />Garbage in,Garbage out...<br />Trata a priorização de projetos depois que foram sugeridos / requisit...
PPM – Limitações (cont.)<br />Análise de risco dos projetos pode ser falha ao ignorar a análise de impactos na arquitetura...
Como responder a essas questões?<br />Necessidade de manter uma Arquitetura Corporativa<br />“Enterprise Architecture”;<br...
Frameworks<br />Modelos que oferecem estrutura e elementos para sua implantação<br />Ferramentas para organizar e estrutur...
QUANDO<br />Tempo<br />POR QUE<br />Motivação<br />O QUE<br />Dados<br />COMO<br />Função<br />ONDE<br />Rede<br />QUEM<br...
Framework de Zachman – Exemplos<br />QUANDO<br />Tempo<br />POR QUE<br />Motivação<br />O QUE<br />Dados<br />COMO<br />Fu...
 UML / RUP
 Legado</li></ul>Modelo de<br />Tecnologia<br />(FÍSICO)<br />Representação<br />Detalhada<br />(REALIZADO)<br /><ul><li>G...
 Geração de Código</li></li></ul><li>Arquitetura Corporativa<br />( + Estratégia)<br />Arquitetura de Negócio<br />(+ Proc...
TOGAF 9<br />Iniciativa do “The Open Group”<br />Segue o TOGAF 8, primeira versão a tratar da Arquitetura Corporativa<br /...
O Architecture DevelopmentMethod(ADM)<br />O ADM<br />Provê um processo testado e repetível para desenvolver arquiteturas<...
Escopo<br />(CONTEXTO)<br />ZACHMAN linha 1<br />Modelo de<br /> Negócio<br />(CONCEITUAL)<br />ZACHMAN linha 2<br />Model...
TOGAF e as Arquiteturas<br />Domínios de Arquitetura (subconjuntos de uma Arquitetura Corporativa)<br />Arquitetura de Neg...
Iteração no ADM<br />
Utilidades da Arquitetura Corporativa<br />Análises de Impacto<br />Facilita a construção de cenários estratégicos e análi...
Benefícios de Negócio de uma Arquitetura Corporativa<br />Operação de TI mais eficiente<br />Custos menores de desenvolvim...
Problema<br />Diferentes esforços<br />Em diferentes áreas<br />BPM<br />COBIT – Governança de TI<br />PMBOK – PMO (às vez...
Metodologia<br />Estabelecimento das equipes de Governança de TI e Arquitetura Corporativa<br />Mapeamento das iniciativas...
Estratégia<br />Projetos<br />Processos de Negócio<br />Recursos Organizacionais<br />Tecnologia da Informação<br />Infrae...
Necessidades para a prática de Arquitetura Corporativa<br />Equipe de Arquitetura<br />Framework<br />Artefatos<br />Metam...
Ferramentas<br />A oferta de ferramentas integradas para automação dos processos de Arquitetura e a implantação do Reposit...
Fatores Críticos de Sucesso<br />Patrocínio da Alta Administração, especialmente de Executivos de Negócio<br />Correta com...
Mais informações?<br />Curso “Arquitetura Corporativa”<br />Conteúdo<br />Conceitos <br />Detalhamento dos Frameworks<br /...
TOGAF 9</li></ul>Implantação da Arquitetura Corporativa<br />
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Ae rio 2011 arquitetura corporativa e ppm - Gnosis

1,849 views
1,793 views

Published on

Palestra apresentada no Congresso AE Rio 2011 - Rio de Janeiro, Brasil

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,849
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
483
Actions
Shares
0
Downloads
95
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ae rio 2011 arquitetura corporativa e ppm - Gnosis

  1. 1. Arquitetura Corporativa e Gestão de Portfolio de Projetos<br />Atila Belloquim<br />Gnosis IT Knowledge Solutions<br />
  2. 2. TI e Negócio<br />10 entre 10 CIOs hoje estão preocupados com:<br />Alinhar TI ao Negócio;<br />Comprovar a relevância e contribuição da TI à competitividade do Negócio;<br />Mostrar que compreendem os Processos de Negócio e são capazes de otimizá-los através da TI;<br />Garantir que a operação de TI esteja alinhada com os objetivos de Governança Corporativa da organização;<br />Agilidade (produtividade) e qualidade;<br />Segurança.<br />
  3. 3. Problemas de Arquitetura<br />Problemas com a Estratégia<br />Estratégia desconectada da Operação<br />Dificuldades em comunicar a Estratégia<br />Mudanças na Estratégia baseadas em informação incompleta e sem Análise de Impacto<br />Problemas com os Processos de Negócio<br />Processos desconectados da Estratégia<br />Processos mal suportados por sistemas de informação<br />Mudanças em processos baseadas em informação incompleta e sem Análise de Impacto<br />Problemas com Sistemas de Informação e Infraestrutura Tecnológica<br />Dificuldade em avaliar a contribuição para as metas estratégicas<br />Mudanças em sistemas e infraestrutura baseadas em informação incompleta e sem Análise de Impacto<br />
  4. 4. Problemas de Arquitetura<br />Gestão de Riscos realizada com informação incompleta<br />Falta de padrões em<br />Infraestrutura tecnológica (hardware, software básico etc.)<br />Sistemas de Informação (aplicações e dados)<br />Redundâncias, dificuldades de consolidação de dados e informações, problemas de qualidade da informação<br />Processos de negócio – diferentes processos para tratar de situações semelhantes<br />Rigidez<br />Dificuldade, demora e alto custo para mudar e adaptar-se na velocidade necessária<br />Altos custos<br />Sinergias não aproveitadas<br />Falta de escala<br />Gestão de múltiplos fornecedores <br />Overhead em processos e projetos<br />
  5. 5. Projetos<br />A estratégia é implementada através de um conjunto (portfolio) de projetos<br />Instrumentos de mudança<br />Transformam a estratégia em práticas operacionais<br />Necessidade de implementar mudanças com<br />Baixo custo<br />Curto prazo<br />Baixo risco<br />Alta eficiência e eficácia<br />
  6. 6. Problemas com projetos<br /><ul><li> Projetos:</li></ul>duplicados;<br />sem prioridade alocando recursos escassos;<br />que ganham prioridade por razões puramente políticas;<br />contraditórios;<br />não alinhados com a Estratégia da Organização.<br />
  7. 7. Gestão do portfolio de projetos<br />PPM: Project Portfolio Management<br />Metodologia, técnicas e ferramentas para<br />Obter e documentar informações sobre projetos em curso e programados / demandados<br />Avaliar e comparar projetos em termos de <br />Alinhamento com o negócio<br />Risco <br />Retorno<br />Uso de recursos<br />Classificar projetos e alocar recursos a eles de acordo com a análise acima<br />Monitorar e controlar os projetos coletivamente<br />Projetos deixam de ser vistos e tratados individualmente e passam a ser vistos como uma carteira de projetos (portfolio)<br />
  8. 8. PPM - Benefícios <br />Eliminação de projetos duplicados<br />Combinação de projetos gerando economias de escala<br />Eliminação de projetos não-estratégicos<br />Redução da prioridade de projetos necessários mas menos importantes ou urgentes<br />Aumento da prioridade de projetos estratégicos mas de baixa visibilidade<br />Visão clara da interdependência entre projetos<br />Orienta a formação de equipes<br />Orienta a coordenação no tempo de diferentes projetos<br />Otimização da alocação de recursos e talentos<br />Habilidades das pessoas usadas onde contam mais<br />Visão clara do que deve ser feito pela “prata-da-casa” e o que pode / deve ser terceirizado<br />Identificação de necessidades de contratação e treinamento<br />
  9. 9. PPM - Limitações<br />Garbage in,Garbage out...<br />Trata a priorização de projetos depois que foram sugeridos / requisitados, ou mesmo quando já estão em andamento<br />Nada garante que não sejam outros os projetos realmente necessários<br />os projetos necessários podem nem ter sido sugeridos ou vislumbrados <br />É provável que o conjunto de projetos a gerenciar esteja “poluído” com inúmeros projetos irrelevantes / não-estratégicos, exigindo análise desnecessária<br />Projetos são comparados apenas entre si, sem levar em conta o que já existe na organização<br />
  10. 10. PPM – Limitações (cont.)<br />Análise de risco dos projetos pode ser falha ao ignorar a análise de impactos na arquitetura, e não só nos recursos alocados a projetos<br />Muitas iniciativas de PPM deixam o esforço de manutenção de fora (por não serem considerados projetos)<br />A manutenção pode ser responsável por até 90% do esforço de uma organização de TI<br />3,0<br />Projetos necessários<br />5,5<br />5,5<br />???<br />4,0<br />9,5<br />8,5<br />2,5<br />3,0<br />X<br />4,0<br />10,0<br />2,5<br />Projetos em andamento / sugeridos<br />
  11. 11. Como responder a essas questões?<br />Necessidade de manter uma Arquitetura Corporativa<br />“Enterprise Architecture”;<br />Também traduzida como “Arquitetura Empresarial”<br />Conteúdo: “Arquitetura Corporativa é a representação de todo comportamento que ocorre em uma organização, os dados processados, quem faz o quê, onde estão as coisas e por que as coisas são feitas” (Varveris & Harrison).<br />Processo: Conjunto de melhores práticas focadas na melhoria do desempenho através da estruturação das informações e visões integradas da estratégia, negócio, processos, sistemas e tecnologias.<br />Estrutura: Documentação centralizada em repositório que permita agilidade e segurança no momento das mudanças.<br />
  12. 12. Frameworks<br />Modelos que oferecem estrutura e elementos para sua implantação<br />Ferramentas para organizar e estruturar o conhecimento sobre a Organização derivado da Arquitetura Corporativa<br />Os frameworks de Arquitetura Corporativa mais conhecidos e importantes são:<br />ZACHMAN<br />TOGAF<br />
  13. 13. QUANDO<br />Tempo<br />POR QUE<br />Motivação<br />O QUE<br />Dados<br />COMO<br />Função<br />ONDE<br />Rede<br />QUEM<br />Pessoas<br />DEFINIÇÕES<br />PARA O<br />NEGÓCIO<br />FUNÇÕES<br />DE NEGÓCIO<br />LOCAIS DE <br />OPERAÇÃO<br />LISTA DE<br />ORGANIZA-<br />ÇÕES<br />PRINCIPAIS<br />EVENTOS DE<br />NEGÓCIO<br />METAS E<br />ESTRATÉGIAS<br />DE NEGÓCIO<br />Escopo<br />(CONTEXTO)<br />EVENTOS<br />DE<br />NEGÓCIO<br />PLANO DE<br />NEGÓCIO<br />MODELO<br />CONCEITUAL<br />DE DADOS<br />MODELO DE<br />PROCESSOS<br />DE NEGÓCIO<br />LOGÍSTICA <br />DO<br />NEGÓCIO<br />MODELO<br />ORGANIZA-<br />CIONAL<br />Modelo de<br /> Negócio<br />(CONCEITUAL)<br />ESTRUTURA<br />DE<br />PROCESSA-<br />MENTO<br />REGRAS DE<br />SISTEMAS<br />DE NEGÓCIO<br />MODELO<br />LÓGICO DE<br />DADOS<br />PROCESSOS<br />LÓGICOS DE<br />SISTEMA<br />ARQUITETURA<br />DE SISTEMAS<br />DISTRIBUÍDOS<br />INTERFACE<br />HUMANA<br />Modelo de<br />Sistema<br />(LÓGICO)<br />ARQUITETURA<br />TECNOLÓGICA<br />MODELO<br />FÍSICO DE<br />DADOS<br />PROCESSOS<br />FÍSICOS DE<br />SISTEMA<br />ARQUITETURA<br />DE <br />APRESENTA-<br />ÇÃO<br />ESTRUTURA<br />DE<br />CONTROLE<br />EXIGÊNCIAS<br />DO MODELO<br />FÍSICO<br />Modelo de<br />Tecnologia<br />(FÍSICO)<br />TABELAS E <br />ARQUIVOS<br />PROGRAMAS <br />(CÓDIGO)<br />ARQUITETURA<br />DE REDE<br />DEFINIÇÃO<br />DE TEMPO<br />ESPECIFICA-<br />ÇÃO DE<br />REGRAS<br />Representação<br />Detalhada<br />(REALIZADO)<br />ARQUITETURA<br />DE<br />SEGURANÇA<br />Framework de Zachman – Gnosis<br />*<br />P<br />R<br />O<br />J<br />E<br />T<br />O<br />S<br />* MODELO DE SERVIÇOS<br />
  14. 14. Framework de Zachman – Exemplos<br />QUANDO<br />Tempo<br />POR QUE<br />Motivação<br />O QUE<br />Dados<br />COMO<br />Função<br />ONDE<br />Rede<br />QUEM<br />Pessoas<br />Escopo<br />(CONTEXTO)<br />Missão, Visão, BSC<br />Modelo de<br /> Negócio<br />(CONCEITUAL)<br /> BPM (BPMN / IDEF)<br />Modelo de<br />Sistema<br />(LÓGICO)<br /> Engenharia de Software<br /><ul><li> CMMI
  15. 15. UML / RUP
  16. 16. Legado</li></ul>Modelo de<br />Tecnologia<br />(FÍSICO)<br />Representação<br />Detalhada<br />(REALIZADO)<br /><ul><li>Geração de DDL
  17. 17. Geração de Código</li></li></ul><li>Arquitetura Corporativa<br />( + Estratégia)<br />Arquitetura de Negócio<br />(+ Processos de Negócio)<br />Arquitetura de TI (ou de Sistemas de Informação)<br />(+ sistemas e dados)<br />Arquiteturas<br />Arquitetura de Tecnologia<br />
  18. 18. TOGAF 9<br />Iniciativa do “The Open Group”<br />Segue o TOGAF 8, primeira versão a tratar da Arquitetura Corporativa<br />Inclui uma Metodologia para construir e manter a Arquitetura Corporativa<br />ADM: Architecture Development Method<br />
  19. 19. O Architecture DevelopmentMethod(ADM)<br />O ADM<br />Provê um processo testado e repetível para desenvolver arquiteturas<br />Inclui o estabelecimento de um framework de arquitetura, o desenvolvimento de conteúdo arquitetural, a transição e a governança da realização das arquiteturas<br />É um ciclo iterativo de definição e realização contínuas que permite que as organizações se modifiquem de modo controlado para responder a metas e oportunidades de negócio<br />
  20. 20. Escopo<br />(CONTEXTO)<br />ZACHMAN linha 1<br />Modelo de<br /> Negócio<br />(CONCEITUAL)<br />ZACHMAN linha 2<br />Modelo de<br />Sistema<br />(LÓGICO)<br />ZACHMAN linha 3<br />Modelo de<br />Tecnologia<br />(FÍSICO)<br />ZACHMAN linha 4<br />TOGAF 9<br />Architecture Development Method<br />Portfolio de projetos<br />
  21. 21. TOGAF e as Arquiteturas<br />Domínios de Arquitetura (subconjuntos de uma Arquitetura Corporativa)<br />Arquitetura de Negócio – estratégia de negócio, governança, organização e processos-chave de negócio<br />Arquitetura de Dados – estrutura lógica e física dos ativos de dados de uma organização e seus recursos de gerenciamento de dados<br />Arquitetura de Aplicações – a “planta” para o emprego de sistemas de aplicação individuais, suas interações e seus relacionamentos com os processos de negócio centrais da organização<br />Arquitetura de Tecnologia – capacidades lógicas de hardware e software requeridas para dar suporte ao emprego de serviços de negócio, dados e aplicações; inclui a infraestrutura de TI, middleware, redes, comunicações, processamento, padrões etc.<br />
  22. 22. Iteração no ADM<br />
  23. 23. Utilidades da Arquitetura Corporativa<br />Análises de Impacto<br />Facilita a construção de cenários estratégicos e análises what-if<br />Permite descartar rapidamente opções estratégicas de alto custo / dificuldade<br />Permite realizar planejamento de longo prazo em termos de aquisição / construção / desenvolvimento de<br />Recursos Organizacionais<br />Competências Organizacionais<br />Análises de Risco<br />Reuso de componentes em vários níveis de granularidade<br />Redução de custos, prazos e defeitos / problemas<br />Redução da complexidade interna<br />Eliminação de redundâncias<br />Identificação de melhores práticas internas<br />Maior agilidade em mudanças<br />Agilidade e Risco Reduzido nas mudanças em processos de negócio (BPM)<br />Derivação de Portfolio de Projetos relevante<br />Disponibilização de informação relevante para os processos de Governança (Corporativa e de TI)<br />
  24. 24. Benefícios de Negócio de uma Arquitetura Corporativa<br />Operação de TI mais eficiente<br />Custos menores de desenvolvimento, suporte e manutenção de software<br />Aumento da portabilidade das aplicações<br />Melhoria da interoperabilidade e maior facilidade no gerenciamento de sistemas e rede<br />Melhor habilidade em tratar questões corporativas críticas tais como segurança<br />Maior facilidade na evolução e substituição de componentes de sistemas<br />Melhor retorno do investimento existente, risco menor para investimento futuro<br />Redução da complexidade da infraestrutura de TI<br />Máximo retorno do investimento na infraestrutura de TI existente<br />Flexibilidade em construir, comprar ou terceirizar soluções de TI<br />Risco geral reduzido em novos investimentos e custos de propriedade de TI<br />Aquisições mais rápidas, simples e baratas<br />Decisões de compra são mais simples, pois a informação dirigindo as aquisições está disponível em um plano coerente<br />O processo de aquisição é mais rápido – maximização da velocidade na aquisição sem sacrificar a coerência arquitetural<br />Habilidade para adquirir sistemas abertos heterogêneos de diversos fornecedores<br />
  25. 25. Problema<br />Diferentes esforços<br />Em diferentes áreas<br />BPM<br />COBIT – Governança de TI<br />PMBOK – PMO (às vezes fora da área de TI)<br />CMMI – TI<br />Gestão do Conhecimento<br />Frequentemente ignoram os aspectos mais importantes<br />Gestão de Pessoas<br />Gestão da Cultura Organizacional<br />Gestão da Política Organizacional (Relações de Poder)<br />
  26. 26. Metodologia<br />Estabelecimento das equipes de Governança de TI e Arquitetura Corporativa<br />Mapeamento das iniciativas<br />Governança Corporativa<br />BPM<br />Arquitetura Corporativa<br />Governança de TI (COBIT / ITIL)<br />Processo de software (CMMI)<br />Gestão de Projetos (PMO / PMBOK)<br />Estabelecimento do Direcionamento Estratégico<br />Centralização das Iniciativas<br />Estabelecimento do projeto de Governança de TI com Arquitetura Corporativa<br />
  27. 27. Estratégia<br />Projetos<br />Processos de Negócio<br />Recursos Organizacionais<br />Tecnologia da Informação<br />Infraestrutura Física<br />Tecnologias Operacionais<br />Competências<br />Serviços (SOA)<br />Máquinas e Equipamentos<br />Processos Industriais<br />Conheci-mentos<br />Gestão de Portfolio<br />Sistemas de Informação<br />Edificações<br />Propriedade Intelectual<br />Habilidades<br />Gestão de Programas<br />Infraestrutura Tecnológica<br />Atitudes<br />Gestão de Projetos<br />
  28. 28. Necessidades para a prática de Arquitetura Corporativa<br />Equipe de Arquitetura<br />Framework<br />Artefatos<br />Metamodelo<br />Método (ADM) customizado - Processos de Arquitetura<br />Repositório e Ferramentas<br />Governança <br />Estruturas<br />Processos<br />
  29. 29. Ferramentas<br />A oferta de ferramentas integradas para automação dos processos de Arquitetura e a implantação do Repositório está aumentando<br />Muitas organizações possuem uma ou mais dessas ferramentas e as utilizam em domínios restritos <br />Modelagem de Processos de Negócio<br />Desenvolvimento de Sistemas<br />Mapeamento da Infraestrutura<br />As ferramentas são muito diferentes entre si e de difícil integração<br />A organização deve “experimentar” a Arquitetura antes de comprometer-se com uma ferramenta<br />No mínimo com um projeto piloto<br />
  30. 30. Fatores Críticos de Sucesso<br />Patrocínio da Alta Administração, especialmente de Executivos de Negócio<br />Correta compreensão e gerenciamento da Cultura Organizacional e das estruturas políticas da organização<br />Definição de escopo viável<br />Equipe de Arquitetura treinada e com perfis adequados<br />Modelo adequado de estruturação do esforço de Arquitetura<br />Centralizado<br />Federativo <br />Centralização / coordenação de iniciativas (BPM, PMO, Governança(s) etc.) <br />
  31. 31. Mais informações?<br />Curso “Arquitetura Corporativa”<br />Conteúdo<br />Conceitos <br />Detalhamento dos Frameworks<br /><ul><li>Zachman
  32. 32. TOGAF 9</li></ul>Implantação da Arquitetura Corporativa<br />
  33. 33. Apresentação<br />Atila Belloquim<br />Bacharel em Ciência da Computação (IME-USP)<br />Mestre em Administração (FEA-USP)<br />Diretor da Gnosis – IT Knowledge Solutions<br />Vice-Presidente da SUCESU-SP<br />Docente do curso de pós-graduação em Gerenciamento de Projetos do Senac-SP<br />Primeiro profissional TOGAF 9 Certifiedno Brasil<br />Primeiro instrutor credenciado no Brasil a ministrar o curso oficial de TOGAF 9<br />Fundador e Presidente do Conselho do SPIN-SP<br />Fone: (011) 3170-3176 <br />e-mail: atila@gnosisbr.com.br<br />
  34. 34. Gnosis<br />Treinamento e Consultoria em <br />Arquitetura Corporativa<br />Modelagem de Processos de Negócio (BPM)<br />Governança de TI<br />Engenharia de Software e Modelos SEI/CMM, PSP e TSP<br />Parceiro da Architecting the Enterprise, maior empresa de treinamento e certificação em TOGAF do mercado mundial<br />Representante doSparx Enterprise Architect, ferramenta líder em Arquitetura Corporativa / Modelagem de Processos e Sistemas<br />Fone: (011) 3170-3176 <br />e-mail: atila@gnosisbr.com.br<br />gnosisbr.com.br (site)<br />atilabelloquim.com.br (blog)<br />
  35. 35. Pesquisa<br />Por favor, responda à pesquisa distribuída. Ela permitirá que comecemos a obter um maior conhecimento das melhores práticas em Arquitetura, Processos e Projetos em nosso país.<br />Obrigado!<br />

×