• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
AE Rio 2011 - SE7TI - Fernanda Baiao
 

AE Rio 2011 - SE7TI - Fernanda Baiao

on

  • 1,475 views

Palestra apresentada no Congresso AE Rio 2011 - Rio de Janeiro - Brasil

Palestra apresentada no Congresso AE Rio 2011 - Rio de Janeiro - Brasil

Statistics

Views

Total Views
1,475
Views on SlideShare
1,215
Embed Views
260

Actions

Likes
0
Downloads
65
Comments
0

2 Embeds 260

http://www.congresso-ae.com.br 259
http://congresso-ae.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • Por exemplo: Através das aplicações de business intelligende e data warehousing
  • Por exemplo: Através das aplicações de business intelligende e data warehousing
  • Por exemplo: Através das aplicações de business intelligende e data warehousing
  • Hoje olhando para um processo não sei dizer se ele atende os objetivos que deveria Como faço para garantir que um processo atende um objetivou ou parte de algum? O que estamos fazendo é ligar os processos com os objetivos através do indicadores Para isso definimos um método para modelagem de processos que garante a extração das métricas. a medição dos indicadores e a comparação com as metas a serem atinguidas.

AE Rio 2011 - SE7TI - Fernanda Baiao AE Rio 2011 - SE7TI - Fernanda Baiao Presentation Transcript

  • Instrumentos para Estruturação da Arquitetura Empresarial Fernanda Baião [email_address] Abril de 2011
  • Cenário Atual das Organizações
    • Principais Problemas com TIC
      • Pouca eficácia nas soluções de TIC para atender o negócio
      • Falta de flexibilidade e alto custo para adaptação dos sistemas às mudanças
      • Baixa qualidade das informações
        • Redundâncias não controladas, inconsistências
      • Múltiplas tecnologias
      • Necessidade de soluções de curto prazo
      • Necessidade de contínuo gerenciamento e adaptação às mudanças tecnológicas e do negócio
  • Por quê isto acontece?
      • Falta de visão a longo prazo
      • Má comunicação entre o nível estratégico o nível de implementação
      • Falta de conhecimento explícito e consensual sobre o que existe na organização
      • Mercado de tecnologias muito volátil e ágil para atendimento das exigências do negócio
  • Mas, como resolver estes problemas?
    • “ Conhecendo” e “descrevendo” a organização
      • Objetivos e metas, processos, conceitos e dados, sistemas e componentes, infraestrutura...
    • Estabelecendo um canal de comunicação
      • Conhecimento compartilhado
      • Linguagem comum
  • Triângulo Semiótico Símbolo (linguagem) “ Pessoa” “ É_Filho_De” Conceito (conceitualização) “ Coisa” (realidade) pessoa(Fernanda) pessoa(JoaoVictor) Pessoa(JoaoPedro) é_filho_de(JoaoVictor, Fernanda) é_filho_de(JoaoPedro, Fernanda) Pessoa é_filho_de
  • Arquitetura Empresarial Arquitetura Corporativa Arquitetura de Negócio Arquitetura da Informação Arquitetura de Sistemas Arquitetura de Tecnologia
  • Perspectivas...
    • “ Durante os próximos 3 a 5 anos, tendências no negócios e na tecnologia (excesso de informação, novos processos de negócio, crescimento de serviços e o poder crescente dos indivíduos) irão reforçar a necessidade de um foco mais profundo e claro na Arquitetura Corporativa (Empresarial), e de investimentos mais altos em pessoas, processos e tecnologia”
    • Gartner, Nov. 2007
  • Arquitetura Empresarial
    • “ O conjunto total de representações descritivas relevantes para a Organização, ou seja, os modelos necessários para criar uma Organização e para servir de base para suas mudanças”
    • John Zachman
    Arquitetura Corporativa
  • Arquitetura do Negócio Sistema Documento Produto O quê? Objetivo Obstáculo Por quê? Evento Quando? Localização Onde? Papel Departamento Quem? Processo Atividade Como? Meta
  • Arquitetura da Informação
    • Descreve e organiza toda a informação que trafega em uma organização
      • Níveis conceitual, lógico e físico
  • Arquitetura da Informação TbTurma Codigo Nome Curso Create table TbAluno (CPF char[11] ... ) partition t1 ... Modelagem conceitual Modelagem lógica Modelagem física Esquema conceitual Esquema lógico Esquema físico Banco de dados Requisitos de dados TbAluno CPF Nome TbAvaliação CPFAluno CodTurma Nota
  • Arquitetura de Sistemas
    • Mapeamento de todos os componentes de sistemas
      • para suportar o negócio e as atividades de uma organização
      • Para manipular as informações que trafegam na organização
    • Contempla
      • identificação de quais SI são necessários para suportar o negócio
      • desenho, construção (ou aquisição) e integração dos sistemas
    • Composta por
      • Arquitetura de Aplicações
      • Arquitetura de Integração
      • Arquitetura de Serviços
    Arquitetura de Sistemas
  • Arquitetura de Tecnologia
    • Objetivos
      • Escalabilidade, estabilidade, de custo mínimo, robustez
    • Também conhecida como arquitetura de infraestrutura
      • Muito próxima do operacional e produção da organização
    • Abrange todos os elementos para suportar TIC que devem ser operados no dia a dia, bem como software e processos para gerenciá-los
      • hardware, infraestrutura de rede, ambientes de desenvolvimento, plataformas de gerência de dados,...
      • Recursos que representam uma significativa parte dos ativos da organização
    • Influencia diretamente a implementação dos SI
    Arquitetura de Tecnologia
  • Zachman Framework
  • Processos para Arquitetura Empresarial
    • Construção da Arquitetura atual
    • Definição da Arquitetura futura
    • Manutenção das arquiteturas atual e futura
    • Definição de políticas e padrões
    • Prospecção de novas tecnologias
    • Participação em comitês
    • Avaliação da qualidade
    • Acompanhamento e medição de atividades
  • Abordagem
  • Alinhamento de Processos a objetivos Como avaliar se os processos estão alinhados aos Objetivos organizacionais?
  • Alinhamento de Processos a Objetivos
    • Conhecimento do planejamento estratégico
      • Matriz SWOT
      • Árvore de objetivos
      • Definição de indicadores e metas
    • Abordagem para modelagem de processos de negócio para extração e verificação dos indicadores e metas atingidas
  •  
  • Levantamento Automático de Processos de negócio a partir de Estórias Como tornar mais ágil o levantamento dos processos?
  • Levantamento de Processos de Negócio
    • Alto investimento no levantamento e representação dos processos de negócio
      • Tempo e recursos
    • Resultados inesperados
      • Modelos de processo “fora da realidade”
      • Modelos de processos desatualizados
  • Levantamento Automático de Processos de negócio a partir de Estórias
    • Group Storytelling
      • livre-expressão de conhecimento pelo usuário
      • colaborativa
    • Descoberta automática de conhecimento a partir de estórias
      • organização e aquisição do conhecimento externalizado
  • GroupStorytelling
  •  
  • Story Mining /22
  • Integração incremental de ferramentas legadas Como integrar o ambiente tecnológico já existente dentro de uma visão de AE?
    • Como lidar com a existência de um ambiente tecnológico legado (e funcionando) em uma iniciativa de EA?
      • Heterogeneidades
        • metamodelo, linguagem, ferramenta
  • Repositório de metadados Modelos Processos Modelos Lógicos ETL Catalogo Aplicações Serviços Repositório de Metadados Cubos DW Ontologias Bases de Dados
  • Integração entre modelos O que é CAMPO_3? Está condizente com a definição criada na corporação? Em quais atividades o conceito está sendo utilizado? Uma mudança na definição influencia quais processos? Quais tabelas? Repositório de Metadados Atendente
  • Repositório de metadados + integração entre ferramentas
      • Definição (metamodelo) compartilhada
      • Consistência
      • Rastreabilidade
      • Análise do impacto das mudanças
      • Integração incremental
  • Derivação de artefatos de TI a partir de modelos de negócio Como promover que as soluções de TI sejam alinhadas ao Negócio?
  • Derivação de artefatos de TI a partir de modelos de negócio
    • Derivação da arquitetura de informação a partir de modelos de processos de negócio
    • Derivação de requisitos (funcionais e não funcionais) de sistemas a partir de modelos de processos de negócio
    • Derivação de serviços a partir de modelos de negócio
  • Exemplo
  • Exemplo Informações Informações Cada elemento terá associado a ele um diagrama conceitual.
  • Derivação para o modelo conceitual
    • Identificando as entidades
      • Procurar no diagrama e nas descrições conceitos relevantes
      • Os elementos que representam informações (clusters, glossário) são fortes candidatos a serem entidades
    Entidades identificadas:
    • Identificando os relacionamentos
      • Procurar no diagrama e nas descrições relacionamentos entre as entidades identificadas
    Derivação para o modelo conceitual
        • Toda demanda possui no máximo um assunto associado a ela.
    • Identificando os atributos
      • Procurar nas descrições os atributos identificados e classificá-los por entidade.
    Derivação para o modelo conceitual Representa uma demanda com descrição, projeto, data de solicitação, data máxima para entrega, justificativa, data de cancelamento e anexos.
  • Modelo conceitual
    • O elemento Demanda associado a um diagrama conceitual de dados
  • Requisitos - Definição
    • Requisito de Negócio
      • Uma necessidade do negócio para que o usuário possa resolver um problema ou atingir um objetivo
    • Requisito do Software
      • Mapeamento do requisito de negócio em direção à solução em um sistema
        • Casos de uso: descreve a sequência de ações executadas pelo sistema que oferecem um resultado para o usuário
  • Elicitação de requisitos a partir do modelo de processos Modelo de Processos de Negócio Requisitos de sistema Objetivo Estratégia Missão Regra de negócio Indicador Risco Sistema Tecnologia Infraestrutura Produto Informação Dados externos Termo Localização Papel Departamento Estrutura organizacional Competência Evento Processo Atividade Processo de negócio
  • (Dissertação de mestrado - MacKnight, 2004)
  • Exemplo
  • Exemplo
  • BPM & SOA Processo de negócio Fazer pedido CRM Vendas Financeiro Atender cliente Identificar cliente Registrar pedido Encaminhar pedido Enviar cobrança Visão do processo Visão do serviço Exemplo: Sistemas apóiam o processo Serviço Serviço Serviço Serviço Serviço Serviço Serviço Serviço Serviço
    • Serviços podem ser identificados a partir de:
      • Fluxo de processos
        • Estruturas do fluxo
        • Padrões que se repetem no fluxo de mais de um processo
      • Atividades:
        • Informações de entrada e saída
        • Regras de negócio
        • Requisitos de negócio
    Onde estão os serviços no modelo de processos? X
  • AE para Transparência Organizacional A Arquitetura Empresarial tem um papel determinante para tornar uma Organização transparente!!!
  • Cenário
    • Alta demanda por transparência
    • (no contexto Organizacional)
  •  
  •  
  •  
  •  
  • Cenário
    • Mas o que é Transparência Organizacional ?
    • Como...
    • buscar, garantir, medir, verificar...
  •  
  •  
  •  
  • AE para Transparência Organizacional
    • Estabelecimento do conceito de “Transparência Organizacional” e de um modelo de maturidade
  • Transparência Organizacional
    • Operacionalização da Transparência Organizacional se dá através da inserção de práticas de
    • acesso, uso, qualidade da informação, entendimento e auditabilidade
    • em 2 vertentes
    Arquitetura de Negócio Arquitetura da Informação
  • “ Degraus” da Transparência
    • Sua organização é transparente?