Alimentação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Alimentação

on

  • 1,925 views

 

Statistics

Views

Total Views
1,925
Views on SlideShare
1,921
Embed Views
4

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

1 Embed 4

http://linguasdestravadas.blogspot.com 4

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Alimentação Alimentação Document Transcript

  • Alimentação e Actividade Física Trabalho realizado por: _ Diogo Rodrigues – nº 5 _ Nicole Perpétuo – nº 12 Turma: 6º D Professoras: Célia Filipe & Adelaide Jesus
  • Índice: - Introdução; - Alimentação saudável; - Doenças causadas pela má alimentação; - O que causa a obesidade; - Causas da obesidade (factores de risco); - Consequências da obesidade infantil; - Como combater a obesidade; - O que é a segurança alimentar; - Conclusão; - Bibliografia;
  • Introdução Este trabalho foi desenvolvido no âmbito da disciplina de Área de Projecto. O mesmo é sobre a “Alimentação e Actividade Física”. Eu acho que pode ser bom realizá-lo para conhecer as causas e consequências da obesidade e outros.
  • Alimentação saudável A alimentação saudável é uma grande aliada para se viver melhor. Quem tem preocupação com a saúde escolhe alimentos saudáveis. Actualmente vivenciamos uma grande transição alimentar, onde se deixou de consumir alimentos naturais para sermos bombardeados de alimentos industrializados, com conservantes, aromatizantes, agro tóxico e etc. Mas a matéria-prima para o nosso organismo funcionar adequadamente são os nutrientes, que infelizmente estão a ficar esquecidos na alimentação dos nossos dias. Nada como uma quantidade adequada de vegetais e frutas para ajudar o nosso corpo a deitar fora tudo o que não presta. Actualmente são poucos os alimentos saudáveis na mesa da população e o risco de apanhar doenças é maior. Comer apenas salada com peito de frango grelhado, por exemplo, não é uma alimentação saudável. Existem muitos alimentos saudáveis que podem ser combinados. Basta querer conhece-los melhor e ter vontade de alterar o comportamento alimentar.
  • Doenças causadas pela má alimentação: Gastrite: é uma inflamação a mucosa do estômago, que podemos classificar de aguda ou crónica. Diabetes: é uma doença caracterizada pela falta de produção ou produção insuficiente de insulina. Hipertensão: ocorre quando os níveis de pressão arterial se encontram acima dos valores de referência para a população em geral. Obesidade: é uma doença caracterizada pelo acumulo excessivo de gordura corporal, associado a problemas de saúde. Colesterol elevado: é gordura que se situa na corrente sanguínea que pode ocasionar entupimento de veias e artérias causando o enfarte e o derrame.
  • O que causa a obesidade O excesso de gordura resulta de sucessivos balanços energéticos positivos, em que a quantidade de energia ingerida é superior à quantidade de energia dispendida. Uma dieta hiperénergética, com excessos de gorduras, de hidratos de carbono e de álcool, adiada a uma vida sedentária, leva à acumulação de excesso de massa gorda. Causas da obesidade (factores de risco) Factores energéticos; Factores ambientais; Factores psicológicos;
  • Consequências da obesidade infantil: - Problemas de ossos e articulações; - Alterações no sono; -hipertensão, colesterol e enfermidades cardiovasculares; - Distúrbios hepáticos; - Baixa auto-estima, isolamento e descriminação; - Problemas superficiais; - Ocorrência de diabetes; Como combater a obesidade Para combater a obesidade devemos ter força de vontade e querer mesmo emagrecer. Devemos ter uma alimentação equilibrada e colorida, isto é comer de tudo um pouco de tudo, mas moderadamente e fazer exercício físico pelo menos 2 ou 3 vezes por semana.
  • O que é a segurança alimentar Segurança alimentar é definida como um conjunto de regras de produção, transporte e armazenamento de alimentos com determinadas características físico-químicas, microbiológicas e sensoriais padronizadas, segundo as quais os alimentos seriam adequados ao consumo. São regras que os países definem para seguir os mesmos princípios em termos comerciais e sanitárias. Daí que alguns países adoptam "barreiras sanitárias" a matérias-primas agropecuárias e produtos alimentícios importados.
  • Conclusão Este trabalho ajudou-me, a mim e talvez ao Diogo, a saber alimentar melhor e moderadamente. Espero também que, com a apresentação deste trabalho, todos vocês tenham também sido ajudados a alimentar-se melhor, mas também sei que comer um doce uma vez ou outra não faz mal a ninguém.
  • Bibliografia http://www.eb1- faralhão2.rcts.pt/gruposalimentos.htm http://pt.wikipedia.org/wiki/Seguran%C3%A7a_al imentar http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?196 http://br.guiainfantil.com/obesidade-infantil/127- consequencias-da-obesidade-infantil.html