Hi Dad - Traduzido pt-br
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Hi Dad - Traduzido pt-br

on

  • 5,759 views

Este livro conta o maravilhoso relato de Frank S. Land, um homem que favoreceu e ajudou um jovem como e em tanto agir, fundou a Ordem DeMolay que ainda hoje está fazendo do nosso mundo um lugar ...

Este livro conta o maravilhoso relato de Frank S. Land, um homem que favoreceu e ajudou um jovem como e em tanto agir, fundou a Ordem DeMolay que ainda hoje está fazendo do nosso mundo um lugar melhor para viver.

Statistics

Views

Total Views
5,759
Views on SlideShare
5,751
Embed Views
8

Actions

Likes
1
Downloads
163
Comments
0

1 Embed 8

http://www.slashdocs.com 8

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Hi Dad - Traduzido pt-br Hi Dad - Traduzido pt-br Document Transcript

  • Frank Sherman LandINTRODUÇÃOEste caderno de Estudo DeMolay, Frank Sherman Land - um relato sobre a Ordem DeMolay foielaborado pelo Centro de Estudos DeMolay Angelino Fernandes de Oliveira Reis. Conta omaravilhoso relato de Frank S. Land,um homem que favoreceu e ajudou um jovem omo e em tantoagir, fundou uma organização que ainda hoje está fazendo do nosso mundo um lugar melhor paraviver.Fundada em 1919, a Ordem DeMolay uma Organização destinada à construir caráter em jovensajudando-os a crescerem e amadurecerem com competência, construindo e conduzindo chefes,reforçando para s~mpre nossa sociedade global. Em 1994, a Ordem DeMolay comemorou seu 75°aniversário e continua oferecendo aos jovens um meio de desafio e recompensa, assim como fez nodecorrer dos anos da Organização.Este Caderno de Estudos DeMolay foi escrito sobre Frank S. Land, sua vida, e sua fundação OrdemDeMolay. O relato de sua vida e da Ordem DeMolay estão tão interligadas que elas são contadasjuntas.Parte do texto foi escrito pelo Reverendo Herbert E. Duncan, agora já falecido, mas era umconfidente, e amigo pessoal de Frank Land. Reverendo Duncan foi ele próprio um membro daOrdem DeMolay como um jovem e a tempo escreveu parte deste. Conheceu de dentro e de fora asintimidades da Organização. Seu texto é muito real no conteúdo, como ele relata pesadamente nasentrevistas com pessoas que eram íntimos de Frank Land, como sua irmã e funcionários de FrankLand dos departamentos do escritório central DeMolay. Ele também se utilizou dos arquivoshistóricos da Ordem DeMolay. E, é lógico, relata sua vivência pessoal com Frank S. Land e oDeMolay.Herbert Duncan conta sua narrativa de modo imprevisível, fazendo o leitor sentir como se elestivessem interesse pessoal nos acontecimentos. Seu prêmio como contador de relato fez dele umsucesso na sua escolha profissional e este mesmo prêmio serviu-lhe bem ao escrever parte destetexto. Quer o leitor seja um membro DeMolay, um antigo DeMolay, um interessado aluno deHistória, ou alguém somenteProcurando uma boa leitura, este Caderno de Estudos favorece aqueles que buscam conhecimentos.Frank S. Land era sinceramente um grande homem, um orgulhoso americano, e uma pessoa queveio para ser conhecido por milhões, simplesmente como "Papai". O caráter da vida de Frank Landcontinua a impressionar positivamente, gerações após gerações de pessoas jovens. Jovensprocurando pelo melhor de si mesmos através de competições das lições e exemplos os quais elepróprio viveu.Profundamente dedicado e nascido de uma família modesta, ele concluiu a Escola de 2° Grau aoencargo do auxilio deles. De um restaurador de sucesso, um diretor da Masonic Social ServiceAgency, um graduado do Kansas City (Missouri) Art lnstitute e, mais tarde na vida Presidente deKansas City School Board. Assim como contém no subtítulo do livro, a melhor façanha do PapaiLand é a fundação da Ordem dos DeMolay. Um relato contado com riqueza, e uma narrativa deleitura bem valiosa.Sentimo-nos honrados em ser capaz de moldar-lhes em poucas palavras de apresentação a respeitode Herbert Duncan e Papai Land. POR DEUS - PELO PAÍs - PELO DeMOLA YCentro de Estudos DeMolay Angelino Fernades de Oliveira Reis
  • CADERNO DE ESTUDOS DEMOLAY - VOL.IUma Biografia de Frank S. LandPublicado pelo Centro de Estudos DeMolay Angelino Fernandes de Oliveira ReisApoioEditora Maçônica "A Trolha"PREFÁCIOA escolha de páginas escritas pelo Reverendo Herbert E. Duncan, um dos" meninos" de FrankLand, representam mais do que detalhes obrigatórios, a vida e ações de Frank Sherrnan Land - desua juventude para sua morte desta vida a uma vida de grandiosa compreensão. Conta o relato dealguém interessado no equilíbrio de si mesmo como um garoto em teologia. Alguém que dedicousua vida a ensinar meninos e jovens muitas vezes não alcançados, mas continuamente depoisprocurados, são valores da vida Cristã. "Papai" Land, um homem de abundante recurso espiritual,dedicou sua vida a ensinar aos jovens os verdadeiros valores das sete virtudes cardeais da OrdemDeMolay."Papai" Land, respeitado Maçom e Shriner, era uma inspiração para todas aquelas vidas as quaisimpressionou. Seu modo de vida exemplificou os verdadeiros pensamentos e valores religiosos. Eleviveu sua vida pelos princípios os quais ele ensinou; de fato sua vida era uma vida de louvor."Minha sociedade com ele era um privilégio, meu tesouro; ele era meu mais verdadeiro amigo. Suamorte produziu um tremendo vazio no DeMolay, Maçonaria e no Shrine*** . Inúmeros membrosdessas organizações são melhores homens por tê-Io conhecido; sua memória, sua inspiração e seusensinamentos viverão para sempre".O autor deste comovente retrato em palavras nasceu em Kansas City e esteve ativo desde cedo notrabalho DeMolay . Herbert Duncan foi Mestre de sua Loja Maçônica em 1934 e estudou soborientação do Dr. Burris Jenkins, um notável teólogo e jornalista, fundador Presidente doTransylvania College. Herbert foi ordenado em 1932 e serviu varias congregações de igrejas; suaultima como ministro da Westminster Congregational Church em Kansas City. Ele serviu comoGrande Capelão superior da Grande Loja Maçônica do Missouri, Grande Capelão do SupremoConselho International da Ordem DeMolay e Capelão do Ararat Temple da Shrine. Durante aSegunda Guerra Mundial ele serviu como Capelão da Terceira Infantaria do Missouri como Major.Ele também era em Kansas City um arquiteto renomado e um membro da American Institute ofArchitects. Ele tinha escrito um livro para DeMolay sob o título, "Vivendo hoje pelo amanhã", oqual é uma coletânea de suas conversas antes dos Acampamentos e Conclaves DeMolay.Herbert Ewing Duncan passou pela "Mais bela aventura da vida" em 15 de setembro de 1972.Atuante até o final, seu sermão de 17 de setembro foi catalogado ·na pagina de Church de KansasCity Star o dia de seu Serviço Comemorativo da Country Club Christian Church, atendeu mais de2.500 pessoas.A observação editorial apareceu no The Star sábado, 16 de setembro.Ou era arquitetura, religião ou o encorajamento de jovens, o recentemente falecido Herbert Ewir1gDuncan deu toda sua capacidade para o programa em primeiro plano de uma vida ocupada. Este seutalento era de uma magnitude mais do que o alcance de muitas pessoas. Herbert Duncan nuncafalou nada à respeito para os outros, e possivelmente também não tinha interesse nisso.Não havia necessidade para ostentação; o registro do premio-vitorioso projeto de jardim do VillageGreen, o primeiro de trezentos lares em Leawood e quatro apartamentos de alto padrão em Country
  • Club Plaza ele fez para si no campo da arquitetura. Como um ministro disciplinado com BurrisJenkins, ele tinha influência na vida de centenas de homens, mulheres e crianças e permanecendofiel aos ideais de uma fé divina Cristã para o indivíduo e congregação mas nunca sob domínio deuma autoridade eclesiástica Superior.No DeMolay, Shrine e outras atividades da Loja Maçônica, Herbert E. Duncan atingiu além deKansas City o reconhecimento nacional apenas expandindo o número de pessoas os quais estavampreparados para os testes de suas próprias habilidades e para amar o homem que os tinha guiadopara isso. Eternamente um cidadão de Kansas, o Reverendo Herbert E. Duncan era um cavalheiro"de muitas formas" com uma vida de realizações.Ele está representado por sua amada esposa, Evelyn, e uma maravilhosa família de três filhos e oitonetos.O contato com o "story-tellers" de Herbert Duncan um presente que o transformou num doshomens mais amado e admirado no DeMolay e em todas as outras fases da sua vida privada, cívica,religiosa e Maçônica.Papai Land "vive novamente" em uma nova dimensão através da caneta de Herbert Ewing Duncan.GEORGE M. SAUNDERS Ex-Grão MestreGande Secretário Emérito Supremo Conselho Internacional da Ordem DeMolay*** Ordem fraternal de origem Árabe, da qual participam membros do Grau 31 e acima naMaçonaria mericana, cuja finalidade é de cuidar de uma rede de hospitais próprios. Teve origem em1870, possui hoje um milhão de membros e oitocentos hospitais. Conhecida no Canacti, Havaí,México e Estados Unidos.
  • CONTEUDO Prólogo 07PARTE IO ramo é tão flexível 09Os anos de formação 12Nove meninos e um homem 22Assim faço promessa e juramento 32Quando um sonho escraviza um homem 39O DeMolay avança para fora 44PARTE IIProjetos no Trestle Board 52Um santuário para a juventude 65 9. Não preste atenção no céu acinzentado 76 10.Novas fronteiras 86 11. Com as mais elevadas honrarias : 99 12.Extraordinarialuente cidadão 113 13.É o início 126PARTEm 14.Em recordação 133 15.Eslas lelubranças Papai Land 143 16.Através dos anos 155 Dedicatória , 158 "FRANK GOSTA DE MIM APESAR DE MINHAS FALHAS, E EU GOSTO DELE PORQUE ELE NÃO TEM NENHUMA. " Harry S. Truman
  • PROLOGOO relato da vida de Frank Sherman Land é a história da Ordem DeMolay. Uma não seria completasem a outra. A vida do homem e a história da Ordem por ele criado tornou-se uma simples entidadeonde os anos passados combinados com o presente e com a promessa dos anos que aproximam-se.Nos dias de formação, quando a história da Ordem estava sendo feita e não escrita, Frank Landserviu como Conselheiro do Capítulo Mãe, o primeiro Capítulo DeMolay no mundo. Ele conheceucada membro individualmente e guiou cada garoto dentro das atividades ele sentiu que seriaajudado em sua evolução. Sua personalidade calma permitiu exteriorizar o melhor de toda vida, suavida íntegra. Um jovem candidato ajoelhando diante do altar do Capítulo tem a sensação dapresença de Frank Land e como um realizador que daquele momento em diante possuía um amigoque acolheria sua vida com profundos interesses através dos anos. Cada menino encontrou fácil - acoisa natural - para chama-Io de "papai", pouco imaginando que nos anos futuros, legiões dehomens em todos os caminhos da vida iriam portanto direcionarem para ele - líderes das artes eprofissões, Congressistas, Senadores, Govemantes, e Presidentes de Nações.Como a Ordem cresceu, muitos relatos eram contados em viagens para novas instituições deCapítulos e para membros iniciados em Graus. Os membros mais jovens ouviam com interessequando os membros mais velhos contavam-lhes sobre suas viagens e suas aventuras. O serviço deinstituição em New York City tiveram suas especiais atenção. Era assistido no Metropolitan GrandOpera House onde milhões se amontoavam dentro de uma estrutura espaçosa e magnifica que tinhaacomodado muitos cerimoniais de pompa e beleza. Assim os meninos diziam, a equipe empossadaestava exausta depois do atendimento que eles tinham incluído em suas viagens à New Englandpara instituição de Capítulos em Boston, Connecticut, New Jersey e Washington, D.C. com apresença do Presidente Warren G. Harding e um convidado de honra.Frank Land conheceu seus meninos. Ele estava atento para as necessidades de descanso, que seusmeninos queriam para esticarem as pernas e conhecerem a cidade. Chamando-os todos juntos, eledisse: "Agora companheiros, sei que vocês querem conhecer New Y ork. Esta é a oportunidade quevocês terão. Tenham uma boa diversão, retomem para o hotel lá pelas 11:00 horas e sugiro que nãofaçam passeios nas proximidades de Bowery a esta hora da noite.""Papai" Land voltou para o hotel junto com os Conselheiros do grupo, Frank Marshall, JohnPfahier, Percy Búdd, Juiz Cochran, e vários outros. À meia noite ele bateu na porta de FrankMarshall. "Frank" ele disse, tive que verificar todos os quartos e não há nenhum dos meninos nacama ou no hotel. Onde você acha que eles estão)Marshall respondeu, "acho que sei onde eles estão. Você disse para estarem de volta lá pelas 11: 00horas. Eles provavelmente pensaram que você tencionou dar-lhes mais uma ou duas horas. Masvocê também disse-lhes que havia uma área da cidade em que eles não deveriam ir. Onde você achaque eles estão? Onde você iria se tivesse a idade deles após semelhante advertência?" "Pegue seuchapéu" disse Land, "traga os outros. Vamos para Bowery."Caminharam durante uma hora pelas ruas. Não tinham visto nenhum sinal de DeMolay. Então, como badalar de sinos e o barulho de uma sirene, um "Black Maria" do Departamento de Polícia deNew York parou debaixo da iluminação da rua. Jogos de braços jovens eram empurrados através dabarra da janela. Eles estavam acenando e um alegre e vigoroso, coro gritou num só som," Oi,Papai."De volta ao hotel os meninos explicaram que tinham andado pela cidade sem saber onde estavamaté um policial os pararem. Os oficiais os reconheceram de fotos e documentos trazidos com eles echamou carros de polícia para escoltarem-nos num passeio. Quanto eram valiosos aqueles veículosusados para transportarem prisioneiros para a cadeia, eram utilizados nas rondas.Um dos meninos disse," Papai, o único modo de ver New York é através das barras das janelas deum vagão de segurança. Tente alguma vez."
  • Anos depois, Frank Land, falou de sua emoção e extremo desapontamento quando viu "seus"meninos num camburão. Ele sempre teve orgulho em dizer que nenhum DeMolay nunca tinha tidoproblemas com a polícia - mas eles estiveram num camburão. Então ele sorriria e diria que asmelhores palavras de boas vindas ouvidas em toda sua vida foram aquelas ditas por seus meninossaudando-o jovialmente com ... "ai, Papai."PARTE I1. O RAMO É TÃO FLEXÍVELFrank Land diria anos mais tarde, após ter visto milhões de jovens crescerem dentro dahumanidade, que "o início é que mais importante. Os anos primários servem de base à qual umavida será construí da. Se ideais sadios fazem parte de um jovem então os anos de maturIdaderadiarão ideais sadios, esforço benéfico e atividades vantajosas." Em sua própria vida, as qualidadesde uma força rara para provocar aspirações humanas e um senso na organização de ideais estavamsempre presentes, assim como em uma criança.Num sábado a tarde, no ano de 1900, na hora de Vespers, um conjunto de crianças deram origem aassembléia no porão da casa de Land na A venue Euclid nO 1239 em St. Louis, Missouri. Durantetodos os meses de inverno e verão tinham constante freqüência para um raro serviço da igrejaconduzido por um de seus membros, Frank Land, dez anos. Neste domingo, como sempre eradiferente. Um artigo tinha aparecido no jornal local durante a semana passada com- fotos e umrespectivo editorial como manchete " A exemplo ocidental o encerramento da Escola de Domingo écomandada por jovens meninos." Esta publicidade trouxe um número tão grande de interessados ecuriosos que eles se aglomeravam nos cantos mais distante da sala. Elas eram geralmente crianças,com um pouco de curiosidade de adulto, todas aguardando pelo início da cerimonia religiosa.A sala era típica de uma área de porão da época com defeitos, paredes de pedras nativas, no pisosuspensas vigas de madeira expostas, uma fornalha redonda com trama de toldos de aquecimentoestendendo pelas partes superiores das salas, e um espaçoso depósito de carvão num canto.Acomodação com velhas cadeiras em vários estágios de descuido, um quadro enferrujado repousasobre um caixote de laranja e alguns pranchões formando o cume sobre os tijolos aparentes. Numcanto transversal ao depósito de carvão estava um órgão pequeno doado por um executivocomerciante de medicamentos. Em frente estava uma bandeira Americana com 45 estrelas. A áreacentral era ocupada por uma mesa Victorian com pernas ornamentais, acabamento em garras demetal prendendo bolas de vidro que terminam num surrado e manchado tapete. Sôbre a mesa haviauma tapeçaria aveludada sôbre a qual repousava um usado marcador manual de Bíblia, fornecidopela perfeita comitiva da Escola de Domingo. A cópia de um revisor McGuthrie tinha sido colocadono canto esquerdo da mesa e à direita um vaso com flores do jardim. Suspenso na parede estavamletras impressas em crayon com regras e lema da "Euclid Avenue Congregational Sunday School."1. Nenhum barulho será permitido na Euclid Avenue Sunday School.2. Comparecer nas reuniões da Sunday School.3. Estudar a lição.4. Não conversar na igreja ou na Sunday School.5. Esteja alerta. Se possível, sempre estar em seu lugar para saudar seus colegas enquanto elesentram.6. Eleger oficias todo ano.7. Não rir no momento das orações.8.Se obrigado à se ausentar, assegure um substituto.
  • 9. Coloque Cristo na lição.10. Nenhuma desordem.Lema "Lembre-se o dia de Sábado é para ser guardado como dia Santo."As cadeiras eram colocadas em vários pontos da sala para os oficiais que conduziam o início dasorações e o canto dos hinos. Esses oficiais eram Norman Merrill, presidente; Walter Merrill, vice-presidente; Albert Dempsey, superintendente; Sylvester Ethrington, tesoureiro; Oran iVIiller,organista; e Johon Lively, escriturário. Os meninos eram sinceros. Essas reuniões de igreja, paraeles, não era brincadeira e sim um serviço de profundo significado e devoção.Assim o serviço progrediu, uma silenciosa expectativa preencheu a sala do porão enquanto osjovens adoradores aguardavam o aparecimento de Frank Land, o "Pequeno Ministro." Então nomomento dramático ele surgiu do depósito de carvão, uma das mãos estava guardada em sua blusacontra seu tórax do modo de ministro de sua igreja. Ele estava menosprezando debaixo daeminência proporção para sua idade com seu cabelo repartido no lado esquerdo, um colarinhoportando uma gravata azul na parte superior, e uma vasta lapela de um casaco de lã. Ele usava umfino sapato de amarrar, meias pretas e calças no comprimento dos joelhos. Através de seus olhosazuis mostrava o profundo senso intenções mantendo a atenção daqueles da sala. Agora este tímidomenino que freqüentemente estava amedrontado em recitar numa sala de aula começou a falar complena segurança."Os amigos são muito importantes," começou. "Nós precisamos ter amigos. Nós precisamoscompartilhar com eles. Nós ajudamos mutuamente. Eu vou contar-Ihes uma história do VelhoTestamento sobre dois amigos, David e Jonathan."No andar superior algumas mães estavam-sentadas com a Senhora Land a qual estava com apequena "Sissy", de cinco anos de idade, em seu colo. Elas estavam ouvindo o sermão através daporta do porão aberta. Sentindo como às escondidas até quando elas souberam, que melhor .nãoestar presente para deixar os meninos aventurarem-se em suas próprias iniciativas. A serenidade navoz infantil às vezes elevada trazendo ênfase à sua história referente a uma amizade que poderia serfiel até mesmo diante da ira de um Rei. Era uma experiência até certo ponto incômoda ouvir ascrianças conduzirem um Culto de Adoração com tanta devoção. Finalmente uma das mães virou-separa a Sr. a Land e perguntou, "Elizabeth, como isso tudo começou?"A senhora Land disse," Frank tem se interessado na Sunday Schoo1, desde que viemos de KansasCity e uniu-se à Fountain Park Congregational Church. Está há dois anos e nesse período ele nuncaesteve ausente um Domingo. É a razão dele ler a Bíblia constantemente. Ele já a leu até o fimpossivelmente mais de uma vez. Ele é capaz de citar capítulos de memória. Ele insistentementedizia querer ingressar na Sunday School e quando perguntei por quê, ele disse, "Eu quero algo,mamãe, para recolher os meninos das ruas nos Domingos à tarde e retirá-Ios das travessuras. Vocêpode me ajudar?" Então sugeri que arrumaríamos o porão. Eu admirei Frank, ele tão interessado noque os meninos estavam fazendo. Ele brinca de roda, joga bolinha de gude e baseball com os outros,mas existe um lado espiritual dele que não consigo explicar."As mulheres ouviram como a voz jovem contou em detalhes o desenrolar da história de umaaventura de companheirismo. Finalmente uma vizinha e a mãe do melhor amigo de Frank disse,Espero que você me perdoe - mas, você parece ser demasiadamente jovem para ser a mãe de ummenino de dez anos. Qual sua idade?Elizabeth Lottie Land ficou em silêncio por um momento. Sua mente retomou através dos anos,quando como Elizabeth Sampson, com orgulho de uma família que a destinou precursorahereditária e neta de Daniel Boone, ela tinha se apaixonado por um jovem empregado trabalhadorbraçal, William Sherman Land, e em desafio às objeções da família casou-se com ele quando tinha
  • apenas 15 anos de idade. Frank nasceu um ano depois em 21 de junho de 1890, num modesto lar emHigWand Avenue n° 1908 em Kansas City, Missouri. Foram bons anos e estava orgulhosa de seujovem filho, sua filha e seu marido. Agora com 26 anos de idade, ela respondeu a pergunta dizendosimplesmente com um sorriso, "Estava com 16 anos de idade quando Frank nasceu."Elas ouviam a voz do "pequeno Ministro" enquanto ele concluía seus dez minutos de sermão. "Aflecha é a direção, o caminho de volta. Vá consegui-Ia e traga-a ao Palácio. E o menino assim o feze os dois amigos perceberam que a vida de Davi estava em perigo. David e Jonathan se abraçaram eDavid foi para o esconderijo. Seus amigos nunca se separariam. Eles seriam sempre leais um comoutro. Nós seríamos camaradas como eles foram."A senhora Merrill, mãe do presidente da Congregação juvenil, sorriu e comentou, "Frank sempretraz algumas virtudes em suas falas. Num domingo ele tàlou sobre o amor matemo, um outro deNaboth e o amor pelo País, e uma vez ele contou a história do Bom Samaritano e como poderiamosser amáveis um com outro. Ele é um menino notável. Ele pode tomar-se um ministro, como ele diz,porém acredito que ele dirigirá sua determinação à ajudar outros dentro de alguma outra direção.Recordo meu pai dizendo, O ramo é tão flexível, por isso a arvore é inclinada. "2. OS ANOS DE FORMAÇÃONo início do novo século a Midwest América foi pega por uma mudanças de potencialidades e ogrande otimismo da época. O século vinte era visto como o século do progresso assim os sinais daGuerra entre os Estados era cicatrizada e a fromeira Oeste Americana cresceu STATEHOOD.St.Louis estava ocupada preparando-se para uma Feira de amostras Mundial para ser aberta em1904 para brilhar na Pan American Exposition. O ODORE Roosevelt tinha assumido a Presidênciaem seguida o assassinato de William MacK.inley por um. anarquista Polonês em 6 de setembro de1901, e estava mostrando sua "grande bengala" para a economia da nação. Havia na América umprêmio nacional e a previsão de que o futuro poderia ser preenchido com anos de contínuocrescimento e oportunidades.O lar de Land foi envolvido nos eventos da época. As flutuações econômicas eram suficientes paradar breves periodos de secreto esplendor os quais eram seguidos por períodos de recessão edepressão. William Land encontrou imensas dificuldades em manter o padrão de vida com aprofissão de lenhador refletida nas condições financeiras incertas. Profissão aborrecida e ele tinhaenorme dificuldades de entender o lar, isso levou-o reforçadamente a solicitar amigavelmente ocompanheirismo de amigos íntimos nas tabernas da vizinhança. Lá ele poderia falar sobreproblemas reais ou imagináveis. Para aqueles amigos ele poderia dizer, "e há meu filho. O queaconteceu com ele? Frank não gosta de seus filhos. Ele lê o tempo todo e acredite ou não, passahoras pensativo. Ele não gosta dos outros meninos. Eu não consigo entende-Io." Porém num, demuitos anoitecer do mesmo modo ele deixaria a taberna, encontraria o jovem Frank esperando dolado de fora para encaminha-l o para casa.Os equívocos e dificuldades da família com aperto nas finanças mediante pequenas dívidas causoumuitos conflitos pessoais.A tensão armada desde lá pareceu ter somente uma possível solução uma separação. William optouem permanecer em St. Louis. Elizabeth aceitou o convite de sua mãe em vir para casa em KansasCity para compartilhar a CLAPBOARD casa branca nO 3015. No verão de 1902 ela fez umaviagem através dos Estados com suas duas crianças, F rank então com doze anos de idade e apequena Etta Glenn conhecida como "Sissy" com sete anos de idade. O novo lar provou um refugiode paz e entendimento. A avó, Senhora Martha J. Sampson, despejou seu amor em ilimitadaabundância para esses três os quais fariam parte de sua vida por muitos anos.
  • Elizabeth tinha sido lutadora para harmonizar essa divisão dos laços familiares. Ela lutou contramas finalmente realizou com igual sabedoria entretanto sentiu que poderia ser dificil para suascrianças se acostumarem com o novo lar, uma nova cidade, e uma nova vida. Especialmente Frankencontrou dificuldades. Ele sentiu a perda de seu pai e a necessidade de uma personalidademasculina em casa. Ele tomou-se solitário e tímido. O amor por sua mãe durante esse períodoaprofundou-se mais dentro de uma devoção que seria uma influência por toda sua vida. Sissytomouse sua amiga, e sua avó estimou-o com alegria e especial orgulho. Porém um menino nestaidade precisa de um homem para confidenciar, dividir seus problemas e abastecer respostas para asintrigantes questões da vida. Isto cedo necessita em sua própria vida encontrar expressões anos maistarde através da explosão de seu próprio entendimento para um jovem da nação.No outono daquele ano Sissy entrou no Hyde Park School enquanto Frank matriculou-se noLongfellow School. Ambas escolas públicas tinham recentemente sido construída em que eramentão considerados locais suburbanos e cada uma tinha um registro superior a 300 estudantes. Umresidente veterano descreveu estas novas escolas dizendo, "a variedade do horizonte da cidadeassim visto das janelas da escola tem sido uma fonte de muito interesse em conecção com o notávelcrescimento e desenvolvimento do estudo em Kansas City. Parece quase inacreditável que em tãocurto espaço de tempo na vizinhança próxima, a expressão atarefada das industrias, o barulho epressa do tráfego tem sido o lugar do mugido de gado e o cantar dos pássaros. "Esses foram anos sossegados. Frank, ainda tímido, era freqüentemente relutante a recitar, e tãoretraído que muitas vezes ele caminhou ao redor do bloco para esquivar-se das meninas em sua salade aula. Ele preenchia seu tempo com leitura dos livros da juventude do período tal como aquelesescritos por George Alfred Henty e Horatio Alger. Outros livros que chamou sua atenção deu ênfasea importância do reconhecimento da responsabilidade individual. Eles pintaram· o herói comoimportantíssimo e ofereceu a visão do futuro de sucesso vindo para aqueles cujo caráter estavabaseado na honestidade e iniciativa. Então havia um longo verão visita a casa de seu tia Minie, aespôsa do Dr. Frank Denslow, um dos proeminentes médicos da cidade e um homem eni quem elepoderia confidenciar. Dois interesses especiais tem agora em seu vida. Um era a ambição de tornar-se um bombeiro como seu amigo, Emmett Scanlon que deu-lhe um cabo de bombeiro e umcapacete vermelho. Por duas ou tres vezes seus amigos bombeiros levaram-no em incêndiosterríveis transportados por veiculas puxados por cavalos. O outro interesse veio com o crepúsculoda noite. Ele sentaria calmamente no alpendre de sua casa e à espera do lanterneiro viu-o descer aru~ colocar sua escada contra cada poste, e então inserir um palito no grande acendedor de metal enum suave movimento transforma o gás em um pavio de luz para iluminar a noite. Frank lembrou-se particularmente de um poema da escola que diz serem os lanterneiros abridores de orificios parapenetrar luz na escuridão. Os dias do "menino pregador" eram esquecidos. Ele foi convidado parapalestrar nas aulas da Sunday School porém seus esforços não eram satisfatórios. Talveznecessitasse de seu próprio porão, de seu próprio grupo e a segurança de uma família unida.A formatura da Longfellow School aconteceu em junho de 1905. Os exerClClOS de colação degrau desta escola elementar eram formais e totalmente elaborados pelos oficiais escolares cientesque desta formatura de alguns alunos somente um sempre era aprovado. Na noite de formatura dosmeninos a mãe de Frank serviu como uma reconhecida condutora, bem como ela dirigiu-se para oauditório e falou: "V oces são a família de Frank Sherman Land"? Portanto, mãe, irmã e avóestavam sentadas para assistirem e incentivarem Frank quando seu nome foi chamado, para receberseu diploma com o brasão realçado com as cores da escola azul e branco em laços de fitas ao redordo certificado.Em setembro ele matriculou-se em Cursos de Estudos para Manual High School. Suas aulasexigiram dele gradual autoconfiança e no lugar do acanhamento ele dirigiu com entusiasmo dentrodas atividades escolares. Os meninos mais velhos e de sua idade acharam-no sábio pela sua idade.
  • Eles vieram até ele em crescentes números com seus problemas, suas indagações à respeito da vida,e para dizer de suas ambições. Eles encontravam nele facilidade em conversar e apreciava seuinteresse. Havia uma qualidade de sabedoria à respeito dele que prendeu suas afeições e radiaçõesde entendimentos emitidos do profundo de seus olhos transmitindo confiança. Numa tardiaprimavera de 1907 encerra para o entendi.lJlento de sua pouca idade, que sua mãe, a grande,personalidade dominante de sua vida, juntou a família num entardecer dizendo "Eu quero vocêstodos juntos para falar sobre o futuro de Frank. Todos vocês sabem que ele tem mais dois anos naHigh School e então, rezo para que ele seja capaz de ir para Universidade. Mas, tão difícil quantotermos tentado e salvado é como nós iriamos poder, nosso dinheiro não era suficiente e nossasesperanças não eram boas. "Frank ouviu o modo com que ela falou de seus planos. Ela explicou para a família que ela queriaalgo próprio para Frank, ser um homem de negócios. Isso era a opinião dela que algumas formas detrabalho depois das horas escolares e durante o verão dariam isso à ele em ajuda complememandolucros suficientes para os estudos avançados."Agora, vovó" Frank interrompeu "conheço bem voce para saber que tem um plano de ação. Qualé?""Tenho um plano" ela respondeu. "Voce sabe nossa família no passado tem tido experiência noramo de restaurante. Então, eu sugiro de todos nós trabalharmos juntos num restaurante familiar.Sua mãe, você e eu seremos sócios com sua tia. Tenho visto um armazém desocupadotransversalmente ao celeiro que será ideal.Há uma sala espaçosa para nossos fregueses, uma sala menor para a cozinha e uma outra para oescritório. É um local ideal e o aluguel está dentro de nossas condições. Como o plano afetou você,Frank?""Ele soa bem, mas não posso cozer. Que parte eu levo?""Sua mãe e eu cuidaremos da cozinha. Nós faremos tudo aqui em casa e levaremos para orestaurante. Ele fica a poucos quarteirões e o cardápio será simples mas farto. Você apresentará aconta .As salas da rua 310 leste n° 619, foram alugados e abertos com o mínimo de equipamentosadquiridos do fundo de reserva da familia. Ele provou estar num bom local. Diretamente transversalà rua estava o Metropolitan Street Railway Company com um grande número de empregados. Estaantiga construção tinha servido como um alojamento de cavalos dos carros de rua, mas como oscavalos foram substituídos, a construção tinha sido tão transformada que todos podiam ver de umaextremidade à outra a imensa abertura circular de tijolos, o grande transformador rotatório que deuforças para o atual sistema de transportes da cidade. Outros comerciantes tinham se mudado para avizinhança e o Land Family Restaurant foi um sucesso imediato.Uma descrição desta atividade era foi obtida anos mais tarde pelo Sumner N. Blossom quando eleera um jovem repórter para o Kansas City Times, "Eu fui destinado a fazer uma reportagemjornaIística de minha própria escolha - algo como as tarefas dos novos colunáveis estavaobservando o celeiro dos carros de rua da 31 ° e Halmes Street. Transversalmente à 31 ° observeium pequeno restaurante com um anúncio na janela que dizia; em destaque; "Você pode comer tudopor um quarto!" dentro tinha um balcão circular, no centro tinha um homem que vim a conhecercomo Frank. Ele tinha caçarolas de bifes cozidos, café e fatias de pão. Não haviam ajudantes. Eleservia seus fregueses fazia tudo sozinho. Ele disse-me que sua avó, com quem ele morava, preparouo cozido, também preparava o da noite ou o da manhã. "Deu a impressão de uma tarefa simples. Era cansativo ao longo das horas e a demanda ocupava seutempo e resistência. Com a aproximação do ano escolar, Frank concluiu que ele não poderia levar oCurso de estudos integral sob essas condições. Consequentemente, ele matriculou-se no Junior HighSchool em somente duas matérias, Inglês e Aritmética comercial. Isto já era demais para ele. Ele
  • ficava no restaurante constantemente até uma hora da manhã. Tomou-se deste modo uma batalhaestar acordado através dos dias que finalmente decidiu a trancar o semestre e ele saiu da escola.Para Frank, sempre sensível à beleza e possuidor de profundo desejo de estar a serviço, orestaurante necessitou de um elemento produtivo. Ele sempre gostou de desenhar e sua famíliaagora apressava-o à continuar sua dedicação nesta nova modalidade. Então, na primavera de 1908,ele, matriculou-se no recente formado Kansas City Art InstÍtute. Lá as horas de freqüência erammais flexíveis e os cursos harmoniosos com suas horas de comércio. Lá ele encontrou umaestimulante saída para a sua imaginação assim subiu numa escala dentro de si próprio pelo amor eapreço à todas as formas de artes. Foi lá que encontrou e sentiu amor por NelI.Ela já era mais acanhada e tímida do que Frank. Com timidez ela assistiria "este homem jovem eelegante com seus profundos olhos azuis e cabelos que já tinham vestígios da cor cinza. Ela o achougrandemente desejável para acompanhar sua irmã mais velha, Ann, como um observador assistir aoArt Institute os alunos responderam às instruções de sua irmã. Ambas garotas eramexcepcionalmentes lindas com seus cabelos pretos, os mais profundos olhos castanhos, e o altoreflexo de sua ancestral herança da Europa Central. Freqüentemente quando era preciso erammodelos para o quadro "Gibson Girl" obra famosa por James Montgomery Flagg. Ann, pousariapara a sala dela.Frank estava ciente da beleza de NelI e de seu charme, mas ele nunca pensou em falar-lhe ou ousarmostrar o mais insignificante interesse. Um dia diante da sessão da aula, Neli levantou-se de suacadeira para caminhar lentamente ao redor da sala assistir cada aluno trabalhar num retrato da vidadado como trabalho noturno. Era mais propriamente um arranjo composto de um tapete Navajo nascores cinza, vermelho e amarelo servindo como fundo para um vaso Maria com talos de trigosamadurecidos e espigas de cereais de outono em várias cores. Cada aluno após estudarcuidadosamente começaram a esboçar. Neli foi olhar cada trabalho, sem comentar, na representaçãoindividual composição Índia ela ficou de pé por trás de Frank para ver seu trabalho. Ela estavamaravilhosa. Frank tinha tornado desinteressado na tarefa e tinha estado envolvido em ,sua própriaidéia do que queria desenhar."Sr.Land" ela exclamou; "Por piedade você está pintando com qual finalidade? O que estáfazendo?"Frank interrompeu seu trabalho, virou-se lentamente deste modo a cor do embaraço veio em seurosto. Quando ele a viu realmente pela primeira vez. Ela estava usando uma blusa branca com golaalta, pregas profundas fluindo da linha do pescoço até a fina cintura. As mangas,esticadas até ospulsos dando caminho para um fàrto sopro de elegància nos ombros. Ela usava uma laçada apertadade fita preta em seu pescoço. e uma esvoaçante e mais larga fita branca em seus cabelos pretos quetinha sido cuidadosamente penteados. Sua saia era rodada e feita de lã escura com um camponêsdesenhado na bainha em cores contrastantes. Era ousado o comprimento cobria somente o início deseus bem cuidados sapatos, não para o convencional comprimento até o chão. Sua presença tãoíntima e seu interesse nele e no que ele havia desenhando pôs de lado sua timidez e disse; "Estavapintando um escudo de Chivalry""Por quê?""Porque quando estava vindo para o estúdio esta manhã, vi um emblema tão mau desenhado, natampa de uma caixa de cigarros. Simplesmente quis desenhar um que tivesse correto.""E esta que você está pintando. É correta?""Claro que é. Sempre tive interesse em Cruzadas e na época da história quando os Fidalgoscombatiam e resguardavam senhoras íntegras do perigo. Agora o emblema que estou desenhandoseria do século XIV. Foi quando então que as espadas ou armas brancas foram primeiro usadas atrásde um escudo. Era a idade dourada de Heraldry. Acresci um capacete, também. Você sabia que os
  • capacetes eram somente usados por fidalgos, poderia apenas usa-Ios com brasões ou escudos dasfamílias fidalgas? Você gosta disso?""Muitíssimo realmente, mas ele trará aborrecimentos para você, minha irmã está nos observando.Nossa conversa está perturbando a aula."Algumas semanas depois, Frank encontrou coragem para convida-Ia a encontrar com ele nafarmácia sobre o estúdio, para um sorvete e conversar, ele sugeriu sobre escudos e batalhas e aépoca de Chivalry. De qualquer maneira este assunto nunca foi conversado. Frank ao invés disse"sei que sua irmã a chama de Neli, mas não sei seu último nome ou algo mais sobre você. Fale àrespeito de você.""Certo, meu nome completo é Neli Madeline Swiezewski. Meus pais vieram de Poland para KansasCity após meu nascimento para poupá-Io de perguntas a data de meu aniversário é 05 de fevereirode 1893. Tenho fiscalizado você. Sou três anos mais jovem." Ela continuou, "minha mãe faleceuquando era muito pequenaentão minha tia chamada a vir da Europa para América para cuidar de mim e de minhas duas irmãs;Catherine Elizabeth, e sua professora de Artes, Arm.""Sua tia tem sido uma pessoa maravilhosa.""Ela verdadeiramente era uma senhora querida e amável. Em sua pátria ela era reconhecida comoum músico de destaque e certa vez homenageada "The Messiah" de sua vila. Ela não só educou suastrês sobrinhas mas ela semeou e instigou o amor pelas artes e pela música em cada um de nós. Eladeu aulas de piano para mim quando eu mal podia alcançar o tecladb.""Eu não tive tempo de aprender muito à respeito de música," disse Frank. "Talvez você pudesseensinar-me. Você toca música popular?""Dificilmente. Prefiro as clássicas, Bethoven acredito ser meu favorito."Esses dois que começaram mais por companheirismo agora encontraram mais que natural estaremjuntos. Frank compreendeu que com a morte da tia dela, Nell tinha se mudado para a casa de suairmã, que tinha casado e morava num apartamento do segundo andar no Independência. Avenida dosetor nordeste da cidade. As noites eram entretidas com NelI tocando seu piano e Frank estavaconstantemente lendo seus livros para obter uma educação e para preencher uma lacuna de suaformal escolaridade. Mais tarde estavam Subert Theatre, The Orpheum e as costumeiras festas doBeaux Arts BalI do Art Institute.Frank tinha estado tão ocupado com o crescimento do restaurante da família e seu romance comNell que tinha tido poucas notícias de um outro romance no lar Land. Sua mãe tinha encontrado e seapaixonado por um jovem comerciante da mercearia, Leslie E. J ames, ele era um homem elegante,de completa determínação para o sucesso, e somente um ano mais velho do que Elizabeth que entãona metade dos trinta anos de vida. O romance cresceu dentro de uma fortaleza que irradiavagraciosa beleza através do tempo. Eles casaram-se na First Methodist Church of Leavenworth,Kansas, em 19 de junho de 1909. Alguns anos mais tarde nascia uma irmã de Frank orgulhoso desua meia-irmã que tinha sido batizada de, Elizabeth Irene. Ele a carregaria em seus braços e achamaria de sua pequena "Princess lrene". Era um nome parecido tão apropriado que durante anosfoi o primeiro nome dela, Elizabeth, foi .esquecida e Irene tomou o nome usado na escola e pelosmembros de sua família e arrugos.Porém, o casamento de sua mãe trouxe mudanças na vida de Frank.Primeiro de tudo, ele não quis ir com sua mãe e o marido dela para a casa nova, e decidiupermanecer na casa antiga com sua avó. O restaurante tinha servido tão bem para a família agoratomou-se uma posse complicada. Parecia melhor para sua família,empreender uma propriedade e consumar um sonho de um negócio próprio. Sua avó e sua tiaconcordaram em vender seus interesses enquanto sua mãe deu sua parte para ele. Comprando afirma por ninharias, levou todos os seus recursos e ele achou necessário propor à sua tia em dez
  • dólares com envio do pagamento à vista na manhã seguinte. Porém era sua e às dezoito ele tornou-se único proprietário.o sucesso veio lentamente, mas por um curto tempo, com sua força de organização, o pequenorestaurante tornou-se um gracioso centro de refeições. Foi reformado; contratados uma cozinheira,um lavador de pratos e uma garçonete. Esta expansão trouxe a necessidade de sua permanentesupervisão e ele transformou o pequeno escritório do restaurante num apartamento onde ele podiaviver exclusivamente para seu negócio.Papai Land estava para dizer em discurso à um grupo nacional de jovens conselheiros; "Olhe para orapaz calmo da chefia. Tenho muitíssimo observado crescer dentro da habilidade, inspirar econduzir os outros. O menino que também é demasiadamente agressivo, demasiadamente propensoà forçar de seu modq., íreqüentemente fere-se antes de atingir seus objetivos. Cuidado o calmo,sensivel, t~ consciente jovem que acanha-se de um lugar de primeiro destaque então quando odesafio vem - observa-o. Ele terá a habilidade de comandar. Ele amadurecerá internamente umhomem de sucesso . Você estará orgulhoso dele."Frank Land teria vigorosamente recusado-o. Porém ele era um exemplo perfeito de sua própriadeclaração. Ele tinha siso tão modesto, esboçado tanto o interior de si próprio, tinha dadomuitíssimo para concluir uma educação inspirada em si próprio durante os últimos anos que agoracom os anos de masculinidade somente diante dele o próprio desafio de começar uma vida dechefia, de guia. Uma vida dedicada a serviço das pessoas ..•.No periodo de um ano, ,iniciando em 1910, ele dispôs de um tempo n)seu negócio para trabalhar como artista substituto em período não integral para "õ Kansas City Star.A. B. Chapin, então um caricaturista do Star e um dos professores de Frank, encontraram aberturapara ele no departamento de arte de papel. O trabalho consistia principalmente em fazer croquis eprojetos para publicidades. Havia pouca remuneração mas, como era um pouco brincalhão, "Deu-me o direito de fazer reivindicação para uma breve carreira de artista profissional nos váriosexemplos de minha vida precoce ".Um segundo impacto em seus cursos de artes foi a formação do Municipal Arte League iniciadopara fazer-se amigo dos homens proeminentes da cidade, e no almoço um dos diretores do Artelnstitute disse, "Frank é um jovem dedicado. Por que não faz algo para embelezar a cidade? Olhe.Os estranhos chamamna uma cidade de antiga pecuária, e ela é. Dê uma olhada para as ruasdesordenadas eum amontoados de rabiscos horríveis. V oce poderia conseguir um número de jovens companheirosda Arte Institute e limpar a cidade. "Uma organizada batalha para trazer a beleza para a sua cidade começou. Gastou todas suas horasdisponíveis porém o movimento causou uma impressão na cidade. Ele solicitou não um número dejovens líderes mas um grupo composto de mais de 300 entusiásticos estudantes de artes. Foi obtidacooperação dos líderes civis e da Associação Comercial. O movimento foi capaz de eliminargrande parte das pichações. Começando a primeira campanha anual de limpeza, Foi colocadocaL{as de flores em algumas janelas do centro da cidade, plantado flores e arbustos em formatocircular nos lotes desocupados. E instalados ilurrÜnárias ornamentais nas ruas centrais da cidade. OStar em comentário de seu trabalho disse com grande satisfação, "ele fez uma obra de arte".Era 21 de junho de 1911, um dia normal de um precoce verão até sua família entrar no restaurantecantando: Feliz Aniversário e colocando presentes sobre as mesas. Não havia presentes visíveis davovó Sampson, Frank ela comentou: "agora você está com 21 anos de idade. Orgulho-me de vocêe do que tem feito". Colocando então entre as mãos dele um envelope, ela continuou, "seu avô eraum Maçom, e eu ficaria feliz se você se ligasse à Fraternidade de que tanto eíe amou. Em suamemória e como um presente meu, você encontrará neste envelope o dinheiro suficiente para você
  • apresentar uma petição para a Ordem Maçônica. É o coração que deve ser seu guia, porém daria-memuitíssimo prazer em vê-Io fazer isso."Tendo agora chegado na idade aceitável para membro-companheiro numa Loja Maçônica e com 50dólares entrar com o pedido. Frank aguardou por alguém para ligar-se. No tempo em que ninguémestendia o convite, sua ânsia e profundo desejo levou-o à falar com dois de seus habituais fregueses,perguntando o que tinha que fazer para ter seu nome apresentado como membro-companheiro. Elesestavam solícitos a ajudar e em 25 de abril de 1912, sua petição foi recebida na Ivanhoe Lodgen0446, Povos Livres e Maçons Reconhecidos, assinado por Charles Homes Talbot e Clarence J.Trigg. Ele foi iniciado como Filiado Aprendiz em 25 de maio de 1912, passou para o grau decompanheiro-artífice (oficio) em 17 de junho de 1912 e, elevado ao sublime grau de Mestre Maçomem 29 de junho de 1912.Ele realmente tinha realizado o sonho de sua avó, mas havia muito mais do que a realização de umsonho. A Maçonaria crivou um sentimento de responsabilidade. Dava a impressão de que era algoque estava buscando inconscientemente. Ele provou do significado da expressão amor fraterno, suacompaixão para aqueles com problemas e passagem para seu desejo em ajudar o homem de suamesma condição. Era doce o som das distantes trombetas que tinham sido tocadas para ele em todasua vida. Ele sentiu que era necessário entrar em todos os grupos Maçônicos para assim obter seusensinamentos, filosofia e inspiraçãoabrirem suas portas para ele. No incrivel período de alguns poucos meses ele juntou-se aos gruposdo Rito Y ork e Rito Escoces e o Shine. Ele entrou para o Capítulo Kansas City, n028 Royal ArchMasons, recebendo o Símbolo de grau Mestre em julho de 1912, ex-Mestre e o grau deExcelentíssimo Mestre, em 18 de outubro de 1912 e o grau Maçom-Mor Real em 25 de outubro de1912. As ordens de comando foram conferidas pelo Kansas City Commandery, nOlO, CavaleirosTemplários com a Ordem da Cruz Vermelha em 21 de novembro de 1912, e a Ordem dosCavaleiros de Malta, em 2 de janeiro de 1913.Ele tomou-se um membro grau 32° do Antigo e Reconhecido Rito Escoces da Maçonaria pelaJurisdição dos estados do sul dos Estados Unidos da América na classe de novembro de 19l2,àKansas City, Missouri. Seu interesse foi tão grande que imediatamente ele começou a trabalhar nosvários estágios e delegações do Rito Escocês Maçônico. Ele foi indicado para a linha dos oficiais doDeMolay Council of Kadosh . Voltando a presidir como Oficial daquela Corporação comoComandante nos anos de 1919 e 1920.Em 15 de novembro de 1912, ele formou-se um nobre da Antiga Nobreza Árabe da Mística Shrine,no Templo Arara!. Foi servir este Templo como Potência em 1931 e foi Potência Imperial doCônsul Imperial pela América do Norte em 1954.Durante o periodo que sucederam os dias do Art Institute, Frank tínha sido freqüentementechamado à casa de NelI Swiezewski. As visitas tomaram-se amplamente freqüentes e cada datamais significativa. Podia conversar com ela como com nenhum outro. Ela encontrou nele a respostapara a pergunta de sua alma. O romance entre eles aprofundou até o amor deles encontrar oSantuário do Matrimônio. O serviço matrimonial foi na casa da irmã de Neli em 15 de setembro de1913. A madrinha de honra de NelI foi sua irmã, Ann. Nos últimos dias no restaurante SumnerBlosson, tinha sido amigo de Frank e ajudou brilhantemente. O pastor da Budd Park ChristianChurch, William H. Scrioner, conduziu Nell e Frank em suas promessàs matrimoniais.Em todos esses anos Nell e Frank nunca se esqueceram dessas promessas. Suas vidas tomaram-sebelas como seus aprendizados do amando e sendo amado, abençoando e sendo abençoado,compartilhando a aventura de cada dia. O pequeno apartamento de Amour Boulevard tornou-se olar deles. Frank diria, "nós podemos ter caixas de laranjas como cadeiras, porém nós asubstituiremos um dia. Nós devemos ter orgulho do que temos. Nós ficaríamos sem nada atéconseguirmos apenas o que queremos. Mais que tudo Nell, você precisa ser feliz".
  • A vida de NelI era cheia de felicidade. Ela esperava ansiosamente a cada noite, Frank vir para casae conversar sobre o futuro deles, compartilhavamjuntos. Ela tinha dois apelidos para ele "Sock" e "Frankie". Sua costumeira saudação era, "Oi, Sock,o que aconteceu hoje?"Em meados de setembfo de 1914 ele tinha muito para contar do que havia acontecido."Nell, tenho uma oportunidade de vender o restaurante de portas fechadas, estoque e tonel. Aproposta é boa e se vendermos, teremos uma quantia superior a 8.000 dólares. O que você acha?Vendemos?"NelI não hesitou "Vender sem dúvida. Mas o que você fará?""Você perguntou o que aconteceu hoje e a proposta da venda é somente parte do que aconteceu.Você sabe que tenho trabalhado, como secretário da Scottish Rite Employment Bureau, dado todotempo possível. Bem, esta tarde fuí questionado para trabalhar tempo integral na continuidade destaAgencia, para ser reconhecida como o Comitê de Assistência aos Maçons com Iohn H. Glaziercomo presidente. Eu trabalharia como administrador e secretário num escritório no Templo do RitoEscocês. Vários acontecimentos hoje. Qual sua opinião sobre isso?"NelI fechou seus olhos dando a impressão de estar fixa através do tempo. Quando abriu seus olhos,sorriu e disse com uma voz de profeta. "Frank aceite essa proposta. Pegue seu trabalho. Você nuncaserá feliz até encontrar o significado de existir no servir as pessoas. Acredito que isto te abrirá umnovo mundo. Ele é o limiar de seu objetivo na vida. Sinto grandeza por você e pelos outros quevirão disto."3. NOVE MENINOS E UM HOMEMComo um arquiteto cria lentamente a beleza de um prédio dos primeiros esboços até a plenitude doprojeto, ou como músicas desenvolvidas primeiro de uma melodia ouvida no coração, a profecia deNelI cresceu tanto em realidade durante os anos de 1914 a 1919. A posição oferecida a Frank Land,e ao que ele gratamente aceitou, estava desenvolvendo lentamente a fornÍação da Ordem DeMolay.Esses foram os anos da Primeira Guerra Mundial. A América igualmente entrou no conflito, aspessoas da Nação eram levadas por um passional desejo de trazer a democracia à um mundo quedava a impressão de estar a beira de,um desastre. Quando nossa Nação juntou-se aos Aliados na luta contra a força Alemã, todos osrecursos de homens e material foram enviados ao coní1ito. Porém a América estava a sofrer noslares mediante aos constantes sacrificios pelos chamados de ajuda nas trincheiras de batalha.Abertas extensas áreas de desemprego, haviam periodos de grandes e péssimas depressões, criandoincerteza, necessidades e privações.Uma resposta positiva para esta critica situação de Kansas City veio em setembro de 1914 com aformação da Agência de Empregos do Rito Escocês. Um ano depois esta Agência expandiu eincluiu todos os Maçons interessados e os membros de organizações irmãs. Assim a guerraprogrediu este programa sob o nome de Comitê de Assistência Maçônica, foi estendido a incluirajudas diretas na forma de roupas e alimentos para todos que se encontravam em necessidades sempreconceito de raça e credo. O Scottish Rite Building Committee concedeu o livre uso de escritóriose equipamentos para fazer economicamente seus atendimentos e, em complementação,providenciou um enorme estoque no porão, onde provisões de alimentos e roupas novas e. usadas,eram aceitas. A operação provia fundos com donativos de várias Lojas e membros individuais deGrupos Maçônicos. Para complementar esses donativos, um baile de caridade era anualmentepromovido no Convention Hall. Frank Land em seu novo trabalho como Secretário Executivo emtempo integral, era para administrar esse programa.Antes da escolha Frank Land serviu como administrador de ambos Agência de empregos eAssistência à Maçons, John H. Glazier, como presidente do Comitê, tinha ±àlado ao juiz Alexander
  • G. Cochrom, Soberano Grande Inspetor General do Rito Escocês no Missouri, e William P.Osgood. Eles concordaram de que haviam encontrado o homem ideal para o cargo. Atrás de seusvinte e poucos anos, um negociante de sucesso. Havia se educado sozinho; e apesar de tudo possuíauma força de organização e um constante e responsável interesse nas pessoas. Ele era ideal para ocargo e doava-se por inteiro, sem restrições. Ele respondeu com entusiasmo à este programa defazer algo pelos colarinhos brancos e camisas azuis, as pessoas aderiram à iniciativa de arrumartempo.Os anos eram ocupados entrevistando aquele que vinha ao escritório, na distribuição de seussuprimentos e com levantamento de fundos. A área de abrangência de seu trabalho, iniciado emjaneiro de 1923, resultou seguramente em 15,971 lugares. Num ano, 11,306 parcelas de alimentosforam distribuídos com um valor estimado de $18,000, enquanto 1,581 pacotes de roupas eramdados para aqueles que necessitavam, incluindo roupas novas avaliadas em $9,000 e roupas usadasem $3,000.Charles A. Boyce, que o conheceu durante esse periodo, disse a respeito de Frank: Ele agiu deacordo com algo que tinha procurado como o significado da expressão de seu amor fraternal, suacompaixão por aqueles queestavam com problemas e seu desejo em ajudar seus companheiros. Ele era um homem especial,nunca demasiadamente ocupado para ouvir os problemas daqueles que buscavam ajuda. As pessoasnormalmente voltavam-se para ele em busca de conselhos e por soluções de seus problemas. Eletinha um interesse fraternal nas pessoas e uma personalidade cativante habituada a fazer amigoscom aquelas pessoas às quais se aproximava. Jovens e idosos, ricos e pobres, tinham grandeconsideração para com ele e depositavam seus segredos nele."Tranqüilo em suas atividades, como à algum tempo atrás, quando um dos serviços de projeçãosocial dos executivos de Kansas City falhou por completo ameaçando seu desejo de estar deserviço. A guerra veio por fim e ele ficou aflito com os problemas dos meninos os quais tinhamperdido seus pais. Ele lembrou-se de sua juventude, da solidão e da suplica por alguém paraconversar, um homem que produzisse inspiração e desafio. Suas primeiras tentativas foram feitas nomovimento do Chicago Big Brother por onde um homem comerciante ou profissional levaria umaesperança à um garoto infalível, sendo uma companhia para ele, e possivelmente arrumandoemprego. Frank com seu modo comunicativo com os líderes da cidade, tentou um registro de idadespara ter suficientes combinações de "homem e menino". Porém cada tentativa era um beneficioduvidoso. Os "Big Brothers" eram homens ocupados, às vezes envolvidos em outras atividadesquando os meninos necessitavam deles, os meninos não iam embora. Lentamente ocorreu em seupensamento de que a resposta para os meninos era associarem-se com outros meninos . . Havia sido dito que um dia pode ser alternado ou um grande momentolançado com um simples telefonema.Deste modo um telefonema veio em janeiro de 1919. Assim Frank, novamente nomeado SeniorWarden of Ivanhoe Lodge. "Frank, tenho um favor a pedir-lhe. Um de nossos membros, Elmer E.Lower, o qual foi iniciado como Companheiro de Oficio, morreu o ano passado, acredito que em 3de janeiro. Ele deixou a esposa e quatro filhos os quais estão agora com 6 à 17 anos de idade. É umafamília corajosa. A mãe tem sido maravilhosa mantendo a família unida. Ela encontrou empregocomo Matrona no General Hospital porém não é suficiente para as despesas da família. Vocêpoderia achar um emprego de meio-expediente para o menino mais velho, Louis? Ele é um dosmais educados jovens que já conheci. Tenho conversado com ele e admíro sua confiança e suadeterminação em continuar seus objetivos escolares. Você poderia encontrar um lugar para ele?"Sam, você ligou no momento certo. Na sua pergunta pode estar a resposta para um dos meusproblemas. Tenho procurado alguém para me ajudar aqui no escritório. Ficaria contente emconversar com este garoto. Sinto ouvir isto à respeito da família de Elmer Lower. Li sobre seu
  • falecimento porém realmente não o conheci. O encontrei poucas vezes e fiquei impressionado comsua personalidade. Elefoi um homem de bem. Lembro-me de que ele foi um contador e serviu um termo ou dois comoVereador Republicano na décima divisão do Conselho da Cidade. Encaminhe Louis para mim,amanhã depois da aula se você puder encontrá-lo. Procurarei desenvolver o encontro com ele. "Na próxima tarde Louis chegou prontamente para sua entrevista . As mãos agitadas deste moçotrouxe uma súplica para Land que pareceu abençoa-Ios numa experiência universal que os levariampor muitos anos. Louis apresentou uma honestidade de caráter, uma natural aptidão paracompanheiro-líder e a graça nos movimentos como de um atleta. Frank observou que eles eram damesma altura, com poucas centímetros do chamado comum, na média. Abaixo de 1,82 m.o cabelo do menino era castanho, curto e repartido no lado direito. A testa era alta e seus olhos azuisdava a indicação de amizade e para completar o sempre presente sorriso nos lábios. Suas roupaseram usadas e o tamanho não acompanhou seu crescimento porém havia um vestígio de suainocência. Frank pensou, "se eu tivesse um filho gostaria que fosse como esse rapaz".Conversaram sobre a escola. Louis contou-lhe de suas aSpirações por um lugar no time rastreador,de sua posição como um lançador no time de baseball, e numa resposta para uma pergunta disse,"sou um bom aluno. Até mesmo com os momentos dificeis que estamos passando. Quero concluirmeus estudos e então ajudar na educação de outros".É um bom objetivo. Você encontrará desafio. Agora fale-me sobre seu pai. Eu o conheci masapenas de encontros casuais".Louis hesitou como que relutando em pensar no passado, porém finalmente disse, "meu pai foi omelhor pai que um garoto já teve. Era um comerciante que adorava caçar e pescar. Ele levava-meem muitos passeios e fomos muitas vezes dentro do país; aqueles foram grandes momentos, porémsempre observei que uma perna malvada lhe daria um dificil final. Ele sempre teve dificuldadescom aquela perna, que foi ferida quando ele era um menino do sítio em Pettis Country, próximo deLongwood, Missouri. Em nossas últimas viagens juntos quando estávamos numa viagem de caçaem Cass City, ao sul daqui, ele machucou novamente aquela perna. Não foi um tiro acidental. Eleaparentemente escorregou no chão barrento de um desfiladeiro e a torceu. Dentro de um quadroinfeccioso ele ficou no hospital St. Joseph por um longo tempo antes dele morrer. Acho que um diaeles encontrarão um modo de fazer parar essa infeção e sofrimento mas os médicos estavamincapacitados de salvar a vida dele. Ele foi enterrado no cemitério Mount Washington. Desde então,minha mãe tem trabalhado e agora gostaria de achar um trabalho para ajudar em casa. Tentei venderpapéis e achar emprego ocasional na vizinhança, mas eles não são suficientes. Sr. Land, o Sr. podeencontrar um trabalho para mim?""Sim, posso. Preciso de alguém para ajudar-me aqui. Portanto agora você tem um emprego paraapós as horas do colégio e aos sábados".Naquela tarde enquanto as travessas do jantar estavam sendo limpas, Nell disse, "Frankie,aconteceu algo hoje. Você olha como se tivesse encontrado um amigo distante e desorientado."Não um amigo desorientado porém um jovem novo amigo. Este rapaz com quem conversei hoje éfabuloso. Um dos melhores rapazes que já encontrei. Ele vai trabalhar comigo no escritório e seique desfIutarei tendo-o por perto. Os ensinamentos da ciência Cristã seria bom para ele e vocêconheceria Louis Lower. ""Sim podemos fazer isso", ela disse. "Sugiro que você deixe-o trazer alguns amigos aqui noapartamento alguma tarde. Gostaria de conhece-Io, e como você sabe, todos nós respondemosmelhor e nos abrimos mais quando estamos com nossos amigos".Não era metade de fevereiro ainda quando a oportunidade do encontro aconteceu. Richard B.Fowler, escritor editorial para o Star, numa sérié de artigos entitulou "Líderes de nossa cidade"conta sobre a conversa casual entre "Frank Land e Louis Lower" que fêz a história acontecer.
  • "Louis", disse o Sr. Land, "junto com quem você corre?""Tenho alguns amigos ao redor de casa somos os vinte e oito e Indiana", disse Louis."De quantos você gostaria para formar um clube e encontrá-Ios aqui noTemplo?"o Sr. F owler continuou: "Louis pensou que a idéia tinha possibilidades e mostrou apto na próximasemana com oito outros rapazes. Em meio a sodalimonada, sorvetes cruzava os lugares da rua aidéia de um clube levado de forma definitiva, era 19 de fevereiro de 1919".Os meninos vieram naquela próxima quarta-feira à tarde e em cada turno era apresentado ao Sr.Land por Louis Lower com "quero que o Sr. conheça Ralph Sewell, ele mora perto de nossa casa.Aqui está Elmer Dorsey, sua casa é logo atrás da nossa casa. Edmond Marshall mora enfrente aporta de Elmer e este companheiro é Jerome Jacobson que mora no próximo quarteirão. Este éWilliam Steinhilber e aqui está Ivan Bentley. Eles também moram em nossa vizinhança assimcomo Gorman McBride que você conhece. Ele trouxe seu primo Clyde Stream com ele. Somos emnove."Louis Lower havia escolhido bem seus amigos. Eles tinham todos cerca de sua própria idade, 17anos, com um ou dois anos mais velhos. Sem exceção eles eram meninos de bom olhar, honestos esadios. Eles vinham de familias de classe média onde o aperto financeiro às vezes surgiam apenaspara ferir ameaçar seus sonhos de que eles poderiam fazer no futuro, eles eram um grupo destinadoa formar uma grande e jovem organização e cada um era para dirigir através de seus esforços edeterminação destacando-se no campo de trabalho de sua escolha.o Sr. Land agradeceu a cada um com palavras de boas vindas e um aperto de mão. Voltando-se paraGorman, ele disse "tenho ouvido a seu respeito através de seu pai, George McBride; ele é osecretário, você sabe do Rito Escocês, do clube de bombeiros e policiais. Foi bom você trazerClyde". Então voltando para os outros, ele disse, "antes de descermos para negociarmos deixe-mefazer uma explanação sobre esta construção. Eu imagino que vocês acharam correto se nósdecidirmos formar uma associação e usá-Ia como um lugar para reuniões."Os meninos nunca haviam visto uma construção seme1hante, eles estavam intimidados pela belezae atrativos dos arredores do Templo do Rito Escocês. Seus próprios lares eram modesto emtamanho com simplicidade nas mobilias e aqui eles encontraram um lugar semelhante a ponto defazer um dos rapazes dizer, "puxa, isso leva minha respiração embora. A construção está localizadana esquina noroeste das ruas 15° e Troost era uma estrutura elegante. Com pesadas portas empainéis de carvalho entalhadas terminando numa flor-de-lis, as vigas de carvalho escuro da salaprincipal, era um exemplo da emoção da história desta época quando o ser humano teve aprofundidade de intenções e dedicação aos grandes ideais. Os rapazes foram de sala em sala. Elesficaram fascinados com o corredor enorme. Com um arranjo d.e palco completo com arco principale no fundo arranjos de cenários e um projeto de sacada branco pálido com grades entalhadas eentrelaçadas. No piso inferior eles encontraram uma grande sala de reuniões dançantes compequenas antecâmaras para reuniões pessoais e adjacentes para a cozinha. Os rapazes em suasmentes, imaginavam o quanto ideal seria para bailes, jantares e diversões. Antes do roteiro terencerrado, os meninos estão convencidos de que um clube nesse prédio não só seria perfeito, porémeles gostaram deste homem calmo dirigindo o grupo deles de sala em sala. Apenas dez ou doze anosmais velhos que eles, ele era um deles - porém a confiança e conhecimento depositada neleanulavam a tal ponto as diferenças de idade que dava a impressão de desaparecerem.Era um grupo radiante reunidos na enorme mesa numa das salas de reumoes, naquela noite. Nãohavia nenhuma dúvida de que eles continuariam as reuniões numa associação. A única questão era onome. Um sugeriu que usasse letrasgregas como os colégios fraternais usavam, mas isto não foi imediatamente votado contra embora afizesse uma organização como as outras. O nome deveria ser distinto e cheio de significado. Eles
  • voltaram para Land clamando por sugestão. Ele apontou para uma série de desenhos na parede quemostrava as aventuras de Sir. Galahad e os Cavaleiros da Távora Redonda. Houve um sinalnegativo com as cabeças.O maior de todos os combates havia terminado poucos meses antes e as aventuras dos antigoscavaleiros pareciam distantes. Então nomes da história e da Bíblia eram mencionados. Narrativassemelhantes a Damon e Phythias, David e Jonathan e de Nathan Hale. Nada parecia agradar até queum dos rapazes Clyde Stream, disse, "Sr Land, conte-nos algo relacionado com a Maçonaria. Elesdevem ter grandes nomes e nós estamos reunidos aqui dentro de uma de suas edificações. "Frank sorriu, "Este ano estou servindo como dirigente de um dos Grupos Maçônicos. Soucomandante pelo Conselho DeMolay de Kadosh. Existem muitos nomes e histórias diretamenteligadas à Maçonaria, porém acho que poderia contar-lhes à respeito do último líder dos CavaleirosTemplários. Seu nome era Jacques DeMolay ou como eles dizem em livros de História JamesDeMolay."E assim ele contou a história de Jacques DeMolay, o último GrãoMestre dos Cavaleiros Templários,a maior Cruzada que foi traída pelo Fhilip o Formoso e queimado na fogueira diante da Catedral deNotre Dome em 18 de março de 1314. A história e o nome cativaram a imaginação dos rapazes.Havia heroismo. Havia um grande exemplo de lealdade, de coragem. Havia um respeito à nobreza ecortesia, o melhor de si, e o nome de um mártir pela fidelidade e tolerância. Os rapazes estavamprontos e sem nenhuma restrição para aceitarem este nome como o nome de seu grupo. Porém Landinterrompeu, "Agora vamos esperar um pouquinho, dormir com isso. Não vamos nos precipitar.Talvez com um pouco mais de pensamento podemos vir com um nome melhor. Um que possa sermais reservado e apropriado. Está ficando tarde e vocês devem todos irem para casa . Voltem napróxima semana e tragam mais alguns amigos. Nós conversaremos mais à respeito então. Boa noitee obrigado por virem ..Durante as prOXImas semanas os rapazes encontraram tempo e pretextos para conversar com Lande fazer perguntas sobre a nova associação e aprender mais da hesitante marcha da História. O nome"DeMolay" começou a trazerlhes a eterna busca pelo significado da existência, e os momentosexcitantes da decadência da Ordem dos Cavaleiros Templários no crepúsculo das Cruzadas. O nomeDeMolay trouxe a História do passado para o presente e os rapazes queriam saber mais desta faseda História. O nome DeMolay começou a trazer-lhes a visão de uma busca pelo ideal e não somentetrouxe um longo desafio passado para um desafio aos jovens de seus dias assim como seria para osjovens de todos os tempos.Eles não imaginavam então que em todo rapaz - e homem - está o desejo de tornarem-se o melhorque eles podem conseguir. As vezes um desejo está tão escondido, tão profundo que não pareceexistir - porém ele está sempre lá.É inexorável no gênero humano procurar por um segredo fora do passado que conduzirá ao SantoGraal . Para, como esses rapazes, nós precisamos de todos os sonhos por algum tempo e entãoseguir o raio que todos nós cremos ser verdade, ser bom e belo.Numa tarde Frank contou-Ihes que como um espírito de dedicação guiou dois nobres jovensfranceses, Ruga de Payens e Geoffrey de St.Aldemir a formar a Ordem dos Cavaleiros Templáriosno ano de 1123. Seus propósitos era dar proteção aos peregrinos quando eles fizeram suas jornadasà Terra Santa. Ele contou como esses dois levaram adiante seus votos de pobreza castidade eobediência, e como o brasão da Ordem deles foi gravado esses votos nos Grandes escudos , os quaismostravam os dois fundadores mantendo um pobre e magro cavalo. O rei Baldwin de Jerusalém, eleexplicou, deu-Ihes sala no palácio real e como o lugar estava situado na área do templo, elesficaram conhecidos como os Templários Então, ele continuou, " No decorrer do tempo esta ordemcresceu imens.amente em poder e riqueza. Dizia-se que no século 13° eles possuíam sozinhos, 9000mansões, Preceitos e Prioridades, na Europa. Até mesmos os irmãos Principes , vieram juntarse para
  • servir como humildes cavaleiros , sobre suas lideranças . Com o passar dos anos eles receberamelogios e criticas. Mas um recente historiador , que tenha um pouco de bom para dizer deles, fezesta afirmação, "Eles sempre ergueram as espadas ferozmente , e as flechas derrubadas maisnumerosamente nos campos de batalha . Eles tinham imensa coragem numa época que coragemsignificava , mais pela sobrevivência Cristã na Síria do que fazer rituais cheios de orações. "" Eu me lembro, interrompeu um dos rapazes, naquele "Ivanhoé" , de Scott , a volta do vilão era umcavaleiro templário . Mas ,como os templários fizeram para cair fora ?""Foi deste modo. Em 13 de Outubro de 1307 , as membros da Ordem reunirão pelo que eles tinhamsido levados à acreditar, que era o lançamento de uma nova cruzada . Em lugar deles estaremapreensivos e impressionados . A ordem veio por um fim !" Land pausou e refletiu. " Porém nãocompletamente . Das cinzas do fogo , morte e a dor da perseguição , ressuscitou as atuais ordens deCavaleiros Templários e a Ordem do Rito Escocês. Acredito que ela tem dado vitalidade e valorpara todas as gerações , incluindo à nossa. Veja, estamos ainda escrevendo e fazendo história ,assim como temos nós dado lugares na longa marcha daqueles que vivenciaram aquelabenevolência tornando uma parte do próprio tempo. "Enquanto os rapazes conversavam com Land sobre a associação que eles trariam ao Templo, suasconversas juntos eram longas até no caminho da escola para casa , fortificavam seus interesses edavam impulso para a organização deles. Numa tarde após a aula de química, Elmer Dorsey ,aproximou-se de Louis Lower para perguntar " Louis , eu acho a idéia dessa associação terrível. Elaé sobre o que? O que faz o Sr Land fora dela? Eles nos querem para tomarmos pequenos Maçons ?". Louis colocou seu braço sobre os ombros de Elmer . Eles sentaram nos degraus de pedraobservando o atlético campo de batalha com Linwood Boulevard à distancia. " Não tenho todas asrespostas, Elmer , sómente sei que Frank Land é um dos maiorais . Sua motivação primeira ele nosconta. Ele gosta de estar com gente jovem e sinceramente acredito que se formarmos deste modoum grupo, cada um de nós se beneficiará dele. Como ele sempre conversou com os rapazes maisvelhos, deixando-nos usar o Templo deles, para mim é o bastante. Eles devem estar tão interessadosquanto Land está, porque ele tem falado que nós não seríamos um grupo Maçônico Júnior . Ele medisser que aqueles homens estão interessados somente numa coisa, é que cresçamos internamentehomens decentes , os quais serão respeitados na comunidade. ""Agradeço bastante , Louis , vamos esquecer e trazer outros colegas conosco para a próximareunião . A propósito, quando será ? ""Na próxima segunda feira, 24 de Março, ás 19:30 - passou a palavraavante. "O dia histórico 24 de março de 1919 , foi lançada a Ordem DeMolay.Durante os próximos anos, contudo, a data 18 de Março, data esta que no passado, haviatestemunhado a morte de Jacques DeMolay , veio ser mais freqüentemente usada. A morte doDeMolay e a iniciação de uma associação pareciam sinônimos e assim esta significaste data tornou-se parte de um ritual da associação, a data 18 de Março era usada para ambos eventos . Esta data erapara tornar um símbolo do passado, para dar direção no tempo para a data organizacional DeMolay.Trinta e um rapazes, todos da mesma escola, vieram para o Templo do Rito Escocês, naquela noite.Frank Land calmamente os assistiu e talvez observou o futuro através deles. Ele deu a cada rapaz asboas vindas , e então explicou resumidamente suas idéias de uma associação , o que eles podiamfazer , e as atividades nas quais eles podiam se empenharem. Ele explicou ,"mas esta reunião é devocês . Eu servirei como Conselheiro mas a reunião é de vocês . Porque não proceder como numaorganização e eleger alguns oficiais . Eu terei a direção até vocês terem completado suas eleições. "
  • Havia muitíssimo para se conversar naquela noite para fazer mais do que eleger Gorman A.McBride como presidente temporário e Louis G. Lower como secretário temporário. O nome, elespensaram e foi deste modo de grande importância por que ele vinha em primeiro lugar nessesencontros da organização . " DeMolay" havia sido conversado à respeito dentre os primeiros nove,desde a primeira reunião deles e contaram aos outros meninos. Agora ele era oficialmente e porunanimidade aprovado, como o nome para ser adotado na Associação "Conselho DeMolay". Paramanter a idade do mesmo modo que o deles , eles colocaram no requerimento para membroscompanheiros para aqueles que virem a integrar-se no grupo estando ao menos com 16 anos deidade e decidido de que quando um de seus companheiros atingissem 21 anos de idade, ele seretiraria do grupo.Ainda não estava a reunião de 8 de abril de 1919 encerrada quando os oficiais foram finalmenteeleitos com Gorman A. Bride como primeiro presidente do Conselho DeMolay, Lester Pnningtonfoi eleito para servir como vice-presidente, Louis G. Lower para ser o secretário, com John Millercomo tesoureiro e Clyde Stream como sargento de armas.Talvez Land tivesse falado para alguns dos homens ou talvez os ideais que tinha para a Associação,até então de forma verbal, para em 15 de abril de 1919, os títulos dos oficiais escolhidos, mais foieleito e eles tornaram-se: Gorman A. McBride Mestre Lester Pennington 1° Encarregado Averill C. Tatlock 2° Encarregado Louis G. Lower Escrivão John Miller Tesoureiro Clyde S tream SentinelaDurante os próximos meses o grupo cresceu em número, em atividades e interesses. Então veiomedo por alguns deles de que estavam crescendo em demasia pelo espaço das Associação. GormanA. McBride, anos mais tarde contou a história deste modo:Chamei de volta aqueles nossos membros companheiros atingindo um pouco mais de sessenta,alguns dos companheiros estavam muitíssimo preocupados com a organização tornar-sedemasiadamente grande. Alguns sugeriram que eu apontasse um Comite para conversar com o Sr.Land e empenhássemos em convence10 a limitar nossos membros companheiros em 75. O comitêesperou no Sr. Land e em seu calmo, humilde e modesto modo, recebeu-nos e tratou-nos comcortesia como ninguém mais poderia ser tratado. É lógico, nós apresentamos nossas idéias sobre alimitação de membros companheiros DeMolay. Ele não nos criticou, nem nos advertiucom relação ao tempo. De fato nós nunca soubemos se ele aprovou ou desaprovou nossa sugestão."Mais tarde quando foi chamado para a reunião da Ordem, eu o chamei para relatar. Ele foinotificado que os membros companheiros DeMolay estavam limitados em 75. A proposta recebidanum segundo e foi por unanirnidade aprovada. Foi então que Papai Land levantou-se de trás da salaonde ele havia estado mais ou menos fora do alcance da visâo, para ele não foi simbolismo paralevar a luz, ou a primeira resolução em nossas reuniões. Ele quis nos conduzir em nossas própriasreuniões. Ele defendeu-nos a fazer o que era correto e em manter aquilo que tínhamos em mentepara a Ordem DeMolay."Mas quando ele veio para a frente da sala naquela noite, ele assim procedeu para contar-nos e emtermos não incertos - quanto egoístas e quanto ingratos nós éramos. Ele disse que estávamos agindoe pensando absolutamente contrários a todos os planos que ele tinha em mente para estaorganização. Ele lembrou-nos de que havia três outras escolas em Kansas City, às quais tinhamjovens tão capazes, qualificados e tão prontos quanto nós. De fato ele indicou que pensava que eramprovavelmente muito melhores do que nós pensávamos ser. Ele disse que se era bom para um rapaz,precisaria ser bom para todos os rapazes qualificados. Ele lembrou,"nos que "para tomarmos
  • grandes nós precisamos ser grandes." De qualquer maneira, nós nos sentimos muitíssimoenvergonhados de nós mesmos e a proposta para limite de membros em 75, foi rescindida. Foi entãopermitido ao DeMolay crescer e desenvolver. "Deste modo Frank Land, encorajou seus rapazes quando ele gentilmente deixou-os com umailuminação porém com as mãos firmes nas rédeas.4. ASSIM F ACO PROMESSA E JURAMENTOAos trinta, Frank Land foi indagado numa entrevista de rádio o quanto o DeMolay difere das outrasorganizações jovens. Ele imediatamente respondeu, "existe um ritual". Sua resposta tão rapidamentee calmamente dada, é ainda uma qualidade inerente na Ordem DeMolay . Tem pompa e beleza. Elareforça a oportunidade de participação no retrato dramático das personalidades heróicas. Os grausdá uma oportunidade a todo rapaz crescer como um homem melhor e um melhor cidadão. Osensinamentos das virtudes traz a verdade para todas as gerações tomava-se vital para cada jovemcomo ele penhorar em si próprio para ser leal e sincero àqueles ideais pelas palavras "assim façopromessa e juramento".A reunião da organização de março de 1919, até metade do verão a nova Associação cresceu comum time campeão de baseball por Louis Lower como lançador e Ray Hedrich como pegador.Haviam atividades sociais, projetos de serviços, planos para formação de uma banda, uma patrulha,uma unidade militar de tambores e uma bandeira. Mas Land não estava satisfeito. Sua Associaçãoprecisava de algo mais. Ele conversou com seus amigos durante o dia e à tarde com sua esposa,discursando o plano todo - todo o plano era possível que poderia fortalecer a organização maisfirmemente unidos e dar-Ihes algo único para promover o crescimento. O plano que ele estavavisando parecia invadi-Io. Era simplesmente tão íntimo , porém hora após hora o sonho sumiadentro do domínio de vagas idéias. Então numa tarde no Templo do Rito Escocês ele viu seu amígo,Frank Marshall, e soube que havia encontrado a resposta.Marshall era então bem conhecido em Kansas City como crítico de teatro e música do Jornal deKansas City. Ele havia trabalhado nos últimos dias com William Allen White, nacionalmenteconhecido como editor de Emporia, Kansas, e agora procurava voltar para uma brilhante carreiracomo repórter, editor e poeta. Um de seus sonetos foi recebido e colocado no Shakespeare Museumpelo Stratford-onAvon, e ele foi convidado pelos oficiais de Kansas City à escrever um poerpa paraser colocado na caixa da pedra angular no reformado Hall de Convenções. Este poema reflexo datroca de um século para outro era para ser lido quando a caixa da pedra angular fosse aberta após terse passado um século. Ele encerrou com as frases:Porém em nossas taças nós drenamos sem secar as mágoas,Se as nossas tolerâncias na maceração de pedras são formadas, Para coisas melhores, por aquelesdias de existir.Land achou Marshall fracassado numa bem gasta cadeira estofada, o quadro de um homemdesocupadamente sossegado. O velho jornalista estava vestido em seu habitual modo descuidado.Seu temo fora de tamanho escondido nas pregas de uma veste ampla era visível uma pesadacorrente dourada cedendo com o peso de um medalhão fraternal. Seus lábios superiores divertiam-se com um bigode grisalho e em seu queixo um pequeno punhado de barba. Do lado esquerdo deseu paletó a última cópia do jornal projetada numa posição voltada para o chão. Nenhum de doishomens poderiam ser tão diferentes em aparência quanto esses dois Franks. Um imaculado e outrocasual e completamente indiferente quanto ao vestir e aparências. Porém cada um radiava tremendahabilidade, uma potência de caráter, e uma devoção para o idealismo. Agora por este encontrocasual nenhum desses homens imaginavam de antes de vinte e quatro horas iriam fazer o esboço doplano de dois graus DeMolay e seria escrito para perdurar e ficar inalterado por mais de cincodécadas.
  • Land dirigiu-se à ele naquela tarde e Marshall meio inaltecido pelas saudações e então acomodou-seem sua cadeira e disse; "sente-se e fale-me à respeitodessa organização para rapazes que você está formando. Vai tudo tranqüilamente? Quais asnovidades?""Bem a resposta da primeira pergunta é que estamos crescendo. A resposta para qual a novidade?Não o que você pode esperar. Tenho um novo título. Os rapazes me chamam de Papai. Eles temusado numa perda ou prejuízo quando para me chamar. Eles parecem relutantes em chamar-me deFrank, devido a diferença de nossa idade e sentiram que Sr. Land era formal. Louis Lower começouchamando de papai e os outros seguiram. Estamos todos satisfeitos. Gosto disso. Os meninostambém gostam . Papai está correto. Carrega respeito e confiança e eu estou orgulhoso em serassim designado.""Soou bem. Deixe-me ver você tem vinte e oito anos. E eu tenho cinqüenta e quatro anos de idade.Existe uma diferença de idade aqui, porém me sentirei mais jovem - o que mais há de novo papai?IlHá um problema para ser resolvido e é onde você entra. Estive, pensando em algo para dar àAssociação um distintivo de qualidade e penso que o tenho. Frank, quero que você escreva umritual para o DeMolay .""Agora espere um momento papai . Espere um pouquinho . Por quême pede?""Porque você é o homem mais qualificado que conheço. Você tem estado ativo em nossaFraternidade desde os dias de Universidade de Kansas City . Você é dedicado na Maçonaria, e emtoda ramificação, e participou em todos os graus. Você está escrevendo um livro de poemas e leioseu editorial semanalmente Pequenos sermões de postura no Jornal de Kansas City todos ossábados com satisfação. Frank, você é o único que pode fazer isso.".~Frank Marshall pensou um pouco. Ele torceu a ponta de seu bigode, elêl brincou com a estimabarbicha de seu queixo, olhou para o tempo propositalmente efinalmente disse, "não -definitivamente não, me sinto incapaz. Não posso fazer isso. Porém ouvirei sua idéia, se você quisercontar-me como seria este ritual - você sabe não existe precedentes. O ritual maçônico não tinhaforma até a Grande Loja na Inglaterra ser criada. Alguns dizem que levou todos da história adesenvolvê-Ia, e você quer que eu escreva um ritual no qual presumo num curto espaço de tempo.Não posso fazê-Io porém estou interessado em suas idéias.""Ele é até o momento formação e não qualificação. Ele parece-me de que lá seria em duas partes, ouiniciações, ou graus. Os romanos você sabe tinham uma cerimônia quando um jovem vestia a togada maioridade. Na época do Rei Arthur, um squire era requisitado para passar uma noite dereflexões antes de receber o toque de uma espada em seus ombros, assim deste modo ele entrava nafidalguia.Talvez uma iniciação seria como esta: Dramáticos os anos de crescimento, como um jovem arealizar um sonho - uma espécie de recompensa - uma recompensa ao jovem. Nesses dias elesestariam perdendo os antigos valores e eles deveriam ficar em retiro.""Quais valores e quais virtudes você sugere?"Havia agora um notável interesse quando Frank teve notas mentais e sentiu o visual do que era estarno entusiasmo de um homem mais jovem."Eu pensaria primeiro de tudo no amor dos pais que deveria ser incluído, então haveria uma espéciede ênfase religioso que simpatizaria os rapazes de todas as crenças. Eu gostaria que essa geraçãoconservasse um pensamento de consideração pelos outros - falar com cortesia. "Marshall estava agora tornando-se definitivamente interessado, "com o final da gruerra nósestaríamos encorajando o patriotismo, e lembraríamos os companheiros a encontrar no serviço,chamá-Ios de companheiros se você preferir. "
  • "E o que estou pensando é que existem outras virtudes, também. Como a fidelidade de JacquesDeMolay, a pureza do viver e a pureza do pensamento. Nós podemos também enfatizar a mudançaexemplificada com a entusiástica vida da juventude com o futuro cheio de sonhos, até virem os anosfinais. Como isso lhe parece, Frank? A idéia simpatiza você?""Estou começando a ver algo belo enquanto você fala. Você disse uma recompensa para jovens?""Sim que pode ser a base, o início.""Porém você primeiro mencionou dois graus. Qual seria o outro?"Land hesitou com uma expressão de que queria tornar-se o malS transparente possível para ele."Quero cada rapaz ajoelhado diante de um altar. Quero que cada rapaz tenha um juramento e sintaque depende somente dele. A segunda parte pode ser diferente. Talvez um tablado para dramatizar ahistória DeMolay. Eles estavam fascinados então contei-Ihes de sua devoção pela causa e de sualealdade para com seus irmãos. Sim aquilo pode ser. O pensar no drama o elenco, o cenário, arepresentação teatral, a oportunidade aos rapazes atuarem individualmente. Não vou levar umsimples não como resposta. Pense sobre isso e me chame amanhã."Naquela noite Frank Marshall não pode dormir. Em sua imaginação ele via a sala repleta de rapazese uma cerimônia de iniciação. Inexplicavelmente ficou atento à agonia de Notre Dome a fumaçaanunciando a morte de um mártir pela torcida em frente da catedral. Ele esqueceu de dormir e foipara a mesa de trabalho. Ele chamou por toda sua habilidade, e perseguido pela imagem de Frankdizendo, "você é o único capaz de escrever este ritual para a Ordem DeMolay." Ele escreveu a noitetoda e parte da manhã. Somente ao meio dia ele pegou seu telefone. "Venha rápido, Frank:.Acredito que tenho o ritual para você. A idéia está esboçada. Precisa de refinamento nas palavras eexpressões porém acredito que o tenho."E assim ele teve. Pode ser chamado de gênio ou visão ou ressurgindo para uma mudança, porém oque ele escreveu serviu como inspiração para milhões de jovens. Semanas foram gastas para refinare aprimorar. Um dos membros da Associação DeMolay, Ted Little, chamaram por ele em sua casa eencontrou-o balançando numa rede com um abano em sua mão e um cachimbo soltandopublicamente revoltas nuvens de fumaça. Marshall não fez esforços para entender mas prosseguiugentilmente a balançar com ele desfrutou dos movimentos e das sombras das enormes arvores decarvalho suportes de seu confortável descanso de balanço. Sua saudação foi cordial e amigável. ai,Ted. Que agradável interrupção." Então indicando com seu cachimbo ele explicou; "isto é minhasintonia com o céu - uma espécie de código de fumaça. Eu preciso de um contato com o infinitopara dar-me inspiração quando escrevo."Então o manuscrito estava em sua forma final, Frank Land flutuava em cada trabalho, e um diadisse, "está faltando algo. Na noite passada vi quando minha mãe cobria minha irmãzinha na cama.Existe algo na maternidade que me arranca o coração. Quero incluir uma oração onde Deus olharápor elas. Vamos preparar um serviço que pode ser oferecido antes de dormir - 21: 00 horas - horamútua em que os companheiros fazem juntos. Talvez ela iniciasse com, Irmãos, derramamos nestahora sobre toda a terra nosso amor, às mães que estão depositando seu amor sobre o leito de seusfilhos. Vamos interromper nossas deliberações e oferecer uma prece à nossa mãe." Acho que osrapazes ajoelhariam e até mesmo numa festa ou baile eles incluiriam este serviço - uma espécie deintervenção!"Dia após dia o manuscrito era revisado, aperfeiçoado e polido gramaticalmente, até que ele refletiuo significado do mergulho numa experiência ritualística por palavras e ações. A própria profundezaespiritual e sinceridade de Frank Land radiava através das escritas de Frank Marshall até ambosestarem satisfeitos de que este ritual impressionaria e inspiraria os jovens à viverem através dosanos sob uma dedicada devoção à Deus, ao País e ao Lar. Serviços adicionais para abrir e encerrarCapítulos foram escritos. A cerimônia de Interpelação ganhou um lugar de destaque.
  • Então na iniciação da Ordem DeMolay, um ritual foi escrito para iniciar a marcha através do tempo.Porém não havia um simples garoto que tinha sido iniciado ou compromissado como membro.Como poderiam aqueles não tinham sido iniciados sob um ritual conferir cerimônias de graus aosoutros? Onde dar-lhe início se não há acumulo de experiência? Aqui o presente de organização eamor de Frank Land tomou posse. O tempo veio para preparar seus jovens à receber o compromissodo Ritual, e. então conduzir as cerimônias de iniciação a outros com dignidade e beleza.Durante este período os meninos estavam agitados pois algo incomum estava acontecendo, porémnenhum deles tinha visto ou lido a cerimônia. Alguns não tinham nem sequer ouvido a respeito atéchegar o momento da convocação no final do verão Papai Land esperou a oportunidade de falar."Por vários meses", ele começou, "nós tivemos um bom grupo de jovens reunindo-se no Templo doRito Escocês desta cidade. Temos desfrutado do espaço fisico e de outras coisas. Tem sido um bomcompanheirismo. Agora proponho aos irmãos irem mais longe e acrescentar-mos certas cerimôniasàs quais dão significado ao nosso grupo. Frank Marshall esteve escrevendo um ritual para usarmos.Tem um profundo significado. Não quero forçalos a isso porém lembrem-se de que se vocês oaceitarem, não há retor!l0 Vocês serão questionados sobre o solene compromisso pelos quais vocesse enquadrarão a viver deste momento em diante. Alguns de vocês anteciparam deste modo umprograma têm pedido permissões para ler as cerimonias de iniciações e compromissos . Eu não quisconceder esta solicitação . Quero que cada um de vocês experimente algo do segredo que sempreestará num DeMolay . Asseguro-lhes de que não há nada escrito que possa te constranger, nem hánada que excite a jovialidade de vocês . Não há asno prá montar . Não há nada na forma deleviandade. As cerimonias são solenes para gravar em suas mentes verdades do correto viver, agorae nos anos que virão. "Os meninos ouvirão então esta nova aventura da Associação deles explicada . Havia um senso demistério e segredo sobre tudo o que ele trouxe, emoções misturada com entusiasmo para umaaventura desconhecida e expectativa pelo que estava para acontecer. Um expressou seu sentimentodizendo, " Estou tremulo". Land havia sugerido, quando ele deixou a sala onde eles estavamreunidos, que eles ficariam juntos e então viriam para o auditório assim que seus nomes fossemchamados. Lá eles receberíam os compromissos de um DeMolay . O primeiro nome chamado foiGorman McBrid , o prímejro oficial eleito presidente. Então em grupo de quatro, eles tomaram prasi mesmos os juramentos, a serem assumidos através dos anos por mais de três milhões de Jovens.Todas as incertezas foram varridas enquanto cada garoto era chamado para entrar no espaçosoauditório e receber seu compromisso . O cenário levava a sugestão de iniciação no início de umprograma de profundo e constante importância.Ele viu na turva iluminação da sala, um altar coberto por um simples pano branco , sem insignias ,num dos cantos dos quais havia sido colocado vários livros escolares. O vermelho, e branco deudestaque a uma usada bíblia no centro do altar - A mesma bíblia dada ao "Papai" Land anos antespelo perfeito atendimento ás escolas de domingo. envolvendo este centro de suas atenções estavamsete velas iluminadas em altos castiçais de madeira , e atrás de cada vela de pé , um homem usandoum capuz branco do grau maçon 33 . Pra cada menino era pedido que se ajoelha-se, que colocasesuas mãos sobre os manuscritos diante dele , e repeti-se as palavras de compromisso assim que elasfossem ditas por "Papai "Land . Em algum lugar da sala um órgão era tocado, e assim cada umtornava pleno seu juramento, um coro cantava suavemente os verso de um hino de dedicação . Apóscada garoto cumprir seu compromisso ,era pedido para que se levantasse , e se ele havia sido eleito ,ou apontado para um oficio, ele então era conduzido para o local na sala - Sua estação onde eleatuaria em ritos e cerimonias no novo ritual.Aquelas linhas completas eram os primeiros oficiais servindo. Averill C. Tatlock mestre conselheiro Harry A. Carpinter primeiro conselheiro
  • Louis G.Lower segundo conselheiro WilliamW. Lewis escrivão Harry C. Clark tesoureiro Delas H. Elmore 1° diácono Richard M. Slater 2° diácono Jack T. Harris 1° mordomo Roberto E. Balchier 2° mordomo Richard M. Wakefield capelão Kenneth Miner sentinela Ernest E. Hall 1° preceptor Ralph Vance 2° preceptor Calvin P. Boxley 3° preceptor Burrett N. Ackenhouse 4° preceptor Ernest P. C.Moss 5° preceptor M. Harvey Walker 6° preceptor MerriU K. Dubach 7° preceptorajustados e iniciados. Frank Marshall sinalizou com a cabeça para Frank Land , e seus lábiossilenciosamente formaram as palavras, " Ele é bom - Ele fará".5. QUANDO UM SONHO ESCRAVIZA UM HOMEMo sonho de Frank Land por uma organização distinta para ajudar jovens a crescerem namasculinidade com distinção e propósitos tomou-se uma realidade em poucos meses, de março asetembro de 1919 . Durante esse período sua dedicação a ordem que ele havia criado tinha sidointensa, que ninguém podia dizer em conversa com ele que todos os seus sonhos não haviam sidorealizados , ou esta realidade consistia de sonhos. Então ele argumentou que o que nós estamosformando é bom e é recebido com entusiasmo pelos meninos do colégio . É preciso também serbom para os jovens das outras três escolas da cidade - Talvez para aqueles de idades semelhantesem outras cidades - Talvez, e talvez o sonho expandido, pelos jovens do mundo . Tão grande era ocrescimento de seu sonho que todo o seu tempo e geniosas criatividades eram doadas para aperfeição de um sonho . Ele conversou com os homens , os quais estavam interessados em sua novaassociação de meninos . Constantemente ele chamava por Frank Marshal , o juiz Cochran , e Pád .Os bons para se aconselhar, porém mais que tudo, com sua profunda natureza espiritual , ele tornou-se um vitalício na prática de iniciação, cada dia em meditação e iniciação, pedindo orientação eaprovação de seu Deus.O patrocínio teve que vir primeiro , e isto era dado pela ADONIAN LODGE OF PERFECTION OFTHE SCOTLAND RITE BODIES de Kansas City . Participando com a completa responsabilidade,o primeiro conselho deliberador de um capítulo DeMolay foi apontado constituindo de , John H.Glazier como presidente Frank S.Land , como "Papai" , Perce A.Budd , Frank A. Marshall , ArthurS.Metzger, Fred O. Wood , Leon Thalmar, W.P. Osgood , Raymond A. Havens , Frank I.Buckingham, Elles R. Jones e Alex McDonald . Cada homem estava para tornar-se um grau 33 norito maçom escocês, e todos foram no passado ou presente oficiais no rito escocês. Agora com opatrocínio havia muito para ser feito . E lógico no inicio deste período o ritual tinha sido elaborado ,e teria recebido, as mais altas expressões de aprovação dos que foram permitido le-lo.o primeiro grupo de meninos havia sido compromissado no primeiro altar DeMolay. Porém o ritualnunca tinha sido exemplificado , nem possuía o modo preciso de movimentos na abertura de umcapitulo , trabalhado fora. Havia assim muitas partes à aperfeiçoar nos graus que podiam somenteserem trabalhados através de testes e experimentos. O sonho de Frank Land , era que cada parteprecisava ser apresentada com a mais alta perfeição , e ele soube que isto só poderia ser através deincessantes ensaios .
  • Nas iniciações de qualquer organização existem inúmeros detalhes que precisam sercuidadosamente planejados. Havia a decisão para ser tomada a respeito das vestes para os oficiaisdurante as reuniões , hábitos , costumes para serem designados ao drama da 2° parte do grau deiniciação , bem como as formas de petições e privilégios dos membros companheiros , adeterminação de obrigações, remunerações e alguma insígnia para servir como símbolo DeMolay .Numa tarde de junho, Frank chegou em casa num estágio de ansioso excitamento. Ele havia apenaspensado numa solução para um problema que havia estado no fundo de sua mente durante muitotempo . Sua esposa deu-lhe as boas vindas na porta do apartamento deles, e ficou surpresa com asaudação dele, " Nell, onde está o quadro que píntei há muito tempo atras , de um escudomensageiro ? Você sabe , o primeiro que desenhei na escola de arte . Um que intimou-me a serexcluído. "Nell pensou um pouco . " Acredito que posso acha-Ia, Frankie , " ela disse, e após alguma demoratrouxe-o para dentro da sala. Frank olhou para ele de todos os ângulos, colocou-o numa cadeira paravê-Io de uma distancia, e exclamou, " é perfeito . é tudo que precisamos para nosso emblema.Precisamos ter um emblema, você sabe. Eu redesenharei este um com pequenas mudanças , e ousarei sobre a toalha do altar, para o posto de preceptor, o desenho de um broche, para ser usado porcada DeMolay , e como nosso suprimento. Olhe pra ele ! Existem até dez pedras preciosas ao redordo escudo . " Ele pensou por um instante , "Parece-me que as pedras personificariam algo e temmaior significado do que apenas servirem como enfeites."" O que você sugere? "Land , pareceu-me perdido em seu mundo se sonho e finalmente respondeu , " Acredito que elassignificariam o primeiro de nossos garotos , Louis Lower , e os outros oito que vieram com elenaquela primeira noite que agora parece tão distante. ""Porém eles são somente nove", questionou NelI. "E a décima pedra?"Lentamente Frank voltou-se para ela, pegou as mãos dela nas suas e com profunda emoção disse, "A décima pedra representará para mim o fundador do grupo, sempre terei orgulho de tomar-medeste modo uma parte do símbolo da organização DeMolay . " Vagarosamente ele continuou, "nospróximos anos cada um de nós entrará para a aventura através desta vida . Então a cor de cada pedra, em volta, pode mudar de brànco para vermelho ,nos anos atuais serão dez rubis para dartestemunho daquela iniciação. Existiam dez, os quais realizavam um sonho juntos. "o desenho foi complementado e levado para avaliação e previsão do tempo de fixação para aprimeira pedra. Pad Osgood estava com o desenho." Precisamos de um marcador de bíblia e umacapa para cada preceptor usar, então voluntariou-se, "Deixe-me levar para casa isto. Minha esposa éuma excelente costureira. Ela ficará feliz em faze-Ias. "Então os símbolos eram completados,usados por muitos ap.os e quarenta anos depois são encontrados num "niche" no museu da recentehistória DeMolay. Eram feitos de uma antiga vestimenta de veludo vermelho real com lateralafunilada e terminada com borlas de ouro com o emblema no marcador da Bíblia e as virtudes dasestações do preceptor bordadas pela habilidade das mãos delas e dedicação pela causa.Próximo de Agosto os primeiros ensaios foram executados. O ritual não foi em forma de livroporém a cada oficial foi dado uma cópia mimiografada com suas partes sublinhadas em vermelho.Papai Land tinha falado á eles no encerramento da noite quando cada um deles havia feito seupróprio juramento DeMolay. "Esta é uma noite para ser lembrada por muito tempo. Nenhum de nósaqui jamais a esquecerá ela estará para sempre gravada em nossas mentes. Você não está mais longede uma Associação - vocês são agora membros da Ordem DeMolay. A cópia do ri~ual dada á vocêsdeve ser sagrada e não deve, em nenhuma circunstância, ser mostrada pra ninguém mais além devocês aqui presentes. Espero que cada oficial aprenda sua parte exatamente como ela está escrita -de memória. Cada parte é importante, por tão insignificante que lhe possa aparecer, ela toda
  • combina dentro de um conjunto para dar significado de sua verdade. Haverá um ensaio no próximosábado a tarde e espero contar com a presença de cada um de vocês. Frank Marshall estará conoscopara nos ajudar na plena interpretação de sua escrita. Vários dos melhores mestres ritualísticos daFraternidade Maçônica tão bons quanto a fala dos professores das Escolas Públicas estarão lá paradar alguns apontamentos em dicção, controle de respiração e projeção de voz. Lembrem-se, tudoque fizermos devemos fazer o melhor que podermos. Os vejo no sábado."Este ensaio que parecia ser simples, subitamente tornou-se dificil e complexo. Nenhum garoto entreeles nunca havia sentado numa sala da Loja nem haviam testemunhado uma iniciação dada atravésde um ritual. Somente alguns conheciam os rudimentos da procedência parlamentar. Foi necessárioexplicar o uso de um malhete, duas batidas rápidas para os oficiais se levantarem e três batidasrápidas para cada membro do Capítulo se levantar.A entrada dos oficiais na sala do Capitulo apresentou o primeiro problema sério os rapazespasseavam dentro da sala em grupos de dois ou três e após algumas hesitações cada" um encontravao sua estação. Land e Marshall ficaram horrorizados. Este não era o modo que eles haviamplanejado.Land dirigiu-se para o altar a fim de conversar com deus meninos - para explicar. "Companheiros,estou satisfeito por terem encontrado seus postos. O que é muito importante. Porém, voces precisamter dignidade para dar dignidade, vocês precisam ser sinceros para dar sinceridade aos outros. Vocês entraram na sala como membros de um tumultuo. E minha falha porque não expliqueicompletamente o que fazer. Nós teremos que tentar encontrar a maneira ideal. Como um motor dearranque, vamos tentar vir para dentro da sala numa fila dupla. Circundar a sala e então cada qualvai para seu posto a permitir passagem no caminho e de pé diante de seu lugar". Isto foi feito porémestava ainda desordenado, e faltava aperfeiçoar, os movimentos, sozinhos os rapazes subitamenteencontraram o que procuravam.Finalmente, Louis Lower falou, "papai, se permitíssemos então que a licença do homem para virpara seu posto primeiro e o próximo homem ocuparia o próximo posto e assim sucessivamente,parecia melhor para mim, igualmente se nós circundássemos a sala em outro momento." Isto foifeito e a ordem correta dos oficiais entrando na sala do Capitulo lentamente tomou forma.Marshall e Land assistiram cada continua evolução. estava satisfatórié> porem ainda faltava apreciosa qualidade de ser "apenas correta". estava faltando a marca da representação. Land uma vezmas lentamente caminhou para o centro da sala. "Estamos progredindo", ele disse. "Mas tenho umasugestão adicional. É .esta:Um triângulo equilátero tem sido usado como símbolo em todas as épocas. E um símbolo designificado e que faz parte de alguns graus maçônico. Poderiamos usar a forma dele em nossaentrada tenho pensado que com o numero de oficiais que temos, poderiamos fazer um triângulovivo. O mestre conselheiro poderia ser o cume e de pé diante do altar, os sete preceptores poderiamfazer a ultima fileira, ou a base. Os outros oficiais em três decrescendo as linhas poderiamcompletar o triângulo. Então como o respeito faz parte de nossos serviço, vocês poderiam todos seajoelharem-se em harmonia como em silenciosa oração. Eu não aconselharia a se ajoelharem nosdois joelhos - que pode ser deselegante - porem nos podemos nos ajoelhar como Geoge Washingtonno Valley Forge. Tocar o chão somente com seu joelho esquerdo, colocar seu cotovelo direito noseu joelho direito e descansar sua cabeça na palma de sua mão direita."E assim com infinita paciência cada posição do ritual foi ensaiada, remodelada e politizada. Até nospequenos detalhes como aparando as arestas, assim cada candidato foi conduzido de estação aestação onde os oficiais ficavam de pé durante o compromisso, fui ensaiado muitas vezes. O pessoalparecia estar estressado. Fui sugerido seriam usados em todas as reuniões. A hora do ensaio FrankLand protelou dizendo, "Existem alguns que esqueceram de lustrar seus sapatos. Agora na cozinhano andar de baixo desta sala, próximo da caixa de gelo, vocês encontraram graxa para sapatos,
  • escovas e uma flanela. Nós esperaremos por aqueles que necessitam se retirar para lustrarem seussapatos. Quero que cada rapaz ao entrarnesta sala sinta a importância de ser um DeMolay e seu trajar dará significado as palavras quedisser."Veio a perfeição para os trabalhos de solo assim como para as falas e partes dramáticas do ritual.alguns receberam suas primeiras lições em público falando durante esses ensaios dos destacáveisprofessores e ritualistas. Muito mais Frank Marshall pode citar as linhas de Shakespeare:Fale claramente se você falar à todos Pondere cada palavra com cuidado Antes que você a deixesairPara dar autênticos detalhes aos graus DeMolay, histórias foram lidas e gravuras dos costumes doséculo 14° foram estudados. Foram feitos experimentos para dar pavor ao realismo da terrívelpunição da morte pelo fogo. Na mente de Frank Land tinha um drama, ritual e vida que poderiasempre ser melhor. Ele disse, num momento em que estalava seus dedos para os meninos, "Queroque cada um de voc&, sejam um sucesso - sejam o melhor em tudo que fizerem. Não quero vocêsagachados escavando valetas, mas se vocês precisarem, então cavem as melhores e mais retas valasque vocês possam fazer. "Na hora do "Torneio de Campeões" porém esses jovens tomaram-se campeões quando elestrabalharam juntos crescendo com orgulho na antecipação da primeira demonstração do ritual desua Ordem.Uma interessante pergunta foi levantada durante um dos ensaios pelo Capelão. "Papai, estou tendodificuldades em minha parte", ele disse. Não com as palavras ou a dicção, porém tem me sidoensinado que nenhuma oração é completa sem ser acrescentado em nome de Jesus e nossas oraçõesnão fazem isso. Quando acrescentarão?""Ricahard, a adição da frase em nome de Jesus sei que é importaniê para você. Se usássemos emnossas orações, para sempre, nossa Ordem teria significado somente para os meninos Cristãos comovocê. Elas não teria sentido para os meninos que vêm de nossas famílias judaicas ou possivelmentede outra crenças religiosas. Elas podem até ser ofensivas a eles e mantê-Ios em gozação por nossacamaradagem. Veja religião no DeMolay será universal e aceitável a todos. Posso explicar melhor oque pretendo com esta história:"No ano 70 A.D. a cidade de Jerusalém foi completamente destruída pelas legiões de Roma sob ocomando de Titus, seu famoso general. Antes que as paredes do Templo viessem a baixo ... Titusentrou na sala mais sagrada de todas, a chamada Sanctum Santo dos Santos. Nesta sala o conteúdoera desconhecido mesmo aos partidários do Judaísmo, por aqui ninguém podia entrar exceto oGrande Sacerdote e assim somente em dias especiais de cerimôIÚa. Este guerreiro tinha vistomuItos lugares de adoração e muitos objetos diante dos quais dedicados homens haviam curvadosuas cabeças. Titus deve ter tremido assim que ele levantou as cortinas dessa sala e lentamente asabriu. Ele esperou ver algo tão sagrado para inspirar uma nação com tamanha fé religiosadesafiando Roma. Então quando ele entrou ele olhou ao redor e nada viu. havia apenas a calmariada invisível presença de Deus que é um espírito e precísa ser adorado no espírito e na verdade. Ovelho general partiu com um sentimento de admiração. Cercado pelo horror e devastação da guerra,ele foi atingido pela intangível, calma imobilidade de Deus. Isto era o espírito da grande fé queocupava o mais Santo dos lugares."As orações DeMolay seriam como isto. Elas levariam então um calmo, universal espírito de Deus,assim sendo verdade para aqueles que acreditam, como você, na Salvação de Cristo, como paraaqueles que escolhem os ensinamentos dos Antigos Patriarcas e Profetas. "Uma por uma das perguntas foram respondidas. Parte por parte os elementos do ritual eramcomplementados assim como adaptados juntos às tornaremse uma perfeita entidade. Finalmentetudo estava em prontidão para a primeira sala de candidatos no sábado, vinte sete de setembro de
  • 1919. Era uma sala espaçosa porém tão pequena para a extensão desta nova organização de jovensda cidade apressados em colocar seus nomes entre aqueles para serem recebidos neste primeirogrupo DeMolay.o grau iniciático começou às 8:45 horas da manhã com os candidatos divididos em grupos dedezesseis ou mais para receber o grau e a obrigação. Todos grupos foram recebidos através do diacom somente um rápido intervalo para o almoço. Um banquete foi servido à noite e então às 20:00horas - a primeira apresentação do grau DeMolay ocorreu com todos os seus dramas, dedicação, esinceridade.Os mestres Maçons todos ficaram de pé aglomerados ao redor de Papai Land para estender-lhe osparabéns e prometerem apoio e ajuda para o que eles chamam "algo grandioso" que aconteceu emnossa época. Lentamente todos eles partiram e uma exuberante porém cansados grupo Conselheirosconversavam sobre os eventos de um longo dia. Land voltou-se para Marshall dizendo "você temescrito o ritual perfeito para a perfeita Fraternidade". Marshall respondeu, "seu sonho é agorarealidade. Ele lhe servirá como inspiração para jovens através de todas as épocas".6. O DeMOLA Y AVANÇA PARA FORAAsa D. Hurd, negociante, experte em física, e fundador distrital Grã mestre da Grande Loja deivrissouri, olhou para sua escola no Sunday School Class no Linwood Christian Church. Ele viuuma ampla sala com garotos de quinze anos de idade, que escutavam como ele começou suas lições."Na noite anterior estava no Templo do Rito Escocês. Deveria haver, lá, trezentos garotos, todoscompromissados em alguma atividade, tempo e nome. Um ringue de boxe foi montado numa dassalas e no centro do ringue estava o Reverendo Earl Backman, rodando, gesticulando e dando socos.no ar. Com ele um boxeador invisível ele dava instruções e derrubou o oponente imaginário na lona.Os meninos estavam excitados por Earl Backman foi conhecido durante a guerra como o "vigáriobriguento". Um exercito capelão, eu havia dito, que eram vistos pelos homens como pessoasafeminadas, então na primeira designação de Earl, ele espalhou uma notícia que podia levar todosque quisesse para o ringue. Ele disse-me que havia mantido bonita ocupação até eles descobriremque havia sido um lutador profissional antes de entrar no Mnistério"."Eu nunca tinha ouvido à respeito desta Associação para meninos, mas entendo que eles tem umbelo ritual. Eles a chamam DeMolay, ou algo assim. Talvez seja DeMolay do último dosTemplários mas acho que é DeMolay. Companheiros vocês são demasiadamente jovens parainiciarem-se. V ocês precisam ter dezesseis anos de idade. Quando vocês tiverem idade suficientequero ser o primeiro a assinar suas pet!ções. "Este discurso foi repetido em grupos juvenis da cidade. Então um homem interessado nos meninosfez contato com homens e meninos DeMolay, ele sentiu que precisava dizer algo. Assim de bocaem boca, a Ordem tornou-se um vital, entusiástico, idealístico movimento juvenil à inspirar osjovens de 1919 e as gerações futuras. No passado dela ela foi uma marcha excitante na história, aeterna busca para o significado da existência e os momentos de alvoroço do dec1ínio da Ordem dosCavaleiros Templários no trágico crepúsculo das Cruzadas.Existem muitas teorias de como e por quê DeMolay pegou e cresceu como se por mágica. O grupoinicial insiste que em soma à presença de Papai Land, estava a personalidade de Louis G. Lower, oprimeiro DeMolay, conduziu o pequeno grupo dentro da realização de uma Ordem pelo mundointeiro. Ele foi realmente um menino e um homem notável, um líder nato. Outros dizem que foi osucesso do time de baseball que deu inicio ao DeMolay. Alguns dizem que foi ele o treino do timeconduzido por Gib Langsdale, como capitão, ou a banda de cento e vinte componentes, dirigida porCarl Trowbridge, ou a orquestra, coriduzida por Delos Elmore, ou o quarteto com Averill Tatlockcantando a conduta. Alguns dizem e é verdade, que sem a dedicada liderança dos homens daFraternidade Maçônica aos DeMolay teria restado apenas um local para a Associação dos meninos.Na realidade consiste de todas as rãzões dadas, adicionando uma combinação de todos os
  • elementos amados pelos jovens que agora tem uma nova intenção sob a direção de Frank S. Land.,A mais excitante teoria para muitos é que o crescimento DeMolay veio como resultado da perfeitaocasião causada pela necessidade de uma Ordem, e um levante para o desafio de liderança. A guerramundial trouxe em onze de novembro de 1918 a assinatura de um Arrnistício. Os códigos de antigamoral e modos deu caminho para uma nova concepção de como os "vinte bramidos" começaramsuas despreocupações, atalhos dentro do futuro. Esta nova visão da vida e a quebradeira das velhascadeias de restrições eram rapidamente polidas pelos jovens da época, que nunca tinham visto "GayParee" porem gostavam da idéia. Resultou na idade da" Branquela do Bolo" , "Do Fracote" e do "Charlatão ". Uma das rimas da época expressava :Benção sobre ti pequena damagarota desacompanhada, com joelhos de fora com tua reverencia e graça de seus cabelos com tuamaquiagem em teu rostocom teu gingado sedoso da calças justas com tuas finas roupas transparentesno meu coração, eu desejo te alegrar satisfeito por ter nascido um menino.A minoria rebelde entre os jovens tinham plena tendência a publicidade porém a maioriaesmagadora ainda alongada para o dominio das virtudes , e códigos que tinham sempre sidosrespeitados por certos homens pensadores . Muitos dos jovens riscaram a popularidade em recusa aseguir a multidão e em assim agirem , sentirão- se sozinhos , e então agora é o momento da perfeitaocasião - A hora para ter o momento na história , um homem como PAPAI Land , para doar-se -para derramar sua personalidade , nos garotos adolescentes e restaurar uma opinião de idealismo!Era como se a Ardente fumaça da morte de um mártir tinha sido soprada por quatrocentos anos paraservir como farol a alguém que pudesse inspirar meninos pelos dizeres da Cavalaria , de grandesquestões, de dedicadas personalidades , do valor durante todas as épocas , do amor filial , reverencia, cortesia , camaradagem , fidelidade, pureza e patriotismo. Para existir dentro, de todo rapaz, odesejo de tomar-se o melhor que ele possa ser. Muitos homens podem testemunhar anos mais tardeque a inspiração recebida no DeMolay , ficou com ele através 40s anos.Proeminentes maçons em Kansas City estavam inquietos para verem o potencial desta jovemorganização . Eles deram apoio , dedicada liderança , encorajamento , e assistência financeira.Assim o capítulo local cresceu , corpos maçônicos por toda parte da nação ad~riram à visãoDeMolay . O idealismo e jovens mestres, capturaram suas intenções e dispararam a imaginação damaçonaria mundial ,quando seus membros viram antigos mestres colocados diante de um ritual não diferente de seuspróprios trabalhos ritualisticos .Assim que líderes maçônicos viram o DeMolay pela primeira vez , era como se eles tivessemachado uma jóia colocado num novo conjunto, cuja perfeição, precisa ser contada freqüentemente.Eles reconheceram uma rica oportunidade para os homens serem de serventia aos meninos quandoeles se aproximassem dos anos de maturidade. Estes homens deram inspirados discursos depoisdeles terem assistido os graus. Numa espécie de maravilha e uma nova forma de entusiasmo , elespodiam começar com as estações preceptoras e entregar um discurso sobre cada jóia de um novofundamento DIADEMA DA JUVENTUDE. Um mestre maçom, um proeminente advogado , viu aIniciação de Grau, e quando apresentado ao capitulo e convidado a dizer uma breve mensagem,falou por uma hora. Ele tornou-se um antigo Evangelista . Ele iniciou sua palavra pelo lado domestre conselheiro, então fez seu trajeto de um oficial a outro , repetindo as lições para seremapreendidas por cada um . Sua voz teve um acrescido volume quando ele progrediu , ele tornou-seenormemente vigoroso com seus braços acenando , pondo mais ação corporal em seus movimentos.Uma abotoadura foi perdida na estação do primeiro preceptor, uma outra perdida diante do primeiroconselheiro , e seu prendedor de gravatas , foi lançado através da posição do sétimo preceptor,
  • caindo ao lado do mestré conselheiro .Seu entusiasmo foi tremendo, ele consegui aplauso deWilliam Jennings Bryan , porém para os meninos a hora já estava avançada e havia tarefa da escolapara ser feita, para o dia seguinte, e eles o tinham ouvido antes .Bill Lacy, um dos novos membros, jovem como ele era, e um fuzileiro naval durante a guerra, disse- "Eu me alegro com esses discursos. Me fez sentir parte de algo que estava em movimento. ODeMolay tinha que crescer. Estávamos todos indo com ele e nunca teve chance de cair".O DeMolay começou a se estender como fogo selvagem nas campinas.Mais e mais perguntas vinham de maçons e grupos maçônicos à respeito dos requisitos necessáriospara formar capítulos similares ao primeiro de Kansas City. Em sete de abril de 1920, os oficiais eos Conselheiros do Capítulo Mãe dirigiram-se de carro 128 quilômetros até Trenton, Missouri, e lásob a direção de Ray Denslow, um grupo de jovens haviam providenciado para serem iniciados aoDeMolay. A marcha desses nove garotos e um homem tinha iniciado. Papai Land dirigiu-se a classee disse, Estou feliz em dar as boas vindas a cada um de vocês dentro do DeMolay. Eu os parabenizoe a Irmandade Maçônica de Trenton. Oh, a propósito, meus meninos me chamam de Papai eacredito que seja um bom precedente para chamar cada Conselheiro pelo título de respeito eapreciação, portanto gostaria que Papai Deslow agora nos dissesse algumas palavras."Após um mês em oito de maio de 1920, um Capítulo foi constituído em Omaha, Nebraska, o Dr.Zoro D. Clark, um proeminente dentista de Omaha e Kinley Combs, um joalheiro tinham visto otrabalho DeMolay em Kansas City e pediu permissão para formar um Capítulo em sua comunidade.A equipe de graus do Capítulo Mãe foi levado para Omaha para este encontro inicial do primeiroCapítulo formado fora dos limites de Missouri.Os líderes maçônicos de estado em estado, de cidade em cidade, ouviam sobre o DeMolay,completavam o profundo desejo de ser útil aos jovens, procuravam permissão para formaremCapítulos. Harry Bundy, uma das grandes personalidade DeMolay e por muitos anos oficial daJurisdição de Colorado, conta como tudo começou em seu estado "R.H.Malones que era um dosprimeiros membros do Grande Conselho de Colorado, estava atendendo a um encontro debanqueiros em Kansas City na época da organização DeMolay . Sendo um ativo maçom e delegadodo Supremo Conselho do Rito Escocês, ele foi para o Templo do Rito Escocês e questionou umhomem lá, o que estão todos esses garotos fazendo ao redor do Templo maçônico à noite?Aconteceu do homem ser Frank Land e ele disse, porque esta é uma nova organização. Vocêgostaria de assisti-Ios, Irmão MaIone? E o Irmão MaIone foi convidado a entrar e testemunhar oque mais tem sido a reunião da organização dos membros da Ordem DeMolay para meninos, quefoi o noine por eles escolhido. ""E o irmão Malone testemunhou os graus por longo tempo e pediu permissão para leva-Ios aColorado.A nova consistência do Rito Escocês tinha cem mil dólares e queriam atividades em quepudessem patrocinar. Frank deu sua permissão para ter uma Ordem lá, porém sugeriu queesperássemos até setembro após o Capítulo de Omaha ter sido instituído e os meninos haviampromovido aperfeiçoamento em seus trabalhos através da instituição do Huron Capítulo DeMolayem Kansas City, Kansas. Eles vieram a Colorado e após a instituição o DeMolay progrediuestavelmente. Nós chegamos ao ponto de estarmos com quinze Capítulos e teria que ter umaagência central, e nós formamos o Capítulo Estadual DeMolay. Nós havíamos decido que nossolimite seria de vinte, porém agora estamos com cinqüenta e sete Capítulos e não temos nenhumarranhão aparente. Cada comunidade quis ter um Capítulo e nossos próprios membros viajaram aLamar, Colorado Springs, até mesmo Grand Junction acima dos declives ocidentais, e então aonorte de Fort Collins, Loveland, e Greely. Os nossos rapazes instituíram capítulos em todas nossasmais distantes cidades com pouco para guia-Ios, porém com o sentimento de que era bom para osmeninos e para aqueles maçons que estavam por trás deles. "
  • Foram formado capítulos em St. Antônio, Texas, Pittsburg, Kansas, Dulreth, Minnesota, St. Loreis,Missouri e San Francisco, Califomia. Em trinta e um de janeiro de 1921, haviam cinqüenta e doiscapítulos com um corpo de 2.216 associados. Em muitas dessa viagens para instituir novoscapítulos, o Capítulo Mãeenviou sua equipe de graus, banda, patrulha e oficiais num trem especial que pararia nas cidadesdaquela rota, onde a banda tocaria e a patrulha faria sua exibição de marcha com exercícios deprecisão. Em outubro de 1921, a equipe de grau do . Capítulo Mãe juntos com os membros doConselho Conselheiro foram levados numa excursão pela estrada de ferro para instituir CapitulosDeMolay em Toledo e Cleveland, Ohio; Hyattsville e Baltimore, Maryland; Washington, D.e.; NewYork City; Indianápolis e Evansville, Indiana; e Louisville, KentucKY A maioria destas cidadestinhain vastas salas de candidatos. Indianápolis tinha uma sala de 744. Em trinta e um de janeiro,165 capítulos entregaram os relatórios anuais do final do ano de 1922 mostrando um corpo de28.638 associados ativos.Cada excursão para instituir um capítulo era uma gloriosa aventura. Os meninos vinham de laresmodestos e nunca tinham saído de casa. Juntos ele se emocionavam com o movimento do trem,correndo no vagão restaurante, dormindo nos carros Pullman, e divertindo-se da luxúria dos hotéis.Assim como Land, Sócrates nunca se aventurou além dos limites de Athens, nunca tinha viajadolonge de sua cidade natal.Em New York City eles ficaram no Pennsylvania Hotel com quartos no andar superior. Aapresentação dos graus DeMolay que a noite havia recebido aplausos de pé maís tarde os rapazestinham feito suas memoráveis excursões pela cidade. A noite para eles ainda era uma criança, entãoeles se reuniram em várias salas para conversar, para comer comida importada e para compartilharexperiências. Vindo de uma discussão de grupo, Willis Sheferd, segundo diácono, percebeu quehavia deixado sua chave em seu quarto , e agora estava ele descalço e de pijamas diante da portatrancada . Ele estava apavorado com a gozação que receberia dos outros se ele voltasse para pedirajuda e estava demasiadamente acanhado para pegar o elevador e pegar a outra chave na recepçãodo hotel. Para ele havia somente uma coisa a fazer. Ele desceu os vinte e quatro lances de degrausem sentido a sala de espera. Lá ele se escondeu atrás de uma coluna até um mensageiro trazer-lhe aoutra cópia da chave. Cansado, e com a sala de espera vazia, ele ainda estava apavorado de alguémte-Io visto trajando um pijama então ele subiu os vinte e quatro andares de volta a seu quarto.Gib Longsdale, durante a excursão a St. Louis, foi acomodado na casa do Mestre Conselheiro dorecém criado capítulo. Era uma agradável casa no setor alemão da cidade, onde todas as casas eramparecidas com paredes Jateraís comuns no mesmo padrão e estilo na vizinhança. Gil) atrasado esozinho uma noite. Ele subiu alguns degraus até a porta e, como ela estava trancada, rapidamenteencontrou seu modo de atravessar a sala e subir as escadas. Então ele silenciosamente entrou em seuquarto de dormir e acendeu a luz. Instantaneamente um grito foi solto no ar e uma senhora na camacomeçou apressadamente a puxar as cobertas ao redor dela e para gritar novamente. Gib, gaguejouuma desculpa, retirando-se agachado, levantou-se ese sacudindo escada a baixo. Ele olhou para a casa e para casa ao lado - elas eram todas iguais.Resmungando sozinho ele disse "O que este indivíduo tàrá pelo DeMolay!" e então "deslumbradotentarei a próxima casa".Numa outra cidade os quartos eram então designados, dois membros da equipe de graus, foramagitados procurar, tinha sido dado a eles a "suíte nupcial". O contentamento deles ofuscou quandoeles encontraram cínco outros rapazes que iríam compartilhar a suíte com eles. Eles encontraramsete camas no quarto e pensando que havia sido colocado camas extras, levantaram cada cama eencontraram profundas impressões no carpete a indicar que as camas estavam permanentementefixadas. Eles passaram o resto da noite ponderando como uma suíte nupcial podia ter sete camas,
  • porém um dos meninos racionalizou pela exclamação "Eles querem ter certeza de que estãoconfortáveis!"Deixando o Hotel em Newark, New Jersey, os rapazes encontraram Papai Land bloqueando asportas de saída para a rua. Agora companheiros, levem suas bagagens de volta a seus quartos e asdesarrumem. Vocês deverão encontrar algumas coisas que lá estão por engano e que não lhespertencem. O gerente do hotel disse-me que existe uma multa de quinhentos dólares por tais coisascomo, toalhas, cobertores, prataria e cinzeiros. Sei que todos querem lembranças da excursão,porém vamos aliviar nossos bolsos. Voltem para cima, leve um relatório. Eu segurarei o ônibus atévocês voltarem ."O interesse de todos era a perfeição do trabalho a ser apresentado na próxima cidade. Pontos fracoseram colocados para fora e os membros do elenco tiveram grande orgulho da parte designada poreles. Estavam no trem próximo a Coldwater, Michigan, quando Land subitamente ficou duvidosoquando a habilidade de Don Munro, o novo mestre Conselheiro. Don havia se desempenhado bemem todos os oficios, mas este era um desafio especial. Então ele chamou alguns meninos paradiscutirem juntos a substituição de Bill Lewis na posição de Don. Eles disseram, "nós queremos queisto seja bom. Votamos em Don." Após a investigação, era Bill Lewis que dizia, "Munro tremeu demedo".A questão em freqüentemente colocada para aqueles que faziam estas excursões como eles faziampara se afastarem por longo período e mesmo assim permanecer na escola; como eles eram capazesde manter seus graus e a formatura. A resposta deles era, "nós gerenciamos com empenho de nósmesmos para ambos por nossas lições e pelo orgulho que temos na promoção DeMolay. A maioriade nos tínhamos empregos após a escola para melhorar. Era dificil às vezes ,porém nenhum de nósfaltava a escola. Quatro de nós, sempre eram dispensados a sair uma tarde para cantar no quartetoDeMolay sem permissão das autoridades escolares. Quando falamos a Papai sobre isso, ele chamouo Dr. Wallace A. Armour, Presidente da School Board e um proeminente maçom do Rito Escocês,explicado a situação, eforam autorizados Papai Land sempre cuidou com carinho seus meninos. Ele nos vigiava durante asexcursões como uma galinha numa ninhada de pintinhos.Ele mesmo nos dava pílulas fortificante antes de Irmos para a cama todas as noites para nos manterem forma. !IEm casa o Capítulo Mãe continuou a crescer e muitos mais capítulos DeMolay eram formadosestendendo por toda a nação. Frank Land foi forçado a entregar seu trabalho no Comitê deAssistência Maçônica para dedicar todo seu tempo a Ordem que ele havia fundado. Havia assimmuita correspondência, muitas pessoas assim para visitar e muito mais detalhes da organização paraser trabalhada fora e ele não podia dividir seu tempo nem dar apenas meio período ao DeMolay. Eleestendeu sua energia sem sem medidas e parecia confuso às vezes o crescimento que colocava oDeMolay como um grupo jovem de destaque na nação.Em fevereiro de 1923, quando ele entrava em seu apartamento, a saudação alegre de Nell foi, "Oi,Sock, este deve ter sido um grande dia. Seus olhos estão sorrindo. Você olha como se algo de bomtivesse acontecido. Venha e me conte, agora."Doçura" ela disse, "nós apenas demos permissão ao capítulo de Grande Forks, North Dakota, parair a Winnipeg, Canadá, instituir um capítulo DeMolay lá em vinte e quatro de fevereiro. Imagine,qual é o significado em termos um capítulo Canadense. O DeMolay será agora internacional. Aassociação dos nossos meninos se tornará a Internacional Ordem DeMolay."
  • PARTE II7. PROJETOS NO TRESTLE BOARDHavia uma antiga lenda que falava de um mestre construtor que fez uma experiência de entrar nacatedral era construida durante o silêncio do meio-dia de cada dia e assim os artesãos levavam horaspara se refrescarem. Lá ele primeiro oferecia uma oração seguindo a orientação do GrandeArquiteto. Então ele continuava a desenhar projetos no Trestle Board. Eram planos criados a seumodo que os trabalhadores tiravam complementação para o trabalho da construção. Ele podiatrabalhar em pedra e misturar os arcos de suporte para dar significado, beleza, força e simbolismoaos seus trabalhos.Frank Land, em suas horas de meditação, agora via a necessidade de formar um guia da organizaçãopara expandir os horizontes DeMolay - ele concretizou a urgente necessidade de "desenhar planosno Testle Board" assim os capítulos de sua Ordem teriam direção e unidade de ações. Ele voltou-sea Alexander G. Cochran, em 1920, representou a força da Ordem Maçônica em Missouri como oSoberano Grande Inspetor Geral do Rito Escoces, da Jurisdição Sulista. Ele era um homempoderoso em ambos habilidade e fama. Ele foi admitido no cargo quando estava com dezenove anosde idade e praticou advocacia por oito anos em Pittsburgh, Pennsylvania. No ano de 1874 ele foieleito para servir como membro do Congresso dos Estados Unidos e com a sua saída daqueleescritório mudou-se para St. Louis onde a Missouri Pacific Railroad usou seus talentos por muitos emuitos anos como seu Representante Geral. O Presidente Taft certa vez havia sugerido o nome delepara uma vaga no Supremo Tribunal, porém sob a pressão do partido político de oposição teve querelutantemente retirar o nome dele da indicação.O juiz Cochran assistiu a formação da Ordem DeMolay e em oito de novembro de 1919, atendeu aum encontro com o Capitulo Mãe. Ele tornou-se um entusiástico patrocinador. Os meninos estavamum pouco admirados por sua presença e seu ar de pompa mas deram-lhe, naquela reunião o Títulode Grande Comandante. "Grande vencedor" seria o título mais apropriado por ele dar sua liderançae orientação aos jovens daquela época até sua morte, servindo como Grã Mestre DeMolay de 1921a 1928.Os dois homens encontraram-se em St. Louis enquanto assistiam a conferencia no outono de 1920,o juiz Cockran disse: "Frank, em todas as histórias fraternais nunca e:mtlu nada como isto Quantoscapitulos existem desde o IniCIO, como me lembro a dezoito meses atrás!"Existem aproximadamente cinqüenta capítulos. A indicação é que dentro do outro ano esta imagempode mudar para mais de quinhentos. Todo dia vem indagações de toda a nação."Cochran coçou sua cabeça, "É o que eu imaginei. Como voce pretende controlar esse crescimento?V oce não poderá faze-Io sozinho. Oh, eu sei que voce tem bons patrocinadores e um grupo dehomens que trabalham com voce em Kansas City, porém isto não é suficiente. Lá precisa haver umGrupo governando para levar adiante estes seus Conselheiros tão bem quanto o homem- chave emvários estados onde voces tem Capítulos A menos que voce tenha tal controle do grupo - então meajude voce encontrará outros levando adiante seu ritual ou alterando-o no futuro . Grupos similaresserão formados sem seu consentimento e, a menos que eu esteja enganado, voce estará sujeito atodas as espécies de críticas como pessoa. Existem sempre os ciumentos - os invejosos - que semhesitação pregará a pele de um homem de sucesso na porta do celeiro.""Estas coisas já tinham me ocorrido, exceto a última, pois minha pele ainda está perfeita.!l Frankrespondeu. "Por exemplo, em um dos estados do norte um grupo de meninos havia sido recémformado similar ao DeMolay mesmo o ritual quase identico ao nosso. Mas, o que podemos fazer?Tenho então, recebido todos os tipos de cartas negativas num esforço para derrotar-me. Algumasdelas chegam a sugerir que eu estou conseguindo enriquecer através do DeMolay, outras indicamfraudes em jóias DeMolay. Tenho sido até mesmo acusado de conduta imoral. Isto tudo fere porémo mais importante é manter o DeMolay como uma entidade. Voce está certo, Juiz, tenho pensado
  • muitas vezes nisso e em nossa conversa de hoje, estou convencido que nós teremos um grupo deorientação sendo o centro e controlando a força para o DeMolay."Desta conversa os planos de uma organização cresceu. Uma reunião de formação foi feita em vintede novembro de 1920, no Baltimore Hotel em Kansas City com Land e Cochran liderando adiscussão com líderes locais. Foi apontado um comite para escreverem uma Constituição,designando dias especiais para observações de todos os capítulos, para fazerem planos e agendaspara as primeiras reuniões às quais seriam para apresentar o "Grande conselho da Ordem DeMolaypara meninos."Frank Land foi tomado por um senso de beleza, o uso do espaço e uma dramática apresentação emtodas as coisas. Agora ele preparou o auditório do Templo do Rito Escocês em Kansas para oprimeiro encontro do Grande Conselho programado para os dias sete e oito de março de 1921.Primeiro toda a área do chão e todas as acomodações foram limpas, então um altar DeMolay comum revestimento em cetim branco o qual havia sido bordado na frente um emblema De:vIolay e foicolocado em frente aos degraus de acesso ao palco. Sobre o altar ele colocou uma Biblia com ummarcador num canto. rosas e cravos foram colocados para dar cor ao . local. Uma cortina de palcosimples na cor e na aparencia foi usada como um complemento para o encontro.Talvez ele tenha se lembrado da "mesa redonda" do Rei Arthur, por ter arrumado as mesas de talmodo quanto a formar um grande elipse e as cobriu com feltro de fundo verde . N a direção destamesa a poucos passos do altar havia uma pesada escultura, uma cadeira de braços com encosto altoe almofadada com tecido em alto relevo. Isto era para Alexander Cochran que havia sido escolhidopara servir como Grã mestre provisório e para presidir as reuniões . As cadeiras menores foramcolocadas sob a mesa com cartões de nomes a indicar onde cada homem deveria se sentar. Landcomo escrivão interino, foi acomodado a direita do Grã Mestre.Havia uma atmosfera de sorte na sala quando os homens olharam seus lugares que foi destinado aseu novo movimento juvenil e percebeu que toda palavra, que toda ação e toda decisão deste grupoinfluenciaria e daria tradição para os anos futuros. O juiz Cochran abriu a reunião e então FrankLand dirigiu-se ao grupo dizendo, "V ocês são os homens que tem estado comigo desde o iníciq. Voces tem sido um grupo de nove rapazes a crescer num companheirismo com milhões. O interesseque vocês tem dado, a boa vontade de voces darem seus tempos e influências tem feito possível estecrescimento. V ocês todos são homens dedicados e interessados em ajudarem os meninos acrescerem dentro da masculinidade com um respeito a Deus, ao País e uma apreciação pelo Lar.Temos trabalhado juntos e temos encontrado aqui nesta cidade algo tão importante que é agoracompartilhado com outros grupos através da nação. Temos orgulho daquilo que temos feito. Agora,por necessidade é nossa obrigação criar um grupo de governo para trazer unidade ao ritual e modosde procedimento pelos quais os capítulos do Atlântico ao Pacífico e do T exas ao ivIínnesota podemoperar. Convoco a cada um de vocês a aceitar a função que voces assumirão como os primeirosmembros do Grande Conselho com a mesma dedicação e boa vontade para servir o DeMolay comovocês tem então belamente mostrado no passado. Antes de entrarmos no trabalho deste dia, vamosseguir a tradição da maçonaria em oferecer uma oração."Todos os homens convidados para este encontro de formação estavam presentes exceto John A.Glazier e Harry L. Salisbury. Aqueles presentes eram:
  • Alexander G.CochranFred O. WoodRaymond D. HavensPercy A. BuddAlexander McDonaldFrank S.Land Ellis RJonesFrank r. Buckingham F rank A. Marshall William P. OsgoodAthur S ivIetzgerDurante a sessão Fred O.Wood movimentou que os homens seguintes seriam eleitos para serviremcomo membros do primeiro Grande Conselho:Richard H. Malone de Colorado Zoro D. Clark de Omaha, Nebraska D. Clark Kelly de KansasEdward Ashley do sul de DakotaJesse Meigs Whited de Califórnia setentrional J esse Aldren West de LowaDe todos esses com exceção de Edward Ashley e Jesse Alden West foram em assistência, fazendoum total de quinze assistentes para dois dias de sessão. A primeira ordem do compromisso foi umrelatório de um comitê de Formação que havia sido apontado durante as reuniões preliminares devinte de novembro. Cada membro presente estava familiar com o material apresentado eentusiasticamente endossado as provisões da primeira Constituição e Estatutos da Ordem. Estedocumento forneceu a expansão dos companheiros do Grande Conselho por incluir aqueles queserviriam como Oficiais de jurisdição em vários estados onde os Capítulos DeMolay seriamformados. Uma restrição a membros, sempre, era feita pela limitação de companheiros com omáximo cinqüenta. Havia um entendimento quando este número era alcançado um oficial dajurisdição era qualificado e os homens de Kansas City renunciavam para fazer-se companheirodisponível.O Estatuto fornecia um ano fiscal que encerrava em 31 de janeiro .Para financiar a Ordem DeMolay, uma previsão foi feita de que o escrivão de cada capítuloremeteria ao Grande escrivão a soma de cinqüenta centavos para uma patente de companheiro acada candidato a receber o Grau Iniciado, e um honorário adicional de cinqüenta centavos para umapatente de Companheiro para cada candidato recebendo ambos graus. Em adição havia a previsãoque todo capítulo, anualmente, antes de trinta e um de janeiro remeteriam para o grande escrivão asoma de quinze centavos para cada um de seus membros apresentados pelas suas funções no últimodia de janeiro.Cinqüenta e dois capítulos haviam sido instituídos e eram agora alvará assim estabelecido na novaConstituição. O aI vará nOl foi emitido ao capítulo de Kansas City, reconhecido como o CapítuloMãe do mundo. O alvará n° 2 foi fornecido ao capítulo Huron de Kansas City, Kansas, e o alvará n°3 foi fornecido ao capítulo de Pittsburg, Kansas. O total de companheiros dos cinqüenta e doiscapítulos era relatado como sendo 3.336.Os oficiais eram eleitos como a proxima ordem de tíabalho. Cada homem era eleito com aprovaçãode sua ajuda durante sua própria história no DelIolay . Eles eram: Grão mestre Alexander C. Cochran Delegado Grão mestre John H. Glazier Grande 1° Conselheiro Fred O Wood Grande 2° conselheiro Raymond M. Havens Grande Tesoureiro Percy A. Budd Grande Escrivão Frank S. Land
  • Papai Land tinha desde o inicio dito a seus meninos que eles alcançariam além de suas própriasatividades e seriam para ajudar os outros. Agora, através de um comitê especial, com Frank 1.Buckingham como presidente, certos dias foram escolhidos como a hora para entregar tais serviçospelos capítulos. O grande conselheiro voltou a adota-Ios como uma parte vital da organização. Elesacreditavam neles tão fortemente que lhes deram o nome de dias obrigatórios. O s dias escolhidoseram para serem observados como dias patriotas, dia dos Pais, dia do Auxílio DeMolay, dia deDevoção, e dia da Educação. Os muitos nomes indicados aos elementos da vida que eramimportantes para esses Pais Fundadores e aquelas facetas da sociedade que, na opinião deles, nuncadesapareceriam de uma sociedade conveniente. O dia do Auxilio era para ser observado no terceirodia de janeiro pelos membros visitando os hospitais, levando flores e expressando palavras deconforto para aqueles confinados num lugar. O dia de Devoção era para ser o domingo maispróximo de dezoito de março quando cada capítulo atenderia uma igreja com um grupo. O diaPatriota foi planejado para primeiro de maio para rever os eventos patrióticos do pais e os homens emulheres que doaram-se àquela liberdade e a liberdade seria a herança de todo cidadão. O dia daEducação era a segunda reunião regular de setembro para enfatizar as escolas públicas comobaluarte de nossa liberdade e que eles devem ser mantidos. O dia dos Pais era para ser observado nodomingo precedendo vinte e um de novembro para mostrar aprovação de todos, havia sidoconvidado um casal para uma reunião especial.Land explicou para o grupo que, em sua opinião um supervisor nacional seria escolhido paracontato e dirigir-se a Grupos Maçônicos respeitando a formação de novos capitulos. O grandeconselheiro aprovou sua sugestão porém não era ainda maio que um homem de destaque ehabilidade de escrita e a capacidade de falar exigida para esta posição seria encontrado. Ray VDenslow havia estado ativo no DeMolay desde que o primeiro grupo foi formado e agora aceitava anomeação como embaixador para viajar pela nação. Ele era ex1:remamente um sucesso na criaçãode interesse no DeMolay e de seus esforços centenas de novos capitulos foram formados. Em 1923,como, ele renunciou esta posição para aceitar as posições Grande Relator do Grande Comando,Cavaleiros Templários do Missouri, Grande Secretáriodo Grande Capitulo. Arco Real .laçons do lissouri, e Grande Registrador dos Grande Conselheiros,Mestres Reais e escolhidos no .Essouri Frank Land tinha a única capacidade aos redores de simesmo com homens de capacidade. Ele deu a impressão de olhar para o futuro e ver o tamanho dogrande potencial de um homem. Ray Denslow era assim um homem que subiu da supervisãonacional DeMolay às mais altas posições na Fraternidade Maçônica e foi respeitado na nação comoum autor, editor, esplanador negócios, e um dos maiores estudantes - pesquisadores maçônico deuma geração.A formação de um Grande Conselho deu uma autoridade central à as atitudes DeMolay . Os planostinham sido desenhados no Trestle Board mas a rápida expansão da ordem fez quase impossívelpreservar o trabalho relatado a novos e velhos capítulos - e aos novos membros crescentes a cadamês. através do 2° encontro anual do grande conselho em março de 1922 , foi relatado que 408novos capítulos haviam sido formados durante o ano.Frank Land era agora o líder incansável da Ordem. O Rito Escocês forneceu ao Templo deles umescritório particular e um outro escritório espaçoso para se ter em conta a Sede Nacional DeMolay .O corpo docente do escritório era pequeno alem de Land , havia somente 3 outros para conduziremos· negócios da ordem _. Deles H. Elmore, um DeMolay novato e um paster Mestre Conselheiro docapítulo mãe, serviam como estenógrafo, cuidaram dos rituais e de vários detalhes. F oramnecessários dois homens para gravar as grandes patentes de companheiros usadas na hora. Era comoum inadequado pessoal para um grande empreendimento que Papai Land agora procurava por umhomem para levar as funções do escritório sob o titulo de auditor geral , com poder para empregarum contador, empregados e estenógrafos para colocar ordem na desordem.
  • F ai por acidente que Charley A, Boyce foi encontrado para preencher esta vaga em 12.06.1922. ." Charly Boyce , então com 35 anos de idade , num entardecer caminhando pela vizinhança de suacasa na MONTGALL n° 3604 , ele encontrou também Land num passeio ao entardecer . Os doisvizinhos e membros companheiros de loja desceram as escadas e casualmente conversaram sobre osassuntos mundiais e eventos de interesse mutuo . Finalmente Land disse " Charley , você gostariade vir para o DeMolay ? Preciso de você . " A idéia e o desafio apelaram ao Charley e mesmo como fato de que ele podia ser ordenado sem remuneração , ele disse , "Gostaria de juntar forças comvocê.Ele era ideal para a posição tão casualmente oferecida a ele. Ele tinha estado na Sulista estrada deferro de Kansa City , no escritório da sede geral por 16 anos, na função de auditor de recebimentos,num escritório com 153 empregados .Ele era um homem de pouca estatura com um sorriso amigáwl que parecia sempre presente, umhomem calmo e de grande capacidade. Ele seria mais que um assistente executivo a Frank Land .Ele era seu amigo, conselheiro, e consultor . ~fuito do crescimento e espirito do De;vIolay é devidoa este "Pequeno homem de grandioso Charme " que encareceu-se aos meninos e homens naformação do período DeMolay . Ele moveu-se calmamente atrás da cena para dar ordem esignificado a organização . Em 1926 , em 16.06 ele casou-se com Gertrude Yioungkin . Como elesestavam retomando de sua lua de mel, Charley disse a sua noiva, " Amanhã vou com Frank Landnuma viagem aos estados ocidentais , e para um acampamento de Lideranças ao BEAR lake ,Colorado . Eu voltarei em setembro . Do começo de julho até 7 de setembro Charley viu sua noivaapenas por um dia - Tamanha era sua devoção a Frank Land e ao DeMolay .A expansão foi a todo fôlego DeMolay . ~ovos capítulos e crescentes companheiros demandaramno aumento do escritório e pessoal . Os escritórios pequenos tão generosamente oferecidos pelo ritoescocês, estavam agora espremidos e inadequados . O novo e grande espaço estava assegurado no12° andar do Federal RESERVE BA1T}( BUll..DING na lOa e Grande Avenida em Kansas City.Mesmo fora do crescimento land , aceitou a responsabilidade de promover um programa deampliação do desenvolvimento juvenil, do presidente Kalvin Cooldig . Eventualmente os espaçosdo escritório eram invadidos até ocupação do lado ocidental da construção . A personalidade calma, dignificada, e capaz de land , presente no escritório , sob sua direção , as paredes eram pintadas ,carpetes eram instalados, e as mesas de trabalho eram arrumadas para dar a sensação de espaço ededicação . Os visitantes ficavam impressionados pela aparência do escritório , o pessoal , e acortesia estendida.Frank land não estava distante do tímido , acanhado jovem do passado, porém havia crescido naestatura e na confiança. Ele era conhecido ppla nação , como o fundador e controlador dos gêniosDeMolay . Milhões de garotos e ~ , homens o chamavam de "Papai". Ele estava sob constante pressão é acomparecimentos, entrevistas de rádio e para falar sobre grupo de jovens para toda a nação . Muitasvezes ele saia do escritório , mas não importava a onde ele estive-se , sempre dava 3 telefonemaspor dia - Um ao escritório, - Um para sua esposa, - e Um para sua mãe. Sua mãe finalizava aconversa dizendo" Agora, Frankie , seja um bom menino ."Os meninos de Kansas City nesta altura sentiam que haviam dado Papai Land , para a nação .Porém ele sempre parecia disponivel , quando eles precisavam dele . Aqui estava um dos primeirosDeMolay chamando-o para contar sobre uma jovem senhora que ele havia encontrado e que queriase casar . Porem não tinha 25 dólares para pagar o anel de compromisso . "Ficarei alegre ememprestar-lhe o dinheiro, Bill , " disse Land " " conheço a garota ela é perfeita para você, parabéns !Pague-me quando você puder." Lá estava um jovem ministro orando seu primeiro sermão, cuidandoda congregação e encontando "Papai" sentado no final da fila e sorrindo encorajando. Estava lá o
  • jovem Chris Nungesser , dando uma conversa antes da Conferencia do Grão Mestre emWashington, DC , sentindo como um jovem carrasco contemporàneo , ele viu até mesmo "Papai "atrás do balcão ,levantando sua mão direita e mostrando seu polegar , para seu dedo indicador numantigo símbolo de vitoria, dando completa aprovação ao que ele estava dizendo . Papai Land , nuncase esqueceu de seus meninos. Ele dava sempre a impressão de estar onde ele deveria darencorajamento , conselho , ou orientação . Inúmeras cartas foram enviadas para aqueles formandosda escola , e para aqueles que tinham ganho alguma forma de reconhecimento .o capitulo mãe foi sempre estimado em seu coração. E assim um grande " desfile juvenil " foimarcado em Kansas City com Bryan Washburin , silencioso astro do cinema , como o líder , eleansiosamente consentiu , várias unidades DeMolay , tomando parte. Porém a patrulha, os 125integrantes da banda com Ear! Trowbridg como Drum Major, e os times de treino, não foramsuficientes. o DeMolay representava os cavaleiros encapuzados e como melhor mostra-l os acidade, do que com cavaleiros montados em cavalos, como parte do desfile. Ele foi capaz delocalizar 3 equipamentos de armadura antiga e alugar 3 cavalbs . Ele tinha 2 meninos do capítuloque eram eximios cavaleiros. Averill Tatilock e Bill Lews . E quanto ao 3 o cavaleiro? Quando eleviu Gorman McBrid no escritório, "Gorman " ele disse, " você é capaz de andar a cavalo? "Gorman , nunca tinha estado num cavalo , além do que sobre um cavalo de carrossel do parque dediversão local, onde subiu e desceu . Porém para Gorman , se Papai Land disse que ele podiacavalgar - ele podia cavalgar . Se Papai Land o queria como cavaleiro, ele poderia ser um cavaleiro,então ele disse, " Estou certo de que poso montar um cavalo ."Na manhã do desfile os três rapazes no templo do rito escocês, trajavam elos de correntes daarmadura , capacetes de aço , intenso coloridos brilhantes , e largos cintos com pesadas crostas eespadas . Os cavalos estavam esperando, e quando os jovens cavaleiros montaram, a cada um eradado um lança com um penacho esvoaçante para carregar . Seus lugares no desfile era a linha defrente para abrir caminho . O Tatlock e o Lews , subiram e puseram-se a galope . O cavalo deGorman , com instinto de manada , arremessou-se ao mesmo passo para ultrapassar os outros doiscavalos. Porém o montador pulando para cima e para baixo , com a inexperiência , primeiro tentoudiminuir puxando as rédeas . Esta manobra falhou e então Gorman agarrou-se na frente da Sela comas duas mãos e com tanta força que o visar de seu capacete , estalou fechando . Imóvel a tecer nasela , ele apoiou-se na dianteira e passou seus dois braços no pescoço do seu cavalo , até quefinalmente seu cavalo veio de encontro aos outros. Ele ouviu o som de um metalchocando contra sua armadura. Ele abriu finalmente o visor de seu capacete e viu um jovem meninosem fôlego da corrida , que ofegou , " senhor, perdeu sua espada ?Deixou-a cair na rua à doisquarteirõ~s atrás. Corri todo o caminho para entrega-Ia ao senhor . O Sr. monta engraçado . E bompensar que a bandeira seja amarrada em cima"Um lento desfile deu passagem reservada aos 3 cavaleiros montados, carregando a insígnia dasCruzadas e dos DeMolay . No final da marcha o assistente olhou para Gorman e seu cavalo -Ambos estão cobertos de suor e de espuma - e disse, " Rapaz você deve ter tido uma cavalgada. "Gorman , quase caindo , repondeu , " Papai Land , disse que eu podia cavalgar, e eu o fiz " ." Algoque Papai Land , diz que sou capaz de fazer, é porque sou capaz de fazer . "Esta confiança foi compartilhada, pelos membros do Grande Conselho em 1923 , no endereço doGrão Mestre o Juiz Cochran , em oratória em que ele havia abalado inúmeros júris, tinha isto paradizer:" Agora sobre a ordem DeMolay, o que posso dizer sobre ela? No ano passado o grandeconselheiro, encontrou em Kansas City. Era uma finíssima reunião, não houve tantos presentescomo havia nesta ocasião , porque naquele momento , não haviam então delegados nomeados , masencontramos corações cheiros de exaltação , porque o progresso da ordem naquela época tinha sidomaravilhoso , Ela havia expandido como estilhaço de um tiro que raiou acima do chão de uma
  • árvore majestosa que estendeu seus galhos sobre a terra em benção , A arvore ainda está crescendo .Ela é uma arvore gigantesca , uma grandiosa arvore , magnifica na extensão de seus galhos e seutronco mais gigante do que era no ano passado ," Ó que maravilhoso progresso foi feito no ano passado! Tenho minha participação, assim meudever me chama, em conecção com aquele avanço, mas não tenho a pretensão do crédito ser maisdo que daqueles que o caração estava profundamente no trabalho e que fez suas mãos fazer empromoção de um trabalho o qual tinha sido conduzido com tamanha capacidade e com muita maiorhabilidade pelo meu querido menino Frank Land , a inspiração do movimento, através domovimento que seu cérebro primeiro concebeu " o movimento que tinha sido sua criança, todo oseu tempo, coração e mente tem estado devotado á ele, Tem estado em Kansas City ,freqüentemente , para nossas reuniões lá , e no desempenho de outros deveres maçônicos , e semprena sala de Frank , você vê sua mesa amontoada de papéis e cartas , até podia apen~s , ver como erapossível para um homem conseguir terminar com o trabalho que ele conseguiu de uma extremidadea outra, porque não é o trabalho que se possa confiar a outros, é trabalho que requer seu cérebro ecoração para faze-Io com sucesso, Ele pode ter, e de fato ele teve uma boa ajuda no escritórionão tão grande o excesso de trabalho requer , mas ele 05 tem cuidadosamente selecionado comgrande critério . Mas depois de todos é seu cérebro que carrega a coisa toda adiante. A força doescritório faz simplesmente o que ele pede pra fazer. É. ele que dita as cartas, é ele que resolve osvários problemas, é ele que leva o malote, joga-a dentro do trem com próprias respostas ao Texasou para OKLAHOMA , ou para longe do nosso pais ocidental , ou de volta com destino do ocidentepara a majestosa cidade de N ew Y ork, ou para Philadelphia , ou para Connecticut , ou para NEWJersy , onde tal magnifico trabalho tem sido feito para o desenvolvimento da ordem DeMolay ,desde que nos encontramos o ano passado .:0Jão é uma questão de tempo ele está com a pernaexausta ou cérebro cansado . Tem sido um serviço de coração alma , e consciência , e tem sidodesempenhado tão fielmente quanto ele poderia ser feito por qualquer ser humano vivo ." Quero dizer-lhe meus prezados irmãos, que Frank Land , é meu garoto , e eu o amo , não o admiropor acaso , não gosto dele por acaso , não é por acaso que tenho grande respeito por ele , mas eletem seu lugar no fundo do meu coração. Eu o honro e o respeito . O respeito como grande impulsomovedor que tem dirigido esta ordem em nossos destinos. E continuará dirigindo em quanto eleviver.o relatório anual para o ano de 1924 , mostrou um companheirismo de 114.798 membros com 1.171capítulos ativos. Land sentiu que precisava sempre aumentar atividades, e estava procurando porum homem competente para dirigir um departamento de atividades a programas . Em Denver eleouviu um homem falar em louvor a juventude da época, quando os jovens estavam se rebelandocontra a ordem estabelecida pelo interesse da ordem da geração .Ele concluiu seu discurso com , " Estou intimamente fora de condolências com as criticaspessimistas, sendo feitas aos jovens de hoje. Em minhas relações com os jovens , eu os vejo estarigualmente plenos , senão superior ,da geração passada. Eles tem melhores oportunidades e estãolevando suas vantagens. E lógico, que há um percentual de jovens que desperdiçam suasoportunidades e eles próprios , porém isto é também verdade nos grupos da ordem . A intimidadedo espirito sadio dos jovens, propriamente dirigido, pode e salvará uma nação contra a queda edomínio criminal. "o orador era ROY E. DICKERSON , uma jovem autoridade e secretário assistente de estado daAssociação Cristã dos jovens em Colorado . Ele foi o autor de um livro, So Y outh May Know, evárias pesquisas sobre a psicologia da mente jovem Land reconheceu que Roy Dickerson era umexcelente profissional e um homem nacionalmente reconhecido para levar adiante um programaacelerado de atividades.
  • No dia seguinte, ele chamou Dickerson dizendo, "Roy, nós temos um movimento jovem que estácrescendo e continuará a crescer. Porém nós precisamos de você. Você tem preparo e habilidadespara fornecer atividades que irá suplementar o ritual dar mais significado ao idealismo DeMolay.Temos tentado inúmeros projetos, até mesmo uma série de folhetos aos cidadãos preparados peloprofessor R.V. Harmon de Kansas City e professor James W. Searson da Universidade de Nebraska,uma revista convidou O cavaleiro DeMolay e muitas outras atividades, incluindo o trabalho deGeorge B. Sykes, um destacado escritor e jornalista, como diretor de publicidades. Porém isto não ésuficiente para abrir caminhos em nossos esforços e ajudar cada menino a tornarem-se o melhorhomem que ele possa ser. Gostaria que você viesse ao DeMolay e iniciasse seu trabalho pelodesenvolvimento de um programa de própria evolução que desafiaria cada um de nossos membros areverem suas capacidades e como melhor desenvolve-Ia nos anos seguintes . Você sabe nós estamostodos demasiadamente apressados - demasiadamente ocupados - para calmamente nos submetermose pensarmos sobre onde temos estado e onde iremos."Roy respondeu, É lógico que você está certo. Existem muitos homens que apenas se deixam levardentro de seus trabalhos por acaso. Seria de grande ajuda pessoal se todos gastassem tempo para devez em quando ouvir um antigo hino, Cantar suas muitas benção e então prestar a atenção na calmavoz dentro dele. ""Qual seria sua primeira designação?", disse Frank. "Quero cada um de nossos membros seja umverdadeiro representante da Ordem, agora e nos anos que virão. Você virá conosco?"Roy respondeu, "Estarei orgulhoso em ser um membro de sua equipe. "Muitas organizações juvenis pressionavam o crescimento pessoal baseado nas qualidadesespirituais, mentais, fisicas e companheirismo ideal, mas Roy Dickerson queria ir mais além e criouum programa que durou dezessete etapas para uma personalidade bem desenvolvida. Isto incluíadesenvolvimento mental, leitura, história atual, expressão própria, interesses naturais, conduta detrabalho, educação de saúde, desenvolvimento fisico, cuidados com o corpo, aptidões fisicas,habilidade manual, relações no lar, domínio próprio, ideais religiosos, lealdade no capítulo,cidadania, recreação-hábitos, e uma declaração em respostas as perguntas, "O que o DeMolay temfeito por você?"Duas formas de perguntas foram imprimidas para serem respondidas .Primeiro na forma simples de dar mais conteúdo a um livrinho bem elaborado e mais intensivo pararegistrar com detalhes os pontos incluídos. Um sistema apontava a resposta de cada pergunta erasugerido não como alternativa final, porém como uma meta de realização. Todo menino tinha queevoluir si próprio deste modo assim ele condicionava-se a lembrar do valor corporativo do lugar emcada espaço de seu desenvolvimento. Era - e é - uma dificuldade examinar mas em 1924, o primeiroano, aduzentos e um meninos foram dados as estimadas designações da verdadeira representação daOrdem DeMolay.No ano passado, Roy estava para dizer, "Eu retomei para a época da cavalaria e a trouxe de voltaaos tempos modernos. V oce sabe, na idade média quando um jovem estava para receber as vestesda masculinidade, era-lhe solicitado a passar a noite anterior a cerimônia em contemplação esozinho. Ele se retirava para um lugar afastado, normalmente uma capela onde ele podia rever seustreinamentos , suas ambições e valores que ele contemplava na vida de seniço a humanidade edevoção. Mesmo nas sociedades primitivas o menino é solicitado a passar horas separado de suatribo antes de ser aceito como um homem. Nosso programa tem uma grande tradição do passado.Eu simplesmente adaptei dentro da forma moderna para preencher uma negligenciada necessidadede contemplação nas divisões de nossos meninos. Sei que nenhum outro grupo jovem tem tamanhaintensidade e inclusive planos de avaliação própria."
  • O primeiro acampamento de Treinamento de Liderança foi atendido por muitos dos primeirosDeMolays representativos no final de agosto de 1924. Roy Dickerson havia planejado oacampamento com cuidado e havia escolhidQ Bear Lake, a 16 km ocidental de Estes Park,Colorado, dentro das sombras de Longs Peak como o lugar. Louis Lower, Char1y Boyce, FrankMarshall e alguns oficiais da jurisdição formaram a equipe para formar uma classe de reunião ediscussão em grupo. Foi um acampamento de sucesso que os outros seguiram, até nos anosanteriores a depressão mais quatro acampamentos foram atendidos: Acampamento Nelson Dadd,Brinkhaven, Ohio; Presbyterian RiU, Hollester, Missouri; ao Spirit Lake em Iowa e novamente oacampamento anual no Bear Lake.Frank Land foi convidado a assistir primeiro acampamento dando sua inspiração e força depropósitos aos meninos e para ter oportunidade de descansar na beleza das montanhas. A tensão desuas atividades tinha deixado-o exausto com o doce compasso das realizações. Ele encontroucompostura e restaurada confiança em sua profunda fé religiosa. Seu lar era um lugar de conforto esua esposa parecia trazer as palavras de encorajamento que ele mais precisava. Próximo de junho,ele estava contente e havia concordado com o convite de Dickerson para ir ao Bear Lake quandoum de seus mais profundos desapontamentos estouravam repentinamente sobre ele.A sessão Imperial da Antiga Ordem Árabe dos Nobres do Místico Santuário da América do Nortefoi assistida no Opheum Theatre em em Kansas City em três de junho de 1924. Era um período deextremas atividades por parte do Templo Ararat servindo como anfitrião em honra de seu Ex-Potentado*, James E. Chandler que seria instalado como Potentado Imperial. Fred O. Wood comoPotentado Imperial anfitrião pediu a Frank Land para ter os membros DeMolay servindo comopajens ou ajudantes e colocarem suas unidades de exercícios e bandano Grande Desfile de rua. Este chamado para servir foi recebido com uma alegre e entusiasmadaresposta. Era uma oportunidade de cooperar num encontro nacional e. para retribuir o mundoMaçônico pela ajuda dada durante os anos de formação DeMolay. Até Nell estava convocada paraajudar. Ela participou das reuniões planejadas para as senhoras e dirigiu seu carro para fornecertransporte. No encerramento da sessão quando ela havia levado a última hóspede para o hotel, naestação de ferro, ela retomou para o apartamento antes de Frank chegar. Ele subiu as escadas emsentido a seu apartamento, cansado, porém radiante com a lembrança da parte de seus meninos e deque sua esposa haviam desempenhado. Estava orgulhoso e feliz Frank Land voltou para casa complena animação do triunfo. Porém seus sentimentos foram pouco vivido. Ele encontrou Nell emlágrimas e ouviu quando ela falou de uma reunião na qual ela havia participado com um grupo desenhoras às quais haviam pedido para visitá-Ia à tarde."Frankie" ela soluçou, aquelas senhoras foram tão rudes comigo. Eu servi chá para elas e as distraícom uma seleção no piano. Elas eram finas, entendidas e graciosas . Eu tive até um sentimento deadmiração por elas e estava orgulhosa em telas como amigas e em nossa casa. E então elas medisseram porque tinham vindo."Elas disseram que eu era uma pedra em seu caminho. Uma disse que vocês estão no início de umagrande carreira e que sou apenas a garota com quem você se casou na juventude. Uma outraprovocou-me dizendo que meus pais haviam nascido na Polônia e eu era uma estrangeira e nãoaceita na sociedade americana. Uma prezada senhora disse-me que pelo motivo de não ser umauniversitária formada, eu não sabia como receber pessoas e como distrair quando fosse chamadapara faze-Io. Elas sugeriram que eu autorizasse a aceitar a ajuda delas e juntas em certasorganizações, eu seria aceita." Eu as agradeci pelas boas intenções e até mesmo , levei algumas delas ao Union Station esta tarde- Mas Frank , nunca mais terei participação nestes encontros. Amo você demais para ser umobstáculo . Eu ficarei em segundo plano, mesmo embora saiba que minha ausência causará conversae que você ficará solitário, quando estiver longe. Frank, porque este teve que acontecer?
  • Nada que Frank pudesse dizer seria capaz de mudar a decisão dela.Esta pessoa sensível e tímida daquela época raramente deixava seu apartamento e restou numadesagregação da sua própria escolha . Ela Deu seu tempo para cuidar de um sobrinho e as quintas-feira as tarde suas irmãs vinham para seu apartamento .Mas ela não tomou-se uma parte da vida deFrank dentro das paredes de seu lar. Foi uma tragédia . Esta graciosa e bela senhora poderia ter dadomuito mais encanto para a organização, e para as pessoas da vida dificil de Frank . Em vez disto eleraramente a mencionava, e ela tomou-se, através dos anos, uma mulher de mistérios e a menosentendida de todos aqueles que deram de si para o DeMolay .8. UM SANTUÁRIO PARA A JUVENTUDEOs DeMolays estavam agora no limiar das "crescentes dores". Choques pessoais, deferentesopiniões e falta de financiamento pressionavam constantemente para soluções.A sexta sessão anual do Grande Conselho foi assistido em Kansas City em março de 1926. Ofenomenal crescimento DeMolay foi refletido no mesmo, aumentando o interesse na juventude quecontinuou a surgir através da nação com 5.572 novos membros DeMolay e a criação de 61 novosCapítulos foram relacionados no ano.O juiz Alexander G. Cochran, Grã-mestre Conselheiro, em seu discurso disse, "Este ano meusIrmãos, acabou e espero que não tenhamos um outro ano igual pois existiram tantas coisas parafeitas com dificuldades e viagens necessárias feitas aqui e ali, por todo lugar; contatos feitos comdiplomacia em negociação com as diferentes influências e diferentes pessoas a manter um lugar tãodistante quanto possível para impedir a discórdia e a insatisfação ... Ele foi um ano de bastanteexperiências para mim, porém vim pelas nuvens escuras às quais nos cer~aram o ano passado epude ver somente a luz do sol no ano que está por vir. "As emissões enfrentadas originaram ambos novos e velhos problemas e ainda a Ordem DeMolayera tão jovem que haviam poucos que percebiam mesmo uma remota visão das fronteiras que elaestava cruzando. A seis anos antes ela era envolvida pelas ações comunitárias, durante a noitesinalizava reconhecimento nacional e então rapidamente emergiu como um movimento juvenil parao mundo inteiro. Os dias de berço do DeMolay foram usados na contestação da velhice para asobrevivência. Ela provou os frutos de ambas vitórias e fracassos mas os dias deramlhe força ecaráter.o grande cargo de responsabilidade pousou sobre Frank Land, porém Cochran disse, "Ele sempre aencontrou bravamente. Houve épocas durante esse período que ele encontrou dificuldades eembaraços os quais pareciam no momento serem insolúveis. Porém ela sempre havia encontradoum meio dessas exigências no melhor e mais sábio modo os quais pareciam possíveis. Todo seuesforço havia sido para fazer a coisa certa e a melhor coisa em que as condições permitiam."Numa época de tal ajuste foi inevitável. A Ordem havia crescido demasiadamente rápidosolicitando uma dada posição diante do avanço. Como todas organizações durante seus últimosanos, a renda pequena e as despesas da organização, da propâganda, de estabelecer capítulos, aabertura em estados e territórios foi grande. Muito mais dinheiro foi gasto do que era arrecadado.As revistasque haviam sido publicadas sob o nome de O Conselheiro DeMolay foi descontínua com umimenso déficit e todos os corpos de promoção tornaram-se esquecidos. Tradições que formulariam eigualariam decisões no futuro não tinham sido estabelecidas. Eles estavam no nebuloso estágio dacriação.As falas registradas davam evidencia, como, da visão do Grã-mestre Conselheiro que o sol estavapara brilhar através das nuvens. Cada homem como ele falava, e falava com tanto entusiasmo doque o futuro traria. Por exemplo, H. H. Mathonet, no seu discurso de boas vindas disse, "no presenteexiste um espirito de inquietação na juventude em toda terra em que desenfreada e sem os mais
  • altos ideais ensinados num vasto caminho, trará a respeito somente uma coisa e que é uma repetiçãoda história, a queda das nações; porém fora deste movimento vem o pímpeto para a construção doscidadãos entre os jovens, entre a juventude que levará adiante quando nós já estivermos ido." Elesforam otimistas e irradiavam confiança.O Grande Conselheiro havia servido no ano de formação para dar unidade e orientação mas agora,para continuar numa base mais compreensiva, uma solução foi adotada criando um comitê que"encontraria Artigos de acordo e levaria então outros graus quando necessários ou aconselhávelpara incorporar o Grande Conselho com uma benevolente associação sob as leis do Missouri "e paraaquele emprego final o Honorável Darius A. Brown para agir como advogado do GrandeConselho."O comitê consistia de Cohran, Glazier, Land e Marshall apareceram diante do Circuito Tribunal deJackson Country, Missouri, em março de 1926 e submetidos aos Artigos de Acordo da Associação,juntos um pedido para um decreto de pró-forma. Esta petição foi concedida em vinte e sete demarço de 1926, e relatada pelo secretário de estado em Jefferson City, Missouri, em seis de abril de1926, com duração da Corporação por cinqüenta anos.Na petição apareceu o primeiro documento absorto nos propósitos da Ordem. Ele declarava, "estaAssociação está formada pelo propósito de formação de uma união perfeita e fraternal,estabelecendo ordem e tranqüilidade e para providências e promoção do bem-estar geral e se vindodos melhores interesses da Ordem DeMolay através do mundo; a promover propósitos do GrandeConselho da Ordem DeMolay, promovendo o social e moral na passagem de jovens de 16 e 21anos de idade, ensinar o dever a Deus, ao semelhante e a si próprio; demandar uma vida limpa, altorespeito pelos pais, condescendência ao sexo feminino e amor ao País e instituições livres; e fazertodas e qualquer coisa necessárias ao próprio desenvolvimento masculino com inteligência, moral,própria sustentação e suporte legal da masculinidade. Na Ordem para realizar os resultados acima, éo maior propósito do Grande Conselho da Ordem DeMolay a organizar capítulos locais de meninosentre as idades de 16 a 21 anos em toda parte do mundo, usando os métodosos quais são e serão para sempre usado pelo Grande Conselho da Ordem DeMolay, uma associaçãovoluntária." Esta declaração seria mudada nos anos da 23 Guerra Mundial a permitir jovens de 14anos de idade a tomarem-se membros da Ordem.Papai Land propôs nessa sessão do Grande Conselho que um simples fabricante sela apontado comoo único e distribuidor oficial das jóias DeMolay. Desde 1923 cerca trinta fabricantes de jóias foramlicenciados a fornecer emblemas e jóias resultando no uso de matérias inferiores e uma confusão dejóias não oficiais. Agora ordem e uniformidade foram restauradas pelo material a ser comparadopela Ordem e usados pelos membros.Com referencia ao encontro de 1925, três prêmios foram apresentados e aprovados, a Cruz deHonra DeMolay, a medalha de Heroísmo e a Legião de Honra, regras e requisitos para dar um guiasistemático para medalha de Heroísmo foram adaptadas e três DeMolays foram eleitos a recebereste prêmio. Foram eles: Arthur Whitehead, do Capítulo da Antiga Colônia, Quincy, Massachusetts;Samuel Pierce, do Capítulo Alameda, Alameda, Califomia e William Elkins, do Capítulo Baltimore,Baltimore, Maryland.A Cruz de Honra era para reconhecer aqueles membros do Conselho Consultivo DeMolay quehaviam feito serviços meritórios em menos de três anos. Aproximadamente 165 candidatos foramreconhecidos e entregues estes prêmios durante essa sessão do Grande Conselho.A formação de uma "Legião de Honra" havia estado durante um longo tempo na mente de FrankLand. Ele queria homenagear os jovens que haviam estado com ele nos últimos tempos e agoraentraram no mundo dos negócios e em suas profissões. Eles haviam crescidos diante dele e entãoseus dias de companheirismo como DeMolays ativos vieram por finalizar e ele sentia falta deles.Um deles disse, "Papai, você nunca saberá o sentimento que tive quando retomei ao Capítulo pela
  • primeira vez depois de completar 21 anos e fiquei de pé enquanto meus companheiros ajoelhavamem oração. Me senti um velho. Agora com o futuro diante de mim e o tempo requisitado pelo meutrabalho, raramente assisto as reuniões."Certa noite quando Land estava lendo Plutarchs lives of Illustrious Men, ele ficou fascinado pelahistória da 10 a Legião Imortal de Cesar, como "Ele era assim tão dominado de boa vontade ecordial serviços a seus soldados, que aqueles que estavam em outra expedições mas homenscomuns, expuseram uma coragem pós derrota ou contrariações quando eles estavam dentro dealgum perigo onde a glória de Cesar era de interesse .... amor a honra e distinção eram inspiradasdentro deles e acarinhada neles por Cesar" .As palavras queimaram dentro de sua mente de comoCesar conhecia cada homem pelo nome e como a Legião combatia tão bravamente como quandosob os olhos de seu grande general. Quando ele fechou o livro, aspalavras "Legião" e "Honra" pareciam sinônimos, até em sua imaginação ele via seus meninosbravamente levando a diante lutando na batalha da vida como uma "Legião de Honra" e elepensou," eu posso chamar cada menino pelo nome". Era o suficiente .. Na manhã seguinte elechamou Frank Marshall e Charley Boyce para encontrarem-se com ele tão logo terminassem o caféda manhã. Lá ele falou-Ihes de seu plano e de seu sonho de mostrar reconhecimento àqueles quetinham sido membros da Ordem DeMolay e estavam demonstrando promessa de capacidade emseus campos de trabalhos.Ele voltou-se para Marshall, "Frank" ele disse, "Quero que você escreva um novo ritual para serusado numa cerimônia de Posse para esses homens selecionados. Quero-a com significancia, comtodas a beleza da confirmação aos juramentos levados ao altar DeMolay quando eles eram anosmais jovens. Além disso, quero ajuda-Io a escrever - não que você precise da minha assistência -mas isto é tão íntimo para mim e meus ideais tão claros com o que ele deveria conter que acreditopoder orienta-Io melhor se nós dois escrevêssemos juntos."Marshall estava satisfeito. Ele considerava o ritual DeMolay o melhor produto de sua carreiraliterária e agora tinha a oportunidade de escrever um outro ritual, só que desta vez era para inspirarhomens ..Charley Boyce sugeriu adicionar algo. "Temos um grande número de homens de destaques nanação que muito tem dado pelo DeMolay. Assim fazer alguns deles membros Honoráveis emsomatória com aqueles selecionados como membros ativos por quê eles tem a vantagem de seremjovens o suficiente para poderem estarem ativos na Ordem? Seria uma oportunidade de homenagearaqueles Maçons que tem mostrado seus interesses em nossos meninos." A idéia foi aprovada pelosdois Franks que estavam atrasados para adicionar o uso de um cordão vermelho para os membrosAtivos e um branco para os membros Honoráveis como um significado e distinção visual entre osmembros da Legião de Honra.Na escrita final, as divisão do Preceptor eram levadas para o ritual do capítulo quando Papai Landdisse, "Estes valores, estas sete virtudes cordiais são verdadeiras para a vida toda. Elas são asmesmas tanto para os homens adultos quanto são para os jovens. "Esta sugestão para umcrescimento contínuo foi expressado nas palavras de encerramento da oração a ser usada naDedicação, "Para tornar mais cordialmente o servir a Deus e ao País, mais gentileza com oscompanheiros, e mais valentia ao DeMolay." Como um clímax na posse os dois homens alcançaramdentro da tradição muitos graus de honra na Maçonaria, pela apresentação de um cordão commedalhão, um anel para os Membros Ativos e finalmente" por toque de uma espada em cada ombroe na cabeça. Papai Land meditou sobre essa cerimônia de Fidalguia e dedicou as palavras usadas nacolocação da espada seriam, Por "Deus, pelo País e pelo DeMolay." Foi colocado música nosintervalos da cerimônia para dar mais
  • significado e marcar as palavras faladas. Flores, especialmente nos símbolos das estaçõesPreceptoras, foram assim cuidadosamente colocadas uma Bíblia e altar, a marcha e formação dosoficiais, e períodos de meditação.o Grande Conselheiro em adição ao prêmio colocou algumas restríções para serem usadas naseleção dos candidatos, esta citação de honra será conferída sobre aqueles DeMolays apenas, quetem desempenhado raro e méritos, cívico, e serviços DeMolay; eles devem estar com 20 anos deidade; aquele DeMolay que não pode aplicar-se a distância e tais recomendações devem seremfeitas pelo Conselho Consultivo de um Capítulo para seus Membros representantes que podem secandidatarem para o Grande Conselho tais candidatos que ele julga digno de homenagem. Nenhumcandidato ou membro de um Capítulo teria conhecimento da recomendação. "A primeira Posse pública foi assistida na tarde de vinte e oito de maio de 1926, em Kansas City comFrank Land assumindo a posição de comando no Leste assim ele fez cada ano até 1955 quando eleindicou Clarence E. Barnickel, um antigo DeMolay e um dos primeiros Reitores, para fazer parte eguiar as Posses dos Preceitos da Origem.Louis G. Lower, o primeiro DeMolay, foi escolhido para tornar-se o primeiro Legionário AtivoDeMolay. Os outros a receberem naquela época esta designação foram:GERMAN A. MCBRIDE WILLIAM W. LEWIS DELOS H. ELMORE AVERILL C. TATLOCKFRANCK B. NELL ALLAN HILLS THEODORE E. SHANEJACK WILLIAM SALLEE,JR. GALE E. CHANDLER JOSEPH ESTERL Y MICHAELGOLDBERG CLARENCEE.BARlUCKEL JAMES RICHARD GATES JULIUS L. ZIEGLERO mais velho desses designados estava com apenas 25 anos de idade. Os três mais jovens estavamcom 20.Um jovem do Capítulo Mãe, servindo como mensageiro, chamou a assembléia da ordem para esteprimeiro serviço de Posse. Frank .Land entrou na sala seguido pelos membros do Grande Conselhoque estavam para participar. Ele foi diretamente ao altar e ajoelhou-se como os outros ecircundaram a sala e tomaram seus lugares nas várias estações. Cada designado sentiu a solenedignidade e profundos propósitos de Papai naquela noite. Ele alto, levantou-se na capa vermelhaforrada com cetim branco da Legionária. Durante a obrigação ele enfrentou os jovens ajoelhando noaltar com suas mãos descansando sobre a Bíblia e então, para dar maisimpressão às palavras finais, ele caminhou ao redor do altar, colocou suas mãos sobre as deles, eque deveriam repetir as palavras, "Assim eu prometo, pacto e voto, de que eu nunca levarei o nomede Deus em vão. Assim Deus me ajude." Na sua primeira Posse, como em todas as outras eleconduziu através dos anos, somente os designados ativos tomaram parte e sentiram o toque de umaespada bondosamente pela mão do Fundador DeMolay e ouviram as palavras, "Levante-seLegionário."Em julho a obrigação secreta da Legião foi dada a Charley Boyce, George B. Sukes e Roy E.Dickerson nos escritórios de Land, fazendo-os primeiros membros Honoráveis da Legião. Nos anosseguintes os designados para a Honorável Legião foram apresentados para a Posse das LegiõesAtivas porém, sentado num lugar de destaque, não tomou parte na cerimônia. No final dacerimônia, Frank Land chamaria cada um no centro da sala, apresentava-o, e falava de suarealização, colocava um cordão branco de Legionário sobre seus ombros e então numa calorosasalva de palmas o agradeceu por seu interesse na juventude e seus serviço. ao DeMolay.A Legião de Honra significou muito para Frank e numa época quando ele sentiu que o verdadeirosignificado estava sendo esquecido, ele enviou uma espécie de lembrete a cada Legionário do valorque ele colocou sobre ele. O panfleto imprimido, na cor vermelha mostrando Louis Lowerordenando um candidato, disse em parte:
  • "A Legião de Honra foi criada com o propósito de agrupar alguns escolhidos dentre milhões quetinham se ajoelhado no altar DeMolay e cujas pessoas a selar as possíveis lideranças em suascomunidades e também na vida nacional, que ele seja um civil, industrial, profissional liberal,comerciante, ou no campo de devoção espiritual. Um grupo de homens que podiam serimplicitamente revezados com o passar dos anos para ajudar a juventude, levar os ideais DeMolaydentro de todo caminho em sua vida e para fortemente sustentar os ideais nacionais. A Legião~deHonra é composta somente de homens, uma parte dos quais passaram pelo DeMolay quando jovens.Seu propósito não é social. Você precisa saber, após passado o periodo DeMolay, que é ummovimento intensamente patriótico, intensamente espiritual e requer uma reverência ao lar quesofre na indecisão. Sua missão é consagrar o coração e através de seus ensinamentos confirmar acrença em Deus, uma defesa no sistema das escolas públicas e a defesa dos direitos de todas ascrianças.""Se você sempre tem pensado que esta honra veio para você por trabalhos ritualísticos ouatividades especiais em seu Capítulo, eu espero que você esqueça-o imediatamente. Eleprovavelmente traria a você a atenção do Grande Conselho porém tal atividade seria a menorrecomendação para sua elevação. Você provavelmente sentiu que você entitulado por ele porantigos desempenho, porém. então mais uma vez você está errado. A verdade da matéria é que o Grande Conselhote escolheu sobre as recomendações dos Membros Ativos ou Delegado de sua Jurisdição e oshomens que te conhecem pessoalmente. sentindo um certo grau de intuição que você estavadestinado a desenvolver-se como um homem que seria honrado em sua comunidade, alguém que éconfiavel, o mais honrado dos propósitos e alguém que assumiria um alto lugar de liderança emqualquer campo digno de esforço. Aqueles que o nomearam, francamente admitem que elesestavam levando um grande fortuito em profecia. A profecia é algo tão fraco quando o intelectohumano esforça-se como ponte para o futuro. Nós que somos forçados a assumir este deverrealizando demasiadamente bem após estes poucos anos quando o juízo poderia ser defeituoso.Acredito que nos dias e anos desde que você foi designado para esta honra que aquela lealdade aoMembro Ativo ou Delegado de sua jurisdição nunca tenha sido avaliada, naquele dia e todo dia quevocê seguir encontrará sempre uma impregnável fortaleza guardando os direitos dos milhões pornascer e milhões de jovens que se aliaram com este nos anos que virão. Tão bom quanto você termedido a opinião de seu padrinho e para a satisfação do Grande Conselho tem dependidounicamente de você."Seu trabalho dentro e pelo DeMolay tem apenas começado. Seja eternamente vigilante em olharpara ele que todo menino digno do nome DeMolay está alistado neste exercito de jovens. Esperoque eu possa referir a noss?- lealdade um com outro . Se eu posso arder em seus pensamentos umcódigo de diplomacia que nunca permitiria a um Membro da Legião faltar a qualquer atividade sejaela de negócios, social ou espiritual. Eu julgaria esta decisão vantajosa. Posso ilustrar este ponto poruma história contada -me por um amigo que pertence a uma tal sociedade da confiança deles. Elerecitou a seguinte ocasião de um banqueiro que encontrou para sua consternação em um dia que suainstituição precisava fechar e fortuna pessoal seria perdida. Um de seus fraternais irmãos numacidade distante ouviu sua horrível situação e dentro de quarenta e oito horas lá colocou sobre a mesade trabalho daquele banqueiro o suficiente em dinheiro para salvar não somente seu banco mas suaprópria fortuna particular também. Aquele grupo não estava contente em ver seu membro-companheiro falhar. Desejo que este espírito de cooperação possa existir dentro de cada membro daLegião de Honra. Vamos cada um de nós sermos o primeiro a vir para defesa e assistência de ummembro companheiro da Legião de Honra. Eles não podem falar como cidadãos; como líderes denegócios; como homens. É minha fervorosa esperança que a Legião de Honra provará assim valoresa você como para lançar um halo para glória de suas bandeiras. Dinheiro ou favoritismo não pode
  • comprar companheiro neste grupo, ele veio para você sem solicitação e vestido de profecia. Vocêpode certamente ver que as centenas de homem que usam o anel estão indo não somente para seremverdadeiros amigos mas úteis companheiros em sua carreira de realização."Espero que todo homem que domina a Legião seja um líder real em algumas avenidas devantajosos esforços e espero que todo Legionário seja tão orgulhoso de seu companheiro na Legião,que ele nunca pare para fazer uma açãobaixa pois vocês são os construtores do amanhã. Yisões de milhões de jovens do futuro. Faça de suavida tão valiosa porque eles te escolheram possam bem maravilhar as suas devoções pela causadeles. A vitória, a glória e o DeMolay terão profundo . orgulho de sua realização."Você fez uma confissão pública de que nunca levaria o nome de Deus em vão - Você tem mantidoaquela promessa? Para mim este voto é o mais sagrado e eu glorifico nesta consagração da Legião."Papai Land estava ainda pegando carona num sonho dirigindo para alcançar um plano para maiornúmero de meninos. Ele sabia que se progredisse era para continuar com o DeMolay que novosdesafios precisavam serem aceitos, o idealismo redefine para cada grupo de alunos novosprogramas posto em prática, e mais que todos, o entusiasmo daqueles que eram agora DeMolayssuperiores precisavam ser colocados para trabalhar. Dois novos programas foram agora lançadossob sua direção. O primeiro foi um trabalho para formar mais organização nacional DeMolayBacharel. Em oito de julho de 1927, um boletim foi enviado a cada capítulo comunicando aformação de um Capítulo Bacharel e declarando, "O propósito do DeMolay Bacharel é guardarintacta as amizades ocasionadas pelos antigos companheiros DeMolays, para adotar, ajudar epromover paz e harmonia;. Foi pedido a cada capítulo para iniciar um Capítulo Bacharel, Louis G.Lower foi indicado como Presidente Nacional Temporário e Averill G. Tatlock foi indicado comoSecretário Nacional Temporário. Nenhum homem que formalmente ajudou os companheiros ativosna Ordem e que ajudou um Certificado Majoritário Grande Conselheiro foi eleito por petição peloscompanheiros num Capítulo de Bacharel local. O primeiro Capítulo formado foi o Capítulo MãeDeMolay de Bacharel, em Kansas City, Missouri, para o qual as Cartas de Autorização foramemitidas em 16 de julho de 1927. Do período do primeiro Capítulo formado até este encontronacional foi assistido 63 Capítulos haviam concedido Carta de Autorização em 17 de março de1928, durante o período da 8a Sessão Anual do Grande Conselho. Esses Capítulos duraram somentepor um período e serviram apenas como expressão de Papai Land àqueles que haviam sidomembros ativos em sua juventude e continuaram a estar de serviço no desafio da dedicaçãoDeMolay.O segundo programa lançado durante este período foi a críação da "Ordem da cavalaria" parameninos de 13 à 15 anos de idade. Era um esforço para trazer meninos mais jovens para dentro daorbita de influência DeMolay através da promessa de te-Ias como membros-companheiros noDeMolay assim que eles completassem a idade de 16 anos. Nesta época de vigoroso crescimento daOrdem haviam muitos meninos com quase 16 anos que tinham solicitado como companheiro noDeMolay e ficaram desapontados quando eles os acharam muito jovem para cumprír com a idademínima solicitada. Papai Land não queria que esses meninos .perdessem o interesse, então, elevisualizou a multidão de garotos ainda novos queencontrariam inspiração e desafio na Ordem da Cavalaria foi apresentada ao Grande Conselho e em12 de abril de 1928, um boletim foi enviado pedindo a todos os capítulos DeMolay para formar umaCorte de Cavalaria. A primeira Corte foi formada pelo Capítulo Mãe em Kansas City com Elmer W.Lower, o irmão mais jovem de Louis Lower, instalado como o primeiro oficial presidindo com otitulo de Grande Administrador.Frank A. Marshall, o autor do ritual DeMolay e da primeira cerimônia de Posse da Legião de Honrafoi chamado para escrever o ritual a ser usado por esta nova Ordem. O ritual foi modesto emduração e escrito num estilo assim como para trazer as lições ensinadas dentro do fácil
  • entendimento do menino mais novo. Havia somente um grau mas a cerimônia levou o triunfo dobem e da beleza assim expressados na brilhante armadura da Nobreza e a lenda da Cavalaria. Haviauma inspiração do desafio no espírito de Charle Magne e Roland, das Cruzadas de Ricardo oCoração de Leão, da Távola Redonda de Arthur, e a brilhante bandeira dos Cavaleiros Templários.Walter C. Poeser, que estava para se tornar o primeiro Superior DeMolay para servir como Grã-mestre DeMolay, para tornar-se um Oficial Jurisdicional pelo Missouri, um Congressista pelosEstados Unidos, Embaixador para o Paraguai e mais tarde, Embaixador para Costa Rica, e SoberanoGrande Inspetor Geral do Rito Escocês no Missouri, foi indicado pelo Conselho da Corte Mãe daOrdem da Cavalaria. Ele era somente alguns anos mais velho do que os meninos e freqüentementeexpressava seu embaraço quando os mais jovens insistiam em chama10 de Papai. Na manhãseguinte da primeira apresentação de Graus, ele foi incomodado pelos frenéticos chamadostelefônicos das mães dos meninos que haviam sido iniciados. Elas queriam saber a que lugar teriamsido levados na noite passada. Seus filhos subitamente haviam se tronados mais gentis e obedientes.Uma mãe disse, "Agora Papai Ploeser, diga-me exatamente o que o que aconteceu. Meu filhochegou em casa mais tarde e imediatamente veio à meu quarto. Ele colocou em minhas mãos umarosa e disse algo em agradecimento por ser mãe dele e que seria o melhor filho. E então - isto nãoconsigo explicar - ele segurava minha mão direita e cruzou seus dedos entre os meus como umaespécie de segurança. Quando deixou o quarto, ele parou na porta, voltou-se e disse, Boa noite,mamãe, Você pode dizer-me o que significa do início ao fim tamanha explosão? Nunca aconteceu antes!" "Wally tentou explicar algo do segredo fraternal para ela, disse-lhe que a cerimônia foi baseada emideais e então ficou assustado quando ela encerrou o telefonema com, "Obrigado por tudo, Papai".A primeira corte da cavalaria parecia ser sucesso porém em três anos, apenas 18 Cortes foramestabelecidas. As cerimônias e participação que, para os 16 anos de idade achava apoio, falhou poresperar apoio dos meninos de 13 anos deidade. Era dificil para eles atender reuniões e outros movimentos jovens que prendiam suasatenções. Os anos de depressão lança uma sombra sobre a Corte da cavalaria e cerca de 1931 todoshaviam cessado suas funções.Em 1928 o grande desejo em ter uma construção como a casa do DeMolay encontrou realização.Assim tão distantes quanto os encontros do Grande Conselho em Baltimore, Maryland, em 1923,Land havia chamado atenção para a conveniência de procurar dentro da localização um lugar comoSede do Grande Conselho em Kansas City, rvilssouri. Após debate, Richard H. Malone, Membro-Ativo em Colorado, fez menção para indicar um Comitê com instruções e poder de agir para obtertal lugar. Este Comitê, indicado pelo Grã-mestre Conselheiro Cochran e consistindo de Papai Landcomo Presidente; D. Clark Kelly, Raymond D. Havens e Fred O. Wood, começaram imediatamentea procurar pelas localizações disponíveis por uma definitiva Casa DeMolay. Ainda não era julho de1927 que um lugar conveniente fora apresentado pela firma de Porter, Hall & Porter. A propriedadefoi submetida aos membros do comitê por carta e em 17 de agosto de 1927, um contrato assinadopela propriedade a sudeste da esquina com Armour Boulevard e Warwick Boulevard. E em 28 desetembro de 1927,a propriedade veio em posse do Grande Conselho. O escritório do GrandeEscrivão mudou-se para o prédio da propriedade em 28 de janeiro de 1928, e o DeMolay tinhaagora um local permanente e um lar.Os amigos mais íntimos de Frank freqüentemente diziam que ele nunca soube do valor do dinheiromas que ele possuía um "canal" ao céu e que então ele era capaz de financiar algo que nenhumoutro conseguiria fazer. Aqui era verdade. A The Home Trust Company de Kansas City adiantoutodo o dinheiro necessário para a compra, estando $60.000 em posse do Grande Conselhoassegurado por uma hipoteca da propriedade e mais uma quantia por conta de um empréstimo paradar equilíbrio. Essas notas secundárias foram vendidas a um banco local , que vendeu pelo dobro a
  • pessoas como auxilio a Frank Land e sua organização para meninos. Foi uma boa compra, naquelaépoca propriedades nas adjacências de frente à Armour Boulevard era cotada em $ 500 por metro defrente. E essa propriedade tinha 269,25 metros na Armour e 154,25 metros na WARWICK.A construção na propriedade tinha sido o lar de um importante médico Dr. A.G.Griffith e foiconsiderado um espetáculo de lugar entre as casas magnificas ao longo da Armour Boullevard ,conhecida como a " Área de casa e carruagem" pelas famílias ricas da cidade. Era uma residênciaespaçosa sem um estilo de arquitetura definido , mas havia influencia do inglês TUDOR, em algunsdetalhes. As paredes eram de pedras vulcânicas , com faixas horizontais e decoradas com pedras decal indiano. Um grande aparador do mesmo material era destaque na frente elevada. O telhado eraenquadrado e coberto com vários sarrafos de Vermont , com calha. e condutores de água de chuvaem cobre . A entrada da varanda era levantada, assim que uma pessoa acessava alguns degraus depedra voltava-se para a esquerda paraencontrar as pesadas portas de carvalho, com precediu dos vidros laterais límpidos . Sobre a entradahavia um mastro com a bandeira americana exposta durante as horas do dia. A direita da entradahavia um grande recuo da janela dando claridade dentro da biblioteca.No interior após algumas reformas , era espaço ideal para um requisitado escritório. O Hall deentrada era espaçoso com pisos em parquet de nogueira. A grande escada com proteção e corrimãoem mogno, levavam aos quartos do 2° andar.No sub- solo a cozinha e a sala de jantar foram instaladas . Aqui , mesmo com a restrição de um tetorebaixado , feito necessariamente pelos condutores do sistema de aquecimento , aos empregados eradado uma refeição todos os dias . Para esta refeição Land trazia seus convidados e distraia aquelesque vinham visitar a Sede DeMolay .A biblioteca era a sala mais linda de todas, e servia como escritório do Grande Escrivão. As paredeseram revestidas com painéis de coloridas cerejeiras. A lareira na parede ao sul tinha um aspectocaracterístico em mármore Florentino com o manto apoiado pelos suportes de mogno torneados.Duas paredes de cristais brilham servindo como arandelas nos painéis próximos a lareira, e nocentro do teto foi instalado suspenso um grande lustre de cristal . As poltronas em couro estavamem cada lado da lareira, enquanto a mesa executiva em Nogueira, estava colocada na posiçãosetentrional da sala com uma grande cadeira de trabalho no espaço formado pela enseada da janela .As paredes do oriente e do ocidente estavam forradas com fotografias assinadas por companheirosde uma vida entre pessoas tão conhecidas por alguns homens . Na galeria estavam Presidentes dosEstados Unidos , políticos de destaque , comerciantes e líderes maçons , e muitos dos homens quechamaram o fundador DeMolay de "Papai". Entre eles estavam o Walt Disney , que tornou-semembro em Kansas City e Don Dudge que fez sua primeira apresentação de Tenis num torneioDeMolay . Haviam marcos destes , de tantos muitos que não havia espaço suficiente na parede e umsistema de rotação era usado na exposição deles.Entre as fotos estavam uma série de copias pintadas de murais das Abadias da biblioteca pública deBoston , pintando a historia de Sir Galahad em busca do Santo Graal. Suas presenças sugeriam oidealismo e senso do drama que serviu como inspiração ao homem e aos meninos DeMolay .Não havia nenhum sinal de identificação no prédio , pois tais sinais eram proibidos pela lei dezoneamento , nesta área residencial . Porém um visitante encontrou no alto do .acesso das escadas ,uma placa simples de bronze , com profundidade de propósitos leu :Um santuário para a juventude dedicado à glória de Deuse masculinidade jovem do mundo.9. NÃO PRESTE ATENÇÃO NO CÉU ACINZENTADOo pessimista havia dito, "Exceto o senhor construtor da casa, eles trabalharam em vão. Quem aconstruiu". Frank Land sabia que o trabalho não era em vão havia entrado numa aquisição de umapermanente Sede aos DeMolay.
  • Representava anos de trabalho para aqueles que acreditaram que era movido pela direção de Deusdentro deles para fornecer uma casa aos DeMolays e aos jovens da nação. Ele estava orgulhoso pelacasa.Muitas noites durante o trabalho de reformas ele caminhava os dois pequenos quarteirões de seuapartamento com sua esposa e ela podia ver o progresso sendo feiro e dividia seu entusiasmo.Caminhando a noite quando a casa estava completa os móveis e decoração no lugar, Neli estavaexuberante. Ela inspecionou cada sala do subsolo ao segundo andar dando palavras de elogiosfemininos quando ela viu o trabalho de imaginação de seu marido refletido em cada espaço.Finalmente, assim que eles entraram na biblioteca ela sentou-se numa das poltronas de courodobrou suas pernas sob ela, e no conforto de sua amistosa sala disse, "Frankie, ela é bela. Você temfeiro mais para esses meninos do que para você."Frank sentou-se na cadeira atrás de sua mesa assim ela pode ver como ele lhe parecia nesse novoescritório, sorriu e disse, "Estou feliz que você aprove. Somente imagine onde nós chegamos.Lembra-se do primeiro relatório de nosso tesoureiro? É dificil acreditar mas naquela época a OrdemDeMolay tinha exatamente $2,25 cents.""Por quê daquela quantia e como você possivelmente se lembrariadela?"li Oh, é fácil lembrar. O dinheiro veio dos primeiro nove meninos que pagaram 25 cents cada.Como poderia esquecer?"o juiz Cochran não viveu para ver a casa completa para em primeiro de maio de 1928, elecalmamente foi embora no Hospital St. Luke, St. Louis, Missouri. Ele também, teria ficadoorgulhoso deste marco da Ordem, por ele ter dado tanto na formação DeMolay de sua grandepersonalidade e sua larga experiência nas organizações fraternais. Frank Land procurava por elecomo uma constante fonte deforça e alguém em que ele podia encontrar orientação. Quando as notícias de Cochran alcançou -o,ele disse aos membros de seu corpo docente que Cochran havia estado doente quando ele presidiude novo as sessões do Grande Conselho em março daquele ano. Ele disse, "O doador sempre senteem seus dedos como ele encerrou o encontro." Então, refletindo no passado ele continuou, "AOrdem DeMolay não perdeu somente um de seus melhores amigos, mas uma torre de força quandoespecialmente esses cavalheiros mais velhos falecem. Não havia sido por interesse que o levouquando apenas alguns meninos constituíam como nossos membroscompanheiros, lá não teria sidonenhuma Ordem DeMolay. Ele estava sempre pronto a vencer pela nossa causa, e se era tempestadeou distância, nenhum sacrificio foi demasiadamente grande para ele faze-Io em beneficio dajuventude. Ele serviu como Grã-mestre do primeiro encontro do Grande Conselho da OrdemDeMolay até o momento de sua morte" .Durante a sessão do Grande Conselho de 1929, assistido em Pittsburgh, Pennsylvania, Sam P.Cochran, proeminente Maçom do Rito Escocês no Texas, foi escolhido para fazer uma homenagema Alexander G. Cochran. Em seu elogio, ele disse:"Ele era um homem de grande coração, caloroso com súas amizades e quando ele tornou-se diretordesta Ordem ele desenhou para si próprio a afeição e sincero respeito à multidão de homens emeninos que tem tido interesse na Ordem DeMolay. Em sua vida fraternal ele radiou uma grandeinfluência para o bem, adiantamento daqueles grandes ideais os quais fariam pelo melhor viverentre homens e meninos. Em suas relações sociais ele desfrutou de distinção da ocupação tãoelevada quanto uma classificação poderia ser proporcionada a uma de suas eminentes capacidades eseu natural traço de bondade e afeto humano. Ele deu para a Ordem DeMolay o melhor de seusúltimos anos de sua vida ...."Nós todos lembramos como ele presidiu a última sessão deste Grande Conselho com graça,dignidade e bondade; quando as sombras desenharam ao redor de sua carreira e sua vida de
  • utilidade, ativamente, e grande benevolência veio por fim, era o encerramento de um registro dealguém que viveu na luz da grande devoção para a qual contribuiu para a felicidade aqui e conduzao mais alta recompensa de honra na vida futura".John H. Glazier havia servido como Delegado Grã-mestre durante os longos de administração deCochran e agora, por voto do Comitê Executivo, ele assumia o escritório e deveres do Grã-mestreConselheiro. Ele foi para servir naquela posição até março de 1931 e não foi até 1936 quando oescritório do Grande Mestre Conselheiro foi restringido pelo periodo de um ano.Estes eram os dias de dificuldades - Os anos de experimentação.Quando ele assumiu o escritório; o DeMolay era parte do pensamento no final de 1920 é quesomente foi adiante, constantes progressos foram possíveis. Nenhu~ sentido poderia parar ainevitável prosperidade no crescimento da nação. A economia estava o tempo todo no pico e osortimento tomou-se uma fonte de grande retomo financeiro até o mais modesto investidor. Noverão de 1929, haviam sinais de um intervalo porém ninguém remotamente imaginou que umdesabamento total estava por vir com o fracasso das trocas de sortimento naquele fatídico diaquando o estrondo de negócios dos vinte toma-se apenas uma lembrança. Os dias da grandedepressão de 1930 descendeu sôbre uma nação afetada a alcançar seus mais baixos pontos emmarço de 1933. O desemprego alcançou o cambaleado total de quinze milhões de homens querendotrabalhar por um dólar e a uma semana não conseguiam encontrar trabalho. A produção industrialfoi cortada pela metade, hipotecas e garantias foram difundidas, a milenar estrada de ferro a terceirada nação estava em banca rota, e homens orgulhosos em seus desesperos perderam suas própriasvidas.Ninguém estava preparado e ninguém de inicio acreditava que havia acontecido tudo aquilo. Entãoquando os bancos fecharam logo nos dias da administração de Roosevelt, ela tomou-se totalmentetransparente que a nação, cada indivíduo e toda a organização fraternal uma crise oferecia somenteá promessa do aumento de dificuldades, de atividades restringi das, e reduzidas rendas.Todos os capítulos DeMolays sentiram o impacto da depressão. Muitos acharam-na impossível parase cobrar dividas. Haviam. alguns meninos que deviam dinheiro este mesmo para os reduzidoshonorários da iniciação. Os companheiros sentiram novas baixas como, numa época, era esperadoque o DeMolay declinasse num ano de 210.000 membros para 110.000 membros. E os Capítulosainda continuavam em alguns graus os capitulos encontraram em números menor de meninos quederam aumento as atividades devido ao não mais existente emprego de verão e após a escola osmembros tinham mais tempo para dar ao DeMolay.· Eles aperfeiçoaram seus trabalhos no ritual ecomo ninguém tinha dinheiro para tais coisas como diversões, muitos dos meninos acharam com oDeMolay a únicas oportunidade social que eles podiam ter. Aqui também encontravam seuscompanheiros e sua fé nos...anos que vmam.As aspirações de Papai Land estavam nos mais baixos pontos de sua carreira. Os DeMolay haviamcrescidos com atônita vitalidade por dez anos e agora com os membros companheiros drasticamentediminuídos e poucos meninos vindo para a Ordem, o dinheiro para a operação do DeMolay haviadesaparecido. Os grupos patrocinadores na mesma situação estavam incapacitados de ajudaremfinanceiramente. Land- voltava-se para Charley Boyce de vez em quando para conversar sobrealguns métodos para proteger a Ordem solvente, "Charley" ele dizia,. "Eu simplesmente não sei o que fazer e ainda sei de algumas coisas que precisamosfazer e entre estas primeiras coisas está ser justo com os meninos. Você sabe, eu nunca me esquecide um credor importante dia a dia e as vezes muitas épocas um dia pela minha mãe. Ela diria,"Nunca se esqueça de que vivemos de boas referências de nossos vizinhos", "Isto nós precisamosfazer independente do resto",
  • Então ele acrescentou lentamente como se ele quisesse ouvir as palavras, "Nós somos forçados areduzir os gastos da reforma do escritório da Sede. Não queria faze-lo mas somos forçados adespedir a maioria daqueles que fazem parte do nosso escritório. Aqueles que ficarem nãoreceberão salários. "A decisão foi proposta, várias vezes, porém finalmente havia sido feito.Land e Boyce isentaram-se de qualquer salário e por um ano ou mais aqueles que ficaram em suasfunções trabalhariam com 50% de redução em seus salários. Finalmente, as condições tornaram-setão dificeis que Frank Land chamou todos os empregados de seu escritório em seis de março de1933, e os informou que todos seriam dispensados quando naquela tarde com exceção dele, do Df.Statton D. Brooks, do Charley A. Boyce e Louis G. Lower, dezoito homens e mulheres foramforçados a procurarem outros trabalhos mas quando as condições melhorasse todos teriam seusempregos de volta para assumirem seus lugares no escritório.Walter Ploeser, como um representante do campo viajando nas estradas do sul, sentiu o plenoimpacto da falta de dinheiro em Greenville, Carolina do norte. Ele havia ficado num dos melhoreshotéis quando· suas economias começaram a se esgotar, e nenhuma perspectiva para melhorarestava em vista, mudou-se para o Hotel mais barato que ele pode encontrar "um pulgueiro unido"ele dizia. Até que com o último dinheiro que ele tinha, enviou um telegrama a Kansas City paramandarem dinheiro. A resposta que ele recebeu foi curta e enviaram apenas porque a uniãoocidental ainda não havia cancelado o crédito do DeMolay meramente citaram uma simples linhado tema de uma canção popular "Wally, haverá sempre céus acinzentados" .Ted Little, em Indianópolis, foi mais afortunado. Na mesa do Washington Hotel ele encontrou umacarta de John Agley do escritório da sede que anexou um cheque de $69, para cobrir suas despesas epara contar-lhe que a função de campo havia sido encerrada. Ele apressou para o banco e descontouo cheque apenas uma hora antes dos bancos da nação fecharem. Não havia nada deixado para elefazer exceto empacotar seus pertences dentro de uma antiga F ord dada para ele como umtrabalhador de campo pelo DeMolay, e voltar para casa. Enquanto dirigia ele pensava de comoLouis Lower o havia ensinado a dirigir. Ele lembrou-se da primeira lição na calma estrada quelevava de Kansas City a Olathe, Kansas, e então como triste final o comprimido tráfego do centroda cidade de Kansas City e a subida íngreme da Rua Principal Colina do Sul da Union Station aoquarteirões adiante do Hospital de St. Mary. Era uma colina traiçoeira - o desespero de muitosmontanhas. Quando elevoltou-se para Louis e achou o mesmo mais pálido. Limpando o suor de seu rosto, Louis disse,"Garoto, voce conseguiu - mas como I"Um dos membros da Legião de Honra foi convidada a fazer uma parte na Posse de seu Preceptor.Ele queria aceitar, mas havia um problema financeiro similar para a maioria dos jovens das famíliaslutando para vencerem as dificuldades diárias. Ele conversou sobre o assunto com sua esposa, "Eugostaria de ir. Estes encontros sempre impressionam-me na Posse em si e é uma oportunidade derever meus amigos. Mas eu não posso participar dele. Existe o custo do jantar, meu terno precisaurgente de uma limpeza e correrá por nossa conta, da última vez ficou desalinhado e haviamburacos na sola de meus sapatos".Sua esposa respondeu, "Vá em frente e siga. eu posso preparar seu terno e você estará usando umacapa então quando você se ajoelhar apenas cubra com a capa seus sapatos e ninguém verá osburacos. Você sabe, eu não ficaria surpresa nessas horas se Frank Land tivesse buracos em seussapatos - mais eu aposto que aqueles sapatos serão polidos como se estivesse indo a um Desfile" .Com buraco nos sapatos ou não, ela foi correta numa coisa. Frank Land nunca perdeu suacompostura nem nunca expôs sinais de derrota. Na-quele ano o jantar da Legião tinha as usuaisvelas altas. A viçosa exposição de flores e o jantar foi de excelente qualidade.
  • Haviam muitos que olham sobre esses anos passados com sentimento de orgulho. Eles desenhavamem todos um pedacinho mais próximo juntos compartilhavam a miséria de reduzidas finanças.Havia um desafio a cada dia e um senso de realização quando a esposa cresceu mais próspera e oscéus acizentados começaram a quebrar mostrando a promessa de dias melhores. Papai Land era oincentivo, a fonte de inspiração a seus meninos assim ele contemplou a tempestade com calma econfiança e profunda fé religiosa.Porém confiança não pagava dívidas. No lento vazar de diminutas rendas era impossível encontraros pagamentos de dívidas nas endividadas hipotecas bancária na construção da Sede. A cada mêsera impossível ter interesse em pagar. Finalmente, quando os pagamentos haviam atrasado paramais de um ano, aqueles que tinham comprado os papéis da hipoteca pediram uma reunião paradecidir se eles executariam e levariam a propriedade. Mr. James P. McGilley, um destacado agentefunerário da cidade e um dedicado Católico secular, registrou as razões pela execução e entãodirigiu a reunião, dizendo, «Conheço o interesse de cada pessoa aqui presente respeitando aobrigação representada nas partilhas das apólices cada um de nós domina sobre a hipoteca destavaliosa propriedade. Também conheço que os DeMolays tem feito para a juventude destacomunidade e a nação. Frank Land dedicou sua vida a este trabalho. Ele tem trazido honra ereconhecimento nacionalpara esta cidade. Se nós levássemos a casa dele, seria uma tremenda perda - talvez uma perda fatal -para uma Ordem para meninos que tiveram seus inícios em Kansas City. Os membros de minhafamília acredita que o D610lay deveria ter mais tempo para saldar suas obrigações financeiras.Tenho a permissão deles para lançar nossos votos como sendo infavorável para a proposta deexecução"Um outro retentor da apólice disse, "Jim, acredito que você fala por cada um de nós. Ninguém queraqui realmente executar. Nós compartilharemos seu respeito por Frank Land. Ele viviasatisfatoriamente. Como sua família domina o controle nisto - vamos todos para casa".O DeMolay sobreviveu a trágica década somente pelos amIgos, a determinação, a boas vontade, esinceridade de Frank Land.Os anos de depressão trouxe em grande senso de busca espiritual."Como aconteceu?" era perguntado por muitas pessoas pensativas e "Qual lição para o futuropodemos aprender?" Este desafio foi refletido na direção do Grã-mestre John H. Glazier na aberturada sessão de 1931 do Grande Conselho, assistido no May Flower Hotel em Washington, D.C ..Haviam se passado dois anos desde nosso último encontro. Ele disse, "Anos de luta e esforços, detriunfos e derrotas, de sofrimento e alegria de realização, de fundações figuradas por substancialprogressos e fracassos de muitos planos. Muitos problemas haviam sido encontrados, na soluçãodos quais, não tinha sido sempre fácil assegurar desejados resultados. O mundo havia sido mal e oscomerciantes com depressão e execução. Os corações haviam estado sondando baixo com muitasdores. Grande resolução havia sido deslocada em muitas ocasiões por trás o desespero. Mas atravésde toda escuridão havia aparecido a estrela da manhã da juventude otimista - a estrela DeMolay. Àsvezes ela parecia obscura no nevoeiro da depressão mas, sempre, ela encontrava forças no desanimoalegrando os corações de seus devotos, um farol e uma promessa de melhores coisas ...."A onda de um novo mundo de satisfação, inspiração e originalidade acenou para nós. Somoscapazes de responder ao chamado? A juventude está indo a diante. Ela recusa estacionar. Ela decaia estar satisfeita com antiquados inventos e planos. A ,Pulsação por grande aventura está no sanguee canta nos lábios da juventude mundial. E tremenda a admirada inspiração e eterna. O DeMolaytinha a oportunidade de golpear na vanguarda desses milhões de jovens homens e mulheres,liderando-os, dirigindo-os e satisfazendo seus desejos para crescimento e vida."Se estam_os contentes por seguir os rastos das pegadas se repousamos sobre desempenhos, sesomos estereótipos e tediosos, se nos falta agarrar a glória da
  • onda jOem: o De)lolay está condenado no corredor de uma inconseqüência na trama das coisas"Podemos balançar diante da alegria realização" .nos levantar diante de nossas oportunidades! Vamos e esplendida trilha iluminada pela construtivaglória de o DeMolay levantou-se ao desafio. De fato dois meses antes do dirigido anúncio públicode, John Glazier onde foi feito a nomeação do Df. Statton D. Brooks como diretor executivo nafunção de Grande Escrivão. Este modesto cavalheiro com seu cabelo branco neve, olhos amistosose modos eruditos foi reconhecido nacionalmente como um dos destacados homens da educação. Poroito anos priorizou a sua nomeação no DeMolay, Dr. Brooks serviu com tal eficiência comopresidente da universidade de Missouri e ele foi indicado como um dos vinte e cinco lídereseducadores nos United States num programa patrocinado por um Jornal de New York.O Df. Books assumiu seu novo dever nos primeiros dias de fevereiro. Sua habilidade e experiênciaem administração teve um magnetismo de longo alcance na elevação DeMolay durante o todo dadepressão. Os capítulos e homens responderam a ele. Eles juntaram-se sob sua bandeira para reunirseus problemas com r:ealismo. Os relatórios uma vez mais fluíam para o escritório e o DeMolaytornou-se melhor preparado pra encontrar os sinistros anos que vieram em meados dos trinta.Frank Land percebeu que a reunião do Grande Conselho de 1931 ocorrida em Washington, D.e.,seria a última assembléia por vários anos e tão lotado quanto possível dentro das sessões. Ele nãoimaginava que ela seria cinco anos antes de um outro encontro e que o DeMolay seria governadopor um encontro anual do Comitê Executivo até 1936.Em 16 de março de 1931, o Comitê nos Estados da Ordem submeteu uma resolução declarando, "Sea Ordem DeMolay for estendida a países estrangeiros acreditamos que precisa existir uma forma degoverno fornecido a eles." A resolução deles fornecia a preparação de um estatuto para a formaçãoe estabelecimento de Grandes Conselhos Provincianos e o que tais oficiais estariam sujeitos aConstituição e Estatutos do Grande Conselho e todos atos precisam ser em conformidade também.Ele resolveu mais do que quando a dita lei foi esboçada pelo comitê da jurisprudência e aprovadapelo Grã-mestre e Grande Escrivão, tIa se tornará efetiva para todos intentos e propósitos como sepromulgasse a esta sessão do Grande Conselho".No dia 17 de março, um preâmbulo para a Constituição do Grande Conselho da Ordem DeMolayfoi adotado o seguinte:"A .Iaçonaria indica que acredita err: Deus. no patnotlsmo. na educação. na caridade, nabenevolência e nas virtudes rr:crais e sociais; e os membros daquela fraternidade durante geraçõestem procurado colocar em prática tais principios para estender alivio aos óriãos e aos velhos. praaqueles doente no corpo, ou de bens, para ajudarem jovens a moldarem-se através da educação etreinamento para os deveres da vida, e pela benevolência aos outros: e tem procurado promover taisideais entre os jovens e consequentemente o encorajamento de bons cidadãos e caráter sadio, emparte usando a Ordem DeMolay como um significado para tal finalidade."A Ordem DeMolay nunca tem feito, mas ao contrário, desaprova expressamente qualquerfingimento ou pretensões em ser uma organização Maçànica, oferecendo ela própria como umaagência para ajudar na realização de tais objetivos desejados. Originalmente os membros da OrdemDeMolay foram limitados aos filhos de maçons e seus amigos. Tem agora sido encontrado maissaberia por estender ao alcance da influencia da Ordem por admitir como seus membros jovensaceitáveis entre as idades de 16 e inclusive de 20 anos, sem referencia maçànica ou outrasafiliações" .Frank Land deu essa palavra de apreciação: "Seu Grande Escrivão não pode reprimir a expressagratidão de cada um de voces de modo pessoal para as muitas bondades estendidas no passado. Estaorganização tem prosperado porque Deus Todo Poderoso tem socorrido nosso trabalho. Ela não
  • existiria sem os esforços de voces e dos Irmãos associados com voce, nós não estaríamos aquireunidos hoje. O próximo ano pode trazer a cada um de voces grande felicidade, e para a OrdemDeMolay, uma grandiosa era de utilidade em favor da juventude".Cada membro do Grande Conselho procurou adiante para o alto momento das sessões - aoportunidade de visitar a Casa Branca como convidados do Presidente Herbert Hoover. O Sr.Hoover, com seu grande interesse humanitário, havia sido longamente um entusiástico amigo doDeMolay e de Frank Land. Agora em Washington, ele expressava sua apreciação pela influenciaque o DeMolay havia dado para a juventude da nação. Ele levantou-se de sua mesa de trabalho ecumprimentou cada homem. Land, quando se aproximou do Presidente, presenteou-o com o cordãobranco de Honorável da Legião de Honra.Frank Marshall, em desafios às advertencias de seus médicos, havia insistido em assistir a Reuniãodo Grande Conselho na esperança de que ele seria capaz de encontrar-se com Herbert Hoover.Porém a tragédia freqüentemente vem num momento de triunfo. Quando ele se aproximou doPresidente para apertar sua mão, ele repentinamente tombou sua cabeça para trás e voltou de modoabruptamente. Ele foi calmamente levado à uma sala menor assim os outros continuaram a receberas boas vindas do Sr. Hoover. Todos os esforços foram feitos para acalmar seu altoestágio de tensão. excitação. frustração e decepção. A Sr." ~darshall sugeriu que eles os levassempara casa de amigos em Washington. o Sr. e Sr." R. R. Robb.Ele nunca dewria ter feito esta viagem tão longe de casa. Sua saúde estava tão abalada que seufisico desejava não ir. Ele parecia muito mais velho do que seus 65 anos. Seu coração dava respostairregular à tempos e ele sofria de extrema alta pressão sangüínea. Em sua chegada em Vashingtonele havia sofrido uma pequena hemorragia cerebral porém sua futura ida era suprema. "Eu precisoassistir o encontro dos Grandes Conselhos "ele insistiu. "Eu preciso cumprimentar o Presidente. "Seu espirito tão criador agora vagueava nas sombras da incoerência.Para a casa de sua filha, a Sr.a Erwin LOcker, em S1. Louis, ele foi semiconsciente. Incapaz dedormir, ele passaria a noite toda gritando longas passagens de seu amado Shakespeare até que a vozcalma de sua filha o tirava de volta de sua declamação. Finalmente, ele foi levado de volta para suacasa em Kansas City sob os cuidados de sua esposa. Ela deu todo seu amor, mas a extensão de suavida estava quase acabada e em 24 de março de 1931, seu espírito marchou dentro do eterno.A neve estava soprando ainda cedo numa precipitada· nevasca de primavera quando o funeralprosseguiu mesmo assim para o cemitério M1. Moriah para o enterro deste homem tão queridopelas pessoas desta cidade. Lá os membros do Capitulo Mãe DeMolay formou num estilo de honraquando a Banda do Capítulo Mãe tocou música em respeito daqueles que haviam "navegado alémdo sol e das estrelas de todos os mares ocidentais. Ele havia sido reverenciado como um dosmaiores gigantes literários de sua época, um gênio excêntrico que deu para a juventude mundial um"ritual" como uma orientação através da vida. Assim que as palavras do serviço Maçônico foramditas, por um de seus amigos foi ouvida a observação "É lógico que foi seu coração que parou. Elehavia dado seu coração aos outros por todos os anos de sua vida. De fato, Frank Athur Marshall foitodo coração. Ele acreditou e fez seu idealismo".A morte de Marshall foi uma triste experiência para Frank Land então ele estava a todo momento nalembrança. Eles haviam trabalhado tão particularmente juntos durante os 12 anos do DeMolay etinham visto seus sonhos florescerem dentro da realidade. Papai refletiu, "Sinto falta dele - muitossentem falta dele. Ele significava bastante em minha vida - quase um pai para mim. Assim eufreqüentemente procurava por ele quando precisava de um conselho e ele sempre livremente davasua sabedoria. Nunca me esquecerei dele - e o DeMolay nunca se esquecerá dele."Uma geração mais tarde, um dos pasteI Mestre Conselheiros DeMolay, Rex Thrasher, escreveuuma história do Capítulo ivlãe e incluiu esta opinião, "Frank Land ofereceu a ocasião para afundação DeMolay. Louis Lower forneceu os
  • membros iIas Frank A.MarshalL tradicional jornalista. foi quem forneceu o Ritual - o veículo oqual deu significado para a Ordem".Os anos seguintes da morte de Marshall foram anos calmos - tão calmos que o prosseguimento doGrande Conselho não foram publicados nos anos de 1932 a 1937 e de 1943 a 1946. Porém amudança não veio durante esse período quando o Del1olay gradualmente ganhava força nodesastre da depressão. Em abril de 1934 a idade de requisito para membros mudou de 16 para 15anos de idade. Papai Land estava ciente que os meninos mais velhos estavam saindo para auniversidade, deixando os membros mais jovens levarem as atividades do Capítulo adiante e que osjovens de 15 anos de idade poderiam bem tomar parte no DeMolay. Então ele explicou assim, "Osanos passados haviam feito cada um de nós crescer. Um menino de 15 anos agora édemasiadamente inteligente, bem informado, mente-justa, e responsável tanto quanto os garotos de16 anos quando nós iniciamos. Nós aumentaríamos nossos membros-companheiros trazendo essesgarotos mais jovens para o DeMolay". Alguns títulos dos oficiais do Grande Conselho davam aimpressão de serem pesados e prolixo tanto que o título do Grã-mestre Conselheiro foi trocado para"Grã-mestre" e o título de Grande Escrivão foi trocado para "Secretário Geral".Dois prêmios de Honra foram críados em 1936 por recomendação da jurisprudência e comitêLegislativo para dar reconhecimento àqueles que prestavam extraordinários serviços ao DeMolay epara a humanidade. "Um membro ou Delegado pode conferir sobre qualquer pessoa acima de 21anos de idade a "Medalha de Apreciação DeMolay" após arquivar com o Secretário Geral umaintenção para honrar determinada pessoa pelo serviço de destaque a Ordem DeMolay ou em umCapítulo subordinado" e "O Grande Conselho pode, por indicação de um membro ou Delegado,conferir "Medalha de Honra DeMolay" à um membro da Ordem DeMolay que tenha desempenhadoum excepcional serviço de destaque a humanidade".Os prêmios, reconhecimento ou honrarias eram uma resposta material por parte de Land comoexpressão de sua apreciação pelas cortesias estendidas à ele e em reconhecimento do tempodedicado, o interesse, e a liderança provida por aqueles que haviam ajudado a construir o DeMolay.Próximo de 1925 ele havia criado a "Cruz de Honra DeMolay" para "aqueles homens queorientaram os vários capítulos como Conselheiros por três anos ou mais com conspícuo serviço edestacáveis esforços em favor do DeMolay". Havia um grau de encenação na apresentaçãodramática dos prêmios criados por "Papai" porém havia sempre a sinceridade de um humildehomem que queria muito dizer "Obrigado" àqueles em seu modo de ver, mereciam serem honradosdesta maneira.Sua apreciação pelos esforços dados durante os poucos anos foram expressados por suas palavras deconfiança ao Grande Conselho em 1938. "O movimento havia passado satisfatoriamente através deum período de caos financeirose industrial". ele disse. "estejam certos. a intuição não haia emergido destas épocas deexperimentação sem algum retardamento financeiro e materiaL mas em comparação os nossosesforços e sucesso de nossos esforços com l"vlovimentos similares. nós não podemos ajudar massentir profundo grau de agradecimento por nossa posição atual.A antiga canção de "Gray Skies" podia ser parafraseada com realisticootimismo:os CÉUS ACINZENTADOS, TODOS ELES SE FORAJ.l, NADA MAlS DO QUE OS CÉUSAZUIS DE AGORA. EM DIAJ.~TE.10. NOVAS FRONTEIRASOs calmos anos De?vlolay foram também calmos para a nação assim a Am,rica certamentedesenhou-se na depressão com a ajuda federal para empregos, agricultura e negócios. As pessoasem todos os caminhos da vida pareciam esquecidos das forças que estavam ganhando poder emoutras partes do mundo. A Am,rica estava isolada. Ela havia levado uma vital, triunfante parte na Ia
  • Guerra Mundial e queria apenas trabalhar seu próprio destino em paz, para evadir os problemas dopresente e futuro, e recriar a nostalgia de uma harmonizada sociedade. Era uma posição perigosa. Avinda de Hither para o poder na Alemanha havia dado lugar a ressuscitar a ameaça de uma novaGuerra Mundial. Mussolini na Itália havia ganhado tal poder para invadir a Etiópia em 1935. Atirania tinha vindo para a Espanha sob o General Franco e em 1931 o Japão lançou seu primeiroataque na China. A visita de apaziguamento de Neville Chanberlain a Munique foi seguida pelainvasão alemã . Stalin lançou sua invasão a Finlândia mais tarde, em novembro de 1939. oPresidente Roosevelt avisou a nação que, "Quando a paz é quebrada em qualquer lugar, a paz detodos os países por todos os lugares está em perigo. !Nenhuma nação - nenhuma organização fraternal - pode viver no mundo de mudanças, sem que olançamento de seus temores recaiam sobre suas próprias atividades. Frank Land estava ciente dotumulto o qual estava para sacudir o mundo dentro da 23 Guerra mundial e chamar à participaçãodos americanos. Ele sabia que os DeMolays estariam constantemente cientes das atitudes sociais edas atividades da época e auxiliariam programas se necessário ou mudanças de velhosprocedimentos se tais mudanças fossem em proteção com o pensamento da juventude. Ele disse, liAOrdem DeMolay não tem programa fixo. Cada ano o período cría seus problemas que afetam ajuventude - E o DeMolay assim possuí flexibilidade em seus programas de acordo com a época".o Preceptor rvlãe da Legião de Honra ha;ia completado o serviço de Posse em 1935 quandoClarence Barnickel aproximou-se de Land com uma perguntinha enigmado por algum tempo "Vocêsabe, Papai", ele disse, "Eu tenho tomado parte em cada posse do grupo Mãe da Legião desde queela foi formada. Naquela época estava com vinte e quatro anos assim como os outros. Cinco anosmais tarde os candidatos estavam todos com a minha idade, trinta. Então cinco anos mais tarde eaqueles a receber o prêmio estavam com trinta e cinco. Como assim homens mais jovens? Deviaexistir alguns que haviam se tornado DeMolays Senior que são elegíveis. Ou, se a Legião de Honraé para aqueles que são mais velhos, porque não formar na homenagem aqueles que são maisjovens)""Você está certo, Clarence, a idade nivelada para aqueles a receber a Legião de Honra haviaaumentado quando nós reconhecemos que eram DeMolay e durante os anos haviam mostradopromessa de alcance ao sucesso de sua vocação. A idade nivelará provavelmente quando vocêamadurecer eu percebo isso. Tenho conversado com vários de nossos homens e nós sentimos queexistiria um outro prêmio - talvez um grau - para reconhecer os líderes de destaque DeMolay"."É esquisito," ele continuou, "aquele que trazia isto nesse particular momento. Você se lembra doinicio de 1920, alguns de nossos companheiros foram indicados à ajudar as classes de novosmembros e para ajudar-me. Para te identificar como líder, você e os boinas amarelas em todas asreuniões?""Claro que me lembro. Gorman McBride e todos os outros ficaram orgulhosos daquelas boinas.Eles estavam com as boinas usadas pelo membros do Rito Escocês, apenas diferente na cor."Papai sorriu, "E do que chamamos você? Você se lembra do nome que veio com a boina?""Sim. Era Cavaleiro!"o grau de Cavaleiro foi aprovado em 1 O de abril de 1936. A honra foi conferido sobre os membrosda Ordem DeMolay que haviam feito serviços raros e meritórios em favor da Ordem, que haviamatingido a idade de 18 anos (mais tarde mudado para 17 anos) e que tinham sido membros de umcapitulo por pelo menos dois anos. Ninguém fez por merecer esta distinção. Os voto unanimes doGrande Conselho, em sessão regular, foi requerido eleger o candidato a receber "Grau deCavaleiro".Este foi o primeiro ritual escrito por Frank Marshall. Frank Land havia dado ajuda e orientação atodos os rituais de serviços de haviam sido escritos antes. Agora ele aceitou o desafio de escrever o
  • ritual da apresentação deste novo grau que ele referiu como ,"0 mais alto prêmio por distinto serviçoDeMolay" dentro dopresente do Grande Conselho Somente um outro ;:remio. a Legião de Honra, para lideres dedestaque e serviços para a humanidade, e:e escreveu "Sem graduação esta distinção" .o rituaL muito mais curto do que 2. cerimonia da Legião de Honra, contém um profundo tomreligioso. Pela primeira :ez no ritual DeY10lay uma parte maior da Bíblia foi incluída. Land era ummestre n? Bíblia, ele viveu por ela e a leu varias vezes durante suas manhãs nos períodos nosperíodos de contemplação e oração. Ele incluiu as "palavras de inspiração de Davi que cantou asegurança em Deus nos 910 capítulos dos Salmos". Por isso acreditar em Deus, ele acrescentou,"aquilo sagrado chamou nos lares" e "aquele patriotismo os quais, assim levando conhecimento ecerteza a todo homem até torná-Ia atento para as certezas de todos os outros homens". Foi numaapresentação dramática dos desdobrados propósitos que ele havia sempre associado ao DeMolay -Amor a Deus: amor ao lar; amor ao país. A obrigação curta, breve e cheia de significado pelos anosque estavam por vir, concluiu com um frase que continha o tema do grau - "Ademais eu prometo ejuro que serei daqui para frente esforçar-me em ser melhor homem do que tenho até então sidoantes. Assim Deus me ajude."A figura geométrica do triângulo havia sido por muito tempo uma parte do DeMolay e agora nestegrau, afigura do circulo foi introduzi da, não somente no anel cólocado no terceiro dedo da mãoesquerda porém como o grande comandante no drama da cerimonia dita, "Meus irmãos, vocês seajoelharam formando um circulo ao redor de mim". Com o designar ajoelhado a oração foi dada e ocordão e medalhão do Cavaleiro foi colocada no pescoço e nos ombros quando cada jovem selevantou.Esse circulo de comando tornou-se parte de muitos serviçoreconhecidos.Nos altos rochedos de Colorado dentro das sombras de Peak Long, ou a fumaça da limpeza dosaltos pinhos da Carolina do norte, ou nas crateras das dunas de areia de Asilimar, California, osmeninos das Lideranças Campo se reuniram a noite formando um enorme circulo através da luz deuma fogueira. Lá eles se tornariam tão sem direção que eles podiam ver somente a noite, as estrelas,e no mundo o qual eles estavam sozinhos no limiar de suas aventura da vida. Apenas a imobilidade- e porém como as palavras de Carruth foram o puxão do desconhecido:COMO AS NlARÉS NillvIA CRESCENTE PRAIA, QUAlIDO A LUA EST Á NOVA E FINA,DENTRO DE NOSSOS CORAÇÕES ALTOS fu~SEIOSVEM NASCENDO E ENVOLVENDO C0110 AS 01TDAS EM ... VEM DO OCEANOMÍSTICO,VEM NASCENDO E COM AS ONDAS "CUJAS ivIARGENS ~EInU0.I PE TEM PISADO. ALGUNS DE NÓS A CHA-,vL~yl-DEDICAÇAo· E OUTROS A CHAMAM DE DEUS.Então quando eles voltavam-se para fitar a luz do fogo, eles encontraram a presença de seuscompanheiros. Eles não estavam sozinhos. Ombro a ombro eles colocaram-se em pé com outros queajudariam através dos anos e haveria luz suficiente na escuridão para iluminar seus caminhos.Um acontecimento deu dúvidas para quem estava no 1° Cavaleiro.Land havia terminado de escrever seu ritual quando ele subitamente decidiu que dois dos jovens doEscritório da Sede receberiam a obrigação. Ele chamou John Mckibben e Jack Renick para vir a seuescritório. Ambos foram no subsolo do prédio e com a história de St. John, "Assim eles correram osdois juntos, e o outro ultrapassou Peter e veio primeiro". John ultrapassou Jack e tornou-se o
  • primeiro a receber a obrigação de um Cavaleiro e o primeiro indicado na pesquisa formal, porémJack insistiu que cada um entrasse no estudo de Papai ao mesmo tempo dar ou levar em segundo.Na primeira apresentação pública Little Treathre of the Municipal Auditorium em Kansas City, em2 de junho de 1937, Land assumiu a posição de Grande Comandante ajudado pelos membros daLegião de Honra. Foram usados mantos amarelo dourado e os cordões apresentados eram da mesmocor com um medalhão pintado o mártir Jacques DeMolay.O nome "Cavaleiro" foi bem escolhido. Os Cavaleiros e a Cavalaria sempre teve uma posiçãocentral no DeMolay e a tradução do francês para o inglês à palavra "Knight" é "Chevalier". Ambasas palavras vem de uma fonte de comando significando "sobre o dorso do cavalo" sugerindo queKnight ou Chevalier monta um cavalo numa batalha em vez de buscar lutar a pé como um soldadocomum das fileiras.De fato, no jogo de xadrez, o "cavaleiro" é representado por um cavalo que tem grande mobilidadee pode voltar-se em meio enquanto o pião como um soldado a pé pode somente caminharpenosamente a diante numa linha reta e fixa. A palavra Horse em inglês vem da palavra "cheval"em francês. O título de cavaleiro é freqüentemente mencionado nas histórias das Cruzadas,especialmente em relatos da Primeira Cruzada à qual era um grande empreendimento francês . EstaCruzada foi convocada pelo Papa Urban II nos últimos anos do século 11° assim ele pregou naFrança com tais palavras alvoroçando as multidões que gritavam "Deus a quer". Haviam grandesnomes - Raymond, Godfrey, Bohemund, Philip I, e Tancred de Hautiville descreveu como umtípico cavaleiro sendo elegante, intrépido, galante, generoso, amante da glória e riqueza euniversalmente admirado por sua coragem.Ha uma descrição dos cavaleiros encontrada num antigo pergaminhoque relata:"Ele que é para ser feito um Cavaleiro esta sendo golpeado pelo principe com uma espada tiradasobre suas costas ou ombro, o principe afirmando, "Sois Cavaleiro". Quando o cavaleiro se levantao príncipe diz "Avante"Land devia ter tido isso em mente quando ele encerrou a cerimonia da noite dizendo, "para cada umde vocês que tem sido homenageado pela Ordem DeMolay pelo recebimento do grau de Cavaleiro,digo, "Levanta-te Cavaleiro e avance sempre a diante desta hora. "A afetuosa, caracterização louros de "Papai", dada para ele pelos seus meninos, era semprerespeitada por Frank Land como marco de honra. Ele foi chamado de "Papai" pelos membrosDeMolay e pelos amigos de sua própria idade ou mais velhos. Ele estava também orgulhoso em serconhecido: o Grande Escrivão e Secretário Geral, porém durante os anos de 1930, ele achou grandevalor em ser referido em introduções e materiais imprimidos como "Fundador". Não que elademonstrasse gratificação pessoal, mas porque ela levava um toque de conotação de que haviaconfigurado uma fundação para a juventude; alguém que tinha ·estabelecido e erguido o edificioDeMolay, e que tinha criado o significado de manter vivo os grandes ideais da humanidadecivilizada.Neste espírito, e para dar expressão, de um modo tangivel, aqueles que tinham favorecido, eleprotegeu, e tinha uma jóia fabricada para ser conhecida como "A Cruz do fundador". Ela era umprêmio de significando aceitação. Uma barra no alto segurava apalavra "lealdade" em letrasgrandes; suspensa por uma fita branca era um quarto menor que a cruz Maltese em bronze; nocentro foi colocado um emblema DeMolay preso pela folha de louro na cor verde. No verso da cruzestava gravado o nome do recebedor e a mensagem pessoal - "Em grato reconhecimento de Frank S.Land, Fundador." A jóia era para ser usada sobre o coração esta designação não era umahomenagem do Grande Conselho.Frank Land sozinho tinha o privilégio como distinto reconhecimento pessoal aos quais ele desejouhomenagear pela pessoa, consistência e constante lealdade a ele. A Cruz do Fundador foi dada
  • somente durante seu tempo de vida. no periodo de 1937 a 1959 ele presenteou a medalha para 135pessoas.Somente alguns receberam a Cruz do Fundador mas milhões de jovens vieram sob a influência daConferencia do fundador assistidas durante os verões de 1936, 1938 e 1958 no ~Auditório deKansas City cada conferencia tinha seu próprio distintivo de qualidade mas todas assistiram umcomando denominador sob o tema básico de "Juventude e Amanhã". Na mesma linha escreveu nosprefácios, "Esteencontro é para ser um banquete de inspirações dedicado ao DeMolay do futuro" e "N enhumaoportunidade igual tem sido dada a juventude desta geração ... para entender o novo mundo dedevoção humana ... as novas fronteiras de oportunidades ... o espantosos futuro visto pelaspesquisas cientificas ... os novos campos de utilidade social... o tipo do mundo que eles ,-ão viver."Eles estavam estimulando jovens reunidos numa idade de transição procurando respostas - e naConferencia do Fundador, a juventude encontrava resposta de um homem que os entendeu e estavaciente das coisas vistas no mundo para demanda de ajuste dos valores antigos.Um serviço da Capela complementava cada dia da Conferência. A Ordem do Serviço tinha sidoescrita por Land para transportar o pleno impacto de uma religião Universal opinião apresentada emfraseologia assim para ser aceitável e para inspirar cada menino em harmonia com sua religião deorigem . Uma responsável invocação lida:LÍDER: Oh, Deus Onipotente, se nós estamos acostumados a procurar. Lá em nossas vidas diárias,em casa e em fora de casa, então somos testemunhas da vontade que Tu revelas em nós mesmos emnossas várias experiências. E assim nós vamos para este lugar procurar-Te juntos como amigos ecompanheiros portar o nome de alguém que procurou-Te e foi fiel para Ti até a morte - Mesmo achama da morte na estaca.TODOS: Nós temos Te procurado nas páginas de Tua SANTA ESCRITURALÍDER: E ela tem falado por nós.TODOS: Temos Te procurado na magestosa e misteriosa de toda Tuacriação.LÍDER: E nela sentimos Tua presença.TODOS; Nós temos Te procurado nas idas humanas levados pelos altos propósitos, aspiraçõesaltruístas e sacrificado amor.LÍDER: E nós temos Te procurado brilhante através da beleza de suasvidas.TODOS: Oh, Deus, diga-nos agora na experíência desta hora como nós procuramos entrar emcompanheirismo Contigo.Os homens conhecidos nacionalmente como líderes religiosos foram convidados para conduziremos Serviços; o Reverendo Charles W Gilkey, Reitor da universidade da Capela de Chicago; oReverendo Ralph W. Sockman, Pastor do National Radio Pulpit; o Reverendo Francis Eric Bloy,reitor da Catedral Episcopal de S1. Paul, Los Angeles, para mostrar sua confiança nos homens dofuturo, Papai convidou o reverendo Herbert E. Duncan, o então Pastor da Capela Longview de LeesSummit, Nlissouri, e um paster Mestre Conselheiro do Capítulo Mãe , para assistir os serviços daCapela.As notáveis músicas dos serviços da Capela, a Pesquisa e reuniões tornaram-se uma tradição. UmaConferência ouvida a 100 vozes do Coro de Nlichegan State DeMolay sob a direção de Harold F.Koch, que estava para tornar-se um Oficial Executivo dos estados de Michigan, e a 40 vozes Minicantores também dirigido por Harold F. Koch. Na primeira Conferência do Fundador ouviram a"Messiah Choir" da Reorganizada Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias deIndependência, Missouri, ajudado por P .Hans Flath e Orquestra Sinfônica. Durante esta
  • Conferência o primeiro Grande Preceptor da Legião de Honra DeMolay foi ocupado e esta honraconferi da sobre Walt Disney que então fez o primeiro discurso público em sua carreira.Os homens que vieram para dirigir os encontros forneceram a fonte da promessa do presente e as"Novas Fronteiras "dos anos que viriam. Eles se encontraram em discussão aberta após seusmaiores dirigentes dirigirem-se para conversar com os meninos - para guiar e para desafiar. haviamgolpes no campo dos negócios, ciências, lei e governo. Land teve grande orgulho pessoal naaceitação deles para este convite tomando parte na Conferência do fundador. Haviam homens taiscomo:ELLIS MAllNING, Físico e diretor do Foro de Transmissão da Ciência Elétrica Geral, falando de"Novas fronteiras na eletricidade".DR Wll..LIA.Lvl A GANFIELD, Presidente da universidade CarroU, Wisconsin cujo discurso era"O mundo que nunca verei".DR. JAl1ES K HUNT, Consultor técnico. E.I. duPont de Nemours and Company cujo assunto"Novas fronteiras em química".CAlvIERON BECK, Diretor do New York Stock Exchange Institute, falando em "Novas fronteirasde liderança".C.R BEARMORE, Fotógrafo Oficial, dos Jogos olímpicos americano, que ilustrou sua conversacom slides sob o título "Com atletas americanos na olimpíada de Berlim".WHEELER lvIc,ULLER Diretor editor. do The C ountry Home, Presidente do national farmChemurgic CounciL falando no assunto de "Novas fronteiras em quimica aplicada na industria e naagricultura".W.H. DRAifE LESTER, assistente ao J Edgar Hoover, e Inspetor, federal Bureau of Investigation,cujo tópico era "Novas fronteiras em Observância às leis".DR. W ARREN F. DRAPER Primeiro assistente United States Surgeon General, falando em"Novas fronteiras em Medicina e Saúde Pública".HENDRIC H. MIDDELL, que veio como representante da General eletric Company para mostrar aespetacular "Casa de mágicos" que havia sido uma façanha do Century ofProgess Exhibition.Cada conferencia do fundador encerrava-se com um banquete e um serviço de agradecimentoconduzido pelo fundador De?vlolay. Cada presente levantava-se e com a quietude da sinceridade ea consagração de Papai Land, colocava sua mão sobre seu coração, falava seu nome, e então repetiaas palavras para mais uma vez dedicar-se a todos os ideais e promessas que ele havia tido no altarDeMolay. Então as mesas foram removidas e a imensa arena do auditório estava limpa, o GrandeBaile foi assegurado. Imprimido uma parte no livrinho de informações sobre a Conferencia estavaeste parágrafo:"Os convidados especiais dos delegados do Grande Baile estavam cerca de 500 jovens mulheresnobres da flor de Kansas City. Elas eram irmãs e amigas de DeMolays, convidadas pelas famíliasmais finas da cidade para somarem no acontecimento da noite. Embora as apresentações individuaisfossem impossível numa ocasião desse tipo, cada um dos convidados estão no pensamento etratados com toda a cortesia às quais um DeMolay demonstra a uma amiga ou namorada dequalquer irmão DeMolay."Louis Gordon Lower foi o homem mais "procurado depois" por todos os homens de destaquepresentes na 1° e 2° Conferência do Fundador. Os meninos queriam encontra-Io e iam para casadizendo, "apertei a mão de Louis Lower, o 1° DeMolay". Para eles ele personificou toda a Ordemrepresentada em personalidade, aparência, capacidade e dedicação. Ele foi uma lenda em seupróprio tempo e havia sido procurado, admirado e respeitado desde a formação do 1° DeMolay. Osmembros do Capítulo podia conversar com "Louis" quando eles estavam relutantes em conversarcom autoridades da organização DeMolay e acharam-no sempre pronto para ouvir e ter atitudes
  • positivas se fosse necessário. E o motivo de sua influência, oportunidade que a geração podia terexistido nunca veio a existir. Muitos de seusamigos o tinham como "Príncipe Coroado" - "O herdeiro aparente" do DeMolay e que seria nofuturo o sucessor de Papai Land. Com toda aclamação empilhada sobre ele, . ele teria sido o maisconceituado dos homens - mas não foi. Havia uma humildade nele que escondeu o que algunsrespeitam como um sentimento de inferioridade. Calmo e exteriormente composto ele deu liderançaao DeMolay, era atleta, e lutou dentro dele mesmo para colocar freio num temperamento e pararefrear o que Emerson se referia como "as palavras que tremiam na língua em momentos deirritação ou orgulho ferido lI. Essencialmente ele foi um idealista mas ele foi também um realistacujo senso de realidade tinha sido temperado na bigorna da depressão. Ele não morou num castelode marfim - com vantagens de ações e paixão da época - porém tomou parte nos eventos agitadosvoltando-se para eles.Quando uma campanha para limpar a máquina política de Kansas City foi lançada por RabbiSamuel S. Mayerberg, Louis pediu uma licença de ausência no DeMolay e juntou-se cordialmenteno trabalho de trazer um bom governo para a cidade. A briga política que ele entrou era viciosa.Kansas City em 1924 havia votado para uma forma de governo de privilégios. Era um instrumentosoberbo de governo. Estabelecia a forma de administração da cidade com um prefeito e umconselho. Ele aboliu emblemas de reuniões, criou serviço cívico por carta, oferecia atividadepolítica na parte dos empregos na cidade e sábias garantias para proteção pública. Os cidadãosestavam entusiasmados sobre o fato de que eles tinham abolido a antiga forma de vereador federalpara governo da cidade a qual havia provado ser cara e ineficiente com a oportunidade de controlarpor tutelado, patrões políticos, máquinas políticas e pistoleiros.As pessoas confiantes que as forças do privilégio garantia e os protegeriam, relaxaram suasvigilâncias. Como conseqüência, suas grandes esperanças foram logo esmagadas sob o cruelcalcanhar de políticos egoístas. Os membros do Conselho estavam logo a sentir que eles deviamsuas eleições ao patrão político, Thomas J. Pendergast que havia herdado seu reino de política deseu tio e em seus últimos dias tinha sido proprietário de taberna. Sob seu conselho eles indicaramHenry F. McElroy como Prefeito da Cidade, um homem sem treinamento para a imensa e envolvidatarefa confrontando uma administração de uma complexa cidade - mas, ele era um íntimo amigo deTom Pendergast.Henry McElroy assim o novo Administrador da cidade anunciou que as pessoas haviam lhe dadoum mandato e os dias de administração da cidade começava. O jornal local escreveu que a forçapolítica manda na administração "havia fundos públicos desperdiçados para financiar seu própriopatrocínio, e haviam permitido comercializar drogas a qual ganhava Kansas City um respeitomundial pelas atividades ilegais e criminais". Mas haviam aqueles que fortemente suportaram amáquina eapontaram a construção do novo corredor da cidade. a Casa do Tribunal. e Auditório Municipalcomo exemplo de boa criação.A face da campanha de Louis Lower foi diticilluta com um fracasso na primeira tentativa em elegerum Prefeito. Na primavera de 1940, como, milhões de cidadãos voluntários, usando como simbolouma vassoura para limpar o corredor da cidade, finalmente estavam aptos a derrotar as forças dePendergast. Eles indicaram um não partidário conselho da cidade dirigido por John B. Gage comoPrefeito. Este conselho indicou LP. Cookingham como administrador da cidade. Um dos primeirosatos nesta capacidade foi empregar Louis Lower como Gerente do Auditório Municipal. Apersonalidade amigavel de Lower, seu amplo círculo de amigos, sua capacidade de organizar egerenciar o fez ideal para a nomeação. Ele serviu bem por mais de dois anos e então no domingo de18 de julho de 1943, o Kansas City Star levava a seguinte manchete:ASSASSINA11 LOUIS LOVER
  • o primeiro DeMolay havia sido assassinado nas primeiras horas da manhã por Clyde o. Sounders,um guarda empregado como oficial especial pela Airport, e que foi usado no tráfego direto entredois carregamentos das ilhas leste da Union Station em Kansas City.Louis havia passado o dia anterior um sábado, em New Y ork, assegurando as atrações para a vindade um ano de atividades planejado pelo Auditório. Chegando tarde da noite em casa, ele havia entãodirigido-se para o Auditório e ficou ocupado lá, até bem depois da meia-noite. Ele então dirigiu-seao sul pela Main Street sentido à Union State onde ele começou a dirigir entre os doiscarregamentos das ilhas, uma prática permitida sob orientação da cidade. Sounders de uniforme eoutorgando testemunhos, "sob influências ou soluções", tentou enfraquecer Lower para a direita dailha ocidental assim ele havia tratado outros motoristas, Lower parou seu carro, para o tráfego diretodesafiou Souders e pediu para ver o n° de seu distintivo. Os dois homens discutiram. Lower colocouvárias vezes sua mão rumo ao lado esquerdo de Solders para verificar o nO, mas sua mão foiafastada todas as vezes. Souders então dominou seu braço esquerdo assim se aproximando deLower e com sua mão direita puxou seu revólver da capa. Segurando-o contra o peito de Lower, eledeliberadamente atirou. Louis morreu 15 min mais tarde.Clyde Souders, um homem de 49 anos, não apresentou grande remorso. Sua declaração foi, "éminha sorte que estava somente num grande tiro. Sinto que atirei no homem. Não conhecia ele, masé também ruim para mim ele não ser qualquer sujeitinho".Ele foi sentenciado na Court of Judge Ben Texte. em 06 de dezembro de 1943, por 15 anos decadeia, após suplicas de culpado ao assassinato Ele estava de promessa verbal após servir apenas 3anos de sua sentença.Mais de 800 pessoas assIstIram o funeral em 20 de julho de 1943, conduzido pelo ReverendoHerbert E. Duncan: No momento, o Sr. Duncan disse, "A totalmente desnecessária morte de LouisLower que chocou todos nós que o conheceu, tão bem quanto qualquer pessoa ou sempre leu sobreele ... ?este dias de guerra que estamos acostumados à perda de uma vida mas esta pungentetragédia estonteou cada um de nós que não tem descrição. Sua morte é uma perda para a cidade,porque como diretor do Auditório Municipal, ele representava o mais elevado tipo de públicoempregado que temos em nossa cidade. TvIas em adição, sua morte é uma perda para o estado epara a nação. Ele tinha um brilhante futuro diante dele como um cidadão, um oficial público e umlíder comunitário ..."Ele sempre foi exemplo intrépido de uma oposição à injustiça e intolerância. Ele opôs-se a elasempre que a encontrou. Talvez a coisa mais fina que possa ser dita de Louis Lower," o ministroacrescentou, "é o que todos vocês aqui são capazes de dizer, eu o conheci como um amigo. O queele foi para todos.A Legião de Honra conduziu os serviços dele para o cemit~rio usando o Memorial Service doRitual DeMolay. Walter C. Ploesser, então representando o Congresso de S1. Louis e um amigovitalício, entregou um breve elogio destacando a vida de Louis Lower e participação que ele haviatido na formação DeMolay.A morte de Louis Lower foi uma profunda perda ao DeMolay, especialmente ao Frank. Land quehavia considerado-o como um filho. Ele disse, "Louis Lower não foi apenas o primeiro DeMolay nomundo mas ele foi o primeiro membro da Legião de Honra. Ele foi um símbolo para milhões dejovens nos ideais e ensinamentos de nossa Ordem. Ele usou a capa deste administrador comdignidade e graça. Ele nunca se esqueceu da responsabilidade que ele representava. As éticas deliderança que ele ensinava no DeMolay floresceu em inúmeros campos de devoçãô. Ele foi umhomem de ideais. Ele guardou-os para si próprio até a hora do cumprimento chegar. Alguns eramsonhos de um menino fidalgo quando ele foi um DeMolay ativo do qual nunca partiu. Ele amavaDeus, seu lar e seu País. Ele foi um cavaleiro errante em sua vida diária embora ele nunca admitisse
  • - mas ela estava lá. Louis Lower hoje toma-se uma lenda. Ele será para sempre liderança da MísticaVanguarda da Juventude. A morte veio com o sol da manhã brilhando sobre sua fronte".A referência tinha sido feita no funeral de Lower para os anos de guerra os quais tinham descidosobre a nação. Uma vez mais o tempo tinha vindo quando a pressão, de trazer eventos externos foitrazer um declínio para a Ordem DeMolay. As atividades e arranhões econômicos vieram comoescoadouros financeiros e emocionalfoi colocado sobre a nação com controle federaL racionando e a determinação de vencer a guerra aqualquer preço. Os companheiros mergulharam em baixos níveis quando homens e meninosdeixaram os capitulos para sef·irem nas Forças Armadas na :?ação. Cartas vinham para Papai Landde CorregidoL Alaska, da Toca da Raposa de Bataan, das esquadrilhas dos poderosos navios doAtlântico e do Pacífico e onde "seus" menínos estavam servindo. Ele escreveu incont3.veis canasem resposta. Mas dificileram as cartas de condolências enviadas aos pais quando ele sabia que umfilho havia dado sua vida pelo Pais. A guerra trouxe ao DelvIolay movimento econômico de sorte,acrescentado visão, e um grande fortalecimento de propósitos, disse Land, "a questão daestabilidade econômica é da maior importância mas a mais alta consideração deve ser o básicocaráter de nossos programas presentes e futuros". Em seus relatórios para o Grande Conselho em 09de março de 1942, em Louisville, Kentucky, ele incluiu esta referencia à guerra:"O DeMolay está experimentando sua 13 Guerra e milhões de novos ativos e iluminados membrosestão prontos recebendo seu primeiro batismo de fogo. Durante o mês passado, centenas deconselheiros haviam voluntariando-se ou tinham sido recrutados para serviços militares. Muitos doscapítulos cujos conselheiros haviam então renunciado tinham estado passando dificuldades .."A Ordem DeMolay teve seu nascimento com o final da 1 a Guerra Mundial. Como pioneiros temosqueimados nossa pista através da prova do erro.E freqüentemente nossos enganos tem pago caro, mas a janela da experiência tem tecido um padrãosobre nosso escudo que tem chamado para ele mais cores do que um milhão e meio de jovens nomundo. Temos levado orgulho durante pacíficas perseguições, no exterior, evidenciar osensinamentos DeMolay. Agora encontramos o supremo teste de ver o quão bem nossosensinamentos coloca risos dos traiçoeiros sem influência. Nossa tarefa é desenvolver as forçaslatentes dentro de um jovem que ele irá fortemente tão bem quanto sustentado com padrões moraissem vacilar, hábitos de caráter, ideais de cidadãos, e democracia que ajudará a avaliar e encontrartoda emergência que ele é chamado a enfrentar se secreto ou diante dos olhos do mundo."Nós precisamos dos conselhos sábios e melhor pensamento de todos.Nossos deveres presentes são tremendos. Trago para você não uma mensagem estereótipo erelatórios de dias pacíficos adiante. Para nós resta a escola de inúmeros picos de alta devoção;ostentada determinação; incessante esforços e uma suprema fé na última vitória de seus braços."Incessante esforço" tem sido sempre incansável política de Papai Land para fornecer uma Ordemque alcançaria além de seus meninos. Ele havia estado ciente do aumentado conhecimento demenino mais jovem que estava abaixo de 16anos como membros companheiros :das agora o homem mais velho tornava-se supremo em seupensamento. Enquanto a Guerra Mundial seguia adiante, lá não havia tido nenhum problema amaioria desses "rapazes" mais velhos estavam nos serviços Armados. Agora uma mudança estavaem todo lugar. O menino que deixou o colégio no ano passado no ano seguinte estava mais velho.Os interesses em colégio a idade de atividades obscureceram e para esses rapazes mais velhos noDeMolay uma visão de novas fronteiras, acenava. Land voltou-se para a liderança da ordem comuma pergunta, "Como vamos sustentar este alto entusiasmo dois rapazes DeMolay mais velhos, amenos que tenhamos um programa suplementar para segurá-Ias"Outros movimentos jovens projetavam programas para seus membros mais velhos mantendo o temageral de sua organizações. O De:vIolay agora criava um programa sábio em fidalguia tal como ela
  • pode ter sido nos últimos dias da cavalaria quando normas e preceitos de épocas anteriores haviamsido revisada para dar uma grandeza de refino e a rica beleza da cerimônia. O toque de fogo numalança na manhã seguinte a que a luz do sol tinha ido, perdida na história. O jovem Frank Landprocurou interessar havia sido o clarão do fogo das armas modernas nas linhas de batalha do mundoe a nuvem de cogumelo da bomba atômica. Até o espírito da Cavalaria teve seu apelo. Oscavaleiros, armaduras e espadas foram apenas simbólicos para os homens de uma nova era pós-guerra, em representação do mais nobre conceito de um Antigo Código que veio das idades maispróxima da diséiplina, autocontrole, refinamento interno e externo. Entre os muros do castelo deTudor pedras amaciadas pelas bandeiras de muitas batalhas, as tragédias e os erros dos fidalgoseram esquecidos, assim a época da cavalaria trouxe a glória de ter formulado um código de honra.Um código tão forte e respeitado que Charle-Magne ungiu seu filho. Charles o Piedoso com espada,escudo e lança e Charles o piedoso ungiu seu filho no momento em que seu filho chegou namasculinidade. Toda esta representação foi escrita num novo ritual dentro daformação de um Capítulo para jovens mais velhos. Era um grupo auxiliar conhecido como umparlamento DeMolay e para finalidade da breve como a "Ordem da Fidalguia" mas cujo nomeoficial era "Cavaleiros da Cavalaria da Santa Ordem dos Soldados Companheiros de JacquesDeMolay". Cada grupo auxiliar à um Capítulo da Ordem DeMolay foi conhecida como "Priory" eusa o mesmo nome ao capítulo o qual ele estava ligado. Papai Land explicou, "Com o propósito deilustração, os capítulos DeMolay seriam conhecido como "Oakwood Chapter", então os Prioriesseriam Oakwood Priory of the Oakwood Chapter,Order of DeMolay. A criação do Priory irá, semdúvida afetar a operação de um Capítulo DeMolay. Os DeMolays recebendo a Ordem de Fidalguiaprovarão mais ativos nos assuntos do capítulo então daqui para frente. Não é um Grau Honorável ouPrêmio. É um grupo de trabalho engrenado nas atividades que meninos mais velhos querem egostam".Durante o primeiro ano desta concepção. 51 Capítulos pediram cartas para a formação de Priories.Os rapazes de 18 anos e mais velhos acharam grande incentivo para participar no Dé/Iolay. Elesrespondera:7l ao Ritual que consistia da. abertura da cerimonia. uma Cerímonia de Posse. e umaInstalação de serviços. A oração de encerramento de Instalação foi a oração de um cavaleiro dequalquer ou todas as idadesDeus Todo Poderoso nós aproximamos de Teu celestial trono com aquela humildade a qual é overdadeiro escudo de todo cavaleiro. Abençoe nossas boas intenções e oriente-nos em todos nossosempreendimentos. Inspire nossas mentes com ensinamentos nobres e nossos corações com virtudesde guerreiros. Abençoe a causa na qual trabalho e, se ela for Tua, poderá esta Ordem tomar-se umaforça para o bem em todo o mundo. Amém.11. COM AS MAIS ELEVADAS HONRARIASO 30° aniversário da Ordem Dé1olay em março de 1949, veio o século 19 aproximando em seumeio apontar para olhar para trás sobre uma década de violência e mudanças. Alguns observadorescomentavam que a Am,rica durante esses anos experimentou uma segunda revolução, a 23 GuerralvIundial estourou sobre a nação com o bombardeio de Pearl Harbor em 7 de dezembro de 1941. Osmeninos americanos eram enviados em países estrangeiros e por 4 anos foram encontrados emguarda ou lutando em cada parte do planeta. A paz finalmente veio com a rendição da Alemanha em8 de maio de 1945 - e a rendição do Japão poucos meses mais tarde em 14 de agosto de 1945 -apenas 5 dias após uma nova época na história da humanidade foi introduzida pela explosão dabomba atômica sobre Hiroshima em 6 de agosto e Nagasaki em 9 de agosto . Lentamente veio arealização daquela isolação foi possível para nunca mais te-Ia novamente era uma mancha no globono qual a América não estaria aprofundadamente interessada nem onde ela falharia para jogar umaparte.A morte de Franklin Delano Roosevelt em 12 de abril de 1945, colocou Harry S. Truman, por
  • muitos anos um amigo íntimo de Frank Land, como Presidente dos Estados Unidos. Ele assumiu aliderança da nação e orientou a conferencia de San Francisco à qual dava nascimento ao Título dasNações Unidas. Uma organização era tão necessária para o mundo que tinha finalmente realizadocomo suas dimensões haviam escolhido, e as ferramentas da guerra haviam tornado tão terríveis queuma revitalizada moralidade entre a humanidade era necessária para viver em paz. A nossa naçãolevantou-se para encontrar o desafio da necessidade sentida pelos homens e mulheres em todo lugarna ferida da guerra mundial. O plano de Marshall de 5 de junho deu ajuda econômica para a fome ea dor. A devastação da destruição da guerra pediu por ajuda material em grande escala. O presidenteTruman lançou um programa para prover um significado em dar tecnologia e medicina para asnações atrasadas domundo todo. -Ias, tudo isso não era sufIciente. A tensão e divisão continuou quando as naçõesestavam desenhadas dentro do sombrio conflito da Guerra Fria. O Sr. Truman falou disso em marçode 1947." ... N o presente momento da história mundial aproximadamente a nação toda precisa escolherentre caminhos alternativos na vida. A escolha também freqüentemente não é urna liberdade .. Ummodo está baseado no futuro da maioria, e está distinguido pelas instituições livres, governosrepresentativos, eleições livres, garantias de liberdade individuaL liberdade de discurso e religião, eliberdade da - .. -.opressão política."O segundo modo de vida está baseado no futuro da minoria, força imposta sobre a maioria. Elaajuda no terror e opressão, um controlado aperto no rádio, fixando eleições e a submissão daliberdade individual".A paz de 1945 durou apenas 5 anos, quando a América armou forças e foi envolvida na GuerraCoreana a qual seguiu em frente de 1950 a 1953. Nunca na história havia tanto tomado lugar, emtão pouco tempo, pela mudança de pensamento e motivação do povo Americano como nesta décadade decisão.Os eventos da época formaram padrões de atividades de Frank Land e os jovens DelvIolay. Elesestavam confinados numa torre de marfim feito de ideais mas eram inspirados a tornar realidade ossonhos que afagaram. O DeMolay foi convocado para agir na época. Ele sentiu a pulsação doimpacto das condições das mudanças, dos ideais revisados e uma nova visão mundial. Era umaépoca de ajustamento e de Novos Horizontes. O Grã-mestre do Grande Conselho, o juiz William E.Mckay da Supreme Court of Los Angeles Country, em seu discurso para aquele grupo em 1949,refletiu a nova visão e habilidade da nova geração pela declaração: "Estes são alguns problemas àsvezes que desafiam o término e observa a atenção de toda pessoa pensativa. Estes são às vezes queacelerariam nossos pensamentos rumo à grandes ideais ... É sem dúvida um fato que espera que omundo esteja centrado agora. Como nunca tão fortemente, na juventude mundial. Os homenstreinaram em velhas escolas de pensamentos e usaram pela luta mental e espiritual de adaptaçãodessas novas condições para procurar alhio na futura responsabilidade. Os homens desanimaramtambém pela inércia de suas próprias condições ou ao que parece para eles falta de estabilidade nasfuturas gerações, procura uma base de segurança e respeito futuro. Os homens com quem o passadoestá uma coisa sagrada e por quem os sucessores que irão estimar e protegê-Ios, se acotovelarem namultidão mundial com aqueles que acreditam ser tradição e precedente uma bola e uma cadeiaatrapalhando o progresso.A juventude da América, esta num mundo de tão poucas forças diante da ansiedade espera oshomens de sua geração que voce entre no campo de treinamento atrás das filas para equipar-se e terseus lugares.
  • Existem dentro de suas graduações as qualidades de seriedade, inteligência, bondade e fortalezapara justificar a confiança as quais o mundo deseja depositar em você? Nos anos distantes quando ojulgamento for iniciado ,ele não pode ser apenas encontrado na geração da qual você é parte queentendeu e assumiu estas responsabilidades mas também que especificou a promessa deste finogrupo e as expirações deste grande país foram concretizadas e aquela virtude interna essencial foiencontrada e levada adiante para morar entre os homens".Papai Land estava agora se aproximando do altiplano de sua vida , o qual pertence ao homem de 60. Os anos tinham sido bondosos para ele, escondendo os sinais da idade em seu rosto e em seufisico. Seu cabelo havia diminuído e o cinza tornou-se branco , porém os olhos azuis , atrás dosóculos estavam amáveis e compreensíveis com um fulgor de reconhecimento , em cumprimento deseu grande circulo de amigos. Algumas poucas linhas mostravam em seu rosto , dando maisdignidade a um modo brando e gracioso . Seu traje havia sempre sido impecável e agora mostrava aqualidade dos ternos de alfaiate, nas cores cinza e azúl claro , os quais davam a aparencia esguia aoacrescido peso da meia idade. Constantemente em demandar , quando um orador ou convidado aoadicionar prestigio em intencional propósito a uma reunião seu horário era preenchido comcompromissos num período de 2 anos seguinte . Ocasionalmente após meses de viajem, ele admitiuque estava cansado e certa vez ele observou que gostaria de ter "uma vida normal" , mesmo que porpouco tempo . Ele teve orgulho em vigiar seus meninos à crescerem , e disse que o primeiropropósito DeMolay foi criar líderes em todo campo da devoção Humana, moldar os meninos assimeles iriam naturalmente conduzir os outros , na ordem em que o mundo pode ser o melhor lugarpara se viver . Pensando na sacudidela mundial os eventos que pressionavam por todos os lados, eleadicionaria, " em toda área de atividade humana hoje podem ser citados lideres, que vieram dasfileiras DeMolay . É um comando dizendo na sede do grande conselho, que seis entre dez, quandoos jornais da nação levaram a historia de lideres em 1950 , nós podemos ir a nossos - -arquivos e constatar que eles foram DeMolay ativos desde os 10 anos de idade, e emquase toda a ocasião estes homens , davam crédito ao DeMolay , por terem participação em suasvidas ... Refiro-me a isto porque nós temos algo no DeMolay , medido ou pesado nas bancas decomercio - O mundo todo esta olhando para nós e pedindo nossa mensagem, não podemos falharcomo cidadãos, como líderes e como homens. liA maçonaria para Frank Land teve uma importante fase em sua vida quase uma carreira. Ele ajudoumuitos escritórios maçônicos , no meio deles estava seu ano como POTENT ATE OF ARARA TSHR.INt . em 1931 e com oSOVEREIG: OF IARY CO:;CLA VE OF THE RED CROSS OF CONSTANTf0,r: em 1950. Coma idade de 35 anos em 23.10.1925. ele havia sido coroado grau 33 . ~,Honorável Inspetor Geral e Honorável 0.1embro do Supremo Conselho do Rito. Escoces ,Jurisdição Sulista. Sua posição no mundo da maçonaria subiu até 1944 , o senador Harry Trumantelefonou para Vashington para verificar o relatório ele havia ouvido que Kansas City estavaperseguindo Land para o Guarda Imperial Exterior do Shrine , o primeiro escritório de uma linha desucessão a liderar eventualmente à Potentate Imperial O rumor foi verificado e na sessão doConselho Imperial MILDA.1JKEE daquele ano ao senador Truman , apenas 3 semanas antes daConvenção Nacional Democrática, que estava para nomeado vice- presidente, passou 3 diastrabalhando para a candidatura de seu amigo Ele ouviu o discurso de nomeação de James E. Nugent, Potentado do Templo Ararat de 1932 ." É com prazer que venho diante de voces trazer-Ihes um nome de um Expotentado do TemploArarat .... Ele é um homem que tem sido uma parte da vida cívica em nossa comunidade, que temdado emprego aqueles finos ideais os quais tem por objetivo a perpetuidade nas mentes e corações
  • dos jovens deste país algo que nunca pode ser destruido. Ele tem demonstrado sua lealdade nãoapenas em relação a seus companheiros, mas em relação a 500.000 jovens aos quais ele tem trazidoalgo que tem tocado no intimo de suas vidas e trouxe a eles a inspiração de lealdade em suaproporção verdadeira. E os jovens em suas adolescencias que estão se aproximando daquelesperíodos da vida , quando as coisas parecem estar fora de proporções , precisam da orientação, damão da experiência e de ideais próprios ..."Ele é e tem sido identificado em todas as ramificações da maçonaria ativamente Ele é um 33°Honorável Rito Escocês, um Cavaleiro Templário , um Expotentado de seu Templo, e em cadaramificação da maçonaria, com que ele tem sido identificado , e o tem gratificado , não somente porsua presença , por seu trabalho e por seu serviço - ele tem sido uma honra. E eu posso dizer isso,como ele tem atingido as várias fazes da filosofia, da moral, e aqueles atributos que enaltece a maisbela parte da maçonaria, nós achamos que a instituição tem estado honrada pela sua afiliação ..." Trago para voces com toJo o poder de discurso , com todo o profundo sentimento humano , comtoda emoção que causa o sangue e surge no meu coração, procurando deixa-l o ir embora dentro doribeirão da vida dos outros - Estou suplicando nesta hora que o espirito do passado que havia feitoos SHRINE continuarAssim, Nobres, hoje apresento com prazer meu amigo de um quarto de século, meu associado demuitos anos, louvo sua integridade, sua honestidade, e todas as coisas, que os homens estimados eamados dominam. Trago para vocês assim um candidato para o Guarda Imperial Exterior, o nobre eilustre Frank S. Land,do Templo .>rarat . o fundador. o criador, o responsável de muitas coisas, com relação aoprogresso ,da humanidade , sentindo como sinto , do fundo do meu coração que ele será assim elevai dentro desta linha e aproxima-se do lugar onde levanta a forte posição de Potentado Imperial eexpande. trazendo crédito á ela , e trará para ela algo de simplicidade de sua vida e sua fé semanifestará.!lLand não foi eleito ,nem eleito no ano seguinte. Na época da sessão de 1946 em San Francisco,Truman foi presidente dos Estados Unidos .No relatório veio que o presidente estava vindo a SanFrancisco para trabalhar pelo seu amigo. Ele não foi capaz de deixar Washington, porém Land foieleito de qualquer modo como CAPITÃO IMPERIAL DA GUARDA em 24.07. paraeventualmente servir como Potentado Imperial de 1954 a 1955 .Um programa que Land chamou, I um passo histórico no desenvolvimento DeMolay " veio em1948 com a empreendedora formação Fundação DeMolay . O DeMolay era então a 3U maiororganização de jovens no mundo livre. Ela tem eIvado uma geração a estabelecer suas posições eagora assegurar a estabilidade e sobrevivência da organização, externas contribuições foramenviadas para apoio educacional DeMolay . A fundação DeMolay , foi incorporq.da em 3 deAgosto. de 1948 , sob as leis gerais do Estado de Marryland com o propósito de cobrar , investir edespender dinheiro , mais a religião , caridade , cientifica , e atividades educacionais da ordemDeMolay . À aprovação foi dada pelo Departamento de Rendas Nacional, para prosseguir assimuma organização caridosa , a qual as contribuições poderiam ser usadas e computar deduções comretorno no Imposto de Renda Federal. A meta momemànea de $ 4.600,00 era fixada comonecessidade urgente para este programa ser usado ao beneficio de jovens em todo lugar.A primeira Board OffTrustees consistia de somente 3 membros, Frank S. Land , Edward A.King eBryce B.Smith . John H.Zier diretor de Extensão, pelo Grande Conselho, serviu como Secretário .Este grupo foi mais tarde Expandido em número por incluir Berll Beery , um líder negociante cujointeresse estendia de costa a costa, para servir como presidente desta diretoria. O conselho daGrande F amílía foi representado pelo Grão Mestre , o delegado Grão Mestre , e o imedi<ito exGrão Mestre.
  • Walter C. Ploeser , durante a sessão de 1950 do Grande Conselho, relatou para o Comitê de Fundosda Fundação que "precisamos primeiro fazer por nós mesmos se formos marchar dentro dos autoscaminhos e pelos caminhos pedir aos outros para fazerem por nós . Assim tem sido nossa opiniãoque se ela coloca o Grande Conselho e seus membros nas varias jurisdição para colocar o primeiro eoriginal gastos , quando começarmos a organização do trabalho aos interesses de outrem ... Temsido pensamento deste grupo que prossegue entre nós mesmos a aumentar a estimativa $ 50.000,que seriam usados na organização de um programaque levantará fundos definitivos ." O relatório foi adotado As promessas e subescrições foraminformadas na sessào de 1954 , para ser no total a quantia de S 22.003,50 .Este sígnificante programa contornou um largo alcance de trabalhos .Um caderno publicitário , chamou por $ 900.000, para ser usado num trabalho educacional emexpansão das atividades e vantagens DeMolay , com enfase no programa de orientação vocacional eum seguro dirigido à campanha. A soma de $ 400.000 foi usado num programa de treinamento emtodo o pais, por líderes adultos e jovens , nos locais de capítulos DeMolay com a esperança que esteprograma incluiriam campos de verão, escolas regionais de instruções e conferencias nacionais. Amaior meta antecipou a quantia para a $ 3.300.000 era para um Fundo de bolsas de estudos para serusado na educação de DeMolay interessados nas universidades de suas escolhas. Foi estimado que ointeresse deste Fundo atenderia 200 bolsas de estudos cada ano a jovens que não poderiam teracesso a universidades.Este programa ambicioso chamado, para erguer um " Frank S. Land , Memorial Center " para unir asede do Supremo Conselho em Kansas City , Missouri , para servir como um núcleo de umaUniversidade de Liderança jovem e para a casa de um Museu DeMolay . Isto foi aprovado porPapai Land , nas bases -que " está distintamente e especialmente entendido que ele não originou aidéia".Tremendos esforços foram estendidos pelos homens, através da nação , porém o programa nuncaconseguiu sair do chão . A guerra Coreana tornou-se um escoadouro dos recursos da nação, osjovens da América uma vez mais, levantaram armas contra uma nação agressiva, e interesse naFundação vacilada. Os períodos de depressão próximos de 1950 , seivou o entusiasmo daquelasolicitação de altos cargos , somas por caridade e fraternais propósitos. O objetivo financeiro nãofoi alcançado Nem mesmo ficou próximo. Dois valores, sempre, vieram como resultado. Primeiro ,é mostrar a visão de Frank Land em continuamente procurar novas aproximações a um constanteavanço da visão DeMolay , para melhor servir a juventude da nação . Ele nunca sonhou pequenossonhos . Segundo , dos fundos recebidos , a Fundação DeMolay foi capaz de lançar um limitadoprograma . Ela opera agora por conceber cerca de 40 bolsas de estudo a cada ano com " Referenciadada a DeMolay ativos, ou para filhos ou filhas de DeMolay Seniors ." Este fundo de bolsa deestudo está sob a direção da Diretoria Curadora , com o Sr. Willian A. Hensley , servindo comopresidente e um comitê educacional, composto de Hebert EDuncan , presidente " Edward L.Bittner., e Russell A. Peck Num espírito de orgulho em seus meninos e reconhecer a orientação dada paraa nação pelos membros do governo ,Frank Land agora instituído num anual café da manhãassegurado na festa de aniversário de George Washington ,em 22.02 . Foi tão planejado porcoincidir com a anual Conferencia de Grão Mestres da América do Norte _ Aqui, em Washingtonele serviu .como anfitrião para honrar o presidente, vice presidente, justiça da suprema corte,
  • membros do gabinete, lideres do congresso e administração. tão bem quanto distintos maçons detodo os estados da nação. Em 1950 . o café da manhã de Frank Land , assegurou especial interessedurante a tarde , a ordem DelvIolay foi desvendar uma· estatua de George Washington no MemorialNacional ;vIaçônico George Washington em Alexandria , Virgínia. Foi um presente aos maçons doEstados Unidos, como um marco de profunda apreciação e gratidão pelo bondoso interesse que amaçonaria havia sempre evidenciado nestes movimentos jovens.A grande estatal de Washington é o primeiro objeto a ser visto pelos visitantes assim que entram nomemorial . Ela de pé num recuo circular, com teto alto e arredondado no esférico do Memorial .Uma Plataforma na base indica que ela foi doada pelos membros da ordem DeMolay do mundotodo. Ela é o ultimo trabalho de Bryant Baker, um renomado escultor e um membro da lojaConstitucional n° 294 de Beverly , Inglaterra. A estatua mostra o general Washington com oemblema maçônico que ele usou como mestre da loja Alexandria - Washington.Ela tem 17.4" de altura, feita em bronze e tem peso estimado em 17 toneladas incluindo a base, aestatua , a cadeira ,e o pedestal.A dedicação e revelação da estatua foi sob a direção da -Grande Loja da Comunidade da Virgínia ,com o Venerável Mestre da Loja n° 22 de Alexandria Washington, Godfrey P. Renal, um membroda Legião de Honra DeMolay ajudando na cerimonia , o juiz Willian E. Mackay , Grão Mestre doGrande Conselho da ordem DeMolay , expressou os cumprimentos da ordem e a esperança "quenos próximos anos a estatua possa ser o motivo de muitas perigrinações por parte de nossosmembros , onde podemos nos dedicarmos aos princípios que deram a vida e a felicidade, a paz e aliberdade que temos longamente acariciado !I.Harry S. Truman, Presidente dos Estados Unidos, Ex Grã-mestre da Grande Loja do Missouri e ummestre do Comitê Executivo DeMolay, fez discurso de apresentação. Em seu discurso, levada portodas as redes nacionais do rádio e televisão, ele homenageou George Washington:"É um grande privilégio dedicar esta inspiração por intermédio da estátua de George Washington ..."George Washington, como nós, viveu um período de grandes mudanças - um período quandomovas forças e novas idéias foram varridas através do mundo. Ele foi um líder de seu povo numarevolução contra a tirania. Ele comandou um exército numa longa e amarga guerra. Ele foi umafigura maior na criação de uma espécie de Constituição. Finalmente, como Presidente de nossanação, ele traduziu a Constituição dentro de uma vida governamental."Os esforços de Washington pela liberdade foram em dobro. Ele foi o primeiro interessado em fazero ideal trabalho governamental da democracia. Ele era também interessado na defesa daquelesideais contra as forças opositoras ..."A tarefa dos Americanos hoje está mais distantes hoje é fundamentalmente a mesma que foi naépoca de Washington. Nós, Também, precisamos fazer o trabalho democrático e nós precisamosdefendê-l o de seus InImIgos."Porém nossa tarefa hoje é mais longínqua, em alcance do que foi na época de Washington. Nãosomente estamos interessados na liberdade, bem-estar e oportunidades a nosso povo. Estamostambém interessados na certeza de que outros povos, na escolha de suas formas de governo, possammelhorar seus padrões de vida, e decidir que espécie de vida eles querem viver. .."Esta é uma espécie de inquietude e mudança. Em muitas partes do mundo os homens estãobuscando por uma melhor ordem social. Eles demandam um modo de vida que fornecerá melhorliberdade e mais oportunidades difundidas. Eles esperavam para si a terra que eles vivem e estarem,seguros contra a pobreza, doença e fome. Acima de tudo eles querem viver suas próprias vidascomo eles a imaginam. Esta crescente demanda de homens em todo lugar pela independência qeuma vida melhor colocam os ideais de liberdade e governo próprio em seus maiores testes ..."Somente quando nossos 13 estados originais perceberem que sobrevivência e progresso dependeda associação mais fechada e esforços comuns, assim as nações livres do mundo de hoje precisam
  • procurar salvação na unidade e atos de reforma. As forças reais das nações livres não é para serencontrada num só país ou algum armamento, porém na combinação de esforços morais e materiaisdo mundo livre como um todo ..."O progresso que temos feito neste país desde os dias de George Washington é prova da vitalidade everdade dos ideais os quais ele lutou. Precisamos não sermos menos firmes, não menos resoluto,não menos constantes do que ele foi. Nós movimentamo-nos sobre uma encenação maior que adele, porém nossos problemas são fundamentalmente os mesmos problemas que enfrentou o 10Presidente desta nação - para fazer democracia e defende-Ia de seus inimigos."George Washington procurava orientação no Deus Todo-Poderoso quando ele enfrentava essestestes em seu tempo; vamos hoje ser guiados pela Divina Providência quando nos empenharmospela paz duradoura com liberdade e justiça para toda a humanidade."Uma nova política para os encontros do Grande Conselho começou com o encontro de 6 março de1950, em Fort Worth, Texas. H.Malvern Marks, oficialexecutivo pelo Texas e quem serviu como Grã-mestre em 1953, foi anfitrião neste encontro. Eleconversou com Land sobre a necessidade dos membros ativos DeMolay atenderem os encontros doGrande Conselho e para esta conversa, no primeiro momento, o Mestre Conselheiro Estadual devárias Jurisdições foram convidados a atenderem. Também durante esta sessão um DeMolay foidesignado para cada Membro ou Delegado para desempenhar recados ou serviços que poderiam sersolicitados. Land ficou contente, seria a presença da nova geração, suas idéias, seus ideais e suasaspirações.Durante a sessão de 1954 do Grande Conselho o nome daquela organização de orientação foimudada para o Supremo Conselho Internacional da Ordem DeMolay. William P. Lombard, comoPresidente do Comitê em Jurisprudência e Legislação moveu a adoção de uma reparação daConstituição com a retirada daquela secção a qual se lê que "este grupo pode ser reconhecido comoO conselho da Ordem DeMolay, e substituindo a seguir: "Este grupo pode ser conhecido como OSupremo Conselho Internacional da Ordem DeMola~;. O movimento seguiu e o Secretario Geral,Frank S. Land, com "outros oficiais quanto a lei pode requerer" foram autorizados a procederemcom medidas necessárias "a ter o nome incorporado quando ele aparecesse na Autorização e emtodo lugar legalmente e propriamente mudado pelo Estado do rvIissouri, sob cujas leis foram incorporadas." .A vida tem sido referida como um poderoso rio formado pelos tributos de esforços e experiências.Frank Land em julho de 1954 começava o ano de seu alto esforço maçônico quando ele foi levado aposição Imperial Potentado da Antiga Ordem Árabe Nobres Místicos do Shrine da América doNorte à Atlantic City, New Jersey, durante a 80a Sessão Anual do Conselho Imperial. A cerimoniapara honrar sua eleição teve lugar no imenso auditório de formoso piso e consistiu de umarepresentação teatral retratando sua vida, seus ideais e suas realizações. Na conclusão do programa,a jóia de um Imperial Potentado foi presenteado, pelo Senador Stuart Symington do Missouri.Alguns haviam expressado seus receios de que Land "canalizaria seus recursos do Shrine" em apoioao DeMolay. Instalado ele devotou o ano de sua liderança Shrine para fortalecer a FraternidadeMaçônica. Ele sania que o progresso DeMolay dependeria de uma fraternidade forte capaz defornecer homens de qualidade para servirem como conselheiros para seus capítulos. Sob a bandeirade "novos horizontes" seu programa foi posto em ação. Ele chamou por todos os Shriners paraconcentrarem-se em doar ajuda da Arte na Maçonaia, começando com as Lojas Azuis, e estendendoatravés da Escócia e Grupos do Rito York. Os "Festivais Maçônicos" foram estabelecidos em váriasJurisdição para assistir os membros da Fraternidade Maçônica em expansão, desenvolvimento eprogramas de entendimento. Ele sugeriu uma vasta comunidade de serviços de igreja os quaisseriam ajudados em cada jurisdição do Templo Shrine e que Conselheiros de Deliberação seriamestabelecidos para planejar pelo bom andamento de todas as organizações maçônicas. O "Antigo e
  • Honorável Grêmio do Avental de Couro" foi criado quando um movimento para recrutar dedicadose entusiásticos maçons pelo modo de viver ... para encoraja-Ias a aplicar suas habilidades e "comoconhecer" ... numa perpétua evangélica campanha ... para reenfatizar ... e revitalizar .. as lições eideais da Maçonaria.o ano como Imperial Potentado Ativo alcançou seu climax em Chicago nos dias 13,14,15, de julho1955, quando Land presidiu durante as Sessões Imperiais. Seu relatório anual foi imprimido, equando ele falou aos Nobres, ele disse, " Está lá para vocês lerem . Ele tem sido escrito em aviões etrens e em todo lugar mais ... eu ofereço-o a você como meu discurso como seu procuradorcolocado ano passado sobre mim ." O relatório que se lê embora tenha sido escrito somente depoisde sua eleição, no ano anterior mas mostra o idealismo de um homem subindo ao desafio damudança , quando " foi mais expressado em seu discurso Potentado Superior aos Oficiais eRepresentantes do Conselho Imperial:Ontem vocês deram a grande honra de elegerem me como seu Potentado Imperial. Com a ajuda deDeus e seus bons propósitos, espero servir-Ihes valorosamente.Quase por um segundo - O Tempo marcha adiante! Nada faça ainda!Em todo lugar ... a humanidade avança dentro de novas eras. É como desligar o velho e ligar o novo, em cada uma de nossa própria vida, as mudanças você e eu podemos lembrar temos estado ambosassustados e fantásticos.Muitos de nós podemos lembrar da primeira luz elétrica ... o primeiro telefone ... o primeiro carro amotor ... o primeiro rádio ... a primeira televisão " o primeiro remédio maravilhoso ... os primeirosmilagres dos tecidos ....Em nosso comparavelmente breve tempo nesta terra ... temos visto o avião vir por uso de comando... temos visto o advento do radar ... a propulsão a jato a energia atômica.Temos ficados sentados fora do maior show da terra ... aquele show sendo a marcha do Progresso !É ... somente o inicio !. Longínquas maiores vistas estão se abrindo para a humanidade. Nunca orelógio voltará.Para manter o passo ... e para assumir sua parcela na responsabilidade de liderança neste terrívelempurrão para frente ... é nosso dever e privilégio.Aquele SHRINE havia sucedido longamente através dos sonhos.Destes fundadores é prQvado através dos Hospitais SHRINES para crianças aleijadas ... A maiorfilantropia do mundo . Os Shrines são líderes em toda parte da vida e paraser real dizem que nenhum outro grupo tem proporcionado ao mundo com mais ou melhores lideresqualificados.rvlas ... para mante-Io em destaque ... nós não podemos descansar por um momento nos louros jávitoriosos. Isto seria abrupta loucura ... Não seria fiel para a nossa confiança ...Nobres ... a época tem vindo para destruir os obstáculos que guardamos de nossa plena retidãohereditária. Nós mesmos somos os únicos que podemos apagar essas barreiras. E o que são essasbarreiras ? Permita-me declarar o problema muito detalhadamente . O problema tem mais do que odobro de membros em menos de 15 anos. Que não aconteceu por acaso.Foi a riqueza, o esplendor e bons companheiros que fizeram os homens desejarem serem osSHRINES . Assim a devorarem através dos anos os homens começaram a ter o desejo de pedirpelos Graus lÜçônicos e então trabalhar seus caminhos através dos Ritos aos SHRThTES . Agrande maioria desses recém chegados a realizar a viajem em menos tempo do que um ano . Oresultado é que estes recentemente criados não param longamente na loja azul, nos grupos do RitoIorke , ou do Rito Escocês, para aprenderem algo sobre a tradição da arte maçônica ... Muito menoso marco e a filosofia da fraternidade . Uma coisa nós precisamos sempre nos lembrar, e é isto que somos primeiro maçons , e SHRJ1TES em segundo ... que se a loja azul morrer o SHRINE morrerá ...
  • Nobres ... nobres ... estou dedicando minha administração este ano ao maior objetivo, o de apagartodos os obstáculos que nos mantém fora daquele circulo mágico que são as casas das famíliasmaçônicas.DISCURSO AlWAL DO POTENTADO IJ;1PERIALEm O 1 de 07.1954 , você deu-me a grande honra de ser eleito como seu Potentado Imperial . Coma ajuda de Deus e as boas intenções de vocês , tenho procurado servir-lhes valorosamente. Nos dozemeses que passou. Nunca me esqueci daquela humildade e da orientação divina que tem sido aminha fonte.A um ano atrás eu estava contemplando o inicio da viajem. Hoje estou contemplando o seu fim .Tem sido uma experiência memorável , preenchida de uma abundância de bons pensamentos açõesamáveis e longas cortesias estendidas pela nobreza por onde tenho viajado.Temos procurado ornar sobre a bandeira de SHRINE o freqüente e repetido Slogan " Na unidademaçônica existe força" . O ano tem sido dedicado ao . programa de novos horizontes " . Você quetem estado na vanguarda deste esforçosuba e perceba quão bem temos prosperado O Programa de Novos Horizontes enunciado AtlanticCity tem florescido alem de todas as expectativas ...Como nós aproximamos do final desta viajem vemos as coisas muito mais claramente. É triste masé verdade, que estamos próximos do final da viajem, o movimento de eventos dentro do mais agudofoco e seus significados freqüentemente ,...vem maIS compreensIveIs .Isto é o que devia ter sido feito , e quando o entendimento é tardio nunca é nem pode ser tão bomquanto a previdência , também poucos de nós nunca fazemos a substituição de um pelo outro .Nosso problema não é levar tempo aproximadamente suficiente na vida , ou freqüência suficientepara avaliar eventos . Os eventos são a caligrafia na parede ... posto lê pela historia ... e unicamentepretendida por nós contemplarmos ... julgamento e exatidão e ações oportunas.O motivo nós não apreendemos suficientemente na vida para avaliar os eventos . É que estamos tãoocupados e de assim agir perdemos o sinal das coisas maiores ... as reais coisas da vida.Nos tomamos egoístas, nos tomamos satisfeitos com nós mesmos e complacente. Nada importamais do que o sucesso pessoal ... gloria pessóal .E assim ... o germe da apatia aborrece os caminhos dentro de nossos seres, e até em pequenas doses... à apatia invariavelmente provocaria a destruição . Aquele aviso simples foi o mais pertinente detodos vem pelos lábios do Sr.WINSTON CHURCHILL durante a segunda guerra mundial. O Sr.WINSTON cautelou os Aliados que a apatia era a mais perigosa à distancia do que todos osHITLERS!A apatia é nada mais ou menos do que a tendência para "Deixar Jorge Faze-Io " . É a preguiça naelevação de Grau . É faltar com o dever da responsabilidade. É a aceitação do assim chamadoinevitável.A maior ameaça para a maçonaria é hoje a apatia ! E não deixe ninguém enganarte ! A maçonariapode ser destruída ... ela pode ser eximada da face da terra ... e tudo por nada mais inocenteaparência ou mais venenoso do que o cavalo de Tróia , a chamada apatia.Você diz que isto é totalmente conversa fiadas ... que nada pode ou nunca apagará a maçonaria daface da terra ! Bem vamos dar uma olhada nos fatos ... Algumas caligrafias da historia escrita nasparedes !Distante na historia , o apostolo Paulo escreveu na parede os antigos . aVISOS ... " O amor nuncafracassará!. " Senão tudo, disse Paulo, "Pode ir e vir ...somente o amor e eterno .. ." . e como tem a profecia de Paulo seguido atraves dos anos.
  • Em seu ensaio ... !! A Maior Coisa do ~rundo " ... Henry Drummond amplifica a secreta afirmaçãode Paulo Ele cita o fato daqueles mesmos neles comparativamente extensão de vida, o mundo temusado linguagem básicas que vem e vão . Ele aponta para a linguagem Grega ... Latim. .. bem comoas línguas indignas, escocesas, às quais agora estão no processo de passar pelo esquecimento.Drummond aposta que aqueles mesmos conhecimentos vem e vão sendo substituídos por novosconhecimentos ,aos antigos ,se ligar nas novidades é a tendência que tem sido a regra mesmo desdeos dias do Jardim de Éden .A máquina a Vapor substituiu a carreta de boi , o Diesel e a Força elétrica empurraram o carro deboi para um segundo plano, e hoje, o poder Atômico ameaça ultrapassar todas as outras formasantes dela. Pelo mundo todo podemos ver grandes pilhas de jfetais abandonados ... as maquinasultrapassadas do passado .Drummond aponta para a mudança nos livros de literatura ., mudança na medicina, as mudançasnos campos de Miríades e Ascos de atitudes e pensamentos ... e tudo volta nas profecias de Paulo,que nada está seguro, nada é sagrado ,nada está assegurado a ser eterno - Exceto o amor.Você pode dizer-me algo que está caminhando para o final? Muitas coisa Paulo fez sem dar nome .Ele fez menção do dinheiro , fortuna ou fama . Ele meramente citou alguma das grandes coisa destaépoca ... coisas que os homens mais respeitariam como acessórios sobre , a cena terrestre ... coisasque os melhores homens acima de tudo - Época para então resguardar as coisas com vida eternaconstruída dentro deles . Paulo colocou-os á parte . Ele não fez nenhuma mudança com relação aeles . Ele simplesmente disse que eles não seriam os últimos ... eles seriam restituídos quando otempo acabasse . Ele admitiu a grandiosidade deles , ele não os avaliou como supremo .Sim, nós temos tido amplo aviso que não podemos existir, certos de que nada, além do amor,realmente irá pelo intimo. Então não vamos ser suficientes com nós mesmos ou complacentes comreferencia à longitude da maçonaria! Não vamos nos envolver na crença de que a maçonaria émenos vulnerável que qualquer outro baluartes, que tem sido atingidos pelo tempo e pela apatia.Nós não podemos fazer algo pelo tempo ... porém a apatia é algo , adverso ! A maçonaria, você diz ,é totalmente inatingível bem, assim foi o Idioma Grego. Assim foi com o conhecimento de Newton. Assim foi ª carreta de boi e a máquina a vapor. Assim foi com a Miríade de outras coisas quehaviam dominadas e esquecidas no relento Desfile do Progresso.o que podemos fazer a respeito " O SHR.D.t: e a ivIaçonaria , precisa proteger-se do desfile doprogresso I E a responsabilidade descansa nos ombros de todos os maçons I De todos osSHR.J1.<t:R .O que vamos fazer a respeito " Bem nosso Programa De Novos Horizontes, tem configurado comocampo de trabalho para uma completa campanha educacional , para eliminar a apatia das fileiras damaçonaria , dos Ritos , e do SHRINE ... tão longe quanto possível.No ano passado milhões e milhões de maçons , nas lojas simbólicas, no grupo do Rito Escocês eRito lorque ... e os SHRIT<E ... tem se espalhado nesta mais vital causa. As sementes desteprograma de novos horizontes assim longamente tem se enraizado no amistoso e fértil solo que énosso . Ainda agora em todos os seguimentos e áreas da maçonaria ,vêem relatar o progresso inicialtremendo. agora que a bola de neve foi iniciada, na esperança fervente e desejo que ela seja mantidarolando e crescendo dentro de algo de tão tremendo tamanho que ela transformará a declaração doApostolo Paulo, que apenas o amor pode viver para sempre.Agora é a oportunidade dourada do SHRINE , uma grande contribuição para a maçonaria e todas asramificações . Nós do SHRINE temos demonstrado espantosas habilidades em fazer aquelas coisasque configuram segredo para nossos corações. Aquele um tremendo" Tiro no Braço ", nós dosS.HR.I1C com todas as nossas espantosas capacidades , habilidades , liderança, e suntuosidade ,pode dar para a maçonaria, se todos nós voltarmos para nossas lojas simbólicas e para os Ritos ... e
  • por assistência e doação de ajuda , nos reeducarmos nas obrigações , tradições e belas lições da Artede oficio .Pode ser feito ! De fato precisa ser feito ! De nenhum outro modo pode a unidade e a solidariedadeser traduzida para perpetuar ,ela mesma a maçonaria . Nenhuma casa é capaz de colocar rachadurascontra ela própria. Nossa casa não está dividida, rachada, ela simplesmente, precisa de escoras ...apoio em lugares ... fazer uma parede sólida. O Programa de Novos Horizontes ... se utilizadoenergicamente e sinceramente ... ajudará a fazer o trabalho.Verdadeiramente , esta é a Hora Dourada do SHRINE ! Lá não pode haver nenhuma dúvida emqualquer mente , de que Deus tem mostrado sua maior riqueza abençoando-nos. Nossos hospitaisSHRThicRS para crianças aleijadas são aclamadas por todos . O sol brilha em nossa riqueza ... emnossas habilidades ... e em nossas capacidades.Os quatro ventos do Céu tem levado nossa mensagem da Unidade Maçônica a todas as crianças doOficio.Nos tem sido dito que no ano passado tivemos registrado o mais definitivo progresso dos últimos 10anos! iós atualmente temos moldado uma forte linha de unidade em nosso primeiro ano de esforçoorganizado ... Certamente O Pr02:rama de Novos Horizontes, desafia não ser permitido J.lurchar naVinha. Temos providenciado a descida da bola e temos o dever de amarrar para mame-Ia rolando ,descendo ! E precisamos nunca esquecermos sequer por um instante que estamos prontos parapromover tal programa ...12 . EXTRAORDINÁRIO CIDADÃOFrank Land era agora um extraordinário cidadão da América .Ele era conhecido em todos osEstados e Provincias , e bem recebido em cidades e em todas comunidades através da Nação. OsTemplos SHRINE deu presentes a ele em sua visita oficial e o mundo maçônico seguiu sualiderança .Por muitos anos ele tem passado a maior parte do tempo, longe de sua casa, porémdurante este ano como Potentado Imperial ele estava raramente em Kansas City . Quandoperguntavam-lhe como havia viajado tão longe durante o ano , ele respondia , " O mJ-is próximo ,quanto posso figurar, precisa estar a cem mil milhas " Foi um período tremendo em sua vida , e elese orgulhava da atividade , da honra, e da dedicação que ele tão dispostamente fornecia. Mas haviacriticas sempre existentes a homens de destaque . Alguns diziam que ele cedeu demais aosDeMolay e negligenciou ao Shrine . Outros diziam que ele doou-se demais ao Shrine e negligenciouao DeMolay . E então os ocupados , os fofoqueiros, questionavam a respeito da ausência da esposaespecialmente nos banquetes formais e festas . Eles estendiam os seus rumores e não achavamresposta nem fundamento para suas historias . Não havia nenhuma duvida nas mentes daqueles comquem ele trabalhou e o conheceu melhor . Eles procuravam nele aquela rara qualidade espiritual àsquais exteriorizavam o melhor em suas próprias vidas . ele era capaz de inspirar um desafio - Umdesafio para servir na causa pela juventude que fez cada jovem. Um dos maiores encontros em suahonra foi em Boston durante o Festival Maçônico de Boston aqui, numa " Massachusetts DeMolayNight " 20.000 DeMolay e Maçons estavam em assistência com milhões em sua volta, quando oauditório foi lotado .Assim seu ano de liderança shrine veio a se encerrar, uma homenagem foi dado a ele pelosmembros do Imperial Divan . Era um pergaminho que continha um esboço de um retrato dele com 5estrelas de um Potentado Imperial, a assinatura de cada membro Divan , e a inscrição: Presenteado aFrank S. Land , Grau 33 , Imperial Potentado 1954 - 1955 , cuja administração construtiva alongaráo comando de devoção enraizada profundamente na gratidão dos SHRINE e da liderança
  • maçônica, através da liderança da tmérica do 0: arte e cuja filosofia verdadeiramente ,reflete aconsciência do S:HR.DC , com os cumprimentos de seu Imperial Divan .Em seu retorno a Kansas City seguido do encontro do Conselho· Imperial em Chicago, ele recebeua palavra de que havia sido indicado a receber a Grande Cruz de Honra do Rito Escocês, OGabinete foi delegado . Charley Boice, quebrou o protocolo dizendo : "Esta é a maior das Honras .Ele será o homem mais jovem a receber esse prêmio , Tenho verificado os registros e acho que eleestará receptivo à 33 vida e o primeiro Missourian a ser então homenageado . Na longa historia doRito Escocês pela jurisdição Sulista _ Uma historia que cobre 154 anos Menos de 30 Grande Cruzforam feitas ". O prêmio, uma teutônica cruz de ouro repousa numa grinalda leva uma rosavermelha no centro , foi presenteado em 18.5.1956 , durante a Reunião de Banquete de Kansas City, Missouri , grupos do Rito Escocês com William B.Massey, Soberano Grã Inspetor Geral emlvrissouri .O reconhecimento de sua vida de liderança aos jovens da América , veio a ele dando si2:nificado auma linha do Ritual da Le2:ião de Honra, " Acreditamos ~ ~em colocar flores nas mãos da vida ". Duas universidades conferiram o HonorávelGrau de Doutor da Humanidade sobre ele . O primeiro foi da Indiana Technical College FortWayne , Indiana, com esta citação datada em 21.11.1954,Em reconhecimento de sua contribuição como um lider de homens e garotós , uma contribuiçãobaseada em humildade , tanto que todos os jovens são seus irmãos para serem servidos " umacontribuição baseada em sinceridade, tantos que os altos ideais você fala dos refletidosverdadeiramente em sua vida., uma contribuição baseada em dedicação a seu trabalho , tanto quevocê tem dado , seu tempo , seus talentos e de fato muito de sua riqueza pessoal e vida a esta tarefahumanitária , e uma contribuição baseada em conhecimento e entendimento com os garotos , tantoque você tem tocado mais de milhões e metade das vidas sobre o mundo, fazendo melhores homens,o Indiana Technical College , sobre a aprovação de sua mesa de diretores está honrado emreconhecer-lhe e pela autoridade m~la conferida pelo estado de Indiana, confere-lhe o Grau ,Doutor da Humanidade (. Honoris Causa) com todos os corretos títulos privilégios e obrigaçõespertencentes a ISSO.Seu discurso de comentário de graduação de sala desta grande universidade Indiana, pressionou oinício de uma vida, das mais importantes, por, "O modo que você começa é o modo que vocêtermina " ele referiu-se à rápida marcha da civilização, a rápida troca de ll,lgar no mundo e anecessidade de um senso espiritual . Era típico de seu pensamento e expressava o coração e alma desua filosofia. De pé diante do podium e usando a veste de doutorado que lhe havia sido presenteada,ele olhou para os jovens homens e mulheres diante dele lentamente começou seu discurso :" Sei que todos oces olham para diante da minha carreIra e provavelmente sentem que a medida dosucesso que :oce atinge em sua vida será amordaçada por seu ganho financeiro Mas deixe-meassegurar-lhe que esta metasozinha não lhe dará aquela satisfação interna ou segurança que é a suahereditária dadiva Divina. Não existe nenhuma posse de pouco valor que você não precisasse serconstantemente conquistado e reconquistado O momento em que você consegue aprender o seualfabeto - Um das maiores de todas as realizações intelectuais, você possui o todo da literaturainglesa . Tão logo quanto você pode contar, você tem o todo do equipamento de um Se IsaacNewton ou um Einstein _ Porem é muito de outra matéria para possuir suas possessões.A mesma coisa é a verdade da consciência _ Não pode ser transmitida de pai para filho, ou da mãepara a filha _ Se uma pessoa está sempre consciente da vida, ela precisa primeiro possuir a sipróprio e então mante-Ia viva e alerta na corrente dos ribeirões sociais de seu tempo _Procuramos possuir nós mesmos porém constantemente disputada e desafiada . Todos os ideais sãopertencem somente à aqueles que os vencem _
  • esta possessão é possessões as quais"Nossa civilização atual está em rápida marcha _ Os problemas, os quais diante de mim e de vocêhoje não são aqueles que podem ser resolvidos por um presidente, uma eleição, ou alterações deleis, ou legislação por propósitos políticos . O universo todo do homem está indo para uma mudançarevolucionária para onde não sabemos." Nosso mundo todo está mudando mais rápido hoje do que foi a mil anos antes das Cruzadas . Eleagora está mudando mais rápido em um ano do que ele mudou num século todo depois daRevolução Americana e Francesa. Uma Ordem está renascendo. Uma maravilha no espantosohumor mental do homem atual em sua capacidade de aceitar a mudança e manter seu equilíbrio ,adaptando-se para completar os arredores quase diariamente . Sim um universo todo esta se abrindoe despontando longe e uma novidade está surgindo ." Nossa era tem sido construída sobre a areia movediça de coisas materiais . Temos feito um fetichede nossa grande riqueza , nossas construções imponentes ou planos gigantes das industrias e redesde transportes .Ainda com todos esses recursos, achamos nossa civilização esmigalhada sobre nós .Pergunto-lhe e a mim mesmo : Podemos continuar a construir nossa vidas sobre tais fundações eestar sendo permitido construir esta nova civilização que está nascendo." Eu enumerarei algumas das coisas que acredito que seja a onde devemos construir nosso futuro .Não posso acolhe-Ias com minhas mãos , assim euseria um pedaço de papel , um livro ou um copo d Agua Elas são coisas imponderáveis - Como aluz do Sol - Elas escorregam pelos seus dedos, ou o ar que esbarra quando termina em voce , masque voce nunca ve. Gosto de chama-Ias de coisas invisiveis da vida, as coisas que nossas mães noscontaram na época de nosso primeiro dobrar em seu joelho - Honestidade, integridade, verdade,beleza, liberdade , bondade , pureza de pensamento , amor a Deus , amor ao lar , e amor pelo pais .V oce não é capaz de escolher qualquer destas vinudes e esconde-Ias dos olhos dos homens emulheres. Elas são livres para todos que as aceitarem. Elas são âncoras as quais precisamosamarrar-nos se estamos vivendo uma vida de beleza e retidão." No momento , você percebe que não estou conversando sobre tecnologia em seus graus destagrande escola de engenharia. Minha vida toda tem sido devotada a construção e importância decaracter . Gosto do lema de uma de nossas grandes escolas de meninos, Phillips Andover . Em latimsua tradução literal é : - O modo de você começar é o modo de você terminar . A ponta feita docurso é que um individuo precisa ser altamente habilidoso em engenharia , química, ou qualqueroutra atividade , mas a menos que ele ou ela tenha guardado aquele ingrediente essencial de caracter, ele não poderá ir a lugar nenhum. O caracter é algo pessoal, tão pessoal quanto uma escova dedentes .Tão valiosa quanto a ciência tem sido, ela não tem sido capaz de darnos uma formula para aavaliação da existência humana. Os homens e as mulheres são produtos da mudança, e eles refletema interação do meio ambiente e hereditário num veloz movimento mundial . Os talentos humanosestão sendo constantemente reformados para encontrar novas alterações . Porque a qualidade doshomens não podem ser medidas pela matemática ou isoladas num tubo de ensaio . Os lideresamericanos tem apreendido que na seleção de homens e mulheres eles precisam confiar em trêsfatores estáveis - Capacidade, personalidade, e caracter." A capacidade é um distintivo não iluminadamente ganho . É um atributo obtido pelademonstração pessoal . A personalidade é a luz pela qual a capacidade faz seu caminho . É umafaisca engenhada pelo contato pessoal e em ocasião ela pode ser abanada dentro daquela luz dechama branca que nós as vezes associamos com força hipnótica . F altando-a , um homem decapacidade pode atrasar na obscuridade, sem busca e sem tentativas.
  • "Porém a maior de todas essas qualidade é o caracter . A capacidade e personalidade podem abrirportas ,mais é o caracter que as mantém abertas . O caracter é uma possessão inestimável e a quenão é constituída sobre a noite. Ela é constituída na força de um lento, estável, e continuocrescimento. Nenhuma matéria que você pode fazer, você precisa de ter caracter para resistir,mesmo quando você precisa ter capacidade personalidade para realizar . Assim você contribui e ocaracter flui de volta para você como força e inspiração . Desde que nosso caracter existeapenas na estimativa dos outros. ele precisa ser constantemente guardado e adotado e não permitidodesperdiça-Ia com pensamento, ou egoísmo ou avareza. Peço-lhe para. analisar a vida de qualquerlíder de destaque , um individuo que os outros seguem. Você verá que ele aprendeu, primeiro aservir aqueles que o seguem. Ele respeita os outros assim como ele respeita a si próprio. Ele sabeque se ele for verdadeiro para si mesmo, não pode ser falso com os outros. Um homem de caractertem suave dignidade , bondade racional , força sem hipocrisia , e humilde sabedoria . A maiorriqueza de um homem é seu caracter . No trabalho, ou em sua profissão, na politica ou entre amigos,ele leva consigo uma obrigação, ele põe um homem numa mancha para viver acima dela . É dificilganhar uma reputação pelo caracter e muito mais dificil mante-Ia . Você precisa tentar a cada diafazer algo melhor do que fez no dia anterior. E manter na mente que o homem que tem reputaçãopelo caracter não é desculpado ou transgressões perdoadas, quando partem de pessoas inferiores." Numa época, em algum lugar numa amável conversa, eu disse que " Na vida de cada pessoajovem existem extensões de centenas de gestos no caminho. Os seguidores do profetaMOHANINIED acreditavam que os indivíduos somente um destes pode conduzi-Io ao própriocumprimento de seu destino este o MOHA.M:NIEDAN , chamado AL SIRAT , do correto oupróprio caminho. Eles acreditavam que o problema básico da juventude é sua busca para seúpróprio AL SIRAT . Os filósofos MOHALvINIEDAi"J avisavam os jovens para não irem nocaminho que lhes parecessem mais atraentes ao primeiro olhar, mas para testarem o caminho umapós o outro, até terem certeza. ""Então me lembro que certa vez lendo que Benjamin Franklinn disse em 1772; Não precisamosdentro da vida pública esperar imediato grato reconhecimento de nossos serviços. Porém vamosperseverar pelo abuso e até mesmo ferimento. A satisfação interna de uma boa consciência estásempre presente e o tempo irá fazer justiça nas mentes das pessoas, mesmo daquelas presentes nasmais prejudiciais contra nós"."Quando Thoreau viu o machado do lenhador destruindo a floresta, ele exclamou, Obrigado Deus,por eles não poderem alcançar as nuvens. Existem coisas invisíveis, coisas eternas, que todas asforças do homem em toda sua furia não pode destruir. Mesmo para contemplar essas coisas épreciso realizar uma interna quietude e paz mesmo nesta guerra declarada e desordem mundial quenós vivenciamos agora."Existem qualidades indestrutíveis do espírito humano . O amor materno é imortal e, emboraesmagado pela terra, levante-se novamente. Coragem, sacrificio, paz mental, amor, verdade, amorao lar e à família, amor ao País e amor à Deus, todos reluzem com uma nova luz no meio doblecaute da esperança. A fé intrépida e vitoriosa dirige o giro do vento. Não meus amigos vocês nãopodem cortaras nuvens. O espírito do homem não pode ser detruido . As coisas mais importantes da vida sãoinvisíveis e imortais, elas sobreviverão."Numa das cartas de Marcus Aurelius quando assim jovem, ele estava viajando, e conta à seuprofessor que quando sua festa acabou o portão da velho Castelo de Anagni, eles viram em cadalado a inscrição, Sacerdote ponho em ti Sumen-tum. Marcus argumentou que era dito que o Sum-en-tum era um pedaço de pele retirado de um bode ou carneiro sacrificado que o sacerdote colocavaem sua capa quando ele entrava na cidade. Era um distintivo de destaque. Ele destaca seu usuário deseu meio. Era um lembrete de sua função na vida.
  • "Hoje, quando você recebe seus diplomas, você recebe seus graus de engenharia, você estárecebendo seu Sum-en-tum, augusto e supremo. Ele te lembrará sempre daquele dia de altainspiração quando você escolheu seu grande caminho na vida. A cada dia que você cruzar o portalda manhã e pôr seu Sum-en-tum, ele lhe dará nova coragem, nova esperança e nova fé."Não é estranho que as coisas invisíveis de Deus parecem estarem muito mas muito longe de nósquando, na realidade temos somente que alcançar e leva-Ios pela mão) Então posso oferecer estepensamento: Qual ponto ele aproveita de um homem se ele ganha o mundo todo e perde seu sensoespiritual - perde o caminho estreito que conduz ao escabelo de Deus?"O segundo Grau Honorável de Doutor da Humanidade lhe foi premiado em 2 junho de 1957, porOttawa University de Ottawa, Kansas. A citação observava muitas de suas contribuições para asociedade através da afirmação:"Porque ele tem feito várias contribuições cívica, educacionais e sociais, incluindo seus serviçoscomo membro do Conselho Conselheiro Americano de Yenching University, Peiping, China ecomo membro do Comitê Nacional da Semana Jovem pelos United States, e incluindo seu sinal dehonra como Potentado Imperial do Shrine pelo North América; porque ele tem se sacrificado pólosoutros antes do que avançar seu próprio ganho e mais especialmente porque ele tem enriquecido asvidas de milhões de jovens sobre o mundo - primeiro patriotismo, amizade dos meninos e então osmeninos em todas as fases da vida e em diversos ambientes - enriqueceu-os com a sólida, simplesvirtudes necessárias ao caráter dos homens corretos, e com aventuroso espírito de cortesianecessário aos corações dos meninos, assim mais do que um milhão e meio de homens em todo omundo tem encontddo nele um real líder Frank S. Land, Fundador e Secretário Geral da OrdemDeMolay é apresentado a você, pelo Grau de Honorável, Doutor da Humanidade.Estas citações acadêmicas possuia resumos dos esforços de Frank Land devido aos muitos esforçosde mérito. Ele estava orgulhoso da honraria de Doutoradoconferido a ele pelas duas maiores Cniversidades porém desatlou-o a chamá-Io de "Doutor Land"Ele teria se recentido ao título a ele assim aplicado, considerando pretensioso e desrespeito - elepreferia ficar com "Papai Land" cuja imagem pública era de um homem com passivo e humano.?vIas as citações. eram completas, não mencionava o grande sonho na mente criativa deste homem.era mais do que um sonho para ele mesmo quando estava conversando de tijolos. concreto e aço -uma nova construção para a Sede DeMolay.Certo dia verão de 1956, ele chamou um oficial para dentro de seu escritório na velha mansãoreformada a qual havia servido como Sede DeMolay desde 1928. Ele estava radiante quaseexuberante. "Na noite passada tive uma experiência maravilhosa", ele exclamou, "Minhas precesforam ouvidas. A Phillips Petroleum Company concordou em ajudar a construir um quartopavimento, escritório de construção moderna no lugar desta construção. O DeMolay ficaria com oúltimo pavimento e a Phillips ocuparia o resto. Imagine - a Ordem De./Iolay terá sua própria casa!O que sei, é que ela será a única organização jovem e fraternal na nação a ter sua própria e modernacasa. Tenho rezado por isso durante muito tempo e agora estou feliz e gratificado por minhasorações terem sido ouvidas É uma experiência maravilhosa. Eu queria compartilha-Ia com você!"A resposta à sua oração não veio num clarão de luz como foi para outro na estrada de Damascus .Foi lento, desenvolvendo progressivamente seu inicio, assim como a maioria DeMolay, numTemplo do Rito Escocês, Land viu seu amigo de muitos anos, Ray F. Moseley, assistindo um deseus graus sendo conferido, e acenou para lvIoseley para juntar-se à ele. Roy, conhecido como umhomem de real valor destacando-se na Nação, um pregador configurado e autor de vários panfletose livros, tinha sido um advogado de fama DeMolay por mais de trinta anos. Os dois homens fizeramseus caminhos para uma sala ao lado e Frank explicou suas razões por chamá10. "Roy", ele disse,"Tenho um sonho e gostaria que me ajudasse realizá-lo. Precisamos de uma nova , moderna casa
  • DeMolay e ninguém conhece mais sobre promoção e construção do que você, especialmentequando seu cliente tem apenas um sonho e nenhum dinheiro"."Vá conte-me sobre o sonho. Você sabe o mundo é cheio de sonhos que têm se tornado realidade"."Nossa propriedade", continuou Frank, "é um bom imóveL O terreno é bastante valioso, porémvocê tem visto que tem acontecido à nossa vizinhança. Não é mais visado residencialmente. Asconstruções de escritórios e um hotel tem levado do local as magníficas antigas casas que um diaforraram a Armour Boulevard. Gostaria de restituir nossa construção com uma nova, mas a únicacoisa que temos é ela própria. Não podemos fazer algo)""Tahez possamos". Roy respondeu. "se colocam1os em etapas e de um modo correto Yeja, Frank,tenho tentado encontrar um lugar para a Phillips Petroleum Company de Bartlesville, Oklahama.Eles querem uma construção em Kansas Cíty e tem opções de compra na 39° e Baltimore . -:;ão é alocalização correta e eles podem interessarem-se no seu local."Agora, Roy eu não quero vender nossa propriedade", Landinterrompeu."?ão toda, Fra~, o que eu tinha em mente é que trabalharemos com eles e voces ficariam de fora."E lógico que eles precisarão mais de um terreno para estacionamento deles terão que inspecionar olocal e nos darão algumas idéias do que eles precisaram". O real desenrolar começou como umestalo quando Roy continuou, "Agora se nós conseguissemos empréstimo do próprio interesseavaliado! "Ele pensou e continuou, "Você sabe se nós pudermos fazer com que construam o prédiopor $15,00 por m2, acredito que você poderá ter um andar livre, construir o prédio para Phillips eter o bastante para pagar um terreno extra. Vou trabalhar nisso".Desta conversa e posteriores reuniões com Paul Endacott, Presidente e Kenneth S. Adams, DiretorPresidente da Phillips Petroleum Company; O Supremo Conselho na reunião de 1956 em Reno,Nevada autorizou o Secretário Geral a entrar em negociação com a Phillips Company por ondeaquela Companhia se juntaria ao DeMolay na construção de quatro pavimentos em dual-inquilinatoconstruido no lugar da Sede do Supremo Conselho em Kansas City, Missouri.Em 22.08.1956 , o comitê executivo do Supremo Conselho encontrou em Kansas City Club ondehavia geral discussão iniciada a respeito da construção e da locação de toda a nova construção aoPHll..LIPS PETROLEulvl CONIPA1"N , exceto o ultimo andar , o qual era para ser usado comosede do Supremo Conselho Internacional da ordem DeMolay. Um comitê de construção foiindicado com pleno poder de autoridade, para agir e formar uma Companhia de suporte, paranegociar um arrendamento com a PHILLIPS CO:t1P ANY , para providenciar financiamento epara fazer tais mudanças quando forem necessárias para completar as negociações.o Mellon National BA1JK de PITTSBURGH , Pennsylvania , efetuou a liberação de umempréstimo num montante de $ 1. 610.000. O custo da construção ,completa amortização ,incluindo comissão , taxas e seguro , seriam pagos em 25 anos do arrendamento pela PHILLIPSCONIP A1"JY pelo qual o prazo e a construção seriam então apropriadas completamente pelaordem De11olay .Na noite do dia, quando estes arranjos finais tinham sido feitos, Frank Land , sentou-se em seuescritório com Malvern Marks Oficial Executivo dos Estados do T exas , que havia sido deinestimável valor na segurança do empréstimo pelaconstrução Ambos ticaram orgulhosos e felizes .- construção estava para ser erguida. Os grandessonhos que tinha naquele momemo pareciam tão impossíveis e estavam para se tomarem realidade.::falvern olhou ao redor do escritório e num tom de respeito pela beleza da sala disse, " Frank tenhoum pedido a lhe fazer. "" Diga-o .falvern , " respondeu Frank." Depois do que você fez ao DeMolay , qualquer pedido que você faça - se posso atende-Io - é teu. "
  • " Gostaria de ter esta sala transferi da assim como ela está e fazer uma parte da construção novapara ser seu escritório lá assim como está aqui . Existem uma porção de sentimentos nesta sala e eugostaria de vê-Ios preservados. É uma bela sala! Se possivel , leve os painéis a lareira e todo o restopara o novo lar DeMolay ".O trabalho agora começava sério . O comitê executivo aprovou a compra de uma propriedadepróximo da rua do local da construção , com frente de 127 pés para a rua 36° e 250 pés na WARWICK BOlLEV ARD , uma casa estava localizada na propriedade com endereço de Leste rua36° n° 136 . Esta casa era para servir como escritórios DeMolay , e para mais tarde fazeremestacionamentos extras para os carros dos empregados do Supremo Conselho e da PHILLIPSPETROLElJM COMPANY.Em dezembro o trabalho de demolição da antiga construção foi iniciado . Pedra por pedra, viga porviga, foram rapidamente retiradas exceto do escritório de Frank Land. Esta sala foi cuidadosamentelevada intacta para a nova instalação. Cada painel, estilo , barrado , e moldura foi cuidadosamentemarcado e numerado como se fosse uma catedral que estava sendo movida para um novo local.A firma de NEVILLE , SHARP e SI1-10N , foram contratados como arquitetos para o DESIGN esupervisão da construção. Um dos maiores empreiteiros da cidade o WTh"N-SENTER-COMPA..llJY foi contratado para levantar o prédio.Levanta assim um monumento ao DelvÍolay e ao fundador da ordem. É uma construçãoimponente, 4 pavimentos com espaços para escritórios, e em adição um piso térreo plano, contendouma cozinha, cafeteria , equipamentos mecânicos e área de armazenamento . A construção estáprojetada para ter mais um piso, caso fosse necessário .A arquitetura é distinta, simples e contemporânea, com proporções de beleza , ela retrata WARWICK BOlJLEV AR com 2:raciosos recuos em todas as laterais para adequar o projeto e apaisagem . É basic~mente um retângulo de várias sombras de salmão e amarelo. Tijolos coloridoscom duas peças mais baixas norte e sul, projetado na horizontal, alas paralelas com vidraçascontendo painéis azul claro eo fundo de pedra prateada. as maiores medidas são 68 pés do norte ao sul e 214 pés frente a WARlCK Em complememação as duas idraças mediam 16 pés por 172 pés cada. As paredes defundo são sem janelas, mas cada tem um belo painel vertical com superficie côncavo estendendo dodegrau ao parapeito.Os novos escritórios foram ocupados em 23.03.1958 .Com a nova sede não muito completa foi dado um jantar de testemunho , para Frank Land . com um" extraordinário cidadão" :a noite de sábado no vigésimo sexto dia de janeiro de 1957 , as 19 horasno Salão Dancante do Hotel MUCHLEBACH em Kansas City . A descrita designação de" CidadãoExtraordinário " e a idéia d o jantar veio do pensamento imaginativo de H.ROE BARTLE prefeitode Kansas City , que freqüentemente referia a si próprio como, o "Cabeça Titular dessa grandeMetrópole" Grande de corpo e de alma, BAR TLE tinha um dinàmico modo de discurso. Refletido,num fluido de ricas palavras, sua própria dedicação aos ideais que tem feito à Grande América. Eletem sido calado " Aquele fluente orador pela democracia Americana". Em seus mais tenros anos elehavia sido um menino batedor de executivo em Kansas City e com seu amor aos jovens havia setomado um amigo leal de Frank Land . Sua Carta ao seleto grupo de destacados cidadãosrespeitando o jantar fala de sua afeição. "Um grupo de distintos cidadãos de Kansas City , tão bonsquanto o grande número de líderes destacados no horizonte nacional estiveram unidos para honrar oprimeiro dos cidadãos do primeiro lugar da América que é orgulhosamente um nativo de KansasCity .Por sua excelente participação de cidadania e pela grande contribuição que ele tem feito aosjovens de nossa republica e ao mundo, o Comitê dará Liderança a honraria de Frank S " Papai"Land " .
  • Este jantar foi assistido por quinhentos amigos incluindo o mais formal deles, presidente dosEstados Unidos, Harry S.Truman e muitos outros locais e nacionais , cívicos e dignitáriosmaçônicos . George Jessel , figura formosa do afetuoso divertimento, conhecido como" Toastmaster General " serviu como mestre brinde e introduziu aqueles que foram homenagear PapaiLand , incluindo Frank Carlson, senador dos Estados Unidos de Kansas , que concluiu suaobservação com" Assim estendo congratulações e os melhores votos a Frank Land - Um perfeitocavalheiro - que tem paciência , bondade ,generosidade , humildade , cortesia , altruísmo , bomtemperamento , honestidade e sinceridade" . Outros oradores homenagiaram-lhe como um "Cidadão do Mundo cuja liderança e exemplo tem alcançado as pessoas de muitos lugares "., comoalguém que" trouxe beleza a esta cidade , e em assim fazer trouxe um levante ao espiritocomunitário ", e através do DeMolay mais que uma geração de homens, vieram a conhece-Ia comoPapai Land , suas afeições faladas em muitos idiomas. Nós, seus amigos em casa, e seus amigos deoutros países, conhecem-no como um construtor do mais alto senso , um construtor demasculinidade".o prefeito BAR TLE disse.11 Foi no final de 1922 que meus caminhos cruzaram com os de Papai Land . O DeMolay estavaem sua infància , mais tinha já provado o valor da verdade, e valor como um grande e na atividadeconstrutiva aos jovens que tinham caracter construindo um extraordinário potencial. Esta noite nóshonramos Papai Land porque do recorde ele tem escrito como o Fundador DeMolay , e o porque domodo como tem dedicado seu tempo, energia e talentos para os aspectos construtivos da estruturasocial em sua comunidade, em seu estado na nação e pelo mundo."F rank Land , poderia ter sido um líder em qualquer campo de trabalho, para o qual ele pudessedoar-se . Os líderes políticos tem incitado-o durante horas para oferecer-se como candidato agovernador. Se ele tivesse acenado sua cabeça, ele podia ter sido o chefe executivo desse grandeestado . Muitos líderes da industria o tem convidado para ter participação no desenvolvimento desuas corporações. Com grande consistência , ele havia tomado-se um ouvido-surdo. Somentequando a juventude era envolvida é que Frank Land ouvia a oportunidade para servir.11 Frank Land , está construindo , em meu julgamento , para a eternidade do amanhã, assim ele temescrito sua biografia, na carne"e sangue de nossa terra - O maior bem do mundo, a juventude dehoje , os homens do amanhã. 11Em bronze 11 um busto de papai Land 11 foi feito por Julios Schmidt , renomado escultor . Foipresenteado a Papai como um clímax no jantar pelos doadores:Benjamin C. Adams Charles L. A ylward Dr. Graham Asher1.c. HijdonJohn G.MaddenJohn P. Mullane Ray W. Niles Richard R.Riss Roy ARoberts Arthur Wahiste,v!Land comentou que 11 esta noite será por mim sempre lembrada ... eu não mereço este tributo, masele faz meu coração reluzir ao perceber que cada um de vocês tem tido uma participação nesteempreendimento. 11O Dr. AF. Schopper , proeminente dentista em Kansas Cíty , tínha servido como Secretario doComitê, do jantar de testemunho, e escreveu a Frank em 28 de janeiro;Prezado Papai Land,Não ha ninguém que esteja merecendo ser reconhecido tanto quanto você, como um homem e lídermaravilhoso . Todos os serviços que você tem
  • prestado a humanidade não são conhecidos, desde então muitas de suas ações estão dirigidas nasfissuras do monumento humano que laCe tem construido e no ribeirão de sangue de muitas pessoas, velhas e jovens. Os milhões de meninos que tem assim. maravilhosamente conduzidos desde 1919, pelos canais da honestidade, integridade, e vida limpa e boa, tem tido seus lugares na sociedade, e hoje são nossos lideres americanos ,empatriotismo, limpeza e justo governo Sem você Papai este pais poderia estar na mesma terrívelcondição de muitos dos países do mundo atual.O bom Senhor tem sido maravilhoso com as pessoas deste país e particularmente com as pessoasdesta comunidade, por ter-nos dado Frank Land . Agradeço a Deus por Ele ter protegido você e ter-lhe dado forças para carregar Seus Sonhos . Permita Deus preservar-te por muitos e muitos anospara proteger este mundo turbulento .A auspiciosa cerimonia dada em sua honra foi apenas uma milionésima parte da expressão justa quevoce teria tido. A senhora Schopper e eu nos alegramos imensamente da ocasião e sentimos orgulhoem ter tido o privilégio de estarmos entre os presentes. Foi amável em nossa opinião e belamenteconduzido.Estou certo li Papai " , que você tem um recanto no coração de todos que você tem encontrado nasua vida. Que Deus lhe proteja, lhe abençoe, e lhe de forças para continuar a moldar o melhor para ahumanidade.Com minhas bênçãos diárias sinceras apreciação e profundo amor , desejo-lhe saúde e felicidade,fielmente "triturado r"Frank Land , respondeu a esta carta.Meu prezado li Triturador li.,Agradeço muito sua graciosa carta do dia 28V oce é preconceituoso . Eu não seria verdadeiro se não conta-se-lhe que ela afetou-me muitíssimo .Também lhe agradeço por sua participação na elaboração de sábado a noite tão memorável ocasião.Com todo o seu profissionalismo e deveres cívicos - Estou satisfeito por vocês terem sido capazesde darem a si muito tempo ao planejamento e a atenção que ficou evidenciado sobre sua parte.Por todas essas suas bondade e tolerância . Eu humildemente lhe agradeço. V ocês são meus amigos- sei disso - e reluzo com isso. Espero que um dia desses eu seja capaz de retribuir. Com a palavrade profundo respeito pessoal e afeição, cordialmente ...Papai Land havia dito repetidamente . " :ião estou em cargo público para mim .. ~v[j]ha respostapara o chamado da cidadania e tàzer bons cidadãos dos jovens que irão. à tempo ter sobre essescargos em nossa sociedade"Desatendendo este estabelecido político , quando questionado à apresentar-se como candidato auma vaga na posição de Diretor de Educação de Kansas City , ele consentiu . Isto para ele foidiferente Ele havia sido um forte defensor das escolas públicas e considerou isto uma oportunidadepara socorrer as importantes fazes de uma mudança no padrão educacional. Ele foi indicado e jurouno cargo com dois outros novos membros de diretoria, senhora Ton l Stubbs e senhora James A.Reed em 06.11.1958 , num serviço de apresentação conduzido pelo juiz Ton lStubbs do JacksonCountry Court . Seguindo a apresentação o serviço de entrada da diretoria , assistiram oencerramento da sessão para elegerem novo presidente . Dois homens foram nominados peloescritório. Harry C. Clark e Wentworth E . Griffin . O voto estava encerrado em cada três cédulas ,e então os membros da diretoria decidiram aferir a sessão para o publico e condutor de assuntosregulares da agenda.Land havia encontrado-se numa mais indesejável posição durante a eleição - Fixado em doistentáculos de um dilema como os dois apontados sendo bons . ele voltou-se para a senhora Stubbscom seu problema. !l Hellem I ele disse "nos conhecemos a longo tempo, lembro-me de você ,quando vócê era do SWEETHEART DeMolay . Você pode entender minha posição. Ambos
  • H.ARR.Ye WENTWORTH foram DeMolay ativos. Eles foram meus meninos, e eu não voteiporque não posso escolher nenhum nem outro" .A próxima eleição foi assistida 3 meses mais tarde e o dilema de Frank Land , foi resolvido. seusmeninos tiveram cuidado na situação, pela nomeação dele para presidente, e desta nomeação ele foieleito em 5 minutos . WENTWOR TH E. GRIFFIN foi então eleito vice- presidente . O escritóriodo Presidente do Quadro de educação levou uma pesada carga de obrigações para as escolas ,estavam assumindo novas responsabilidades , na área da saúde , maturidade, emocional ,ajustamento social , e aconselhando e orientando nas carreiras , vindo como um resultado dosdesejos do publico . O Curriculum, também, foi sendo colhido para estarem certos que ele era omelhor para realizar as metas da educação.Aqui estava uma vívida ilustração expressando a verdade da filosofia da vida de Frank Land. Averdade que um homem pode levantar-se sozinho, pelos seus próprios beneficias - pelos seuspróprios esforços. Os livros que ele havia lido em sua juventude de menino pobre , cresceu rica , omenino reeducado pelas contínuas leituras e estudos o tornaram educado , o menino conscientemontou o rapaz de sucesso, havia tornado-se real, Frank Land , que tinha idade de 17 anos, achounecessário sair da escola durante seus primeiros anos de colégio , pela sua própria realização , haviaassegurado ambas educação e reconhecimento , e agora era ,presidente do quadro de educação do sistema escolar·. sob a qual 50 anos atrás, ele havia sido aluno.13. O INICIOo falecido de que agora vamos lembrar entrou na paz da vida eterna.Ele viver na terra nos atos de bondade que ele fez e nos corações daqueles que cultuam suamemória, o Poder da beleza de sua vida suporta entre nós como uma benção de amor.o Comitê sussurrante falando essas palavras no fechamento de uma cova lateral atendido noCemitério Mount Moriah no início de abril de 1959, o Reverendo Herbert Ewing Duncan tornou-sea encontrar com Frank Land de pé à seu lado. Ele voltou-se para este homem que havia sido seuamigo, conselheiro e inspiração por mais de trinta anos e estendeu sua mão em cumprimento. Parasua surpresa Papai Land não correspondeu. Havia o sorriso familiar, reservado a seus meninos,«porém não houve aperto de mão. Em vez disso, ele disse, "Herb, eu gostaria pois nada melhor doque ter suas mãos nas minhas, mas olhe Então, lentamente e com aparência de dor, levantou seubraço. A mão e dedos estavam tão inchados que o leve toque causava martirio de dor."Eles não estavam assim à algumas semanas atrás", ele explicou, "tem acontecido tão rápido quenão percebi que algo estava errado até na manhã em que não consegui pegar um alfinete que haviadeixado cair. Desde aquele momento recebi cuidados médicos. Os médicos tem diagnosticado istocomo escleroderme. Eles tem me avisado de que existe a possibilidade do inchaço aumentar. Vocêpode ver que eles estão certos"."Pela aparência parece que estão. Suas mãos não pode, caso não termine esse problema, dar-lhe osentimento de desmoronamento fisico geral. Sinto tanto. Como você fez para manipular, nestacondição, e para manter as reuniões do Supremo Conselho há uma semana ou mais? Eu estava lá efiz a oração de abertura. Você não deu indicação de que nada estava errado. Como você fez?""Herb, você de todas as pessoas deveria saber de que não devemos subestimar a força interna quetemos quando a chamamos numa hora de necessidade. Durante as sessões eu chamei por ela muitasvezes, usando-a era capaz de segurar. Então os membros do Conselho eram uma fonte de força. Amaioria deles não sabiam de minha doença porém suas presenças me davam um sentimento desegurança. Clarence Head, como Grã-mestre, foi tremendo! Eu não poderia ter segurado sem suaajuda e compreensão"."Papai, durante todos esses nossos anos juntos." o Ministro respondeu, "iniciando quando eu era umDeMolay ativo e continuando pelos anos de nossa amizade. voce tem me ensinado o significado dacoragem e da fé. Domínio rápido de seus próprios ensinamentos e das qualidades da esperança que
  • tem dado tanto - e apoiar naqueles valores espirituais que tem sempre estado na realidade em suavida e voce virá através disso. Que o poder de Deus te abençoe e este.ia sempre com voce".o Supremo Conselho daquele ano havia consistido de sessões de força mas nenhuma sugestão desua doença apareceu no relatório do Secretario Geral. Seu relatório era brilhante com orgulho doque tinha sido realizado no ano anterior e durante os dois anos de marcha DeMolay. Lido em parte:"O progresso DeMolay continua inabalado. Este mes marca o 40° ano desta Ordem que tem estadoem destaque, e cada ano nossos passos avançaram tomando mais longo e mais pesado com o pesodo prestígio e realização."Nossa meta constante na construção de melhores homens e cidadãos dedicados a paz e todas essastentativas ele tem estado por demanda ou necessidade. Precisamos responder essa demanda enecessidade redobrando nossos esforços para abastecê-Ia .."Este ano em particular o Dellolay tem sido um dos melhores em recordes com o estabelecimentode um novo e reinstalado Capítulo três vezes numa semana em alguma parte do mundo ."Um total de 121 Cartas de Autorização temporárías foram emitidas durante o ano DeMolay e 33Capitulos foram reinstalados, trazendo um total de 2.097 capítulos em 14 Países e Territórios ... Agrande expansão da Ordem neste ano passado tem sido especialmente gratificante. Três capítulosforam iniciados na França e não menos de seís na Alemanha."Um total de 3 9.516 novos membros foram iniciados como DeMolays, assim fazendo-o apenasalguns 100 abaixo do melhor ano em recorde. Não havia sido pela recessão, temos certeza teria sidoum novo mercado estabelecido."Um novo recorde foi fixado no total numérico de força com 135.039 DeMolays ativos relatados ..."Nunca antes havia tido tantas mudanças no Supremo Conselho desde meu relatório à você no anopassado. A morte escolheu nosso querido e reverenciado H.Fred Stein que é uma perda irreparáveltanto para o DeMolay quanto para a Maçonaria. Sua doença ocorreu bastante súbita e levou doOficio um homem que tinha dado si próprio para a Ordem durante onze anos. Ele esteve ausentecomopoucos homens Seus deveres de Grande Conferencista estão agora sendo alçado cooperativamentepelos outros membros da função."Para servir com tempo integral o Secretário Executivo Declarado DeMolay com Sede Jurisdicionalem Indiana. nós mutuamente consentimos a constatação de C.C.Buddy Faulkner, k, que estavaservindo como Diretor de Atividades pelo Supremo Conselho. Estando ciente desta esperada perda,nós adquirimos a qualidade nos serviços de John S Mackibbin, Jr, em abril último quando ele podiatornar-se completamente familiar com os deveres de Diretor de Atividades no período da últimaqueda de Buddy. John não é recém chegado ao DeMolay assim ele foi um membro Oficial doSupremo Conselho de 1934-41 e Conselheiro do Capítulo Mãe durante vários anos."Nossa mais recente perda foi em 1 o de março quando R. Eugene Britain, Diretor da Educação noOficio, partiu para ter a posição com a Fundação Humanística Americana a qual está localizada emKansas City a qual empresta dinheiro a estudantes que desejam estudarem nas áreas deUniversidades Humanas ..."O DeMolay já tem uma tremenda qualidade de prestígio; porém como em nenhuma outra fase daOrdem, existe sempre sala para melhoramentos. Nada renda um produto como prestígio, apenasolhe para seu automóvel Cadillac, é vamos ser honestos, o DeMolay é um produto apenas comoqualquer outra idéia, organização ou modo de vida. Certo, é um produto que poucos podem tocar,pelo seu beneficio grandioso vá ao recipiente e fique com ele pelo resto de sua vida."Oferecemos um programa que nenhuma outra organízação jovem pode igual. Certas fases podemserem iguais e talvez excedida em algum grau por outros grupos jovens, mas eles nào podemultrapassarmos sobretudo em qualidade. Se todo homem, mulher e criança está ciente deste
  • programa e eles a vêem substanciada num local nívelado por um bom desenrolar do CapítuloDeMolay então o fator prestígio irá cair no DeMolay naturalmente ..."Na luz não da posição calma, mas progredindo com o tempo e olhando para o futuro, o oficio éusado agora num intensivo planejamento de programa para fazer vastas mudanças em nossa políticase necessário for para assegurar o contínuo crescimento e força De~1olay por maior extensão deanos futuros."O Secretário Geral, numa costumeira parte de seu Relatório, sempre expressava uma palavra deagradecimento à funçào da Sede. Neste Relatório, ele estava mais compreensivo e expressivo doque tinha sido em anos anteriores. Ele parecia assim embora ele quisesse dar expressão de suaaprovação para todos que tinham feito por ele e pelo cuidado que eles tinham mostrado quando suafraquezaaumentou colocando uma limitação em suas atividades Sua primeira palaTa de especialagradecimemo foi à Charley A Boyce ."Após 3 7 anos seu Secretário Geral está começando a correr fora das palavras para adequadamenteexpressar-se no serviço de fé e devoção de Charley A.Boyce. Ele não somente tem sido umeficiente e incansável trabalhador pelo DeMolay durante esses muitos anos, mas ele também temsido simultaneamente um amigo confiável e leal. O melhor modo que sei para expressar suanecessidade ao DeMolay é dizer que eu não conseguiria sem ele."Seu Secretário Geral desej a expressar sua profunda apreciação e agradecimento por um trabalhobem feito neste ano passado ao:"S.lvLBatteIL longamente chefe de escritório do Supremo Conselho, que manuseou os múltiplosrelatórios de número de capítulos com rapidez e eficiência ... Harold Bergstresser, que temretomado tão firmes em seus deveres ... A senhorita Mary E. Bush, que tem capacidade dereconhecer nos hábitos profissionais de seu Secretário Geral aliviando sua carga tremendamente ...Roy E. Fitzgerald, cuja eficiência de conhecimento de corretos procedimentos de administração temaumentado a função. que está em constante demanda em lidando perplexós problemasanteriormente confrontando com seu Secretário Geral e cuja área de trabalho em destaque temcontribuído muito para o melhoramento da Ordem ..."Gorman A. McBride, cuja diligência e persistência em ostentação de um membro companheirotem pago assim elegantemente cada ano ... Ed Lourence, que tem sido este ano empregado comodirigente do Departamento de Contabilidade técnico com sua rápida adaptação ao trabalho."Nós estávamos de fato afortunado em obter o DeMolay Senior Richard E. Harkins como Diretorde Relações Públicas e Editor da Cordon. Embora jovem na idade ele é sábio na área de relaçõespúblicas, publicação e trabalho jovem. Richard possui ambos bacharel em Artes e mestre em Artesde graus em jornalismo e relações públicas da Universidade de Ok1ahoma e veio altamenterecomendado por vários quartéis. Seu conhecimento prático e experiência com jornais, livrosanuais, material promocional e grupos jovens eram muito extenso na Escola Superior, Universidadee a C.S. Navy. Seu zelo, entusiasmo e idéias novas, podem já serem limpamente encontrada emnossa programação mesmo embora ele tenha estado conosco por apenas 6 meses. Você ouvirábastante deste jovem nos próximos meses."Minha palavra de especial agradecimento é estendida a todos os outros membros de função doSupremo Conselho que tem tão lealmente realizado as tarefas designando-as e contribuindo commuita cooperação providenciando melhor serviço a favor do movimento."A energia reluzente deste relatório 2:0 Supremo Conselho era uma tensào fisica e ela foi comcoragem, fé e uma devoção sem vacilar a seu trabalho que levou seu Fundador De:Iolay pelaspróximas semanas. A rigidez das mãos e dos braços tornou-se amplamente intensa. O frio do inicioda primavera penetrava em seu corpo e parecia grudar com uma inexorável gripe. Foi sugerido queo clima quente e o sol de La Jo11a, C ali fó rni a, poderia ajudar. Fez trazer alivio mas em 22 de
  • maio ele entrou na Scripps Clinic and Fundation para tratamento, para ficar até 31 de maio. Noinicio de junho ele retomou a Kansas City para uma vez mais levar a palavra que agora parecia maisimportante para ele do que antes. "Preciso terminar meu trabalho" ele dizia quando seus antigosdesejavam que ele ficasse longe do seu escritório para descansar e relaxar.Sua condição não melhorava como ele tinha esperado e ele tornou-se convencido de que eleprocuraria exames adicionais e tratamento. Por sugestão de seus médicos, ele voou para Rochester,Minnesota, em 21 de julho, para entrar na Mayo Clinic. Duas semanas de seguidos exames e ele foiavisado de que não havia cura definitiva para a doença e os medicamentos quando avaliados erameficazes em trinta por cento dos casos. Ele foi avisado contra trabalho ou exercício de qualquermodo, mas ele repetiu o que ele freqüentemente dizia, "iIeu trabalho precisa andar. O DeMolayprecisa seguir".No seu retorno a Kansas City, ele escreveu para as enfermeiras do hospital para agradece-Ias pelacortesia que elas haviam-lhe demonstrado. "V ocês certamente fizeram todo o possível para fazerminha estada conveniente e agradável".Uma carta ao Dr. Harold Penny, médico do Mayo, ele expressou seu agradecimento a ele e a seusassociados pela bondade rendida a ele. Relatou que estava sentindo-se maravilhoso exceto por umapontada ao redor de seus joelhos e intensa rigidez sentida em suas mãos que tem sido dificil amarrarseus sapatos e "algumas coisinhas assim". Sua carta continuava, "agora estas são queixas menoresmas se você tem qualquer informação que ajudará, elas ficariam alegres em serem recebidas. Oh,sim, ganhei três quilos e meio na última semana e, quando disse antes, estou me sentindomaravilhoso e passando todos os dias no escritório."Não havia nenhuma "novidade" mas com renovada confiança e o espirito triunfante, ele retomou aseu trabalho, ditando cartas, atendendo chamados telefônicos de associados através da nação efazendo planos para o futuro progresso DeMolay. Gradativamente os próximos três meses sepassaram, e amplamente tornava-se dificil para ele andar e fazer uso de suas mãos. Cada vez mais ooficio da Sede tiravam-lhe deveres. Eles vigiavam-no com interesse e pairava sobre ele constantesatenções. E assim passaram os meses de verão, ele foi capaz de passar apenas uma parte de cada diano escritório e finalmente no final de outubro ele achoudemasiadamente dificil deixar seu apartamento e tornou-se renunciado a levar adiante seu trabalhopelos membros do oficioHá uma hora da manhã. em 3 de novembro, ele acordou com profunda dor e náusea e chamou suaesposa, "N ell, não me sinto bem". Ela imediatamente chamou uma ambulância e as 2:30 horas damanhã ele foi admitido na sala de emergência do Hospital de S1. Luke. Ele parecia por recuperar-selentamente durante os próximos poucos dias mesmo através do severo frio que agravava suadoença. Sua condição era agravadora com edema pulmonar. Charley A Boyce estavaconstantemente à seu lado. No domingo, 8 de novembro de 1959, quando ele estava deixando ohospitaL Charley parou na sala das enfermeiras. Lá lhe foi dito que Frank tinha passado mal a noite,parecia estar muito melhor durante o dia, e não estava em pengo.Era um relato errado Naquela noite assim que o escuridão veio sobre a cidade, um chamado veio dohospital, do apartamento de Land. "O senhor Land tem tornado-se muito mais fraco. Ele entrou emcoma profundo", a enfermeira relatou. "O médico acredita que o fim virá a qualquer momento.Sugiro que venha logo". Estava decidido entre os membros da familia que somente Nell e a irmã deFrank-iriam para o hospital. Era mesmo melhor para a mãe ficar no apartamento sob cuidados desua filha, Irene. O histórico pioneiro dessas mulheres não permitiam lágrimas mas cada uma sentiuem seu coração a proximidade da morte como por ouvir o sussurro dos ventos silenciosos.As duas mulheres estavam no quarto do hospital e na obscuridade da luz estavam conscientes dasflores que em sua fartura pareciam homenagear a vida e a morte. Frank estava tão quieto. Sua cormisturava-se com a brancura de sua cama. Embora houvesse um sereno sorriso em seu rosto, sua
  • respiração, sob a influência da profunda coma parecia imóveL Por apenas um rápido momento elesentiu a presença dessas duas que estavam de pé do outro lado de sua cama, suas mãos tãoiluminadamente tocando a sua. Lentamente os olhos se abriram e mostrou ltconhecimento e entãose fecharam como se caísse num mundo de sombras e inconsciência.Quem entre os vivente conheciam o vaguear daqueles sonhos através da mente de quem estárespondendo ao chamado de regresso da morte? Talvez existe uma revisão da vida que se temvivido, que ideais tem sido acariciado e os pensamentos que serviram como incentivo e inspiração.Papai Land talvez viu os vagos fatos de um mesmo estudante pregador, de nove jovens ouvindo-o,emoções aos ideais e as informações de uma associação; talvez houvesse vislumbre deredobradas fumaças de um mártir no passado para dar nascimento, muitos anos mais tarde, de umaOrdem para levar o nome DeMolay. Escurecidamente sua mente tem ecos de triunfos e honrasdadas a ele homenagens feito por muitos. Tendo isso e mais, . e então ele estava falando aos jovens,de todo o mundo, dizendo-lhe que estava começando e que era o mais importante de tudo. O iníciofoi tão necessário para aquele que estavam por seguir.Um sorriso pairou sobre seus lábios fechados, os olhos fechados viam dentro do mundo oculto noqual sua alma começava a "aguear. Havia uma profunda tranqüilidade como um belo ritual de paz.Ele sentiu-se mais uma vez falando a seus amados meninos. Sua esposa e sua irmã curvadas sobreele e talvez apenas em sua imaginação, ouviram as últimas palavras que ele escassamente respirouquando sua alma passou para dentro da grande aventura desta vida."Ê o início"
  • Parte 11114. EM RECORDACÃOPapai Land o amado Fundador da Ordem DeMolay, Não estava distante do Movimento que elecriou. O início da era sem seu líder estourou sobre a organização atànita. Havia agora apenas orespeito, a estima, e reconhecimento de suas qualidades pessoais ao servir como um perpétuo emonumento sempre crescente a memorizar sua vida. Era como a voz gentil, o sincero sorriso, ofirme e estável pisar e modo gracioso deste "lider dos líderes", havia deixado a advertência, "Levammeu trabalho adiante. Meu trabalho precisa seguir!"Sua morte veio tão inesperadamente e tão derrepente. Os membros do escritório DeMolay estavamestonteados mas cedo na manhã seguinte ~ na segunda feira - telefonemas e telegramas foramenviados a todos os Membros Ativos e Delegados do Internacional Supremo Conselho parainformá-Ios que Frank Land havia falecido na noite anterior. A nação e todos os DeMolays ouviramas dolorosas notícias. Charley Boyce repetiu mais e mais as palavras de uma antiga passagem,"Nosso Criador o quis para uma tarefa e um chamado mais elevado não neste mundo."A família pediu que as flores fossem dispensadas e as contribuições feitas a Fundação De~1olay,mas as flores vieram em abundância, e com elas telegramas de condolência, telefonemas, postais ecartas, em centenas. Elas vieram tão grande quanto o título, dos Chefes das Nações até os maisnovos DeMolay, todas levavam uma mensagem comum. Com o coração ferido devoto ehomenageando um homem de grandiosidade.Algumas destacavam pensamentos expressando:"Com a mais profunda simpatia, sinto e sofro com vocês hoje pois eu o amei, também"."Tenho muitas lembranças de Papai Land e elas são todas felizes.Lembro-me quando ele chamou-me na época da morte de Louis Lower. Agora foram os dois, oFundador e o 10 DeMola). Porém que maravilhoso legado ao ter deixado após uma vida de serviçosque podemos todos exultar, mesmo quando estamos entristecido pela sua morte" - John CameranSwayze."Ele estará dolorosamente ausente dos milhões e milhões de seus meninos devotados" - WalterCronkite.ele contribuiu para o crescimento e desenvolvimento das úteisatividades jovens e foi um grande líder na vida cívica de seu País" - AJf1. Landon."Com grande tristeza e pesar eu aprendi da passagem deste verdadeiramente grande americano. Elefoi um exemplo Divino diante de nós para seguir" - Gene Austrin"Poucos homens tem assistido a posição de alta estima a qual tem sido dele por estes anos, enenhum homem mereceu-a mais do que ele" - Walt Disney.Os serviços funerários foram assistidos as 14:30 horas da tarde de uma quinta feira, 12 denovembro, um dia árido e frio quanto para fornecer este comentário, "a chuva de hoje é simbólica"até mesmo a Mãe natureza chora tanto um homem especial quanto F rank S. Land ao ser posto paradescansar ". A grande construção gótica da Country Club Christian Church, foi escolhida para oserviço por causa da magnitude de seu auditório , pela beleza de suas janelas de vidro colorido ,arcos em pedra, e atmosfera de tranqüilidade . Durante a hora do funeral , longos lamentos ,predominantemente homens, lotavam o grande santuário e balcão superior. lv1ais de centenasouviam pelos alto-falantes colocados nas salas ao lado . O reverendo Herbert Ewins:r Duncan,orador e ministro oficial da Westminster Congres:rational -. , Church.Os ativos carregadores de féretro eram seis membros de cargos do Supremo Conselho Internacional,incluindo: S.M.Battel C , Harold C.Bergstresser, Richard E. Harkins, Jack D. Hart, Gorman A.tv1cBrid , e John S. Mckibbin ]r. Os honoráveis carregadores de féretro foram apresentados e exGrão-mestres Maçons, incluindo o anterior presidente Harry S. Truman e outros grandes oficiais de
  • todos os grupos maçànicos; membros ativos e delegados do Supremo Conselho Internacional;diretores do Columbia National Bank; e oficiais da Phillips Petroleum Company.Durante os momentos da digna solenidade dos serviços, um profundo sentimento de dor, foiexpressado e estendido simpatia a esposa de Frank Land , senhora Nell M.Lanmd; sua mãe Sra.Elizabeth James; sua irmã, Sra. C. P. Stein; seu meio irmão o Sr. Robert Palmer, e aos membros eocupantes de cargos do Supremo Conselho Internacional da Ordem DeMolay .Em seu elogio ao Papai Land " como um amigo do mundo ", o reverendo Duncan disse queraramente na historia a passagem de um homem deixa tão grande, vazio sentimento em tantas vidascomo a morte de Papai Land .I Ele foi conhecido respeitado e amado por várias legiões de jovens em suas adolescências " Eledisse , " E pelos homens em todos os caminhos da vida líderes das artes e profissionaisCongressistas e Senadores , governadores e presidentes de nossa nação." Nós todos temos uma rica e profunda memória de uma personalidade calma que foi capaz deexpor o melhor alcançado em sua ·ida . Ao estabelecer a ordem DeMolay , após a primeira guerramundial , Papai Land restaurou aos jovens daquela geração , as qualidades que tem marcado asvidas dos heróis e santos em todas as gerações " disse o reverendo Duncan ." Assim os anos se passaram e sua influencia cresceu aumentando gradativamente " . O reverendoDuncan continuou, "ele ficou para aqueles que em minha geração o mesmo I Papai I Land queprimeiro vimos como um jovem que ajoelhou num altar DeMolay , e alguém que percebeu quedaquele momento em diante, nós tínhamos um amigo , que seguiria nossa vidas com interesseatravés dos anos." Ele destacou-se como um grande reservatório de forças para a continuação dos ideais de nossajuventude e pelas virtudes cardeais do I Amor a Deus, amor ao Lar e amor ao país I . Que eleincluiu no ritual hoje conhecido " pelos três milhões de garotos ." Num grande espírito de comemoração que confiamos sua alma neste dia a Deus, ao País e aoDeMolay ".O serviço maçônico , com beleza ritualistica , foi conduzido pelo R. W.BRO . Frank A. Lewis , secretario e ex mestre da loja Ivanhoé n° 446 , da qual Papai Land foi ummembro. Uma guarda de honra de 6 oficiais do capitulo mãe, então acompanhou o féretro ao Altarda igreja. Lá a guarda de honra da Patrulha Shrine Templo Ararat de Kansas City , em uniformes,formaram duas filas, nas laterais do lado de fora da igreja, enquanto o caixão era levado ao carrofUnebre .O cemitério Mount Moriah , cujo nome significa imortalidade , está localizado ao sul da cidade, nohorizonte das graciosas colinas de Jackson Country . A entrada este denominada por um pedaço demármore do arquiteto egípcio com uma silenciosa esfinge em cima , de lado um longo caminho deescada levando ao portão de bronze . A leste desta construção , o cemitério de Land por sorte estálocalizado num local cercado por arbustos e árvores sempre verdes. Aqui Frank Sherman Land , foienterrado para descansar na fria e chuvosa tarde de 12.11.1959 . O simples marco de sua covanivelada com a terra , como todas as outras , marcadas no cemitério constava então uma brevehistoria.FR.-~l( S. LA . .cl) 21.06 De1folay 08.111890 - 1959FUNTIADOR DA ORDEM DEIOLA Y" Ieu trabalho precisa seguir li o desafio tem sido arremessado para ordem DeMolay pelo PapaiLand , mesmo quando os dias de sua vida vestiu pano final . Numa resposta, o Comitê Executivo doSupremo Conselho assim assistiu uma reunião especial em 13.11. sob a direção de seu presidente,Dr. Clard F. Y oung, para ocupar o escritório do secretario Geral. Charley A. Boyce foi nomeado
  • para posição de "Secretario Geral Interino, para servir naquela função até a próxima sessão anual doSupremo Conselho em 10.11. em Tucson, Arizona li. Era uma esplêndida escolha. Ninguémconhecia a organização De.Iolay do que Clarley Boyce . Ele havia estado com Papai Land ,desde1922 - 37 anos servindo como assistente executivo do secretario Geral Levando adiante o trabalhoDeMolay ,após a morte de seu Fundador, ele doou-se para manter o DeMolay da queda sob apesada carga de dor. Sua primeira designação foi emitir um edital pelo Earl E.Dusenbery, Grão-mestre. i" A triste tarefa que tive de fazer durante minha condiç.ão de Grãomestre foi emitir um editalpedindo para todos os altares serem acortinados durante um período de 30 dias, como lamentoDeMolay ao amado fundador Papai Land. Sua Passagem em 8 .11 , foi a maíor tragédia e um golpeao DeMolay . Ele e sua grande liderança será severamente sentida através da nossa grande ordem .É raro que um homem de sua qualidade e grandeza tenha nascido . Sei que vocês como membros elideres DelvIolay colocarão todos esforços para verem a ordem DeMolay continuar do mesmomodo como se ele estivesse aqui, liderando-nos ".Quatro meses após esse periodo de lamentação , por Papai Land , os capítulos DeMolay , suaesposa, NelI Madeline Land , juntava-se a ele nos corredores da morte . A doença dela não veioinesperadamente . [vIeses antes da condição .de Frank , ela havia experimentado o desconfortofisico e estava ciente da diminuição de força e vitalidade . Mas não queria acrescentar preocupaçãoa seu li Frankie " ela nunca contou-lhe que estava doente . A morte dele parecia estalar sua pacientecoragem . Sua doença agravou e em 02.02.1960 , ela entrou no RESEARCH HOSPIT AL emKansas City . Lá exames e biopsia , revelaram um câncer no figado e pulmão, bem avançado quantoa tomar-se terminal, com um breve período de vida. Uma amiga que veio visita-Ia no hospitalmaravilhada com sua compostura e beleza facial que até mesmo uma maldade não podería apagar .Então elas conversaram juntas, e ela disse , " Sinto tanta falta dele ! Você sabe nós fomos casados ecompartilhamos nossa vida juntos por 47 anos. Sua vida ocupada levava-o para longe de mim ,então ele viajava pela nação, mas sempre procurava, antecipar seu retorno.)Agora ele foi embora. As vezes consolo-me pela imaginação de que ele está apenas numa outraviajem . e que eu o verei logo".Sua palavras de tristeza deu testemunho do pleno significado de sua fé , que existe mais na morredo que na agonia, e mais uma vida do que o viver. :Juito calmamente, seu espirito passou pelosinfinitos, corredores do tempo em 23.04 .. Ela agora descansa ao lado de seu marido diante dacolina, no cemitério Mount jIoriah e tomou-se parte dos serviços assistidos por cada um em 08.11 e18.03 , em memória de F rank Land .Durante sua vida, haviam muitos que diziam que Frank Land , cresceu rico como resultado de seutrabalho como DeMolay . Ele viveu bem e graciosamente, num apartamento particular de seuescritório , mas sua declaração , quando o inventariou , provou estas acusações serem falsas . Aparte do prosseguimento da vida política segura a situação era modesta e isto o absolvia no final,chamados de obrigações a pagar os premios de sua vida segura.Pelo chamado de seu futuro, que provou em Jackson Country, Missouri, sua propriedade foicolocada em confiança em beneficio da Sr Land e sua mãe. Após a morte da última beneficiária, oequilíbrío do prosseguir séria voltado à Fundação de Frank S. Land, uma entidade criada por elepara o futuro. Ele oferecia confiança para operar e supervisar a fundação, nomeando comoconfiança o Columbia National Bank, o Imperial Potentado do Shrine, o Grande comandante daJurisdição norte e sul do Rito Escocês, o Grande Comandante dos Cavaleiros T emplários nosUnited States, e Stanley Garrity como Advogado. A confiança foi para distribuir e pagar rendalíquida ao Supremo Conselho Internacional da Ordem DeMolay "Tão distante quanto uma efetivaorganização em ajuda ao bem-estar, moral, mental, educacional e bem estar fisico dos meninos de
  • 14 anos a 21 anos de idade inclusive". Se ela interrompeu para ser uma efetiva organização comtamanho propósito que a renda líquida seria distribuida ao beneficio dos meninos entre as mesmasidades e para os mesmos propósitos.Em Palm Sunday, 10 de abril de 1960, durante uma sessão do Supremo Conselho em Tucson,Arizona, o Serviço Memorial foi assistido em Honra de Frank Land, Relato do 13° Capítulo doprimeiro Corinthians foi lido pelo Df. Cland F. Young, Presidente do Comitê Executivo; e a oraçãofeita por Harry Bundy, ex Grãmestre. A mensagem foi dada por Chandler C. Cohagen, ex-Mestre,Grande Tesoureiro, e por dois anos marcou como amigo íntimo de Papai Land. E disse o seguinte:"A divisão que separa a capacidade da mediocridade, e do brilho ao lugar comum, é freqüentementemuito pequena e às vezes transparente. Porém a divisão entre o homem dedicado consagrado e queestá contente em segui-Io apenas, éde proporções muito maiores Estamos aqui para fular de alguém que iveu no mais alto plano .."Nossa sociedade, como cada geração, diante de um miríade de problemas. Temos notado, pelahistória dos séculos, como cada era acredita que ela tem o maior problema de todos os tempos. Ahistória sempre, torna-se um juiz e ele aponta um dedo àqueles eventos que parecem serem maiscatastrófico do que os outros. Ignoradamente nós levantamos a entrada de um desses periodos em1914. Nosso Irmão Frank havia estado em negócios por quatro anos. Ele prosperou mas sentiu queestava vivendo demasiadamente para si próprio e para sua família. Ele desejava ser de maisserventia aos outros. O mundo estava por mergulhar dentro da 1 a Guerra Mundial e quando oGrupo do Rito Escocês de Kansas City chamou por ele. Ele acreditava em Mateus 5:47, Se saudaisapenas vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Este espirito dominava todas as suasatividades, por seus conselhos aos Problemas da juventude era procurado por várias raças e credos.Certamente ele foi mais do que "saudar apenas seus irmãos ... ""Verdadeiramente ele viveu e fraternizou os sentimentos dos imortal John Ruskin: Quandoconstruirmos vamos pensar que construiremos para sempre. Não a deixe ser deleite para o presentenem para só usar no presente. Deixe-a estar em todo trabalho assim nossos descendentes nosagradecerão e vamos pensar, assim configuraremos pedra por pedra, que virá no tempo em queessas pedras serão consagradas por nossas mãos terem-na tocados, e que os homens dirão quandoeles procurarem o trabalho e substâncias manifestadas deles, Veja isto nossos pais fizeram por nós.Sem dúvida Ruskin tinha em mente o prévio especulativo do ângulo operacional. Ele não aplicou adedicação de Frank Land em construir a estrutura DeMolay, e não é nosso dever mantê-Ia nomesmo espírito! ..."Ele havia vivido."Os frutos de seu trabalho podem viver depois dele e lembrar-nos constantemente a continuar afazer aquelas coisas que ele adoraria tê-Ias feito".Um ano depois, durante as reuniões do Supremo Conselho em Victoria, B.C., Canadá, todosesforços foram feitos para "continuar e fazer aquelas coisas que ele adoraria tê-Ias feito." AlbertJ.MacNally, como Grã-mestre, presidiu as sessões quando novos caminhos foram explorados paraencontrar modos. convenientes para a continuidade do progresso da Ordem. As reuniões eramrepletas de emoção num esforço para perpetuar uma memória, mesmo ao mudar o escritório doSecretário Geral para Grande Secretário. Muitos dos homens sentiam que o título "Secretário Geral"e o nome "Frank Land" seriam sinônimos. Pelo amor deles à Frank Land eles não acreditavam queseu título seria dado a outro. Clarence Head, sempre, que haviaservido durante o ano passado naquele escritório teve a designação - em vida - de Secretário GeralEmeritus.o escritório de Frank Land também levava lembranças de sua associação e companheirismo com oshomens De:·/lolay. Foi votado em manter sua sala como um santuário e para preserva-Ia assimcomo ele a deixou com toda elegância e paredes repletas com dedicações escritas nas fotos de
  • homens famosos me todo seu trajeto na vida. A sala ao lado do seu escritório havia servido comoescritório do Secretário de Land e agora, por decisão do Supremo Conselho, ela seria usada comoespaço complementar para a Sala do Memorial de Frank S. Land. Para arrumar esta sala foidesignado um comite com H. Malvem Marks como presidente. Os outros membros foram ChandlerC. Cohagen, Albert 1. ]v1cNally, Stanley Garnty, George M. Saunders, Harold F. Koch, e Dr.Cland F. Young.Este comite, durante algumas semanas haviam feito projetos de reforma e o trabalho logo começou.O escritório de Frank Land não precisou de nenhum toque de revisão. O outro escritório foicompletamente reformado com os custos pagos por donativos de amigos do mundo todo - dosDeMolays, Capitulos, Conselheiros, Grupos Maçônicos, amigos e aqueles que admiravam estafonte de bondade. É uma bela sala com painéis de ricas cerejeiras, iluminação especial, profunda,macio carpete vermelho e um vidro da janela pintado com uma cena familiar de um DeMolayajoelhado num altar. Exposição de casos históricos da casa, tais como o registro original depresença e minuta do Capitulo Mãe, a primeira patente e cartão de membro-companheiro e assigníficantes honras de condecorações que vieram à Papai Land durante sua vida. Um altar brancoestá colocado no centro da sala, e retratos de Papai Land e Louis Lower pendurados no paineLAs Memoriais salas de Frank S. Land foram dedicadas na tarde de quinta-feira, 16 de novembro de1961, com o Reverendo Herbert C. Duncan, Grande Capelão, conduzindo o serviço.A apresentação formal da sala foi feita por H. Malvem Marks cuja Vlsao e planos haviamcontribuídos amplamente para a criação da sala William P. Lombard, o Grã-mestre, formalmenteaceitou as salas em beneficio do Supremo Conselho. O orador da dedicação foi Chandler C.Cohagen, que desde o início da Ordem tem dado seu tempo, capacidade, e inspiração aocrescimento DeMolay. O Sr. Virgil Woodside, que foi o solista para o serviço em Memória dePapai Land e ao funeral da Sf Land, cantou a seleção usada em seus serviços, !IA oração doSenhor" de Malott.O Dr. Duncan dirigiu-se a muitos amigos DeMolay que aglomeravamse nas salas do Memorial, osvestiários e escritórios da Sede do Supremo Conselho."Estamos reunidos aqui hoje para uma cerimània inédita - que é bastante única na história de nossaOrdem, e que leva raro sentimento e emoção por cada um de nós. Aqui nós dedicaremos as salasque foram preparadas como um perpétuo memorial à vida de Frank Sherman Land. Cada um de nósestá apto à ter uma participação, portanto, a Litania de Dedicação, seria feita por cada um dospresentes" .Litania de Dedicação:CAPELÃO: Pela glória de Deus por tais favores dessas bênçãos terem vindo sobre nós; aos firmespropósitos DeMolay - amor a Deus; amor ao lar e amor ao paiS.TODOS: Nós dedicamos estas salas.CAPELÃO: A querida memória de Frank S. Land cuja calma, reverente personalidade, fundou aOrdem DeMolay e deu para as juventudes de todas as épocas as virtudes de uma Coroa daJuventude; pela memória nós acariciamos por termos conversado com ele nestas salas em que seussonhos para melhoramento de jovens encontravam realizações; pela influência de sua vida em cadaum de nós;TODOS: Nós dedicamos estas salas.CAPELÃO: Em respeito a todas as grandes almas que tem esforçado a mais de dois anos para darmaior significado a Ordem DeMolay e cujas vidas tem refletido a visão de nosso Fundador comoúltimo beneficio a todos os jovens; por aqueles que tem acariciado em seus corações um brilho defé neles próprios e em todos os jovens na maturidade;TODOS: Nós dedicamos estas salas.
  • CAPELÃO: Por aqueles que nos anos futuros sentirão inspiração quando de suas visitas a esteslugares queridos como um santuário dedicado a eles mesmos, reforços para os ideais e verdades daOrdem DeMolay; para o florescer das qualidades do amor filial, reverencia às coisas sagradas,cortesia, companheirismo, fidelidade, patriotismo e clareza nos pensamentos, palaTa e intenção.TODOS: Dedicamos estas salas.Os vários rituais da Ordem que servem como fonte de orientação para centenas de milhões dejovens estão incluídos como parte das cerimànias. Em três rituais onde se lia apenas um parágrafo -selecionados para expressar os ensinamentose pratIcas Del.1olay Do ritual básico usado nos capítulos através do mundo. Jim Hershey ex-Mestre Conselheiro do Capitulo ?vlãe, leu"O grande objetivo de nossa Ordem é ensinar e praticar as virtudes da pureza, direito, patriotismo ereverências a vida como a melhor preparação para a maturidade que estamos nos aproximando.Estamos seriamente nos esforçando para sermos melhores filhos, melhores irmãos e melhoresamigos para que quando alcançarmos a maturidade possamos ser os melhores homens".Nathan White, o Estadual Mestre Conselheiro do Texas, leu o ritual de grau de Cavaleiro."Como crianças do Pai Universal reconhecendo que Ele está em todos e em tudo é provável quecada um de nós pudesse, através dos anos de nossa vida, ser um humilde e consagrado filho deDeus. Rumo a observância do próprio significado da religião a menos que haja dentro um profundosenso de alma. Nós podemos em todo ato, modo, e circunstância, provar sermos digno deste filhouniversal.Um parágrafo do Ritual de Posse da Legião de Honra foi dado por John A. Weiss, o Reitor doPreceito Original:"A estação de nosso oeste é simbólica dos dias sobre o final e a vida que nela encerra. p..lassobretudo ela representa, o sol que nunca irá se pôr e a promessa gloriosa de eterna felicidade nomundo que virá. Nesta estação simbólica do final da jornada, posso com toda propriedade,expressar a esperança que - quando você se volta dos raios de sol da vida irá voltar para as sombras- eles fecharão sobre você como uma benção - com a promessa de eterna recompensas e eternashonrarias".O discurso seguinte, "Então eu faço promessa e juramento", foi dado pelo Grande Capelão:"Abraham Lincoln, no mais belo discurso de Dedicação na história Americana, disse daquelespresentes no Gettsburg que eles não podiam consagrar a terra, por ela ter sido sagrada por aquelesque viviam cujas honras eles fizeram. Do mesmo modo não podemos formalmente dedicar aquelassalas, pois elas já foram consagradas pela gentil e graciosa personalidade de Frank S. Land.Aqui ele sonhou e trabalhou. A própria construção é testemunho de sua visão de uma permanenteconstrução na qual por ter escritório do Supremo Conselho Internacional da Ordem DeMolay.Realmente, seu espirito é tanto parte das salas do Memorial que, mesmo no silencio e dignidadedestes momentos, nós instintivamente sentimos que ele está ao lado, nos cantos ou através de umaporta aberta para mudarnos e levar adiante sua tarefa incompleta de inspiração aos jovens namaturidade a usar com dignidade e honra a Coroa da Juventude, em preparação pelos anos dematuridade E uma taretà que nunca irá ser completada Ela será sempre uma tarefa incompleta. poiscada geração precisa aprender os princípios fundamentais do amor filiaL reverencia pelas coisassagradas; cortesia: companheirismo: fidelidade;. patriotismo e pureza nos pensamentos, palavras eações Cada geração precisa passar essas qualidades adiante por sucessivas gerações, ou nossacivilização perderá as forças de dedicados propósitos que é o verdadeiro baluarte da sociedade. ODe.VIolay pode bem ser o depositário dessas históricas comprovadas virtudes que tem sido osfatores básicos para grandeza eterna entre as pessoas de todas as nações e todas as épocas."A sala leste deste escritório onde Papai Land trabalhou é uma lembrança um santuário para ossímbolos da Ordem. Alguém de pé diante do altar desta sala carpetada, as estações é
  • instantaneamente levadas para a janela de vidro pintada efeito belo de uma luz transluzente do norteque domina a sala. O detalhe desta janela está refletido novamente de vidro que cerca a exposição.A pintura de vidro através do tempo todo tem levado leveza na cor e textura que expressa o espíritodas coisas eternas. E, assim é esta sala . Aqui está pintado um jovem na sua adolescência, um mantobranco diante do escarlate cobria o altar completamente com livros escolares, Bíblia e a Coroa dajuventude. Sua face parece irradiar o sentimento de inspiração que tem o jovem no instante deassumir uma profuvda e solene obrigação. Ele sabe que sua obrigação servirá como um farol de luzpara ele através de todos os anos de sua vida. Sob esta cena de inspiração estão as palavras - Euentão faço promessa e juramento.Imagino que expresso o sentimento da maioria quando digo que passo para dentro de seu escritório,ocorre um puxão no coração e as lembranças da associação vem para dentro de mim". Aqui sob otítulo do fundador e do Secretário Geral, ele dirigiu a longo alcance a Organização De:~.1olay. Seuescritório ficou bem pessoal. Ficou mais para um lugar para estudo privado, completo com lareira,poltronas de couro, paredes revesti das de fotos e livros. Todos que visitam esta sala sentem a vidadentro das pessoas assim como tem sido conhecido por alguns homens."Nós estamos atualmente cercados por lembranças porque nós tivemos o privilégio de cOlli~ecerPapai Land. Nos anos futuros que estão por desdobrar-se, aqueles que vem aqui e não tiveram aoportunidade de conhece-Io, receberá o senso de orientação e inspiração assim que param no Altarde Dedicação, e então vêem a sala onde Papai Land trabalhou e estudou. Eles levariam com grandedecisão de ajudar a levar adiante este programa."Assim nós paramos para render homenagem e dar honra a Frank Land na dedicação destas salas,nós nunca esquecemos que enquanto o DeMolay era Frank Land, e Frank Land era o DeMolay, elenão a fez num simples passe e nem sozinho. Nossa dedicação incluiria aqueles homens que temdado os melhores anos de suasvidas em várias capacidades desde o 1 ° Encontro dos 33 meninos em 18 de março de 1919, quandoo nome do último Grão-mestre dos Cavaleiros T emplários foi indicado como um nome para suaorganização e o mártir lacques DeMolay pegou suas imaginações. Estes homens haviam servidocomo membros. bordões e oficiais do Supremo Conselho Internacional, como Cavaleiros doCapitulo local, como membros de várias organizações maçônicas - como trabalhadores para juntostrazerem à juventude, as qualidades de bondade que tem marcado as vidas dos heróis e santos detodas as gerações. Aqui está nosso desafio Para grandemente decidir Para então prometer e jurar -aqueles nossos únicos esforços, nossa visão e força, nós deixaremos esta salas do memorialservirem como um farol para um avanço DeMolay, e não como um memorial de coisas passadas."Sinto que a grandeza DeMolay existe além dos rituais, da pompa e da cerimônia, a necessáriaorganização, e mesmo além daquelas Salas de Memorial . É algo como o brilho de uma chama defogo numa manhã ensolarada golpeando a lança de um cavaleiro das Cruzadas, ou como a névoasubindo do mar, ou a beleza de uma flor, ou o pôr do sol. É o espírito da grande organizaçãofundada sobre a vida de um mártir do século 14°, trouxe algum significado por alguém que iveucomo o patriarca do idoso que orou Fale para mim ó Senhor, até tua lança irá tornar um familiarmodo de vida, que possa eu vir em ações que abençoe outras vidas, e deixe atrás de mim a herançade uma vida boa e levou adiante através de todos os tempos por- aqueles que são dedicados - queassim prometem e juram - à grande causa representada por nossa Ordem".15. ESTAS LEMBRANCAS PAPAI LANDo prazer de escrever esta biografia de Frank Land foi devido, em parte, a entrevistas com aquelesque haviam conhecído por muitos anos. Era a oportunidade de conversar com homens e mulheresde v rios interesses que cresceram radiante quando eles revisaram a vida que havia tido grandesignificado para eles. Duas discussões estão aqui incluídas para dar mais significado , peloconhecimento pessoal, para a vida de papai Land. A primeira entrevista inclusa foi com Harry W.
  • Bundy, ex Grã-mestre, oficial executivo pelo estado de Colorado e alguém que tenho admiraçãodesde os dias do 10 Bear Lake Campo A segunda entrevista foi feita em Chicago com George M.Sounders, ex Grão-mestre e agora generosamente dando seu tempo e habilidade como GrandeSecretário da Ordem DeMolay. Ele tem sido amigo pessoal desde que ele tomou-se o Registradordo Ararat Shrine em Kansas City, há muito tempo a trás. Ele agora serve como Imperial Recorderpela Ancient Arabic arder Mystic Shrine Nobles na América do Norte.ENTREVISTA CO;1 HARR Y W BLiuYSr. Duncan Harry, você foi amigo de Frank por muitos anos, você é da mesmaidade de Frank)Sr. Bundy: Somos. Ele sempre se referia a mim como "Patrão", e era maiS velho que ele 4 ou 5meses.Sr. Duncan: Então, quando você tronou-se interessado pelo DeMolay no Colorado, vocês dois eramjovens)Sr. Bundy: Sim, porém apenas jovens, estávamos com 39.Sr. Duncan: Você provavelmente começou como numa cruzada juntos. Tenho sentido que haviamais do que uma qualidade magnética sobre F rank naqueles dias, que homens feito você, ChandlerCohagen, e outros tornaram seus discípulos leais.Sr. Bundy: Acredito no grande magnetismo que ele tinha em sua sinceridade de propósitos. E haviasua falta de medo do tão calada fileira e suas influências nas coisas. Ele ia para qualquer distânciapara provar sua pontaria mas não para antagonizar aqueles que, por causa de seu credo, poderiam seoporem ao DeMolay. Ele não tinha objeções, por ocasião, com os meninos católicos Romanos quevinham. Primeiro forneciam-lhe o consentimento de seus pais, e então de seu sacerdote paroquial.Sr. Duncan: Ele antes tinha um jeito de saber apenas diante das ações imediatas ou deixar que otempo se encarregasse das situações.Sr. Bundy: E verdade ele nunca evadiu uma emissão, mas parecia ter uma força daquelas que opermitia olhar para o futuro e ver o resultado de uma ruria temporária como relatou com grandeprofundidade da Ordem DeMolay e seus objetivos.Sr. Duncan: O primeiro interesse foi com os meninos não foi?Trabalhando com eles para faze-los melhor e transforma-Ios com a idade?Sr. Bundy: Sim, foram esses ideais que ele impressionava qualquer DeMolay_ Em seu pensamentoo DeMolay não era nenhum reformatório de atividades de meninos que precisam de treinamento;não era um treinamento escolar para meninos ruins para torná -Ias voltados para a trilha de altosideais, mas uma seleção anterior de membros companheiros entre os meninos que possuíam altosideais ou de grande potencial como líderes em sua comunidade. Não havia dentro nenhum sensopreviamente permitido para ser um reformatório.Sr. Duncan Assim eu o entendo. esta Ordem foi formulada sob a influencia ~Iaçônica porém oDe:Iolay foi para os meninos e a conecção maçônica foi um apoio Está correto!Sr. Bundv: Sim é verdadeSr. Duncan: Ele estava mais interessado nos meninos e suas ações do que em fazer qualquer tipo deorganização r..façônica JÚnior.Sr. Bundy: Acredito, e firmemente acredito, e sempre acreditarei, aquele seu interesse primário erapara fazer o que fosse melhor para o menino. Acho que foi uma reação de sua própria juventudequando ele demonstrava uma matinal profunda religiosidade. Ele sentiu que sua experiencia o haviatrazido para uma posição onde ele poderia patrocinar uma organização para meninos que seriapermitido ter uma saída para suas atividades. Tremenda atividade, natural e inerente no menino, e seporém não controlada esta atividade poderia escapar do controle. Não que ela sempre conseguiriaescapar das mãos, não que alguns dos meninos não se tomariam bons homens e cidadãos dedestaque de qualquer modo. mas porque com uma pequena orientação eles podiam serem ensinadosa respeitarem as coisas, alguns dos respeitos como aos anciões assim muito essencial na meninice.
  • Ele sempre expressava a idéia de que um menino não seguiria as advertencias antiquadas de seusanciões, que um menino precisa semear sua aveia selvagem! Ele desafiou isso e achoudesnecessário. Ele não gostou da idéia de que um menino precisa se deixar solto do avental debarbante de sua mãe o qual nós temos sempre considerado como um teste de um menino estar seaproximando da maturidade para ver se ele estava liberto de sua mãe, instalado ele ensinavarespeito pela maternidade. Sua primeira ação na ligação a Frank Marshall foi para insistir sobre aoração pública. E esta foi realizada e ainda é praticada em uma das regras de feições Delvlolay naInteração das 9:00 horas da Ordem. Isto não tem sido mudado durante os anos de uso do Ritual. Ésempre uma emoção para mim que um menino, negligencie sua posição, quando ele está reunidosob a prometedora DeMolay, se for num baile, num torneio de basketball, numa apresentaçãoritualistica do Capítulo, ou qualquer outra atividade, parará para esta cerimonia, irá põr seus joelhosem público e reconhecerá sua opinião em algum tipo de atividade religiosa.Sr. Duncan: Fazemos ter impressionantes cerimonias ao público para testemunharem. Acho suamenção um dos mais significativos serviços que os meninos experimentaram. Em meu contato comFrank, eu estava sempre ciente da grandeza, profunda reverencia. Tenho o sentimento que todasmanhãs ele passava horas em meditação e oração. Não era assim?Sr. Bundy: É verdade. Era notado por todos. Ele não era interrompido ou ridicularizado em nenhumsentido. Era um privilégio reconhecido que ele possuía. Emoferendas suas próprias orações, ele tomava-se mais intimo com seu Criador quando ele pedia porajuda e fazendo coisas que acreditava serem melhores para a humanidade, a qual tinha sua atençãonos jovens e possibilidades de treina-Ios. Ele freqüentemente referia-se em sua crença que ocaminho para bons cidadãos era através do menino Ele oferecia como um exemplo horrível docaminho oposto, o regime de Hitler quando ele planejou seu futuro controle sobre a Alemanha peloensinamento aos jovens da Alemanha certas respostas mecànicas os quais tomaram-se enraizadosnaquilo que conhecemos como Nazismo.Sr. Duncan: Nunca houvera duas organizações jovens com tamanha diferença.Frank tinha um apelo aos meninos próximos dos 20 anos de idade. Ele parecia exercer domíniocomo fogo selvagem. Um grupo experimentaria o DeMolay e eles trariam seus amigos paratestemunharem a beleza do ritual. Tenho sempre maravilhado o que ele tinha sido, por acrescentaralgo novo para a juventude desenvolver e levar adiante. É comparadamente entende agora com oretrocesso dos anos, mas era tudo tão novo.Sr. Bundy: Herb, acho que uma razão do desejo por uma nova Ordem em meu estado naquela épocafoi ao fato de que um pano definitivo de baixo nível em Colorado para recrutarem membros eoficiais para que fossem conhecido como Júnior Klan.Sr. Duncan: Você significa o Ku Klux KlanlSr. Bundy: Sim, foi em efetuar. Não acredito que foi a coisa toda, mas que foi uma reação dos paisdos meninos de famílias mais conservadoras de nosso estado que estavam desejando uma saída paraaquela instintiva qualidade de agregados de todas pessoas jovens. Nossos meninos foramencontrando essa saída no Klan, e então vieram para o DeMolay. O resultado disso nossa segundaou terceira classe de DeMolay em Colorado havia mais de 400; elas cresceram fora do Templo doRito Escocês e do Sótão Shrine e nós tivemos que ir para o auditório Municipal por esses meninos.Nós convidamos todos os Maçons no bem assistir de pé; tivemos a maior e espetacular apresentaçãodo Grau da Ordem DeMolay. Provavelmente, enquanto os indivíduos maçons foram entusiásticocom relação ao DcMolay, as Lojas tinham que serem rompidas e afastada a tradição de que nada naMaçonaria poderia ser feito pelos jovens abaixo de 21 anos de idade. O que, é lógico, é algo quetem longamente sido esquecido. Ela veio na época da Inglaterra onde a :Maçonaria começou. Elestinham a provisão - que um menino ou um filho de um r-,,:lestre Maçam de uma Loja podia ser
  • recebido e teria prioridade de escolha sobre outros competidores quando ele alcançava a idade de21, mas ele precisa competir definitivamente por membro-companheiro na Loja de seu pai.Sr. Duncan: Esses meninos não são organizados? Como um membro Júnior?Se Bundy "ão, não existe organização dos meninos porque não é produto organizacional. Epuramente uma loja individual e produto familiar. Um menino pode não ser aceito neste grupo deapadrinhados se ele não tiver um pai que seja um Mestre Maçom e bem colocado com a Loja queaceita o menino.Sr. Duncan: Harry, em seu contato com Frank através dos anos, você provavelmente o conheceu tãobem como ninguém mais. Ele parecia sempre tão composto, tão confiante, com um ar de bondadesobre ele. Ele tinha uma notável força de reconhecer as pessoas, chamando-os pelos nomes, ele foisempre assim?Sr. Bundy: Sua atitude era verdadeira. Não foi um caráter assumido. Era apenas naturalexteriorização de bondade com todos que o encontravam. Ele aceitava todos diante de seu valor,mas era hábil em desconfortá-Ios se os achasse superficiais ou enganosos em seus modos de seaproximarem.Sr. Duncan: Ele foi um homem notável. Sr. Bundy: Acho que isto é evidente, Herb, em seu progresso naadministração de um Rito Escocês local o grupo empregou trabalho em alívio para alguns dos maisaltas posições e honras na Maçonaria. Ela era seu objetivo no início, desde agueles serviços daOrdem DeMolay, foram influenciados por seus pensamentos de maçom, que os Maçons elespróprios iriam aderir certos ideais e viveriam neles. Ele indicou comitês cujos negócios eram para oque expressava os ideais do Shrine e eram levadas e apresentadas à seus membros em seusTemplos.Sr. Duncan: Frank nunca bebeu durante toda a sua vida, não é?Sr. Bundy: Nunca. Ele sempre entrava mesmo levando um copo de cerveja inglesa nas mãos paraagradar aqueles que podiam pensar que ele estava tendo uma grande noite.Sr. Duncan: Tenho feito isso também. Se você tem um copo de cerveja nas mãos numa grande festa,você pode muito bem ter uma grande noite.Sr. Bundy: É um modo fácil de escapar, se você não bebe.Sr. Duncan: Acho que Frank pensava como eu - você somente não bebe, é um periodo. Porquefingia, porque não bebia, nunca criou uma falsa impressão. Como ele se saía das intrigas políticasdos grupos Maçônicos? Você não consegue ser um Imperial Potentado sem uma porção demanipulações maçônicas. E não consigo imaginá-Io manipulando., Fez seus amigos conseguirem,por respeito à ele? Sr. Bundy Acredito que Frank tinha atividades políticas tanto quantoconseguia. ?vlas a maioria delas seus amigos reconheciam seus altos ideais e respondia à voz daconsciencia, individualmente. em pensar que ele seria um bom homem para. ouvir qualquerorganização e por em prática os altos ideais que eles, próprios, possUlamSr. Duncan: Há uma parte de sua vida que eu sempre admirei: De fato, ela tem sempre influenciado-me. Aquele seu amor pela perfeição. Quando uma cerimonia era dada, ela tinha que estar correta. Sevocê usasse velas, elas tinham que ser as melhores velas. Se você usasse flores, elas tinham que seras melhores flores, ele parecia dar um exemplo aos meninos que se você faz algo, é preciso que sejafeito da melhor maneira. As roupas utilizadas tinham que ser as melhores. Eu havia notado que osobjetos de arte que trouxe são os mais finos; mas não posso ver nenhum traço antecipado dequalquer treinamento no mundo da arte, exceto por um curto tempo num Instituto de Artes. Ainda,ele foi um artista e apreciador. Onde ele aprendeu)Sr. Bundy: Era resultado de uma crença nas melhores coisas, acredito que era uma reação instintivapela arte quanto para expressar os mais elevados pensamentos do artista. Tenho freqüentemente me
  • questionado como ele reagiria no presente às arte futurística, a qual não consigo pessoalmenteentende-Ia. Porém imé).gino que ele olharia através do artista, eu - até mesmo imagino de que eleera capaz.Sr. Duncan: Tenho sentido de que ele gostaria de alguns de nossos abstratos; o que ele não gostariaé de muitos amadorismo duvidosos. Acho que ele era bastante perfeccionista para ver perfeição emqualquer escola de arte que fosse apresentado. Não acho que ele era antiquado, a ponto de gostarsomente de um pitoresco quadro, ou um vaso, mas se diante da nova arte formada pudesse teralgum significado oculto. Acredito que ele o encontrava.Sr. Bundy: Penso assim também. Não penso que ele era impaciente com ninguém. O crédito na arte,geralmente, se fosse formação de arte ou a livre expressão à óleo ou água ou qualquer outrométodo, ela não significava perfeição, mas por trás de tudo estava o artista. Ele via a orientaçãofundamental, influência e reconhecia naquilo.Sr. Duncan: Ele não fez apenas na Legião de Honra do Preceptor Mãe. Ele levou-nos companheirosjovens com nossos próximos 20 anos e é espantoso como o grupo que ele selecionava tinhadesenvolvimento através dos anos. É quase como ele pensava instintivamente e via que este meninoia ser um juiz, aquele menino ia ser um bom negociante etc. Ele percebia o potencial das pessoas,ou assim teria parecido sempre para num.Sr. Bundy Eu não conheci F rank 0.1arshall. que foi o escritor e elaborador do Ritual. Mas em meuentendimento é que Land dava a "larshall a idéia do que queria e como ele queria. Marshall sendoum maravilhoso ritualistico, tão bom quanto um· escritor jornalista, colocavam-na juntas de talmodo que nós estamos usando até hoje, com a mudança de uma ou duas palavras, o mesmo Ritualdesde 1919.Sr. Duncan: Marshall precisava acabar sua escrita em questão de dias, ou meses. A próxima coisaque se soube é tínhamos um ritual. De fato, dentro de pouco tempo eles levaram-no a Omaha,Kansas City, Kansas e Colorado.Sr. Bundy: Sim, é verdade. Foi reconhecido e aceito quase imediatamente onde era apresentado.Tenho freqüentemente pensado nos sete Preceptores do Capítulo DeMolay são mais importantes doque os oficiais presentes ou os oficiais executivos. Os ensinamentos daqueles meninos apresenta àseus membroscompanheiros como eles vêem a Ordem exemplificando os preceitos DeMolay. Osmaçons que sentam ao lado vêem as coisas que eles, próprios tem aceitado e ideais que sãoapresentados na mais expandida maçonaria. Eles aprovam a Ordem DeMolay porque eles estãodando aos jovens algo com doçura protegendo fazendo-a saborosamente aos mais jovens, se nossomodo diz que, antes do que um desagradável remédio.Sr. Duncan: E aos mais jovens normalmente a fazem-na melhor do que os mais velhos.Sr. Bundy: E verdade. O idealismo da juventude.Sr. Duncan: George, eu entendi que você serviu na França durante a Ia Guerra Mundial e quandovocê retomou estava próximo dos 21 anos, peticionou na Maçonaria na Loja AzuL o Capitulo ecomandaria, o Rito Escocês e o Shrine.Sr. Sounders: Sim, é verdade. Meu primeiro encontro com Frank Land foi no trabalho do RitoEscocês.Se Duncan: Foi depois de você ser UÚ1 membro do Rito Escocês que sua amizade com Frankcomeçou?Sr.Sounders: Sim, foi após eu ser um membro do Rito Escocês. Haviam então oito capítulosDeMolay em Kansas City e na época eu trabalhei com ele nos diferentes capítulos.Sr. Duncan: V <?cê foi por toda a nação com ele quanto os capítulos foram formados"Sr.Sounders: :ão. nunca fiz nenhuma viagem.Sr. Duncan: Voce o ajudou a planejá-Ias)Sr.Sounders:Sim ele conversava comigo à respeito dos planos
  • Sr. Duncan: Como estas viagens foram financiadas - pelos meninos, pelo Capítulo Mãe, ou peloRito Escoces? Sr.Sounders: Acredito que o Rito Escoces ajudava financeiramente omovimento. Muitas viagens foram retidas. Nebraska não era tão longe, que não significava grandesgastos e ele ia para diferentes lugares mais próximos.Sr. Duncan: George, numà conversa de relacionamento Maçônico, dada no campo de Liderança, fiza afirmação que grupos maçônicos através da nação acatariam a visão DeMolay. O idealismo dosmeninos e seus jovens profetizava fogo na imaginação do mundo maçônico, quando seus membrosviram antigas virtudes dos jovens colocados firmemente no Ritual não gostaram de seus própriostrabalhos Ritualístico é verdade)Sr.Sounders:Sim, de fato.Sr. Duncan: Foi esta inspiração por algo novo que antes começa no Mundo Maçônico em 1919 e1920.Sr.Sounders: Completamente, Frank Marshall foi ativo no trabalho do Rito Escoces e como aquiloaconteceu de estar dentro do lugar certo, na hora certa e associado a Frank na elaboração, desteoriginal Ritual DeMolay.Sr. Duncan: O quanto deste ritual fez Frank Marshall realmente escreveu eletodo?Sr. Sounders: Sim acho que ele escreveu ele todo, porém ele escreveu-o das entrevistas e daimaginação de Frank Land e continuava entrevistando Land. Deixe-me expor um pensamento aquisobre o Shrine de Kansas City em 1924. À Frank Land era dado uma porção diferente dedesignações e ele fez um bom trabalho em todos eles. A Sf Land, você lembra quando Frank foiImperial Potentado nunca fez nenhuma das visitações com ele. Mas na Convenção de 1924 a SfLand dirigiu a visita a senhoras, mas o que pretendiam as esposas dos Oficiais e ex Imperial Divanem volta das diferentes funções e foi mesmo muito útil e lidou com estas distintas senhoras e a S(lLand era uma pessoa muito charmosa. Ela tinha um charme pessoal, ela era muito bela, garota docabelo preto. Ela possuía grande educação, uma pessoa especial e todos que a encontravam aadoravam.Sr Duncan Sempre senti que eles tinham uma ida r:;atrimonial muito felizJuntos.SrSounders:E eles tiveram. sei disso. De fàto eu estive com Frank Land em New Y ork e outroslugares. Ele ligava para ela todos os dias sempre que eles estavam longe, e eles tinham umaconversa no telefone como apenas os namorados tinham. Quando eu ligava e ela atendia o telefone,ela sabia que era eu "oltava-se ao lado e eu podia ouvi-Ia dizer, "FrankÍe, o Sr Sounders está notelefone e quer falar com você". Ela sempre o chamava no telefone daquele modo.Sr. Duncan: Somente após a morte de Frank que ela ficou bastante doente. Ela me disse o quantosentia falta dele e encontrou um modo de aceitar sua morte considerando que ele estava apenaslonge numa outra viagem e que ele estaria em casa em poucos dias.SrSounders:Ela tinha uma grande filosofia, não há dúvida disso.Sr. Duncan: Ela era linda. George estou interessado na qualidade magnética da personalidade de Frank.. Já em 1919 quando a Ordem foi iniciada, você era um pouco mais jovem que Frank. Comovocê viu aquilo, o que havia em Frank Land que fez possível para ele levar um grupo de jovens de16 e 18 anos de idade e construí-Ios dentro da Ordem que estendeu ao redor do mundo) Haviaqualidade? Ele não era tão mais velho para ser chamado como o mais velho deles. Ele tinha apenas28 anos de idade. Correto?Sr. Sounders: Sim, acho que ele tinha personalidade e seu desejo em fazer algo pelos jovens que foia essência de tudo, creio que a necessidade tomou-se aparente quando ele juntou os meninos - estanecessidade tomou-se mais aparente para ele percebeu que havia uma possibilidade desfazer algo
  • pelo grupo dos meninos, quando ele estava fazendo com apenas um pequeno grupo naquele localparticular. Ele tinha apenas que expandi-Io, para faze-I o maior em quantidade de bondade ao maiornúmero de membros de jovens. O programa simplesmente inflou e cresceu dentro da organização aqual mais tarde tomou-se organização internacional.Sr. Duncan: Porém ainda sem sua personalidade. Não acredito que ele teria acordado.Sr.Sounders:Não, não acredito que ele seria capaz.Sr. Duncan: O que era aquela qualidade magnética dele? Eu era jovem demais para tomar-me ummembro quando ela começou, mas mesmo assim, eu percebi aquela profunda qualidade espiritualque emanava dele.Sr.Sounders Acredito que era religioso ou espirituaL :ão há dúvida sobre isso. De fato. seus olharese suas ações davam-lhe um sentimento de satisfação pessoaL Puramente de estar em sua presença, econversar com ele e encontrando-o" dava um sentimento de complemento espiritual.Sr. Duncan : Concordo com voce nisso. V oce o conheceu bem. A propósito em que ano voce foiGrão-mestre do Supremo Conselho - 1957, não foi) Sr.Sounders:Nossa, não me lembro. Terei queolhar no registro.Sr. Duncan: Agora, vamos conversar cerca de 1930, o DeMolay não estava em maré baixa naquelaépoca?Sr.Sounders:Sim, o DeMol.ay entrou numa maré-baixa, especialmente durante o período dedepressão. É lógico, o DeMolay conseguiu pegar a troca de Presidentes e programas nacionais. OPresidente, naquela época queria expandir a idéia de alguns programas especiais aos meninos,similar ao que Frank havia desenvolvido no trabalho DeMolay. O governo queria o programa maisexpansivo para os jovens rapazes. Eles encarregaram Frank Land com a responsabilidade depromover este programa de expansão e o trabalho de faze-h Ele emprestou dinheiro para conseguirfazê-h O Presidente, naquela época, disse-lhe que se ele tivesse que emprestar -dinheiro para fazereste programa de expansão existir, que eles veriam para ele cuidar. Era um programa atraente paraLand. Então ele foi e emprestou o dinheiro e o DeMolay entrou dentro de um terrível buracofinanceiro. Ele nunca tinha sido capaz de conseguir se safar se não fosse a generosidade dos bancose generosidade dos amigos de Frank. Uma porção daquelas dívidas nunca foram pagas, elas foramesquecidas. O escritor da Internacional Ordem De~10Iay, naquela época, estava na Reserva FederalBanco da Construção e os escrítórios eram bem montados e muito caros. Havia um grande empenhoem fazer uma tremenda expansão. A administração não venceu na eleição nacional econsequentemente eles correram completamente daqueles que tinham contado que Frank Landfaria. Tornou-se então necessário para Frank puxar para perto e honrar sobre o que ele estavatentando fazer e escalar o DeMolay para baixo para mais uma equilibrada operação que ele podiaproporcionar. Significava parar com uma porção de trabalhos que ele havia começado. Uma partede seu dinheiro já tinha sido gasto. Eles não podiam mais por longo tempo proporcionar essesadorados escritórios em que eles estavam. Eles estavam em sérios apuros financeiros, e eleobservava que por pouco aquela organização poderia atualmente deixar de existir. A depressão veiopor mais que ele fosse capaz de protege-Ia e mante-Ia unida. Então eles compraram a propriedadeno Varwick e montaram seus escritórios na velha casa dela. Acredito plenamente que a atitudeespiritual de Frank, seu pensamento espiritual - que sozinho - seja responsável pela proteção queconhecemos hoje. Tenho dito muitas vezes desde a morte de Frank - que através de Frank, oDeMolay possuía um canal com Deus. Acho que Frank nunca se interessou por onde o dinheiroestava vindo para essas coisas que ele queria para o DeMolay. Eleinteressava-se apenas no DeMolay, sabia de algum modo. que Deus forneceria os fundos paracuidar dela. Mas com a morte de F rank. tenho dito, que nós os quais seguimos seus passos temosperdido nosso canal com Deus como F rank o tinha em seu tempo de vida. Por essas razões que nósestamos carregando as responsabilidades da operação da organização sobre uma vida de arranjos
  • materiais e uma base de vida de negócios. Que carga foi lançada para mim quando fui eleito GrandeSecretário, reorganizar o programa financeiro assim aquele DeMolay conseguiria uma correntefinanceira básica. Acho que o impacto espiritual que Frank deixou sobre a organização foi uma dascoisas que tem sido ajudadas por lideres através do país tomando possível conseguir umfinanciamento para a organização no tempo certo em que eu tinha as mais leves esperanças de quepoderiam existir.Sr. Duncan: Você tem feito um trabalho de maestria. O fator, acredito, é que nós queremosperpetuar o DeMolay está expressado por uma oração de um menino de Minnesota - aquelasvirtudes que eram verdades andavam sobre a terra vestindo uma armadura e montando um cavalosão as mesmas de hoje quando um jovem vestiu a armadura, orbitas sobre a terra. Estes valoresFrank havia se exemplificado. Mas estou intrigado sobre o homem que podia dirigir e podia guiaroutro homem a fazer as coisas que ele queria. Por toda esta nação eu conversei com pessoas e elasdiziam que "Frank Land pediu-me para faze-Io, e eu não poderia recusar". O que "havia em suapersonalidade que o fazia ser daquele modo! O que ele era - Por que nós fazemos do lugar dele umpedestal?Sr.Sounders:É verdade. Acredito que nós colocamos Frank num pedestal.Acredito que ele sabia que nós optariamos em procurar por ele naquele pedestal embora ele fossehoje uma pessoa abaixo da terra, e ele podia conversar e negociar com você certo da terra devorar etrabalhar com você certo da terra devorar, mas ele teve uma atitude espiritual. Ele procurava,acredito eu, Deus em tudo que fez. Quando ele tratava com lideres Maçônicos de todo o País elíderes Shrine de todo o País; sei que ele nunca entrou numa reunião ou qualquer trato ou qualquernegociação com qualquer desses líderes que ele não praticou uma parte daquilo que ele pregava nopensamento espiritual. Ele não sentiu, não acreditou, que ele, como um homem, fosse capaz de tersucesso em tais coisas. Acredito que ele pensava que estava levando e que ele simplesmente serviacomo condutor para que tais programas atuais funcionassem. Acho que era uma porção desentimentos que ele tinha de que era por acaso que estava levando algo adiante que lhe foiordenado, por um alto Ser à fazer. Ele era muito gentil. Ele era tipo de um companheiro que nãotomava uma bebida, mas não pensava se os outros tomavam uma bebida. Ele não fumava, mas nãose incomodava se você fumasse. Recordo-me de algumas pequenas anedotas sobre ele. Porexemplo; eu costumava almoçar fora, quando fui registrado no Ararat, e ele vinha doente aoTemplo e insistia que eu fosse com ele no Kansas City Club e almoçasse com ele lá. Ele conseguiucriar o hábito de almoçar em mim. Eu era uma pessoa muito magra, as após passar alguns anostrabalhando com ele, comecei a engordar porqueele me alimentava bem. Onde nós íamos. onde estávamos, ele sempre insistia para eu comer na horadas refeições.Sr. Duncan: JIas, George, isto na primeira época nunca ouvia de Frank Land dando a alguém umarefeição. Esta historia fascina-me. Procure no fundo de sua memória e veja se consegue um poucomais.Sr.Sounders:Pensei que você pudesse estar interessado naquelas pequenas coisas. Havia algumapolítica de disputa no Templo de Kansas City quando Frank Howard foi Potentado. Era para ser umnovo Recorder eleito. Frank insistiu pelos meus amigos, que eu entrasse no contexto, e o fiz, fuieleito por grande maioria do qual nenhum Candidato do Conselho Imperial na prévia história doConselho Imperial.Sr. Duncan: Aqueles chamados para obedecer a mudança ele colocou sobre os meninos - eles nuncapermitiriam qualquer de seus membros cair. Ele doava-se, sem restrições, para ajudar aqueles queele conhecia.Sr.Sounders:Está correto.
  • Sr. Duncan: Agora, como fez que fosse então conhecido quanê:lo o Grande Conselho conseguiucomeçar? Como aconteceu a existência dele)Sr.Sounders:Quando o movimento começou a ramificar. O Grande Conselho foi formado não tãodistante após iniciado a fazer um inflável desenvolvimento. Era necessário ter um Grande Conselhopor motivo das muitas jurisdições que apropriavam os trabalhos DeMolay ativos e ele foi formado,padronizados mais bonitos após outros tais organizações, de fato igual ao Imperial Conselho doShrine. A atividade DeMolay em muitos estados necessitavam em toda organização para dirigir econtrolar a atividade da organização.Sr. Duncan: Eu sempre o admirei. Frank parecia ter a habilidade de fazer algo que ele tocasseparecia assim que ele era somente um pouco superior. Eram as melhores flores, as maiores velas, ea pureza como ingrediente. Havia nele uma riqueza, que mesmo quando um menino, eu procuravanele, por - era alguém que fazia você apreciar não apenas a vida, mas as mais finas coisas na arte,literatura, drama e tudo mais nela.Sr.Sounders:É verdade. Nunca havia nada barato ou de segunda. Ele nunca pensou assim. Nadahavia demasiadamente bom para o DeMolay. Ele andava de primeira classe através de sua vida porcausa disso. O pensamento de Frank foi todo de primeira classe. Teve que ser daquele modo.16. A IRA VÉS DOS ANOSTem se passado meio século desde que Frank Land e os nove meninos se ncontraram juntos e deseu informal encontro, deu Ordem DeMolay a gerações de jovens. As vívidas personalidades deincontáveis homens e meninos cercou a vida de Papai Land. Apenas alguns destes haviam sidoincluídos nesta narrativa. Haviam assim muitos que poderiam serem incluídos, por muito faze-Iapossível. A história de alguns na marcha através dos anos está aqui com aprovação pela pane quecada um tem tido na história.OS NOVE ORIGINAISIV AN BENTLEY - Sua morte acidental em 1921, fez dele o primeiro a ter uma pérola trocada porrubi no emblema DeMolay.EUvIER DORSEY - Recentemente retirado de seu trabalho ativo de careira, ele mora em Dallas, Texas.JEROJvIE JACOBSON - Formado na Universidade de Kansas e foi aceito no Missouri Bar. Eletem tido uma carreira de destaque em lei e finanças e é agora representante do WestamericaSecurities. Ele mora em Kansas City, :Nlissouri.LOUIS LOWER - O primeiro DeMolay, foi assassinado em 18 de julho de 1943. Sua memória estárepresentado no segundo rubi.EDM1JND MARSHALL - Está representado no quarto rubi do emblema, Papai Land sendo oterceiro. Graduado na universidade do Missouri, Marshall foi ativo na Inclinação e Comissões denegócios servindo como presidente do Kansas City Board of Trade . Ele morreu em 8 de novembrode 1966 em Kirbyville, Missouri.GORMAN McBRIDE - Um advogado por profissão, E tem sido um membro do Corpo docente daSede DeMolay desde de outubro de 1953. Ele viajava pela nação, falando em Congressos DeMolay,contando os dias de inicio da Ordem e dividindo sua profunda vocação e dedicação. Ele é o únicodos "nove originais" a receber a Cruz do Fundador.RALPH SEWELL - Está agora afastado após anos com o H.D. Lee Mercanti1e Company comoGerente de Crédito. Um hábil pianista e organista, ele faz sua casa em Kansas City, Missouri.WILLIA.v! STE[l-IILBER - Retirado de uma carreira de sucesso em mercadorias e hipotecas, elemora em San Diego, C alifo rni a, e tem orgulho de ter sido capitão do primeiro time de baseballDeMolay.CL YDE STREAM - Afastado em 1967 seguindo uma carreira de engenheiro técnico para o SaganoElectric Company. Ele agora reside em Bradenton, Florida.
  • A F Al1ILIA LAtIDSRa NELL LAt~l) - Viveu poucos meses após a morte de seu marido.SRa ELIZABETH JANIES, a mãe - lv!orreu em 23 de maio de 1966 com 93 anos de idade. Ela foiuma senhora de coragem, e determinação, orgulhosa de sua ascendência pioneira, de seu filho, e suafarnilia. Muito do carinho de maternidade no ritual DeMolay é um reflexo de seu amor e cuidado deque ela teve com suas crianças.SRa C. P. STEIN, a irmã - Agora vive na Blue Island, Illinois, um subúrbio na cidade de Chicago.Seu marido foi um executivo da Elgin, Joliet e Eastern Railroad, até a morte dele e a vinte e cincoanos atrás. Etta Glenn está ocupada por átividades em grupos de clubes e Eastern Star (Estrela doOriente) ela faz freqüentes viagens a Kansas City para visitar amigos da família de Land e paracontinuar seu interesse pelo DeMolay.SRa IRENE P AL ME R, a meia-irmã - Está casada com Robert E. Palmer, um empreiteiro elétricoe mora em Roytown, Missouri. Ela tem duas filhas, Sfl June Irene ONell e Sfl Marjory Swayne, eum filho Robert James que é um membro do Capítulo DeMolay de Raytown, é um estudante nauniversidade de Lindenwood em St. Charles, Missouri, Irene está ativa em muitos campos incluindoaulas de arte às quais ela leciona, ela própria, e é tão devotada ao jardim que ela fundou no Town eCountry Garden Club.ALGUNSOUTROSATRA~SDOSANOSSUMNER BLOSSOM - Um ativo membro do Supremo Conselho e um amigo intimo de PapaiLand desde de 1912. Ele teve agora afastado de seu escritório como Presidente Honoráve1 daDireção do Crowell Collier e da Macmillan Company de New Y ork. Sua carreira jornalísticaincluiu trabalhos em T opeka, Kansas, no escritório da Imprensa Associada, como umcorrespondente de guerra, trabalha no New York Daily News e mais de um quarto de século com oCrowell Collier e Macmillan Company. Um jantar foi oferecido por ele pelos 25 anos de trabalhopor esta. Companhia e Frank Land estava com ele durante esta época de reconhecimento.CHARLES A. BOYCE - Indicado para o escritório do Secretário Geral após a morte de Papai Land,ele serviu naquele escritório até o encontro do supremo Conselho em 10 de abril de 1960, emTucson, Anzona, onde Clarence Head foi eleito como Secretário Geral. Durante o ano seguinte elefoi invariável no reconhecimento DeMolay dando seu vasto conhecimento da ordem e 37 anos dededicados e leais serviços. Na aprovação de seu trabalho, o Supremo Conselho afastou de seusativos esforços em março de 1961, com uma pensão para a vida toda. Era uma ativa retirada paramanter seu escritório na Sede DeMolay, sendo sempre o primeiro a chegar a cada manhã e o últimoa sair à tarde. Ele era um símbolo do passado dando vitalidade ao presente. Durante seus últimosanos ele escreveu uma história de Frank. Land e do DeMolay que ele a chamou de Biografia deFrartk Sherman Land e a História da Ordem DeMolay. As cópias estão na Biblioteca DeMolay esão de grande valor por extremas exatidão e detalhes. Ele calmamente faleceu em 27 de julho de1968, com 81 anos de idade. Sua esposa, Gertrude, leva adiante seu profundo amor pela ordem queele deu tanto de sua vida para nutrir.ROY E. DICKERSON - Serviu por quinze anos como Diretor de Atividades DeMolay e em O 1 deoutubro de 1941, tornou-se o Secretário Executivo da Sociedade Cincinnati Social Hygiene. Eleteve reconhecimento nacional como um escritor, orador, e consultor entre aos jovens com especialatenção à higiene me~tal, educação ao matrimonio, a psicologia de personalidade e a necessidadeda juventude. Dentre seus livros estão Growing Into Manhood, How Character Develops, eUnderstand Myself - Seu interesse no exterior e no lar foram tão diversos que ele nunca se afastou.Ele morreu num choque aéreo em 08 de novembro de 1965, quando retomava de uma visita a seufilho, Roy H.Dikerson, segundo vice presidente do First National City Bank de New York.Dedicatória
  • A memória de nosso Ilustríssimo e inesquecível Irmão Angelino Fernandes de Oliveira Reis,patrono de nosso Centro de Estudos DeMolCl}, que repousa junto ao Pai CelestialAo Ilustríssimo Tio, Amigo e verdadeiro Irmão Francisco de Assis Carvalho, Tio "Xico Trolha",que a muito vem dedicando o máximo de si a este ideal de todos nós que se chama Centro deEstudos DeMolay Angelino Femandes de Oliveira Reis e a toda a Ordem DeMolay. Sem o carinhoe a dedicação deste grandioso Tio, talvez nada disso seria possível.Ao Ilustríssimo Tio Alberto Mansur, que muito tem feito pela Ordem DeMolay, não só no Brasil,mas em todo o mundo.Aos Tios F emando Salles Paschoal e Edson T omazinho, que muito tem nos auxiliado e ajudadoem todos os sentidos.Aos amigos da Editora "A Tralha" que sempre nos atendem da melhor forma possível, afim decolaborarem com o nosso trabalho e com o trabalho de toda a Ordem DeMolay.Aos nossos Pais, Edgard e Ana Maria ~vIarin, Flávio Roberto e Maria José Csiszer, Márcio e SàniaSpaini, Reinaldo e Maria Inez Zanolo, e Armando Albertoni, que sempre nos incentivaram e nosderam forças para que juntos. pudéssemos lutar por este ideal.Aos Tios Paulo Alves, Genésio Simioni, Walter Espiga, :tv1ilton Caetano e Cloves Galvão, quesempre, seja na vida maçànica ou profana, nos auxiliaram e nos deram forças para trilharmos estecaminho.Aos nossos Irmãos Paulo Femando Alves, Douglas Bittencourt Lopes da Silva, André Luis Simioni,Ricardo e Femando Menegazzo, Ricardo Castro, Fabiano Atanázio Machado, Hudson Torres,Marco Antànio Pinheiro Mateus, Juliano Estevam de Araújo, Alexandre Najem Pereira, RicardoNadeu Bijus, Luis Antànio dos Reis, Francisco Carlos Femandes Pacheco, Demétrio Willian deSouza, Marco Aurélio Pimenta, Renato Alves de Souza, Alexandre do Amaral Trita, Tiago LuzPinto, Marcelo Soares Paschoal, Eugenio José Zuliani, Ditter Allan ~fiers, Cláudio Magioli e AndréBaungrats pelo exemplo de dignidade e respeito que estes DeMolays representam em nossasociedade.E finalmente a todos aqueles Irmãos que, muitas vezes no anonimato, honram e valorizam overdadeiro significado da Ordem DeMolay.FimCentro de Estudos DeMolay Angelino Fernandes de Oliveira ReisFrancisco de Assis Carvalho ATInando Albertoni Júnior Luciano Roberto Csiszer Flávio HenriqueCsiszer André Pierre MarinFábio Pierre MarinRodrigo Zanolo