• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content

Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this document? Why not share!

Planos das unidades 1º ano

on

  • 8,914 views

 

Statistics

Views

Total Views
8,914
Views on SlideShare
8,914
Embed Views
0

Actions

Likes
5
Downloads
1
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Otimo
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Planos das unidades   1º ano Planos das unidades 1º ano Document Transcript

    • GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: I Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: Uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Interação entre os seres vivos. Sub-tema: Interdependência da vida.  Descrever processos e  Levantamento de conhecimento prévio: O que é Meio características do ambiente ou Ambiente. de seres observados  Conhecimento dos objetos de estudo da Ecologia,  Expressar dúvidas, idéias e estudos dos termos específicos. conclusões acerca dos  Identificação e caracterização de ecossistemas e seus fenômenos biológicos. componentes (bióticos e abióticos).  Reconhecimento da interdependência entre os diversos elementos da natureza: seres vivos, fatores físicos (luminosidade, temperatura, pressão, ventos, umidade, chuvas) e os fatores químicos (nutrientes minerais presentes na água e no solo)  Análise e descrição das relações de interdependência entre os componentes de ecossistemas naturais e diretamente modificados pelo homem: níveis tróficos, fluxo de energia, ciclo da matéria e outras relações ecológicas entre os seres vivos.  Descrição dos ciclos biogeoquímicos: água, nitrogênio, oxigênio, carbono, evidenciando deslocamento desses elementos entre o mundo orgânico e inorgânico.  Conhecimento dos níveis tróficos numa cadeia alimentar.  Identificação e representação das relações alimentares dos organismos de um ecossistema, a transferência de energia e matéria.  Identificação, descrição e interpretação das relações harmônicas e desarmônicas de um ecossistema.
    • Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de  Construção de glossário com palavras de Ecologia. biologia em novas situações de  Observação de diversos ecossistemas em estudo do aprendizado (existencial ou meio, vídeos, análise de imagens, etc. escolar).  Leitura e interpretação de textos diversos; participação efetiva em discussões e construção de painéis.  Elaboração de jogos didáticos com os temas.  Análise de músicas do CD - Biologia no vestibular. Relações harmônicas e desarmônicas  Construção de paródias, panfletos e cartazes sobre o uso de drogas que afetam o homem e suas relações biológicas, psicológicas e ambientais.  Apreciação, análise e resolução de roteiro com os filmes: O diário de um adolescente, Procurando Nemo ou Madagascar e Clipes de Michael Jackson .  Produção de cartazes.  Resolução de exercícios, mini-testes e jogos e cruzadinhas.  Construção e elaboração de um terrário  Elaboração de álbum seriado com as relações ecológicas. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Reconhecer o ser humano como  Valorização do meio ambiente em toda a sua dimensão agente e paciente de (fator biótico + fator abiótico + cultura) em integração. transformações por ele produzidas no seu ambiente.  Validação da necessidade do cuidado com a saúde  Julgar ações de intervenção, pessoal e coletiva, dizendo não ao uso das drogas e identificando aquelas que visam com isso evitar doenças orgânicas, psíquicas, sociais e a implementação da saúde espirituais. individual, coletiva e do ambiente.
    • GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: II Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva : o uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Interação entre os seres vivos / Ecologia / Saúde Sub-tema: Os movimentos da matéria e da energia na natureza; desorganizado os fluxos de matéria e energia – intervenção humana e desequilíbrio ambientais.  Conhecimento e classificação das sucessões  Descrever processos e ecológicas e suas espécies. características do ambiente ou  Reconhecimento das principais regiões da Biofera de seres observados  Identificação dos principais biomas terrestres e  Expressar dúvidas, idéias e aquáticos. conclusões acerca dos  Análise da influência das condições ambientais para a fenômenos biológicos. sobrevivência das espécies nos ecossistemas.  Relação da biodiversidade com os biomas.  Identificação das atividades humanas que degradam o planeta.  Conhecimento, identificação e classificação dos diversos tipos de poluição: do ar, da água, do solo, nuclear, visual, auditiva; suas características e danos provocados.  Análise dos desequilíbrios ambientais causados pelo homem: destino do lixo, eutrofização, maré vermelha, maré negra, POPs (poluentes orgânicos persistentes), inversão térmica, buraco na camada de ozônio e efeito estufa.  Identificação dos fatores que fazem variar a densidade populacional  Conhecimento dos conceitos de saúde e de doenças – sua abrangência.  Descrição das principais doenças infecto-contagiosas, parasitários, degenerativas, ocupacionais, DST’s e provocados por toxinas ambientais.
    •  Estudo e analise do saneamento básico da nossa cidade  Reconhecimento dos impactos ambientais através de documentos / EIA x RIMA Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de  Coleta de material e realização de experimentos para biologia em novas situações de observação da decomposição da matéria orgânica e aprendizado (existencial ou compreensão do reaproveitamento de materiais escolar). orgânica e compreensão do reaproveitamento de materiais, que ocorre naturalmente nos ecossistemas, o que impede o esgotamento dos elementos disponíveis na Terra.  Observação de Terrário para descrição dos ciclos biogeoquímicos.  Construção de maquetes com os biomas terrestres e de esquemas que os caracterizem.  Dramatização sobre a interferência humana nos ecossistemas (criação e apresentação).  Análise de vídeos sobre os Biomas: Cerrado, mata Atlântica, Floresta Amazônica, Manguezal, os Biomas da África.  Resolução de exercícios, mini-testes, jogos, cruzadinhas e provas.  Leitura e análise de textos diversos.  Análise de diagramas e gráficos sobre populações. Análise de textos sobre a degradação do planeta X globalização. Análise do filme O dia depois de amanhã e filme didático sobre desequilíbrio ambiental Elaboração de quadro comparativo com os vários tipos de poluição. Análise através de leituras dos desequilíbrios ambientais causados pelo homem: destino do lixo, eutrofização, POPs (poluentes orgânicos persistentes), inversão térmica, buraco na camada de ozônio, efeito estufa.  Pesquisa de campo sobre as doenças que acometem as pessoas de seus bairros (com questionário)  Tabulação de resultados de pesquisas.  Leitura de quadros comparativos e/ou textos sobre as doenças causadas por seres microbiológicos, seus sintomas e prevenção.  Confecção de painel com fotos da visita à feira livre, margens do Rio Catu e lixos nas ruas (coleta)  Elaboração de paródias com os temas estudados.
    • Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Reconhecer o ser humano como  Validação da importância do meio ambiente para a agente e paciente de vida no planeta. transformações por ele  Curiosidade acerca dos ambientes onde vive e visita. produzidas no seu ambiente.  Valorização da vida e respeito à saúde individual e coletiva e do espaço da escola como um local de uso  Julgar ações de intervenção, comum. identificando aquelas que visam a implementação da saúde individual, coletiva e do ambiente.
    • GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: III Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Identidade dos seres vivos ; organização celular da vida e funções básicas vitais Sub-temas: Citologia e metabolismo energético da célula  Descrever processos e características do ambiente ou  Reconhecimento das características dos seres vivos e de seres observados níveis de organização.  Expressar dúvidas, idéias e  Definição de célula e de suas estruturas formadoras conclusões acerca dos  Identificação e diferenciação de célula procariótica e fenômenos biológicos. eucariótica, segundo organelas apresentadas.  Análise dos componentes orgânicos e inorgânicos da célula com suas características básicas: água, sais minerais, lipídios, proteínas, carboidratos e ácidos nucléicos.  Identificação das organelas que compõem as células com suas respectivas funções.  Diferenciação dos processos vitais dos seres vivos: fotossíntese, respiração, fermentação e quimiossíntese  Descrição das características dos seres vivos e suas funções.  Reconhecimento de que todos os seres vivos são formados por substâncias químicas semelhantes e por células.  Comparação da organização e do funcionamento dos tipos de células, estabelecendo identidade entre elas.  Conhecimento e análise do transporte através da membrana e envoltórios celulares: transporte passivo (difusão, osmose e difusão facilitada) e ativo (bomba de sódio e potássio).  Identificação e descrição dos fatores e produtos da fotossíntese.  Análise das funções das organelas celulares e regulação da manutenção da vida.
    • Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de  Leitura e análise de textos diversos. biologia em novas situações de  Construção de maquetes de células com suas aprendizado (existencial ou organelas. escolar).  Análise de músicas com os temas: lipídios, vitaminas, carboidratos, proteínas ( CD biologia no vestibular) para elaboração e preenchimento de quadros comparativos com os temas.  Manuseio de rótulos de alimentos, para confecção de painéis com composição química dos alimentos.  Resolução de exercícios, cruzadinhas, jogos, testes e provas.  Elaboração de quadro comparativo e desenhos esquemáticos dos processos vitais: fotossíntese, quimiossíntese, respiração e fermentação.  Análise da música: Fotossíntese ( CD de Biologia)  Pesquisa bibliográfica dos temas estudados.  Confecção de desenhos sobre o tema. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Identificar as relações entre o conhecimento científico e o  Validação da biologia em toda a sua dimensão. desenvolvimento tecnológico,  Valorização da célula para a manutenção da vida considerando a preservação da  Auto-avaliação vida e as condições de vida.
    • GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: IV Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Identidade dos seres vivos ; organização celular da vida e funções básicas vitais Sub-temas: Citologia: o núcleo e a divisão celular  Perceber e utilizar códigos intrísecos da Biologia.  Identificação da natureza do material hereditário em todos os seres vivos, analisando sua estrutura química  Expressar dúvidas, idéias e para avaliar a universalidade dessa molécula no conclusões acerca dos mundo vivos. fenômenos biológicos.  Identificação das relações entre DNA, código genético, fabricação de proteínas e determinação das características dos organismos.  Análise de esquemas que relacionem diferentes tipos de ácidos nucléicos, as organelas celulares e o mecanismo de síntese de proteínas especificas (transcrição e tradução)  Conhecimento do processo de mutação do material genético.  Identificação das principais tecnologias utilizadas para transferir DNA de um organismo para outro. (biotecnologia, engenharia genética, OGM´s, projeto genoma, terapia gênica e clonagem)  Identificação dos tipos de células quanto ao núcleo, da estrutura do núcleo interfásico.  Análise e diferenciação da divisão celular: mitose e meiose (etapas e particularidades).  Descrição do mecanismo básico de reprodução de células de todos os seres vivos (mitose) percebendo que as divisões mitóticas descontroladas podem resultar em processos patológicos conhecidos como cânceres.  Descrição das fases de reprodução sexuada e o
    • processo meiótico como fonte de variabilidade genética.  Comparação dos processos de mitose e meiose e relação da importância desses processos para a vida.  Conhecimento das alterações quanto ao número de cromossomos de um indivíduo na meiose e formação de cariótipos anormais. Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de  Resolução de exercícios, mini-testes, palavras cruzadas biologia em novas situações de e elaboração de jogos didáticos. aprendizado (existencial ou  Elaboração de quadro comparativo com os ácidos escolar). nucléicos e com os processos de divisão celular.  Confecção de maquetes do DNA e RNA.  Elaboração de resumos e esquemas.  Localizar o material hereditário em células de diferentes organismos em desenhos.  Construção de maquete para representar o processo de duplicação do DNA.  Análise dos filmes: Gataca e DNA : uma promessa de vida.  Pesquisa e levantamento de informações sobre a participação da engenharia genética na produção de alimentos, de produtos farmacêuticos, hormônios, vacinas, medicamentos e componentes biológicos para avaliar sua importância.  Coleta de material e realização de experimentos para extração do DNA do bulbo da cebola.  Desenhos dos cromossomos e das fases da meiose e da mitose.  Resolução de estudo dirigido sobre divisão celular  Identificação e diferenciação dos tipos de gametogênese: espermatogênese e ovulogênese.  Análise de cariótipo humano normal e com problemas. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Identificar as relações entre o conhecimento científico e o  Interesse sobre assuntos relacionados à genética e desenvolvimento tecnológico, saúde. considerando a preservação da  Valorização da conquistas científicas a partir dos vida e as condições de vida. avanços genéticos.
    • ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS 1-Exposição oral participada 2-Estudo de texto 3-Demonstração didática (experimentos, transparências etc.) 4-Elaboração e execução de jogos 5-Pesquisa de campo 6-Simulação de situações-problemas 7-Estudo de caso 8-Estudo do meio 9-Aula prática (professor e aluno) 10-Estudo dirigido 11-Discussão e debate 12-Análise de vídeos 13-Músicas e paródias 14-Seminários RECURSOS Livro didático/Internet/Materiais de papelaria/revistas/Jornal/DVD e fita de vídeo/TV, vídeo e DVD/Sucatas/Cd e micro sisten/Retroprojetor e transparências, Data-show, Telão, Caixa amplificada e Sala ambiente. PROPOSTA DE AVALIAÇÃO Dentro de cada disciplina ou por área propomos se possível realizar projetos didáticos onde se contemple a oralidade, a escrita, a leitura, através de: 01) ORALIDADE: - Seminários; Mini-aula; Demonstração didática; Dramatizações; Debates; Discussões; Entrevistas (feito pelos alunos). 02) ESCRITA: - Produção textual; Atividades escritas; Testes, Provas, Resumos, Resenhas, Fichamentos; Jogos Criar regras, Confeccionar. 03) LEITURA; - Estudos de textos com interpretação; Leitura de imagem (não-verbal); Estudo dirigido; Estudo bibliográfico; Análise de vídeos, músicas; jogos (analisar as regras e executá-las) Dentre outros como: atividades lúdicas não citadas (outras), painel integrado, painéis e construção de panfletos, maquetes. OBS. Para cada estratégia de aprendizagem e ou instrumento de avaliação, serão necessários estudos, de referenciais teóricos para conhecer seus pressupostos, suas etapas e como aplicá-las “com sucesso” em sala de aula.
    • REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS GRÜN, Mauro. Ética e educação ambiental – a conexão necessária. s.ed. Campinas: Papirus. 1996. 120p. (Magistério: formação e trabalho pedagógico) Parâmetros em ação: meio ambiente na escola. http://www.mec.gov.br, acesso em 30 ago 2001 Parâmetros em Ação: Meio Ambiente na escola. Guia do formador, Guia do professor, Catálogo de endereços, Guia de análise de vídeos e Fitas de vídeo I, II, III. Ministério da Educação. Brasília: MEC; SEF, 2001. PEDRINI, Alexandre G. (Org.).Educação Ambiental: reflexões e práticas contemporâneas. 4.ed. Petrópolis: Vozes.2001, 203p SATO, Michèle. Educação Ambiental. São Carlos: RIMA, 2003. 66p BRASIL, Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino fundamental – temas transversais 3º, 4º ciclos. Brasília: MEC/SEF. 1998 BUFFA. Ester; ARROYO, Miguel; NOSELLA, Paolo. Educação e cidadania: quem educa o cidadão? 8.ed. São Paulo: Cortez, 2000.95p (Questões de nossa época. v.19) DIAS, Genebaldo F. Educação Ambiental: princípios e práticas. São Paulo: Gaia, 1992. 400p --------FERRI, Mário G. Ecologia geral. Belo Horizonte: Itatiaia, 1980. 71 p. MARTINS, Jorge S. O trabalho com projetos de pesquisas do ensino fundamental ao ensino médio. 3.ed. Campinas: Papirus, 2001.149p. PENTEADO, Heloísa D. Meio Ambiente e formação de professores. 3.ed. São Paulo: Cortez,2000.119p (Questões de nossa época v.38) PORTO GONÇALVES, Carlos W. Os (des) caminhos do meio ambiente. 10. ed. São Paulo: Contexto, 2002.148p. REIGOTA, Marcos (Org.). Verde Cotidiano: o meio ambiente em discussão. 2.ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.149p (O sentido da escola) ___________. O que é educação ambiental. São Paulo: Brasiliense, 1994. 62p (Primeiros passos) SARIEGO, José C. Educação Ambiental – as ameaças ao planeta azul. s.ed. São Paulo:Scipione,1994. 208p SEVERINO, Antônio. Metodologia do trabalho científico. 22.ed.São Paulo: Cortez, 2002. 297p TOSI, Maria R. Planejamento, programas e projetos. Campinas: Alínea, 2001. l58 p Filmes : Um dia depois de amanhã e o diário de um adolescente.