Planos das unidades 1º ano

8,843 views
8,651 views

Published on

1 Comment
5 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
8,843
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
1
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Planos das unidades 1º ano

  1. 1. GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: I Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: Uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Interação entre os seres vivos. Sub-tema: Interdependência da vida.  Descrever processos e características do ambiente ou de seres observados  Expressar dúvidas, idéias e conclusões acerca dos fenômenos biológicos.  Levantamento de conhecimento prévio: O que é Meio Ambiente.  Conhecimento dos objetos de estudo da Ecologia, estudos dos termos específicos.  Identificação e caracterização de ecossistemas e seus componentes (bióticos e abióticos).  Reconhecimento da interdependência entre os diversos elementos da natureza: seres vivos, fatores físicos (luminosidade, temperatura, pressão, ventos, umidade, chuvas) e os fatores químicos (nutrientes minerais presentes na água e no solo)  Análise e descrição das relações de interdependência entre os componentes de ecossistemas naturais e diretamente modificados pelo homem: níveis tróficos, fluxo de energia, ciclo da matéria e outras relações ecológicas entre os seres vivos.  Descrição dos ciclos biogeoquímicos: água, nitrogênio, oxigênio, carbono, evidenciando deslocamento desses elementos entre o mundo orgânico e inorgânico.  Conhecimento dos níveis tróficos numa cadeia alimentar.  Identificação e representação das relações alimentares dos organismos de um ecossistema, a transferência de energia e matéria.  Identificação, descrição e interpretação das relações harmônicas e desarmônicas de um ecossistema.
  2. 2. Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de biologia em novas situações de aprendizado (existencial ou escolar).  Construção de glossário com palavras de Ecologia.  Observação de diversos ecossistemas em estudo do meio, vídeos, análise de imagens, etc.  Leitura e interpretação de textos diversos; participação efetiva em discussões e construção de painéis.  Elaboração de jogos didáticos com os temas.  Análise de músicas do CD - Biologia no vestibular. Relações harmônicas e desarmônicas  Construção de paródias, panfletos e cartazes sobre o uso de drogas que afetam o homem e suas relações biológicas, psicológicas e ambientais.  Apreciação, análise e resolução de roteiro com os filmes: O diário de um adolescente, Procurando Nemo ou Madagascar e Clipes de Michael Jackson .  Produção de cartazes.  Resolução de exercícios, mini-testes e jogos e cruzadinhas.  Construção e elaboração de um terrário  Elaboração de álbum seriado com as relações ecológicas. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Reconhecer o ser humano como agente e paciente de transformações por ele produzidas no seu ambiente.  Julgar ações de intervenção, identificando aquelas que visam a implementação da saúde individual, coletiva e do ambiente.  Valorização do meio ambiente em toda a sua dimensão (fator biótico + fator abiótico + cultura) em integração.  Validação da necessidade do cuidado com a saúde pessoal e coletiva, dizendo não ao uso das drogas e com isso evitar doenças orgânicas, psíquicas, sociais e espirituais.
  3. 3. GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: II Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva : o uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Interação entre os seres vivos / Ecologia / Saúde Sub-tema: Os movimentos da matéria e da energia na natureza; desorganizado os fluxos de matéria e energia – intervenção humana e desequilíbrio ambientais.  Descrever processos e características do ambiente ou de seres observados  Expressar dúvidas, idéias e conclusões acerca dos fenômenos biológicos.  Conhecimento e classificação das sucessões ecológicas e suas espécies.  Reconhecimento das principais regiões da Biofera  Identificação dos principais biomas terrestres e aquáticos.  Análise da influência das condições ambientais para a sobrevivência das espécies nos ecossistemas.  Relação da biodiversidade com os biomas.  Identificação das atividades humanas que degradam o planeta.  Conhecimento, identificação e classificação dos diversos tipos de poluição: do ar, da água, do solo, nuclear, visual, auditiva; suas características e danos provocados.  Análise dos desequilíbrios ambientais causados pelo homem: destino do lixo, eutrofização, maré vermelha, maré negra, POPs (poluentes orgânicos persistentes), inversão térmica, buraco na camada de ozônio e efeito estufa.  Identificação dos fatores que fazem variar a densidade populacional  Conhecimento dos conceitos de saúde e de doenças – sua abrangência.  Descrição das principais doenças infecto-contagiosas, parasitários, degenerativas, ocupacionais, DST’s e provocados por toxinas ambientais.
  4. 4.  Estudo e analise do saneamento básico da nossa cidade  Reconhecimento dos impactos ambientais através de documentos / EIA x RIMA Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de biologia em novas situações de aprendizado (existencial ou escolar).  Coleta de material e realização de experimentos para observação da decomposição da matéria orgânica e compreensão do reaproveitamento de materiais orgânica e compreensão do reaproveitamento de materiais, que ocorre naturalmente nos ecossistemas, o que impede o esgotamento dos elementos disponíveis na Terra.  Observação de Terrário para descrição dos ciclos biogeoquímicos.  Construção de maquetes com os biomas terrestres e de esquemas que os caracterizem.  Dramatização sobre a interferência humana nos ecossistemas (criação e apresentação).  Análise de vídeos sobre os Biomas: Cerrado, mata Atlântica, Floresta Amazônica, Manguezal, os Biomas da África.  Resolução de exercícios, mini-testes, jogos, cruzadinhas e provas.  Leitura e análise de textos diversos.  Análise de diagramas e gráficos sobre populações. Análise de textos sobre a degradação do planeta X globalização. Análise do filme O dia depois de amanhã e filme didático sobre desequilíbrio ambiental Elaboração de quadro comparativo com os vários tipos de poluição. Análise através de leituras dos desequilíbrios ambientais causados pelo homem: destino do lixo, eutrofização, POPs (poluentes orgânicos persistentes), inversão térmica, buraco na camada de ozônio, efeito estufa.  Pesquisa de campo sobre as doenças que acometem as pessoas de seus bairros (com questionário)  Tabulação de resultados de pesquisas.  Leitura de quadros comparativos e/ou textos sobre as doenças causadas por seres microbiológicos, seus sintomas e prevenção.  Confecção de painel com fotos da visita à feira livre, margens do Rio Catu e lixos nas ruas (coleta)  Elaboração de paródias com os temas estudados.
  5. 5. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Reconhecer o ser humano como agente e paciente de transformações por ele produzidas no seu ambiente.  Julgar ações de intervenção, identificando aquelas que visam a implementação da saúde individual, coletiva e do ambiente.  Validação da importância do meio ambiente para a vida no planeta.  Curiosidade acerca dos ambientes onde vive e visita.  Valorização da vida e respeito à saúde individual e coletiva e do espaço da escola como um local de uso comum.
  6. 6. GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: III Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Identidade dos seres vivos ; organização celular da vida e funções básicas vitais Sub-temas: Citologia e metabolismo energético da célula  Descrever processos e características do ambiente ou de seres observados  Expressar dúvidas, idéias e conclusões acerca dos fenômenos biológicos.  Reconhecimento das características dos seres vivos e níveis de organização.  Definição de célula e de suas estruturas formadoras  Identificação e diferenciação de célula procariótica e eucariótica, segundo organelas apresentadas.  Análise dos componentes orgânicos e inorgânicos da célula com suas características básicas: água, sais minerais, lipídios, proteínas, carboidratos e ácidos nucléicos.  Identificação das organelas que compõem as células com suas respectivas funções.  Diferenciação dos processos vitais dos seres vivos: fotossíntese, respiração, fermentação e quimiossíntese  Descrição das características dos seres vivos e suas funções.  Reconhecimento de que todos os seres vivos são formados por substâncias químicas semelhantes e por células.  Comparação da organização e do funcionamento dos tipos de células, estabelecendo identidade entre elas.  Conhecimento e análise do transporte através da membrana e envoltórios celulares: transporte passivo (difusão, osmose e difusão facilitada) e ativo (bomba de sódio e potássio).  Identificação e descrição dos fatores e produtos da fotossíntese.  Análise das funções das organelas celulares e regulação da manutenção da vida.
  7. 7. Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de biologia em novas situações de aprendizado (existencial ou escolar).  Leitura e análise de textos diversos.  Construção de maquetes de células com suas organelas.  Análise de músicas com os temas: lipídios, vitaminas, carboidratos, proteínas ( CD biologia no vestibular) para elaboração e preenchimento de quadros comparativos com os temas.  Manuseio de rótulos de alimentos, para confecção de painéis com composição química dos alimentos.  Resolução de exercícios, cruzadinhas, jogos, testes e provas.  Elaboração de quadro comparativo e desenhos esquemáticos dos processos vitais: fotossíntese, quimiossíntese, respiração e fermentação.  Análise da música: Fotossíntese ( CD de Biologia)  Pesquisa bibliográfica dos temas estudados.  Confecção de desenhos sobre o tema. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Identificar as relações entre o conhecimento científico e o desenvolvimento tecnológico, considerando a preservação da vida e as condições de vida.  Validação da biologia em toda a sua dimensão.  Valorização da célula para a manutenção da vida  Auto-avaliação
  8. 8. GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COLÉGIO ESTADUAL PEDRO RIBEIRO PESSOA Ano Letivo: 2008 Área de conhecimento: Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias. Campo do Saber: Biologia Unidade: IV Professores: Cláudia Regina T. de Souza, Antonio Geraldo da S. Sá Barreto e Vânia Marta P. Nogueira Período: PLANO DE UNIDADE Série: 1º ano EIXO TRANSVERSAL: Saúde pessoal e coletiva: uso de drogas na escola Competências Conteúdos Conceituais Representação e Comunicação Tema: Identidade dos seres vivos ; organização celular da vida e funções básicas vitais Sub-temas: Citologia: o núcleo e a divisão celular  Perceber e utilizar códigos intrísecos da Biologia.  Expressar dúvidas, idéias e conclusões acerca dos fenômenos biológicos.  Identificação da natureza do material hereditário em todos os seres vivos, analisando sua estrutura química para avaliar a universalidade dessa molécula no mundo vivos.  Identificação das relações entre DNA, código genético, fabricação de proteínas e determinação das características dos organismos.  Análise de esquemas que relacionem diferentes tipos de ácidos nucléicos, as organelas celulares e o mecanismo de síntese de proteínas especificas (transcrição e tradução)  Conhecimento do processo de mutação do material genético.  Identificação das principais tecnologias utilizadas para transferir DNA de um organismo para outro. (biotecnologia, engenharia genética, OGM´s, projeto genoma, terapia gênica e clonagem)  Identificação dos tipos de células quanto ao núcleo, da estrutura do núcleo interfásico.  Análise e diferenciação da divisão celular: mitose e meiose (etapas e particularidades).  Descrição do mecanismo básico de reprodução de células de todos os seres vivos (mitose) percebendo que as divisões mitóticas descontroladas podem resultar em processos patológicos conhecidos como cânceres.  Descrição das fases de reprodução sexuada e o
  9. 9. processo meiótico como fonte de variabilidade genética.  Comparação dos processos de mitose e meiose e relação da importância desses processos para a vida.  Conhecimento das alterações quanto ao número de cromossomos de um indivíduo na meiose e formação de cariótipos anormais. Investigação e Compreensão Conteúdos Procedimentais  Utilizar noções e conceitos de biologia em novas situações de aprendizado (existencial ou escolar).  Resolução de exercícios, mini-testes, palavras cruzadas e elaboração de jogos didáticos.  Elaboração de quadro comparativo com os ácidos nucléicos e com os processos de divisão celular.  Confecção de maquetes do DNA e RNA.  Elaboração de resumos e esquemas.  Localizar o material hereditário em células de diferentes organismos em desenhos.  Construção de maquete para representar o processo de duplicação do DNA.  Análise dos filmes: Gataca e DNA : uma promessa de vida.  Pesquisa e levantamento de informações sobre a participação da engenharia genética na produção de alimentos, de produtos farmacêuticos, hormônios, vacinas, medicamentos e componentes biológicos para avaliar sua importância.  Coleta de material e realização de experimentos para extração do DNA do bulbo da cebola.  Desenhos dos cromossomos e das fases da meiose e da mitose.  Resolução de estudo dirigido sobre divisão celular  Identificação e diferenciação dos tipos de gametogênese: espermatogênese e ovulogênese.  Análise de cariótipo humano normal e com problemas. Contextualização Sociocultural Conteúdos Atitudinais  Identificar as relações entre o conhecimento científico e o desenvolvimento tecnológico, considerando a preservação da vida e as condições de vida.  Interesse sobre assuntos relacionados à genética e saúde.  Valorização da conquistas científicas a partir dos avanços genéticos.
  10. 10. ESTRATÉGIAS METODOLÓGICAS 1-Exposição oral participada 2-Estudo de texto 3-Demonstração didática (experimentos, transparências etc.) 4-Elaboração e execução de jogos 5-Pesquisa de campo 6-Simulação de situações-problemas 7-Estudo de caso 8-Estudo do meio 9-Aula prática (professor e aluno) 10-Estudo dirigido 11-Discussão e debate 12-Análise de vídeos 13-Músicas e paródias 14-Seminários RECURSOS Livro didático/Internet/Materiais de papelaria/revistas/Jornal/DVD e fita de vídeo/TV, vídeo e DVD/Sucatas/Cd e micro sisten/Retroprojetor e transparências, Data-show, Telão, Caixa amplificada e Sala ambiente. PROPOSTA DE AVALIAÇÃO Dentro de cada disciplina ou por área propomos se possível realizar projetos didáticos onde se contemple a oralidade, a escrita, a leitura, através de: 01) ORALIDADE: - Seminários; Mini-aula; Demonstração didática; Dramatizações; Debates; Discussões; Entrevistas (feito pelos alunos). 02) ESCRITA: - Produção textual; Atividades escritas; Testes, Provas, Resumos, Resenhas, Fichamentos; Jogos Criar regras, Confeccionar. 03) LEITURA; - Estudos de textos com interpretação; Leitura de imagem (não-verbal); Estudo dirigido; Estudo bibliográfico; Análise de vídeos, músicas; jogos (analisar as regras e executá-las) Dentre outros como: atividades lúdicas não citadas (outras), painel integrado, painéis e construção de panfletos, maquetes. OBS. Para cada estratégia de aprendizagem e ou instrumento de avaliação, serão necessários estudos, de referenciais teóricos para conhecer seus pressupostos, suas etapas e como aplicá-las “com sucesso” em sala de aula.
  11. 11. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS GRÜN, Mauro. Ética e educação ambiental – a conexão necessária. s.ed. Campinas: Papirus. 1996. 120p. (Magistério: formação e trabalho pedagógico) Parâmetros em ação: meio ambiente na escola. http://www.mec.gov.br, acesso em 30 ago 2001 Parâmetros em Ação: Meio Ambiente na escola. Guia do formador, Guia do professor, Catálogo de endereços, Guia de análise de vídeos e Fitas de vídeo I, II, III. Ministério da Educação. Brasília: MEC; SEF, 2001. PEDRINI, Alexandre G. (Org.).Educação Ambiental: reflexões e práticas contemporâneas. 4.ed. Petrópolis: Vozes.2001, 203p SATO, Michèle. Educação Ambiental. São Carlos: RIMA, 2003. 66p BRASIL, Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais do ensino fundamental – temas transversais 3º, 4º ciclos. Brasília: MEC/SEF. 1998 BUFFA. Ester; ARROYO, Miguel; NOSELLA, Paolo. Educação e cidadania: quem educa o cidadão? 8.ed. São Paulo: Cortez, 2000.95p (Questões de nossa época. v.19) DIAS, Genebaldo F. Educação Ambiental: princípios e práticas. São Paulo: Gaia, 1992. 400p --------FERRI, Mário G. Ecologia geral. Belo Horizonte: Itatiaia, 1980. 71 p. MARTINS, Jorge S. O trabalho com projetos de pesquisas do ensino fundamental ao ensino médio. 3.ed. Campinas: Papirus, 2001.149p. PENTEADO, Heloísa D. Meio Ambiente e formação de professores. 3.ed. São Paulo: Cortez,2000.119p (Questões de nossa época v.38) PORTO GONÇALVES, Carlos W. Os (des) caminhos do meio ambiente. 10. ed. São Paulo: Contexto, 2002.148p. REIGOTA, Marcos (Org.). Verde Cotidiano: o meio ambiente em discussão. 2.ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.149p (O sentido da escola) ___________. O que é educação ambiental. São Paulo: Brasiliense, 1994. 62p (Primeiros passos) SARIEGO, José C. Educação Ambiental – as ameaças ao planeta azul. s.ed. São Paulo:Scipione,1994. 208p SEVERINO, Antônio. Metodologia do trabalho científico. 22.ed.São Paulo: Cortez, 2002. 297p TOSI, Maria R. Planejamento, programas e projetos. Campinas: Alínea, 2001. l58 p Filmes : Um dia depois de amanhã e o diário de um adolescente.

×