Cenários                                                  Roberto Luis Troster                                            ...
Cenário para 2004•   Crescimento do PIB > 3,5%•   Juros dezembro ≈ 14%•   Dólar dezembro ≈ R$ 3,10•   IPCA 2004 ≈ 6,0%•   ...
Cenário internacional      Projeção de crescimento do PIB (2003 - 2005)5,0             4,74,0                   3,6       ...
Juros internacionais       Taxas de títulos de 10 anos maio de 2003 e 20045,00               4,64                         ...
Juros americanos de 10 anos5,00                         4,46                                                   4,644,50   ...
Obstáculos•   Volatilidade•   Déficits gêmeos•   The great rate hike•   Terrorismo•   Petróleo•   China•   Argentina      ...
Argentina                   Crescimento do PIB        8,709,008,007,00                                     5,506,00       ...
Argentina•   Recuperação de crescimento surpreendente•   Avanços políticos•   Polêmicas•   Uso de capacidade ociosa•   PIB...
Setor externo brasileiro 1998-2004                      E xp o rtaçõ es b rasileiras 90. 00    0                          ...
Dívida externa líquida 1993-2003200                                                      190     190                      ...
Dívida externa/exportações4,0                                  3,63,5                     3,2                             ...
Juros/exportações (%)40,0                                36,435,0                      31,0                31,0       30,3...
Projeções Risco Brasil dezembro 2004 e 2005600                                                                        546 ...
Investimento direto externo (US$ bilhões)25,00    22,6020,00                               16,6015,00                     ...
Amortizações externas de longo prazo                                  (US$ bilhões)-20,00-25,00                           ...
EMBI+ 1 de junho de 2004 800                       709 700 600         509                                                ...
Cenário externo• Economia mundial crescendo• Juros baixos pelos padrões - Yield search• Melhoria do desempenho externo• Ce...
Dívida pública 1993-2004(%PIB)60                                                                                     58,7 ...
Déficit fiscal, 12 meses % PIB10,00                     9,07                                        8,68             5,00 ...
Benefícios do INSS % PIB7,5                                                                         7,27,0                ...
Carga Tributária % PIB  38                                                                         36                     ...
Curva de Laffer, deslocamento e jurosArrecadação                                                                Alíquota  ...
Política Monetária 2004• Metas de inflação  – Avanço institucional importante  – Boa absorção das crises  – Independência ...
Projeções IPCA – dezembro 2004       6,15     6,08        6,12                                             6,13           ...
Projeções Selic média e dezembro 200416,00                                                    15,12             15,12     ...
Juros básicos  16     16  14  12  10   8   6                                         5,96   4                     2,88   2...
Operações de crédito R$ bilhões 430,0                                                                                     ...
Operações de crédito variação em 12 meses15,00%                                                                           ...
Bancarização assimétrica• Sistema de pagamentos  – Um dos mais modernos do mundo  – Sofisticado e eficiente• Intermediação...
Spread• Observações  – Caráter intermediário dos bancos  – Há muitas taxas ativas e passivas  – Spread no Brasil é muito a...
Tributação do setor bancário• Tributação explícita  – CPMF, PIS, Cofins, IR, IOF,...• Tributação implícita  –   Compulsóri...
Alíquotas 1990 - 200030,00%25,00%20,00%15,00%10,00% 5,00% 0,00%         1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 ...
CPMF• 0,38% de cada transação• Supondo:  –   Depósito -  –   Empréstimo -  –   Pagamento do empréstimo -  –   Pagamento do...
CPMF, FGC, IRF, PIS, Cofins e IOF • Supondo uma operação de um mês e:   – Taxa básica                =0   – Investidor    ...
Agregados – abril2004250.000                                                          240.099200.000                      ...
Entraves legais•   Enforçabilidade de contratos•   Estrutura normativa defasada•   Competência concorrente de órgãos sub-n...
Spreads abril 2004    140%                                                   125,4%    120%    100%     80%               ...
.   Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004   38                                                  38
de.                                                                                       0                               ...
Nova Lei de FalênciasValor da         • Questão processualFranquia                    – Privilegiar mecanismos de mercado ...
Insolvência, PIB e burocracia                                                                                             ...
Barreira do créditoProjeção de aumento de 16% - real de 10% - em 2004• Necessidade de superação de barreiras  –   Tributaç...
Crescimento do PIB – 1993 - 2005             5,85 6      4,92 5                     4,22                                4,...
Bens de capital – índice de produção física  130,0  125,0                                                        124,2 125...
Variação do volume de vendas nocomércio varejista (igual mês do ano anterior)  12,5                                       ...
Indústria Geral (mensal, igual mês do ano anterior=100)  115,0                                                            ...
Componentes da demanda (c/ajuste sazonal)10,00 8,00                                                                     8,...
Crescimento do PIB 2003  12                  10,4          9,8  10    8                                                   ...
Crescimento médio 1980-2001    3,30                                                                   3,30    3,20        ...
Política econômica em 2003• Superação das barreiras macroeconômicas     • Estabilidade da relação dívida/PIB     • Restriç...
Projeções do PIB 2004 e 20053,75       3,70                 3,71                        3,67                      3,693,70...
Transição entre crise e crescimento• Momento de esperança e preocupação:  – Cenário externo favorável  – Superação de difi...
Estratégia de crescimento sustentado• Adequação do crescimento ao século XXI  – Educação, educação, educação, tecnologia, ...
Cenários                                                  Roberto Luis Troster                                            ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Palestra: Cenários Econômicos para 2004 - Roberto Troster

738 views

Published on

Palestra sobre Cenários Econômicos para 2004 realizada por Roberto Troster (Economista e Chefe da FEBRABAN) na ExpoGestão 2004.

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
738
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Palestra: Cenários Econômicos para 2004 - Roberto Troster

  1. 1. Cenários Roberto Luis Troster troster@febraban.org.br “Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condiçãoessencial para o desenvolvimento econômico e social do País”
  2. 2. Cenário para 2004• Crescimento do PIB > 3,5%• Juros dezembro ≈ 14%• Dólar dezembro ≈ R$ 3,10• IPCA 2004 ≈ 6,0%• Balança comercial ≈ US$ 25 bilhões• Crescimento do crédito ≈ 16%• Risco Brasil dezembro ≈ 500 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 2 2
  3. 3. Cenário internacional Projeção de crescimento do PIB (2003 - 2005)5,0 4,74,0 3,6 3,33,0 2,8 2,62,0 2,0 2,0 1,61,0 0,40,0 Estados Unidos Área do Euro Japão 2003 2004 2005Fonte: The Economist May 22th 2004 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 3 3
  4. 4. Juros internacionais Taxas de títulos de 10 anos maio de 2003 e 20045,00 4,64 4,24 3,744,00 3,413,002,00 1,471,00 0,530,00 Estados Unidos Área do Euro Japão maio 2003 maio 2004 Fonte: The Economist May 22th 2004 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 4 4
  5. 5. Juros americanos de 10 anos5,00 4,46 4,644,50 4,42 4,1 4,13 4,27 4,22 4,18 4,19 3,994,00 3,41 3,35 3,713,503,002,502,001,501,000,500,00 3 3 3 3 3 i-0 n-0 jul-0 o-0 et-0 ut-0 3 3 03 04 v-04 r-04 r-04 i-04 a v-0 ez- jan- a a m ju ag s o no d fe m ab m Fonte: The Economist 2003 e 2004 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 5 5
  6. 6. Obstáculos• Volatilidade• Déficits gêmeos• The great rate hike• Terrorismo• Petróleo• China• Argentina . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 6 6
  7. 7. Argentina Crescimento do PIB 8,709,008,007,00 5,506,00 4,505,004,003,002,001,000,00 2003 2004 2005 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 7 7
  8. 8. Argentina• Recuperação de crescimento surpreendente• Avanços políticos• Polêmicas• Uso de capacidade ociosa• PIB em 2000 U$ 300 bi; em 2005 U$ 146 bi• Crise energética, fusos horários diferentes• Impasse na renegociação da dívida• Investimento externo: – US$ 29.300 milhões em 1999 – US$ 478 milhões em 2003 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 8 8
  9. 9. Setor externo brasileiro 1998-2004 E xp o rtaçõ es b rasileiras 90. 00 0 Balança comercial 82.219 30.000 80. 00 0 73.084 25.000 24.824 25.198 70. 00 0 60.362 20.000 60. 00 0 51.140 48.011 55.086 58.223 50. 00 0 15.000 13.121 40. 00 0 10.000 30. 00 0 5.000 2.650 20. 00 0 0 -1.199 -698 10. 00 0 -5.000 -6.575 0 -10.000 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004* 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004* Importações brasileiras Transações correntes 5.000 4.051 0 2.022 0-10.000 -5.000 -7.718-20.000 -10.000 -15.000-30.000 -20.000-40.000 -25.335 -24.225 -23.215 -25.000 -49.210 -47.216 -48.260-50.000 -30.000 -30.452 -33.416 -57.714 -55.783 -55.572 -56.928 -35.000-60.000 1997 1998 1999 2000 2001 2002* 2003* 2004* 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004* . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 Fonte: Febraban 9 9
  10. 10. Dívida externa líquida 1993-2003200 190 190 182180 163 165160 151140 131120 105 94100 92 101 80 60 40 20 0 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 10 10
  11. 11. Dívida externa/exportações4,0 3,63,5 3,2 3,13,0 2,8 2,72,5 2,3 2,0 2,12,0 1,81,51,00,50,0 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 Fonte: Bacen . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 11 11
  12. 12. Juros/exportações (%)40,0 36,435,0 31,0 31,0 30,330,0 26,7 27,2 25,325,0 21,0 19,920,015,010,0 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 Fonte: Bacen . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 12 12
  13. 13. Projeções Risco Brasil dezembro 2004 e 2005600 546 479500 424 451 458 406 394 401 405400 371300200100 0 jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 mai/04Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 13 13
  14. 14. Investimento direto externo (US$ bilhões)25,00 22,6020,00 16,6015,00 12,09 10,1010,00 5,00 0,00 2001 2002 2003 2004 Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 14 14
  15. 15. Amortizações externas de longo prazo (US$ bilhões)-20,00-25,00 -27,2-30,00 -31 -32 -35,2-35,00 -38,70-40,00 -42,1-45,00 1999 2000 2001 2002 2003 2004Fonte: Global Invest . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 15 15
  16. 16. EMBI+ 1 de junho de 2004 800 709 700 600 509 500 500 485 400 308 300 207 200 100 0 Geral Brasil México Russia Turquia PeruFonte: Global Invest . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 16 16
  17. 17. Cenário externo• Economia mundial crescendo• Juros baixos pelos padrões - Yield search• Melhoria do desempenho externo• Cenário aparentemente bom• Perfil do endividamento deixa o país sensível à turbulências• Nenhum obstáculo intransponível . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 17 17
  18. 18. Dívida pública 1993-2004(%PIB)60 58,7 56,6 55,5 52,650 48,7 48,8 41,740 30,4 34,4 31,2 33,3 30,8302010 0 1993 1995 Fonte: Febraban 1997 1999 2001 2003 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 18 18
  19. 19. Déficit fiscal, 12 meses % PIB10,00 9,07 8,68 5,00 4,45 5,00 0,00 -4,07 -4,23-5,00 abril 2003 abril 2004 Nominal Juros PrimárioFonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 19 19
  20. 20. Benefícios do INSS % PIB7,5 7,27,0 6,9 6,3 6,56,5 6,1 6,16,05,55,04,54,03,53,0 1999 2000 2001 2002 2003 2004Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 20 20
  21. 21. Carga Tributária % PIB 38 36 35 32 33 33 31 29 28 23 18 13 8 3 1998 1999 2000 2001 2002 2003Fonte: Global Invest . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 21 21
  22. 22. Curva de Laffer, deslocamento e jurosArrecadação Alíquota . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 22 22
  23. 23. Política Monetária 2004• Metas de inflação – Avanço institucional importante – Boa absorção das crises – Independência de fato - 14/10/2002• Importância da estabilidade da moeda – Previsibilidade à política econômica – Crescimento a longo prazo• Predominância fiscal – Dívida alta – Valor presente do déficit elevado . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 23 23
  24. 24. Projeções IPCA – dezembro 2004 6,15 6,08 6,12 6,13 6,05 6 5,96 5,93 5,905,85,65,45,2 5 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 mai/04Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 24 24
  25. 25. Projeções Selic média e dezembro 200416,00 15,12 15,12 15,31 15,00 14,73 14,9615,00 14,1314,00 13,91 13,62 13,71 13,70 13,7013,0012,0011,0010,00 dez/03 jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 mai/04 Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 25 25
  26. 26. Juros básicos 16 16 14 12 10 8 6 5,96 4 2,88 2 1,68 2,05 1,07 0 0,03 Brasil Argentina Chile México Estados Japão Área doFonte: The Economist Unidos Euro . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 26 26
  27. 27. Operações de crédito R$ bilhões 430,0 425,66 420,0 412,28416,68 409,83 409,25 410,0 404,82 400,0 395,02 389,87 390,0 385,32 381,37382,88 380,0 370,0 set/03 jun/03 ago/03 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 abr/04 jul/03 mar/04Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 27 27
  28. 28. Operações de crédito variação em 12 meses15,00% 12,99% 9,53%10,00% 7,72% 8,35% 8,25% 8,03% 6,07% 5,00% 3,77% 0,00% set/03 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 28 28
  29. 29. Bancarização assimétrica• Sistema de pagamentos – Um dos mais modernos do mundo – Sofisticado e eficiente• Intermediação Financeira Crédito/PIB 160,0 147,4 140,0 – Relação crédito/PIB baixa 120,0 100,0 69,4 80,0 51,6 60,0 40,0 20,0 0,0 Países de Brasil Países de Renda Média Renda Alta . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 29 29
  30. 30. Spread• Observações – Caráter intermediário dos bancos – Há muitas taxas ativas e passivas – Spread no Brasil é muito alto• Causas – Macroeconômicas – políticas inconsistentes – Tributárias – Institucionais• Conseqüências indesejáveis . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 30 30
  31. 31. Tributação do setor bancário• Tributação explícita – CPMF, PIS, Cofins, IR, IOF,...• Tributação implícita – Compulsórios – Eliminação da correção monetária – Custos de observância elevados (guias, rotinas,...) – Restrições operacionais triviais – Créditos tributários• Complexos• Míopes . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 31 31
  32. 32. Alíquotas 1990 - 200030,00%25,00%20,00%15,00%10,00% 5,00% 0,00% 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000Fonte: Bacen CSLL Finsocial IOF . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 32 32
  33. 33. CPMF• 0,38% de cada transação• Supondo: – Depósito - – Empréstimo - – Pagamento do empréstimo - – Pagamento do depósito• A taxa 0% e renovando mensalmente• Custo mensal da operação= 1,52%• Custo anual da operação = 19,84% . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 33 33
  34. 34. CPMF, FGC, IRF, PIS, Cofins e IOF • Supondo uma operação de um mês e: – Taxa básica =0 – Investidor =0 – Custo de banco =0 – Lucro de banco =0 – Inadimplência =0 • Custo da operação 29,4% . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 34 34
  35. 35. Agregados – abril2004250.000 240.099200.000 158.033150.000 114.855100.000 62.013 38.195 50.000 0 Compulsórios Depósitos à PMPP Crédito livre Crédito vista direcionadoFonte: Bacen . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 35 35
  36. 36. Entraves legais• Enforçabilidade de contratos• Estrutura normativa defasada• Competência concorrente de órgãos sub-nacionais• Morosidade e politização das decisões do judiciário• Descasamentos: Leasing, 12%, FCVS...• Expedientes protelatórios• Excesso de formalismo• Inexigibilidade do principal para questionar juros• Lei de Falências superada• Custos dissipados• Diferenças entre os que não podem e não querem . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 36 36
  37. 37. Spreads abril 2004 140% 125,4% 120% 100% 80% 53,1% 59,9% 60% 40% 26,1% 19,4% 20% 12,0% 0% Desconto Conta Aquisição Cheque Crédito Aquisição de garantida de bens especial pessoal de duplicatas veículosFonte: Bacen . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 37 37
  38. 38. . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 38 38
  39. 39. de. 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100 61 de a 15 15 0 1 di de a as 24 24 0 1 di de a as 33 33 0 1 di de a as 42 42 0 1 di de a as 51 51 0 1 di de a as 60 60 1 0 de a di as 10 1. 00Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 01 0 ac a di as im 15 a 00 de di 15 as 00 Morosidade processual di as3939
  40. 40. Nova Lei de FalênciasValor da • Questão processualFranquia – Privilegiar mecanismos de mercado – Racionalização e do processo – Redução da carga processual – Rapidez nas decisões – Previsibilidade do resultado Tempo . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 40 40
  41. 41. Insolvência, PIB e burocracia Dias para começar uma empresa Duração da insolvência 10,0 15210 160 140 8 120 95 100 100 6 5,8 90 4,6 80 68 67 4 3,0 60 45 48 51 2,6 3,5 2,8 40 20 31 28 2 1,2 0,8 2,0 2,1 2,0 20 4 0,6 0 0 na l a r il ru A ha il e ga do as hin EU Pe nti Ch an rtu Br ua ,C na l a r il ru A ha ge ile ga em do Po as hin Eq EU Pe Ch nti an an Ar rtu Br ua Al ,C ge iw em Po Eq Ta an Ar Grau de informalidade Al iw Ta PIB per capita40.000 37.930 70 67 35.06035.000 33.550 60 6030.000 50 4025.000 22.670 40 3420.000 30 23 30 13.300 20 2515.000 10.840 20 16 20 9 9 1110.000 10 5.910 2.850 5.000 4.2604.060 2.0501.450 900 0 0 na l ina r il ru A ha ile ga do as EU Pe Ch nti an Ch rtu Br ua na l a il r ru A ha i le ga do ge as hin em EU Po Pe nti Ch an Eq rtu , Br ua an Ar ,C ge em Al Po Eq iw an Ar Al Ta iw Ta . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 41 Fonte: Banco Mundial 2003 41
  42. 42. Barreira do créditoProjeção de aumento de 16% - real de 10% - em 2004• Necessidade de superação de barreiras – Tributação Crédito/PIB – Legislação 140,0% 120,0% – Judiciário 100,0% 80,0% – Garantias 60,0% 40,0% – Compulsórios 20,0% 0,0% – Informalidade Países de América Países de Países de renda baixa Latina renda média renda alta – Custos de conformidade Crédito/PIB• Condição necessária para crescer• Discurso e ação dissonante do governo . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 42 42
  43. 43. Crescimento do PIB – 1993 - 2005 5,85 6 4,92 5 4,22 4,36 4 3,46 3,58 3,27 3 2,66 2 1,42 1,52 1 0,79 0,13 0 -0,20-1 1993 1995 1997 1999 2001 2003 2005Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 43 43
  44. 44. Bens de capital – índice de produção física 130,0 125,0 124,2 125,1 125,0 120,0 115,0 110,7 110,0 106,4 105,0 101,8 101,2 101,6 101,9 100,0 97,5 92,9 95,0 90,0 85,0 80,0 mai/03 jun/03 ago/03 set/03 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 jul/03 mar/04 Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 44 44
  45. 45. Variação do volume de vendas nocomércio varejista (igual mês do ano anterior) 12,5 11,4 10,0 7,5 6,0 5,0 5,0 3,2 2,5 0,0 -0,2 -2,5 -2,8 -3,0 -5,0 -4,4 -5,8 -6,3 -5,6 -7,5 mai/03 set/03 jun/03 ago/03 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 jul/03 mar/04Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 45 45
  46. 46. Indústria Geral (mensal, igual mês do ano anterior=100) 115,0 111,9 110,0 105,0 104,0 104,5 103,5 101,2 100,5 101,5 100,0 98,8 98,3 97,5 97,3 95,0 90,0 mai/03 jun/03 ago/03 set/03 out/03 nov/03 dez/03 jan/04 fev/04 jul/03 mar/04 Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 46 46
  47. 47. Componentes da demanda (c/ajuste sazonal)10,00 8,00 8,2 6,2 5,7 5,6 6,00 4,00 4 4 3,2 1,5 1,6 2,3 2,00 0,5 1,5 0,3 0,5 0,70,8 0,2 0,30,8 0,00 -0,90 0,0 -1,2-2,00 -1,9-4,00-6,00 -7,1-8,00 II 2003 III 2003 IV 2003 I 2004PIB Consumo das Famílias Consumo do Governo FBCF Importação Exportação Fonte: IBGE . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 47 47
  48. 48. Crescimento do PIB 2003 12 10,4 9,8 10 8 5,5 6 4,8 5,4 4,9 4 2 1,3 0 -0,1 -2 Brasil India China Chile Perú EUA Área do Japão EuroFonte: The Economist . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 48 48
  49. 49. Crescimento médio 1980-2001 3,30 3,30 3,20 3,15 3,10 3,00 2,90 2,80 2,75 2,70 2,60 2,50 2,40 Países de Brasil Países de Renda Média Renda AltaFonte: Banco Mundial 2003 . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 49 49
  50. 50. Política econômica em 2003• Superação das barreiras macroeconômicas • Estabilidade da relação dívida/PIB • Restrição externa • Controle da inflação• Avanços em questões estruturais • Reformas tributária, previdenciária, 192... • Discussão sobre trabalho, judiciário,...• Governabilidade • Aprovação de reformas • Inserção externa adequada • Amadurecimento político do Brasil • Contundência . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 50 50
  51. 51. Projeções do PIB 2004 e 20053,75 3,70 3,71 3,67 3,693,70 3,68 3,643,65 3,58 3,583,603,55 3,523,50 3,463,453,403,353,30 jan/04 fev/04 mar/04 abr/04 mai/04Fonte: Febraban . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 51 51
  52. 52. Transição entre crise e crescimento• Momento de esperança e preocupação: – Cenário externo favorável – Superação de dificuldades – Crescimento da economia• Outras oportunidades perdidas – Real, Cruzado, Metas, PND,...• Necessidade de estratégia adequada . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 52 52
  53. 53. Estratégia de crescimento sustentado• Adequação do crescimento ao século XXI – Educação, educação, educação, tecnologia, globalização, ...• Contundência da política econômica – José Dirceu, Mercadante, Alencar, Salário mínimo, ...• Macroeconomia – Estabilidade, previsibilidade, solvabilidade, juros• Redução do custo Brasil – Reformas micro, crédito, violência...• Encaminhamento das questões estruturais – Terra, justiça, trabalho, previdência, governo,...• Superação da miopia . Expogestão - Joinville - 4 de junho de 2004 53 53
  54. 54. Cenários Roberto Luis Troster troster@febraban.org.br “Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condiçãoessencial para o desenvolvimento econômico e social do País”

×