Migrações

1,262 views
1,105 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,262
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
24
Actions
Shares
0
Downloads
51
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Migrações

  1. 1. Prof. Hugo Morais GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL www.hugomorais.com.br www.cursoconexao.com
  2. 2. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Oque é migração? Migração é o deslocamento de uma pessoa ou de grupos sociais de um local para outro. Imigração é a saída de um local. Emigração é a entrada em um local. As razões que levam as pessoas ou os grupos sociais migrarem são determinadas por alguns fatores: Políticos – problemas de fronteira, formação de novas nações, perseguições, entre outros. Conflitos religiosos ou étnicos. Naturais – enchentes, terremotos, erupções, secas, entre outros. Econômicos – são os predominantes. As pessoas migram em busca de trabalho e de melhores condições de vida.
  3. 3. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais TIPOS DE MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS As migrações poder ser divididas em vários tipos. De acordo com sua finalidade. ESPONTÂNEAS – deslocamentos voluntários. FORÇADAS – Motivadas por perseguições políticas, étnicas ou religiosas. TUTELADOS – Países controlam a entrada de pessoas. POR INTERESSES ECONÔMICOS DOS PAÍSES DESENVOLVIDOS – Nações economicamente prósperas que necessitam de mão-deobra de alta especialização para determinados setores tecnológicos. MIGRAÇÕES DEFINITIVAS – quando o migrante se estabelece de forma permanente no local de seu destino. MIGRAÇÕES TEMPORÁRIAS – podem ser diárias ou em certo período, como as peregrinações, o turismo, os boias-frias.
  4. 4. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS No plano internacional, dois principais fatores das migrações são políticos e econômicos. Os principais pólos de atração de imigrantes correspondem aos países mais desenvolvidos da União Européia, da América Anglo-Saxônica (Estados Unidos e Canadá), da Oceania (Austrália e Nova Zelândia) e Japão. Os países subdesenvolvidos aonde o crescimento populacional é superior ao crescimento econômico costumam apresentar o fenômeno da emigração, que corresponde a saída das populações em direção a outras regiões ou países que apresentam perspectivas mais promissoras.
  5. 5. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  6. 6. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais AS MIGRAÇÕES MUNDIAIS E OS DESAFIOS PARA O SÉCULO XXI MIGRAÇÕES ILEGAIS Diversas redes legais e ilegais se estabelecem nos países de saída e de destino dos migrantes, constituindo um comércio de mão-de-obra. As redes clandestinas incluem tráfico de mulheres, escravização de pessoas, contrabando de gente, emissão de documentos falsos, etc. bastante rentável, globalizado e estruturado em nível mundial, o mercado clandestino de trabalhadores atualmente é dominando por poderosas máfias. Quando os migrantes em situação irregular chegam ao país de destino, ficam sujeitos a incertezas e discriminações. Como não tem a plena cidadania, não gozam de direitos civis, com serviço de saúde e de educação, e acabam por integrar marginalmente a força de trabalho. Em geral, o trabalho é explorado, transformando-se, em alguns casos, em escravidão.
  7. 7. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Metade dos imigrantes ilegais detectados pela Frontex entra na União Europeia através da rota do Mediterrâneo Oriental, pela Grécia, Bulgária e Chipre.
  8. 8. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Fronteira dos EUA com o México
  9. 9. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais DESAFIOS LIGADOS A MIGRAÇÃO XENOFOBIA Grande parte dos habitantes do país de destino sente ameaçada pela concorrência da mão-de-obra barata e tem atitudes racistas e/ ou de intolerância conhecidas como xenofobia.
  10. 10. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais OUTROEXEMPLO Preconceitos contra migrantes também podem ser vistos em relação aos bolivianos que vivem no Brasil, por exemplo. Ou aos nordestinos que vêm trabalhar na região Sudeste.
  11. 11. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais DESAFIOS LIGADOS A MIGRAÇÃO TRABALHO ESCRAVO Assumindo trabalho pesado e com baixa remuneração, a maioria dos migrantes vai viver em bairros afastados ou nos subúrbios das cidades. As comunidades isoladas em bairros esquecidos pelo poder público formam os chamados guetos, bairros diferenciados etnicamente.
  12. 12. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  13. 13. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais MIGRAÇÕES NO BRASIL Nordeste, “TERRA DE ARRIBAÇÃO”
  14. 14. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Minha vida é andar Por esse país Pra ver se um dia Descanso feliz Guardando as recordações Das terras por onde passei Andando pelos sertões E dos amigos que lá deixei. Chuva e sol Poeira e carvão Longe de casa Sigo o roteiro Mais uma estação E a alegria no coração Minha vida é andar Chuva e sol, Inverno e verão Mostre o sorriso Mostre a alegria Mas eu mesmo não E a saudade no coração Minha vida é andar...
  15. 15. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  16. 16. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  17. 17. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  18. 18. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais MIGRAÇÃOSAZONAL OU TRANSUMÂNCIA Transumância é o nome dado aos movimentos populacionais de grupos sociais que se deslocam temporariamente, mantendo relação com as estações do ano. No Brasil, a transumância é praticada em vários lugares do país. No Nordeste, ocorre entre o Sertão e o Agreste em direção a Zona da Mata.
  19. 19. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  20. 20. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  21. 21. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Migrações diárias ou pendulares Movimentos pendulares são aquelas realizadas diariamente por milhares de trabalhadores urbanos que se deslocam de sua moradia, geralmente localizada a grandes distâncias do local de trabalho, para a empresa em que trabalham ou para o exercício de atividade ligada ao trabalho informal (vendedores ambulantes, vendedores de flores, frutas e doces nos semáforos e outros).
  22. 22. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  23. 23. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Migração campo-cidade ou Êxodo Rural Êxodo rural é um movimento populacional que envolve a população rural que se desloca do campo em direção as áreas urbanas.
  24. 24. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Os principais fatores que levam a esse deslocamento são: o processo e concentração da propriedade da terra; a penetração das imagens de televisão no campo, e com ela a difusão da vida urbana, criando o desejo de morar na cidade; a estrutura fundiária antidemocrática; as secas periódicas que acontecem no Nordeste; o avanço do capitalismo no campo e na cidade, que aprofundou ainda mais o caráter de mercadoria que já possuía a terra.
  25. 25. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais AS CIDADES E OPROCESSO DE URBANIZAÇÃO Urbanização é o resultado da transferências de pessoas do campo para a cidade, fazendo com que a maioria da população de um país se localize na área urbana. CRESCIMENTO URBANO – Aumento no número de pessoas que vivem em cidades. O ritmo do crescimento da população urbana depende do aumento natural da população urbana e da população recebida nas áreas urbanas devido à migração rural-urbana. CRESCIMENTO URBANO DESORDENADO
  26. 26. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais PROBLEMAS URBANOS
  27. 27. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais INCHAÇOURBANO Consequência mais direta do crescimento acelerado e desordenado da maior parte das cidades do mundo; FRUTO DE UMA OCUPAÇÃO CAÓTICA. Os problemas socioambientais são mais flagrantes quando uma cidade cresce a partir de uma infraestrutura precária ou deficiente (caso de São Paulo).
  28. 28. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  29. 29. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  30. 30. Prof. Hugo Morais GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL www.hugomorais.com.br www.cursoconexao.com

×