Your SlideShare is downloading. ×
Vinte dicas para ajudar você a educar os pequenos financeiramente
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Introducing the official SlideShare app

Stunning, full-screen experience for iPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Vinte dicas para ajudar você a educar os pequenos financeiramente

76
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
76
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Vinte dicas para ajudar você a educar os pequenos FINANCEIRAMENTE.1 Ensinar ao seu filho a distinguir as coisas que compramos porque “queremos” daquelas que “precisamos”.2 Desde cedo faça seu filho entender a importância de não desperdiçar e cuidar do dinheiro.3 Ensinar a criança a controlar o consumo por impulso, mostrando como elaborar uma lista de compras eobedecê-la no supermercado.4 Explicar aos filhos que tipo de trabalho realizam. Isso ajudará a criança a estabelecer relação entre ganho dedinheiro e os limites de seu uso.5 Mostrar as diferenças entre coisas “caras” e “baratas” em diferentes ambientes (padaria, farmácia, papelariaetc.).6 Assumir as próprias deficiências com relação ao dinheiro. Use o bom senso e não dê lições de moral.7 Estimular a criança a participar do orçamento doméstico, incentivando-a a dar sugestões sobre modos dereduzir despesas.8 Dar mesada à criança. Isso irá ajudá-la a tomar decisões e fazer escolhas, mesmo que em pequena escala.9 Não se sentir desanimado se a criança gastar todo o dinheiro da mesada.Cometer erros é normal e vai ensiná-la a evitar erros maiores no futuro.10 Reforçar a idéia de que a responsabilidade social e a ética devem estar sempre presentes no ganho e no usodo dinheiro.11 Resista à tentação de presentear seu filho a todo o momento. Estipule as ocasiões que você considera maispropícias para isso.12 Em hipótese alguma estabeleça relação entre o desempenho nos estudos e o ganho de dinheiro. Troque-opor um abraço afetuoso.13 Procure envolver os avós no processo de Educação Financeira da criança, explicando as razões do limite epedindo que colaborem.14 Cuide para que a mesada seja um instrumento de amadurecimento financeiro da criança e não uma fonte deconflitos.15 Não use a suspensão da mesada como forma de punição por malcriações ou baixo rendimento escolar. Essanão é sua função.16 Fixe um dia para o pagamento da mesada, mantendo-o sempre o mesmo.17 Não estabeleça como condição para a mesada a realização de tarefas na casa.A criança poderá recusar-se a cumpri-las se não precisar de dinheiro.18 Ensine a importância de poupar. Proponha uma meta de poupança e incentive seu filho a alcançá-la.19 Não o recrimine por suas compras. No entanto, procure impor algumas restrições a gastos que você nãoconcorde.20 Não se torture por não dar a seu filho tudo o que ele pede. Dessa maneira, ele será um adulto responsável,produtivo e com autoestima.