Guia Unidade Model O P Roblematica T10

  • 94 views
Uploaded on

 

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
94
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Guia da Unidade São objectivos desta sessão:  Perceber a estrutura e os conceitos implicados na construção do Modelo de Auto- Avaliação das Bibliotecas Escolares.  Entender os factores críticos de sucesso inerentes à sua aplicação. Leituras obrigatórias: - Texto da sessão, disponibilizado na plataforma. Eisenberg, Michael & Miller, Danielle (2002) “This Man Wants to Change Your Job”, School Library Journal. 9/1/2002 <http://www.schoollibraryjournal.com/article/CA240047.html> [13/10/2009]. Todd, Ross (2002) “School librarian as teachers: learning outcomes and evidence- based practice”. 68th IFLA Council and General Conference August. <http://www.ifla.org/IV/ifla68/papers/084-119e.pdf> [13/10/2009]. Todd, Ross (2008) “The Evidence-Based Manifesto for School Librarians”. School Library Journal. 4/1/2008. < http://www.schoollibraryjournal.com/article/CA6545434.html> [13/10/2009]. Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares. Modelo de Auto-Avaliação Tarefas: Seleccione apenas uma das seguintes tarefas. Tarefa 1 : 1ª parte da tarefa (a realizar até 6ª-feira, dia 13 de Novembro) Planeie um Workshop formativo de apresentação do Modelo de Auto-Avaliação dirigido à sua escola/ agrupamento. As temáticas a abordar deverão ser, entre outras, as seguintes: - Pertinência da existência de um Modelo de Avaliação para as bibliotecas escolares. - O Modelo enquanto instrumento pedagógico e de melhoria de melhoria. Conceitos implicados. - Organização estrutural e funcional.
  • 2. - Integração/ Aplicação à realidade da escola/ biblioteca escolar. Oportunidades e constrangimentos. - Gestão participada das mudanças que a sua aplicação impõe. Níveis de participação da escola. (Recorra, quando julgar oportuno, à informação disponibilizada, citando-a. Indique os instrumentos a criar para a realização do workshop. Nota: Não é necessário apresentar os instrumentos – apresentações Powerpoint ou outros. Basta fazer referência aos que considera necessários). 2ª parte da tarefa (a realizar até Domingo, 15 de Novembro): Escolha a proposta de um dos colegas e comente-a identificando: - 2 pontos fortes - 2 constrangimentos inerentes ao sucesso da iniciativa. Tarefa 2: 1ª parte da tarefa (a realizar até 6ª-feira, dia 13 de Novembro) Faça uma análise crítica ao Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares, tendo em conta os seguintes aspectos: - O Modelo enquanto instrumento pedagógico e de melhoria de melhoria. Conceitos implicados. - Pertinência da existência de um Modelo de Avaliação para as bibliotecas escolares. - Organização estrutural e funcional. Adequação e constrangimentos. - Integração/ Aplicação à realidade da escola. - Competências do professor bibliotecário e estratégias implicadas na sua aplicação. Recorra, quando julgar oportuno, à informação disponibilizada, citando-a. 2ª parte da tarefa (a realizar até Domingo, 15 de Novembro): Seleccione o contributo de um dos colegas e faça um comentário fundamentado à análise efectuada. Bom trabalho, As Formadoras