Localização• Nome de origem quéchua (indígena) significa  região plana• Também chamado de Campos Sulinos• Localizados entr...
Extensão• Ocupa 63% do estado do  RS (presente apenas nele)• 2,4 % do território brasileiro
Extensão• Se estendendo por  Uruguai e Argentina
Flora• Composto basicamente por gramíneas
Flora• Isso graças a dois fatores principais:   – fogo   – pastoreio
Flora• Que formam um tapete verde ao longe
Flora• A vegetação está relacionada a fatores edáficos e  não climáticos• Ou seja, fatores de solo (tipo e relevo)• E susc...
Flora• Em torno de 550 espécies florísticas
Flora• Não dependem de grande quantidade de chuvas• Com precipitação média de 1200 mm/ano• Nos meses de inverno
Aspectos Faunísticos• Alta biodiversidade• Espécies endêmicas• Interesse econômico e genético
Aspectos Faunísticos• 102 ssp mamíferos, 476 ssp de aves, 50 ssp de peixes• 39% de mamíferos são endêmicos• 11 espécies de...
Mamíferos• Tatu, Guaxinim, cachorro do mato• 20 primatas• Gato dos pampas
Aves• Coruja buraqueira• Ema ou Nhandu• Marreco, Cisne de pescoço preto, Quero-quero
Peixes• 1 espécie endêmica e rara  – Gymnogeophagus sp.• Surubim, Lambari Azul, Cação Anjo, Tamboatá
Conservação• APA• Rio Ibirapuitã• 40%• Campanhas
Clima• Subtropical úmido• Controlado pelo anticiclone do Atlântico Sul• Pressão – Relevo• ITCZ
Clima• Massas de ar vindas do oceano• Leste e nordeste• Chuvas: outono a março
Clima• 18°C• Amplitude térmica• Mosaico campo-floresta
Solo• Fértil• Terra roxa• Atividades agrícolas• Planaltos não tão férteis• Planícies litorâneas arenosas
Queimada• Intensidade do fogo• Frequência das queimadas• Aspectos históricos
Aspectos Ecológicos• Monoculturas de árvores  exóticas
Aspectos Ecológicos• Sombreamento agressivo• Potencial alelopático negativo• Invasão de ecossistemas• Desaparecimento de e...
Aspectos Ecológicos• Características fisionômicas da vegetação• Dinâmica da vegetação em ecossistemas campestres é  mediad...
Aspectos Ecológicos  Características fisionômicas da vegetação– Fogo– Pastejo– Precipitação– Pisoteio por animais– Concent...
Aspectos Ecológicos     Características fisionômicas da vegetação• Diferentes tipos e níveis de perturbação natural,  inte...
Aspectos Ecológicos• Heterogeneidade espacial da vegetação e  composição da avifauna  • Espécies intolerantes ao fogo e ao...
Riquezas• Abriga maior parte do Aquífero Guarani  – 450 espécies de gramíneas  – Mais de 150 leguminosas  – 70 tipos de ca...
Ocupação humana• 41,32% do território transformado em áreas rurais  com plantações e construções• Menos de 1% são cidades
Unidades de Conservação• Menor representatividade no SNUC  – 0,36% do território são áreas de conservação• Duas reservas  ...
Unidades de Conservação• Pampa é visto como “menos nobre”• Necessário proteção para entender ecologia de  espécies de hábi...
Silvicultura• Empresas tem interesse em plantar eucalipto na  região• Zoneamento ambiental para a atividade está  sendo di...
Zoneamento• A partir do levantamento e zoneamento ecológico  do RS, áreas de conservação podem ser  ampliadas
Ecossistema: Pampas
Ecossistema: Pampas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Ecossistema: Pampas

7,253

Published on

Published in: Education
1 Comment
5 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
7,253
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
195
Comments
1
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ecossistema: Pampas

  1. 1. Localização• Nome de origem quéchua (indígena) significa região plana• Também chamado de Campos Sulinos• Localizados entre 34°e 30°latitude leste e 57°e 62°latitude oeste
  2. 2. Extensão• Ocupa 63% do estado do RS (presente apenas nele)• 2,4 % do território brasileiro
  3. 3. Extensão• Se estendendo por Uruguai e Argentina
  4. 4. Flora• Composto basicamente por gramíneas
  5. 5. Flora• Isso graças a dois fatores principais: – fogo – pastoreio
  6. 6. Flora• Que formam um tapete verde ao longe
  7. 7. Flora• A vegetação está relacionada a fatores edáficos e não climáticos• Ou seja, fatores de solo (tipo e relevo)• E susceptível a erosão
  8. 8. Flora• Em torno de 550 espécies florísticas
  9. 9. Flora• Não dependem de grande quantidade de chuvas• Com precipitação média de 1200 mm/ano• Nos meses de inverno
  10. 10. Aspectos Faunísticos• Alta biodiversidade• Espécies endêmicas• Interesse econômico e genético
  11. 11. Aspectos Faunísticos• 102 ssp mamíferos, 476 ssp de aves, 50 ssp de peixes• 39% de mamíferos são endêmicos• 11 espécies de mamíferos• 22 espécies de aves
  12. 12. Mamíferos• Tatu, Guaxinim, cachorro do mato• 20 primatas• Gato dos pampas
  13. 13. Aves• Coruja buraqueira• Ema ou Nhandu• Marreco, Cisne de pescoço preto, Quero-quero
  14. 14. Peixes• 1 espécie endêmica e rara – Gymnogeophagus sp.• Surubim, Lambari Azul, Cação Anjo, Tamboatá
  15. 15. Conservação• APA• Rio Ibirapuitã• 40%• Campanhas
  16. 16. Clima• Subtropical úmido• Controlado pelo anticiclone do Atlântico Sul• Pressão – Relevo• ITCZ
  17. 17. Clima• Massas de ar vindas do oceano• Leste e nordeste• Chuvas: outono a março
  18. 18. Clima• 18°C• Amplitude térmica• Mosaico campo-floresta
  19. 19. Solo• Fértil• Terra roxa• Atividades agrícolas• Planaltos não tão férteis• Planícies litorâneas arenosas
  20. 20. Queimada• Intensidade do fogo• Frequência das queimadas• Aspectos históricos
  21. 21. Aspectos Ecológicos• Monoculturas de árvores exóticas
  22. 22. Aspectos Ecológicos• Sombreamento agressivo• Potencial alelopático negativo• Invasão de ecossistemas• Desaparecimento de espécies
  23. 23. Aspectos Ecológicos• Características fisionômicas da vegetação• Dinâmica da vegetação em ecossistemas campestres é mediada por variações na intensidade e na frequência de distúrbios causados por agentes de perturbação
  24. 24. Aspectos Ecológicos Características fisionômicas da vegetação– Fogo– Pastejo– Precipitação– Pisoteio por animais– Concentração de nutrientes pela a excreção por herbívoros
  25. 25. Aspectos Ecológicos Características fisionômicas da vegetação• Diferentes tipos e níveis de perturbação natural, interagindo com características: – Topográficas –Hidrológicas –Pedológicas
  26. 26. Aspectos Ecológicos• Heterogeneidade espacial da vegetação e composição da avifauna • Espécies intolerantes ao fogo e ao pastejo • Espécies dependentes desses fatores
  27. 27. Riquezas• Abriga maior parte do Aquífero Guarani – 450 espécies de gramíneas – Mais de 150 leguminosas – 70 tipos de cactos – 385 aves – 90 mamíferos
  28. 28. Ocupação humana• 41,32% do território transformado em áreas rurais com plantações e construções• Menos de 1% são cidades
  29. 29. Unidades de Conservação• Menor representatividade no SNUC – 0,36% do território são áreas de conservação• Duas reservas – Parque Estadual do Espinilho – Reserva Biológica Ibirapuitã• Gado solto e um funcionário
  30. 30. Unidades de Conservação• Pampa é visto como “menos nobre”• Necessário proteção para entender ecologia de espécies de hábito campestre
  31. 31. Silvicultura• Empresas tem interesse em plantar eucalipto na região• Zoneamento ambiental para a atividade está sendo discutido
  32. 32. Zoneamento• A partir do levantamento e zoneamento ecológico do RS, áreas de conservação podem ser ampliadas
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×