Your SlideShare is downloading. ×
2.protozooses3m
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

2.protozooses3m

3,228

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,228
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
60
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Biologia – Ensino Médio Reino Protista Protozooses: Doenças causadas por protozoários
  • 2. Protozoa
    • Organismos unicelulares, microscópicos, eucariontes e heterotróficos.
    • Vida livre ou comensais.
    • Podem apresentar grau de complexidade elevado.
    • Habitat úmidos.
    • + de 64000 spp.
  • 3. Classificação
    • Existem 6 Filos.
    • 3 mais importantes:
      • Sarcomastigophora: * Sarcodina – pseudópodes – amebas;
      • * Mastigophora – flagelos – Trypanosoma cruzi, Giárdia...
      • Apicomplexa: sem organelas de locomoção – Plasmidium sp, Toxoplasma sp
      • Ciliophora: cílios – Paramecium caudatum
  • 4. Protozooses
    • Amebíase – protozoário sarcodíneo (rizópode) – Entamoeba histolytica.
    • Sintomas: dores abdominais, diarréia muco sanguinolenta , anemia.
    • Contaminação: água com cistos da ameba.
    • Profilaxia: higiene com as mãos, alimentos, água, saneamento básico.
    • Cistos resistem longos períodos.
    • Se chegar a corrente sanguínea, pode alojar-se no fígado, pulmões e cérebro.
  • 5. Protozooses
  • 6. Protozooses
    • Giardíase – protozoário flagelado: Mastgophora – Giardia lamblia .
    • Sintomas: dor abdominal, náuseas e diarréia.
    • Profilaxia: saneamento básico, água fervida ou filtrada, lavar frutas e verduras.
    • Moscas podem transmitir cistos da giárdia.
  • 7. Protozooses
    • Mal de Chagas – protozoário flagelado – Mastigophora -
    • Trypanosoma cruzi.
    • Hospedeiro natural: animais silvestres – tatus, macacos, morcegos, gambás...
    • Transmissores: barbeiros (HI) – percevejos hematófagos que vivem em buracos no chão, nas paredes, entre a palha de casas de pau a pique. Pica o rosto durante a noite e defeca. O protozoário presente nas fezes, penetra na pele.
  • 8.
    • Chagoma – lesão inicial (edema).
    • Fase inicial: aguda, elevada parasitemia, estado febril.
    • Fase crônica: diminui o número de parasitas no sangue, que passam para o fígado, baço, intestinos, coração.
    • O indivíduo contaminado transmite o parasita ao ser picado pelo barbeiro . O Trypanosoma se reproduz por divisão longitudinal (cissiparidade) no intestino do inseto)
  • 9.
    • Sintomas: cardiomegalia, taquicardia, miocardite, hepatoesplenomegalia (aumento do fígado e do baço), encefalite, febre, anemia, cansaço ...
      • Profilaxia:
    • -melhoria nas condições de moradia;
    • Telas nas janelas;
    • Inseticidas;
    • Cuidados na recepção de sangue para doação;
    • Assistência médica às gestantes (evitar contaminação congênita).
  • 10.  
  • 11.
    • Protozooses
    • Tricomoníase : DST – protozoário flagelado
    • Trichomonas vaginalis .
    • Contamonação:
    • -relações sexuais sem preservativos;
    • -contaminação direta em piscinas, sanitários;
    • -roupas mal lavadas;
    • -toalhas de uso comum.
    • * Sintomas: prurido, edema, vaginite, uretrite, leucorreia.
  • 12.
    • Protozooses
    • Leishmaniose tegumentar : úlcera-de-bauru.
    • protozoário flagelado Leishmania braziliensis
    • Transmissão: picada do mosquito-palha.
    • Profilaxia: combate aos mosquitos, uso de telas, mosquiteiros.
      • Sintomas:
      • -Lesões no nariz;
      • Lesões na boca;
      • Lesões na pele.
  • 13.
    • Leishmaniose visceral : Leishmania donovani;
    • Transmissão: picada do mosquito.
    • Sintomas:
    • -edema no fígado e baço;
    • Atrofia do tecido hematopoiético na medula óssea;
    • Redução de células sanguíneas;
    • Baixa imunidade, anemia e hemorragia.
    L. Visceral L. tegumentear L. mucocutânea
  • 14.
    • Protozooses
    • Malária: protozoário esporozoário-
    • Plasmidium sp.
    • Apicomplexa
      • Sintomas:
    • -febre alta (41ºC);
        • Anemia;
        • cefaléia;
        • Hepato e esplenomegalia ;
        • ( fígado e baço);
    • Profilaxia:
    • -combate ao mosquito;
  • 15.
    • Hospedeiros:
    • HI: humanos, pois o Plasmidium realiza i ciclo asexuado em seu interior.
    • HD: Anopheles (mosquito prego), pois o P lasmidium realiza o ciclo sexuado em seu interior.
    • Espécies causadoras – agentes etiológicos.
    • Plasmidium vivax: 48 horas – febre terçã benigna;
    • Plasmidium falciparum: 36 - 48 horas – febre terçã maligna – afeta o cérebro – 98% das mortes.
    • Plasmidium malariae: 72 horas – febre quartã.
    • Plasmidium ovale: não ocorre no Brasil.
  • 16.
    • Ciclo Biológico
    • Contaminação: fêmea do Anopheles pica uma pessoa.
    • Saliva com anticoagulante.
    • Plasmodios na forma de esporozoítos atinge a corente sanguínea.
    • Infectam órgãos, reprodução assexuada – formam merozoítos.
    • Voltam a corrente sanguínea e penetram nas hemáceas – tornam-se trofozoítos jovens;
    • reprodução assexuada – merozoítos.
    • Destruição das hemáceas.
    • Ciclo febril=templo que os plasmódios levam para completar o ciclo dentro das hemáceas.
  • 17.
    • Febre – libera hemozoína – toxina.
    • após algumas gerações, os merozoítos – gametócitos masc. e fem.
    • Mosquito suga o sangue com as formas reprodutivas (gametócitos);
    • No tubo digestivo do mosquito – reprodução sexuada.
    • Zigoto instala-se nas paredes do estômago. Formam-se novos esporozoítos, que migram para glândula salivar do mosquito.
    • Ao picar um indivíduo, injeta os parasitas em sua corrente sanguínea, começando um novo ciclo.
    Protozooses
  • 18.  
  • 19.
    • Protozooses
    • Toxoplasmose: mamíferos e aves.
    • Protozoário esporozoário – Toxoplama gondii .
    • Transmissão: Ingestão dos cistos (carne crua), contato direto com as fezes de animais contaminados, placenta – congênita.
    • Sintomas: febre prolongada e edema nos gânglios linfáticos.
    • Congênita: aborto, problemas neurológicos e oculares.
  • 20. Paramecium
    • Protozoário Ciliophora.
    • Sulco oral – penetração de alimentos.
    • Formação de vacúolo digestivo.
    • Regulação osmótica – vacúolo contrátil.
    • Micronúcleo – herança genética e reprodução asexuada.
    • Macronúcleo – funções vegetativas.
  • 21. Paramecium
    • Reprodução:
      • Assexuada: cissiparidade (bipartição)
      • Sexuada: conjugação (anfimixia) – troca de micronúcleos.

×