Atividades com o Conto "A Bela E A Fera
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
33,532
On Slideshare
33,284
From Embeds
248
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
304
Comments
3
Likes
2

Embeds 248

http://erikavecci.blogspot.com 248

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Peruíbe, fevereiro de 2005 Nome:________________________________ série:______ data:______ Prof. Érika Revisão: A BELA E A FERA Um rico mercador do Oriente, chamado Abdenos, tinha três lindas filhas. Duas delas eram tão fingidas e más quanto belas. Porém, Bela a filha mais nova, era doce e humilde e por isso recebia um carinho especial de seu pai. Tendo Abdenos, um dia, que viajar para bem longe a negócios, perguntou às três filhas o que gostariam que ele lhes trouxesse de presente. As duas egoístas despejaram uma lista de pedidos entre jóias e vestidos caros; Bela, no entanto, disse ao pai que já tinha tudo o que precisava e que lhe trouxesse apenas uma rosa branca. Foi assim que, resolvidos os negócios, o pai voltava para casa com tudo que pediram suas filhas, menos o presente de Bela. Durante a viagem de volta, de repente uma tempestade caiu, atrapalhando o mercador e fazendo com que ele perdesse o caminho, entrando pela floresta. No meio da floresta ele avistou uma estrada e começou a seguir por ela, pensando em encontrar alguma cidade onde pudesse descansar, esperando amanhecer. Nesse caminho, que era estranho, cheio de pedras e árvores secas e retorcidas, assustador, como a noite, Abdenos e seu cavalo acabaram despencando num profundo abismo. 1
  • 2. Ao cair, só conseguiu lembrar-se de Bela e gritou seu nome apavorado, pensando que iria morrer. Nesse momento, sentiu-se seguro, suas roupas enroscaram num galho e o homem com dificuldade conseguiu subir novamente. Já amanhecera e o caminho que era tão feio transformar-se. Havia um lindo jardim e também um belo castelo no final da estrada. Abdenos correu até lá para buscar ajuda. Não encontrando ninguém pelo castelo no final da estrada. Abdenos correu até lá para buscar ajuda. Não encontrando ninguém pelo castelo, já pensava em ir embora quando encontrou uma porta onde seu nome estava escrito. Curioso, ele entrou. Era um quarto onde encontrou roupas de seu tamanho e um banho à sua disposição. Depois do banho, passou para uma saleta onde havia em uma mesa uma bela refeição, com tudo o que ele gostava e também o seu vinho predileto servido por mãos invisíveis. Depois de comer, descansou um pouco. Mesmo assustado, o homem sentiu-se bem-tratado e saiu de lá satisfeito e reanimado, gritando ao seu hospedeiro: - Quem quer que você seja, muito obrigado por sua acolhida! Ao passar pelo jardim, viu lindas rosas: lembrando-se do pedido de Bela, escolheu a mais linda e cortou-a do galho. Ao cortá-la viu gotas de sangue saírem do caule, e ao mesmo tempo ouviu uma terrível voz que lhe disse: Mal agradecido, depois de toda ajuda que lhe dei, atreve-se a roubar-me. Deverá morrer para pagar imensa ingratidão. Ao virar-se, viu uma fera horrível e imensa e ao seu lado uma placa onde estava escrito: QUEM TOCAR NESSAS FLORES PAGARÁ COM A VIDA. Abdenos, confuso e assustado, tentou explicar que não tinha visto o aviso e só retirara a flor para agradar sua filha, Bela. Disse também que não fugiria do castigo, mas que a Fera lhe desse três meses para que ele organizasse seus negócios e deixasse suas filhas amparadas: depois então voltaria para que seu destino se cumprisse. Inexplicavelmente, a Fera concedeu ao condenado esse último desejo, fazendo-o jurar que ao final do prazo retornaria ou mandaria alguém para substituí-lo no castigo. O pobre homem partiu para casa; chegando lá as filhas egoístas zangaram-se por ver que trouxera presente só para a Bela. Bela percebeu que o pai estava estranho, trancava-se no escritório durante todo o dia e, por mais que ela perguntasse, lê dizia que estava tudo bem, que apenas sentia-se muito cansado pelo trabalho. 2
  • 3. Numa noite, quase ao final dos três meses, Bela foi dormir muito preocupada com o pai e teve um sonho estranhíssimo. Nele viu-se no palácio conversando com a Fera que lhe contou tudo o que havia acontecido ao pai e lhe deu um anel dizendo- lhe que, ao colocá-lo no dedo, seria transportada para o palácio e ficaria sua prisioneira no lugar do pai. Ao acordar, a jovem viu sobre sua cama o anel e, bondosa e amorosa como era, não hesitou em colocá-lo no dedo. Assim que o fez, foi magicamente transportada para o castelo e encontrou a Fera que lhe oferecia um lindo ramalhete de flores. O monstro lhe falou: - Bela, você é linda e maravilhosa e eu a amo muito. Sei que se conviver comigo verá que só a minha aparência é horrenda, mas que tenho um coração bom e doce. A moça assustada, disse delicadamente à Fera que não conseguiria amá-la, mas que com certeza poderiam ser amigos. Assim Bela passava os dias pelo castelo e tinha em seu lindo quarto muitas roupas finas e lindas jóias. Tinha também um espelho mágico pelo qual poderia, nos momentos de saudade, observar seu pai e sus irmãs em sua casa. Todas as noites ela jantava e conversava com a Fera e os dois se entendiam muito bem. Até que um dia, pelo espelho, ela viu o seu paizinho em uma cama e muitos médicos à sua volta. Ela chorou e pediu à Fera que lhe permitisse voltar para casa até que seu pai se curasse. A Fera, sensibilizada, permitiu que ela se fosse, mas lhe pediu: - Leve sempre em seu dedo o meu anel e quando seu pai estiver melhor, volte rapidamente, pois se não o fizer, sou eu que morrerei. Ela prometeu voltar e, segurando o anel, desejou estar com os seus. Rapidamente Bela estava em sua casa e passou a cuidar do pai, que só em vê-la começou a melhorar. 3
  • 4. As irmãs invejosas não se conformaram com as belas jóias e roupas usadas por Bela e logo perceberam a sua preocupação com aquele anel. Um dia, enquanto a jovem tirava o anel para lavar as mãos, as duas a distraíram e o tiraram da irmã. Sem ele, Bela esqueceu-se da Fera e de sua promessa. Os dias foram passando, o pai se curou, mas ela não se sentia feliz. Numa noite, a moça sonhou com a Fera e viu-a caída no jardim agonizando. Lembrando-se de tudo, imediatamente procurou pelo anel, encontrando-o no quarto das irmãs. Colocando-o no dedo, ela chegou ao castelo. Curvou-se sobre a Fera e , chorando, reconheceu que a amava muito. Nesse instante, diante de seus olhos, a Fera se transformou num lindo príncipe que, feliz e agradecido, contou-lhe seu segredo. Ele e todo os seus súditos estiveram enfeitiçados durante muito tempo por uma fada má. Para o encanto desfazer-se, uma linda e bondosa moça deveria se apaixonar por ele, apesar de sua aparência horrenda. Depois disso, Bela trouxe o pai para junto dela e todos juntos viveram muitos felizes, por muitos e muitos anos. Texto adaptado de Eloísa B. Gianini 4
  • 5. INTERPRETAÇÃO DE TEXTO 1) Descreva com riqueza de detalhes Cenário:____________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ Personagem vilão: __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ Personagem principal: __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ Problema inicial: __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ Complicações enfrentadas pela Fera: __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ Momento mágico: __________________________________________________________ __________________________________________________________ _________________________________________________________ Desfecho: __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ __________________________________________________________ 5
  • 6. 1) De acordo com o texto, escreva as características para os personagens: 2) Qual era o problema de Fera? ________________________________________________________ ________________________________________________________ ________________________________________________________ 3) Bela conseguiu ajudá-lo? Como? ________________________________________________________ ________________________________________________________ ________________________________________________________ ________________________________________________________ 6