Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this presentation? Why not share!

Transporte passivo e ativo 2010

on

  • 15,193 views

made by claudia

made by claudia

Statistics

Views

Total Views
15,193
Views on SlideShare
15,193
Embed Views
0

Actions

Likes
6
Downloads
310
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Transporte passivo e ativo 2010 Transporte passivo e ativo 2010 Presentation Transcript

  • PROCESSOS DE TRANSPORTE ATRAVÉS DA MEMBRANA CELULAR
  • MEMBRANA PLASMÁTICA
    Modelo do mosaico fluido
  • PROCESSOS PASSIVOS
    Sem gasto de energia
    A favor do gradiente de concentração
    EXEMPLOS:
    Difusão
    Osmose
  • TRANSPORTE PASSIVO
    DIFUSÃO
    Deslocamento de moléculas do ambiente mais concentrado para o menos concentrado.
    EXEMPLO
    Respiração cutânea em nematelmintos por difusão, ou seja, deslocamento do oxigênio e do gás carbônico através da epiderme.
  • TRANSPORTE PASSIVO
    Osmose
    Deslocamento de moléculas de água. Observa-se a osmose quando há duas soluções de concentrações diferentes separadas pela membrana biológica.
    Meio hipertônico: mais concentrado
    Meio hipotônico: menos concentrado
    Meio isotônico: igual concentração (equilíbrio)
  • PRESSÃO OSMÓTICA
    É a diferença entre o volume inicial e o volume final da solução hipertônica.
    Meio hipertônico
    Meio hipotônico
  • CÉLULA ANIMAL
    Hemácias ou glóbulos vermelhos
  • OSMOSE NAS CÉLULAS ANIMAIS
    • Para equilibrar o meio intra e extracelular a água entra na célula
    • A membrana não suporta a grande quantidade de água no interior da célula e se rompe.
    • Ocorre a lise celular.
  • OSMOSE NAS CÉLULAS ANIMAIS
    • Para equilibrar o meio intra e extracelular a água sai da célula
    • A célula fica murcha pois perde grande quantidade de água
    • Ocorre a crenação celular.
  • OSMOSE NAS CÉLULAS ANIMAIS
  • OSMOSE NAS CÉLULAS ANIMAIS
  • CÉLULA VEGETAL
  • OSMOSE NAS CÉLULAS VEGETAIS
    • Além da membrana plasmática a célula vegetal apresenta a parede celular que é composta de celulose, um tecido muito resistente.
    • A água entra na célula e fica acumulada numa organela citoplasmática chamada vacúolo.
    • A célula aumenta seu volume mas não se rompe devido à parede celular (OBS: aumento do vacúolo).
    • Esse fenômeno é chamado de turgescência.
  • OSMOSE NAS CÉLULAS VEGETAIS
    • A água sai da célula.
    • A célula diminui seu volume mas não murcha devido à parede celular
    • A membrana plasmática se desprende da parede celular.
    • Esse fenômeno é chamado de plasmólise.
  • OSMOSE NAS CÉLULAS VEGETAIS
  • OSMOSE
  • PROCESSOS ATIVOS
    • Com gasto de energia
    • Consome moléculas energéticas chamadas de ATPs
    • Contra o gradiente de concentração
    EXEMPLOS:
    • Endocitose e Exocitose
    • Bomba Iônica
  • TRANSPORTE ATIVO
    ENDOCITOSE
    Englobamento de substâncias para o interior da célula
    • Fagocitose: partículas grandes e sólidas. OBS: relacionada à nutrição e defesa
    • Pinocitose: partículas pequenas e líquidas.
    EXOCITOSE
    Eliminação de resíduos para o exterior da célula.
  • FAGOCITOSE
    Endocitose
    Exocitose
  • Fagocitose e Pinocitose
  • TRANSPORTE ATIVO
    BOMBA IÔNICA
    Transferência de íons do meio intra e extra celular pelas proteínas transportadoras da membrana.
    - Bomba Iônica de sódio e potássio
    O íon potássio é carregado para o interior da célula e o íon sódio é lançado para o exterior
    OBS: Esse processo é importante na condução dos impulsos nervosos nas células nervosas.
  • Célula nervosa (neurônio)
  • Impulso nervoso
  • Bomba de Sódio e Potássio
    Meioextracelular
    Meiointracelular
    Sódio
    Potássio