Artigo - Gerenciamento de Riscos na Contratação de Vendedores
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Artigo - Gerenciamento de Riscos na Contratação de Vendedores

on

  • 221 views

 

Statistics

Views

Total Views
221
Views on SlideShare
221
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Artigo - Gerenciamento de Riscos na Contratação de Vendedores Artigo - Gerenciamento de Riscos na Contratação de Vendedores Presentation Transcript

  • Gerenciamento de riscos na contratação de vendedores Este artigo é patrocinado pela Plataforma Brasil, uma empresa especializada em projetos de investimentos e relacionamento com investidores. Por: Gustavo Chierighini, fundador da Plataforma Brasil Editorial Caros leitores, por mais tecnologia que se aplique, por melhores métodos que se empenhe, não há empreendimentos sem pessoas. Não há gestão sem uma direção qualificada, não existe estratégia empregada sem bons pensadores e executores. Em resumo, sem pessoas a sua empresa não existe. Ao menos por enquanto, mesmo nos casos onde equipes muito, muito enxutas conduzem as operações (negócios pequenos na web por exemplo), ainda assim o peso destes poucos e bons é extremamente relevante. Você conhece algum aplicativo modelado e concebido sem empenho de algum ser humano no processo? A resposta é não. Sendo isto uma verdade, que nos traz uma realidade abrangente interna e externamente (fornecedores), efetivar contratações de qualidade, sejam elas de funcionários, parceiros ou até associados (ou sócios) torna-se uma das atividades de maior risco para a solidez e o bom desempenho do seu negócio. Contudo, caso a contratação seja na área comercial, a gravidade e o apuro em efetivar isso com o máximo de competência e efetividade diante dos objetivos corporativos potencializa-se. Neste contexto, alguns cuidados são essenciais. Vamos lá: 1. Faça uma análise de aderência cruzando perfis profissionais e de comportamento com as atividades que serão desempenhadas. Um profissional desprovido de senso de organização não pode cuidar das suas finanças; 2. Procure sempre trazer pessoas com o máximo de qualificação, entendendo que este conceito é amplo e não pode se resumir a formação acadêmica. De nada valem dezenas de títulos sem uma real capacidade de execução; 3. Conte com um contrato detalhado, claro, transparente em sua expressão e que aborde o máximo de situações previsíveis, estabelecendo com precisão direitos, vínculos e responsabilidades; 4. Você pode até se permitir trabalhar com pessoas complicadas, mas evite os volúveis. Os extremos da bipolaridade profissional nestes casos podem ser desastrosos. Com os difíceis, alguma calibragem, ajustes e algumas boas e francas conversas podem resolver (desde que em troca a toda essa paciência e dedicação venha alto desempenho e soluções brilhantes); 5. Descarte: “espertinhos”, extremamente vaidosos, imaturos. Quanto aos desonestos, encerre a conversa de cara. Por fim é importante que saiba lidar com as imperfeições. É a única garantia moral para que as nossas próprias sejam toleradas com o mesmo empenho. Boa sorte, e até o próximo. A Plataforma Brasil Editorial atua como uma agência independente na produção de conteúdo e informação.  Leia mais artigos do setor de vendas.