Web 2.0 Uma Visão Corporativa e Tecnológica   Elvis Fusco [email_address]
O conceito de “Web 2.0” começou em 2004 com um brainstorming entre a O’Reilly ( www.oreilly.com ) e a MediaLive Internatio...
Como podemos definir a Web 2.0? De acordo com o site Wikipedia: “O termo Web 2.0 refere-se à segunda geração de serviços e...
<ul><li>“ O valor de um programa é proporcional ao tamanho e dinamismo do conteúdo que ele ajuda a administrar.” </li></ul...
Casos de Sucesso Fonte: http://www.tnl.net/blog/2006/10/09/no-bubble-20-yet/ Serviço Comprador Valor Estimado (US$) Blogge...
<ul><li>Web 1.0 </li></ul><ul><ul><li>Web Estática </li></ul></ul><ul><ul><li>Publicação do Conteúdo </li></ul></ul><ul><u...
Web 2.0 Usuário Internet Conteúdo redes sociais experiência rica do usuário wikis mashup blogs tagsonomia rss ajax api’s c...
Compartilhamento e  Redes Sociais Orkut  Facebook  LinkedIn   Via6  MySpace  Ikwa  cwConnect
Usuários produzindo  conteúdo Colaboração Usuário deixa de ser apenas consumidor de informação e passa a ser agente constr...
Inteligência Coletiva <ul><ul><li>Aplicativos  que aproveitem os efeitos de  rede   para se tornarem melhores quanto mais ...
PageRank URLs para Web 2.0 Url Original: http://www.compreaki/produtos.aspx?cod_produto=18 Url Modificada: http://www.comp...
Tagsonomia “ Sistema de categorização organizado por  pessoas comuns  (folks) por meio de  Tags .” Thomas Vander Wal Tagso...
Tagsonomia  ou  Folksonomia
Tagsonomia  ou  Folksonomia
ASP  (Application Service Provider) A Web como  Plataforma programas  são executados  on-line Google Docs Think Free  Picn...
RSS é um subconjunto de &quot;dialetos&quot; XML que servem para agregar conteúdo ou &quot; Web syndication &quot; podendo...
Agregadores RSS  RSS  (Really Simple Syndication) via Web Services
Agregadores RSS  RSS  (Really Simple Syndication) via XML Feeds
RSS  (Really Simple Syndication)
Site ou aplicação Web que usa  conteúdo  de  mais de uma fonte  para criar um  novo serviço. Mashup O conteúdo usado em ma...
Mashup API’s
Mashup Ferramentas
Mashup
Mashup
RIA (Rich Internet Application) Ajax Web Standards (xhtml, xml, css, …) W3C Tableless Separação da forma do conteúdo
Validação W3C jigsaw.w3.org/css-validator validator.w3.org
AJAX ( A synchronous  J avaScript  A nd  X ML )
<ul><li>Elementos: </li></ul><ul><ul><li>XHTML e CSS </li></ul></ul><ul><ul><li>DOM (Document Object Model) </li></ul></ul...
<ul><li>Casos de uso para Ajax: </li></ul><ul><ul><li>Validação em tempo real com lógica no servidor Ex: Verificar disponi...
<ul><li>Frameworks: </li></ul><ul><ul><li>ASP.NET Ajax  </li></ul></ul><ul><ul><li>Google Web Toolkit </li></ul></ul><ul><...
<ul><li>Cases: </li></ul><ul><ul><li>iGoogle ( www.google.com.br/ig ) </li></ul></ul><ul><ul><li>Meebo ( www.meebo.com ) <...
Web 2.0 e os <ul><li>Escrever em marcação  semântica   (transição para o XML) </li></ul><ul><li>Proporcionar  Web Services...
Veja mais...
Perguntas Contato: fusco@univem.edu.br
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Web 2.0 - Uma Visão Corporativa e Tecnológica

1,148

Published on

Palestra ministrada no WebDays 2008, evento realizado pelo grupo DevMedia.

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,148
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Web 2.0 - Uma Visão Corporativa e Tecnológica

  1. 1. Web 2.0 Uma Visão Corporativa e Tecnológica Elvis Fusco [email_address]
  2. 2. O conceito de “Web 2.0” começou em 2004 com um brainstorming entre a O’Reilly ( www.oreilly.com ) e a MediaLive International. Em 2005, Tim O’Reilly publicou o artigo “ What Is Web 2.0 - Design Patterns and Business Models for the Next Generation of Software ”, contextualizando e criando um guideline para o desenvolvimento de sites e serviços Web 2.0. http://www.oreillynet.com/pub/a/oreilly/tim/news/2005/09/30/what-is-web-20.html O evento debatia empresas que tinham sobrevivido à “crise das ponto-com” no início dos anos 2000 e estavam fazendo sucesso empregando alguns conceitos em comum.
  3. 3. Como podemos definir a Web 2.0? De acordo com o site Wikipedia: “O termo Web 2.0 refere-se à segunda geração de serviços e aplicativos da Web que permitem um maior grau de interatividade e colaboração na utilização da Internet”.
  4. 4. <ul><li>“ O valor de um programa é proporcional ao tamanho e dinamismo do conteúdo que ele ajuda a administrar.” </li></ul><ul><li>Tim O’Reilly </li></ul><ul><li>“ Não importa quão criativa sua organização possa ser, a comunidade livre sempre será mais criativa.” </li></ul><ul><li>Stephen O'Grady </li></ul>
  5. 5. Casos de Sucesso Fonte: http://www.tnl.net/blog/2006/10/09/no-bubble-20-yet/ Serviço Comprador Valor Estimado (US$) Blogger Google $20 mi Picasa Google $5 mi Oddpost Yahoo $20 mi Webshots Cnet Networks $71 mi LiveJournal SixApart $20 mi Bloglines IAC (AskJeeves) $25 mi Flickr Yahoo $30-35 mi Dodgeball Google $10 mi MySpace News Corp $580 mi YouTube Google $1.65 bi Weblogs Inc. AOL $25 mi weblogs.com Verisign $2.3 mi Upcoming.org Yahoo $1 mi del.icio.us Yahoo $30-35 mi WebJay Yahoo $1 mi MeasureMap Google $5 mi Writely Google $10 mi Jumpcut Yahoo $15 mi
  6. 6. <ul><li>Web 1.0 </li></ul><ul><ul><li>Web Estática </li></ul></ul><ul><ul><li>Publicação do Conteúdo </li></ul></ul><ul><ul><li>Foco no Web-Site </li></ul></ul><ul><li>Web 2.0 </li></ul><ul><ul><li>Web Dinâmica </li></ul></ul><ul><ul><li>Plataforma Web </li></ul></ul><ul><ul><li>Compartilhamento e Colaboração </li></ul></ul><ul><ul><li>Foco no Conteúdo </li></ul></ul><ul><ul><li>Conteúdo participativo </li></ul></ul><ul><ul><li>Realimentação constante de informação </li></ul></ul>
  7. 7. Web 2.0 Usuário Internet Conteúdo redes sociais experiência rica do usuário wikis mashup blogs tagsonomia rss ajax api’s colaboração podcasting compartilhamento mobilidade beta perpétuo calda longa
  8. 8. Compartilhamento e Redes Sociais Orkut Facebook LinkedIn Via6 MySpace Ikwa cwConnect
  9. 9. Usuários produzindo conteúdo Colaboração Usuário deixa de ser apenas consumidor de informação e passa a ser agente construtor Wikipedia Digg DotSub Flicker Slideshare Youtube
  10. 10. Inteligência Coletiva <ul><ul><li>Aplicativos que aproveitem os efeitos de rede para se tornarem melhores quanto mais são usados pelas pessoas , aproveitando a inteligência coletiva . </li></ul></ul>
  11. 11. PageRank URLs para Web 2.0 Url Original: http://www.compreaki/produtos.aspx?cod_produto=18 Url Modificada: http://www.compreaki/produtos/18
  12. 12. Tagsonomia “ Sistema de categorização organizado por pessoas comuns (folks) por meio de Tags .” Thomas Vander Wal Tagsonomia ou Folksonomia Taxonomia Especialista definia o sistema de organização das informações por meio de categorias .
  13. 13. Tagsonomia ou Folksonomia
  14. 14. Tagsonomia ou Folksonomia
  15. 15. ASP (Application Service Provider) A Web como Plataforma programas são executados on-line Google Docs Think Free Picnik Zoho
  16. 16. RSS é um subconjunto de &quot;dialetos&quot; XML que servem para agregar conteúdo ou &quot; Web syndication &quot; podendo ser acessado mediante programas/sites agregadores. RSS (Really Simple Syndication)
  17. 17. Agregadores RSS RSS (Really Simple Syndication) via Web Services
  18. 18. Agregadores RSS RSS (Really Simple Syndication) via XML Feeds
  19. 19. RSS (Really Simple Syndication)
  20. 20. Site ou aplicação Web que usa conteúdo de mais de uma fonte para criar um novo serviço. Mashup O conteúdo usado em mashups é código de terceiros através de uma interface pública ou de uma API . Outros métodos de codificação de conteúdo para mashups incluem Web Services , XML Feeds e Javascript . www.webmashup.com www.mashup-news.com mashupawards.com
  21. 21. Mashup API’s
  22. 22. Mashup Ferramentas
  23. 23. Mashup
  24. 24. Mashup
  25. 25. RIA (Rich Internet Application) Ajax Web Standards (xhtml, xml, css, …) W3C Tableless Separação da forma do conteúdo
  26. 26. Validação W3C jigsaw.w3.org/css-validator validator.w3.org
  27. 27. AJAX ( A synchronous J avaScript A nd X ML )
  28. 28. <ul><li>Elementos: </li></ul><ul><ul><li>XHTML e CSS </li></ul></ul><ul><ul><li>DOM (Document Object Model) </li></ul></ul><ul><ul><li>XML </li></ul></ul><ul><ul><li>XMLHttpRequest </li></ul></ul>AJAX ( A synchronous J avaScript A nd X ML )
  29. 29. <ul><li>Casos de uso para Ajax: </li></ul><ul><ul><li>Validação em tempo real com lógica no servidor Ex: Verificar disponibilidade de um login de usuário </li></ul></ul><ul><ul><li>Auto-Completar Ex: Google Suggest </li></ul></ul><ul><ul><li>Operações Master-Detail Ex: Carregamento de combobox </li></ul></ul><ul><ul><li>Componentes de interface avançados (widgets) Ex: Árvores, menus, barra de progresso </li></ul></ul><ul><ul><li>Notificação proveniente do servidor Ex: Simulada através de requisições periódicas </li></ul></ul>AJAX ( A synchronous J avaScript A nd X ML )
  30. 30. <ul><li>Frameworks: </li></ul><ul><ul><li>ASP.NET Ajax </li></ul></ul><ul><ul><li>Google Web Toolkit </li></ul></ul><ul><ul><li>Prototype </li></ul></ul><ul><ul><li>Sajax </li></ul></ul>AJAX ( A synchronous J avaScript A nd X ML ) asp.net/ajax code.google.com/webtoolkit www.prototypejs.org www.modernmethod.com/sajax
  31. 31. <ul><li>Cases: </li></ul><ul><ul><li>iGoogle ( www.google.com.br/ig ) </li></ul></ul><ul><ul><li>Meebo ( www.meebo.com ) </li></ul></ul><ul><ul><li>Tadalist ( www.tadalist.com ) </li></ul></ul><ul><ul><li>Netvibes ( www.netvibes.com ) </li></ul></ul>AJAX ( A synchronous J avaScript A nd X ML )
  32. 32. Web 2.0 e os <ul><li>Escrever em marcação semântica (transição para o XML) </li></ul><ul><li>Proporcionar Web Services (expondo o conteúdo além do seu site) </li></ul><ul><li>Remixando conteúdos (serviços não precisam estar no site) </li></ul><ul><li>Conteúdo focado no usuário (conteúdo read-write) </li></ul><ul><li>Adicionar metadados (comunidade constrói a informação social) </li></ul><ul><li>Deslocar a programação (separação da estrutura e estilo) </li></ul><ul><li>Interface ricas (proporcionar uma experiência de interface ao usuário) </li></ul>Desafios para os Desenvolvedores
  33. 33. Veja mais...
  34. 34. Perguntas Contato: fusco@univem.edu.br

×