Diferentes Representações  da profissão de Psicólogo Ana Kelly Reis Bárbara Guerra Eliseu de Oliveira Paulo Roberto Teixeira
Apresentação <ul><li>Esta pesquisa foi feita visando conhecer a representação do profissional de psicologia por indivíduos...
Metodologia <ul><li>Um questionário contendo sete perguntas abertas sobre representações da psicologia e dos psicólogos fo...
Resultados e Comentários
(1) Você já utilizou ou conhece alguém que tenha utilizado o serviço de Psicologia? Você tem algum interesse na área? <ul>...
(2) O que você entende por Psicologia? <ul><li>Empregadas utilizam termos leigos e encaram a psicologia como uma profissão...
(3) Para você, o que faz um(a) psicólogo(a)?  Onde ele(a) atua?
<ul><li>O QUE FAZ? </li><ul><li>Empregadas usam termos do senso comum, como ''ouvir confissões'', ''dar conselhos'', ''aju...
Médicos usam termos profissionais, como ''aplicação de testes'', ''psicodiagnóstico'', ''psicoterapia'', etc. </li></ul></...
Apenas dois médicos lembraram do CAPS e dos presídios, e a maioria concordou com as domésticas. </li></ul></ul>(3) Para vo...
(4) Qual seria, para você, o perfil dos usuários de serviços de Psicologia? <ul><li>Profissionais da saúde reconhecem a ne...
(5) Você utilizaria o Serviço de Psicologia? <ul><li>A grande maioria cogitou a hipótese de se submeter a uma intervenção ...
Para um médico:  Crença em uma desnecessária atenção ao subjetivo e ênfase na saúde física;
Para ambos:  Opção da Psiquiatria (intervenção ágil, farmacológica) para não ''perder tempo'' com terapia. </li></ul></ul>
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Pit

320

Published on

ok

Published in: Technology, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
320
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pit

  1. 1. Diferentes Representações da profissão de Psicólogo Ana Kelly Reis Bárbara Guerra Eliseu de Oliveira Paulo Roberto Teixeira
  2. 2. Apresentação <ul><li>Esta pesquisa foi feita visando conhecer a representação do profissional de psicologia por indivíduos de diferentes realidades sociais; </li></ul><ul><li>Tal investigação se torna importante na medida em que conhecer estas representações é entrar em contato com uma realidade que irá influenciar nossa futura vida profissional; </li></ul><ul><li>Além de esclarecer nossas dúvidas sobre a visão que a sociedade tem da nossa futura profissão, esse tipo de trabalho nos torna cientes dos desafios e obstáculos que teremos que enfrentar como profissionais da psicologia. </li></ul>
  3. 3. Metodologia <ul><li>Um questionário contendo sete perguntas abertas sobre representações da psicologia e dos psicólogos foi aplicado a oito indivíduos, sendo eles quatro médicos e quatro empregadas domésticas. </li></ul><ul><li>Para atender preceitos de ordem ética, a identidade dos entrevistados permanecerá em completo sigilo. Eles serão identificados apenas pela profissão e pela ordem de entrevista; </li></ul><ul><li>A coleta de dados foi feita de dois modos: (1) entrevista pessoal gravada e posteriormente transcrita; (2) entrevista escrita instantânea, por MSN. As respostas obtidas foram categorizadas tanto quantitativa como qualitativamente. </li></ul>
  4. 4. Resultados e Comentários
  5. 5. (1) Você já utilizou ou conhece alguém que tenha utilizado o serviço de Psicologia? Você tem algum interesse na área? <ul><li>Alto interesse pelo serviço de Psicologia aliado a um acesso ainda restrito a ele por parte das empregadas domésticas; </li></ul><ul><li>A ausência de psicólogos em alguns serviços públicos interfere na identificação do profissional pelas domésticas; </li></ul><ul><li>O fascínio pela compreensão da psiquê e do comportamento humanos desperta nas pessoas interesse pela psicologia. </li></ul>
  6. 6. (2) O que você entende por Psicologia? <ul><li>Empregadas utilizam termos leigos e encaram a psicologia como uma profissão nobre e altruísta; </li></ul><ul><li>Médicos utilizam termos técnicos e apontam a necessidade da intervenção muldisciplinar (equipes multiprofissionais); </li></ul><ul><li>A visão da psicologia como a encarregada de assistir as pessoas em seus problemas é compartilhada por ambas as classes. </li></ul>
  7. 7. (3) Para você, o que faz um(a) psicólogo(a)? Onde ele(a) atua?
  8. 8. <ul><li>O QUE FAZ? </li><ul><li>Empregadas usam termos do senso comum, como ''ouvir confissões'', ''dar conselhos'', ''ajudar'', etc.
  9. 9. Médicos usam termos profissionais, como ''aplicação de testes'', ''psicodiagnóstico'', ''psicoterapia'', etc. </li></ul></ul><ul><li>ONDE ATUA? </li><ul><li>Empregadas identificam, sobretudo, a clínica (influência da mídia) e o hospital (presença no SUS), mas não apontam a escola (ausência de psicólogo);
  10. 10. Apenas dois médicos lembraram do CAPS e dos presídios, e a maioria concordou com as domésticas. </li></ul></ul>(3) Para você, o que faz um(a) psicólogo(a)? Onde ele(a) atua?
  11. 11. (4) Qual seria, para você, o perfil dos usuários de serviços de Psicologia? <ul><li>Profissionais da saúde reconhecem a necessidade da presença do psicólogo em situações de tratamento médico; </li></ul><ul><li>Domésticas identificam os psicólogos como os profissionais que ajudam pessoas com problemas a vencerem os tais; </li></ul><ul><li>Ambas as classes veem o psicólogo como o encarregado de devolver ao sujeito sua condição de higidez anterior. </li></ul>
  12. 12. (5) Você utilizaria o Serviço de Psicologia? <ul><li>A grande maioria cogitou a hipótese de se submeter a uma intervenção psicológica, mas encontramos tais impasses: </li><ul><li>Para as empregadas: Escassez econômica, lentidão do SUS e ausência de psicólogos em serviços públicos;
  13. 13. Para um médico: Crença em uma desnecessária atenção ao subjetivo e ênfase na saúde física;
  14. 14. Para ambos: Opção da Psiquiatria (intervenção ágil, farmacológica) para não ''perder tempo'' com terapia. </li></ul></ul>
  15. 15. (6) Para você, quais as qualidades que um(a) psicólogo(a) deve apresentar? <ul><li>Do psicólogo são demandadas uma série de qualidades, necessárias para lidar com a complexidade humana. </li></ul>
  16. 16. (7) Você acha que o trabalho do psicólogo é fundamental à sociedade? <ul><li>ARGUMENTOS POSITIVOS: </li><ul><li>O psicólogo teria o papel de conduzir indivíduos desajustados e em sofrimento à uma mudança;
  17. 17. O psicólogo é aquele que dá a atenção que uma pessoa comum não daria a quem realmente precisa. </li></ul></ul><ul><li>ARGUMENTO NEGATIVO: </li><ul><li>A psicologia é boa, mas não fundamental, pois há a medicina, e esta sim seria imprescindível. </li></ul></ul>
  18. 18. Conclusões <ul><li>A profissão de psicólogo é vista como algo de extrema importância à dinâmica da sociedade por auxiliar na saúde psíquica dos seus integrantes; </li></ul><ul><li>Ainda há preconceitos e mal-entendidos que fazem com que muitas pessoas vejam a psicologia com maus olhos; </li></ul><ul><li>O serviço de psicologia não está disponível de forma democrática; talvez, se o estivesse, fosse mais difundido; </li></ul><ul><li>Há uma necessidade governamental de inserir psicólogos nos mais diversos serviços públicos, a fim de que a população de baixa renda também possa ter acesso a essa profissão de tão grande importância. </li></ul>
  19. 19. Créditos da Apresentação UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA Instituto de Psicologia Graduação em Psicologia Disciplina: Projeto Integrado de Trabalho I Docentes: Profª. Msª. Ava Carvalho Discentes: Ana Kelly, Bárbara Guerra, Eliseu de Oliveira e Paulo Teixeira Turma: 2011.1 Período: 1º semestre Data: 02/06/2011
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×