Your SlideShare is downloading. ×
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Regimento da sala de estudo 2013 2014
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Regimento da sala de estudo 2013 2014

218

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
218
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VIEIRA DE ARAÚJO 2013/2014 REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO Professores Bibliotecários Coordenador: Élio Geadas Maria José Ramalho
  • 2. REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO 2013/2014 Introdução A Sala de Estudo está sob a alçada da Biblioteca Escolar Vieira de Araújo (BEVA). Foi criada para servir de apoio ao estudo, nomeadamente dos alunos com mais dificuldades, propostos pelo Conselho de Turma. A Sala de Estudo será utilizada pelos alunos sempre que desejem estudar, supervisionados por um dos docentes destacados para o efeito. Esta sala contém manuais escolares que podem ser utilizados como apoio no estudo dos alunos. Também poderá ser utilizada por aluno, ou grupos de alunos, que o respetivo docente considere estar a perturbar a aula, orientando-o(s) para esta sala fazendo-se acompanhar do trabalho a desenvolver nesse período. Capitulo I: Objetivos São objetivos da Sala de Estudo: a) Estimular a criatividade, a curiosidade intelectual e o sentido crítico dos estudantes, contribuindo para a sua educação, prazer, formação e informação; b) Apoiar os programas curriculares, criando condições de trabalho para a promoção do desenvolvimento curricular de forma transversal e integrada dos recursos de informação, tecnológicos e atividades de promoção da leitura, articulando as áreas curriculares com as áreas curriculares não disciplinares, através da operacionalização do Plano de Ação da Turma; c) Incentivar a participação ativa dos estudantes na construção do seu próprio conhecimento; d) Disponibilizar suportes de informação variados para que a comunidade escolar desenvolva capacidades de autonomia e adquira competências de recolha, tratamento e utilização da informação; e) Promover o contacto com as novas tecnologias que caracterizam o mundo atual; f) Dispor de materiais para a formação profissional dos professores e de recursos para apoio do desenvolvimento curricular, da programação e da avaliação. Capitulo II: Organização A Sala de Estudo está organizada da seguinte forma: a) Recursos Materiais:  Instalações;  Computadores;  Mobiliário. 2
  • 3. REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO 2013/2014 b) Recursos Humanos: A Sala de Estudo é coordenada pelos Professores Bibliotecários e respetiva Equipa, nomeadamente docentes destacados pela Direção. Na gestão e dinamização da Sala de Estudo estão incluídas as seguintes funções:  Apoio aos curricula;  Apoio individualizado no esclarecimento de dúvidas e na realização dos Trabalhos de casa;  Dinamização de diversas atividades em articulação com os vários ciclos/departamentos. Capitulo III: Suportes de Informação São considerados suportes de informação da Sala de Estudo a) Material livro: livros, fichas de trabalho, dossiês temáticos; b) Material não livro: dois computadores, Internet, cassetes vídeo e áudio, DVD, CD ROMs, software; Capitulo IV: Acesso e Utilização dos espaços da Sala de Estudo Todas as atividades desenvolvidas na Sala de Estudo devem ser registadas no livro de ponto criado para esse fim e marcadas faltas aos alunos que, sendo indicados pelo Conselho de Turma para ter apoio na Sala de Estudo, não compareçam. Sempre que um aluno é indicado em Conselho de Turma para ter apoio na Sala de Estudo, deve ter um plano de trabalho/tarefa a realizar, por disciplina, de acordo com as suas dificuldades. O docente deve indicar as tarefas a realizar pelo aluno para que este seja realmente apoiado pelo docente destacado na Sala de Estudo e o tempo/recursos sejam aproveitados. a) Os documentos encontram-se em regime de livre acesso aos alunos, docentes e outros elementos da comunidade educativa. Este acesso é sempre supervisionado pelos professores destacados na Sala de Estudo; b) O espaço com estantes de livros funciona como local de estudo/leitura/consulta silenciosa, devendo todos os seus utilizadores respeitar a regra essencial de silêncio; c) Os Professores, com a respetiva turma, poderão utilizar a Sala de Estudo para atividades/trabalhos/Investigação, sendo necessário ver a sua disponibilidade com 48 horas de antecedência, junto da funcionária e/ou professores bibliotecários; 3
  • 4. REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO 2013/2014 d) Os documentos existentes na Sala de Estudo podem ser consultados em regime de consulta presencial ou em regime de consulta domiciliária; e) Os alunos poderão fazer a requisição domiciliária mediante a apresentação do N.º de Leitor, por um período de 15 dias, podendo renová-la; f) A utilização de equipamentos e materiais áudio visuais implica a inscrição e o preenchimento da requisição do material a utilizar. Capitulo V: Acesso e Utilização dos Computadores A utilização do equipamento informático tem as seguintes regras: a) A utilização de computadores implica o preenchimento da ficha de requisição, com a indicação dos seguintes dados: data, hora, turma, o nome do utente que pretende utilizar os computadores e o tema que pretende pesquisar/desenvolver/trabalhar, acrescentando ainda a disciplina onde se insere esse trabalho; b) Só é permitido realizar trabalhos ou consultas/pesquisas nos computadores da Sala de Estudo; c) O utilizador terá direito a 45 minutos, por cada inscrição. Se não houver inscrições para o tempo seguinte, o utilizador poderá ficar mais 45 minutos, mas nunca ultrapassando as duas horas seguidas de uso; d) Cada computador só pode ser utilizado por um utilizador, caso não haja alunos em espera, podem excecionalmente estar dois alunos para realizar trabalhos de grupo. e) Durante os intervalos a Sala de Estudo é encerrada; f) O utilizador não deverá desligar o equipamento que encontre ligado; g) Só poderão ser utilizados programas/utilitários existentes no setor; h) Os utilizadores são responsáveis pelos danos e perdas do material, desde que tal se verifique durante o seu período de utilização; i) Cada utilizador, ao acabar o seu trabalho, deverá deixar em bom estado de utilização todo o material usado; j) Os alunos deverão fazer-se acompanhar de suporte digital para guardar os seus trabalhos; k) Os utilizadores que não cumpram o regulamento, que se comportem indisciplinadamente ou que causem danos no equipamento ou nos programas nele instalados, serão alvo de participação disciplinar, Repreensão Registada ou processo disciplinar, de acordo com a gravidade da situação; l) Sempre que um aluno pretender utilizar software diverso que está disponibilizado pelas Bibliotecas, terá que pedir autorização ao professor responsável. 4
  • 5. REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO 2013/2014 Capitulo V: Requisição domiciliária Quanto à utilização domiciliária de material livro rege-se pelas seguintes orientações:  É facultada em função de uma requisição numa folha criada para esse efeito;  Os livros podem ser requisitados por um período de quinze dias;  O utilizador poderá requisitar até dois documentos e o empréstimo será renovado, a seu pedido, mediante a presentação dos documentos requisitados, caso não haja outros utilizadores em lista de espera; Capitulo VI: Utilizadores Os principais utilizadores da Sala de Estudo são os Alunos. São direitos dos utilizadores: a) Usufruir de todos os recursos e serviços prestados pela Sala de Estudo; b) Retirar das estantes os documentos em livre acesso; c) Dispor de um ambiente calmo e agradável, propício à leitura e ao estudo; d) Requisitar para leitura ou visionamento domiciliário os documentos disponíveis; e) Apresentar críticas e sugestões. São deveres dos utilizadores: a) Cumprir as normas estabelecidas no Regimento; b) Devolver em bom estado de conservação os documentos que lhe são facultados; c) Manter o mobiliário limpo e na mesma disposição em que o encontram; d) Colocar os documentos que consultarem na mesa do professor que os arrumará no local certo; e) Cumprir os prazos estipulados para a devolução dos documentos de empréstimo domiciliário; indemnizar a escola pelos estragos ou perdas que forem da sua responsabilidade; f) Contribuir para que na Sala de Estudo exista um ambiente agradável onde se sinta prazer e bem-estar; g) Ter um comportamento de respeito pelos seus pares, pelo mobiliário, equipamento e documentos; h) Seguir as indicações transmitidas pelos Professores. Capitulo VII: Disposições diversas a) A Sala de Estudo deverá estar aberta, em horário determinado pela Direção, tendo em linha de conta as necessidades dos seus principais utilizadores, os alunos e a existência de pessoal docente para supervisionar as atividades; 5
  • 6. REGIMENTO DA SALA DE ESTUDO 2013/2014 b) Este Regimento estará disponível na Sala de Estudo, na BEVA, no Blogue e página das Bibliotecas Escolares; c) Os documentos estão arrumados em estantes por disciplina e anos de escolaridade; d) Não são permitidas requisições de qualquer tipo de suporte informativo no último mês antes do final do ano letivo; e) Não é permitido consumir alimentos ou bebidas, nem fumar ou mascar chicletes; f) Não é permitido o uso de telemóvel no interior da Sala de Estudo nem jogar; g) Nos casos omissos neste Regimento, seguir-se-á o estipulado no Regulamento Interno, no Projeto Educativo da Escola, no Projeto Curricular de Agrupamento e nas normas internas provenientes da Direção. Vieira do Minho, outubro de 2013 Os professores bibliotecários Élio Geadas e Maria José Ramalho 6

×