Desenvolvimento

1,024 views
968 views

Published on

Published in: Technology, News & Politics
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,024
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
86
Actions
Shares
0
Downloads
21
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Desenvolvimento

  1. 1. Desenvolvimento Elenilson Vieira elenilson.vieira.filho@gmail.com
  2. 2. Usando o javac • javac [options] [source files] • Exemplos: – javac – help – javac –classpath com:. –g Foo.java Bar.java
  3. 3. Usando o javac • Opção –d – Permite que você defina um diretório para seus .class • javac –d ../classes MyClass.java – Se o diretório destino não existir, o compilador mostrará um erro
  4. 4. Usando o java • java [options] class [args] – [options] e [args] são opcionais e podem ter múltiplos argumentos – Não precisa especificar o “.class”
  5. 5. Usando as Propriedades do Sistema • Pode ser usada para acessar uma informação persistente do sistema – Java Virtual Machine, Sistema Operacional, etc • Você pode adicionar ou recuperar suas próprias propriedades – java –DmyProp=MyValue Class a 1
  6. 6. Usando as Propriedades do Sistema • Se o valor tiver espaços, esse deve ter aspas – java –DcmdProp=“cmdVal take 2” TestProps • Você pode adicionar e recuperar suas propriedades usando setProperty(String key, String value) e getProperty(String key) • getProperty retorna uma propriedade como String
  7. 7. Usando as Propriedades do Sistema Properties p = System.getProperties(); p.setProperty(quot;myPropquot;, quot;myValuequot;); p.getProperty(“os.name”)
  8. 8. Argumentos de Linha de Comando • public static void main(String args[]){} – args contém os argumentos passados no java para a classe • Exemplo – java MyClass x eu • args[0] = x • args[1] = eu
  9. 9. Procurando por outras Classes • Quando usamos o java e javac, na maioria dos casos queremos que ele ache outras classes • Classes do JSE – Pacotes: • java.lang • java.util
  10. 10. Procurando por outras Classes • Ambos tem uma lista de locais que procuram por outras classes • Se achar duas ou mais classes com o mesmo nome, ambos usam a que primeiro achar • Primeiro vão no diretório do JSE
  11. 11. Procurando por outras Casses • Depois procuram no diretório definido pelo classpath • O classpath pode ser definido. Se não for definido é usado o definido pela variável de ambiente do Sistema
  12. 12. Classpath • Consiste em um número variável de locais de diretórios separados por delimitadores – / no Unix – no Windows r • Separador de locais –:
  13. 13. Classpath • Exemplo – classpath /home/eu:/var/www – Especifica dois diretórios a se procurar • /home/eu • /var/www • Quando especifica um diretório não está especificando os acima dele – /home ou /var • Pode-se usar apenas [-cp]
  14. 14. Classpath • Quando especificamos o classpath o java e javac não mais procuram no diretório corrente • Coloca-se um ponto – classpath /home/elenilson:/var/www:. • A ordem dos diretórios importa
  15. 15. Classpath • O diretório passado tem que – Absoluto – Relativo ao diretório corrente
  16. 16. Pacotes • O nome do pacote não pode ser subdividido • Pode-se usar uma classe – Colocando seu nome totalmente qualificado • com.foo.MyClass = ... – Colocando uma declaração import e usando seu nome falso
  17. 17. Pacotes
  18. 18. Java Archive (JAR) • Criar – jar –cf MeuJar.jar meuDiretório – Cria o JAR MeuJar.jar com a aplicação do diretório meuDiretório • Listar conteúdo – jar –tf MeuJar.jar
  19. 19. Java Arquive (JAR) • Procurar arquivos em pacotes do jar é semelhante • Basta incluir no final do classpath o nome do jar – javac –cp ws/MeuJar.jar Exemplo.java
  20. 20. jre/lib/ext com JAR • java e javac utilizam esse diretório para encontrar classes que sua aplicação precisa • Isso é definido por padrão • Se você colocar um jar dentro desse diretório, vai poder usar as classes do jar sem necessitar do classpath
  21. 21. Import estático • É usado quando você quer utilizar os membros estáticos de uma classe • Cuidado com ambiguidades – Se você fizer import estático de um Integer e um Long e usar MAX_VALUE, o compilador não saberá de quem é e acusará um erro.
  22. 22. Import Estático
  23. 23. Dúvidas?

×