SoftwareLivre GNU LInux Conceitos Apresentação Geral Aplicativos

  • 7,402 views
Uploaded on

Apresentação Geral do que é o OpenSouce Software LIvre Gnu/LINUX e seus aplicativos

Apresentação Geral do que é o OpenSouce Software LIvre Gnu/LINUX e seus aplicativos

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
7,402
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
8

Actions

Shares
Downloads
187
Comments
0
Likes
1

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Software Livre
    • Nos próximos slides aprenderemos um pouco mais sobre o Software Livre, sua história, características, mitos, vantagens e etc...
  • 2. História do Software Livre
    • Definição: “aquele que vem com permissão para qualquer um copiar, usar e distribuir, com ou sem modificações, gratuitamente ou por um preço. Em particular, isso significa que o código-fonte deve estar disponível” ( Free Software Fundation)
    • Nos anos 50 e 60, todos os softwares eram distribuídos, melhorados e compartilhados gratuitamente.
    • Na década de 70, O microcomputador, permitiu que pessoas comuns, entusiastas de microinformática (ou "hobbistas"), fizessem o que antes só era permitida a poucos: criar, modificar e trocar programas entre si.
  • 3. História do Software Livre
    • Essa forma de desenvolvimento não foi capaz de atender a demanda devido a barreiras físicas e geográficas.
    • Em 1975, William Henry Gates III, desenvolveu um interpretador BASIC para o Altair, um micro com apenas 4 kb de memória, mas sem disponibilizar o código-fonte.
    • Em 1983, Richard Stallman abandonou laboratório de Inteligência Artificial do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) para criar um Sistema Operacional chamado de GNU (Gnu is Not Unix) e distribui-lo livremente junto com o seu código-fonte.
  • 4.
    • Um SO completo é composto de processadores de comandos, assemblers, compiladores, interpretadores, debuggers, editores de texto, programas de correio eletrônico...
    • Em 1990 quase todos os componentes haviam sido escritos pelo projeto GNU, menos o kernel.
    • O kernel foi inicialmente escrito em 1991 por Linus Torvalds, estudante de Computação da Finlândia inspirado no Minix (versão simples do Unix para fins educacionais) para que rodasse em micros PC AT-386 e compatíveis (bem mais barato que as maquinas de grande porte que rodavam Unix).
    História do Software Livre
  • 5. História do Software Livre
    • Hoje, as ferramentas GNU criadas por Stallman somado o kernel (ou núcelo) criado por Linus Torvalds formam um Sistema Operacional 100% livre.
    • O Sistema Operacional faz a interface entre os periféricos do computador (impressora, discos...) com o usuário do computador. O Kernel é a parte principal do SO, mas não faz nada sozinho.
    • O kernel é aproximadamente 13% do Sistema Operacional.
    • Portanto, o GNU/Linux é fruto do trabalho de muita gente e de muitas organizações indepententes entre si, e não de apenas Linus e seus seguidores.
  • 6. “Distribuições Linux”
    • Muitas pessoas e até mesmo empresas se empenham em organizar o kernel (linux) e mais uma série de aplicativos e manuais para que o sistema fique cada vez mais amigável.
    • A este conjunto de aplicativos mais o kernel dá-se o nome de distribuição Linux.
    • As distribuições podem caber em apenas um disquete como em até vários CD-ROMs, dependendo de sua finalidade e público-alvo.
    • Principais distribuições: Red Hat, Debian, Conectiva, Mandrake, SuSE, Slackware... O que diferencia uma da outra é a maneira como são organizados e preconfigurados os aplicativos que cada uma contém.
  • 7. O que é Software Livre
    • " Software Livre" é uma questão de liberdade, não de preço. Para entender o conceito, você deve pensar em "liberdade de expressão", não em "cerveja grátis".
    • "Software livre" se refere à liberdade dos usuários executarem, copiarem, distribuírem, estudarem, modificarem e aperfeiçoarem o software.
    • Open Source é um termo usado por algumas pessoas devido à tradução do termo “Free”, mas é a mesma coisa que Software Livre.
  • 8.
    • “ Um software é livre quando o usuário tem quatro liberdades essenciais: rodar o programa para qualquer propósito; estudar o código-fonte e modificá-lo para que se ajuste às suas necessidades; distribuir cópias e publicar uma versão melhorada, de forma que outras pessoas se beneficiem . Cozinheiros costumam seguir os mesmos princípios. Não é coincidência: um programa é muito parecido com uma receita - ambos são uma seqüência de passos para se chegar a um resultado. Como querem dominar a arte culinária, os chefs cooperam uns com os outros. Imagine se os governos tentassem restringir essa liberdade. Nós sentimos o mesmo a respeito de software proprietário” (Stallman)
    O que é Software Livre
  • 9. Segurança no Código Aberto
    • Com o código-fonte disponível, os bugs não permanecem escondidos por muito tempo.
    • É como a técnica de administração da produção “Just in Time”: ao reduzir o estoque o administrador procura os problemas visíveis e os corrige.
    • Segundo as estatísticas do site Netcraft, 64,52% dos servidores monitorados por eles usam o Apache como servidor http. Bem abaixo encontra-se servidores da Microsoft com 23,54%.
    • Mesmo assim, o ISS da Microsoft é campeão em problemas de segurança/ estabilidade.
  • 10.
    • Em 2001, com o worm Ninda/ Red Cod que infectou milhares de servidores ISS, o Gartner Group recomendou alternativas ao servidor web da MS.
    • EM 2002, o worm Slapper infectou menos de 0.06% dos servidores rodando Apache, pois o modulo OpenSSL é desabilitado por padrão.
    • Software Livre não é invulnerável, mas sua política de segurança é mais efetiva contra o surgimento de problemas de segurança.
    • Não há pressão por datas, duplicação de esforços e nem recursos desnecessários apenas para vender um produto.
    Segurança no Código Aberto
  • 11.
    • De acordo com o NIST (National Institute of Standards and Technology), bugs de software custam quase 60 bilhões de dólares somente aos Estados Unidos anualmete.
    • Jackok Nielsen aponta dados mais alarmante para a economia mundial, causados pela instabilidade do Windows: $ 170 bilhões por ano em perda de produtividade.
    • Em junho de 1999 a Microsoft anunciou a correção para uma falha do Windows 95/98 que fazia o computador travar a cada 49,7 dias.
    • O erro acontecia devido a sobrecarga de um temporizador que armazena uma variável de 32 bits (2^32 = 4.294.967.296 milisegundos ou 49,7 dias)
    Custo da insegurança
  • 12. Apache – Set/95 a Set/03
  • 13. Algumas características
      • A seguir, passaremos rapidamente sobre algumas funções que o Software Livre pode realizar em um ambiente corporativo ou doméstico.
  • 14. Servidor de Aplicativos
    • Permite a utilização de máquinas de baixo custo, sem discos rígidos (thin client).
    • Possibilidade de se ter terminais que executem tanto aplicativos Windows quanto linux.
    • Baixo custo de implementação.
    • Baixo custo de manutenção.
    • Usando-se linux não há custos com licenças.
    • Gerenciamento centralizado no servidor.
    • Qualquer aplicativo instalado no servidor se torna disponível automaticamente em todos os terminais.
    • Maior segurança e controle, entre outras.
  • 15.  
  • 16.  
  • 17. Servidor Intranet e Internet
    • Servidor Web
    • Servidor FTP
    • Servidor DNS
    • Proxy – Compartilhamento de Acesso e Controle
    • Servidor DHCP – Configuração dinâmica de máquinas.
    • Servidor de Banco de Dados – Mysql, Postgresql, Interbase/Firebird, Oracle, DB2, etc.
    • Servidor de Arquivos e Impressão – Redes Linux e Windows.
    • Servidor de Mensagens Instantâneas - SMS
    • Groupware – Agenda e Calendário corporativo
  • 18. VPN – Virtual Private Network
    • Rede Virtual Privada.
    • Interligação segura entre Matriz e Filial.
    • Utiliza conexão adsl.
    • Menor custo de manutenção que soluções tradicionais.
    • Privacidade dos dados protegida por criptografia
    • Compatibilidade com sistema de VPN do Windows®.
    • Baixo custo de implementação.
    • Sistema baseado em Software Livre, sem custos de licenciamento por usuário.
  • 19. Segurança
    • Firewall – Proteção contra acesso indevido.
    • Proxy – Juntamente com o Firewall, ajuda a proteger a rede interna.
    • Monitoramento da Rede – Permite saber a carga do servidor, espaço em disco, etc.
    • Detecção de Intrusão – Permite saber se há tentativa de invasão, de forma que se possa tomar as devidas precauções.
    • “ Scanner” de Vulnerabilidades – Permite saber se há serviços vulneráveis no servidor e rede interna.
    • Honeypot, ou pote de mel para atrair e estudar os invasores.
  • 20. Desktops
    • Linux – Viável e barato.
    • Milhares de aplicativos gratuitos.
    • Seguro.
    • Aplicativos Office – Editores de Texto, Planilhas Eletrônicas, Apresentação.
    • Aplicativos para Internet – Navegadores, Gerenciadores de E-mail, Mensagens Instantâneas, ftp.
    • Multimídia – Programas para áudio, Vídeo e Manipulação de Imagem.
    • Facilidade de uso aumenta a cada nova versão.
    • Pode ser utilizado em Thin Clients – Máquinas sem disco rígido
  • 21. OpenOffice.org Writer
    • Processador de textos completo
    • Compatível com diversos formatos, inclusive MS Word®.
    • Formato de arquivos em xml, portanto aberto.
    • Aplicativos Office – Editores de Texto, Planilhas Eletrônicas, Apresentação.
    • Editor de páginas HTML – Crie rapidamente sua homepage.
    • Auto-escrita de palavras.
    • Estilista – Permite a criação de estilos personalizados, aumentando a produtividade com formatação automática.
    • Na versão 1.1 exporta diretamente para Arquivos PDF.
  • 22. OpenOffice.org
  • 23. OpenOffice.org Calc
    • Excelente planilha eletrônica
    • Compatível com diversos formatos, inclusive MS Excel® e melhor do que as ferramentas proprietárias.
    • Botão “Auto Piloto”, para ajudar na criação de planilhas de qualidade.
    • Com o estilista, aplique formatações de células rapidamente, ganhando tempo e se concentrando no trabalho real.
    • Crie belos gráficos em 3D para ilustrar seus dados.
    • Uso de linguagem natural permite criar fórmulas usando palavras, como custos, vendas, etc.
    • Diversas outras características, que tornam o Calc uma ótima opção em planilha eletrônica.
  • 24. OpenOffice.org Calc
  • 25. OpenOffice.org Impress
    • Ótima ferramenta para criação de apresentações Multimídia
    • Compatível com diversos formatos, inclusive MS Power Point®.
    • Possui avançados recursos de em 2D e 3D para incrementar suas apresentações.
    • Tenha suas ferramentas mais usadas acessíveis com um único clique.
    • Exporte suas apresentações para PDF em um único clique.
  • 26. OpenOffice.org Impress
  • 27. OpenOffice.org Draw
    • Desenhe de uma simples figura até complexos desenhos vetoriais 3D.
    • Manipule objetos, rotacione em duas e três dimensões, etc.
    • O limite é sua imaginação e talento artístico para criar belos e complexos desenhos.
    • Exporte seus desenhos para flash ou PDF com um único clique.
  • 28. OpenOffice.org Draw
  • 29. OpenOffice.org DataBase Tools
    • Acesse e trabalhe com seu banco de dados facilmente, através do “arraste e solte” .
    • Use o Auto Piloto para criar relatórios impressionantes.
    • Para aplicações simples, o OpenOffice.org 1.1 suporta arquivos .dbf.
    • Acesse banco de dados Mysql através de drivers ODBC.
  • 30. OpenOffice.org
  • 31. Evolution – E-mail e Agenda
    • Excelente programa Groupware, criado para ser um substituto do MS Outlook® para o linux.
    • Agenda.
    • E-mail.
    • Contatos.
    • Calendário.
    • Pode acessar servidor Exchange® utilizando um plugin proprietário.
  • 32. Evolution
  • 33. Aplicativos Científicos/Engenharia
    • Programas para Matemática, como Scilab – similar ao famoso Matlab (modo texto) .
    • Programas para computação paralela – Cactus (www.cactuscode.org).
    • Simulador de redes neurais, desenvolvido para sistemas Unix/linux. http://sigmapi.sourceforge.net/.
    • Geometria interativa – Kseg – Simples e eficiente. (http://www.mit.edu/~ibaran/kseg.html.
    • Além desses exemplos, existem milhares de aplicações voltadas para a área acadêmica, que podem ser livremente copiados, modificados e redistribuídos.
  • 34. Simulador de Redes Neurais
  • 35. Kseg
  • 36. Aplicativos para Eletrônica/Eletricidade
    • GEDA ( http://www.geda.seul.org/), voltado para desenho, simulação e produção de circuitos eletrônicos.
    • Spice – Simulador de de circuitos eletrônicos.
    • Pcb – Desenho de placas de circuito impresso - http://bach.ece.jhu.edu/~haceaton/pcb/ .
    • Xcircuit – Simulador de Circuitos eletrônicos para linux. (http://xcircuit.ece.jhu.edu/) .
    • Além desses softwares, existem muitos outros softwares, tanto livres quanto comerciais para eletrônica/eletricidade e telecomunicações.
    • http://www.cadsoft.de/ (Empresa alemã que produz um dos melhores aplicativos para circuito impresso, há versões para linux e Windows)
  • 37. PCB
  • 38.  
  • 39. Aplicativos CAD
    • Para desenhos auxiliados por computador (CAD), existem dezenas de opções, desde aplicativos mais simples (livres/gratuitos), até complexos aplicativos comerciais, voltados para os mais diversos fins, como o Varicad.
    • SagCad, em Japonês, mas com o código fonte disponível em http://sagcad.sourceforge.jp/ . Livre.
    • Varkon Cad – Alemão. Free Software.
    • Qcad – Cad 2D, código livre também.
    • Há vários outros, para as mais diversas necessidades.
    • Os aplicativos livres podem ser utilizados como base para outros, que atendam necessidades específicas.
  • 40. Varicad - Comercial
  • 41. SagCad – Software Livre
  • 42. Varkon – Software Livre
  • 43. Ferramentas de Desenvolvimento
    • Há ferramentas para desenvolvimento para praticamente todas as linguagens de programação.
    • Basic – Há diversas ferramentas e compiladores, desde comerciais até livres. Uma excelente ferramenta livre para Basic é o Gambas (http://gambas.sourceforge.net).
    • C, C++, Perl, Python, PHP, Pascal, etc. Já estão incluídas em praticamente todas as distribuições linux.
    • Delphi/Kylix. Há uma versão gratuita, para desenvolvimento de programas livre (Delphi e C++).
    • Java – Eclipse IDE, Netbeans, BlueJ, etc.
    • Mono – Busca desenvolver um equivalente ao .NET no linux.
  • 44. Desenvolvimento Basic
  • 45. Kylix – Delphi do Linux
  • 46. Desenvolvimento Java
  • 47. Netbeans
  • 48. Bancos de Dados
    • Com exceção do MS SQL Server, todos os bancos de dados corporativos tem versão para linux.
    • Mysql - gerenciador de banco de dados multi-tarefa e multi-usuário, robusto e rápido, além de multi-plataforma.
    • Postgresql - sofisticado sistema de gerenciamento de banco de dados relacional e orientado a objetos, de código livre.
    • Firebird – banco de dados relacional, criado a partir do código-fonte do Interbase Open Edition 6.0. É compatível com o Interbase. É software livre.
  • 49. Ferramentas para Bancos de Dados
    • Existem diversas ferramentas gráficas e Web para gerenciamento de bancos de dados livres.
    • OpenOffice.org – Possui interface para trabalhar com banco de dados através de ODBC, suportando Mysql e Postgresql.
    • MySQL Control Center – Ferramenta gráfica para manipulação de bancos de dados Mysql – Há versão para Linux e Windows. Disponível no “Contrib” do Mandrake.
    • Pgaccess – Ferramenta gráfica para gerenciamento do Postgresql. Disponível no Mandrake Linux.
    • IBWebAdmin – Ferramenta Web para administração do Interbase/Firebird.
    • Além dessas ferramentas, existem outras, livres e comerciais.
  • 50. Mysql Control Center
  • 51. IBWebAdmin
  • 52. Aplicativos Gráficos
    • Gimp – Aplicativo para tratamento e criação de imagens, suporta vários formatos, trabalha com o conceito de camadas, capaz de criar gifs animados.
    • Blender – Excelente modelador 3D, para criação de imagens e animações realistas.
    • Cinepaint – Programa especialmente criado para se trabalhar com imagens voltadas ao cinema. Permite criar e retocar imagens. Foi utilizado nos filmes Scooby-Doo, Harry Potter, etc.
    • KpovModeler – Interface para o PovRay (www.povray.org) – programa para criação de imagens tridimensionais e foto-realísticas.
  • 53. Gimp
  • 54. Imagem e botões criados no Gimp
  • 55. Blender
  • 56. Blender - Exemplo
  • 57. Cinepaint
  • 58. KpovModeler
  • 59. KpovModeler - Exemplo
  • 60. Áudio e Vídeo
    • Rhythmbox – Aplicação para gerenciamento de música, inspirada no Apple iTunes®.
    • Audacity – Editor de áudio livre. Pode gravar, reproduzir, importar e exportar sons em formato WAV, AIFF, MP3, OGG.
    • Ardour – Workstation Digital de Áudio Linux – Sistema de gravação de áudio em disco rígido. Tem a ambição de fornecer a mesma funcionalidade de softwares como ProTools.
    • Cinelerra – Editor de vídeo profissional. Exige máquina robusta para edição doméstica ou clusters para edição profissional. Gratuito para uso não comercial.
  • 61. Rhythmbox
  • 62. Audacity
  • 63. Ardour
  • 64. Cinelerra
  • 65. Facilidade de uso
    • Relevantive, uma empresa de consultoria alemã realizou um estudo e comprovou que o Linux pode ser utilizado por empresas públicas e pelo consumidor final de maneira tão fácil quanto o Windows XP.
    • Grupos de usuários realizaram tarefas usando os diferentes sistemas operacionais, com idades entre 25 e 55 anos e com conhecimentos em computação mas sem experiência anterior com Linux ou com o XP.
    • Eles testaram a facilidade de criação e administração de arquivos, copiar CDs e realizar tarefas básicas de escritório, como escrever um texto e enviar um e-mail
    • Média: Linux = 44,5 minutos contra 41,2 do Windows
  • 66. Linux no Mundo
    • Em maio deste ano, a prefeitura de Munique, Alemanha, anunciou a substituição do Windows pelo Linux no 14 mil computadores de sua rede.
    • O CEO da Microsoft, Steve Ballmer, interrompeu suas férias na Suíça para se encontrar com o prefeito da cidade. Christian Ude, mas de nada adiantou. A troca ocorrerá em 2004, e o que está definindo agora é que apenas o pinguim será o sistema operacional.
    • O ministro da Indústria e Comércio do Japão, Takeo Hiranuma, propôs a criação de um novo sistema operacional baseado no código do Linux, que seria adotado em quase todo o continente asiático, no lugar do Windows.
  • 67. Algumas Conclusões
    • Foi-se o tempo que o Software Livre era utilizado apenas por nichos específicos de usuários;
    • O Software Livre está obrigando grandes empresas a mudarem seus conceitos e abaixarem seus preços para se tornarem mais competitivas;
    • O novo modelo de negócio é sinônimo de lucro para empresas prestadoras de serviços;
    • O Software Livre pode ser utilizado no lugar de Software Proprietário, economizando com licenças de uso e hardware, aumentando a disponibilidade do sistema e ajudando a combater o monopólio;
    • O Software Livre lhe permite ter a liberdade de escolha e aprendizagem sem custos;
  • 68. Sobre este documento
    • Este documento foi criado com o uso de ferramentas Livres, desde a pesquisa na internet, edição de fotos até esta apresentação.
    • Este trabalho está disponível sob a Licença de Documentação Livre GNU, oferecendo liberdade de leitura e distribuição. Com isso temos o objetivo de disseminar a informação – que vale mais quando é compartilhada, e não quando permanece restrita.
    • O mesmo pode ser encontrado para download no site http://www.linuxrapido.linuxdicas.com.br
    • Os screenshoots são de autoria de Joerlei P. Lima ( [email_address] ) e o restante de Tiago Cruz( [email_address] )