Sequência..

1,344 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
1,344
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
345
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Sequência..

  1. 1. PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO Secretaria Executiva de Desenvolvimento da Educação Gerência de Políticas Educacionais do Ensino Médio
  2. 2. Sequência didática   TEMA: Revolução Industrial ÁREAS DE CONHECIMENTO: Linguagens, códigos e suas tecnologias e Ciências Humanas e suas tecnologias ANO: 2º Ensino Médio UNIDADE DIDÁTICA: IV TEMPO: 16 aulas (50 minutos - 4 aulas Inglês, 6 aulas História e 6 aulas de Língua Portuguesa e Literatura ) CONTEÚDOS:  História: A Revolução Industrial Inglesa e suas pré-condições; O capitalismo na Europa: os exemplos da França e da Alemanha; Inglês: Cultura da Língua inglesa e sua importância para o mundo globalizado; Campo lexical – industrialização e globalização; Estratégias de leituras (skimming; scanning); Língua Portuguesa/Literatura: Coesão textual; Realismo/Simbolismo/Vanguardas Europeias  
  3. 3. <ul><li>OBJETIVOS: </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Estabelecer uma reflexão sobre as implicações da Revolução Industrial no mundo contemporâneo; </li></ul><ul><li>Discutir as inovações tecnológicas e como elas influenciaram o cotidiano dos indivíduos na sociedade atual; </li></ul><ul><li>Reconhecer o campo lexical e literário voltado à área de industrialização, mercado e globalização; </li></ul><ul><li>Ler e analisar textos informativos e poéticos sobre a evolução da máquina; </li></ul><ul><li>Despertar para a importância da Língua Inglesa, sua cultura e sociedade para o progresso da economia mundial; </li></ul><ul><li>Reconhecer o valor semântico de elementos textuais; </li></ul><ul><li>Relacionar o contexto histórico com a produção literária do início do século XX. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>RECURSOS DIDÁTICOS:  </li></ul><ul><li>Textos que discutam a importância de estudar a Revolução Industrial, estabelecendo paralelo com estilos literários da época; </li></ul><ul><li>Imagens que mostrem a evolução das máquinas e das condições da classe trabalhadora; </li></ul><ul><li>Mapas; </li></ul><ul><li>Filmes: “Germinal” / “Tempos Modernos”. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>METODOLOGIA: </li></ul><ul><li>Língua Inglesa </li></ul><ul><li>1ª Etapa </li></ul><ul><li>Leitura do texto: Discurso de Chaplin “ </li></ul><ul><li>Individualmente, o estudante realiza a leitura do discurso de Chaplin “não sou máquina, homem é que sou”, em Inglês e Português, identificando as informações que julgarem mais relevantes na relação Homem – Máquina – Sociedade e expondo seu ponto de vista sobre a idéia do texto. </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  5. 5. <ul><li>2ª Etapa </li></ul><ul><li>Estudo do campo lexical </li></ul><ul><li>Em grupos, à luz do discurso de Chaplin, os estudantes destacam no texto, em Português, palavras do campo lexical Industrialização e Globalização, associando-as a Inglês e formando uma lista. </li></ul><ul><li>Os mesmos grupos de estudo identificam e corrigem, no texto, a função morfossintática das palavras empregadas no texto em Português, correspondentes a Inglês na mesma função. </li></ul><ul><li>Respondem, ainda, a questões em Inglês com base no texto, considerando a subjetividade dos alunos. </li></ul><ul><li>3ª Etapa </li></ul><ul><li>Pesquisa: nomes de equipamentos ou objetos eletrônicos </li></ul><ul><li>Em grupos de 4 alunos, pesquisam nomes de equipamentos ou objetos eletrônicos que demonstrem a evolução do meio tecnológico dos nossos dias, apresentando nome, função e origem do produto, em inglês. </li></ul><ul><li>Produção textual </li></ul><ul><li>Individualmente, os estudantes escrevem um pequeno texto, em Inglês, apresentando a sua identidade com uma das profissões sugeridas no texto (uso de texto complementar com características das profissões). </li></ul>
  6. 6. <ul><li>História </li></ul><ul><li>1ª Etapa </li></ul><ul><li>Tempestade de idéias </li></ul><ul><li>O professor levanta os conhecimentos prévios, do seu grupo-classe, sobre a Revolução Industrial, através de uma tempestade de idéias.  </li></ul><ul><li>2ª Etapa </li></ul><ul><li>Leitura dialogada </li></ul><ul><li>O professor, juntamente com os estudantes, realizam uma leitura interativa do texto contido no livro didático, p.20, que ilustra o contexto histórico precedente à Revolução Industrial, identificando as condições que desencadearam essa revolução. </li></ul><ul><li>Exposição dialogada </li></ul><ul><li>A partir do programa “Educandus”, o professor realiza uma exposição dialogada, atentando para as inovações tecnológicas e as condições de trabalho, respectivamente, trazidas e propostas pela Revolução Industrial. </li></ul><ul><li>Exibição do filme Tempos Modernos </li></ul><ul><li>A partir do vídeo “Tempos Modernos”, os estudantes realizam uma discussão sobre as implicações da Revolução Industrial no mundo contemporâneo . </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  7. 7. <ul><li>  3º Etapa </li></ul><ul><li>Resolução de questões objetivas </li></ul><ul><li>Os estudantes, sob a mediação do professor, respondem questões sobre a Revolução Industrial, verificando as compreensões e apreensões sobre o tema. </li></ul><ul><li>Língua Portuguesa </li></ul><ul><li>1ª Etapa </li></ul><ul><li>Leitura de texto informativo “A Evolução da Máquina” </li></ul><ul><li>l A partir da leitura do texto, o professor aciona os conhecimentos prévios dos estudantes para levantamento de hipóteses sobre a temática. </li></ul><ul><li>2ª Etapa </li></ul><ul><li>Análise da articulação dos elementos coesivos </li></ul><ul><li>Em pequenos grupos, os estudantes, de forma contextualizada, fazem uma releitura do texto para análise da articulação dos elementos coesivos, previamente destacados pelo professor. </li></ul><ul><li>Em seguida, reanalisam o texto com a ausência dos elementos coesivos, discutindo a alteração de sentido e compreensão do texto. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>3ª Etapa </li></ul><ul><li>Atribuição de sentido a um texto </li></ul><ul><li>Sob a mediação do professor, os estudantes atribuem sentido a um texto, a partir da escolha adequada de elementos coesivos. </li></ul><ul><li>Literatura  </li></ul><ul><li>1ª Etapa </li></ul><ul><li>Apreciação e análise de uma pintura simbolista e pré-modernista </li></ul><ul><li>A partir dos quadros, com pintura de caráter simbolista e pré-modernista, apresentados pelo professor, os estudantes apreciam e analisam as manifestações político-sociais retratadas. </li></ul><ul><li>2ª Etapa </li></ul><ul><li>Estudos dialógicos </li></ul><ul><li>Em pequenos grupos, os estudantes comparam as estéticas artístico-literárias resultadas do contexto histórico-literário da Revolução Industrial e suas conseqüências. </li></ul><ul><li>Análise de textos sobre as Vanguardas Européias </li></ul><ul><li>Em pequenos grupos, os estudantes identificam, em textos apresentados pelo professor, as decepções do homem com a cultura e as condições de vida; </li></ul>
  9. 9. <ul><li>3ª Etapa </li></ul><ul><li>Análise de poemas de Augusto dos Anjos </li></ul><ul><li>Os estudantes, sob a mediação do professor, analisam poemas de Augusto dos Anjos destacando presenças de marcas lingüísticas que nos remetam ao sul-realismo e outras vanguardas, observando a extensão geográfica, as frustrações e decepções do homem perante o surgimento das máquinas. </li></ul><ul><li>AVALIAÇÃO: </li></ul><ul><li>A avaliação dar-se-á a partir da: </li></ul><ul><li>p articipação nas aulas e atividades em grupo; </li></ul><ul><li>exposição oral do tema; </li></ul><ul><li>resolução de questões objetivas </li></ul><ul><li>avaliação escrita. </li></ul><ul><li>REFERÊNCIAS: </li></ul><ul><li>FALTA LISTÁ-LAS </li></ul>

×