Your SlideShare is downloading. ×
0
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Ana Mapeamento
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Ana Mapeamento

618

Published on

Apresentação de Ana do Val no encontro Mapeamento, Território e Diversidade em outubro de 2009.

Apresentação de Ana do Val no encontro Mapeamento, Território e Diversidade em outubro de 2009.

Published in: Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
618
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. SANTO AMARO EM REDE – CULTURAS DE CONVIVÊNCIA Mapeamento sociocultural da região sul de São Paulo e Municípios vizinhos
  • 2. HOJE Unidade Provisória do Sesc Santo Amaro Av. Adolfo Pinheiro, Santo Amaro FUTURO Unidade Sesc Santo Amaro Rua Amador Bueno, Santo Amaro
  • 3. MUTIRÃO CULTURAL Metodologia desenvolvida pela equipe que consiste na formação de uma rede de parceiros, unindo a comunidade em busca de um objetivo pré-determinado com utilização prioritária de espaços e equipamentos públicos reunindo diferentes linguagens artísticas com intuito de promover ações transformadoras que podem ser concretas ou de caráter subjetivo.
  • 4. SANTO AMARO EM REDE – CULTURAS DE CONVIVÊNCIA • Promover uma articulação em rede no território; •Ações de formação e discussão com atores locais; • Um dia Sesc na Comunidade; •Mapeamento; • Blog Santo Amaro em Rede.
  • 5. Por que um mapeamento? •Conhecer melhor a região e os grupos e indivíduos que articulam dinâmicas socioculturais •Estabelecer e fomentar um maior diálogo com estes grupos e indivíduos •Promover uma articulação em rede no território
  • 6. OBJETIVOS MAPEAMENTO: - perceber e conhecer as dinâmicas culturais locais, principalmente as invisíveis ou pouco visíveis - dar visibilidade a novos protagonistas - democratizar informações, difundir os fazeres locais e fortalecer autonomia das dinâmicas - fornecer subsídios para o projeto Santo Amaro em Rede para formar e disponibilizar uma rede de informações socioculturais - instrumentalizar o plano de atuação da nova unidade
  • 7. O que está sendo mapeado? •Dinâmicas socioculturais com grande inserção no território – região sul da Grande São Paulo •Grupos, instituições e indivíduos que articulem redes de relações no território •Ações que dialoguem com as áreas de atuação do SESC Santo Amaro
  • 8. Áreas de atuação mapeadas (Tipologias) •Linguagens artísticas •Esporte •Comunicação e mídia •Lazer •Cultura alimentar •Etnias •Cultura de paz e Direitos •Gênero Humanos •Juventude •Culturas tradicionais e populares •3ª idade •Memória e História Local •Meio Ambiente •Educação formal •Saúde da mente •Educação não formal •Saúde do corpo
  • 9. CARACTERÍSTICAS DO MAPEAMENTO •Qualitativo e quantitativo: diversidade territorial e cultural, relações de sociabilidade, relações com o território, mobilidade urbana e cultural e pertencimento; •Caráter educativo e de estimulo a pesquisa; •Recorte territorial x Desenvolvimento local; •Entrevistas locais; •Presencial e participativo; •Formação de agentes locais; •Desenvolvimento de uma nova cartografia para o território.
  • 10. MAPA DESENVOLVIDO POR UM PESQUISADOR SOBRE SUA PERCEPÇÃO DA ZONA SUL
  • 11. APLICAÇÃO DE PADRÕES PARA O MAPA COLCHA DE RETALHOS
  • 12. REFERÊNCIAS VISUAIS PARA CRIAÇÃO DE TECIDOS PARA O MAPA
  • 13. Dados do mapeamento Levantamento entidades e grupos pesquisados: aproximadamente 1500; Entidades e grupos mapeados: 330
  • 14. Metodologia •Questionário quali - quanti; •Escutas qualificadas; •Oficinas cognitivas e sensoriais; •Preparação de agentes culturais (pesquisadores); •Imersões territoriais; •Georeferênciamento; •Acompanhamento e monitoramento de campo; •Grupo focal – agentes culturais; •Utilização de novas tecnologias para tradução de dados;
  • 15. Divulgação do Mapeamento Publicação impressa Site – hipermídia (conteúdos quali quanti do mapeamento, informações de utilidade pública sobre as localidades e páginas personalizadas dos grupos) Blog Santo Amaro em Rede
  • 16. EQUIPE DE MAPEAMENTO SESC SANTO AMARO: Maracélia Ramos Teixeira Marco Antonio dos INSTITUTO PÓLIS: Santos Ana do Val Marcos Prado Luchesi Alexandre Pereira Maurício Del Neri Altair Moreira Marcelo Alberini Beatriz Vieira Marina Almeida Eduardo Quarenta Hamilton Faria PESQUISADORES: Julio Mendonça Alânia Cerqueira Lucília Borges Cintia Sampaio Marcos Matsukuma Cleber Lopes Débora Ribeiro Jan Ribeiro Luiza Weber Rafael Lima

×