• Save
Capítulo 11 - Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Capítulo 11 - Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetos

on

  • 6,233 views

Capítulo 11

Capítulo 11
Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetos
www.everton.pro

Statistics

Views

Total Views
6,233
Views on SlideShare
6,227
Embed Views
6

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

2 Embeds 6

http://everton.pro 4
http://www.everton.pro 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Capítulo 11 - Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetos Capítulo 11 - Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetos Presentation Transcript

  • Capítulo 11 Como desenvolver sistemas de informação e gerenciar projetosslide 1
  • Objetivos de estudo• Quais os principais passos de resolução de problemas para desenvolver novos sistemas de informação?• Quais os métodos alternativos para construção de sistemas de informação?• Quais as diversas metodologias para modelagem e projeto de sistemas?• Como os sistemas de informação devem ser escolhidos e avaliados?• Como devem ser gerenciados os projetos de sistemas de informação?
  • Novo sistema de pedidos paraos biscoitos das Girl Scouts• Problema: procedimentos manuais ineficientes, alta taxa de erros.• Soluções: eliminar os procedimentos manuais, planejar um novo processo de encomendas e implantar um banco de dados capaz de agregar e rastrear pedidos automaticamente e programar as retiradas de encomendas.
  • Novo sistema de pedidos paraos biscoitos das Girl Scouts• O QuickBase for Corporate Workgroups, da Intuit, aumentou a eficiência e reduziu os erros por um valor menor do que as outras opções disponíveis.• Demonstra o papel da TI na atualização de processos de negócios tradicionais.• Ilustra a tecnologia digital como foco no replanejamento e na construção de novos sistemas de informação.
  • Novo sistema de pedidos paraos biscoitos das Girl Scouts
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemas• Novos sistemas de informação são construídos como soluções para problemas.• Quatro etapas para a construção de um sistema de informação: • Definição e entendimento do problema. • Desenvolvimento de soluções alternativas. • Avaliação e escolha de soluções. • Implementação da solução.• As três primeiras etapas são denominadas “análise de sistemas”.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasDesenvolvimento de uma solução de sistema deinformaçãoO desenvolvimento deuma solução de sistemade informação baseia-seno processo deresolução de problemas.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasDefinição e entendimento do problema• O que causou o problema?• Por que ele ainda ocorre?• Por que ainda não foi resolvido?• Quais os objetivos de uma possível solução?• Requisitos de informação.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasDesenvolvimento de soluções alternativas• Caminhos para a solução são determinados pela análise de sistemas.• Algumas soluções não requerem um sistema de informação.• Algumas soluções demandam a modificação de sistemas existentes.• Algumas soluções demandam novos sistemas.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasAvaliação e escolha de soluções• Questões de viabilidade • Estudo da viabilidade.• Custos e benefícios.• Vantagens e desvantagens.• Valor empresarial dos sistemas.• Administração da mudança.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasImplementação da solução• Projeto de sistemas.• Finalização da implementação: • Seleção e aquisição de hardware. • Desenvolvimento e programação de software. • Testes. • Treinamento e documentação. • Conversão. • Produção e manutenção.• Gestão da mudança.
  • Resolução de problemas edesenvolvimento de sistemasExemplo de plano de teste para o sistema de biscoitos dasGirl ScoutsAo desenvolver o planode teste, é imperativoincluir as váriascondições testadas, osrequisitos de cadacondição e osresultados esperados.Planos de testerequerem entradastanto de usuários finaisquanto de especialistasem sistemas deinformação.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasCiclo de vida de sistemas tradicional• Método mais antigo para construção de sistemas de informação.• Abordagem baseada em fases, com estágios formais.• Abordagem “em cascata”.• Divisão formal do trabalho.• Utilizada na construção de sistemas grandes e complexos.• Dispendiosa e demorada.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasCiclo de vida de sistemas tradicional O ciclo de vida de sistemas fragmenta o desenvolvimento de sistemas em estágios formais; cada estágio precisa ser finalizado antes que o seguinte se inicie.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasPrototipagem• O modelo preliminar é construído de forma rápida e sem muitos gastos• Processo de quatro etapas: • Identificação dos requisitos básicos do usuário. • Desenvolvimento de um protótipo inicial. • Utilização do protótipo. • Revisão e aperfeiçoamento do protótipo.• Especialmente útil no desenho da interface de usuário.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasProcesso de prototipagemO processo de desenvolvimentode um protótipo pode serdesdobrado em quatro etapas.Uma vez que é possíveldesenvolver um protótiporapidamente e sem grandescustos, os desenvolvedores desistemas podem passar pordiversas alterações, repetindo asetapas 3 e 4 para refiná-lo eaperfeiçoá-lo antes de chegar aoprotótipo operacional final.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasDesenvolvimento pelo usuário final• O usuário final cria sistemas de informação simples, com pouca ou nenhuma assistência de especialistas técnicos.• Usa linguagens de quarta geração, linguagens gráficas e ferramentas de software para PCs para acessar dados, criar relatórios e desenvolver sistemas de informação.• São finalizados muito mais rapidamente do que os feitos com as ferramentas convencionais.• Riscos organizacionais.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasDesenvolvimento pelo usuário final• Permite que os usuários finais criem sistemas de informação simples: • Reduz o tempo necessário para produzir uma aplicação acabada. • Frequentemente eleva o nível de envolvimento e satisfação do usuário com o sistema. • Também apresenta riscos organizacionais porque os sistemas são criados de modo rápido, sem metodologia formal de desenvolvimento, teste e documentação.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasSoluções de aquisição: pacotes de software aplicativos eoutsourcing (terceirização)• Solicitação de proposta.• Pacotes de softwares aplicativos: • Sistemas genéricos para funções universais com processos padronizados. • Customização.• Outsourcing: • Application service providers (ASPs). • Outsourcing internacional.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasCusto total do outsourcing internacionalSe uma empresa gastar 10 milhões de dólares em contratos de outsourcinginternacional, essa empresa na verdade gastará 15,2% a mais em custosextras, mesmo no cenário mais otimista. No cenário mais pessimista, emque existe queda drástica na produtividade, combinada com custos dedemissão e transição excepcionalmente altos, a empresa pode esperardesembolsar 57% a mais em custos extras, além dos 10 milhões pagos pelocontrato internacional.
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasSeção interativa: Tecnologia Zimbra dispara com oOneview• Leia a Seção interativa e responda às seguintes perguntas: • Descreva as etapas do processo de vendas da Zimbra. De que forma o antigo sistema de automação de marketing apoiou esse processo? • Liste e descreva os requisitos da empresa para um novo pacote de software de marketing. Se estivesse preparando uma solicitação de proposta para o novo sistema da Zimbra, que perguntas faria? • De que forma o novo sistema modificou a maneira como a organização gerencia seus negócios? Quão bem-sucedido foi o sistema?
  • Diferentes abordagens dedesenvolvimento de sistemasDesenvolvimento rápido de aplicações para e-business• Agilidade e escalabilidade.• Desenvolvimento rápido de aplicações (RAD): • Processo de criar sistemas aptos a funcionar em um espaço muito curto de tempo.• Projeto conjunto de aplicações (JAD): • Usuários finais e especialistas em sistemas de informação trabalhando juntos no projeto.
  • Como formatar e projetarsistemas• Metodologias estruturadas: • Diagrama de fluxo de dados. • Especificações de processo. • Diagrama de estrutura.• Desenvolvimento orientado a objetos: • Baseado nos conceitos de classe e herança. • Desenvolvimento baseado em componentes e serviços da Web.• Engenharia de software assistida por computador (computer-aided software engineering – CASE).
  • Como formatar e projetarsistemasDiagrama de fluxo de dados para o sistema de matrícula emuma universidade a distânciaO sistema tem trêsprocessos: verificardisponibilidade (1.0),matricular estudante (2.0) econfirmar matrícula (3.0). Onome e o conteúdo de cadafluxo de dados aparecemadjacentes a cada seta. Háuma entidade externa nestesistema: o estudante. E duasarmazenagens deinformações: o arquivomestre de estudantes e oarquivo de cursos.
  • Como formatar e projetarsistemasDiagrama de estrutura de alto nível para um sistema de folhade pagamentoEste diagrama mostra o nível mais abstrato, ou mais alto, do projeto de umsistema de folha de pagamento, dando uma visão geral de todo o sistema.
  • Como formatar e projetarsistemasClasse e herançaEsta figura ilustracomo as classesherdam ascaracterísticascomuns de suasuperclasse.
  • Como formatar e projetarsistemasDesenvolvimento orientado a objetos• Usa o objeto como a unidade básica da análise e do projeto de sistemas: • Classe. • Herança.• Mais interativo e incremental do que o desenvolvimento estruturado tradicional.• Desenvolvimento baseado em componentes: • Conjuntos de objetos agrupados em componentes de software. • Usado na criação de aplicações comerciais de e-commerce.
  • Como formatar e projetarsistemasEngenharia de software assistida por computador• Oferece ferramentas de software que automatizam as metodologias que acabamos de descrever: • Reduz o trabalho repetitivo no desenvolvimento de sistemas.• Ferramentas CASE facilitam a documentação clara e a coordenação do trabalho da equipe de desenvolvimento: • Se as ferramentas forem usadas adequadamente, também é possível obter um pequeno ganho de produtividade.
  • Gerência de projetosObjetivos da gerência de projetos• Projeto: • Série planejada de atividades relacionadas para alcançar um objetivo empresarial específico.• Gerência de projetos: • Aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas de modo a alcançar alvos específicos dentro de determinado orçamento e com restrições de tempo.• Escopo.• Tempo.• Custo.• Qualidade.• Riscos.
  • Compreensão do valorempresarial dos sistemas eadministração de mudançasSeção interativa: PessoasA Kaiser Permanente fracassa no projeto de seu Centro deTransplante de Rins• Leia a Seção interativa e responda às seguintes perguntas: • Classifique e descreva os problemas enfrentados pela Kaiser no projeto do centro de transplantes. Qual o papel dos sistemas de informação e da gestão de informações nesses problemas? • Quais os fatores humanos, organizacionais e tecnológicos responsáveis por esses problemas? • Que medidas você tomaria para aumentar as chances de sucesso do projeto? • Existiam problemas éticos relacionados ao projeto fracassado? Explique.
  • Gerência de projetosEscolha de projetos: como montar o estudo de casoempresarial para o novo sistema• Determinação de custos e benefícios do projeto: • Benefícios tangíveis. • Benefícios intangíveis. • Métodos de orçamento de capital.• Plano de sistemas de informação.• Análise de carteira (portfólio): • Modelo de pontuação (scoring).
  • Gerência de projetosPortfólio de sistemasAs empresas devemexaminar sua carteira deprojetos em termos debenefícios potenciais eriscos prováveis. Certostipos de projeto devemser totalmente evitados,e outros, desenvolvidosrapidamente. Não existea fórmula ideal, já queempresas de diferentessetores têm perfisdiversos.
  • Compreensão do valorempresarial dos sistemas eadministração de mudançasGerência de riscos e mudanças relacionadas ao sistema• Implementação e gestão de mudanças: • Implementação. • Dificuldade de comunicação usuário-projetista.• Controlando fatores de risco: • Ferramentas formais de planejamento e de controle. • Gráficos de Gantt. • Diagramas PERT. • Software de gerência de projetos.• Superação da resistência do usuário: • Ergonomia. • Análise de impacto organizacional.
  • Gerência de projetosGráfico de GanttO gráfico de Gantt mostra a tarefa, o número de homens-dia e as iniciais de cadaprofissional responsável, bem como as datas de início e término de cada tarefa.Com o resumo de recursos, um bom gerente consegue ver o total de homens-diapara cada mês e para cada profissional que trabalha no projeto. O projeto descritoaqui é um projeto de administração de dados.
  • Gerência de projetosGráfico de Gantt
  • Gerência de projetosGráfico de Gantt
  • Gerência de projetosGráfico PERTEste é um gráfico PERT simplificado para criação de um site pequeno. Elemostra a ordenação das tarefas do projeto e o relacionamento de cadatarefa com as que a antecedem e sucedem.
  • Compreensão do valorempresarial dos sistemas eadministração de mudançasGerenciando projetos em escala global• Os desafios da gerência de projetos para sistemas globais são complicados pelo ambiente internacional: • Requisitos de informação de usuários, processos de negócios e culturas de trabalho diferem de um país a outro.• Maneiras de convencer os usuários a adotar sistemas globais: • Permitir que a unidade de cada país na corporação global seja a primeira a desenvolver uma aplicação transnacional em seu território. • Desenvolver centros transnacionais de excelência para realizar a análise do negócio e do sistema, o projeto e os testes.