Your SlideShare is downloading. ×
escalas de avaliaçãoEduardo Rangel Brandão, M.Sc.A reprodução, total ou parcial, dos textos e imagens deste documento só é...
O conteúdo desta aula foi ministrado no Curso de Pós-Graduação em Ergodesign de Interfaces: Usabilidade e Arquitetura de I...
escalas de avaliaçãoAs escalas de avaliação são instrumentosque têm o objetivo de medir:•  Intensidade.•  Opiniões.•  Atit...
escalas de avaliaçãoConsistem em uma série graduada deitens, dentre os quais o respondente deveassinalar aqueles que melho...
escalas de avaliação
escalas de avaliação
escalas de avaliação
* Fonte: monografia “Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos controladores de tráfego aéreo de um aeroporto ...
* Fonte: monografia “Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos controladores de tráfego aéreo de um aeroporto ...
escalas de avaliaçãoNas pesquisas sociais, os eventos sediferenciam em 4 níveis de escalas:•  Escala nominal.•  Escala ord...
escalas de avaliação:escala nominal
escala nominalNa escala nominal utilizam-se:•  Números e símbolos (para identificar•  pessoas).•  Objetos.•  Categorias (l...
escalas de avaliação:escala ordinal
escala ordinalAlém de identificar:•  Pessoas, objetos, categorias, números e•  símbolos.•  A escala ordinal os ordena numa...
escalas de avaliação:escala de razão
escala de razãoNa escala de razão, a apresentação dositens reverte a perguntas abertas.   Considerando seu tempo livre e d...
escalas de avaliação:escala likert
escala likertNa escala likert, o respondente avalia umfenômeno numa escala de alternativas.Esta escala é numerada com ânco...
escala likertEm uma escala de 5 pontos, porexemplo:•  O número 5 pode representar um•  problema muito incômodo.•  O número...
escala likertEm uma escala de 5 pontos, por exemplo(continuação):•  Se o respondente sentir que o problema•  é incômodo, p...
escala likertProblema superado                           Problema muito muito facilmente                              incô...
escala likertProblema superado                           Problema muito muito facilmente                              incô...
escala likertUma decisão importante diz respeito aonúmero par ou ímpar de alternativas,deixando a opção de não secompromet...
escala likertHá que diferenciar entre:•  Não saber opinar sobre um tema.•  Não querer se comprometer (quando•  existe a po...
escala likertIndependente do número de alternativasutilizadas, é importante que estejambalanceadas (mesmo número dealterna...
escalas de avaliação: referênciasbibliográficas
referências bibliográficas:      livros
referências bibliográficas: livros            •  An introduction to usability            •  Patrick W. Jordan
referências bibliográficas:    artigos
referências bibliográficas: artigos•  Como elaborar um questionário•  Hartmut Gunther•  http://www.unb.br/ip/lpa/pdf/01Que...
referências bibliográficas:    monografias,dissertações e teses
referências bibliográficas: monografias, dissertações e teses•  Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos•  co...
escalas de avaliação:sobre o professor
sobre o professor       Eduardo Rangel Brandão atua desde 1995 na criação de produtos digitais. É gestor da       equipe d...
fim :-)Eduardo Rangel Brandão, M.Sc.brandaoedu@gmail.comwww.eduardobrandao.com
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Escalas de avaliação

3,305

Published on

Aula do curso de Pós-Graduação em Ergodesign de Interfaces: Usabilidade e Arquitetura de Informação da PUC-Rio. Mais informações em http://www.eduardobrandao.com/aulas/tecnicas-pesquisa/escalas-de-avaliacao/

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
3,305
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Escalas de avaliação"

  1. 1. escalas de avaliaçãoEduardo Rangel Brandão, M.Sc.A reprodução, total ou parcial, dos textos e imagens deste documento só é permitida para fins não comerciais,sendo obrigatória a citação da fonte.
  2. 2. O conteúdo desta aula foi ministrado no Curso de Pós-Graduação em Ergodesign de Interfaces: Usabilidade e Arquitetura de Informação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
  3. 3. escalas de avaliaçãoAs escalas de avaliação são instrumentosque têm o objetivo de medir:•  Intensidade.•  Opiniões.•  Atitudes.
  4. 4. escalas de avaliaçãoConsistem em uma série graduada deitens, dentre os quais o respondente deveassinalar aqueles que melhorcorrespondem à sua percepção sobre ofato pesquisado.
  5. 5. escalas de avaliação
  6. 6. escalas de avaliação
  7. 7. escalas de avaliação
  8. 8. * Fonte: monografia “Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos controladores de tráfego aéreo de um aeroporto de pequeno porte”, de André Mattos e EduardoRangel Brandão escalas de avaliação
  9. 9. * Fonte: monografia “Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos controladores de tráfego aéreo de um aeroporto de pequeno porte”, de André Mattos e EduardoRangel Brandão escalas de avaliação
  10. 10. escalas de avaliaçãoNas pesquisas sociais, os eventos sediferenciam em 4 níveis de escalas:•  Escala nominal.•  Escala ordinal.•  Escala de razão.•  Escala likert.
  11. 11. escalas de avaliação:escala nominal
  12. 12. escala nominalNa escala nominal utilizam-se:•  Números e símbolos (para identificar•  pessoas).•  Objetos.•  Categorias (local de nascimento, sexo,•  estado civil, uso de aparelhos -•  exemplo: óculos ou bengala - etc.).
  13. 13. escalas de avaliação:escala ordinal
  14. 14. escala ordinalAlém de identificar:•  Pessoas, objetos, categorias, números e•  símbolos.•  A escala ordinal os ordena numa•  dimensão subjacente (exemplo: indicar•  um número de ordem de importância•  entre uma lista de opções - primeiro,•  segundo, terceiro, quarto, etc.).
  15. 15. escalas de avaliação:escala de razão
  16. 16. escala de razãoNa escala de razão, a apresentação dositens reverte a perguntas abertas. Considerando seu tempo livre e de recreação, solicitamos que indique: V.As. é membro de algum clube esportivo? ( ) Sim ( ) Não Caso sim, Passa quanto tempo por semana nesse clube, em média? ---------- horas Quanto gasta em atividades no clube, R$ ---------- além da mensalidade (em média/mês)?A primeira resposta (“sim” ou “não”) representa uma medição em escala nominal, enquanto as outras representam medições em escala de razão.
  17. 17. escalas de avaliação:escala likert
  18. 18. escala likertNa escala likert, o respondente avalia umfenômeno numa escala de alternativas.Esta escala é numerada com âncorasverbais em cada extremo.
  19. 19. escala likertEm uma escala de 5 pontos, porexemplo:•  O número 5 pode representar um•  problema muito incômodo.•  O número 1 representar um problema•  superado muito facilmente.
  20. 20. escala likertEm uma escala de 5 pontos, por exemplo(continuação):•  Se o respondente sentir que o problema•  é incômodo, pode marcar o número 4 na•  escala.
  21. 21. escala likertProblema superado Problema muito muito facilmente incômodo 1 2 3 4 5
  22. 22. escala likertProblema superado Problema muito muito facilmente incômodo 1 2 3 4 5
  23. 23. escala likertUma decisão importante diz respeito aonúmero par ou ímpar de alternativas,deixando a opção de não secomprometer (marcar um ponto neutro nomeio de uma escala com número ímparde alternativas).
  24. 24. escala likertHá que diferenciar entre:•  Não saber opinar sobre um tema.•  Não querer se comprometer (quando•  existe a possibilidade do respondente•  não ter condições de responder, deve-•  se deixar a alternativa “não sei” ou“não•  se aplica”).
  25. 25. escala likertIndependente do número de alternativasutilizadas, é importante que estejambalanceadas (mesmo número dealternativas positivas e negativas).
  26. 26. escalas de avaliação: referênciasbibliográficas
  27. 27. referências bibliográficas: livros
  28. 28. referências bibliográficas: livros •  An introduction to usability •  Patrick W. Jordan
  29. 29. referências bibliográficas: artigos
  30. 30. referências bibliográficas: artigos•  Como elaborar um questionário•  Hartmut Gunther•  http://www.unb.br/ip/lpa/pdf/01Questionario.pdf
  31. 31. referências bibliográficas: monografias,dissertações e teses
  32. 32. referências bibliográficas: monografias, dissertações e teses•  Intervenção ergonomizadora nos postos de trabalho dos•  controladores de tráfego aéreo de um aeroporto de pequeno porte•  André Luiz Medeiros Mattos•  Eduardo Rangel Brandão•  Monografia do curso de Especialização em Ergonomia e Usabilidade: Qualidade de Vida no Trabalho, em•  Casa, na Cidade (PUC-Rio - 2004)
  33. 33. escalas de avaliação:sobre o professor
  34. 34. sobre o professor Eduardo Rangel Brandão atua desde 1995 na criação de produtos digitais. É gestor da equipe de UX (User eXperience) na área de novas mídias da Globosat, onde desenvolve projetos de sites e aplicativos (smartphones, tablets, smart-TVs, set-top boxes, consoles de games, etc.) para canais de televisão como GNT, SporTV, Multishow, Viva, Gloob, Telecine, Universal Channel, GloboNews, Canal Brasil, MegaPix, SyFy, Futura, PremiereFC, Combate, Sexy-Hot, Off, Muu, Philos, entre outros. É professor em cursos de pós-graduação, em disciplinas correlatas a arquitetura de informação, design de interfaces, usabilidade, interação humano-computador e metodologia de pesquisa. Participa do comitê organizador e do comitê técnico científico de congressos internacionais nas áreas de ergonomia, usabilidade, design de interfaces e interação humano-computador. Trabalhou como arquiteto de informação na Globo.com e como designer de interfaces nas empresas Agência Click, Starmedia, Cadê?, MTEC Informática e Rio Datacentro. Atuou em projetos para Amil, Banco do Brasil, Brasil Telecom, Oi, Petrobras, White Martins, Fundação Planetário, Museu Villa-Lobos, Projeto Portinari, Plaza Shopping Niterói, Pinto de Almeida Engenharia, Decta Engenharia, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e Programa de Despoluição da Baía de Guanabara. Publicou diversos trabalhos (entre capítulos de livros, monografias, dissertações e artigos em congressos), concluiu 7 orientações e 38 co-orientações de monografias de alunos de pós-graduação lato sensu e participou de 44 bancas examinadoras em cursos de pós-graduação lato sensu. TITULAÇÃO: mestre em interação humano-computador, especialista em ergonomia e usabilidade e bacharel em desenho industrial, nas habilitações de comunicação visual e projeto de produto.
  35. 35. fim :-)Eduardo Rangel Brandão, M.Sc.brandaoedu@gmail.comwww.eduardobrandao.com

×