Your SlideShare is downloading. ×
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Um estudo sobre a publicidade on-line: evidenciando falhas metodológicas através de uma pesquisa exploratória

200

Published on

Artigo publicado no Abergo 2004 – XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia. Mais informações em …

Artigo publicado no Abergo 2004 – XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia. Mais informações em http://www.eduardobrandao.com/publicacoes/artigos-em-congressos/um-estudo-sobre-a-publicidade-on-line-evidenciando-falhas-metodologicas-atraves-de-uma-pesquisa-exploratoria/

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
200
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia UM ESTUDO SOBRE A PUBLICIDADE ON-LINE: EVIDENCIANDO FALHAS METODOLÓGICAS ATRAVÉS DE UMA PESQUISA EXPLORATÓRIA Eduardo Rangel Brandão, Mestrando em Design, Anamaria de Moraes, Doutora em Comunicação LEUI - Laboratório de Ergonomia e Usabilidade de Interfaces em Sistemas Humano-Tecnologia Rua Marquês de São Vicente, 225 - sala 715F CEP: 22453-900 - Gávea, Rio de Janeiro - Brasil E-mail: brandaoedu@gmail.com Palavras-chave: Ergonomia, Interação Homem-Computador, Usabilidade. Este artigo relata as etapas de desenvolvimento, tabulação dos dados, conclusões e desdobramentos futuros de uma pesquisa exploratória sobre a capacidade dos usuários reconhecerem os formatos de banner inseridos na página de um site, assim como memorizarem suas mensagens. Algumas falhas metodológicas foram detectadas ao longo dos testes. Acreditamos que a correção das mesmas asseguraria precisão e validade para o desenvolvimento de futuros estudos sobre o mesmo tema. Keywords: Human-Factors, Human-Computer Interaction, Usability. This article describes the steps of development, tabulating data, conclusions and some future implications about an exploratory study of users ability to recognize and memorize the content of different kinds of banners in a website. Some methogological weakness were found. We suggest some corrections that should offer precision and validity in further research on this topic.1. INTRODUÇÃO Como existe uma enorme variedade de formatos de anúncios on-line, optou-se por trabalhar apenas com oA propaganda na internet se apresenta hoje em dia tipo de propaganda mais tradicional, e sua variaçãoatravés de um formato unidirecional, tem o único aplicada no sentido vertical da tela, verificando seobjetivo de transmitir uma mensagem, seja ela aceita ou existia alguma dificuldade por parte dos usuários emnão pelos usuários que trafegam em um determinado reconhecerem e memorizarem as mensagens destessite. Além disso, a maioria dos anúncios veiculados na tipos de banner. Logo, os anúncios escolhidos foram:rede possui um visual pouco atrativo, como a misturade cores não-harmoniosas com as home-pages onde • Full banner: largura de 468 pixels e altura de 60estão inseridos, imagens com péssima qualidade visual, pixels;excesso de informação e tipografia de baixalegibilidade. Para completar este problema, a maioria • Skyscraper: largura de 120 pixels e altura de 600dos sites também são muito poluídos, têm excesso de pixels.dados, fazendo com que as propagandas on-line lutemcom o restante da página para atrair a atenção dousuário e transmitir sua oferta. Interface 1Uma pesquisa buscou estudar a usabilidade daspropagandas veiculadas na internet, tendo como Lorem ipsum dolor sitpredição que o emprego da ergonomia é uma poderosa Lorem ipsum dolor sit amet, conseteturferramenta de diferenciação para qualquer produto que sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magnaqueira se destacar em um meio competitivo. Um aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum.experimento foi desenvolvido com o objetivo de Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet.evidenciar possíveis falhas e dificuldades que poderiam Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmodsurgir ao longo da elaboração de um processo tempor invidunt ut labore et dolore magnametodológico, assegurando precisão e validade para aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum.futuras pesquisas sobre a relação do usuário com a Stet clita kasd gubergren, no sea takimat.propaganda veiculada na internet. Figura 1: Representação do full banner inserido em uma interface.
  • 2. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia • Se você acessa a internet de casa, qual o tipo de Interface 2 equipamento utilizado? • Que tipo de browser você utiliza para navegar pela internet? Lorem ipsum dolor sit Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna • Qual o seu comportamento em relação a aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. propaganda on-line? Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet. Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod • Se você já clicou em alguma propaganda on-line, tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos conseguiu seguir todo o caminho até o final da et accusam et justo duo dolores et ea rebum. compra? Stet clita kasd gubergren, no sea takimat. • Você acha que a propaganda on-line ajuda ouFigura 2: Representação do skyscraper inserido em atrapalha a navegação através da internet?uma interface. É válido ressaltar que este questionário era fechado, ou2. MÉTODOS E TÉCNICAS DA PESQUISA seja, oferecia apenas a possibilidade de respostas em múltipla-escolha. Ao final deste processo, um grupo de2.1. As características do questionário 3 pessoas foi selecionado para participar do experimento.A aplicação de um questionário entre um grupo depessoas é um método eficaz para selecionar 2.2. As características dos avaliadoresparticipantes para uma pesquisa experimental. Oexperimento só deve ser realizado após o pesquisador Havia a necessidade de existir um padrão comum paraequacionar o nível de expertise de todo o pessoal todos os participantes do experimento, mantendo oenvolvido. equilíbrio entre os indivíduos e proporcionando garantia de que todos seriam capazes de realizar asO questionário utilizado por esta pesquisa abordava as tarefas propostas. O perfil dos sujeitos selecionados secaracterísticas de cada pessoa, como idade e grau de baseou em elementos de acordo com o nível cultural,escolaridade, por exemplo. Constavam também econômico, intelectual e social de cada um, conformeperguntas sobre os costumes, finalidade, impressões e as seguintes características:tempo de utilização da internet. A seguir, é possívelobservar algumas das perguntas realizadas: • Pessoas apenas do sexo masculino, garantindo um maior grau de uniformidade entre os participantes;• Idade? • Sujeitos das classes sociais A ou B, com idade• Escolaridade? entre 25 e 30 anos, universitários de cursos de graduação ou pós-graduação - participantes com um• Qual o seu nível de conhecimento em relação a bom nível cultural, intelectual e social; língua inglesa? • Indivíduos com experiência de navegar pela• Você costuma acessar a internet? internet e com algum contato com propagandas on- line, independente de terem realizado ou não• Quantas vezes por semana costuma acessar a compras através da rede mundial de computadores; internet? • Pessoas livres de um comportamento radical em• Quanto tempo fica navegando durante o acesso? relação aos banners. Foram evitados os sujeitos considerados como compradores em potencial, ou• Com que finalidade você utiliza a internet? aqueles que abominam a publicidade na internet, senão a propaganda poderia ser percebida antes de todo o resto do conteúdo da interface, ou• De onde você costuma acessar a internet? simplesmente ser ignorada.
  • 3. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia2.3. As características da interface o full banner e o skyscraper seriam visualizados deveria conter menus de navegação, áreas de texto,Através da pesquisa experimental, alguns aspectos da títulos, links e botões, todos os elementos encontradosrealidade são manipulados, dentro de condições em qualquer página da internet.previamente definidas, a fim de observar se o resultadoesperado está de acordo com as expectativas do Um segundo ponto muito importante era o fato de cadapesquisador. Logo, para o desenvolvimento do pessoa conseguir identificar esta interface como umaexperimento, havia a necessidade de serem adotadas página capaz de vender conteúdo publicitário, além deuma série de variáveis independentes, dependentes, possuir uma boa carga informacional, para evitar que ocontroladas e equilibradas. anúncio se destacasse muito rapidamente do restante do conteúdo. Ao se pensar em uma interface que sejaAs variáveis independentes, que variam facilmente identificada como uma página capaz dedeliberadamente para que o pesquisador observe o que vender publicidade e que possua uma grande cargaacontece ao modificá-las, eram as seguintes: informacional, é perfeitamente possível traçar uma forte analogia com o caso dos grandes portais, como• 2 versões de formatos de propaganda, o full banner AOL, BOL, Cadê?, Globo.com, IG, MSN, UOL, e o skyscraper. Starmedia, Terra, Yahoo!, entre outros.As variáveis dependentes, que são os critérios, ou seja, Tendo como referência a pesquisa dos institutos Jupiterrepresentam o que se deseja medir no experimento, Media Metrix e Ibope e-Ratings, realizada durante oseram as seguintes: meses de novembro e dezembro de 2001, os dez portais brasileiros mais visitados foram observados. A• O participante conseguir atingir as tarefas propostas finalidade era escolher entre eles o ambiente de pelo pesquisador; navegação que seria adotado durante o experimento. Ao final deste processo, foram desenvolvidas duas• Reconhecimento e memorização da mensagem interfaces análogas ao portal Terra Networks, uma para contida na propaganda. cada tipo de banner (interface 1 para o full banner e interface 2 para o skyscraper). A escolha do site TerraAs variáveis controladas, que são aquelas que se tenta se deve às seguintes características:manter constantes ao longo de experimento, eram asseguintes: • Possui fácil identificação como uma página capaz de vender conteúdo publicitário;• As tarefas a serem realizadas; • Possui uma grande quantidade de carga• As características básicas da interface, como paleta informacional, podendo causar dificuldades para o de cores, menus de navegação, textos utilizados e banner ser identificado rapidamente; diagramação da página; • Possui uma paleta de cores predominantemente• A configuração do computador utilizado; laranja, cor quente, vibrante e convidativa, podendo estimular a curiosidade para se navegar através de• A mensagem contida na propaganda. suas seções.E por último as variáveis equilibradas, que são aquelas Para não criar qualquer tipo de interferência noque procuram garantir um padrão comum entre os resultado da pesquisa, havia a necessidade deelementos envolvidos. A variável equilibrada desta manterem-se constantes as características da interface,pesquisa era: fazendo com que cada um dos três participantes visualizasse o ambiente de navegação da mesma forma• O perfil do avaliador. que os demais. Como o portal Terra está sujeito a atualizações e modificações diárias, foi realizado oDe acordo com as variáveis envolvidas no experimento, download do mesmo para o disco rígido de umera necessário que a propaganda estivesse inserida em computador, permitindo o desenvolvimento de duasum ambiente de navegação que possuísse forte analogia interfaces baseadas na estrutura do portal, mantendocom o universo dos três participantes. A interface onde suas cores, menus de navegação, conteúdo do texto e diagramação da página, mas navegável apenas no
  • 4. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomiaambiente off-line. O fato de não estar conectado à A cor amarela foi escolhida como a tonalidade utilizadainternet, impediu a atualização do portal Terra utilizado nos banners. Já foi dito que o portal Terra possui umadurante o experimento, evitando que o primeiro sujeito cor predominantemente laranja. O laranja é análogo aorealizasse a tarefa tendo uma interface com conteúdo amarelo, ou seja, possuem uma mesma cor básica,diferente do apresentado para a segunda ou terceira fazendo com que a cor dos anúncios se ajuste depessoa. maneira harmoniosa ao restante dos elementos da tela. Dentre as variações de tonalidade da cor amarela, foiDurante o experimento, o mesmo texto foi utilizado escolhido um tom pertencente à paleta web, com ostanto na interface do full banner quanto na do seguintes valores do modelo RGB para a mistura deskyscraper. Também é válido lembrar que estas suas cores primárias:interfaces foram apresentadas para os participantesrespectivamente nesta ordem, ou seja, primeiro ainterface 1 (full banner) e depois a interface 2 Red (vermelho): 255(skyscraper). Mas a apresentação repetida de ummesmo texto pode ocasionar varredura e resultar em Green (verde): 204um viés experimental. Logo, em experimentos futuros érecomendável que não se utilize textos iguais. Os Blue (azul): 102mesmos deverão possuir apenas uma mesma origem(CD-Rom, enciclopédia, livro, revista ou site), evitandoque possíveis diferenças na sua compreensão possam Figura 3: Tonalidade de cor amarela aplicada nosinfluenciar os resultados do experimento. Também é banners.recomendável que a apresentação de cada interface eseus respectivos textos seja aleatória, para evitar que os A mensagem transmitida pela propaganda não variouparticipantes aprendam a rotina experimental da durante o experimento, independente de existirem doispesquisa. formatos de anúncios. Esta pesquisa abordou apenas a relação do usuário com o banner aplicado no sentido2.4. As características do full-banner e skyscraper horizontal ou vertical da tela, e a relação com o tipo de mensagem transmitida não foi considerada. Através deO artigo Banner Usability, de Pete COOPER (2002), um levantamento dos produtos mais oferecidos nosforneceu uma série de guidelines para as propagandas sites de e-commerce brasileiros, o DVD foi escolhidoutilizadas no experimento, como: para ser ofertado em cada propaganda. Foram utilizadas apenas mensagens de texto nos banners, sem nenhuma• Serem dinâmicas e apresentarem algum tipo de figura, foto ou ilustração. Uma fonte de boa animação; legibilidade (Futura XBlk BT Extra Black) foi aplicada na cor preta e em caixa alta.• Utilizarem o formato de arquivo .GIF, que pode ser visualizado por todos os tipos de browsers, eliminando a necessidade de instalação de plug-ins;• Conterem uma mensagem rápida e curta, fácil de ser lida e entendida;• Cativarem a curiosidade dos usuários em acompanhar a animação da peça publicitária até o final;• Empregarem frases de efeito como “clique aqui”, “clique para visitar”, “clique e ganhe algo em troca”, entre outras;• Fazerem uso de uma tipologia de grande Figura 4: Futura XBlk BT Extra Black. Fonte legibilidade, facilitando a leitura do conteúdo utilizada nos banners. apresentado nas propagandas.
  • 5. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de ErgonomiaA mensagem do full banner e do skyscraper era de interação dos participantes com o ambiente e aanimada, dividida em três frames, ou quadros, com os interface onde a pesquisa se desenvolveu. O temposeguintes dizeres: determinado para a realização dos testes foi de meia hora para cada pessoa.• Frame 1: O CHEFE FICOU MALUCO! LIQUIDAÇÃO TOTAL LIBERADA... Logo após cada um dos testes, foi realizada uma entrevista estruturada, ou seja, guiada por uma relação• Frame 2: DVDs A PARTIR DE R$ 5,00! de pontos de interesse. O pesquisador tinha o objetivo de obter comentários dos usuários sobre as interfaces• Frame 3: NÃO PERCA TEMPO. COMPRE analisadas e informações sobre as dificuldades, ou não, AGORA! em identificar os diferentes formatos de anúncios. A necessidade de se realizar cada entrevista logo após o2.5. As características da tarefa participante terminar as tarefas propostas, teve a finalidade de permitir que o sujeito entrevistadoCada avaliador teve que cumprir duas tarefas distintas, recordasse mais facilmente dos elementos dauma para cada interface. Em nenhum momento esta propaganda e da interface. Todo o procedimento foitarefa mencionou a publicidade on-line, evitando que o registrado em áudio e posteriormente transcrito nafoco da atenção do avaliador fosse rapidamente íntegra, proporcionando uma análise mais detalhadadirecionado para a propaganda. Ao visualizar a tela dos resultados obtidos. As perguntas foram ascom o full banner, era pedido para o participante seguintes:encontrar a classificação do grid de largada da corridade Fórmula 1, e ao visualizar a tela com o skyscraper, • Quantas propagandas você visualizou na página?era solicitado para o mesmo encontrar as estréiascinematográficas da semana. • Na sua opinião, a propaganda é visível na interface?Para concluir as tarefas, os participantes precisaramnavegar em cada interface, chegando até o segundo ou • Qual é a mensagem contida na propaganda? O queterceiro nível de navegação do site. Não foram está escrito no anúncio?aplicados anúncios em nenhuma destas páginasinternas, e o contato dos três sujeitos com a propaganda • Você compraria este produto? Por quê?foi realizado apenas através da página inicial, tambémconhecida como home. 3. TABULAÇÃO DOS DADOS2.6. As características do ambiente 3.1. Resultados obtidos através dos questionáriosNão houve um horário específico para a realização dos Cada participante, ao preencher o questionário,experimentos, o mesmo foi feito de acordo com a respondeu algumas perguntas de forma diferente damelhor disponibilidade de cada participante. A única esperada pelo pesquisador, como marcar mais de umacondição imposta foi de que este sujeito estivesse opção em algumas respostas de múltipla-escolha, pordesacompanhado dos seus colegas. Uma sala exemplo. Este fato alertou o proponente da pesquisarefrigerada foi utilizada, e o recinto estava ajustado de sobre a existência de possíveis falhas metodológicasforma a não existirem interferências do meio externo. nesta etapa do experimento. Em alguns casos, osAs janelas foram fechadas por persianas pretas e as próprios participantes fizeram sugestões sobre novosestantes de livros foram cobertas com um plástico pontos que o questionário deveria abordar, incluindopreto, para não criar ruídos e evitar que a atenção de novos itens entre algumas opções de resposta.cada pessoa fosse desviada. A intenção era mantercomo foco do olhar do participante apenas o É possível citar alguns exemplos onde se identificou acomputador e as tarefas propostas. Este sujeito necessidade de pequenas correções:permaneceu sentado em uma cadeira com uma mesa eum computador a sua frente, e a única presença na sala • Na pergunta “De onde você costuma acessar aalém deste usuário era a figura do pesquisador, que internet?”, dois avaliadores chegaram a assinalarcoletou informações comportamentais através de mais de uma alternativa;registros em áudio das verbalizações e impressões decada pessoa, ou de registros fotográficos dos momentos
  • 6. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia• Ainda com relação à pergunta anterior, um dos • “Estou procurando algum conteúdo nesta página avaliadores sentiu falta de uma opção de acesso à que tenha relação com cinema. Bom, estou vendo rede através de universidades; que existe um link chamado ‘Fim de Semana, veja as opções e ache um programa’ e por isso vou clicar• Dois avaliadores também responderam com mais nele.”; de uma alternativa a pergunta “Que tipo de browser você utiliza para navegar pela internet?”. • “Eu sempre utilizo a busca quando quero encontrar alguma coisa. Vou escrever cinema no campoO questionário foi corrigido, eliminando as falhas ‘Busca’ aqui no topo da página e ver se ele me dáobservadas. Isto possibilita a sua aplicação em futuros algum resultado.” (por estar em um ambiente off-testes. line, a busca retornou um resultado de erro).3.2. Registros de interação entre os participantes e a Em futuros experimentos, é importante não adotar ointerface procedimento de apagar certas páginas do site, consideradas como sem importância, apenas paraDurante o desenvolvimento de cada tarefa, foi pedido poupar espaço no disco rígido do computador. Opara que os participantes narrassem toda a sua trajetória proponente da pesquisa não é capaz de prever asde navegação, informando o que estavam visualizando estratégias de navegação dos usuários, e ao assumir estana tela, os links onde pretendiam clicar e quais os postura, seus testes poderão obter resultados negativos.motivos que os fizeram escolher determinado caminhopara chegar ao final da tarefa. Ao realizar as análises A análise das entrevistas estruturadas mostrou quepós-testes, o pesquisador percebeu que havia imaginado todos os participantes se recordavam da existência deque as estratégias de navegação dos três sujeitos seriam uma propaganda em cada interface. O full banner foiidênticas às suas. Mas cada usuário possui um tipo de melhor percebido em todas as situações, devido a suarelação com a rede, apresentando diferentes cargas posição acima do texto da página, mas o skyscrapercognitivas, modelos mentais e métodos particulares de não deixou de ser notado, conforme o comentário:busca de informação, resultando em modelos não-lineares de navegação, que não podem ser previstos. • “Acho que tinha um anúncio comprido aqui do lado também. Mas eu não o vi tão bem assim”.Ao tentar imaginar o caminho seguido pelos usuários, opesquisador ignorou algumas áreas do site que os Os três sujeitos chegaram a comentar que a cor doparticipantes poderiam escolher, e as apagou do disco anúncio era algo parecido com o amarelo ou bege, erígido do computador para poupar espaço de esta tonalidade não seria suficiente para lhes chamar aarmazenamento de dados. Esta decisão refletiu de atenção. A animação foi o principal elemento quemaneira negativa sobre o fato do portal Terra estar garantiu a percepção dos usuários para a propaganda,gravado localmente no micro, conseqüentemente sem conforme o relato:conexão à internet. Isto fez com que muitas dasestratégias de navegação adotadas pelos participantes • “O banner estava muito clarinho, acho que eraapresentassem erros, ou seja, links que não levavam à amarelo. Eu só vi que tinha alguma coisa animada,lugar nenhum. se mexendo, foi isso que chamou minha atenção.”.É possível observar alguns dos relatos obtidos a partir Um dos participantes reclamou que o ritmo dados comentários dos três participantes: mensagem estava muito rápido, ou seja, a velocidade de animação dos frames deveria ser mais devagar.• “Já que você me pediu pra encontrar o grid da Mesmo tendo sua atenção despertada pela animação do Fórmula 1, eu vou apertar as teclas ‘Ctrl+F’ para anúncio, nenhuma pessoa conseguiu se lembrar sobre a abrir a caixa de diálogo do comando ‘find’ mensagem contida na propaganda. Apenas um dos (localizar) e escrever ‘Formula 1’ (o usuário não participantes tinha alguma recordação, mesmo assim utilizou acento). Será que ele vai achar alguma era algo vago, sem um grau maior de convicção, palavra sobre isso? Ih, não funcionou! Vou conforme o seu relato: continuar procurando entre as manchetes.”; • “Era alguma coisa em relação a DVD, mas não tenho certeza.”.
  • 7. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de ErgonomiaAo serem perguntados sobre comprar o produto apresentar resultados pouco confiáveis se umanunciado, todos foram categóricos em dizer que só mínimo de vinte ou trinta sujeitos não foremfariam isso, caso a intenção do acesso fosse adquirir um usados. CHAPANIS (1959) acrescenta ainda que,filme em DVD. Um dos usuários fez um comentário dificilmente, qualquer experimento em ergonomiamarcante, que vale a pena ser ressaltado: dará resultados confiáveis com apenas dois ou três sujeitos. Assim, para a obtenção de dados mais• “Eu cheguei a perceber que existia alguma coisa precisos sobre o estudo da relação entre usuários vs. animada, mas eu nunca iria prestar atenção numa publicidade on-line, é válido reunir um grupo maior propaganda, a menos que este fosse realmente o de participantes para a realização de experimentos meu objetivo, ou seja, a menos que eu quisesse futuros, como uns 30 ou 40 sujeitos; comprar alguma coisa. Mesmo assim eu iria procurar o produto desejado de uma maneira mais • Também será importante a utilização de homens e específica, e não navegando naturalmente. Quando mulheres em próximos estudos, para a verificação eu acesso a internet é para fazer uma pesquisa, de como a publicidade on-line atua sobre ambos os fazer um serviço bancário e dificilmente navego a sexos; esmo, sem um foco, sem um objetivo. Mas quando o foco do meu acesso é fazer alguma compra, acho • Os testes foram realizados em horas diferentes, de que os anúncios on-line geralmente me ajudam acordo com a disponibilidade de cada participante. bastante.”. Apesar da dificuldade em conciliar o horário dos testes com o tempo livre das pessoas envolvidas, oA grande surpresa para o proponente da pesquisa foram experimento deveria ser realizado com todas asas respostas, obtidas durante as entrevistas estruturadas, suas condições iguais entre os usuários, nãopara a pergunta “Quantas propagandas você visualizou alterando apenas as características comona página?”. Mais uma vez, como o observado nas equipamento utilizado, local, luz e temperatura,estratégias de navegação, o pesquisador esperava que mas também mantendo o horário constante. Poros sujeitos visualizassem apenas o full banner e o isso, a variável “hora do dia” deve permanecerskyscraper, no pior dos casos nenhum dos dois sempre igual em futuras pesquisas;formatos. No entanto, outros elementos da telacausaram interferência na identificação dos anúncios. • Ao se observar que a estratégia de navegação dosAlgumas figuras, como fotos, ilustrações ou imagens usuários não segue um modelo previsível, é muitoque destacavam as manchetes mais importantes da importante que todos os links da interface utilizadapágina também foram consideradas, por dois estejam funcionando, não fornecendo resultadosparticipantes, como casos de propaganda on-line. como páginas inexistentes, ou seja, que não carregam nenhum conteúdo. Estes erros acabaram interferindo na maneira como o participante utiliza4. CONCLUSÕES o sistema, desviando o foco da sua atenção em relação a tarefa proposta;Já foi dito anteriormente que este estudo se propôs adesenvolver um experimento para evidenciar possíveis • Neste experimento, o full banner e o skyscraper sófalhas metodológicas, assegurando precisão e validade foram aplicados na home, ou seja, na página inicialpara futuras pesquisas sobre a relação dos usuários com da interface. Em futuras pesquisas, as propagandasa publicidade on-line. A seguir, é possível acompanhar também devem ser inseridas em todas páginasuma lista de pontos que foram identificados como internas, fazendo com que a exposição da peçafalhas de métodos e técnicas, assim como seus publicitária seja feita ao longo de toda a tarefa,desdobramentos para o futuro: independente do nível ou sub-nível de navegação, dentro da estrutura de hierarquia das páginas, em• Segundo CHAPANIS (1959) apud SANTA que o usuário se encontra; MARIA (2002), a regra geral é que experimentos psicofísicos em funções sensórias simples, como • Para a condução de novos testes, é necessário que a detectabilidade de sinais de radar em telas, ou ordem de apresentação dos anúncios e das tarefas visibilidade de luzes de sinalização, necessitam de seja realizada de maneira aleatória, evitando que os menos sujeitos que outros experimentos, como as participantes aprendam a rotina experimental da pesquisas de aprendizado, ou experimentos pesquisa. envolvendo performances motoras, que podem
  • 8. Artigo publicado no ABERGO 2004 - XIII Congresso Brasileiro de Ergonomia• Neste experimento, o mesmo texto foi utilizado Apesar do experimento ter sido realizado com um tanto na interface do full banner quanto na do número reduzido de participantes, apenas 3 pessoas, é skyscraper. Para evitar a varredura do conteúdo de possível afirmar que o objetivo do trabalho foi atingido. interfaces distintas, novas pesquisas necessitam que Além de se observar, na prática, o fato de que os seus textos também sejam diferentes. No entanto, usuários não prestam atenção nas mensagens dos estes textos devem possuir uma origem comum, banners, houve a possibilidade de identificação, análise como um CD-Rom, livro, enciclopédia, revista ou e correção de uma série de falhas nos métodos e site, garantindo um mesmo nível de compreensão técnicas da pesquisa. para o conteúdo apresentado. O mesmo princípio também é válido para as propagandas. Ao invés de 5. BIBLIOGRAFIA aplicar uma mesma mensagem nos diferentes formatos de anúncios, textos distintos em cada AOL (http://www.aol.com.br) banner evitam que o participante aprenda a rotina ARAÚJO, André, FABRIANI, Maria. O Guru da Web: Byte- experimental da pesquisa. Papo com Jakob Nielsen, especialista em design de sites. Internet.br, Rio de Janeiro, a. 3, n. 36, p 32-38, mai. 1999. BOL (http://www.bol.com.br)• Foi constatado que a cor da propaganda não CADÊ? (http://www.cade.com.br) apresentou muito contraste em relação ao restante COOPER, Pete. Banner Usability. In: iBoost journal, 2002. dos elementos do site. Em novas pesquisas, é válido (http://www.iboost.com/promote/advertising/banner_advert aplicar os anúncios em tonalidades mais fortes da ising/articles/20019.htm) cor amarela; GLOBO.COM (http://www.globo.com) IG (http://www.ig.com.br)• Em experimentos futuros, é muito importante MORAES, Anamaria de et al. Design e Avaliação de ressaltar para o pesquisador a consciência de que Interface: Ergodesign e Interação Humano-Computador. 1 não se deve tentar prever qual caminho o ed. Rio de Janeiro: iUsEr, 2002. 147 p. MSN (http://www.msn.com.br) participante irá seguir até terminar a tarefa PENTEADO, Cláudia. No Banco dos Réus: O Tempo passa proposta. A experiência de cada usuário através da e a Figura do Banner Continua sendo Questionada, em internet transforma suas estratégias de navegação Especial pelos Criativos. Meio Digital, São Paulo, a. 1, n. em algo único, imprevisível; 6, p 36-42, out. 2000. RUDIO, Franz Victor. Introdução ao Projeto de Pesquisa• Como algumas figuras, fotos ou imagens do portal Científica. 29 ed. Petrópolis: Vozes, 2001. 144 p. foram confundidas com anúncios on-line, há a SANTA MARIA, Luís Eduardo. Ergonomização da necessidade de uma maior manipulação de cada Interação Humano-Computador: Leiturabilidade em interface em novos experimentos, eliminando este Terminais de Vídeo de Computador. Dissertação (Mestrado em Design: Ergonomia, Usabilidade e Interação Homem- tipo de interferência. Também existe a Computador) – Programa de Pós Graduação em Design, oportunidade para a realização de testes com Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de anúncios que contenham apenas mensagens de Janeiro: PUC-Rio, 2002. 152 p. texto, e outros com texto e imagens, na tentativa de TERRA (http://www.terra.com.br) verificar qual destas características são mais UOL (http://www.uol.com.br) facilmente reconhecidas e memorizadas pelos YAHOO! (http://br.yahoo.com) participantes.

×