Your SlideShare is downloading. ×
0
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Agile SCRUM
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Agile SCRUM

10,209

Published on

Gostaria de agradecer ao Danilo Sato, Emmanuel Santana, Luca Bastos, Maciel, Moreira, Luiz Aguiar, Fernando Boaglio (ele tem umas fotos de Kanban muito boas no qual utilizei nessa apresentação), …

Gostaria de agradecer ao Danilo Sato, Emmanuel Santana, Luca Bastos, Maciel, Moreira, Luiz Aguiar, Fernando Boaglio (ele tem umas fotos de Kanban muito boas no qual utilizei nessa apresentação), Rodrigo de Toledo e Roberto Nogueira pela ajuda e revisão dos Slides e também gostaria de agradecer toda lista de discussão do Visão Ágil, que me deram muitas dicas e fontes interessantes.

Published in: Technology
2 Comments
12 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
10,209
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
624
Comments
2
Likes
12
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Metodologias Ágeis SCRUM Eduardo Bregaida
  • 2. Apresentação <ul><li>Processo Definidos e Processos Empíricos </li></ul><ul><li>O que é SCRUM? </li></ul><ul><li>Quais são os papéis? </li></ul><ul><li>Características do SCRUM </li></ul><ul><li>Como funciona? </li></ul><ul><li>Quadro de Tarefas Kanban </li></ul><ul><li>Post it colorido </li></ul>
  • 3. Quem sou? <ul><li>Eduardo Bregaida: </li></ul><ul><ul><li>Graduando em Sistemas de Informação no IMES-USCS; </li></ul></ul><ul><ul><li>Possui 5 anos de experiência com JSP, Servlets, Struts, JSF, EJB, Ajax, Hibernate, JPA, Wicket Spring MVC, Spring IoC; </li></ul></ul><ul><ul><li>Experiência com Metodologias de Desenvolvimento Ágil; </li></ul></ul><ul><ul><li>Projetos: Saargummi do Brasil Ltda, 3º Quadrante Informática, G&P, SOS Computadores, JAPI Informática, Tata Consultancy Services, IT Training, FireAnt, Masterdom; </li></ul></ul><ul><ul><li>Criador do blog Java Anywhere www.javawora.blogspot.com ; </li></ul></ul><ul><ul><li>Palestrante de tecnologia Java; </li></ul></ul><ul><ul><li>Agente certificador do projeto JEDI </li></ul></ul><ul><ul><li>Membro do JCP (Java Communit Process) www.jcp.org . </li></ul></ul>
  • 4. Processos Definidos <ul><li>Processo Definidos: </li></ul><ul><ul><li>São aqueles que determinam o que deve ser feito, quando e como. </li></ul></ul><ul><ul><li>Quem já trabalhou com o “início e fim do projeto” sabe que a utilização de um processo definido não garante o sucesso. </li></ul></ul>
  • 5. Processos Empíricos <ul><li>São aqueles que não se conheçam todas as variáveis de entrada para que possa estabelecer um processo repetitível. </li></ul><ul><li>O Scrum , parte do princípio que nem todas as características do produto são conhecidas na análise e que provavelmente os requisitos mudarão com o passar do tempo. </li></ul><ul><li>Exemplo: </li></ul><ul><ul><li>É como dirigir um carro, nunca se traça um destino em que a chegada é em linha reta, sempre há pequenas correções até a chegada. </li></ul></ul>
  • 6. Conclusão dos Processos <ul><ul><li>Processos empíricos baseados em inspeção e adaptação devem ser utilizados sempre que os processos definidos não forem adequados devido a complexidade do projeto. </li></ul></ul>
  • 7. SCRUM
  • 8. O que é SCRUM? <ul><li>Processo de desenvolvimento iterativo e incremental que pode ser aplicado a qualquer produto ou no gerenciamento de qualquer atividade complexa; </li></ul><ul><li>Criado por Jeff Sutherland e Ken Schwaber na década de 90; </li></ul>
  • 9. SCRUM <ul><ul><li>Product Backlog </li></ul></ul><ul><ul><li>Sprint Planning Meeting </li></ul></ul><ul><ul><li>Planning Poker </li></ul></ul><ul><ul><li>Product Owner </li></ul></ul><ul><ul><li>Daily Scrum </li></ul></ul><ul><ul><li>Sprint Review Meeting </li></ul></ul><ul><ul><li>Sprint Retrospective </li></ul></ul><ul><ul><li>Scrum Master </li></ul></ul>
  • 10. Product Backlog <ul><li>Lista que contém as funcionalidades para um produto; </li></ul><ul><li>O conteúdo é definido pelo Product Owner; </li></ul><ul><li>Não necessita estar completo; </li></ul><ul><ul><li>Basta iniciar pelo mais óbvio, com o tempo o Product Backlog cresce e muda a medida que necessite. </li></ul></ul><ul><li>Durante o Sprint Planning Meeting, o Product Owner prioriza os itens do Product Backlog para o Sprint Backlog; </li></ul><ul><li>Logo após a equipe determinará quais intens serão capazes de serem produzidos durante o Sprint; </li></ul><ul><li>Os itens podem ser divididos em uma ou mais tarefas; </li></ul><ul><li>Isto facilita dividir o trabalho entre os membros da equipe. </li></ul>
  • 11. Sprint Planning Meeting
  • 12. Sprint Planning Meeting <ul><li>É uma reunião em que o Product Owner juntamente com o Scrum Master e todo Scrum Team estarão juntos; </li></ul><ul><li>O Product Owner descreve as funcionalidades de maior prioridade para a equipe; </li></ul><ul><li>A equipe questiona de um modo que seja capaz de quebrar as funcionalidades em tarefas tecnicas; </li></ul><ul><li>No final será gerado o Sprint Backlog; </li></ul><ul><li>Não há necessidade de definir todos os itens do Product Backlog, apenas os de maior prioridade, os próximos itens serão definidos na próxima Sprint Planning Meeting; </li></ul><ul><li>Coletivamente o Scrum Team e o Product Owner definirão o objetivo para o Sprint; </li></ul><ul><li>Após a reunião a equipe se reúne para conversar sobre o que escutaram e decidir quanto eles podem se comprometer a fazer no Sprint que será realizado; </li></ul><ul><li>Em alguns casos há necessidade de negociação com o Product Owner; </li></ul><ul><li>A equipe como um todo determina quanto será capaz de se comprometer a fazer. </li></ul>
  • 13. Planning Poker
  • 14. Planning Poker <ul><li>Os números menores refletem muito bem algo realmente possível de realizar; </li></ul><ul><li>Os número maiores não são relatos muito claros, difíceis de estimar; </li></ul><ul><ul><li>Estes devem ser transformados em relatos menores para facilitar a realização; </li></ul></ul><ul><ul><li>Números maiores que 13 levantam questões do tipo: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>“ Isso é mesmo um caso?”, “Isso não poderia ser quebrado em casos menores?”, etc. </li></ul></ul></ul>
  • 15. <ul><li>Feito: já foi realizado, ou é tão simples que levaria apenas alguns minutos para executá-lo; </li></ul><ul><li>Sem idéia: Não se tem a mínima idéia do tempo de desenvolvimento relatado; </li></ul><ul><li>Hora da pausa: Hora de fazer uma pausa para descanso da equipe. </li></ul>Planning Poker
  • 16. Planning Poker <ul><li>Cada membro da equipe possui um conjunto dessas cartas; </li></ul><ul><li>O P roduct Owner , junto da equipe, seleciona os relatos que mais se aproxima de uma pontuação 2; </li></ul><ul><ul><li>Essa pontuação no momento, é apenas 2, não significa 2 dias, nem duas horas. </li></ul></ul><ul><ul><li>Story Points é uma forma legal de estimar, mesmo parecendo ser algo muito abstrato inicialmente. Essa abstração se vai, apartir do momento em que o primeiro sprint é executado. No final do sprint , essa pontuação virou referência, e já pode ser considerada num gráfico pontos x tempo . </li></ul></ul><ul><li>A questão aqui é definir um relato de referência, esta será referência para os demais; </li></ul><ul><li>Todos devem pensar e selecionar uma carta e TODOS devem prestar atenção; </li></ul><ul><li>Caso haja divergências de opiniões, a pessoa com a menor carta e a pessoa com a maior carta deve explicar o porque da seleção; </li></ul><ul><li>Havendo consenso, o relato do caso fica estimado, caso contrário a carta escolhida pela maioria se torna real; </li></ul><ul><li>O Scrum Master é essencial, pois ele deverá evitar brincadeiras ou discussões durante esse momento. </li></ul>
  • 17. Planning Poker
  • 18. Product Owner
  • 19. Product Owner <ul><li>Pessoa que define os itens do Product Backlog e os prioriza nas Sprint Planning Meetings; </li></ul><ul><li>O Scrum Team analisa o Product Backlog priorizado e seleciona os itens mais prioritários, se comprometendo a entregá-los no final do Sprint (iteração), estes itens compõe o Sprint Backlog; </li></ul><ul><li>A equipe se compromete a executar um conjunto de atividades no Sprint e o Product Owner se compromete a não trazer novos requisitos para a equipe durante o Sprint. </li></ul>
  • 20. Daily Scrum
  • 21. Daily Scrum <ul><li>Cada dia do Sprint a equipe faz uma reunião diária de 15 minutos; </li></ul><ul><li>As reuniões são executadas todos os dias ou no início da manhã ou no final do expediente, normalmente são feitas no período matutino; </li></ul><ul><li>A reunião é feita com todos os membros em pé; </li></ul><ul><li>Nesta reunião deverá ser respondida apenas 3 perguntas: </li></ul><ul><ul><li>O que você fez ontem? </li></ul></ul><ul><ul><li>O que você fará hoje? </li></ul></ul><ul><ul><li>Há algum impedimento no seu caminho? </li></ul></ul><ul><li>A reunião de 15 minutos deve ser bem focada; </li></ul><ul><li>Não é uma reunião para resolver problemas, apenas conhecer os impedimentos sem fugir do foco; </li></ul><ul><li>Não é uma reunião de status report na qual um chefe fica coletando informações sobre quem está atrasado; </li></ul><ul><li>É uma reunião em que o Scrum Team assumem compromissos perante os demais. </li></ul>
  • 22. Sprint Review Meeting <ul><li>No final de cada Sprint é feito um Sprint Review Meeting; </li></ul><ul><li>O Scrum Team mostra o que foi alcançado durante o Sprint realizado; </li></ul><ul><li>Nesta reunião estará presente o Product Owner, o Scrum Team e o Scrum Master; </li></ul><ul><li>O mais importante é que o objetivo do Sprint esteja realizádo. </li></ul>
  • 23. Sprint Retrospective <ul><li>Ocorre ao final do Sprint; </li></ul><ul><li>Utilizado para identificar o que funcionou bem; </li></ul><ul><li>Também é utilizado para verificar o que poderia ser melhorado; </li></ul><ul><li>E quais ações serão tomadas para melhorá-lo. </li></ul>
  • 24. Scrum Master
  • 25. Scrum Master <ul><li>Assegura que a equipe siga e respeite as práticas do Scrum; </li></ul><ul><li>Protege a equipe para que não se compromete com mais do que possa realizar no Sprint; </li></ul><ul><li>Atua como facilitador do Daily Scrum, remove qualquer obstáculo que sejam levantados na reunião; </li></ul><ul><li>Normalmente é exercido por um gerente de projeto ou um líder técnico. </li></ul>
  • 26. Características do SCRUM <ul><li>P rocesso ágil para gerenciar e controlar o desenvolvimento de projetos; </li></ul><ul><li>É um &quot;wrapper&quot; para outras práticas de engenharia de software. Como XP ou FDD; </li></ul><ul><li>É um processo que controla o caos resultante de necessidades e interesses conflitantes; </li></ul><ul><li>É uma forma de aumentar a comunicação e maximizar a cooperação; </li></ul><ul><li>É uma forma de detectar e remover qualquer impedimento que atrapalhe o desenvolvimento de um produto; </li></ul><ul><li>É escalável desde projetos pequenos até grandes projetos em toda empresa. </li></ul>
  • 27. Como funciona? <ul><li>Definição do Backlog ; </li></ul><ul><li>Andamento do Sprint ; </li></ul><ul><li>Reuniões Diárias ; </li></ul><ul><li>Revisões . </li></ul>
  • 28. Quadro de Tarefas Kanban
  • 29. Quadro de Tarefas Kanban <ul><li>É utilizado para facilitar a visualização do Sprint; </li></ul><ul><li>Dividido em 4 ou mais partes; </li></ul><ul><ul><li>A fazer; </li></ul></ul><ul><ul><li>Em andamento; </li></ul></ul><ul><ul><li>Concluído; </li></ul></ul><ul><ul><li>Em teste; </li></ul></ul><ul><ul><li>Em alguns casos Pendente e/ou não planejado. </li></ul></ul>
  • 30. Quadro de Tarefas Kanban
  • 31. Post it Colorido
  • 32. Kanban e Post it Colorido
  • 33. Kanban e Post it Colorido
  • 34. Referências <ul><li>http://www.infoq.com/articles/agile-kanban-boards </li></ul><ul><li>http://www.boaglio.com/index.php/2007/12/27/scrum-solo/ </li></ul><ul><li>http://www.improveit.com.br/xp </li></ul><ul><li>http://www.mountaingoatsoftware.com/system/hidden_asset/file/17/ScrumLargeLabelled.png </li></ul><ul><li>http://www.agilemanifesto.org/ </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Scrum </li></ul><ul><li>http://www.improveit.com.br/scrum/daily_scrum </li></ul><ul><li>http://www.improveit.com.br/scrum </li></ul><ul><li>http://www.agilealliance.org/ </li></ul><ul><li>http://www.caelum.com.br/treinamentos/csm-certified-scrum-master/ </li></ul><ul><li>http://amagno.blogspot.com/2008/06/scrum-caelum-sucesso.html </li></ul><ul><li>http://javawora.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://www.dtsato.com/blog/ </li></ul><ul><li>http://www.jeveaux.com/blog/2008/planning-poker-cards/ </li></ul><ul><li>http://www.daviscabral.com.br/articles/2008/5/22/planning-poker </li></ul><ul><li>http://www.crisp.se/planningpoker/ </li></ul><ul><li>http://mudandoumapequenaempresa.blogspot.com/2008/05/index-cards-e-planning-poker-para.html </li></ul><ul><li>http://jeffsutherland.com/scrum/FirstScrum2004.pdf </li></ul><ul><li>http://www.flickr.com/photos/fb/2139203765/ </li></ul>
  • 35. FIM

×