Pesquisa Impactos do SPED 2011

429
-1

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
429
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pesquisa Impactos do SPED 2011

  1. 1. COMUNIDADES VIRTUAISPesquisa SPED PESQUISA 2011 A maior pesquisa 2011 sobre os impactos do SPED já realizada no Brasil questionário estruturado, comunidades virtuais JAPs,Esforço conjunto incluindo perguntas, em sua SPED Brasil, Spedito e SPED/das maiores maioria, fechadas que foram NF-e Google Group, que, respondidas pelos juntas constituiem um públicocomunidades profissionais que atuam de mais de 50 milvirtuais desvenda direta ou indiretamente em profissionais. projetos relacionados aoimpactos do SPED SPED e que participam das O período de coleta das maiores comunidades sobre respostas encerrou-se em A pesquisa pode ser o tema. 13/05/2011classificada como umapesquisa de campo, sendo A coleta de dados foi Foram mais de 1.500conduzido um levantamento iniciada em 13/04/2011. questionários respondidosde percepções do tipo sendo divulgada pelas neste período.“survey”, com auxílio de SPED Brasil Spedito JAP’s Google Groups SPED
  2. 2. 1. Faixa etária dos participantes PESQUISA 2011 Percebe-se que quase 60% dos profissionais envolvidos em projetos SPED são da geração X, o que representa o dobro dos profissionais da geração Y.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  3. 3. 2. Localização geográfica PESQUISA 2011 75% dos participantes da pesquisa estão em SP e MG, demonstrando que os profissionais destes Estados estão atuando mais ativamente nas comunidades virtuais e eventos.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  4. 4. 3. Atuação das empresas participantes PESQUISA 2011 Houve participação considerável de empresas prestadoras de serviços contábeis e fornecedores de software.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  5. 5. 4. Perfil tributário PESQUISA 2011 Pouco mais de 40% dos respondentes são optantes do Lucro Presumido/Arbitrado, Simples Nacional ou MEI, o que demonstra a preocupação e envolvimento destas empresas com o SPED apesar de ainda não estarem obrigadas a ECD, EFD PIS/ COFINS, e poucas delas estarem obrigadas a EFD ICMS/IPI e a maioria obrigada a NF-e.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  6. 6. 5. Sistema de apoio à gestão (ERP) PESQUISA 2011 ERP % Sistema Interno 15,2% Mastermaq 12,9% TOTVS 12,6% SAP A1 (All In One ou R/3) 10,1% Prosoft 3,5% Contmatic 3,3% Oracle Applications 2,5% Microsoft 2,2% ALTERDATA 1,7% DOMINIO SISTEMAS 1,6% SAP B1 (Business One) 1,2% Folhamatic 1,1% Sapiens (Senior) 0,9% JDEdwards (Oracle) 0,8% Outros 30,5% TOTAL   Para o resultado acima apresentado, foram desconsideradas as respostas dos próprios fornecedores de software e incluídas as espontâneas. Mesmo considerando que quase 60% dos respondentes estão no Lucro Real (com ou sem acompanhamento diferenciado), ainda existem mais de 15% de empresas com Sistemas Internos e mais de 30% utilizam ERP’s diversos da maioria (SAP, TOTVS, Oracle, etc.) indicando uma grande diversidade de soluções adotadas pelas empresas.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  7. 7. 6. Obrigatoriedade em relação aos PESQUISA 2011 projetos do SPED Aproximadamente a metade dos respondentes se dizem obrigados a EFD ICMS/IPI, ECD e EFD PIS/COFINS, entretanto, em outra pergunta quanto a data da obrigatoriedade, quase 65% se incluiu em uma das três obrigatoriedades previstas, e quase 60% está no Lucro Real. E quando falamos de Lucro Presumido, apenas 37,3% das empresas responderam de forma correta sobre a obrigatoriedade. O que nos faz concluir que ainda em 2011, com mais de 5 anos de projeto SPED, ainda existem empresas que não estão totalmente cientes de suas obrigatoriedades.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  8. 8. 7. Soluções fiscais de software utilizadas PESQUISA 2011 pelas empresas Solução Fiscal % O próprio ERP ou Sistema Interno 40% Mastermaq 12% Ainda em definição 8% Mastersaf 7% PW.SATI (Sonda Software) 3% Synchro 3% Alterdata 1% Lumen (Mastersaf) 1% Domínio Sistemas 1% Fortes Informática 1% OUTROS 23% Para o resultado acima apresentado, foram desconsideradas as respostas dos próprios fornecedores de software e incluídas as espontâneas. Mesmo considerando a complexidade das geração das obrigações acessórias, incluindo-se o SPED, 40% das empresas dizem utilizar os próprios sistemas internos ou o próprio ERP para atendimento a parte fiscal, 40% utilizam as principais soluções fiscais disponíveis no mercado e quase 20% apresentaram respostas diferentes, indicando uma grande diversidade de soluções adotadas pelas empresas. .Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  9. 9. 8. Serviços de revisão da base de PESQUISA 2011 cálculo do PIS/COFINS Com o advento da EFD PIS/COFINS, as empresas darão visibilidade a informações que antes não havia rastreabilidade, sendo que quase 70% dos respondentes disseram não ter apoio externo para revisão dos valores apurados, e isto tornará necessária uma revisão dos processos e até da apuração, sendo mais adequado e recomendado que ocorra antes da transmissão do arquivo para a RFB.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  10. 10. 9. Serviços de auditoria digital PESQUISA 2011 Auditoria digital % Não, não contrata 66,2% O Próprio ERP 11,5% A Própria Solução Fiscal 8,2% A Própria empresa de Auditoria 3,4% IOB Mitrius 1,2% Deloitte 1,1% Aliz 0,8% PWC (Price) 0,7% Ernst & Young Terco 0,6% GSW 0,6% KPMG ou BDO 0,6% Outros 4,4% Apenas 10% das empresas dizem contratar alguma empresa de auditoria digital (produto ou serviço) para criticar os arquivos do SPED antes ou depois de submetê-los ao PVA para transmissão à RFB, e quase 20% acredita que o sistema que gera os arquivos já faz este trabalho, o que nem sempre reflete a realidade.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  11. 11. 10. Obrigatoriedade com relação à PESQUISA 2011 EFD PIS/COFINS 10% afirmaram que sequer sabem se estão incluídos neste projeto do SPED.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  12. 12. 11. Conhecimento sobre EFD PIS/COFINS PESQUISA 2011 Quase 65% se diz conhecedor da EFD PIS/COFINS ou da legislação relacionada a esta obrigação.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  13. 13. 12. Fase do projeto EFD PIS/COFINS PESQUISA 2011 Quase 33% das empresas estão em fase avançada da implementação da EFD PIS/ COFINS, outros 27% na fase inicial e os 40% restantes não haviam sequer iniciado o projeto em meados de abril de 2011, O que motivou as empresas-piloto participantes do GT48 (Grupo de Trabalho Nacional composto pela RFB, Sefaz e Empresas) a pleitearem uma prorrogação. Este pleito foi acompanhado das várias justificativas que foram fruto de discussões e levantamentos por parte dos contribuintes e das software houses participantes do projeto. Ainda nesta pesquisa, 40% acreditava que esta prorrogação viria.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  14. 14. 13. Lacunas do projeto SPED PESQUISA 2011 Mais de 56% credita a falta de capacitação das áreas contábil e fiscal como a maior dificuldade no projeto SPED, e 42% cita a falta de capacitação na área TI como dificuldade.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  15. 15. 14. Possibilidade de adiamento do PESQUISA 2011 projeto EFD PIS/COFINS Mais de 60% não acredita na possibilidade de adiamento.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  16. 16. 15. Software para emissão de NF-e PESQUISA 2011 Emissor de NF-e % O próprio ERP ou Sistema Interno 40% Sistema gratuíto da SEFAZ 11% Mastermaq 5% SAP GRC 4% Mastersaf 3% Synchro 2% NFe do Brasil 2% Neogrid 2% TOTVS 2% Outros 29% Foram desconsideradas as respostas de empresas que não estão obrigadas a emitir NF- e, e não utilizam nenhum software. Desconsiderou-se ainda as respostas dos próprios fornecedores de software e foram incluídas as espontâneas. Ao todo 232 respostas diferentes, indicando uma grande diversidade de soluções adotadas pelas empresas.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  17. 17. 16. Validações realizadas nas NF-e PESQUISA 2011 recebidas Pouco mais de 40% das empresas dizem conferir o arquivo eletrônico da NF-e (XML), a autorização de uso e a Conformidade fiscal, o que gera preocupação, pois todos os contribuintes devem validar os DANFE’s e XML’s recebidos quanto a autenticidade, integridade e autoria.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  18. 18. 17. Tipos de validações realizadas nas PESQUISA 2011 NF-e recebidas Menos de 40% das empresas dizem conferir a autorização do uso da NF-e .Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  19. 19. 18. Meio de entrega das NF-e recebidas PESQUISA 2011 Mais de 60% das empresas dizem receber os XML’s por e-mail, o que apresenta diversos problemas e riscos, como falta de garantia da entrega do arquivo e não entrega do arquivo por políticas anti-spam.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  20. 20. 19. Meio de envio das NF-e PESQUISA 2011 20% das empresas dizem não enviar o XML aos destinatários da mercadoria, apesar do Ajuste Sinief 12/2009, estabeler literalmente a obrigatoriedade de disponibilização imediata do XML ao destinatário e ao transportador contratado quando autorizada a emissão da NF-e pela Sefaz, e este descumprimento poderá ser objeto de multas (50% do valor da operação em SP por exemplo) e anulação de crédito de impostos pelo destinatário.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  21. 21. 20. Maiores dificuldades relativas a PESQUISA 2011 documentos fiscais Quase 60% das empresas ainda consideram a NCM (Classificação Fiscal) a maior dificuldade no preenchimento da NF-e. Pesquisa da IOB realizada em 2010 com mais de 400 empresas apontou que 40% delas erram as alíquotas relacionadas a NCM. 48% das empresas consideram os Valores dos Tributos a maior dificuldade no preenchimento da NF-e. Pesquisa da Fiscosoft realizada em 2011 com mais de 400 empresas apontou que 42% delas consideram como maior desafio acompanhar as alterações legais.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  22. 22. 21. O que as empresas sujeitas ao Lucro PESQUISA 2011 Presumido responderam sobre a obrigatoriedade da EFD PIS/COFINS Apenas 37,3% das empresas responderam de forma correta sobre este ponto. 27,7% afirmaram que não estão sujeitas à EFD PIS/COFINS 17,3% afirmaram que não sabem Entretanto, elas já estão obrigadas para os fatos geradores de 1.1.2012.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  23. 23. PESQUISA 201122. Como sua empresa envia as notas eletrônicas aos clientes?Enviamos somente o DANFE Setor % Comércio 44% Indústria 28% Serviços 28%Sua empresa realiza as seguintes validações nas notas eletrônicas que recebe: Enviamos Respostas somente o DANFE Não recebemos NF-e 6% Há conferência do DANFE no portal da SEFAZ quando a mercadoria é recebida 31% Há conferência do arquivo eletrônico da NF-e (XML) 6% Realizamos a conferência do DANFE e do XML da NF-e 20% Não há conferência nem do DANFE nem do XML 38%38% das empresas que enviam somente o DANFE para seus clientes, não conferem nemXML nem DANFE de seus fornecedores.Como sua empresa recebe as notas fiscais eletrônicas? Enviamos Respostas somente o DANFE não recebemos 7% recebemos somente o DANFE 70% os fornecedores enviam os arquivos eletrônicos (XML) por email 21% temos um portal para troca de informações eletrônicas 2%70% das empresas que enviam somente o DANFE aos seus clientes, também recebemsomente o DANFE de seus fornecedores.Spedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  24. 24. PESQUISA 201123. Dificuldades gerais x processo de envio de documento fiscaleletrônicoAs empresas que utilizam portais para trâmite de NF-e, ou seja, estão fazendo uso demecanismos de B2B, percebem que as principais lacunas do projeto são: • Capacitação das áreas Contábil e Fiscal; e • Sinergia interdepartamental.Em uma outra ponta, os contribuintes, que sequer cumprem a legislação, disponibilizando osarquivos eletrônicos da NF-e (XML) aos seus clientes, percebem as principais lacunas como: • Capacitação das áreas Contábil e Fiscal; e • Maior divulgação operacional do tema.Em comum, para ambos os grupos, a capacitação contábil e fiscal. Mas, enquanto o primeirogrupo já se encontra em um patamar de gestão integrada, o primeiro centra seu foco nosprocessos operacionais. a) Respostas das empresas que utilizam portais para trâmite de NF-eSpedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  25. 25. PESQUISA 2011b) Respostas das empresas que enviam somente o DANFE para seus clientesSpedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED
  26. 26. PESQUISA 2011Comunidades virtuais responsáveis pela pesquisa: Geraldo Nunes: groups.google.com/group/sped-nfe José Adriano Pinto: www.joseadriano.com.br Jorge Campos: www.spedbrasil.net Roberto Dias Duarte: www.robertodiasduarte.com.brSpedito JAP’s SPED Brasil Google Groups NF-e/SPED

×