Pisco

626 views
461 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
626
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
25
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Pisco

  1. 1.  Licor de uva produzido a partir da destilação do vinho fresco e a fermentação do mosto da uva.  Alto teor alcoólico, entre 38% e 42%, podendo chegar até 70% no processo de destilação.  Classificado como aguardente em alguns países.
  2. 2.  Surgiu na Ica , sul de Lima, na cidade portuária PISCO.  Segundo historiadores a origem do nome é diversa:  Dizem alguns que ela vem dos vasos onde se armazenavam as bebidas no séc. XVI e que os indígenas chamavam de PISKUS, que significa “pássaro” na língua inca quéchua.
  3. 3.  1551- com a chegada da colonização espanhola, o Chile tornou-se território Peruano, nesta época surge os primeiros estoques de uva nas Ilhas Canárias.  Ica era uma região extremamente fértil, iniciava por ali cultivo de vinhedos e a produção e exportação de vinhos no Peru.  Em 1772 a Espanha proibiu a sua colônia de exportar e produzir e foi aí que a bebida surgiu como alternativa para a produção com as uvas cultivadas.  Certo que quando os dois países se separam PISCO ficou no meio do caminho, assim criando a disputa pela exclusividade da bebida e do nome. (IBA)
  4. 4. Pisco Peruano Pisco Chileno Processo de destilação é puro, sem água ou açúcar, só pode ser produzido em zona litorânea, extremamente seca e com ampla oxidação termica (30 graus, e 8 noites); É destilado duas vezes e retirado, além de ter água acrescida para redução do teor alcoólico que é de 70%. Considerado PURO, por não passar por madeira ele tem uma coloração cristalina. Armazenada em tonéis plásticos. O aroma é adquirido na destilação. Mais frequentes das uvas Moscatel e Toronel, é geralmente envelhecido em barris de madeira. ( Cor e sabor)
  5. 5. Pisco Cubano Pisco Peruano
  6. 6.  Os chilenos classificam o pisco de acordo com a: graduação alcoólica que varia do tradicional, com cerca de 38% de álcool, especial, reservado e gran pisco (o mais forte).  Os peruanos, a classificação é feita de acordo com as oito uvas destinadas à fabricação (utilizados 8 quilos de uva para cada garrafa de pisco).
  7. 7.  DAS UVAS: AROMÁTICAS: Moscatel, Albilla, Torontel e Itália. NÃO AROMÁTICAS: Quebranta, Uvina, Mollar e Negra Criolla.  Pisco Puro - produzido com uvas não aromáticas, feito de uvas quebranta, mais consumido no Peru. (pisco sour)  Pisco Aromático- produzido com uvas aromáticas, tem aroma de flores e frutas e sabor persistente.  Pisco Acholado ou Mestiço – produzido com uma variação de uvas, mistura o sabor do puro com o perfume do aromatizados. (coquetéis)  Pisco Mosto Verde - produzido a partir da destilação e fermentação do mosto interrompido, leva 14 kl de uvas para uma garrafa. ( frutado, cítrico e delicado)
  8. 8. As diferenças entre Chile e Peru se estendem para o coquetel mais conhecido: o pisco sour. O drinque foi criado por um embaixador que morava no Peru, fã de UÍSQUE SOUR que ficou sem Bourbon, em falta na cidade. Para manter o hábito, substituiu por pisco e ficou feliz com o resultado. O pisco sour chileno leva menos destilado, é mais equilibrado e servido em taça parecida com a flut. Já o peruano leva quase três doses de pisco para uma de limão, é servido em copo baixo. Uísque Sour feito de Bourbon
  9. 9.  Ingredientes: 1 dose de suco de limão 1 dose xarope de açúcar 3 doses de pisco 1/2 clara de ovo Gelo, o quanto baste 3 a 4 quatro gotas de angostura Num liquidificador coloque todos os ingredientes e bata até o gelo se dissolver por completo. Sirva num copo gelado e finalize com as gotas de angostura.

×