7º Almanaque de Criação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

7º Almanaque de Criação

on

  • 971 views

Apresentação do Case do 7º Almanaque de Criação.

Apresentação do Case do 7º Almanaque de Criação.

Statistics

Views

Total Views
971
Views on SlideShare
971
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
7
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    7º Almanaque de Criação 7º Almanaque de Criação Presentation Transcript

    • CASE - 7º Almanaque de Criação
    • O Almanaque de Criação é um evento anualque existe desde 2006.
    • O Almanaque de Criação é um evento anualque existe desde 2006.Ele traz para Brasília o que há de melhore mais atual na publicidade brasileira.
    • O Almanaque de Criação é um evento anualque existe desde 2006.Ele traz para Brasília o que há de melhore mais atual na publicidade brasileira. Porque a maioria dos eventos publicitários do Brasil acontecem no eixo Rio-São Paulo.
    • O Almanaque de Criação é um evento anualque existe desde 2006.Ele traz para Brasília o que há de melhore mais atual na publicidade brasileira. Porque a maioria dos eventos publicitários do Brasil acontecem no eixo Rio-São Paulo. Além de serem muito caros e voltados para profissionais já inseridos no mercado de trabalho.
    • Assim, o Almanaque de Criação nasceu parasuprir a carência de Brasília em eventosdesse tipo e tem como público-alvoestudantes e profissionais da área.
    • Assim, o Almanaque de Criação nasceu parasuprir a carência de Brasília em eventosdesse tipo e tem como público-alvoestudantes e profissionais da área.Ah, e por causa disso o valor dos ingressosé muito baixo, menos de 40 reais por dia.
    • Assim, o Almanaque de Criação nasceu parasuprir a carência de Brasília em eventosdesse tipo e tem como público-alvoestudantes e profissionais da área.Ah, e por causa disso o valor dos ingressosé muito baixo, menos de 40 reais por dia.Hoje, ele é considerado o maior eventode publicidade do Centro-Oeste.
    • E se você acha que já é muita coisa, é por que não sabe que ele é totalmente organizado por uma agência júnior formada só por estudantes, a Doisnovemeia Publicidade.
    • E se você acha que já é muita coisa, é por que não sabe que ele é totalmente organizado por uma agência júnior formada só por estudantes, a Doisnovemeia Publicidade.
    • E se você acha que já é muita coisa, é por que não sabe que ele é totalmente organizado por uma agência júnior formada só por estudantes, a Doisnovemeia Publicidade. Que tem uma alta rotatividade de membros, fazendo com que poucas pessoas que organizaram o Almanaque anterior continuem para organizar o próximo.
    • E se você acha que já é muita coisa, é por que não sabe que ele é totalmente organizado por uma agência júnior formada só por estudantes, a Doisnovemeia Publicidade. Que tem uma alta rotatividade de membros, fazendo com que poucas pessoas que organizaram o Almanaque anterior continuem para organizar o próximo. Ou seja, todo Almanaque de Criação começa quase do zero.
    • Em 2012, ele chegou a sua sétima ediçãoe a gente precisava convidar as pessoaspara participarem.
    • O problema?
    • O problema?Começamos com o primeiro dosproblemas em publicidade: verba.
    • O problema?Começamos com o primeiro dosproblemas em publicidade: verba.A verba para divulgação do evento émuito baixa, já que a Doisnovemeia nãobusca lucro, apenas que ele se pague.
    • O problema?Começamos com o primeiro dosproblemas em publicidade: verba.A verba para divulgação do evento émuito baixa, já que a Doisnovemeia nãobusca lucro, apenas que ele se pague. Além disso, novos estudantes entram na faculdade todo semestre e é necessário apresentar o Almanaque para eles, tirando o estigma de que um evento de palestras é algo chato ou entediante.
    • E o Almanaque de Criação sempre foiapresentado como o maior e melhorevento de publicidade de Brasília.
    • E o Almanaque de Criação sempre foiapresentado como o maior e melhorevento de publicidade de Brasília. Mas será que cabia continuar dizendo só isso?
    • Era preciso explicar o porquê de eleter adquirido tais adjetivos e não sórepeti-los continuamente.
    • Era preciso explicar o porquê de eleter adquirido tais adjetivos e não sórepeti-los continuamente.Assim, focamos no que torna oAlmanaque o maior e melhor eventode publicidade do Centro-Oeste:
    • Era preciso explicar o porquê de eleter adquirido tais adjetivos e não sórepeti-los continuamente.Assim, focamos no que torna oAlmanaque o maior e melhor eventode publicidade do Centro-Oeste:o seu conteúdo.
    • Tá, resolvemos focar noconteúdo.
    • Tá, resolvemos focar noconteúdo.E daí?
    • Tá, resolvemos focar noconteúdo.E daí? E daí que era necessário mostrar que algo aconteceria para as pessoas que fossem no Almanaque. Que depois de ir ao evento algo mudaria, nem que fosse dentro delas.
    • Assim, chegamosno conceito:
    • Assim, chegamosno conceito: Conhecer o melhor inspira você a ser ainda melhor.
    • Mas ainda precisávamos tornar o argumentointeressante para o público-alvo.
    • Mas ainda precisávamos tornar o argumentointeressante para o público-alvo.Queríamos dizer que seus melhores trabalhosnão os satisfariam mais, que depois de ir aoAlmanaque eles iriam querer fazer melhor ainda.
    • Dessa maneira, resolvemosapostar na ideia de que:
    • Dessa maneira, resolvemosapostar na ideia de que: Suas obras-primas não serão mais o bastante pra você.
    • E pra mostrar a intesidade dessa insatisfação,resolvemos usar grandes personalidades cujostrabalhos sempre foram considerados obras-primas.
    • E pra mostrar a intesidade dessa insatisfação,resolvemos usar grandes personalidades cujostrabalhos sempre foram considerados obras-primas. Afinal, o que aconteceria se Leonardo da Vinci fosse pro Almanaque?
    • E pra mostrar a intesidade dessa insatisfação,resolvemos usar grandes personalidades cujostrabalhos sempre foram considerados obras-primas. Afinal, o que aconteceria se Leonardo da Vinci fosse pro Almanaque? Ele abandonaria sua obra-prima, a Mona Lisa, e iria tentar fazer algo melhor.
    • Mas ainda dava pra deixar essa história mais interessante.
    • Podíamos contá-la pelo lado das própriasobras-primas abandonadas por seus autores.
    • Podíamos contá-la pelo lado das própriasobras-primas abandonadas por seus autores.Então a pergunta mudou.
    • Podíamos contá-la pelo lado das própriasobras-primas abandonadas por seus autores.Então a pergunta mudou. Como a Mona Lisa se sentiria se Leonardo da Vinci fosse pro Almanaque e ela deixasse de ser sua favorita?
    • Podíamos contá-la pelo lado das própriasobras-primas abandonadas por seus autores.Então a pergunta mudou. Como a Mona Lisa se sentiria se Leonardo da Vinci fosse pro Almanaque e ela deixasse de ser sua favorita? É isso que decidimos mostrar.
    • Todas as peças foram fechadas por umaassinatura de campanha mostrandoque o Almanaque de Criação é:
    • Todas as peças foram fechadas por umaassinatura de campanha mostrandoque o Almanaque de Criação é: “Bom pra você, ruim pra sua obra-prima”.
    • Aí era colocar a mão na massa.
    • Procuramos entender as nuances de cadapúblico e trabalhar o conceito de acordo comcada peça e ação do Almanaque de Criação.
    • Procuramos entender as nuances de cadapúblico e trabalhar o conceito de acordo comcada peça e ação do Almanaque de Criação.A campanha se estendeu também parao meio online, por meio de geração emonitoramento de conteúdos nasmídias sociais do evento.
    • Mas a preocupação principal era garantir umaexperiência com a marca antes do Almanaque.
    • CartazAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedator: Lucas CardosoDiretor de Arte: Rafael CoelhoFotógrafo: Vinicius ChozoIlustrador: Rafael CoelhoProdutores: Juliana Souza e Walter Carlos
    • Site Atendimento: Silvio KazuoO site retratava a Confraria das Ex-Obras-Primas, um lugar onde elas iam chorar seu Diretor de Criação: Lucas Cardosoabandono. Pelo chat era possível conversar com a Mona Lisa, o Grito e o Pensador. Cada Redator: Luiz Otavio Medeirosum tinha uma personalidade pré-definida e a equipe responsável respondia quase que Diretora de Arte: Gabriela Meiraimediatamente qualquer interação. Planejador Web: Natan Andrade Ilustradora: Gabriela Meira
    • Folder Atendimento: Silvio Kazuo Diretor de Criação: Lucas CardosoA peça era entregue amassada, como se tivesse sido jogada no lixo, deixando claro o que Redator: Luiz Otavio Medeirosacontece com uma obra-prima que é abandonada por seu autor. Diretora de Arte: Gabriela Meira Ilustradora: Gabriela Meira Produtora: Luiza Antonelli
    • Folder Atendimento: Silvio Kazuo Diretor de Criação: Lucas CardosoA peça era entregue amassada, como se tivesse sido jogada no lixo, deixando claro o que Redator: Luiz Otavio Medeirosacontece com uma obra-prima que é abandonada por seu autor. Diretora de Arte: Gabriela Meira Ilustradora: Gabriela Meira Produtora: Luiza Antonelli
    • GuerrilhaAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedator: Victor LavenèreDiretor de Arte: Vinicius ChozoIlustrador: Vinicius ChozoProdutora: Juliana Souza
    • Email Marketing para EstudantesAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedator: Victor LavenèreDiretor de Arte: Vinicius ChozoIlustrador: Vinicius Chozo
    • Spotcaso o link ao lado não funcione, clique aquiAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedator: Lucas Cardoso e Victor LavenèreProdutora de Áudio: Audiotech
    • Mala Direta para asAgências de PublicidadeAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedator: Luiz Otavio MedeirosDiretor de Arte: Dario JoffilyIlustrador: Dario JoffilyProdutora: Luiza Antonelli
    • Durante o evento.
    • KitAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Lucas CardosoRedatora: Mariana PedrozaDiretora de Arte: Eduarda LiuIlustradora: Eduarda LiuProdutores: Juliana Souza e Walter Carlos
    • E depois também.
    • Email Marketing de Agradecimentopara PalestrantesAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Luiz Otavio MedeirosRedatora: Maria Elisa MedeirosDiretora de Arte: Beatriz Chaves
    • Email Marketing de Agradecimento paraPatrocinadores e ApoiadoresAtendimento: Silvio KazuoDiretor de Criação: Luiz Otavio MedeirosRedatora: Maria Elisa MedeirosDiretora de Arte: Beatriz Chaves
    • Nossos resultados?
    • Nossos resultados? Em 3 dias de evento, 286 pessoas passaram pelo Almanaque de Criação, 5% a mais que na edição anterior.
    • Nossos resultados? Em 3 dias de evento, 286 pessoas passaram pelo Almanaque de Criação, 5% a mais que na edição anterior. Desses, 89% se disseram satisfeitos ou muito satisfeitos com o evento em geral.
    • Nossos resultados? Em 3 dias de evento, 286 pessoas passaram pelo Almanaque de Criação, 5% a mais que na edição anterior. Desses, 89% se disseram satisfeitos ou muito satisfeitos com o evento em geral. Repercussão nos sites Comoequetala, Garotas de Propaganda, Update or Die, Vitrine Publicitaria e Zupi.
    • Nossos resultados? Aumento de 430% no número de fãs no Facebook (de 248 para 1080).
    • Nossos resultados? Aumento de 430% no número de fãs no Facebook (de 248 para 1080). A fanpage obteve 6.592 acessos (2.545 visitantes únicos).
    • Nossos resultados? Aumento de 430% no número de fãs no Facebook (de 248 para 1080). A fanpage obteve 6.592 acessos (2.545 visitantes únicos). As postagens do Almanaque de Criação no Facebook tiveram um alcance viral de 25.829 pessoas.
    • Nossos resultados? Aumento de 10% no número de seguidores no Twitter (de 1001 para 1100).
    • Nossos resultados? Aumento de 10% no número de seguidores no Twitter (de 1001 para 1100). 173 retweets e 263 menções ao Twitter @_almanaque.
    • Nossos resultados? Aumento de 10% no número de seguidores no Twitter (de 1001 para 1100). 173 retweets e 263 menções ao Twitter @_almanaque. A hashtag #almanaque foi Trending Topic de Brasília durante o segundo dia do evento.
    • Bom pra você, ruim pra sua obra-prima.