Análise de Redes Sociaisnovas possibilidades de serviços e pesquisa para bibliotecasSeminário de uso de redes sociais para...
Redes, redes, redes...●   Podemos ver redes hoje em dia em    praticamente por todos os lugares onde    olhamos:    –   Re...
O que são redes?●   As redes podem ser entendidas como um conjunto    de objetos e suas relações.    –   Os objetos são os...
O que são redes sociais?●    os objetos são vistos como atores dentro da rede, sendo    suas ações vistas como interdepend...
O que faz um analista de redes?●                          os    Os analistas de redes tratam    sistemas sociais como rede...
Novos paradigmas: o ambiente da biblioteca digitalFonte: http://www.ariadne.ac.uk/issue46/dempsey#24
Novas oportunidades de serviços de           informação●   Ao aumentar a complexidade e interoperabilidade dos    sistemas...
Onde estão as redes nas                bibliotecas?●    Na produção         dos documentos:    –   Relações de coautoria, ...
Redes a partir da análise de            documentos: coautoriaEvolução ao longo da rede de coautoria de um autor
Redes a partir da análise de             documentos: coautoria                                                     Espanho...
Redes a partir da análise de                   documentos: coautoriaCooperação entre programas de pós-graduação na área de...
Redes a partir da análise de               documentos: coautoriaCoautoria entre participantes do ENANCIB e participação em...
Redes a partir da análise de               documentos: citaçãoCitação entre revistas da área de ciências sociais   Fonte: ...
Redes a partir da análise de               documentos: citaçãoCitação entre revistas da área de medicina.   Fonte: http://...
Redes a partir da análise de                documentos: citaçãoCitação entre revistas mostrando o surgimento da neuroecono...
Redes a partir da análise de    documentos: relação entre tópicos                                                        F...
Redes de uso do ambiente:                palavras de buscaRede entre pessoas e palavras de pesquisa em um ambiente. Fonte:...
Redes de uso do ambiente:                   comentáriosRede de comentários em um blog coletivo filtrado por estados da fed...
Redes de uso do ambiente:              documentos acessadosRede de usuários acessando determinados documentos em um blog. ...
Redes de uso do ambiente: tags                     utilizadasRede de relacionamento entre tags no delicious.Fonte:http://b...
Como implementar esses serviços?●   Sugerimos aqui algumas etapas importantes:    –   Modelagem da rede a ser analisada: O...
Muitas fontes de dados para             experimentação!●   bX → no próprio SIBI. Ver exemplo em:    http://initiatives.exl...
Considerações finais●   A análise de rede oferece metodologias de análise e repertórios    conceituais potentes para a com...
Obrigado!!!      Dalton Martins       dmartins@gmail.comhttp://daltonmartins.blogspot.com
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Análise de Redes Sociais: novas possibilidades de serviços e pesquisa para bibliotecas

2,384

Published on

Published in: Technology
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
2,384
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
17
Actions
Shares
0
Downloads
15
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Análise de Redes Sociais: novas possibilidades de serviços e pesquisa para bibliotecas

  1. 1. Análise de Redes Sociaisnovas possibilidades de serviços e pesquisa para bibliotecasSeminário de uso de redes sociais para publicação científica na USP Universidade de São Paulo 03/12/2012 Dalton Martins dmartins@gmail.com http://daltonmartins.blogspot.com
  2. 2. Redes, redes, redes...● Podemos ver redes hoje em dia em praticamente por todos os lugares onde olhamos: – Rede elétrica; – Rede de esgoto; – Rede de celular; – Internet; – Rede de metrô, – Redes sociais; – Cadeia alimentar; – DNA, etc, etc, etc...
  3. 3. O que são redes?● As redes podem ser entendidas como um conjunto de objetos e suas relações. – Os objetos são os componentes ou partes da rede, são as unidades simples que iremos considerar como membros da rede. – Os atributos são as propriedades dos objetos. – As relações entre os objetos é o que dá coesão a rede como um todo.
  4. 4. O que são redes sociais?● os objetos são vistos como atores dentro da rede, sendo suas ações vistas como interdependentes, ao invés de unidades autônomas;● as relações entre atores são canais para transferência ou fluxo de recursos, sejam eles materiais ou imateriais;● modelos de rede evidenciam características individuais dos atores em relação ao ambiente da rede, explicitando oportunidades ou restrições para suas ações;● modelos matemáticos e computacionais de rede conceitualizam estrutura e dinâmica (social, econômica, política, etc.) como emergentes do padrão de relação entre os atores.
  5. 5. O que faz um analista de redes?● os Os analistas de redes tratam sistemas sociais como redes de relações de dependência de recursos escassos localizados nos nós e a estrutura de alocação desses recursos nas conexões.● O analista modela diferentes sistemas de forma a mostra-los como redes.
  6. 6. Novos paradigmas: o ambiente da biblioteca digitalFonte: http://www.ariadne.ac.uk/issue46/dempsey#24
  7. 7. Novas oportunidades de serviços de informação● Ao aumentar a complexidade e interoperabilidade dos sistemas de informação, novas questões são colocadas: – Como mostrar o que está acontecendo nos ambientes? – Como detectar tendências e avaliar possíveis rumos da produção científica, tanto por parte de quem a produz, quanto de quem a consome? – Como melhor perceber que uso as pessoas fazem daquilo que é disponibilizado?● O uso da análise de redes sociais pode ajudar em algumas dessas questões!
  8. 8. Onde estão as redes nas bibliotecas?● Na produção dos documentos: – Relações de coautoria, citação, colaboração, entre outras envolvidas na produção de documentos;● No uso do ambiente pelos usuários: – Relações de termos de busca, áreas de interesse, documentos acessados, comentários, entre outros;● Na comunicação entre os diferentes sistemas de informação: – Ambientes federados, interoperabilidade entre sistemas, troca de metadados.
  9. 9. Redes a partir da análise de documentos: coautoriaEvolução ao longo da rede de coautoria de um autor
  10. 10. Redes a partir da análise de documentos: coautoria Espanhol PortuguêsPesquisa sobre artigos tratando de “análise de redes sociais” em duas línguas. Dadosdo Google Scholar. Fonte: do autor.
  11. 11. Redes a partir da análise de documentos: coautoriaCooperação entre programas de pós-graduação na área de administração no Brasil. Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-65552009000300003
  12. 12. Redes a partir da análise de documentos: coautoriaCoautoria entre participantes do ENANCIB e participação em Gts. Fonte: do autor.
  13. 13. Redes a partir da análise de documentos: citaçãoCitação entre revistas da área de ciências sociais Fonte: http://www.eigenfactor.org/map/maps.php
  14. 14. Redes a partir da análise de documentos: citaçãoCitação entre revistas da área de medicina. Fonte: http://www.eigenfactor.org/map/maps.php
  15. 15. Redes a partir da análise de documentos: citaçãoCitação entre revistas mostrando o surgimento da neuroeconomia Fonte: http://www.eigenfactor.org/map/maps.php
  16. 16. Redes a partir da análise de documentos: relação entre tópicos Fonte: http://www.scottbot.net/HIAL/?p=221Rede de relacionamento entre tópicos em um documento.
  17. 17. Redes de uso do ambiente: palavras de buscaRede entre pessoas e palavras de pesquisa em um ambiente. Fonte: do autor.
  18. 18. Redes de uso do ambiente: comentáriosRede de comentários em um blog coletivo filtrado por estados da federação. Fonte: do autor.
  19. 19. Redes de uso do ambiente: documentos acessadosRede de usuários acessando determinados documentos em um blog. Fonte: do autor.
  20. 20. Redes de uso do ambiente: tags utilizadasRede de relacionamento entre tags no delicious.Fonte:http://blog.ouseful.info/2011/01/27/tags-associated-with-other-tags-on-delicious-bookmarked-resources/
  21. 21. Como implementar esses serviços?● Sugerimos aqui algumas etapas importantes: – Modelagem da rede a ser analisada: O quê? De onde? Como? – A coleta de dados; – Limpeza e tratamento dos dados; – Importação em uma ferramenta de visualização e análise de redes → https://gephi.org/ – Geração de visualizações; – Geração de métricas de análise; – Comparação com outras séries históricas: como a rede muda ao longo do tempo.
  22. 22. Muitas fontes de dados para experimentação!● bX → no próprio SIBI. Ver exemplo em: http://initiatives.exlibrisgroup.com/● BDPI → Produção intelectual da USP → http://producao.usp.br/● Google Scholar;● Web of Science;● Scielo;● etc...
  23. 23. Considerações finais● A análise de rede oferece metodologias de análise e repertórios conceituais potentes para a complexidade de sistemas e dados disponíveis atualmente;● A análise relacional de informação expande em muito os recursos mais tradicionais da bibliometria e informetria;● Perceber a informação em relação facilita visualmente a percepção;● Estamos apenas começando a experimentar essas possibilidades: muitas oportunidades a serem desbravadas!● Ao mesmo tempo, cada vez mais demanda para análise e mapeamento de tendências → mapas da ciência!
  24. 24. Obrigado!!! Dalton Martins dmartins@gmail.comhttp://daltonmartins.blogspot.com
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×