Temperamentos transformados - melancólicos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share

Temperamentos transformados - melancólicos

  • 408 views
Uploaded on

Temperamentos Transformados

Temperamentos Transformados
Viva La Vida! - 19/04

More in: Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
408
On Slideshare
387
From Embeds
21
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
12
Comments
0
Likes
0

Embeds 21

http://www.slideee.com 21

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. POR QUE SOMOS TÃO DIFERENTES? UM ESTUDO SOBRE TEMPERAMENTOS À LUZ DA PALAVRA
  • 2. A teoria dos quatros temperamentos • Hipócrates (460 a 370 a.C.) é constantemente identificado como um referencial no mundo médico da antiga Grécia. • Conferiu à medicina a preocupação com os problemas psiquiátricos; • Inseriu em suas pesquisas uma explicação racional da saúde e da doença através do equilíbrio dos quatros humores, a saber, sangue,fleuma,bílis amarela e bílis negra.
  • 3. A teoria dos quatros temperamentos • A teoria formulada por Hipócrates era fundamentada na bioquímica em sua essência.Ele contrapunha a teoria da intervenção dos deuses no mundo antigo. • Sua maior força estava talvez na exatidão de suas observações e na capacidade de registrar cientificamente as conclusões a que chegava.
  • 4. A teoria dos quatros temperamentos • O interesse de Hipócrates sistematizou um estudo de temperamentos tornando-o notável; • Influenciando homens como Galeno, Emmanuel Kant, entre outros. A teoria se sustentou até a modernidade e é alvo de discussão em bancadas e em salas de aula da psicologia.
  • 5. • Coração • (Sanguíneo) SANGUE • Sistema respiratório • (Fleumático) FLEUGMA • Fígado • (Colérico) BÍLIS AMARELA • Baço • (Melancólico) BÍLIS NEGRA
  • 6. s
  • 7. Regras – Antes De IniciarmoS • Da mesma forma que a Bíblia ensina que todos os homens têm uma natureza pecaminosa, os temperamentos indicam que todos tem suas fraquezas; • A classificação dos quatros temperamentos não é ensinada categoricamente na Bíblia, mas os estudos biográficos demonstrarão os pontos fortes e as fraquezas de cada um dos temperamentos; • A teoria não é perfeita, assim como nenhum conceito humano. Porém, ajuda-nos a examinarmos por meio de um processo sistematizado lhe deixando mais respostas do que perguntas, comparado com outras perguntas;
  • 8. Regras – Antes De IniciarmoS • Devemos respeitar a todos mutuamente. • Não se ponha a analisar o temperamento de uma pessoa, a não ser que isso contribua para melhorar seu relacionamento com ela. • Não diga a uma pessoa qual o temperamento que ela possui, a não ser que esta lhe pergunte diretamente. • Efésios 4:15
  • 9. “Não há nudez que se compare à nudez psicológica” Henry Brandt
  • 10. Moisés, o Melancólico • Encontramos em Moisés o temperamento mais rico. • Mente privilegiada,apreciador das belas-artes,analítico,abnegado, minucioso, sensível, perfeccionista, idealista, dedicado, leal. • Egoísta, mal-humorado, pessimista, teórico, confuso, antissocial, crítico,inflexível,vingativo.
  • 11. Moisés, o Melancólico – Moisés, o melancólico, foi um homem talentoso como poucos no Antigo Testamento e as escrituras deixam muitos registros para estudarmos melhor sua personalidade. – O líder de Israel ilustra com clareza a diferença que o poder de Deus exerce na vida de um homem melancólico.
  • 12. TALENTOSO – Egito – uma potência e o centro da civilização nos dias de Moisés. – Moisés absorveu todo o conhecimento sem deixar-se dominar por superstições que dominavam o conceitos daquele povo. – Moisés foi educado em toda sabedoria dos egípicios e veio a ser poderoso em palavras e obras.(Atos 7:22)
  • 13. TALENTOSO – Na escrita do pentateuco não há traços de influência de conceitos egípicios e superstições. É claro que o poder de Deus operou nele ao escrever. – Estabeleceu-se como o intelectual que mais se destacou no AT assim como Paulo no NT.
  • 14. TALENTOSO •Os melancólicos tem capacidade para desempenhar papéis dramáticos quando pressionados por questões externas. •Essas motivações externas impulsionam seus talentos então latentes. E quando acaba a pressão ele volta a APATIA. Ex.5:1-5. •Conduzir mais de 3 milhões de pessoas controlando-as como juiz, profeta e mediador de Deus.
  • 15. EGOCÊNTRICO •Tudo que atinge um melancólico é de importância capital para ele. •Somado a sua natureza sensível, seu egocentrimo faz com que ele se sinta ofendido ou insultado muito facilmente. •Literamente “ele tem seus sentimentos a flor da pele”. É inclinado a ser desconfiado e dado a “suposições desfavoráveis”. Êxodo 6:12-13.(O Anúncio da libertação).
  • 16. ABNEGADO • Um dos marcos característicos está no desejo de sacrificar-se. •Os melancólicos sentem dificuldades em aproveitar o sucesso e o conforto sem sentir algum complexo de culpa. • O CUIDADO_ COM O APARENTE SACRIFÍCIO em PROVEITO PRÓPRIO. •O serviço e o sacrifício não podem ser depreciados, mas o melancólico deverá examinar se realmente está sendo dirigido por Deus. Hebreus 11:23-27 prova isso.
  • 17. ABNEGADO • A única autoridade acima da sua era a do próprio Faraó. Mesmo assim ele escolheu ser “maltratado com o povo de Deus” •Parece mais fácil melancólicos não se iludirem com as promessas falsas e vazias que este mundo oferece.(MISSIONÁRIO) •A vida de Moisés é uma prova de que homem algum sai perdendo quando dá sua vida a Deus.
  • 18. COMPLEXO DE INFERIORIDADE • Embora os talentos sejam provavelmente maiores do que os demais, são negligenciados devido um excessivo sentimento de inferioridade. •É raro um perfeccionista se satisfazer.Por que seus altos padrões de perfeição são difíceis de atingir. •Sem o espírito santo é quase impossível o melancólico receber um elogio por que sempre se lembrará dos seus erros do que seus sucessos.(FAMOSO ESCRITOR)
  • 19. COMPLEXO DE INFERIORIDADE 1 NÃO TENHO TALENTO •Então Moisés disse a Deus: Quem sou eu, que vá a Faraó e tire do Egito os filhos de Israel? (Êxodo 3:11) (CHAMADO MINISTERIAL NA IGREJA) •Deus sempre promete estar presente (Êxodo 3:12) •Após dar a grande comissão(...)e Eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos” (Mateus 28:18-20)
  • 20. COMPLEXO DE INFERIORIDADE 2 NÃO CONHEÇO TEOLOGIA •Então Moisés disse a Deus: Eis que quando eu for aos filhos de Israel, e lhes disser: O Deus de vossos pais me enviou a vós; e eles me disserem: Qual é o seu nome? Que lhes direi?(Êxodo 3:13) (CHAMADO PARA EVANGELIZAR E OS MEDOS) •Deus promete falar através de vocês (Êxodo 3:14) •(Mateus 10:19-20)
  • 21. COMPLEXO DE INFERIORIDADE 3 Ninguém AcreditarÁ em MIM • Então respondeu Moisés, e disse: Mas eis que não me crerão, nem ouvirão a minha voz, porque dirão: O SENHOR não te apareceu. (Êxodo 4:1) (O CHAMADO PARA EVANGELIZAR) •Deus promete falar através de você (Êxodo 3:14) •(Mateus 10:19-20)
  • 22. COMPLEXO DE INFERIORIDADE 4 Não Posso Falar Em Público • Disse, porém, Moisés ao Senhor: "Ó Senhor! Nunca tive facilidade para falar, nem no passado nem agora que falaste a teu servo. Não consigo falar bem! “ (Êxodo 4:10) •Deus promete capacitar você (Êxodo 4:11-12) •Sua desculpa não só o privou do poder de Deus, como também o fez se submeter a um assistente, seu irmão Arão.
  • 23. COMPLEXO DE INFERIORIDADE 4 Não Quero IR! • Respondeu-lhe, porém, Moisés: "Ah Senhor! Peço-te que envies outra pessoa". (Êxodo 4:13) •É possível que a amargura e a hostilidade durante esses 40 anos tivessem causando esse profundo ressentimento ao ver se rejeitado por seu povo. •O PODER DO PERDÃO
  • 24. IRA DE MOISÉS • Além do medo, a ira reprimida com frequência espreita esse caráter. •A incapacidade de controlar a ira marcou sua vida em diversas ocasiões, a ponto de custar-lhe a alegria de entrar com seu povo na Terra prometida. •Tábuas quebradas; Rocha ferida 2x (Números 20:3-12) •A raiva profunda entristece o Espírito de Deus, como também pode destruir a saúde de uma pessoa.
  • 25. UM MOISES CHEIO DO ESPIRITO SANTO • A devoção de Moisés havia crescido no deserto • Mesmo que busquemos a perfeição não conseguiremos por que, DEUS NÃO USA HOMENS PERFEITOS ELE USA HOMENS QUE CONFIAM NELE. • Deus te criou assim para você depender dEle.
  • 26. UM MOISES CHEIO DO ESPIRITO SANTO • Egocêntrismo; • Complexo de inferioridade; – “Não tenho nenhum talento” – “Não tenho conhecimento para auxiliar” – “Ninguém acreditará em mim” – “Não posso falar em público” • Ira; • Perdão; – Não quero servir na Tua Obra;