A trajetória   acadêmica eprofissional de umlinguista aplicado   Denilson Amade Sousa               denisousa@gmail.com
Background
Inglês???
Inglês???6 meses pra ser convencido!
Inglês???  6 meses pra ser convencido!6 meses de curso grátis (menos o        material, óbvio!)
Inglês???     6 meses pra ser convencido!  6 meses de curso grátis (menos o          material, óbvio!)1 aula pra curtir a ...
Inglês???     6 meses pra ser convencido!  6 meses de curso grátis (menos o          material, óbvio!)1 aula pra curtir a ...
Inglês???     6 meses pra ser convencido!  6 meses de curso grátis (menos o          material, óbvio!)1 aula pra curtir a ...
1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA
1 ano de intercâmbio   Hartland, WI, USA6 meses pra terminar E.M.
1 ano de intercâmbio        Hartland, WI, USA    6 meses pra terminar E.M.0 meses de estudo para o vestibular
1 ano de intercâmbio                Hartland, WI, USA            6 meses pra terminar E.M.       0 meses de estudo para o ...
1 ano de intercâmbio                Hartland, WI, USA            6 meses pra terminar E.M.       0 meses de estudo para o ...
1 ano de intercâmbio                Hartland, WI, USA            6 meses pra terminar E.M.       0 meses de estudo para o ...
agora sim,Apresentação
ObjetivoPretendo mostrar:
Objetivo          Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;
Objetivo          Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;Como a profissão ajudou na academia;
Objetivo           Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;Como a profissão ajudou na academia;Que...
LINGÜÍSTICA              No 1º semestre do curso, pensei:
LINGÜÍSTICA              No 1º semestre do curso, pensei:              “What the heck???”     Por que que estou fazendo es...
LINGÜÍSTICA              No 1º semestre do curso, pensei:              “What the heck???”     Por que que estou fazendo es...
Porém, aguentei firme um, dois semestres.
Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.
Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a s...
Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a s...
Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a s...
Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a s...
Mesmo sem saber         se vai servir pra         alguma coisa no              futuro!“Curtir” means estudar pelo prazer d...
Minhas disciplinas prediletas:
Minhas disciplinas prediletas:   Fonética e fonologia (serve pra quê?)Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?)   Anál...
Minhas disciplinas prediletas:   Fonética e fonologia (serve pra quê?)Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?)   Anál...
Minhas disciplinas prediletas:      Fonética e fonologia (serve pra quê?)   Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?) ...
Engraçado que muitasdelas eu gostava masnão via um propósito  para as mesmas.
Engraçado que muitas    delas eu gostava mas    não via um propósito      para as mesmas.Exemplo: Linguística de corpus*
Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)
Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado.
Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado.  E...
Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado.  E...
Doutorado
Doutorado1 prova seleção
Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)
Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sa...
Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sa...
Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sa...
Doutorado sanduíche               1,5 ano aqui      um ano láo resto aqui
Doutorado sanduíche                              Where?               1,5 ano aqui      um ano láo resto aqui
Doutorado sanduíche                               Where?               1,5 ano aqui                              How long?...
Doutorado sanduíche                               Where?               1,5 ano aqui                              How long?...
Doutorado sanduíche                               Where?               1,5 ano aqui                              How long?...
Doutorado sanduíche                               Where?               1,5 ano aqui                              How long?...
Atividades após a volta
Atividades após a volta      Escrita da tese (?)
Atividades após a volta        Escrita da tese (?)   Segunda qualificação de área
Atividades após a volta           Escrita da tese (?)      Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e partic...
Atividades após a volta           Escrita da tese (?)      Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e partic...
Atividades após a volta           Escrita da tese (?)      Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e partic...
Atividades após a volta           Escrita da tese (?)      Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e partic...
Segunda qualificação de áreaEm tradução
Segunda qualificação de área                   Envolveu lerEm tradução       coisas FORA da                   tese. MUITO ...
Segunda qualificação de área                        Envolveu lerEm tradução            coisas FORA da                     ...
Segunda qualificação de área                           Envolveu lerEm tradução               coisas FORA da               ...
Segunda qualificação de área                            Envolveu lerEm tradução                coisas FORA da             ...
ou seja   Pude utilizar, nas aulas quelecionei de Morfologia e Sintaxe  da língua inglesa e de Língua  Portuguesa para tra...
ou seja    Pude utilizar, nas aulas que lecionei de Morfologia e Sintaxe   da língua inglesa e de Língua   Portuguesa para...
Aulas em escola deinglês e particulares
Aulas em escola deinglês e particulares    Liberdade
Aulas em escola deinglês e particulares    Liberdade    Recursos
Aulas em escola de      inglês e particulares           Liberdade            Recursos     Salário interessante(escola > R$...
Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa
Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa    Tive que estudar      Preparar muita aula
Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa    Tive que estudar      Preparar muita aulaMas valeu a pena:
Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa    Tive que estudar      Preparar muita aulaMas valeu a pena: ...
Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa    Tive que estudar      Preparar muita aulaMas valeu a pena: ...
Private Consulting
Private Consulting  Former student
Private Consulting  Former student  Needs analysis
Private Consulting     Former student     Needs analysisCustomized developments/       workshops
Private Consulting     Former student     Needs analysisCustomized developments/       workshops      R$100/120 h
Private Consulting      Former student     Needs analysisCustomized developments/       workshops       R$100/120 h  Best ...
Traduções técnicas
Traduções técnicasMais versões
Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglês
Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglêsRegistro junto à prefeiturapara emitir RPA
Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglêsRegistro junto à prefeiturapara emitir RPA de R$ 0,26 a 0,33...
nota     Sempre utilizando histórias dos workshops e    experiências com astraduções nas aulas da pós.
Escrita da teseNão me pergunte!!!
Current job
Current jobMuuuuuuuuito interessante
Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundo
Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mun...
Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mun...
Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mun...
Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mun...
Exemplo  My new boss gave me a task on the first day of work: Find out how many Globishwords there are in our material.
Exemplo    My new boss gave me a task on the first day of work:  Find out how many Globish words there are in our material....
Exemplo     My new boss gave me a task on the first day of work:   Find out how many Globish  words there are in our materi...
Razão principal pela qual curto dar aula:        It’s never boring!!! E o curtir dar aulas, de um modo ou de outro,influenc...
Razão principal pela qual curto dar aula:        It’s never boring!!! E o curtir dar aulas, de um modo ou de outro,influenc...
Lições (de vida, minhas)       Não fazer tudo seguidinhoAlgo que achávamos useless pode vir a ser útil               Persi...
No DifferenceSmall as a peanut,Big as a giant,Were all the same sizeWhen we turn off the light.Rich as a sultan,Poor as a ...
Postal da designerMónica Santos
Dúvidas?Questões?Angústias?
Pesquisa atual
MEANINGFORM   USE            Larsen-Freeman
How do you say: “Moro em      Campinas”?
How do you say: “Moro em           Campinas”?•      I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em          Campinas”?
How do you say: “Moro em           Campinas”?•      I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em          Campinas...
How do you say: “Moro em           Campinas”?•      I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em          Campinas...
I live in Campinas.  I’m living in Campinas.I’ve lived/I’ve been living in    Campinas for 2 years.
I live in Campinas.1980                         Now         I’m living in Campinas.       I’ve lived/I’ve been living in  ...
I live in Campinas.1980                         Now         I’m living in Campinas.                     ?     ...   ?1980 ...
I live in Campinas.1980                         Now         I’m living in Campinas.                     ?     ...   ?1980 ...
What’s the difference then, for instance,               between:
What’s the difference then, for instance,               between:             I bought a car.            I’ve bought a car.
What’s the difference then, for instance,                 between:                 I bought a car.1980         P    a   s ...
What’s the difference then, for instance,                  between:                  I bought a car.1980          P    a  ...
What’s the difference then, for instance,                     between:                         I bought a car.    1980    ...
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
Follow up - Translate:
O Modelo PACE eo Present Perfect                                                      8     Aluno: Denilson Amade Sousa (d...
Por que Temporalidade?  Presente em todas as línguas;  Bastante variável: noções e relações temporais expressas numa língu...
Aspecto“aspectos são diferentes maneiras de se ver a    constituição temporal interna de uma         situação.” (Comrie, 1...
Aspecto“aspectos são diferentes maneiras de se ver a    constituição temporal interna de uma         situação.” (Comrie, 1...
LexicalCaracterísticas inerentes a um item lexical que descreve              temporalmente uma situação.
LexicalCaracterísticas inerentes a um item lexical que descreve              temporalmente uma situação.             Traço...
Gramatical   “Sistema” utilizado para classificar falas em  relação à perspectiva ou ao ponto de vista do    falante. Difer...
Gramatical   “Sistema” utilizado para classificar falas em  relação à perspectiva ou ao ponto de vista do    falante. Difer...
ProblemaDiferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês
Problema           Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês      Situações PassadasPerfeito    ...
Problema           Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês      Situações PassadasPerfeito    ...
Problema           Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês      Situações Passadas            ...
Problema           Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês      Situações Passadas            ...
Exemplos:
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol n...
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol n...
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol n...
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol n...
Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol n...
Present PerfectMUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas              quanto didáticas.
Present PerfectMUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas              quanto didáticas.       O Present Perfect esta...
Present Perfect  MUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas                quanto didáticas.         O Present Perfec...
Objetivos
Objetivos   Fornecer propostas de aprimoramentos noensino de inglês como língua estrangeira noque diz respeito ao Present ...
O Modelo PACE
O Modelo PACE Presentation A ttention C o-construction E xtension
O pêndulo em SLA
O pêndulo em SLAGramática              Gramática Explícita             Implícita   (GE)                   (GI)
O pêndulo em SLAGramática                            Gramática Explícita                           Implícita   (GE)       ...
Tanto GE como GINÃO levamem conta:
O papel essencial do instrutor            na negociação de significado e na            construção de explicações. Tanto GE ...
O papel essencial do instrutor            na negociação de significado e na            construção de explicações. Tanto GE ...
O papel essencial do instrutor            na negociação de significado e na            construção de explicações. Tanto GE ...
Trêspremissasbásicas do  PACE
Baseia-se em material autêntico ou             sem i-autêntico co mo e stór ias,             canções, poemas, biografias, a...
Baseia-se em material autêntico ou             sem i-autêntico co mo e stór ias,             canções, poemas, biografias, a...
Baseia-se em material autêntico ou             sem i-autêntico co mo e stór ias,             canções, poemas, biografias, a...
Apresentação (Presentation):
Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, et...
Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, et...
Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, et...
Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, et...
Apresentação
Apresentação     Vocabulario útil – escribe la letra del dibujo que corresponde                 a la palabra, y después es...
Apresentação
Apresentação
Atenção (Attention):
Atenção (Attention):   - Chamar a atenção dos aprendizes a uma      determinada estrutura; que deve serrelativamente abund...
Atenção
Atenção
Co-construção (Co-construction):
Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – profe...
Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – profe...
Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – profe...
Co-construção
Extensão (Extension):
Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;
Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;- inclu...
Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;- inclu...
Extensão
Extensão
Extensão
Pergunta de pesquisaDepois de submetidos a uma intervenção  elaborada com base no modelo PACE,  aprendizes brasileiros de ...
MetodologiaPré testes
MetodologiaPré testesJulgamento de Gramaticalidade  82 sentenças (27-27-28)  Nativos (n=20)  Grupo PACE (Indutivo) (n=20) ...
MetodologiaPré testesJulgamento de Gramaticalidade    Descrição de figuras  82 sentenças (27-27-28)          36 figuras (12-...
Metodologia                                       Intervenções              A) Grupo PACE - indutiva (20 aprendizes brasil...
Metodologia                                       Intervenções              A) Grupo PACE - indutiva (20 aprendizes brasil...
Resultado Parcial
Nativos vs Dedutivo Pre-Test                         6                       5.5                         5                ...
Nativos vs Dedutivo Pre-Test                         6                       5.5                         5                ...
Nativos vs Dedutivo Pre-Test                          6                        5.5                          5             ...
Muito obrigado!  Perguntas?
Minha trajetoria na lingua inglesa
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Minha trajetoria na lingua inglesa

925 views

Published on

Falei aos alunos graduandos sobre possibilidades no campo da linguistica aplicada, com foco em ensino-aprendizagem de língua estrangeira e tradução.

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
925
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
23
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • Minha trajetoria na lingua inglesa

    1. 1. A trajetória acadêmica eprofissional de umlinguista aplicado Denilson Amade Sousa denisousa@gmail.com
    2. 2. Background
    3. 3. Inglês???
    4. 4. Inglês???6 meses pra ser convencido!
    5. 5. Inglês??? 6 meses pra ser convencido!6 meses de curso grátis (menos o material, óbvio!)
    6. 6. Inglês??? 6 meses pra ser convencido! 6 meses de curso grátis (menos o material, óbvio!)1 aula pra curtir a língua (pra caraca!)
    7. 7. Inglês??? 6 meses pra ser convencido! 6 meses de curso grátis (menos o material, óbvio!)1 aula pra curtir a língua (pra caraca!) 3 anos pra começar a dar aula
    8. 8. Inglês??? 6 meses pra ser convencido! 6 meses de curso grátis (menos o material, óbvio!)1 aula pra curtir a língua (pra caraca!) 3 anos pra começar a dar aula1996 (mesmo ano) Ensino Médio: PD (?)
    9. 9. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA
    10. 10. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA6 meses pra terminar E.M.
    11. 11. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA 6 meses pra terminar E.M.0 meses de estudo para o vestibular
    12. 12. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA 6 meses pra terminar E.M. 0 meses de estudo para o vestibular3 cursos: Ecologia, Ciências Biológicas e Lingüística
    13. 13. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA 6 meses pra terminar E.M. 0 meses de estudo para o vestibular3 cursos: Ecologia, Ciências Biológicas e Lingüística 1 curso aprovado, 1 curso realizado
    14. 14. 1 ano de intercâmbio Hartland, WI, USA 6 meses pra terminar E.M. 0 meses de estudo para o vestibular3 cursos: Ecologia, Ciências Biológicas e Lingüística 1 curso aprovado, 1 curso realizado LINGÜÍSTICA Bacharelado
    15. 15. agora sim,Apresentação
    16. 16. ObjetivoPretendo mostrar:
    17. 17. Objetivo Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;
    18. 18. Objetivo Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;Como a profissão ajudou na academia;
    19. 19. Objetivo Pretendo mostrar:Como o conhecimento acadêmicoajudou na profissão;Como a profissão ajudou na academia;Que tipo de coisa um profissional dalinguística/LA pode fazer.
    20. 20. LINGÜÍSTICA No 1º semestre do curso, pensei:
    21. 21. LINGÜÍSTICA No 1º semestre do curso, pensei: “What the heck???” Por que que estou fazendo este curso? Nada liga com nada! Pra que que vai me servir isso?
    22. 22. LINGÜÍSTICA No 1º semestre do curso, pensei: “What the heck???” Por que que estou fazendo este curso? Nada liga com nada! Pra que que vai me servir isso? Socir? Sossir? Fucô? Chomsky?
    23. 23. Porém, aguentei firme um, dois semestres.
    24. 24. Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.
    25. 25. Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a ser estabelecidos.
    26. 26. Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a ser estabelecidos.Coisas começaram a fazer mais sentido.
    27. 27. Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a ser estabelecidos.Coisas começaram a fazer mais sentido.Passei a curtir mais e mais.
    28. 28. Porém, aguentei firme um, dois semestres.Depois disso, contudo, as coisas começaram a seencaixar.Certos links começaram a ser estabelecidos.Coisas começaram a fazer mais sentido.Passei a curtir mais e mais.“Curtir” means estudar pelo prazer de estudar. Lersobre algo que lhe interessa.
    29. 29. Mesmo sem saber se vai servir pra alguma coisa no futuro!“Curtir” means estudar pelo prazer de estudar. Lersobre algo que lhe interessa.
    30. 30. Minhas disciplinas prediletas:
    31. 31. Minhas disciplinas prediletas: Fonética e fonologia (serve pra quê?)Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?) Análise do discurso (serve pra quê?) Linguística Aplicada!!!
    32. 32. Minhas disciplinas prediletas: Fonética e fonologia (serve pra quê?)Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?) Análise do discurso (serve pra quê?) Linguística Aplicada!!! Minhas disciplinas menos prediletas:
    33. 33. Minhas disciplinas prediletas: Fonética e fonologia (serve pra quê?) Gramática (sintaxe gerativa) (serve pra quê?) Análise do discurso (serve pra quê?) Linguística Aplicada!!! Minhas disciplinas menos prediletas: Línguas indígenas (por causa do professor)Literaturas (sei que não deveria estar falando isso pra povo de Letras!) Fonética experimental (?)
    34. 34. Engraçado que muitasdelas eu gostava masnão via um propósito para as mesmas.
    35. 35. Engraçado que muitas delas eu gostava mas não via um propósito para as mesmas.Exemplo: Linguística de corpus*
    36. 36. Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)
    37. 37. Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado.
    38. 38. Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado. Ensino e Aprendizagem de Língua Estrangeira
    39. 39. Quatro anos se passaram.Nunca parei de dar aulas (advantages and disadvantages)Joana me convenceu a prestar o mestrado. Ensino e Aprendizagem de Língua Estrangeira Dissertação: Estratégias de Processamento de Insumo e a alternância das formas dativas em inglês Verifiquei a eficácia de uma abordagem/proposta de ensino de gramática.
    40. 40. Doutorado
    41. 41. Doutorado1 prova seleção
    42. 42. Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)
    43. 43. Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sanduíche: Ter realizado todas disciplinas Qualificação do projeto 1 qualificação de área!
    44. 44. Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sanduíche: Ter realizado todas disciplinas Fiz com uma Qualificação do projeto banca de 4 1 qualificação de área! pessoas legais!
    45. 45. Doutorado1 prova seleção1 prova de segunda língua estrangeira (fizespanhol, já havia feito francês)3 requisitos antes do sanduíche: Ter realizado todas disciplinas Fiz com uma Qualificação do projeto banca de 4 1 qualificação de área! pessoas legais!Psicolinguística, aquisição de inglês comoprimeira língua (ponte com tema da tese)
    46. 46. Doutorado sanduíche 1,5 ano aqui um ano láo resto aqui
    47. 47. Doutorado sanduíche Where? 1,5 ano aqui um ano láo resto aqui
    48. 48. Doutorado sanduíche Where? 1,5 ano aqui How long? um ano láo resto aqui
    49. 49. Doutorado sanduíche Where? 1,5 ano aqui How long? Why? um ano láo resto aqui
    50. 50. Doutorado sanduíche Where? 1,5 ano aqui How long? Why? um ano láo resto aqui What?
    51. 51. Doutorado sanduíche Where? 1,5 ano aqui How long? Why? um ano láo resto aqui What? Evaluation
    52. 52. Atividades após a volta
    53. 53. Atividades após a volta Escrita da tese (?)
    54. 54. Atividades após a volta Escrita da tese (?) Segunda qualificação de área
    55. 55. Atividades após a volta Escrita da tese (?) Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e particulares
    56. 56. Atividades após a volta Escrita da tese (?) Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e particulares Aulas em curso de pós
    57. 57. Atividades após a volta Escrita da tese (?) Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e particulares Aulas em curso de pós Private consulting
    58. 58. Atividades após a volta Escrita da tese (?) Segunda qualificação de área Aulas em escola de inglês e particulares Aulas em curso de pós Private consulting Traduções técnicas
    59. 59. Segunda qualificação de áreaEm tradução
    60. 60. Segunda qualificação de área Envolveu lerEm tradução coisas FORA da tese. MUITO fora.
    61. 61. Segunda qualificação de área Envolveu lerEm tradução coisas FORA da tese. MUITO fora. ... MAS
    62. 62. Segunda qualificação de área Envolveu lerEm tradução coisas FORA da tese. MUITO fora. ... MAS Praticamente no MESMO período, fui convidado a dar aula num curso de pós em:
    63. 63. Segunda qualificação de área Envolveu lerEm tradução coisas FORA da tese. MUITO fora. ... MAS Praticamente no MESMO período, fui convidado a Língua dar aula num inglesa e curso de pós em: Tradução
    64. 64. ou seja Pude utilizar, nas aulas quelecionei de Morfologia e Sintaxe da língua inglesa e de Língua Portuguesa para tradução, os conhecimentos “forçosamente” adquiridos na academia.
    65. 65. ou seja Pude utilizar, nas aulas que lecionei de Morfologia e Sintaxe da língua inglesa e de Língua Portuguesa para tradução, os conhecimentos “forçosamente” adquiridos na academia.Usei MUITA coisa dos cadernos da facul...
    66. 66. Aulas em escola deinglês e particulares
    67. 67. Aulas em escola deinglês e particulares Liberdade
    68. 68. Aulas em escola deinglês e particulares Liberdade Recursos
    69. 69. Aulas em escola de inglês e particulares Liberdade Recursos Salário interessante(escola > R$30 h, particular > R$60 h)
    70. 70. Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa
    71. 71. Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa Tive que estudar Preparar muita aula
    72. 72. Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa Tive que estudar Preparar muita aulaMas valeu a pena:
    73. 73. Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa Tive que estudar Preparar muita aulaMas valeu a pena: Alunos adoram. Dei módulo novamente. Dei outro módulo tb! R$ 70,00 h/aula
    74. 74. Aulas em curso de pósMorfologia e sintaxe da língua inglesa Tive que estudar Preparar muita aulaMas valeu a pena: Alunos adoram. Dei módulo novamente. Dei outro módulo tb! R$ 70,00 h/aulaDrawbacks: Perco sexta e sábado. Dirijo 2 horas.
    75. 75. Private Consulting
    76. 76. Private Consulting Former student
    77. 77. Private Consulting Former student Needs analysis
    78. 78. Private Consulting Former student Needs analysisCustomized developments/ workshops
    79. 79. Private Consulting Former student Needs analysisCustomized developments/ workshops R$100/120 h
    80. 80. Private Consulting Former student Needs analysisCustomized developments/ workshops R$100/120 h Best of all: they are fun!!!
    81. 81. Traduções técnicas
    82. 82. Traduções técnicasMais versões
    83. 83. Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglês
    84. 84. Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglêsRegistro junto à prefeiturapara emitir RPA
    85. 85. Traduções técnicasMais versõesContratos: português para inglêsRegistro junto à prefeiturapara emitir RPA de R$ 0,26 a 0,33 por palavra. de R$ 260 a 330 a cada mil palavras!de 30 a 60 reais por lauda (1200 a 2100 caracteres com espaço)
    86. 86. nota Sempre utilizando histórias dos workshops e experiências com astraduções nas aulas da pós.
    87. 87. Escrita da teseNão me pergunte!!!
    88. 88. Current job
    89. 89. Current jobMuuuuuuuuito interessante
    90. 90. Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundo
    91. 91. Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundoEventual treinamento de professor
    92. 92. Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundoEventual treinamento de professorSLA
    93. 93. Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundoEventual treinamento de professorSLARelações sociais
    94. 94. Current jobMuuuuuuuuito interessanteElaboração e revisão de material didático paraa maior rede de ensino de idiomas do mundoEventual treinamento de professorSLARelações sociaisTranslating
    95. 95. Exemplo My new boss gave me a task on the first day of work: Find out how many Globishwords there are in our material.
    96. 96. Exemplo My new boss gave me a task on the first day of work: Find out how many Globish words there are in our material. GlobishHow do you say it in Portuguese and what is it?
    97. 97. Exemplo My new boss gave me a task on the first day of work: Find out how many Globish words there are in our material. Globish How do you say it in Portuguese and what is it?How would you go about accomplishing this task?
    98. 98. Razão principal pela qual curto dar aula: It’s never boring!!! E o curtir dar aulas, de um modo ou de outro,influenciou-me nos campos em que atuo/atuei:
    99. 99. Razão principal pela qual curto dar aula: It’s never boring!!! E o curtir dar aulas, de um modo ou de outro,influenciou-me nos campos em que atuo/atuei: Ensino de inglês Coordenação de escola de inglês Curriculum developer Teacher “training”/development Tradução Ensino de tradução Elaboração e revisão de material didático
    100. 100. Lições (de vida, minhas) Não fazer tudo seguidinhoAlgo que achávamos useless pode vir a ser útil Persistência Autovalorização Quem guarda tem
    101. 101. No DifferenceSmall as a peanut,Big as a giant,Were all the same sizeWhen we turn off the light.Rich as a sultan,Poor as a mite,Were all worth the sameWhen we turn off the light.Red, black or orange,Yellow or white,We all look the sameWhen we turn off the light.So maybe the way,To make everything rightIs for God to just reach outAnd turn off the light!"— Shel Silverstein
    102. 102. Postal da designerMónica Santos
    103. 103. Dúvidas?Questões?Angústias?
    104. 104. Pesquisa atual
    105. 105. MEANINGFORM USE Larsen-Freeman
    106. 106. How do you say: “Moro em Campinas”?
    107. 107. How do you say: “Moro em Campinas”?• I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em Campinas”?
    108. 108. How do you say: “Moro em Campinas”?• I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em Campinas”?• I’m living in Campinas.How about: “Moro em Campinas há 2 anos”?
    109. 109. How do you say: “Moro em Campinas”?• I live in Campinas.How do you say: “Estou morando em Campinas”?• I’m living in Campinas.How about: “Moro em Campinas há 2 anos”?• I’ve lived/I’ve been living in Campinas for 2 years.
    110. 110. I live in Campinas. I’m living in Campinas.I’ve lived/I’ve been living in Campinas for 2 years.
    111. 111. I live in Campinas.1980 Now I’m living in Campinas. I’ve lived/I’ve been living in Campinas for 2 years.
    112. 112. I live in Campinas.1980 Now I’m living in Campinas. ? ... ?1980 Now I’ve lived/I’ve been living in Campinas for 2 years.
    113. 113. I live in Campinas.1980 Now I’m living in Campinas. ? ... ?1980 Now I’ve lived/I’ve been living in Campinas for 2 years.1980 2008 Now
    114. 114. What’s the difference then, for instance, between:
    115. 115. What’s the difference then, for instance, between: I bought a car. I’ve bought a car.
    116. 116. What’s the difference then, for instance, between: I bought a car.1980 P a s t Now I’ve bought a car.
    117. 117. What’s the difference then, for instance, between: I bought a car.1980 P a s t Now I’ve bought a car.1980 Now Moment of purchase
    118. 118. What’s the difference then, for instance, between: I bought a car. 1980 P a s t NowI’ve bought a car. = I have a car since I bought it. 1980 Now Moment of purchase
    119. 119. Follow up - Translate:
    120. 120. Follow up - Translate:
    121. 121. Follow up - Translate:
    122. 122. Follow up - Translate:
    123. 123. Follow up - Translate:
    124. 124. Follow up - Translate:
    125. 125. Follow up - Translate:
    126. 126. O Modelo PACE eo Present Perfect 8 Aluno: Denilson Amade Sousa (denisousa@gmail.com) Orientadora: Linda Gentry El-Dash
    127. 127. Por que Temporalidade? Presente em todas as línguas; Bastante variável: noções e relações temporais expressas numa língua + como são expressas; Por meio de estratégias discursivo-pragmáticas, ordem de palavras, elementos lexicais e morfossintáticos, ou ainda uma combinação desses elementos?; Aspecto da IL bastante estudado; Pistas acerca da natureza do conceito geral de tempo para o ser humano. Entre outros.Conceito complexo e aquisição muitas vezes incompleta: Aprendizes têm duas tarefas ao aprender uma L2: primeiro descobrir ossignificados temporal–cognitivos e lingüisticamente relevantes para a LA e,depois, precisam descobrir como a LA expressa esses significados.
    128. 128. Aspecto“aspectos são diferentes maneiras de se ver a constituição temporal interna de uma situação.” (Comrie, 1976: 03)
    129. 129. Aspecto“aspectos são diferentes maneiras de se ver a constituição temporal interna de uma situação.” (Comrie, 1976: 03) Exemplos: The girl ate an apple. The girl was eating an apple. The girl is eating an apple. Completa ou incompleta, se há uma orientação temporal específica de um evento, ou ainda se a situação envolve um período de tempo finito
    130. 130. LexicalCaracterísticas inerentes a um item lexical que descreve temporalmente uma situação.
    131. 131. LexicalCaracterísticas inerentes a um item lexical que descreve temporalmente uma situação. Traços semânticos para as categorias de aspecto lexical (baseado em Andersen, 1991). Massa ganhou a corrida. Minha mãe fez um bolo muito gostoso! Faço compras toda semana. Eu tenho dois irmãos.
    132. 132. Gramatical “Sistema” utilizado para classificar falas em relação à perspectiva ou ao ponto de vista do falante. Diferentemente do lexical, aspectogramatical é marcado por dispositivos lingüísticoscomo morfemas flexionais e/ou derivacionais e/ou verbos auxiliares (Comrie, 1976: 03)
    133. 133. Gramatical “Sistema” utilizado para classificar falas em relação à perspectiva ou ao ponto de vista do falante. Diferentemente do lexical, aspectogramatical é marcado por dispositivos lingüísticoscomo morfemas flexionais e/ou derivacionais e/ou verbos auxiliares (Comrie, 1976: 03) Cálculo aspectual: Léxico, morfologia e da sintaxe (estrutura argumental) She ate apples. She ate an apple. The boy is being mean.
    134. 134. ProblemaDiferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês
    135. 135. Problema Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês Situações PassadasPerfeito Imperfeito Habitual Contínuo Estados Progressivo (ações)
    136. 136. Problema Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês Situações PassadasPerfeito Imperfeito Habitual Contínuo Estados Progressivo (ações)
    137. 137. Problema Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês Situações Passadas Divisão relevante em português.Perfeito Imperfeito Habitual Contínuo Estados Progressivo (ações)
    138. 138. Problema Diferenças essenciais nos sistemas aspectuais do português e inglês Situações Passadas Divisão relevante em português.Perfeito Imperfeito Divisão relevante Habitual Contínuo em inglês. Estados Progressivo (ações)
    139. 139. Exemplos:
    140. 140. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).
    141. 141. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).
    142. 142. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).
    143. 143. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).I played soccer in the street (when I was young, a long time ago).
    144. 144. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).I played soccer in the street (when I was young, a long time ago).Eu não estava acreditando naquilo!*I was not believing that!
    145. 145. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).I played soccer in the street (when I was young, a long time ago).Eu não estava acreditando naquilo!*I was not believing that!Eu estava caminhando quando...I was walking when...
    146. 146. Exemplos:Joguei futebol na rua (ontem, mês passado).I played soccer in the street (yesterday, last month).Jogava futebol na rua (quando era pequeno, há muito tempo atrás).I played soccer in the street (when I was young, a long time ago).Eu não estava acreditando naquilo!*I was not believing that!Eu estava caminhando quando...I was walking when... I swam - Eu nadei / Eu nadava I was swimming - Eu nadava = eu estava nadando
    147. 147. Present PerfectMUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas quanto didáticas.
    148. 148. Present PerfectMUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas quanto didáticas. O Present Perfect estabelece um estado atual delimitado. Estado cujo início é explicitamente limitado (por um advérbio ou uma ação) e que se estende até o momento presente. (El-Dash 2001, 2005a, 2005b).
    149. 149. Present Perfect MUITAS análises e explicações. Tanto acadêmicas quanto didáticas. O Present Perfect estabelece um estado atual delimitado. Estado cujo início é explicitamente limitado (por um advérbio ou uma ação) e que se estende até o momento presente. (El-Dash 2001, 2005a, 2005b). I am a teacher.I’ve been a teacher for 6 years. I bought a book. *I am a teacher for 6 years. I’ve book a book. (tenho o livro desde a compra)
    150. 150. Objetivos
    151. 151. Objetivos Fornecer propostas de aprimoramentos noensino de inglês como língua estrangeira noque diz respeito ao Present Perfect. Comparar a eficácia de uma abordagemindutiva com outra dedutiva.
    152. 152. O Modelo PACE
    153. 153. O Modelo PACE Presentation A ttention C o-construction E xtension
    154. 154. O pêndulo em SLA
    155. 155. O pêndulo em SLAGramática Gramática Explícita Implícita (GE) (GI)
    156. 156. O pêndulo em SLAGramática Gramática Explícita Implícita (GE) (GI) PACE (Participação guiada)
    157. 157. Tanto GE como GINÃO levamem conta:
    158. 158. O papel essencial do instrutor na negociação de significado e na construção de explicações. Tanto GE como GINÃO levamem conta:
    159. 159. O papel essencial do instrutor na negociação de significado e na construção de explicações. Tanto GE Os backgrounds e como GI contribuições que os aprendizesNÃO levam podem trazer à construção deem conta: uma explicação.
    160. 160. O papel essencial do instrutor na negociação de significado e na construção de explicações. Tanto GE Os backgrounds e como GI contribuições que os aprendizesNÃO levam podem trazer à construção deem conta: uma explicação. O modo como aprendizagem e interações lingüísticas ocorrem em situações reais de uso, ou seja, fora da sala de aula.
    161. 161. Trêspremissasbásicas do PACE
    162. 162. Baseia-se em material autêntico ou sem i-autêntico co mo e stór ias, canções, poemas, biografias, artigos de revistas e jornais, quadrinhos, entre outros. Trêspremissasbásicas do PACE
    163. 163. Baseia-se em material autêntico ou sem i-autêntico co mo e stór ias, canções, poemas, biografias, artigos de revistas e jornais, quadrinhos, entre outros. Trêspremissas Enfatiza a comunicação e também os aspectos sociais, interacionais ebásicas do culturais envolvidos na aquisição de PACE uma LE.
    164. 164. Baseia-se em material autêntico ou sem i-autêntico co mo e stór ias, canções, poemas, biografias, artigos de revistas e jornais, quadrinhos, entre outros. Trêspremissas Enfatiza a comunicação e também os aspectos sociais, interacionais ebásicas do culturais envolvidos na aquisição de PACE uma LE. Te nta fo r n e c e r a o a p r e n d i z o portuni da des não só de se comunicar mas também de refletir sobre o sistema lingüístico da LE.
    165. 165. Apresentação (Presentation):
    166. 166. Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, etc) quecontém a questão ou “tópico” gramatical da aula;
    167. 167. Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, etc) quecontém a questão ou “tópico” gramatical da aula;- propor aos aprendizes uma série de atividadesde compreensão daquele texto;
    168. 168. Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, etc) quecontém a questão ou “tópico” gramatical da aula;- propor aos aprendizes uma série de atividadesde compreensão daquele texto;- incluir discussões acerca de aspectos culturaise/ou simbólicos do texto;
    169. 169. Apresentação (Presentation):- apresentar o texto (narrativas, lendas, poemas,músicas, textos orais, tirinhas, receitas, etc) quecontém a questão ou “tópico” gramatical da aula;- propor aos aprendizes uma série de atividadesde compreensão daquele texto;- incluir discussões acerca de aspectos culturaise/ou simbólicos do texto;- não focar a forma mas sim o significado dotexto.
    170. 170. Apresentação
    171. 171. Apresentação Vocabulario útil – escribe la letra del dibujo que corresponde a la palabra, y después escribe la definición mojar pelar cortar quitar lavar batir asar freír A B C D E F G
    172. 172. Apresentação
    173. 173. Apresentação
    174. 174. Atenção (Attention):
    175. 175. Atenção (Attention): - Chamar a atenção dos aprendizes a uma determinada estrutura; que deve serrelativamente abundante no texto já discutido e completamente compreendido pelos alunos.
    176. 176. Atenção
    177. 177. Atenção
    178. 178. Co-construção (Co-construction):
    179. 179. Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – professor ealunos);
    180. 180. Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – professor ealunos);- descobrir padrões/regras que subjazem aestrutura;
    181. 181. Co-construção (Co-construction):- co-construir a explicação gramatical relativa àestrutura em foco (perguntas-guia – professor ealunos);- descobrir padrões/regras que subjazem aestrutura;- ambos professor e aluno são responsáveis pelaformulação das explicações e participam desseprocesso fazendo perguntas, levantando e testandohipóteses, fazendo generalizações, entre outros.
    182. 182. Co-construção
    183. 183. Extensão (Extension):
    184. 184. Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;
    185. 185. Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;- incluir discussões acerca de aspectos culturaise/ou simbólicos do texto e possivelmente incluiratividades relacionadas a aspectos da culturabrasileira.
    186. 186. Extensão (Extension):- estimular os aprendizes a utilizar a estrutura demodo significativo, interpessoal e criativo;- incluir discussões acerca de aspectos culturaise/ou simbólicos do texto e possivelmente incluiratividades relacionadas a aspectos da culturabrasileira.- atividades devem envolver negociação designificados e podem passar das do tipo maiscontroladas (preencher lacunas) para aquelas maisabertas (discussões em pares ou grupos);
    187. 187. Extensão
    188. 188. Extensão
    189. 189. Extensão
    190. 190. Pergunta de pesquisaDepois de submetidos a uma intervenção elaborada com base no modelo PACE, aprendizes brasileiros de inglês serão capazes de associar, adequadamente, a forma do Present Perfect com seu significado?
    191. 191. MetodologiaPré testes
    192. 192. MetodologiaPré testesJulgamento de Gramaticalidade 82 sentenças (27-27-28) Nativos (n=20) Grupo PACE (Indutivo) (n=20) Grupo Dedutivo (n=20)
    193. 193. MetodologiaPré testesJulgamento de Gramaticalidade Descrição de figuras 82 sentenças (27-27-28) 36 figuras (12-12-12) Nativos (n=20) Grupo PACE (Indutivo) (n=20) Grupo PACE (Indutivo) (n=20) Grupo Dedutivo (n=20) Grupo Dedutivo (n=20)
    194. 194. Metodologia Intervenções A) Grupo PACE - indutiva (20 aprendizes brasileiros de inglês) ! B) Grupo “Tradicional” - dedutiva (20 aprendizes)! ! C) Grupo controle (20 aprendizes)
    195. 195. Metodologia Intervenções A) Grupo PACE - indutiva (20 aprendizes brasileiros de inglês) ! B) Grupo “Tradicional” - dedutiva (20 aprendizes)! ! C) Grupo controle (20 aprendizes) Pós-testes: ! A) PACE ! ! 1A) Pós-teste1 após 3 aulas. ! ! 2A) Pós-teste2 um mês após pós-teste1. ! B) Tradicional ! ! 1B) Pós-teste1 após 3 aulas. ! 2B) Pós-teste2 um mês após pós-teste1. ! C) Controle ! ! 1C) Pós-teste1 após 3 aulas. ! 2C) Pós-teste2 um mês após pós-teste1.
    196. 196. Resultado Parcial
    197. 197. Nativos vs Dedutivo Pre-Test 6 5.5 5 4.5 4 3.5 3 2.5 2 1.5Resultado Nativos 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 2.292.065.284.784.782.394.615.222.725.475.831.284.565.283.722.945.56 3 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 4.5 4.673.115.895.565.284.114.595.12 27 Parcial 4 Aprendizes Pre-Test 3 4.22 4.5 3.633.333.785.053.263.562.893.953.894.683.263.263.684.473.415.054.06 3.5 3 3.794.054.634.42
    198. 198. Nativos vs Dedutivo Pre-Test 6 5.5 5 4.5 4 3.5 3 2.5 2 1.5Resultado Nativos 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 2.292.065.284.784.782.394.615.222.725.475.831.284.565.283.722.945.56 3 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 4.5 4.673.115.895.565.284.114.595.12 27 Parcial 4 Aprendizes Pre-Test 3 4.22 4.5 3.633.333.785.053.263.562.893.953.894.683.263.263.684.473.415.054.06 3.5 3 3.794.054.634.42
    199. 199. Nativos vs Dedutivo Pre-Test 6 5.5 5 4.5 4 3.5 3 2.5 2 1.5Resultado Nativos 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 2.292.065.284.784.782.394.615.222.725.475.831.284.565.283.722.945.56 3 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 4.5 4.673.115.895.565.284.114.595.12 27 Parcial 4 Aprendizes Pre-Test 3 4.22 4.5 3.633.333.785.053.263.562.893.953.894.683.263.263.684.473.415.054.06 3.5 3 3.794.054.634.42 Nativos vs Dedutivo Post-Test1 6 5.5 5 4.5 4 3.5 3 2.5 2 1.5 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 Nativos 5.333.313.655.391.675.065.561.334.674.675.395.783.565.565.331.611.891.944.175.33 3.5 2.725.114.785.611.894.94 2.953.32 4.1 4.25 3.2 4.955.053.32 5.3 4.654.754.533.355.154.893.26 2.9 3.1 4.215.16 2.8 2.4 3.4 4 Aprendizes Pós Test1 5.153.053.45
    200. 200. Muito obrigado! Perguntas?

    ×