• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Quem o quê? Uma proposta de comunicação para Software Livre
 

Quem o quê? Uma proposta de comunicação para Software Livre

on

  • 312 views

Palestra feita no DebianDay 2011 em Porto Alegre/RS.

Palestra feita no DebianDay 2011 em Porto Alegre/RS.
Autoria de Rochele Prass

Statistics

Views

Total Views
312
Views on SlideShare
312
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Quem o quê? Uma proposta de comunicação para Software Livre Quem o quê? Uma proposta de comunicação para Software Livre Presentation Transcript

    • Quem o quê? Uma proposta decomunicação para Software Livre Palestra realizada no Debian Day Porto Alegre - 2011 Rochele Prass contato@rocheleprass.com twitter/rocheleprass rocheleprass.com/pesquisa
    • Quem o quê? Uma proposta de comunicação em SL Resultado de pesquisa, com objetivo mapear o entendimento de jornalistas sobre software livre; Propor estratégias para que informações sobre otema cheguem a usuários comuns, através de meios de comunicação tradicionais. Público pesquisado: jornalistas, jornalistas de TI, assessores de imprensa, profissionais de TI, colaboradores de comunidades de SL e usuários comuns.
    • Tá, mas o que é comunicação?● Publicidade, Relações Públicas e Jornalismo● Notícia é aquilo que “mexe com a vidas das pessoas”● Democratização da internet permite que qualquer pessoa produza e reproduza informações...● Mas e a credibilidade? Você acredita em quem?
    • Veículos tradicionais: a construção da credibilidade● 1/3 das pessoas acreditam que as redes sociais suprem necessidades básicas de informação;● Mas apenas 12% acreditam que podem substituir mídias consagradas;● Índice de leitura de jornais impressos: Classe A – 78% | Classe B – 65% | Classe C 46% Fontes: ANJ e Instituto Ipsos
    • Segmentação: o jornalismo de TI● A segmentação dos jornais segue uma lógica de organização e entrega de informações de qualidade a públicos específicos; Comunicar o que para quem?● Teve o áuge na década de 70;● Computadores mais presentes na vida das pessoas = surgimento da editoria de Tecnologia e jornalistas especializados.
    • Alguém duvida? Da importância do software livre para a vida das pessoas...● Educação e pesquisa, qualidade, flexibilidade, vida útil, padrões abertos, espírito colaborativo...● Segundo o Serpro, a economia com software no governo atingiu cerca de R$ 760 milhões em 2 anos;● Déficit de 92 mil profissionais de TI para 2011 e 200 mil até 2013; Fontes: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de BrasíliaAssociação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom)
    • Alguém duvida? Da importância do software livre para a vida das pessoas... Considerando uma empresa com 250 usuários economia, através de SL, pode chegar a 66% em 3 anos● Entretanto... pouco significativa a diferença no número de empresas usando SO de código aberto● Empresas com + de 10 funcionários -● 2006 – 26% | 2009 - 28% Fontes: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de BrasíliaAssociação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) Pesquisa TICs - Comitê Gestor da Internet no Brasil
    • Usar SL significa ter funcionários com maior qualificação● Grandes empresas usam mais SOs de código aberto (65%).● O índice de uso de SOs de código aberto nas médias empresas é de 48%● Classificação: Média – 50 a 249 funcionários Grande – mais de 250 funcionários Pesquisa TICs - Comitê Gestor da Internet no Brasil
    • Alguém duvida? Da importância do software livre para a vida das pessoas...● 34,7% dos lares brasileiros têm computador;● Sistema Operacional usado: 86% Windows | Linux 1% | Não sabem 13%;● 406,6 mil cds com softwares piratas apreendidos em 2010 Fontes: Secretaria de Inclusão Digital do Governo Federal Comitê Gestor da Internet no Brasil Associação Brasileira de Software (ABES) e a Entertainment Software Association (ESA)
    • Mas o que chega aos jornais... Análise do Jornal Zero Hora● Editorias não especializadas em TI (Economia, Educação, Geral etc);● Período de acompanhamento: 01 a 16 de março de 2011
    • Análise de ZH – Editorias Variadas ● Assunto tecnologia da informação reuniu 30 ocorrências, sendo: Tamanho EditoriasRefere EM NENHUMA DASalgum OCORRÊNCIAS SL? FICA EXPLÍCITO QUE É SL
    • Ranking das expressões que mais aparecemGrátis 30%Software 20%Redes Sociais | iPad 17%Google | Microsoft 13%$$$ 10%iPhone | Tablets | Windows 7%| Browser | AppleAndroid | Games | Sites | 3%Conexões | Economia
    • Análise de ZH – Caderno de TI ZH Digital● Foram analisadas 61 ocorrências;● Período de análise: 01 a 31 de março (4 cadernos)Refere algum tipo de SL Cita o termo SL 11,48% 13,11% 7,00% Sim Não Não Especifica 93,00% 75,41%
    • Ranking das expressões que mais aparecemWindows 20%Games 18%Ipad | Tablet 16%Redes Sociais | Apple 15%iPhone 13%Browser 11%Google | Software | Sistema 10%OperacionalAplicativos para redes | Sites 8%Android 7%Grátis | Microsoft 5%Código Aberto | Linux 2%
    • Causa ou consequência, a pesquisa mostra que...15 jornalistas, de editorias e veículos variados,formados ou atuantes, responderam o quesabem sobre SL: 13,33% 26,67% Nunca ouvi falar Sei mais ou menos do que se trata Claro! Inclusive uso 60,00%
    • Causa ou consequência, a pesquisa mostra que...Já noticiaram SL... 13,33% 20,00% Sim Não Não me lembro 66,67%
    • Causa ou consequência, a pesquisa mostra que...Você considera o assunto software livre importantepara seus leitores, ouvintes ou telespectadores? Sim, porque o tema desperta a atenção das pessoas e empresas 13,00% Sim, porque é importante que as pessoas saibam do que se trata 27,00% Sim, porque software livre é relevante econômica, social e políticamente 40,00% Não, porque não tem muita representatividade econômica, social e política 0,00% Não, porque fica totalmente fora da minha área (editoria) de atuação 27,00% Não, porque pouca gente conhece e o assunto é muito restrito - as pessoas não têm interesse no tema 13,00%
    • E os usuários “civis”...13 usuários comuns avaliaram seu desempenhocom computadores... 7,69% 30,77% 23,08% Tenho sempre que pedir ajuda para alguém mais experiente Eu me viro bem... Na maioria das vezes, resolvo problemas nas máquinas em que trabalho facilmente Resolvo qualquer problema sozinho 15,38% 38,46% Nunca ouvi falar Sei mais ou menos do que se trata E seu entendimento Conheço razoavelmente bem Conheço bastante sobre SL... 84,62%
    • E os usuários “civis”...Dizem que usam SL... 23,08% 15,38% E o que fazem no computador... Sim Não De vez em quando 61,54%85% afirma que tem contaem banco...
    • Incoerências...• 4 pessoas disseram que NÃO usam SL, embora tenham afirmado que usam o Firefox... Todas essas 4 pessoas dizem que sabem mais ou menos o que é SL;• 1 pessoa disse que NÃO usa SL, mas afirma que seu sistema operacional é Linux e usa Firefox;
    • Colaboradores de comunidades SL dizem que...● Pessoas que NÃO estão diretamente envolvidas com SL conhecem bem o tema?● Resposta: Não - 100% O que falta... Não é relevante as pessoas usarem software de código aberto 00% 13, Não existe políticas de incentivo na educação, nas empresas e outros órgãos 00% 25, Acredito que as pessoas não têm interesse em saber do que se trata 00% 38, Muitos já estão acostumados com programas fechados e têm medo de tentar usar outros aplicativos ou sistemas 00% 75, Faltam mais informações sobre o tema chegando às pessoas 00% 75,
    • Colaboradores de comunidades SL dizem que...● NÃO estão satisfeitos com o espaço que a mídia dá para SL... 12,50% 12,50% Sim Não Acho que está na medida para o que o movimento software livre representa 75,00%
    • Já os jornalistas de TI dizem...● Ao noticiar, é indiferente se a informação trata de SL. Para 83%, valem as circuntâncias do assunto, e não se é open source● Em que Acho que é importante os leitores saberem do que se trata 33,00% circuntâncias deixam claro Quando se trata de eventos de software livre 33,00% que o objeto noticiado se Sempre que eu sei que a tecnologia é aberta, deixo isso claro no texto 67,00% refere a SL
    • Já os jornalistas de TI dizem...● Que raramente recebem releases... Na maioria das vezes, têm de buscar informações - 67%● Eventos - 17%● Casos de implantação e uso - 17%● Novidades, atualizações e lançamentos - 0%● Dicas de uso - 0%● Aspectos econômicos - 0%● Aspectos educativos - 0%
    • Já os jornalistas de TI dizem...● As comunidades sabem “vender seu peixe”? 16,67% 50,00% Sim Não Na maioria das vezes, sim Na maioria das vezes, não 33,33%
    • Já os jornalistas de TI dizem...● O que as comunidades devem fazer para melhorar a relação com a imprensa? Salientar a filosofia do software livre 17,00% Destacar mais características dos produtos 17,00% Não importa se é open source, importam as funcionalidades e isso deve prevalecer 33,00% Enviar informações melhor elaboradas 33,00% Mais organização, criando uma cultura de relacionamento com a imprensa 83,00%
    • Foram eles que disseram... ● “A comunidade de software livre é boa em PATRULHAR a imprensa, mas não em PAUTAR”● “A relação entre jornalistas e comunidade de software livre é frustrante para os dois lados. Um não entende o outro”
    • Os assessores de imprensa...● Já elaboraram sugestões de notícias para veículos de comunicação envolvendo TI: Sim: 62,5% Não: 37,5● Sabem o que é SL? Mais ou menos: 75% Não: 25%● Já elaboraram pauta sobre SL? Sim: 12,5% Não: 87,5%
    • Os assessores de imprensa...● Destacariam os seguintes aspectos ao elaborar um release sobre software livre 0% Aspectos filosóficos do tema 0,0 % ,00 Vantagens técnicas de produtos 38 % ,00 Importância para a educação e desenvolvimento 38 % ,00 Importância econômica 38
    • Mas por que a opinião dos AIs é importante???● Estimativa: 70% dos jornalistas brasileiros trabalham em assessorias;● Grande parte do que assessores de imprensa enviam a jornalistas de veículos é publicada – Sem estimativa exata;
    • Mas como fazer?● É complexo, mas tem solução caseira...● Observar práticas que funcionam;● Mailling;● Informações relevantes para cada editoria;● Clipagem;● Ou seja, criar uma cultura de relacionamento...
    • Correio do Povo – 02 de abril 160 MIL EXEMPLARES ZH – 1 de abril 645 MIL EXEMPLARES Custo cm coluna: R$ 198Custo cm coluna: R$ 189 Média: 5 cmMédia: 5 cm coluna = R$ 945 = R$ 990
    • Jornal da Estação10 mil exemplares40 mil leitoresDISTRIBUIÇÃO GRATUITA
    • Precisamos formar os formadores de opinião...● Parcerias com o pessoal de comunicação... Vamos à agenda. Procurar coordenadores, professores, amigos. A fome com a vontade de comer: tem muita gente precisando engordar o currículo● Planejamento | acompanhamento | tratamento● Ter em mente o que é notícia e como trabalhar diferentes pautas, não apenas em eventos;
    • Precisamos formar os formadores de opinião...● Visão interdisciplinar;● Estrutura de comunicação;● Nada se faz sem planejamento – nem redes sociais;● Aproximação com redações: Marcar hora, levar material, fazer demonstração, palestras direcionadas (estratégias que funcionam para outros setores)
    • Reflexão...Somos muito bons em defender o SL no nossomeio e formar apaixonados pelo tema. Mas nósnão nos bastamos, se quisermos mudar umarealidade e colaborar para o desenvolvimentoeconômico e social.
    • Muito Obrigada! Rochele Prass contato@rocheleprass.com twitter/rocheleprass facebook.com/rochele.prass www.iniciativalivre.com.br PESQUISA COMPLETA www.rocheleprass.com/pesquisa