• Save
GUOB - Passa-a-passo para migração do Oracle Database 11g
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

GUOB - Passa-a-passo para migração do Oracle Database 11g

on

  • 11,328 views

The apresentation about step-by-step to migration old oracle versions for 11g. In portuguese language.

The apresentation about step-by-step to migration old oracle versions for 11g. In portuguese language.

Statistics

Views

Total Views
11,328
Views on SlideShare
11,033
Embed Views
295

Actions

Likes
0
Downloads
156
Comments
0

4 Embeds 295

http://www.rodrigoalmeida.net 230
http://blog.rodrigoalmeida.net 42
http://www.linkedin.com 22
http://webcache.googleusercontent.com 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • Apresentação sobre: Passo a passo para migração do Oracle 11g
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1

GUOB - Passa-a-passo para migração do Oracle Database 11g GUOB - Passa-a-passo para migração do Oracle Database 11g Presentation Transcript

  • Passo a passo para migração do Oracle 11g Oracle ACE OTN Rodrigo Almeida
  • Agenda
    • As razões para migrar o banco de dados
    • Planejando a migração
      • Pré-Migração
      • Migração
      • Pós-Migração
    • Administrando com eficiência
    • Dúvidas
    <Insert Picture Here>
  • <Insert Picture Here> “ O motivo da migração deve ser compreendida.” As razões para migrar o banco de dados
  • As razões para migrar o banco de dados Atualmente podemos destacar quatro pontos importantes para realizar a migração do banco de dados, são elas: 1° Correção do banco de dados Quando o suporte da Oracle encontra problemas com os últimos Patchset’s da versão do Oracle Database 10g Release 2. Principalmente o Patchset 10.2.0.4 onde suas correções estão no Oracle Database 11g Release 1.
  • As razões para migrar o banco de dados Atualmente podemos destacar quatro pontos importantes para realizar a migração do banco de dados, são elas: 2° Suporte técnico da Oracle
  • As razões para migrar o banco de dados Atualmente podemos destacar quatro pontos importantes para realizar a migração do banco de dados, são elas: 3° Atualização tecnológica Um dos principais motivos para realizar a migração do banco de dados para a versão Oracle Database 11g, é para a utilização das new features . Como benefícios da atualização tecnológica, estão também o aumento da estabilidade , segurança e performance do produto.
  • As razões para migrar o banco de dados Atualmente podemos destacar quatro pontos importantes para realizar a migração do banco de dados, são elas: 4° Acordos comerciais de vendas de Hardware Para os novos projetos de TI, na compra de novos hardwares das principais fabricantes do mercado, como DELL e HP, as licenças do Oracle Database 11g podem ser adquiridas na compra. Para quem está pensando em EXADATA em seus projetos, o hardware da Sun Oracle só está disponível para a versão 11gR2.
  • <Insert Picture Here> O que o DBA deve saber sobre a versão 11G Planejando a migração
  • Planejando a migração Durante o processo de planejamento da migração de um banco de dados Oracle, o DBA deve se atentar sobre três processos fundamentais, tais como: Pré-Migração Os requisitos mínimos de hardware e sistema operacional. Migração O processo de upgrade e os novos impactos. Pós-Migração Validação do ambiente de banco de dados, aplicação e backup.
  • Planejando a migração (Pré-Migração)
    • Algumas etapas que devemos realizar no processo de pré-migração:
    • Instale a versão do Oracle 11g que deseja trabalhar em um ambiente de teste e faça todos os testes possíveis e conheça o produto;
    • Na maioria das plataformas é necessário 1GB de memória e 4GB de espaço em disco para o ORACLE_HOME, desta forma, consegue trabalhar tranqüilo.
    • Veja todos os patch’s e pacotes necessários para a sua plataforma, isso evitará futuros problemas de ORA-600 e ORA-7445.
    • Analise todos os recursos, drivers de conexão e integração que a aplicação utiliza para não impactar a migração;
    • A instalação do Oracle 11gR1 para a versão do Oracle 11gR2 possui alterações, tanto para single-instance ou RAC, então, não mude a versão quando chegar a hora da produção.
    • Especificar durante o processo de instalação a variável ORACLE_BASE, pois no Oracle 11g essa variável será essencial para a utilização dos Wizards.
  • Planejando a migração (Pré-Migração)
    • Durante o processo de pré-migração, podemos notar boas diferenças como:
    • OFA (Optimal Flexible Architecture)
    • Os novos diretórios no 11g, em $ORACLE_HOME/diag/<INSTANCIA>
    • alert – Diretório do alert log em xml e txt. 
    • incident – Diretório para todos os incidentes do software.
    • incpkg – Diretório para quando a criado um pacote des incidentes. 
    • trace – Diretório para armazenar os antigos traces gerados nos caminhos background dump (bdump) e user dump (udump).
    • cdump – Diretório para armazenar os traces de Core Dump, antigo core_dump_dest.
    • Metadata – Metadata sobre os incidentes, problemas e pacotes.
    • Fazer a criação manual do banco de dados em 11g se tornou mais complicado.
  • Planejando a migração (Pré-Migração) Outro ponto complicado que podemos detectar na pré-migração: Compatibilidade dos Clientes Oracle (Oracle Clients) YES – Suportado, ES e WAS – Apenas para Extend Support ou Extented Maintenence Support, NO – Não suportado
  • Planejando a migração (Pré-Migração) Acostuma-se com algumas novidades do Oracle 11G, são elas: 1º Parâmetros desatualizados Alguns parâmetros que estão presentes desde a versão 7 já não estão mais presentes nessa versão, são elas: background_dump_dest core_dump_dest user_dump_dest Agora, todos os traces podem ser encontrados em DIAGNOSTIC_DEST SQL> select * from v$diag_info;
  • Planejando a migração (Pré-Migração) Acostuma-se com algumas novidades do Oracle 11G, são elas: 2º As senhas agora por padrão são SENSITIVE CASE Um novo parâmetro foi adicionado no Oracle 11g para reforçar a sua segurança nos processos de LOGON, é o parâmetro: sec_case_sensitive_logon Por padrão ele vêm habilitado (TRUE) e pode ser desabilitado (FALSE). Muitos DBA’s quando migram para a versão 11G esquecem desse parâmetro causando uma tremenda dor de cabeça quando se quer realizar os testes de conexão da aplicação.
  • Planejando a migração (Migração) Os métodos de upgrade suportados pelo Oracle 11g é: Upgrade com DBUA Database Upgrade Assistant. Upgrade Manual Atualização do banco de dados manualmente pelo DBA através de scripts. ExportImport Utilização da ferramenta ExportImport Utilities ou Data Pump para versões do Oracle 10G Data Copying Cópia de dados através do comando COPY do SQL*PLUS.
  • Planejando a migração (Pós-Migração)
    • Após todo o processo de upgrade do banco de dados, os passos que devemos realizar é o processo de validação do banco de dados e aplicação.
    • O processo de validação segue o ritual básico dos DBA’s que é:
    • Analisar se existe objetos inválidos, caso exista, executar o script ORACLE_HOME dbmsadminutlrp.sql ;
    • Verificar o alert.log se existe algum erro interno ou problemas no FRA;
    • E Validação da aplicação.
    • Mas não acabou, durante o processo de pós-migração que será a validação do ambiente, o Oracle 11G irá preparar algumas surpresas para você.
    • Uso do ADRCI para verificar o alert log em tempo real. Até em WINDOWS!
    • adrci> show alert –tail –f
  • Planejando a migração (Pós-Migração) As surpresas que o Oracle pode lhe oferecer que são recursos novos: 1° A role CONNECT foi depreciada É normal quando se está realizando a validação do ambiente e chega na hora de criar os usuários, fornecer a permissão para a role CONNECT. Desde a versão 10G a role CONNECT tinha apenas o privilegio de CREATE SESSION, agora, esse privilegio deve ser concedido manualmente para os usuários da versão 11G.
  • Planejando a migração (Pós-Migração) As surpresas que o Oracle pode lhe oferecer que são recursos novos: 2° ACL – Access Control List para pacotes de rede Quase em todas as migrações do Oracle 11g estão com problemas para identificar os problemas na execução de procedures/packages que utilizam os pacotes UTL_HTTP, UTL_TCP, UTL_SMTP, UTL_MAIL e UTL_INADDR. Isso é devido ao Oracle 11G realizar um controle mais fino na utilização desses pacotes a partir do Oracle XML DB. Os possíveis problemas são a não instalação correta do Oracle XML DB ou a não criação de uma ACL com as configurações do seu ambiente para a utilização dos pacotes acima.
  • Planejando a migração (Pós-Migração) As surpresas que o Oracle pode lhe oferecer que são recursos novos: 3° Problemas com DBLinks Para as migrações vindas do Oracle 9iR2 ou Oracle 10gR1 feitos a partir do processo de upgrade por DBUA, possui problemas em acessar os DBLINKS, isso é porque na versão 11g as senhas devem estar no algoritmo de criptografia atual da versão, que é a SHA-1.
  • <Insert Picture Here> Dicas para uma administração pró-ativa Administrando com eficiência
  • Administrando com eficiência O Oracle database 11g nos oferece boas ferramentas que podem tornar a administração do banco de dados mais eficiente e pró-ativo. SCM – Software Configuration Manager Ferramenta que coleta as informações do banco de dados e grava no repositório da Oracle para fornece uma maior agilidade na resolução de problemas junto ao suporte da Oracle no My Oracle Support (metalink).
  • Administrando com eficiência O Oracle database 11g nos oferece boas ferramentas que podem tornar a administração do banco de dados mais eficiente e pró-ativo. ADR – Automatic Diagnostic Repository Ferramenta para auxiliar na prevenção, detecção e diagnóstico de problemas com BUG’s em banco de dados. O ADR centraliza todos os traces e logs de todos os componentes, tais como ASM, CRS, LISTENER e etc. Dentro da pasta DIAG do ORACLE_HOME é criado diversas pastas por incidentes do seu banco de dados, dando o maior controle sobre o que acontece com a saúde da base e software. adrci> show incident -mode basic
  • Administrando com eficiência
    • Para aumentar mais o seu conhecimento na migração do Oracle 11g, abaixo estão mais recursos e ferramentas que estão disponíveis nessa versão para melhorar a sua administração.
    • Online Patching para EM;
    • Memory Management (parâmetro MEMORY_TARGET);
    • Active Duplicate Database para RMAN;
    • Active DataGuard;
    • Database Replay;
    • Gateway Apex;
    • E Advanced Compression.
  • <Insert Picture Here> Obrigado! Comunidades Oracle