Algarve

4,711 views
4,400 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
4,711
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
17
Actions
Shares
0
Downloads
68
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Algarve

  1. 1. Algarve
  2. 2. Marca - Algarve Variáveis consideradas na investigação da marca- região - Algarve Gastronomia Clima Atmosférico Património Histórico Oferta Cultural e Social Oferta Hoteleira População Local Paisagem Urbana Paisagem Natural
  3. 3. Marca-Algarve o seu significado Para alguns analistas o Algarve não tem uma identidade única. Existe um Algarve Central fortemente associado à industria do turismo (Albufeira, Vilamoura, Quarteira, Praia da Rocha)e o Algarve das extremidades, menos desenvolvido a nível turístico, o do Sotavento e do Barlavento (Vila Real de St. António, Tavira, Lagos e Sagres). Assim, a caracterização do Algarve contempla as extremidades da região onde a indústria do turismo não é tão preponderante nem tão explorada, e o centro, onde a indústria hoteleira está mais desenvolvida e mais madura.
  4. 4. Gastronomia A Gastronomia é uma variável relevante que explica 15% da variabilidade da Atractividade da marca Algarve. Contudo, a sua avaliação encontra-se bastante abaixo da média. De facto, a variável Gastronomia do Algarve foi a segunda pior avaliada, comparativamente com as outras 7 variantes. Um dos aspectos negativos na avaliação resulta da relação entre preço e qualidade. A Gastronomia do Algarve é considerada cara em relação à qualidade da sua oferta. Outro dos pontos críticos na análise, assenta na qualidade do serviço. A avaliação mais baixa é resultado de uma interacção negativa entre o empregado e o turista. Assim, a População Local, representada pelos trabalhadores da indústria hoteleira, é uma variável importante e que influencia a Atractividade da marca Algarve.
  5. 5. Clima Atmosférico O Clima é uma variável relevante. O Clima foi bem avaliado por causa da estabilidade da temperatura do ar e da falta de precipitação. Este é um ponto positivo para a marca já que a variável foi avaliada acima da média, tendo obtido a melhor avaliação do universo de análises. A estabilidade do Clima é especialmente relevante no caso do Algarve porque este é o destino de eleição dos portugueses para as chamadas férias de Verão. De facto, quando se perguntou aos participantes a que estação do ano associavam o Algarve, 68% afirmou associar ao Verão.
  6. 6. Oferta hoteleira Em relação ao Algarve, a variável Oferta Hoteleira foi extremamente bem avaliada. Quando comparada com os outros destinos, esta variável tem a segunda melhor avaliação. O Algarve é visto como um destino de férias que oferece todas as infra-estruturas necessárias. Para alguns dos participantes o acesso a hotéis modernos é importante para a satisfação das férias. Este aspecto é especialmente relevante para as famílias que viajam com filhos. A Oferta Hoteleira tem de ser gerida muito bem, já que um aumento das infra-estruturas que sacrifiquem a arquitectura típica e a paisagem natural, poderá descaracterizar a marca Algarve, retirando-lhe os aspectos tão características e únicos.
  7. 7. Oferta Cultural e Social O Algarve, para muitos participantes, é visto positivamente porque dispõe das infra-estruturas necessárias para garantir uma boa oferta cultural e social. Este é um aspecto relevante porque permite ao consumidor ter acesso a mais actividades, sendo este aspecto especialmente importante para os turistas que viajam com a família. Diferentes infra-estruturas, que proporcionam actividades diversas, irão aumentar a satisfação das necessidades de cada um dos indivíduos da família. De facto, a variável Oferta Cultural e Social explica 18% da variabilidade da Atractividade da marca Algarve. Assim, o Algarve é consumido não só pelo seu clima e praias, mas também por causa da sua Oferta Cultural e Social.
  8. 8. Património Histórico A par da Paisagem Urbana, também a variável Património Histórico teve uma das piores avaliações quando comparada com todos os outros destinos. O Algarve tem uma boa herança histórica, com monumentos que podem servir de atractivo para a região. Para os turistas que conhecem o Algarve, o Património Histórico enriquece a experiência de consumo e impacta positivamente a escolha e a avaliação. Os monumentos históricos e a arquitectura local são aspectos relevantes, para alguns participantes. É tão necessário promover a preservação e valorização dos monumentos, como é igualmente relevante divulgar a oferta, dado existir um desconhecimento generalizado em relação à riqueza do Património Histórico da marca Algarve
  9. 9. Paisagem Natural A variável Paisagem Natural foi avaliada abaixo da média. Este é um aspecto que indica que a avaliação da Paisagem Natural está mais associada ao desenvolvimento e construção de infra-estruturas e menos ligada às suas praias, à sua costa e ao seu interior. Porém, a Paisagem Natural, traduzida na praia e costa, é muito importante para a atractividade da marca Algarve, permite o usufruir de dois tipos de actividades: a da contemplação (ver a vista) e de ir à praia. Também se poderá aumentar a Atractividade do Algarve promovendo um outro tipo de paisagem natural, que não só a praia, como por exemplo o Barrocal Algarvio ou a Serra de Monchique. Este aspecto, irá também, permitir diminuir a sazonabilidade visto que a motivação principal de consumo fora da época de Verão deixa de ser a praia.
  10. 10. Paisagem Urbana A variável Paisagem Urbana refere-se não só às cidades da região mas, também ao que tem sido construído, às novas edificações. Um dos problemas do desenvolvimento e da construção de novos edifícios no Algarve é o retirar autenticidade às localidades. A autenticidade ou a arquitectura única dos locais, é um activo que enriquece a marca. Os consumidores viajam para procurar novas experiências e quebra de rotina, assim, a possibilidade de estar numa localidade com um urbanismo diferente do da residência permanente é importante, e enriquecedor para a sua experiencia. É importante que a Paisagem Urbana seja esteticamente e apelativa.
  11. 11. População Local A avaliação da variável População Local, comparativamente com os outros destinos, está a baixo da media. O resultado abaixo da média é consequência da fraca avaliação dos empregados da indústria hoteleira. A a interacção entre o turista e a população local, é feita na sua maioria via os empregados da indústria hoteleira. A avaliação negativa é resultado da existência de um serviço virado para o mercado estrangeiro, retirando assim parte da portugalidade da marca, deixando passar a imagem de uma marca não autêntica e puramente turística. O turista português não se revê neste formatação da oferta. Contudo a avaliação da População Local, depende não só da estação de ano, mas também do local, no Algarve, que o consumidor escolhe para férias. A População Local é um aspecto que evidencia a questão da existência de “dois Algarves”: O central, com uma indústria turística mais desenvolvida, e O dos extremos, mais rural, menos turistico, mas talvez por isso mais genuíno.
  12. 12. Conclusão A marca Algarve tem um consumo extremamente sazonal, focalizado nos meses de Verão e motivado e associado à actividade “praia”. Para os participantes mais bem informados o Algarve não tem uma identidade única, mas sim várias identidades. O Algarve é composto por diferentes regiões que têm características distintas. Assim, a avaliação das variáveis está também dependente da experiência dos consumidores com a marca Algarve. O Algarve tem áreas mais desenvolvidas e outras mais rurais. Tem áreas rurais que convivem com área urbanas. Tendo o Algarve uma oferta multifacetada, isso poderá antever a oportunidade de segmentar a oferta em várias regiões. A segmentação do Algarve em vários “produtos região” representa uma oportunidade para poder satisfazer as necessidades de diferentes segmentos e tornar a marca coesa e agregadora. O objectivo será a de aumentar a Atractividade da marca Algarve via a gestão eficiente e racional das diferentes variáveis.
  13. 13. Trabalho executado por : Bernardo da Costa Gomes Turma 12º N Curso Profissional e Técnico de Turismo

×