Imbituba 2012

  • 748 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
748
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. ÍNDICE 1. Santa Catarina 2. Imbituba a. Localização a. Highlights b. Qualidade de Vida b. Imbituba: Um Mar de Oportunidades c. Multicultural c. Regiões d. SC x Brasil d. Localização e. SC x Mercosul e. Infraestrutura f. Infraestrutura f. Investimentos Iniciativa Privada g. Indústria g. Investimentos Públicos h. Importação & Exportação h. Crescimento Populacional i. Agricultura i. Crescimento de Empregos j. Turismo j. Porto de Imbituba k. 20 maiores empresas k. Novas Empresas l. Cultura & Arte l. Comparativos Comprobatórios de Crescimento m. Preservação e Sustentabilidade m. Jornais & Web n. Política Governamental n. Oportunidade de Investimento o. Projetos & Investimentos p. Regiões Voltar para índice
  • 2. SANTA CATARINA Santa Catarina está no topo do ranking brasileiro de desenvolvimento humano e econômico. Localizada na região Sul do Brasil, próxima das maiores cidades da América do Sul, historicamente tem atraído empreendedores de diversas origens. Aqui se vive bem, a natureza é generosa e há inúmeras oportunidades de crescimento. • Área:..................................95.442 Km² • População:........................5.9 milhões de habitantes *2006 • Densidade Populacional:..62,5 hab/Km ² *2006 • Exportação:.......................U$ 7,91 bilhões *2006 • PIB:....................................R$ 123,25 Bilhões (4,1 do Pib nacional)*2008 • PIB per capita:...................R$ 20.368,64 *2008 Voltar para índice
  • 3. SANTA CATARINA Posição PIB Mudança Dados relativos a Estado per capita comparada a 2009 em R$ 2008 1 (0) Distrito Federal ▲ 50 438 2 (0) São Paulo ▲ 26 202 3 (0) Rio de Janeiro ▲ 22 102 4 (0) Santa Catarina ▲ 21 214 5 ▲ (1) Rio Grande do Sul ▲ 19 778 6 ▼ (1) Espírito Santo ▼ 19 145 7 (0) Mato Grosso ▲ 19 087 8 (0) Paraná ▲ 17 779 9 ▲ (1) Mato Grosso do Sul ▲ 15 406 10 ▲ (1) Amazonas ▲ 14 620 Voltar para índice
  • 4. SANTA CATARINA | localizaçãoSanta Catarina fica no Sul do Brasil, bem no centro geográfico dasregiões de maior desempenho econômico do país, Sul e Sudeste,e em uma posição estratégica no Mercosul. O Estado faz fronteiracom a Argentina na região Oeste. Florianópolis, a Capital, está a1.850 km de Buenos Aires, 705 km de São Paulo, 1.144 do Rio deJaneiro e 1.673 de Brasília. Sua posição no mapa situa-se entre osparalelos 25º5741" e 29º2355" de latitude Sul e entre osmeridianos 48º1937" e 53º5000" de longitude Oeste.Seus quatro portos (Itajaí, São Francisco do Sul, Imbituba eNavegantes ) são dos mais bem equipados do País para oescoamento das exportações.Distâncias de Florianópolis (KM) Joinville..................................185 Balneário Camburiú.................82 Blumenau..............................143 Lages......................................224 Chapecó.................................569 Criciúma.................................192 Rio de Janeiro......................1.144 São Paulo................................705 Curitiba...................................300 Porto Alegre...........................476 Buenos Aires (ARG).............1.850 Montevidéu (URU)..............1.360 Assunção (PAR)...................1.290 Voltar para índice
  • 5. SANTA CATARINA | qualidade de vida As boas condições de desenvolvimento humano desfrutadas por “as quatro primeiras Santa Catarina se refletem, por exemplo, na expectativa de vida de cidades no ranking do 75,2 anos, acima da média nacional, que é de 72,4. IDH Municipal ficam Entre as 33 Regiões Metropolitanas do País, as quatro primeiras cidades no ranking do IDH Municipal ficam em Santa Catarina: em Santa Catarina” Grande Florianópolis, Joinville, Blumenau e Tubarão. Das dez primeiras colocadas, apenas quatro são de outros Estados. Santa Catarina tem 27 cidades colocadas entre as 100 brasileiras com melhor IDH. Dos 573 municípios com nível elevado de desenvolvimento humano, 123 (mais de 20%) são catarinenses. Florianópolis é considerada a capital com a mais alta qualidade de vida e a quarta melhor cidade do País para se viver, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU). Voltar para índice
  • 6. SANTA CATARINA | multicultural Ao longo da história de Santa Catarina, sucessivas A diversidade étnica inclui o indígena americano, o correntes migratórias moldaram a ocupação do negro africano, povos europeus (portugueses, território com uma rica diversidade de costumes. açorianos, alemães, italianos, ucranianos, Esta contribuição deixou marcas profundas no poloneses, austríacos…), árabes (sírios e libaneses) cotidiano e na economia e formou um mosaico e orientais (japoneses). Todos têm como humano multicultural. características o empreendedorismo, a iniciativa, a inovação e a capacidade de unir esforços em torno do bem comum. Voltar para índice
  • 7. SANTA CATARINA | BRASIL SC Brasil Expectativa de Vida 73,7 anos 68,6 anos Índice de escolaridade entre 7 e 14 anos 96,5% 87,6% Renda Per Capta* R$ 17.172 R$ 12.777 População ao nível da pobreza 12,8% 29% Mortalidade Infantil 17,2** 25,8 Homicídios (por 100 mil habitantes) 11 25,9 HDI 0,822 0,766 Distribuição de renda*** 0,483 0,522 Leitos hospitalares (para cada 1000 hab.) 2,87 2,7 Participação na renda dos mais pobres 20% 2,99% 1,50% * 2006 estimado ** 2005 ***O Índice de Gini vai de zero (a renda é distribuída igualmente entre a população) para um (a renda é concentrada em um indivíduo). Fonte: IBGE , 2005. Voltar para índice
  • 8. SANTA CATARINA | MERCOSUL População Área GNP GNP per capita (milhões de hab (1000 km²) (US$ bilhões) (US$) 2006) Argentina 2.780 39,1 153,0 3.910 Brasil 8.514 180,0 1.067,0 5.927 Paraguai 407 6,3 7,3 1.150 Uruguai 176 3,5 13,2 3.770 Bolívia 1.098 9,4 8,8 930 Chile 757 16,5 94,1 5.703 Venezuela 912 27,2 110,1 4.040 Santa Catarina 95 5,9 45,9 7.913 Fonte: IBGE , 2005. Voltar para índice
  • 9. INFRAESTRUTURA Voltar para índice
  • 10. INFRAESTRUTURA Voltar para índice
  • 11. INFRAESTRUTURA Portos Rodovias Os quatro portos marítimos catarinenses – Itajaí, São Mais de 62 mil km de estradas federais, estaduais e Francisco do Sul, Imbituba e Navegantes – são bem mu-nicipais formam a malha viária catarinense, a equipados e mantêm linhas regulares com as segunda de melhor qualidade em todo o País. Todos principais cidades portuárias do mundo. Juntos, os 293 municípios possuem rodovias de acesso. movimentam anualmente cerca de 18 milhões de toneladas. O Porto de Itajaí é o segundo do Brasil (e 13º na América Latina e Caribe) em movimento de contêineres. Em 2008, os portos de Itajaí, São Aeroportos Francisco do Sul e Imbituba movimentaram 14,6 milhões de toneladas Santa Catarina dispõe de dois aeroportos internacionais – o de Florianópolis e o de Navegantes, recentemente ampliado –, além de importantes aeroportos regionais, com linhas regulares e Ferrovias capacidade para aeronaves de médio porte, como é o A malha ferroviária catarinense possui 1.361 km e caso de Joinville, Chapecó, Blumenau, Lages e está constituída em três troncos: dois no sentido Forquilhinha/Criciúma. Completando a excelente Norte–Sul e um no sentido Leste–Oeste, atendendo o cobertura aérea do Estado, há ainda aeroportos em Porto de São Francisco do Sul. Um ramal ferroviário Caçador, Joaçaba, Dionísio Cer-queira e Xanxerê, além no Sul do Estado liga a zona de produção do carvão de aeroportos ou aeródromos para voos fretados em às usinas termelétricas e ao porto de Imbituba todas as regiões. Voltar para índice
  • 12. INFRAESTRUTURA Comunicações e mídia Santa Catarina dispõe de um eficiente sistema de comunicações que permite contatos com qualquer localidade do País e do exterior por meio de imagem, texto, dados e voz. O Estado também está interligado ao Saúde serviço móvel marítimo, possibilitando contato por telefone ou envio de mensagem para embarcações em Em Santa Catarina, a saúde vai bem. A estrutura médico- qualquer ponto do planeta. hospitalar permite acesso à medicina de qualidade. Clínicas e hospitais têm os mais modernos equipamentos Todos os municípios catarinenses são atendidos por de diagnósticos com imagem. Ao todo, o Estado conta telefonia fixa (1,6 milhão de linhas) e quase a totalidade com 215 hospitais, dos quais 213 credenciados do do território é coberto por telefonia celular (4,9 milhões Sistema Único de Saúde (SUS), que disponibilizam cerca de aparelhos em 2008). Nas principais cidades há fácil de 15 mil leitos (2,66 para cada 1.000 habitantes). Há acesso doméstico e empresarial à internet de alta aproximadamente 3.800 unidades de saúde, entre velocidade. O Estado está interligado com a Argentina e ambulatórios, pronto-socorros especializados, postos de o Uruguai através de um cabo submarino de fibras saúde, centros de reabilitação, centros de vigilância sani- óticas (Unisur). tária, unidades móveis e outros serviços de diagnose e Todas as regiões contam com canais de televisão local, terapia. Os catarinenses contam com 10,1 mil médicos nacional e com os serviços de operadoras de TV a cabo e (1,6 para cada mil habitantes). satélite. A mídia catarinense é composta por 240 emissoras de rádio (184 comerciais e 56 comunitárias), 20 de televisão, abertas e pagas, 135 jornais e variados títulos de revistas de circulação regional e nacional. Voltar para índice
  • 13. INFRAESTRUTURA Energia elétrica Não é por falta de energia que a indústria catarinense irá diminuir o ritmo. O Estado tem 83 empreendimentos de geração de energia elétrica em operação e há outras 19 obras previstas no Plano Decenal do Ministério de Minas Riquezas do subsolo e Energia, das quais nove já estão autorizadas ou licitadas. Santa Catarina é responsável pela produção de 63% do Essas obras assegurarão a auto-suficiência da oferta em carvão mineral bruto brasileiro – 7,8 milhões de toneladas Santa Catarina pelo menos até 2015. – e por 43% da produção nacional de carvão mineral beneficiado, 2,5 milhões de toneladas. Entre as outras riquezas minerais, estão a segunda maior reserva de quartzo do Brasil e grandes ocorrências de argila Gás natural cerâmica, bauxita e pedras semipreciosas. Também está em Santa Catarina uma das maiores reservas de água Santa Catarina dispõe de gás natural como fonte de subterrânea potável do mundo, a reserva Botucatu. energia desde o ano 2000, beneficiando 29 municípios. São transportados pela rede da Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGás), empresa de economia mista responsável pela distribuição do gás natural canalizado no Estado, mais de 1 milhão de m3/dia do insumo. Voltar para índice
  • 14. INDÚSTRIAAgronegócios Eletro-Metal- Textil Madeira Mineral Tecnologia(comidas e bebidas) Mecânico (roupas, calçados e (móveis, madeira, (indústria mineira e artesanal) papel e celulose) produtos não metálicos)Maior Maior Maior Maior Maior Maiorconcentração: concentração: concentração: concentração: concentração: concentração:Chapecó, Concórdia, Joinville, Jaraguá do Blumenau, Brusque Lages, São Bento do Criciúma, Tubarão, Blumenau,Videira Sul Sul, Mafra Urussanga Floranópolis, Joinville2.970 empresas 4.548 empresas 6.444 empresas 5.532 empresas 2.141 empresas 1.500 empresas76 mil empregados 86 mil empregados 124 mil empregados 99 mil empregados 32 mil empregados 13 mil empregados38% das exportações 23,5% das 6,7% das exportações 21% das exportações 4,6% das exportações --de SC exportações de SC de SC de SC de SC Voltar para índice
  • 15. IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO Principais Países Principais Produtos 1º Estados Unidos 1º Frango (carne e miúdos) 2º Argentina 2º Tabaco 3º Alemanha 3º Compressores 4º Holanda 4º Motores Elétricos Exportações 5º Reino Unido 5º Artigos em madeira 6º Rússia 6º Suínos (carne de porco, carcaças e miúdos) (US$ 5,9 bilhões) 7º Japão 7º Madeira laminada e pinheiros 8º México 8º Blocos de cilindro, cabeças cilíndricas, etc. Para motor a combustão 9º Itália 9º Tijolos, Cerâmica, Vidro esmaltado, artigos esmaltados 10º Chile 10º Portas, Quadros, forros e parapeitos 1º Argentina 1º Cobre refinado e seus elementos 2º China 2º Polietileno 3º Chile 3º Polímero Etileno 4º Estados Unidos 4º Garrafões, garrafas, frascos, etc Importações 5º Alemanha 5º Poliester em Fibra texturizada e artificial (US$ 3,4 bilhões) 6º Uruguai 7º Peru 6º Trigo 7º Fibra de Poliéster 8º Itália 8º Malte 9º Indonésia 9º Fibra de cobre refinado 10º Paraguai 10º Grãos de milho, esceto para plantio. Fonte: Fiescnet/2006 Voltar para índice
  • 16. SANTA CATARINA | agricultura | maricultura | pecuária O trabalho familiar em pequenas propriedades é a característica típica do agronegócio em Santa Catarina, que responde por 20% do PIB do Estado e 6,4% do setor no País. Quase não há ocorrência de modalidades como arrendamento e parcerias, comuns em outras regiões nas quais a posse da terra é mais concentrada, com alta incidência de latifúndios. Santa Catarina é: • Maior produtor brasileiro de suínos, maçã, cebola, ostras e mexilhões. • Segundo maior produtor de arroz, fumo, frango e mel. • Segundo maior exportador de frango e suínos. • Terceiro maior produtor de banana e trigo. • Quarto maior produtor de alho. • Sexto maior produtor de feijão e uva. • Sétimo maior produtor de batata e milho. Fonte: Instituto Icepa/SC/2007. Voltar para índice
  • 17. SANTA CATARINA | agricultura | maricultura | pecuária Produto Área Plantada (ha) Produção (t) SC/BR (%) Position of SC in National Production Alho 1.530 12.904 14,61 3º Arroz 154.926 1.084.293 9,31 2º Banana 30.630 596.700 8,67 3º Batata 7.127 98.640 3,36 7º Cebola 20.805 429.452 33,83 1º Feijão 133.452 218.242 4,82 7º Tabaco 135.000 256.500 26,86 2º Maça 19.000 595.256 56,98 1º Mandioca 32.421 620.973 2,29 10º Milho 708.208 3.691.775 6,82 7º Soja 383.348 1.075.706 1,53 10º Tomate 2.158 120.132 3,46 9º Trigo 62.001 151.699 6,36 3º Fonte: IBGE/GCEA/SC. Voltar para índice
  • 18. SANTA CATARINA | turismo“o turismo em Santa Catarina mobiliza Somando os veranistas, os participantes de eventos – inclusive aqueles que frequentam as grandes festas de outubro –, os turistas da terceira idade e os peregrinos que visitam o Santuário de Santa Paulina, o aproximadamente turismo em Santa Catarina mobiliza aproximadamente 8 milhões de 8 milhões de pessoas pessoas por ano, quase o dobro de sua população – esse número inclui por ano” estrangeiros, brasileiros de outros estados e catarinenses em viagem dentro do próprio Estado. Somente na temporada de verão de 2008, Santa Catarina recebeu cerca de 4 milhões de visitantes, dos quais 70% vieram de fora do Estado (58% brasileiros e 12% estrangeiros), que geraram uma receita estimada em US$ 1,5 bilhão. O setor hoteleiro em Santa Catarina registrou um crescimento superior a 100% nos últimos quatro anos, passando de 900 para 2 mil empreendimentos, segundo levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis. A hotelaria catarinense oferece cerca de 200 mil leitos e gera 150 mil empregos diretos e indiretos. Voltar para índice
  • 19. SANTA CATARINA | as 20 maiores Cassif. Empresa Atividade Ativos Totais Vendas (R$ x mil) (R$ x mil) 1º Bunge Alimentos Alimentação 6.478.335 10.015.382 2º Sadia Alimentação 5.732.413 7.085.822 3º Tratecbel Energia 4.987.616 2.467.299 4º Perdigão Alimentação 3.047.794 4.717.956 5º Celesc Energia 3.358.753 2.994.460 6º WEG Máquinas e Equipamentos 1.687.210 2.153.999 7º Tupy Máquinas e Equipamentos 1.986.304 1.616.651 8º Seara Alimentação 1.158.171 2.049.788 9º Vega do Sul Matlúrgica 1.568.794 1.160375 10º Embraco Eletro-eletrônico 1.137.134 1.234.381 Continua... Voltar para índice
  • 20. SANTA CATARINA | as 20 maiores Cassif. Empresa Atividade Ativos Totais Vendas (R$ x mil) (R$ x mil) 11º WEG Exports Máquinas 1.234.381 787.298 12º Tigre Tubos e conexões 1.127.336 1.036.724 13º Eletrosul Energia 2.828.380 468.394 14º Coopercentral Coperativas 592.582 1.593.575 15º Agrenco Atacado e comércio exterior 500.424 928.233 16º Casan Saneamento 1.255.355 341.975 17º Cecrisa Cerâmica 720.375 336.547 18º Hering Textil 752.694 320.295 19º Alfa Cooperative Coperativas 335.938 662.084 20º Maximiliano Gaidzinski/Eliane Cerâmica 573.018 372.945 Fonte: Fundação Getúlio Vargas/2006. Voltar para índice
  • 21. SANTA CATARINA | cultura e arteApoio aos talentos e às manifestações populares Incentivo à cultura, ao esporte e ao turismoAs manifestações culturais e artísticas catarinenses espelham Em Santa Catarina, 3% do orçamento estadual é destinadoa diversidade de correntes migratórias e das etnias presentes ao Sistema Estadual de Incentivo à Cultura, ao Turismo e aono Estado. Festas típicas, artesanato, grupos folclóricos e Esporte (Seitec) – cerca de R$ 300 milhões, que sãogastronomia expressam a vitalidade da cultura popular, com repassados aos municípios, entidades públicas e projetos.criativas variações regionais. O patrimônio histórico também Em 2009, o Estado estima manter os investimentos nosreflete as particularidades de cada região, como o casario mesmos patamares de 2008: em torno de R$ 185 milhões,colonial português no litoral e a arquitetura enxame alemã destinados a projetos nas áreas de turismo, cultura eno Vale do Itajaí. esportes, aprovados mês a mês.Na arte contemporânea, Santa Catarina busca nos valoreslocais o elemento universal que tem proporcionado “reconhecimento internacional aos nossosreconhecimento internacional aos nossos pintores, músicos,dançarinos, coreógrafos, cineastas, atores e dramaturgos. pintores, músicos, dançarinos, coreógrafos,Governo e iniciativa privada, por meio de incentivos fiscais, cineastas, atores e dramaturgos”patrocínios e premiações, têm apoiado efetivamente aprodução cultural e os talentos catarinenses. Voltar para índice
  • 22. SANTA CATARINA | preservação e sustentabilidadeEm Santa Catarina, empresas e cidadãos têm consciência de seu papel nodesenvolvimento sustentável. Entre os estados brasileiros, possui a maiorporção de Mata Atlântica em relação à área original existente. Ao todo, são15 Unidades de Conservação federais, nove estaduais, além de 22 reservasparticulares do patrimônio natural, inúmeros parques municipais e privados.Preservada para pesquisas científicas e ecoturismo, a natureza catarinensetambém faz parte do negócio. A responsabilidade ambiental e socialcorporativa se manifesta em ações como o tratamento adequado deefluentes e a implantação de sistemas de gestão que incluem grandes “O potencial de crescimentoinvestimentos em educação ambiental. O potencial de crescimento dos dos negócios ecológicos énegócios ecológicos é imenso, desde a geração de energia limpa à imenso, desde a geração deexploração e o aproveitamento de resíduos como insumos produtivos. energia limpa à exploraçãoSanta Catarina possui 15 Unidades de Conservação federais, nove estaduais,22 Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs) e inúmeras áreas e o aproveitamento demunicipais e privadas – todas importantes para proteger e restaurar os resíduos como insumosecossistemas naturais, garantir a sobrevivência de espécies raras, incentivarpesquisas, desenvolver a educação ambiental e o ecoturismo. Não existe produtivos.”uma totalização sobre as áreas administradas pelos municípios, mas estima-se que ultrapassem uma centena. Voltar para índice
  • 23. SANTA CATARINA | política governamental Voltar para índice
  • 24. SANTA CATARINA | política governamental A estratégia do Governo de Santa Catarina para gerar desenvolvimento econômico, emprego e renda prevê a execução de um conjunto de ações simultâneas. •Viabilização de obras de infraestrutura, imprescindíveis ao desenvolvimento, de forma a potencializar as oportunidades de expansão da atividade econômica do Estado. •Incentivo à competitividade e expansão das empresas localizadas no Estado e a implantação de novos empreendimentos em áreas deprimidas. •Viabilização da participação de empresas catarinenses em feiras e exposições nacionais e internacionais. •Qualificação permanente de mão de obra. * Facilitação da regionalização consolidando os aglomerados produtivos do Estado para levá-los à condição de clusters, possibilitando a essas empresas compartilhar informação e tecnologia. Voltar para índice
  • 25. SANTA CATARINA | projetos e investimentos Investimentos previstos: R$ 1,7 bilhãoTransporte Empregos que poderão ser gerados: 28 mil Descrição: Reflorestamento de um milhão de hectares com espécies do gênero Pinus em regiões apropriadas do território catarinense, visando aRefloreSC eliminar o déficit de madeira para uso industrial. Valor aproximado: Até R$ 1,5 bilhão, ao longo de 20 anos. Investimentos previstos: R$ 15 bilhõesEnergia Empregos que poderão ser gerados: 81 milTurismo e Investimentos previstos: R$ 84 milhõesoutros projetos Empregos que poderão ser gerados: 1,4 mil Voltar para índice
  • 26. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 1. Centro Leste 2. Nordeste 3. Planalto Norte 4. Vale do Itajaí 7 5. Meio Oeste 6. Oeste 7. Planalto Serrano 8 8. Sul Voltar para índice
  • 27. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 1. Centro Leste •500 quilômetros de litoral e mais de 500 praias. • Foi colonizada por açorianos no século XVIII. • Possui relevo recortado, com baías, enseadas, manguezais, 7 lagunas. • Uma das mais importantes áreas de biodiversidade marinha do Brasil. 8 • As principais cidades são Florianópolis, São José, Itajaí, Balneário Camboriú e São Francisco do Sul. Voltar para regiões
  • 28. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 2. Nordeste •Forte tradição germânica. •Concilia uma economia dinâmica com o respeito à natureza exuberante. •Indústrias do ramo eletro-metal-mecânico dividem 7 espaço com densas florestas da Serra do Mar e as águas da Baía de Babitonga. •A região tem alto poder aquisitivo e excelente qualidade 8 de vida. •Suas principais cidades são Joinville (a maior de Santa Catarina, com 500 mil habitantes) e Jaraguá do Sul. Voltar para regiões
  • 29. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 3. Planalto Norte •Nesta região, rica em florestas nativas e provenientes de reflorestamento, concentra-se o pólo florestal catarinense - o mais expressivo da América Latina. •Indústrias madeireiras, moveleiras, de papel e papelão. 7 •Os principais municípios são Rio Negrinho, São Bento do Sul, Canoinhas, Corupá, Mafra, Três Barras e Porto União. 8 Voltar para regiões
  • 30. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 4. Vale do Itajaí •Um "pedacinho da Alemanha" encravado em Santa Catarina. •A herança dos pioneiros germânicos deixou marcas na arquitetura em estilo enxaimel, na culinária e nas festas 7 típicas, nos jardins bem cuidados e na força da indústria têxtil. •Sua paisagem de morros, matas, rios e cachoeiras é um 8 forte atrativo para os ecoturistas. •Os principais municípios são Blumenau, Gaspar, Pomerode, Indaial, Brusque e Rio do Sul. Voltar para regiões
  • 31. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 5. Meio-Oeste • Nesta região de morros ondulados localizada no centro do Estado situam-se comunidades de pequeno e médio porte, colonizadas por imigrantes italianos, alemães, austríacos e japoneses. 7 • Sua atividade econômica está baseada na agroindústria, criação de bovinos e produção de maçã. Também há indústrias expressivas do pólo 8 metal-mecânico. • As principais cidades são Joaçaba, Videira, Caçador, Treze Tílias, Curitibanos, Fraiburgo e Campos Novos. Voltar para regiões
  • 32. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 6. Oeste •Os campos do Oeste são o "celeiro" de Santa Catarina, de onde sai boa parte da produção brasileira de grãos, aves e suínos. •Frigoríficos: as empresas fornecem insumos e tecnologia e 7 compram a produção de animais. •A região também começa a explorar o potencial turístico de suas fontes hidrotermais. 8 •Os principais municípios são Chapecó, Xanxerê, Concórdia e São Miguel do Oeste. Voltar para regiões
  • 33. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 7. Planalto Serrano •O frio e o turismo rural são os grandes atrativos desta região. Por conta das paisagens bucólicas e da neve que se precipita em algumas cidades, todos os anos o Planalto recebe milhares de visitantes no inverno. 7 •Tem como atividades econômicas a pecuária e a indústria florestal •Os principais municípios são Lages, São Joaquim, Urubici e 8 Bom Jardim da Serra. Voltar para regiões
  • 34. SANTA CATARINA | regiões 3 2 6 5 4 1 8. Sul •Descendentes de imigrantes italianos. •Extrativismo mineral e indústria cerâmica são as principais atividades econômicas. •O Sul do Estado tem estações hidrotermais e cânions ricos 7 em biodiversidade. •Suas principais cidades são Criciúma, Tubarão, Gravatal, Araranguá, Urussanga, Garopaba, Laguna e Imbituba. 8 • A pesca, o turismo e a industria portuária são atividades econômicas marcantes. Voltar para regiões
  • 35. Pular Highlights  Voltar para índice
  • 36. Voltar para índice
  • 37. IMBITUBA| dados • Área: 182 Km² • População: 40.000 habitantes • PIB: R$ 850 milhões • PIB per capita: R$ 21.900,00 / hab • Taxa de alfabetização: 93 % da população total Voltar para índice
  • 38. IMBITUBA| regiões dados 8 8 2 2 7 7 5 5 6 6 6 6 1 11. BR 101 4 42. Acesso Norte / Nova Brasília3. Acesso Sul / Villa Nova4. Centro5. Porto 3 36. Zona Portuárias7. ZPE8. Distrito Industrial Voltar para índice
  • 39. IMBITUBA| localização Com localização estratégica, o porto de Imbituba, além de excelentes condições geográficas, conta com equipamento e área disponível disponível diferenciados. Sua localização esta no centro entre São Paulo e Buenos Aires. E de fácil acesso para atender América Latina e mercado interno (com contratos já firmados para atender o Golfo do México). Distâncias (rodoviárias) Distâncias de Florianópolis (KM) Florianópolis..............................90 São Paulo..........................,....1.680 Buenos Aires (ARG)...............1.680 Voltar para índice
  • 40. IMBITUBA| infraestrutura RODOVIAS: Servida pela BR 101 com acesso sul e norte da cidade, distribuindo assim áreas para cargas e veículos leves, industrial e residencial, comercial. COMÉRCIO E SERVIÇOS 25OO empregados diretos no setor FERROVIAS: SR 9 Ferrovia Teresa Cristina com 210 Km que INDUSTRIA ligam as regiões de Criciúma e o Porto de Mais de 500 empresas atuantes, mais de 50 Imbituba. instaladas nos últimos 5 anos) AEROPORTOS Florianópolis – 105 Km EDUCAÇÃO Criciúma – 110 Km Mais de 40 Escolas públicas e privadas Aeródromo de Imbituba – 5 Km – Aeronaves do Universidades porte de Lear-Jet, Bandeirante e Barsília; •FUCAP/UNIA S SELVI (06 cursos bacharel. E 09 licenciaturas) CONDOMÍNIO INDUSTRIAL •UNIBAVI (03 cursos bacharel.) Lotes de 6800 m² ZPE Voltar para índice
  • 41. IMBITUBA| investimentos iniciativa privada ÚLTIMOS 5 ANOS PROJEÇÃO PRÓXIMOS 5 ANOS Santos Brasil = R$ 300 milhões Votorantin = R$ 150 milhões Mais de 1 BILHÃO de reais. Demais = R$ 50 milhões Mais de 0,5 Bilhão de reais. Voltar para índice
  • 42. IMBITUBA| investimentos públicos MUNICIPAL •MANDATO ANTERIOR: R$ 8 milhões * •MANDATO ATUAL: R$ 40 milhões FEDERAL •ÁREA PORTUÁRIA •R$ 30 milhões na recuperação dos molhes da área portuária •R$ 55 milhões com licitação em curso para dragagem do porto •OUTROS MENORES QUE SOMAM UM TOTAL DE R$ 100 MILHÕES FEDERAL E ESTADUAL •DUPLICAÇÃO DO ACESSO NORTE R$ 40 milhões •SANEAMENTO R$ 150 milhões (processo licitatório em curso) * Fonte de dados: PMI Voltar para índice
  • 43. IMBITUBA| crescimento populacional Segundo a UNISUL (Universidade do Sul de SC) a população de Imbituba passará de 40.000 habitantes para 80.000 habitantes em 7 anos: UNISUL : 40.000 80.000 (Período: 7 anos) O plano de desenvolvimento da cidade segue uma linha mais reguladora de controle social e habitacional e prevê crescimento na ordem de 40% na próxima década. 56.000 40.000 (Período: 10 anos) Voltar para índice
  • 44. IMBITUBA| crescimento de empregos SOMANDO AS EMPRESAS QUE SE 1.000 EMPREGOS DIRETOS INSTALARAM NOS ÚLTIMOS 5 ANOS “Em função de um déficit existente...” PROJEÇÃO PARA OS 1.000 EMPREGOS DIRETOS PRÓXIMOS 5 ANOS PRINCIPAIS ÁREAS INDÚSTRIA PORTUÁRIA E SERVIÇOS Em 2011 foi a 3ª cidade de SC que mais gerou empregos Voltar para índice
  • 45. IMBITUBA| porto de Imbituba• Mais de R$ 500 milhões investidos.• Jan a dez de 2011 somaram 2.311.731 toneladas (maior movimentação da história do porto).• Jan a dez de 2011 192 navios atracados (17 só em dezembro).• Calado de 10,8 m passará a ser de 15 ,o m no cais e de 17,0 m no canal de acesso.• Capacidade de movimentação de 450 mil TEU”s passará para 970 mil TEU”s.• Porto atenderá SC, RS, MERCOSUL e América Central. Voltar para índice
  • 46. IMBITUBA| porto de Imbituba• Identificação Área (m²)• Área Total 400.000• Área de Terminais Arrendados 922• Área Multiuso 82.600• Principais cargas: No porto movimentam-se granéis sólidos e líquidos, congelados, contêineres e carga geral, com destaque para as importações de fertilizantes, coque, milho, sal e barrilha e as exportações de congelados, açúcar e contêineres.• Destaque nacional de qualidade em Meio Ambiente Voltar para índice
  • 47. IMBITUBA| novas empresas •Votorantim •Cia Docas de Imbituba •Tecon | Santos Brasil •BB Barcos •SPO •Inkor Tintas e Argamassa •Cerâmica Giseli •Serra Morena •Fertisanta •Posto Michels •Kolina Veic. (Autorizada GM) •Manuchar •Outras Voltar para índice
  • 48. IMBITUBA| comparativos comprobatórios de crescimento PIB 2002 2009 2011 R$ 192 milhões R$ 950 milhões R$ 1 bilhão MUNICÍPIO DE MAIOR CRESCIMENTO NO ESTADO IMBITUBA IÇARA 1º LUGAR 2º LUGAR 183% 99¢ Voltar para índice
  • 49. IMBITUBA| jornais e web Voltar para índice
  • 50. IMBITUBA| oportunidade para investimento • Área próxima à BR 101. • Área com acesso direto ao porto. • Área ideal para grande centro industrial, portuário e logístico. • Área com condomínio residencial popular ao lado. • Área próxima ao centro de Nova Imbituba. • Área com grande representatividade de investimentos já realizados. Voltar para índice
  • 51. IMBITUBA| oportunidade para investimento – vista aérea Voltar para índice
  • 52. IMBITUBA| oportunidade para investimento – vista aérea Voltar para índice
  • 53. estLumbra Inv Fulano de Tal Fone: +55 (48) 9999.9999 E-mail: email@dominio.com.br Voltar para índice