Compra coletiva: possibilidades e oportunidades

8,425 views
8,358 views

Published on

Palestra realizada no 2º Bate-papo Ecommerce em Salvador. O evento proporcionou um debate aprofundado sobre as compras coletivas, modelo de negócio que virou febre na internet.

Published in: Business, Technology, Design
4 Comments
27 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
8,425
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
4
Likes
27
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Compra coletiva: possibilidades e oportunidades

  1. 1. COMPRA COLETIVA POSSIBILIDADES E OPORTUNIDADES
  2. 2. Danila Dourado <ul><li>Doutoranda e mestre em comunicação digital pela Universidade Carlos III de Madri </li></ul><ul><li>Pesquisadora dos novos modelos de neg ócios das mídias sociais </li></ul><ul><li>Co-organizadora do ebook #MídiasSociais: Perspectivas, tendências e reflexões </li></ul><ul><li>Gerente de Monitoramento e análise na PaperCliQ </li></ul>
  3. 3. O que é a compra coletiva? <ul><li>Trata-se de um relacionamento online onde um grupo de consumidores se associa a um site específico de compras para obter maior poder de aquisição e conseguir descontos vantajosos .” </li></ul><ul><li>MITTI Inteligência </li></ul>“
  4. 4. Não é algo novo <ul><li>As pessoas se juntavam para comprar fardos de produtos e repartir entre todos que contribuíram para a compra, deixando o valor unitário de cada produto inferior ao preço oferecido no mercado. </li></ul>
  5. 5. Economia Solidária <ul><li>O programa da economia solidária se fundamenta na tese de que as contradições do capitalismo criam oportunidades de desenvolvimento de organizações econômicas cuja lógica é oposta à do modo de produção dominante ” </li></ul><ul><li>(SINGER, 2002) </li></ul>“
  6. 6. Economia Solidária <ul><li>A chave dessa proposta é a associação entre iguais em vez do contrato entre desiguais”. </li></ul><ul><li>(SINGER, 2002) </li></ul>“
  7. 7. Mercado de compras online
  8. 8. COMO FUNCIONAM
  9. 9. Os clubes de compras <ul><li>Realizam a intermediação da negociação entre empresas x consumidores </li></ul><ul><li>Ficam com uma fatia que gira de 30 a 50% do total arrecadado pelas vendas. </li></ul>
  10. 10. Fonte: Blog Social Commerce
  11. 11. Sistematizando <ul><li>1º - Oferta de produtos/serviços até 90% abaixo do valor de mercado </li></ul><ul><li>2º - Divulgação da oferta </li></ul><ul><li>3º - Anúncio com duração pré-determinada </li></ul><ul><li>4º Promoção é ativada com número mínimo de compra </li></ul><ul><li>5º - Pagamento online ou boleto </li></ul><ul><li>6º - Imprime voucher/cupom para consumo no ponto de venda. </li></ul>
  12. 12. Recomendação <ul><li>Já que a venda é realizada por volume, os interessados na aquisição das ofertas anunciadas divulgam para sua rede de relacionamento . </li></ul><ul><li>Na recomendação há a transferência de credibilidade. </li></ul>
  13. 13. Recomendação Fonte: F/Radar Abril 2010
  14. 14. Hoje no Brasil
  15. 15. Cenário <ul><li>CRESCIMENTO DE 153% </li></ul><ul><li>São1025 sites em operação </li></ul><ul><li>Em menos de 02 meses foram criados mais de 620 sites </li></ul><ul><li>Bolsa de Ofertas </li></ul>
  16. 16. Audiência <ul><li>Os sites de cupons e compras coletivas tiveram acesso de 13,2 MILHÕES DE PESSOAS EM DEZEMBRO e considerando o acumulado desde o mês de junho soma um </li></ul><ul><li>CRESCIMENTO DE 680% . </li></ul><ul><li>No conjunto dos sites de Comércio eletrônico, é registrado pela primeira vez o acesso de 29,7 milhões de pessoas. (09/02) </li></ul><ul><li>Fonte: IBOPE Nielsen Onlie </li></ul>
  17. 17. Faturamento <ul><li>O faturamento também está em ascensão: em junho de 2010 foi de R$ 1 milhão, em julho, R$ 4 milhões e em agosto chegou a R$ 6 milhões. </li></ul><ul><li>Para 2011, a previsão é de ganhos entre R$ 30 e R$ 50 milhões mensais. </li></ul><ul><li>Fonte: MITTI Inteligência </li></ul>
  18. 18. Setores que mais se beneficiam <ul><li>Gastronomia 76% </li></ul><ul><li>Cultura e Entretenimento 48% </li></ul><ul><li>Estética e Beleza 42% </li></ul><ul><li>Fonte: Instituto QualiBest </li></ul>
  19. 19. Ranking dos 10 maiores 1 – Groupon 2 – Peixe Urbano 3 – Clickon 4 – Qpechincha 5 – Groupalia 6 – Imperdível 7 – Desejo Mania 8 – Ofertax 9 – Clube do desconto 10 – Vitrine Coletiva Fonte: Bolsa de Ofertas – 21/fev/2011
  20. 20. Cauda longa e compra coletiva
  21. 21. Compra coletiva de nichos
  22. 22. Compra coletiva de nichos
  23. 23. Compra coletiva de nichos
  24. 24. Compra coletiva de nichos
  25. 25. Compra coletiva de nichos
  26. 26. Ponto de vista do consumidor
  27. 27. Vantagens para os consumidores <ul><li>PREÇOS BAIXOS </li></ul><ul><li>Ofertas diferenciadas </li></ul><ul><li>Oportunidade de experimentação </li></ul>
  28. 28. Vantagens para os consumidores <ul><li>Manter contato com seus grupos de relacionamento indicando novas ofertas </li></ul><ul><li>Acesso a opinião de outros consumidores sobre os estabelecimentos anunciados </li></ul>
  29. 29. Alertas para os consumidores
  30. 30. Alertas para os consumidores <ul><li>Falsos descontos </li></ul><ul><li>Discriminação no atendimento </li></ul><ul><li>Estabelecimentos que não possuem estrutura para atender a demanda </li></ul><ul><li>Queda na qualidade dos produtos/serviços ofertados </li></ul><ul><li>Spam diários </li></ul><ul><li>Cancelamento de aquisições </li></ul><ul><li>Cobrança em duplicidade </li></ul>
  31. 31. Nem tudo são flores No total foram 3.391 queixas sobre as principais empresas que atuam no setor , como Click On, Clube Urbano, Imperdível, Oferta Única e Peixe Urbano. Reclame Aqui
  32. 32. Ponto de vista da empresa anunciante
  33. 33. Vantagens para as empresas <ul><li>Economia na captação de novos clientes </li></ul><ul><li>Divulgação da empresa ampliando o conhecimento da marca </li></ul><ul><li>Promoção rápida e em larga escala </li></ul><ul><li>Lucro por volume de vendas </li></ul><ul><li>Desovar estoques </li></ul><ul><li>A quantidade de players viabiliza negociar comissão </li></ul>
  34. 34. Alertas para as empresas <ul><li>Alta comissão sobre as vendas </li></ul><ul><li>Oferecer produtos/serviços abaixo do preço de custo </li></ul><ul><li>Limitar o volume máximo de acordo com a capacidade de suprir a demanda </li></ul><ul><li>Seleção de parceiros </li></ul><ul><li>Capacidade de entrega dos produtos </li></ul>
  35. 35. Planejar é preciso <ul><li>Aderência do seu negócio ao canal </li></ul><ul><li>Viabilidade financeira </li></ul><ul><li>Ocasião adequada </li></ul><ul><li>Capacidade de absorção da demanda </li></ul><ul><li>B2B Magazine </li></ul>
  36. 36. Existe espaço para mais clubes de compra
  37. 37. Dica de mercado <ul><li>Uma possível estratégia para o pequeno empreendedor seria encontrar nichos específicos de produtos com forte demanda e focar exclusivamente nestes produtos. Assim a marca teria chance de ser conhecida pelo mercado como referencia em determinado nicho e sobreviver, ou ser comprada futuramente por um dos grandes players, o que também pode ser um excelente negócio”. </li></ul><ul><li>Dailton Felipini </li></ul>“
  38. 38. Fontes Grupo de compras coletivas: despertando cidadania através do consumo crítico, coletivo e solidário >> http://migre.me/3YbF1 Redes de Cooperação Solidárias na contribuição do desenvolvimento local: A Economia Solidária em questão >> www.abepro.org.br/biblioteca/ENEGEP2003_TR0706_0590.pdf Clubes de compras. A nova tendência online no Brasil >> http://issuu.com/mititecnologia/docs/estudo_clubedecompras F/Radar, Abril 2010. >> www.fnazca.com.br/wp-content/uploads/2010/11/fradar-7.pdf Trindade, Bruno. Compra Coletiva, entendendo o contexto. >> http://www.slideshare.net/bruno_rtc/compras-coletivas-entendendo-o-contexto Reclame Aqui >> www.reclameaqui.com.br Bolsa de Ofertas >> www.bolsadeofertas.com.br B2B Magazine >> www.b2bmagazine.com.br
  39. 39. www.daniladourado.com [email_address] @daniladourado

×