• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Características de um bom sermão
 

Características de um bom sermão

on

  • 858 views

Terceira aula que ministrei no curso de "Como preparar mensagens para transformar vidas

Terceira aula que ministrei no curso de "Como preparar mensagens para transformar vidas

Statistics

Views

Total Views
858
Views on SlideShare
858
Embed Views
0

Actions

Likes
4
Downloads
70
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Características de um bom sermão Características de um bom sermão Presentation Transcript

    • Como preparar Mensagens para transformar Vidas Características de um bom sermão – 3ª Aula Daniel Luz - T. 15 9 9126 5571
    • O sermão é caracterizado como um bom sermão não pela sua extensão e nem mesmo pelas virtudes do pregador, sejam intelectuais ou morais, mas pela qualidade do sermão:
    • 1. UNÇÃO Todo sermão deve ter inspiração divina. Um sermão sem unção, ainda que tenha uma excelente estrutura, não apresentará poder para conversão, consolação e edificação. Devemos lembrar que ao transmitir um sermão não estamos transmitindo conhecimento humano mas a Palavra de Deus e esta é a única que penetra até a divisão da Alma e Espírito, portanto é fundamental a unção.
    • 2. FIDELIDADE TEXTUAL Fidelidade textual é importante, visto que os ouvintes estão atentos ao texto de referência ou ao tema escolhido. Há muitos pregadores que tomam um texto como referência e depois esquecem dele.
    • 3. UNIDADE Todo sermão tem um objetivo a ser alcançado. O seu conteúdo deve convergir para um único alvo. "Há sermões que são uma colcha de retalho, uma verdadeira miscelânea de assuntos, ideias e ensinos".
    • 4. FINAL Tudo tem um começo e um final. O Pregador deve ter em mente que o ouvinte está se alimentando espiritualmente. Um sermão bem terminado será muito produtivo a ponto de despertar o desejo de querer ouvir mais.
    • Qualidades do Pregador • • • • • • • • • • • Caráter Entusiasmo Determinação Inspiração Sensibilidade Observação Capacidade de resumo Imaginação e Criatividade Memória Vocabulário Humildade
    • Os Sete Pecados Mortais do Estudo Bíblico e Como Você Pode Evitá-los 1. O Texto por Pretexto 2. Ser Muito Literal 3. Ignorar o Ambiente Bíblico 4. Confiar em Traduções Falhas 5. Interpretação Pessoal 6. Pensar Que Você Pode Fazer Tudo 7. Deixar de Aplicar o Que Você Aprendeu
    • CARACTERÍSTICAS DE UM PREGADOR SOB O PONTO DE VISTA ESPIRITUAL SOB O PONTO DE VISTA TÉCNICO Chamado para obra (ordenança) Mt 28:19 Dom da palavra Rm 12: 6,7.8 Conhecer Deus Atos 4:13 Conhecimento da palavra II Tm 2:15 Ter uma mensagem Atos 5:20 Manejo da palavra II Tm 2:15 Unção 2 Reis 2.9 Guardar a palavra no coração Sl 119 Autoridade/ousadia Mc 1:21 Instrumento II Tm 2:15
    • Observe com atenção estes aspectos errados que devem ser considerados pelo pregador: Fazer uma Segunda e auto apresentação; Manter a mão no bolso ou na cintura o tempo todo; Molhar o dedo na língua para virar as páginas da bíblia; Limpar as narinas, cocar-se, exibir lenços sujos, arrumar o cabelo ou a roupa; Usar roupas extravagantes; Apertar a mão de todos. (basta um leve aceno) Fazer gestos impróprios; Usar esboços de outros pregadores, principalmente sem fonte; Contar gracejos, anedotas ou usar vocabulário vulgar. Não fazer a leitura do texto ( Leitura deve ser de pé) Evitar desculpas, você começa derrotado ( não confundir com humildade); Chegar atrasado;
    • O pregador não precisa aparecer. Quando convidado para pregar em outras igrejas, o pregador deve considerar as normas doutrinárias, litúrgicas e teológicas da igreja em questão. 1 – Evite abordar questões teológicas muito complexas; 2 – Não peça que a congregação faça algo que não esteja de acordo com os preceitos; 3 – Procure estar dentro dos padrões da denominação; 4 – Procure dar conotações evangelísticas a mensagem; 5 – Respeite o horário ( mesmo que seja pouco tempo ); 6 – Converse sempre com o Pastor antes do início do culto. Obs.A) Caso não concorde com alguns aspectos, não aceite o convite. B) Doutrina e mudanças cabem ao pastor da igreja C) Se acredita Ter recebido uma mensagem de Deus dentro