Your SlideShare is downloading. ×
0
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Tutorial Do Microsoft Access
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Tutorial Do Microsoft Access

1,221

Published on

Published in: Technology, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,221
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
49
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Tutorial do Microsoft Access
    • Menu Iniciar – Programas (Todos os programas) – Access
    • (Office – Microsoft Access).
    Para abrir o programa siga os passos a seguir: 1
  • 2. Aparecerá uma página cinza. 1. Clique em Arquivo e depois em Novo ou clique direto no ícone ou 2. selecione para abrir um arquivo em branco ou banco de dados vazio . 2
  • 3. 3. Abrirá uma janela que pedirá um nome para o arquivo, nomeie-o e clique em Criar . 3
  • 4. Abrirá uma nova Janela. 4. Dê 2 cliques em Criar tabela no modo estrutura . Atenção – observe os itens da caixinha Objetos (Tabelas, Consultas, Formulários, etc.) eles serão abordados posteriormente. 4
  • 5. Abrirá uma nova Janela ainda não nomeada, somente com o nome Tabela1 . Perceba que ela abriu um novo espaço na Barra de Ferramentas (lá em baixo – Tabela1 : Tabela ) 5
  • 6. 5. Em nome do campo você deve denominar o nome dos campos de sua base de dados . Por exemplo, em um Formulário (ficha terminológica) como o apresentado abaixo ... 6
  • 7. ... os nomes dos campos devem ficar assim: Observando também o preenchimento do campo Tipo de Dados. Tipos de Dados Nome do Campo 7
  • 8. 6. No campo Tipos de Dados há algumas variações conforme a escolha feita por você. Leia a caixinha que se localiza na parte inferior direita, pois lá são apresentadas as limitações de cada campo. Texto : tem a limitação de caracteres de 255; Memorando : até 35.535; Número : permite somente a inclusão de números. Autonumeração : o nome já diz... enumera-se automaticamente; etc., etc., etc.. Quaisquer outras dúvidas ... Pergunte !!! 8
  • 9. 7. Tendo os campos os seus respectivos nomes e configurações, devemos salvar a tabela. Sugerimos colocar a letra t (de tabela) antes do nome escolhido. Além disso, não é preciso acentuar o nome dos arquivos, pois os acentos podem não ser reconhecidos em alguns casos especiais. Ex.: tfichaterm
  • 10. 8. Agora é hora de preencher os campos com os dados já coletados no semestre passado. Basicamente, podemos fazer a inclusão apenas dando um clique no primeiro ícone, do ladinho do disquete do comando Salvar, e copiar colar os dados em seus respectivos campos. OU... 9
  • 11. ... elaborarmos um Formulário (como aquele exibido do slide 6) 10 9. Agora sim, voltamos àquela janelinha dos Objetos que citamos no slide 4. Devemos clicar em Formulário e então dar 2 cliques em “ Criar Formulário usando assistente”
  • 12. 10. Para converter a tabela em formulário seguimos os caminhos: a) selecione a tabela dos dados que queremos converter em formulário (Tfichaterm); b)envie todos os campos para “Campos selecionados”;
  • 13.  
  • 14.
    • c) escolha o formato do formulário; um bom formato é o “justificado”;
  • 15.
    • d) é possível também escolher um padrão para sua base, isto é, um tipo de fundo, desenho, etc.;
    • e) finalmente, clique em concluir para obter o seguinte formato.
    • Está pronta sua base.
  • 16. Para regular o tamanho das caixas, certifique-se que você está em modo de estrutura. Basta clicar sobre as caixas e então sobre os quadradinhos que os cercam. Clicar, manter, e arrastar para ajustar o tamanho ideal para cada campo. Mais uma imagem!
  • 17. Criando Remissivas Esse recurso permite abrir a ficha da outra denominação com apenas Um clique. Para fazermos esse mecanismo funcionar precisamos seguir alguns passos: Ainda no modo de estrutura, 1. Abrir no menu (lá em cima) o item Exibir Caixa de Ferramentas (ela pode já estar aberta - veja flexa azul); 2. Clicar no botãozinho (flexa amarela). Vá até o local mais próximo do campo em que aparecerá a remissiva e dê um clique. Abrirá uma janelinha. 3. Selecione o item Form Operations (tradução) e ao lado abrir formulário. Depois avançar/próximo; 4. Verifique o nome do Formulário e clique em avançar/próximo?. 5. Selecione “Abrir Formulário em mostrar dado específico”; 6. Especifique qual é o primeiro campo e depois especifique o campo entrada, pois é ele que deverá aparecer. Depois avançar/próximo; 7. Selecione Texto e então nomeie, caso seja de seu gosto. Ex. Ir para lá! Depois avançar/próximo; 8. Basta clicar em Fechar/Acabar?. PRONTO! Está feita a remissiva.

×