Educação a Distância - EAD

4,930 views
4,653 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
4,930
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
97
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Educação a Distância - EAD

  1. 1. EAD – EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Universidade Federal de Santa Catarina Centro de Ciências da Educação – CED Departamento de Ciências da Informação – CIN Disciplina: CIN5042 – Tópicos especiais Biblioteconomia Ciência da Informação - Gestão Professor: Gregório Varvakis Curso: Biblioteconomia - 4ª Fase Alunas: Daiana de Lima, Loredana Piazza Almeida, Orestes Trevisol Neto, Suélen dos Passos
  2. 2. <ul><li>Conceito de EaD </li></ul><ul><li>Decreto N. 5.622 de 19 de dezembro de 2005. </li></ul><ul><li>Caracteriza-se a educação a distância como modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em tempos diversos. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>História da EaD no Mundo </li></ul><ul><li>1728 aulas por correspondência ministradas por Caleb Philips (Gazette de Boston, EUA). </li></ul><ul><li>1840 Isaac Pitman ofereceu curso de taquigrafia por correspondência (Grã-Bretanha). </li></ul><ul><li>1840 Sherry´s Colege oferece cursos preparatórios para concursos. </li></ul><ul><li>1884 Foulkes Lynch Correspondence Tuition Service oferece cursos de contabilidade. </li></ul><ul><li>1891 Thomas J. Foster Ministrou curso sobre segurança de Minas. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>No séc. XIX Universidades como Oxford, Cambridge e Chicago oferecem cursos de extensão. </li></ul><ul><li>1924 Fritz Reinhardt cria a Escola Alemã por correspondência de Negócios. </li></ul><ul><li>1910 Univer. De Queensland inicia programas de ensino por correspondência. </li></ul><ul><li>1928 rede BBC promove cursos para educação de adultos utilizando o rádio. </li></ul><ul><li>Séc. XX as metodologias de ensino são influenciadas pela introdução dos novos meios de comunicação em massa. </li></ul><ul><li>Grande impulso da educação a distância ocorre nos anos 60, começando pela Europa e expandindo para demais continentes. </li></ul><ul><li>Atualmente mais de 80 países adotam a educação a distância. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>EaD no Brasil </li></ul><ul><li>1900 no Rio de Janeiro Jornais divulgavam cursos profissionalizantes por correspondência. </li></ul><ul><li>1904 se tem instalação de Escolas Internacionais, os cursos eram voltados pra pessoas que procuravam emprego nos setores de comércio e serviços. </li></ul><ul><li>1923 ocorre a Fundação da Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, sua função era possibilitar educação popular. Em 1936 passa a pertence ao Ministério da Edu. e Saúde. </li></ul><ul><li>A educação via rádio foi o segundo meio de transmissão à distância do Saber. Destacam-se a Rádio Postal e a Voz Profecia. </li></ul><ul><li>Em 1950 o SENAC desenvolve em SP e no RJ a Universidade do AR que atingia 318 localidades. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>1959 a Igreja Católica cria algumas escolas radiofônicas, dando origem ao movimento de educação de Base. </li></ul><ul><li>1967 Projeto Mobral possuía abrangência Nacional através do rádio. </li></ul><ul><li>1969 Liquida-se a rádio educativa brasileira, o Brasil cai no Ranking internacional. </li></ul><ul><li>Nas décadas de 60 e 70 a televisão vem sendo usada para fins Educacionais. </li></ul><ul><li>1967 o Código Brasileiro de Telecomunicação determina a transmissão de programas educativos pela TV e rádio. </li></ul><ul><li>1969 Liquida-se a rádio educativa brasileira, o Brasil cai no Ranking internacional. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Nas décadas de 60 e 70 a televisão vem sendo usada para fins Educacionais. </li></ul><ul><li>1967 o Código Brasileiro de Telecomunicação determina a transmissão de programas educativos pela TV e rádio. </li></ul><ul><li>1969 criação do Sistema Avançado de Tecnologias Educacionais. </li></ul><ul><li>1972 é criado o Programa Nacional de Teleducação. </li></ul><ul><li>Destacam-se o programa Telecurso da Fundação R. Marinho e a TV Escola. </li></ul><ul><li>1970 chegam nas universidades o primeiros computadores e a internet ajuda a consolidar a programação do ensino à distância. </li></ul><ul><li>Influenciados pelo Sucesso da Open University da Inglaterra, o Brasil cria o Sistema Universidade Aberta do Brasil. </li></ul>
  8. 8. A história da EaD no Brasil se divide em Três momentos: <ul><li>Inicial: Instalação das Escolas Internacionais e Instalação da Rádio S. Do Rio de Janeiro. Grande importância tiveram o Instituto Monitor e o Instituto Universal Brasileiro. </li></ul><ul><li>Intermediário: No campo da Educação Superior a UNB constitui-se em uma base para programas de projeção, entretanto devido o regime militar a iniciativas foram sepultadas. </li></ul><ul><li>Moderna: Organizações que influenciaram de maneira decisiva a EaD, são elas Associação Brasileira de Teleducação, Instituto de Pesquisas Avançadas em Educação e Associação Brasileira de Educação a Distância. </li></ul><ul><li>Destaca-se pelo Pioneirismo na implantação de cursos de graduação a distância UFMG. </li></ul>
  9. 9. Cenário Internacional da EaD <ul><li>Universidades Corporativas: organizações do setor produtivo e setor governamental, que organizam suas atividades de aprendizagem para executivos, gerentes e funcionários. Com o avanço da EaD e por meio das TICS empresas e entidades tem a possibilidade de reestruturação. </li></ul><ul><li>Universidades Aberas a distância: estender o acesso ao ensino superior a segmentos cada vez maiores da população, usando tecnologias populares como a televisão e internet. </li></ul><ul><li>Aprendizagem baseada no trabalho: modelo de capacitação profissional em serviço, que inclui a EaD. No Reino Unido este tipo de EaD inclui empregados e estagiários das “industrias criativas”. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Tele trabalho e EaD: mais de 11 milhões de “tele trabalhadores” no Estados Unidos realizam atividades remuneradas em suas próprias residências. </li></ul><ul><li>Inclusão Digital: criação de tele centros, locais onde pessoas de baixa renda podem ter acesso gratuito a computadores e à Web. </li></ul><ul><li>Redesenhando a aprendizagem: turmas com grande número de alunos e apoio de ferramentas Tecnológicas. </li></ul><ul><li>Ensino Superior sem fronteiras: a tecnologia permite-nos ter acesso a centros de ensino em uma escala global. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>APRENDIZAGENS DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA </li></ul>
  12. 12. ELEMENTOS DA EAD <ul><li>Tutoria: Responsável pelo o acompanhamento do aluno ao longo do curso. </li></ul><ul><li>Monitor: Se preocupa com questões mais técnicas e oferece apoio aos professores, alunos e instituição. </li></ul><ul><li>Professor: Orientador de conteúdos e caminhos adequados para a aprendizagem. </li></ul>
  13. 13. ELEMENTOS DA EAD <ul><li>Estudante: O perfil do aluno de Ead deve ser maduro, responsável, organizado e disciplinado. </li></ul><ul><li>“ o sucesso da aprendizagem é derivado do interesse e da sua manutenção ao longo do curso. De acordo com Knaesel, Meed e Rossetti (2000), o melhor professor do mundo é incapaz de lhe fazer aprender: você é que deve participar ativamente e ser o principal responsável pelo seu progresso”. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>POR CORRESPONDÊNCIA </li></ul>
  15. 15. <ul><li>COMO FUNCIONAVA EAD POR </li></ul><ul><li>CORRESPONDÊNCIA </li></ul>
  16. 16. A CORRESPONDÊNCIA FOI SUBSTITUÍDA PELO E-MAIL E OUTROS MENSAGEIROS INSTANTÂNEOS.
  17. 17. APRENDIZAGEM POR RÁDIO
  18. 18. APRENDIZEM POR RÁDIO <ul><li>O rádio oferecia a possibilidade de reduzir índices de analfabetismo. </li></ul><ul><li>Alcançar públicos não atendidos pelo sistema escolar. </li></ul><ul><li>Oferecer escolarização suplementar. </li></ul><ul><li>Comunicação em regiões de difícil deslocamento. </li></ul><ul><li>COMO FUNCIONAVA EAD POR RÁDIO? </li></ul><ul><li>Os alunos se inscreviam nos cursos por meio das secretarias de ensino. </li></ul><ul><li>Acompanhavam as aulas pelo rádio e ganhavam apostilas. </li></ul><ul><li>Havia três formas de acompanhar o curso: </li></ul><ul><li>Recepção organizada. </li></ul><ul><li>Recepção controlada. </li></ul><ul><li>Recepção isolada ou individual. </li></ul>
  19. 19. O RÁDIO AINDA É UM MEIO ADEQUADO PARA A EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
  20. 21. APRENDIGAZEM POR COMPUTADOR SEM LIGAÇÃO A REDE COM O USO DO CD-ROM
  21. 22. <ul><li>A disseminação do CD-ROM como solução de EAD continua sendo uma prática. </li></ul><ul><li>O CD-ROM é uma solução de baixo custo para prover as escolas um material completo, interessante e interativo. </li></ul>
  22. 23. <ul><li>Estudos feitos pela University of Connecticut e Oregon State University comparam o aprendizado com 22 alunos que tiveram aulas presenciais e 28 alunos que tiveram as mesmas aulas, porém a distância com o uso do CD-ROM. De acordo com os estudos realizados, tanto a aula tradicional quanto a aula a distância usando o CD-ROM podem produzir o mesmo resultado de aprendizagem. </li></ul>
  23. 24. CD-ROM + MATERIAIS IMPRESSOS + USO DE TECNOLOGIAS E MEIOS ON-LINES <ul><li>The Open University UK </li></ul><ul><li>A Universidade Aberta do Reino Unido é dedicada ao ensino à distância, é classificada entre as cinco melhores em educação universitária de alta qualidade. </li></ul><ul><li>A instituição oferece os materiais do curso em diferentes meios, apoio de tutores e biblioteca. </li></ul>
  24. 25. APRENDIZAGEM POR E-LEARNING <ul><li>Com o aumento da comunicação humana mediada pelo computador para fins educativos levou a uma proliferação de tecnologias com o propósito de oferecer ambientes educacionais on-line. </li></ul><ul><li>COMO FUNCIONAVA A E-LEARNING </li></ul><ul><li>Foram desenvolvidos sistemas de gestão de ensino e aprendizagem na web. </li></ul><ul><li>Softwares projetados para atuarem como salas de aula virtuais. </li></ul><ul><li> Existem dois meios distintos de ensinar através do e-learning : </li></ul><ul><li>Síncrono e o Assíncrono. </li></ul>
  25. 26. <ul><li>Síncrono: é quando professor e aluno estão em aula ao mesmo tempo. Exemplos de recursos síncronos: comunicação por voz na web (skype); chat; web conferência. </li></ul><ul><li>Assíncrono: é quando professor e aluno não estão em aula ao mesmo tempo. Exemplos de recursos assíncronos: e-mail e fórum. </li></ul><ul><li>EXEMPLOS DE E-LEARNING </li></ul><ul><li>O Moodle é um software livre de apoio à aprendizagem, executado em um ambiente virtual. </li></ul><ul><li>É utilizado há vários anos em programas de EAD na UFSC. Desde 2009 também está disponível como apoio aos cursos presenciais. </li></ul>
  26. 27. EAD PARA PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS <ul><li>Evento promovido pelo Pólo Rio de Janeiro da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed). </li></ul><ul><li>José Antônio do Santos Borges, professor e coordenador do Núcleo de Computação Eletrônica da UFRJ. </li></ul><ul><li>Seu trabalho com inclusão de deficientes físicos começou em 1993. Foi desenvolvido um programa chamado DOSVOX. </li></ul><ul><li>DOSVOX é um software livre, é um sintetizador de voz utilizado para cegos. </li></ul>
  27. 28. <ul><li>EAD NAS INSTITUIÇÕES </li></ul><ul><li>A educação a distância faz parte de varias instituições dentre elas, instituições públicas e particulares. Em Florianópolis podemos destacar como exemplos a Ufsc, a Unisul e o Senac. </li></ul>
  28. 29. <ul><li>EAD UFSC </li></ul><ul><li>A Ufsc iniciou o uso da educação a distância em 1995, privilegiando a pesquisa e a formação através de projetos de extensão. Desde 1995 até 2005, existem mais de 70 cursos, sendo em 2005 a implementação dos cursos de graduação, e neste mesmo ano a implementação do curso de licenciatura em matemática e licenciatura em física. </li></ul>
  29. 32. <ul><li>PARA QUEM É DIRECIONADO </li></ul><ul><li>No curso a distância da Ufsc, para cursar a graduação, o interessado deve ter o 2ª grau completo, e ser aprovado no processo seletivo do curso. E para a especialização e a extensão deve ter o nível superior completo. Para ingressar no curso de pós-graduação Lato Censu da educação a distância Ufsc, é necessário ser aprovado no processo seletivo do curso. </li></ul>
  30. 33. <ul><li>UNISUL VIRTUAL </li></ul><ul><li> A história da educação a distância na Unisul tem suas origens nos anos de 1998 e 1999, quando a universidade criou o programa UnisulAberta, orientado para a pesquisa em modelos, metodologias e tecnologias aplicadas à educação a distância. </li></ul><ul><li>Em 2001 a instituição criou também o programa UnisulVirtual, orientado para a preparação de professores e o desenvolvimento de cursos a distância. </li></ul><ul><li>Em 2002, a universidade unificou os dois programas e criou uma Diretoria de Educação a Distância, vinculada à Pró-reitoria Acadêmica, alcançou o primeiro credenciamento do MEC para educação a distância e lançou os primeiros cursos superiores a distância. </li></ul>
  31. 34. <ul><li>No ano de 2005, contando já com a oferta de oito cursos de graduação, nove de pós-graduação e com 5.900 alunos a distância, a reitoria da Unisul criou, então, o Campus UnisulVirtual. </li></ul><ul><li>Em 2007 a UnisulVirtual possuía 1.234 professores capacitados (580 no curso de formação inicial para tutoria em EaD, 654 em cursos de aperfeiçoamento para tutoria em EaD e para o uso do EVA (Espaço Virtual de Aprendizagem) no ensino presencial). </li></ul><ul><li>A produção acadêmica acumulada, no mesmo período, é de mais de 200 disciplinas já formatadas, o que inclui a publicação total de 97.000 volumes que foram distribuídos para alunos em todo o Brasil, na África, na Europa e na América do Norte. </li></ul><ul><li>A UnisulVirtual atua também no suporte ao ensino presencial da Unisul, criando disciplinas a distância e capacitando professores e técnicos para o uso pedagógico das novas tecnologias e da educação a distância, como apoio à educação presencial. </li></ul>
  32. 36. <ul><li>A Unisulvirtual oferece cursos superiores com habilitação em Tecnologia (2 anos ou 2 anos e meio), Bacharelado (3 ou 4 anos) e Licenciatura (4 anos). </li></ul><ul><li>PARA QUEM É DIRECIONADO? </li></ul><ul><li>Os cursos são oferecidos ao público em geral e também para interessados que façam parte do quadro de colaboradores das empresas e entidades conveniadas com a UnisulVirtual. </li></ul>
  33. 37. <ul><li>EAD SENAC </li></ul><ul><li>A educação a distância no Senac teve início logo após sua fundação em 1946. No ano seguinte já se iniciou a primeira experiência em Ead em São Paulo. O Senac no estado de Santa Catarina, na grande Florianópolis, possui um Senac Ead com sede em São José, oferecendo os cursos de extensão a distância e pós-graduação a distância. </li></ul>
  34. 39. <ul><li>Cursos de extensão a distância: </li></ul><ul><li>Tutoria on-line, Artes visuais e criação em fotografia, metodologia do ensino superior e planejamento e produção de cursos de Ead. </li></ul><ul><li>Cursos de pós-graduação: </li></ul><ul><li>Especialização em Artes Visuais: Cultura e Criação, Especialização em educação ambiental, Especialização em educação a distancia, Especialização em gestão cultural, Especialização em Gestão da segurança de alimentos, especialização em gestão de varejo, e especialização em governança de TI. </li></ul>
  35. 40. <ul><li>PARA QUEM É DIRECIONADO? </li></ul><ul><li>Para participar dos cursos de pós-graduação a distância, o interessado precisa possuir diploma de nível superior, preferencialmente nas áreas afins do curso escolhido. Nas demais áreas, além do diploma do nível superior, o candidato, para ser aceito, precisa comprovar experiência de, no mínimo, três anos na área em que o curso desejado se enquadra. </li></ul>
  36. 41. <ul><li>Legislação sobre o EAD </li></ul><ul><li>No dia 10 de fevereiro de 1998, o Decreto nº 2.494 regulamentou o Art. 80 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. E no dia 7 de abril, através da Portaria nº 301/98, o ministro da Educação e do Desporto estabeleceu os procedimentos para o credenciamento de instituições e a autorização de cursos a distância no nível de graduação. </li></ul>
  37. 42. <ul><li>A atual pauta temática da educação a distância refere-se especialmente a três aspectos, em geral abordados com um forte sotaque de imperiosa modernização: </li></ul><ul><li>a) suas possibilidades de abertura e ampliação de oportunidades de acesso a uma educação de qualidade, como resposta adequada às exigências de mais e melhor formação em uma modernidade globalizada e competitiva; </li></ul><ul><li>b) sua consistência como solução de problemas e dificuldades colocados pela falta de disponibilidade de tempo de candidatos a cursos de diferentes níveis e modalidades, pela exigüidade de espaços e carência quantitativa e qualitativa de agentes educacionais para seu atendimento; </li></ul><ul><li>c) seu real valor como instrumento eficaz de renovação e mudança de paradigmas pedagógicos diante das ilimitadas potencialidades das Novas Tecnologias de Informação e Comunicação. </li></ul>
  38. 43. <ul><li>Todas essas questões foram e são as preocupações desde sempre presentes aos educadores que, formando parte de equipes de entidades pioneiras, desde a correspondência tradicional até a Internet, ousaram propor e realizar processos educativos a distância. </li></ul>
  39. 44. <ul><li>Sob o ponto de vista social, a educação a distância, como qualquer forma de educação não apenas deve pretender ser, mas precisa concretamente realizar-se como uma prática social significativa e conseqüente em relação aos princípios filosóficos de qualquer projeto pedagógico: a busca da autonomia, o respeito a liberdade e a razão, o compromisso de convívio social humanamente qualificado. </li></ul>
  40. 45. <ul><li>Com a regulamentação a Educação a Distância deixa de ser a alternativa permanentemente experimental ou concebida como a solução paliativa para atender as demandas educativas de jovens e adultos excluídos do acesso e permanência na escola, regular, na idade própria. Passa a ser uma estratégia regular de ampliação democrática do acesso a educação de qualidade, direito do cidadão e dever do Estado e da sociedade. </li></ul>
  41. 46. <ul><li>Portaria nº 2.253 </li></ul><ul><li>A portaria nº 2.253 oficializa e regulamenta essas experiências e, principalmente, estimula a ampliação de uma nova maneira de se fazer educação, já muito utilizada em diferentes países e, também, em diferentes setores envolvidos com treinamento e desenvolvimento de pessoas, que é a educação a distância, o ensino online . </li></ul>
  42. 47. <ul><li>Obras intelectuais e direito autoral </li></ul><ul><li>Por decorrerem da criação intelectual, e principalmente artística, dos desenvolvedores, tanto a formatação ( design gráfico ) como as obras que compõem o site são protegidas essencialmente pelo direito autoral, conforme dispõem as regras presentes na Lei 9.610/98, como segue: </li></ul>
  43. 48. VANTAGENS DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA <ul><li>O aluno estuda em seu próprio país e na sua própria cidade; </li></ul><ul><li>O aluno estuda sem distanciar-se do seu convívio profissional e familiar; </li></ul><ul><li>O aluno estuda de acordo com sua disponibilidade de tempo e dinâmica pessoal ; </li></ul><ul><li>O aluno se beneficia de educação moderna com qualidade e de alto nível; </li></ul><ul><li>O aluno recebe supervisão individualizada em suas pesquisas; </li></ul><ul><li>O aluno se beneficia de custos significativamente reduzidos em seu(s) curso(s). </li></ul>
  44. 49. DESVANTAGENS <ul><li> Requer amadurecimento: O aluno estuda distante do professor e, às vezes, dos colegas. Isso exige um grau de maturidade que permite ao aluno gerenciar seu tempo e fixar as metas de estudo para si próprio, apesar das pressões do trabalho e da vida diária. É preciso, também, que o aluno se organize para o estudo, selecionando local e mantendo os materiais de estudo e de comunicação de forma adequada. </li></ul><ul><li>Depende de tecnologia: O aluno precisa saber utilizar as tecnologias empregadas no curso. Em geral, não são necessários conhecimentos muito elevados nessas tecnologias, mas, um mínimo é indispensável. É necessária persistência para aprender a trabalhar com elas, antes que a matéria se acumule e fique difícil vencer o atraso. Essa é uma das maiores causas da desistência nos cursos de EAD. </li></ul>
  45. 50. <ul><li>REFERÊNCIAS </li></ul><ul><li>DALMAU, Marcos Baptista Lopez. Introdução à educação a distância. Florianópolis: Departamento de Ciências da Administração, UFSC, 2009. p.5 </li></ul><ul><li>LITTO, Fredric Michael; FORMIGA, Marcos. Educação a distância: o estado da arte. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009. 461p. </li></ul><ul><li>OLIVEIRA, Fátima Bayma de. Educação corporativa: desenvolvendo e gerenciando competências. São Paulo (SP): Prentice Hall, 2005. 271p. </li></ul><ul><li>SENAC. Educação a distância. Disponível em: http://www.sc.senac.br/. Acesso em: 10 maio de 2010. </li></ul><ul><li>SILVA, Marco. Educação online: teorias, práticas, legislação, formação corporativa. São Paulo: Loyola, c2003. 512p </li></ul><ul><li>UFSC. Ufsc- Ead. Disponível em: http://ead.ufsc.br/. Acesso em : 10 maio de 2010. </li></ul>
  46. 51. <ul><li>REFERÊNCIAS </li></ul><ul><li>UNISUL. UnisulVirtual. Disponível em: <http://www.unisul.br/unisulvirtual/home.html>. Acesso em: 10 maio 2010. </li></ul><ul><li>WIKIPÉDIA. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/>. Moodle. Acesso em: 13 maio 2010. </li></ul>

×