Your SlideShare is downloading. ×

A Influência das Cores na Propaganda

2,113

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,113
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • Transcript

    • 1. UFF - Universidade Federal Fluminense Processo de Criação em Publicidade Caio Macedo e Rebeca RochaA Influência das cores na Propaganda
    • 2. LEGO® “Create The Impossible” A campanha está associada a M. C. Escher, um artista gráfico holandês conhecido por representar, em desenhos, construções impossíveis. Ela expande a ideia de que não somente Escher, mas também quem consumir o produto, ou seja, comprar Lego, possa contruir "O impossível". O nome "Create The Impossible" é auto-explicativo e toda as campanhas da LEGO baseiam-se nesta frase.Agência: Jung von Matt/AlsterDiretores Criativos: Daniel Frericks, Thimoteus Wagner, Götz UlmerDiretores de Arte: Damjan Pita, Alexander MuesgensModelagem em 3D: Soul PixPublicada em Dezembro de 2007
    • 3. “Ascending and Descending”
    • 4. “Belvedere”
    • 5. “Waterfall”
    • 6. LEGO® “Create The Impossible” Como forma de acessar o sentimento do consumidor, a campanha tem cores significativas como o azul, o amarelo, o laranja, que despertam sentimentos diversos como a nostalgia - em função do azul - e justifica o fato que a lego é uma marca antiga e está presente na lembrança dos pais do publico alvo, ou seja, instaura um ciclo familiar. A euforia - provocada pelo laranja e pelo amarelo - faz com que as vendas do produto sejam intensificadas. Elas estimulam o consumo. O amarelo por dar a sensação de alegria estimula o prazer em brincar com o Lego e o laranja dá a energia que o brinquedo não tem por si só.Fontes:“Direção de Arte na Propaganda”Ads Of The World™ - http://www.adsoftheworld.com

    ×