Análise do filme

5,056 views
4,789 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
5,056
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
43
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Análise do filme

  1. 1. www.cursoraizes.com.br UNIT - UNIVERSIDADE TIRADENTES CURSO DE RECURSOS HUMANOS ADRIANO BATINGA CAROLINE CARVALHO JAQUELINE JESUS ROSELAINE VANESSA SOARESANÁLISE DO FILME – O ÚLTIMO SAMURAI Aracaju 2008 www.cursoraizes.com.br
  2. 2. www.cursoraizes.com.br UNIT - UNIVERSIDADE TIRADENTES CURSO DE RECURSOS HUMANOSANÁLISE DO FILME – O ÚLTIMO SAMURAI A análise do filme é apresentado à disciplina Administração Estratégica sob orientação da Prof.: Geraldo Calazan. Aracaju 2008 www.cursoraizes.com.br
  3. 3. www.cursoraizes.com.br ANÁLISE DO FILME O primeiro ato significativo do filme ocorre no momento em que o Japão busca,através dos militares americanos, a inserção de técnicas de combates, no intuito de aprimorara atuação de seus soldados. Tendo em vista, a preocupação do Imperador em tornar seu país,uma nação moderna na arte do combate com armamento de fogo. Com isso, os valores donovo mundo começam a agregar-se à cultura oriental. Embora o Japão seja uma nação caracterizada por uma cultura dotada de disciplina erigidez, onde a honra e a subserviência movimenta as atitudes de seu povo, seja hoje, uma dasgrandes potências mundiais; nada impediria de que ele – naquela época – incorporassepressupostos dos quais agregassem valores a sua cultura. Como mostra o primeiro ato destefilme. A necessidade de adequar o Japão ao ‘mundo moderno’, fez com que o Imperadorpromovesse a introdução da cultura ocidental no seu país. Fato esse perceptível através dosartefatos visíveis que norteavam os habitantes do império japonês. O segundo ato relevante do filme acontece no episódio em que o Capitão americano(Tom Cruise) é capturado, em combate, pelos Samurais. Neste instante, surge uma novainteração que, mais tarde, se resultaria noutro compartilhamento de valores. O Capitão, pelosseus valores ocidentais, tem uma difícil adaptação àquele mundo ‘servil’ que guiavam orestante dos valores dos Samurais. O que é muito natural, por tratar-se de ‘mundos’ distintos,conseqüentemente seus ideais, pensamentos, posturas, atitudes e opiniões seriam divergentes. Entretanto, é sabido que a necessidade ou um novo ponto de vista, perante umadeterminada situação, são capazes de fazer com que toda essa disparidade se adéqüe para aharmonia de um bem comum: no caso, para o compartilhamento da cultura milenar dosSamurais. O Capitão, depois de um determinado tempo convivendo naquele ambiente eobservando toda a sua estrutura, passou a compreender e a tomar aqueles valores para si,como sendo verdadeiros. Não mais tarde, todos esses valores são - de fato - compartilhadospelo Capitão americano. O terceiro grande momento deste filme deu-se na percepção do Imperador por certascondutas que iam de encontro aos valores de seu povo, das quais estavam sendo tomadas emvirtudes de interesses alheios à sua vontade de fato. O Imperador, durante um dado período,estava sendo manipulado por um de seus oficiais. O que mais tarde ele reverteria, ao perceber www.cursoraizes.com.br
  4. 4. www.cursoraizes.com.brque para atingir a prosperidade tão esperada, não era necessário tentar mudar valores, atéporque isso requer um trabalho quase que impossível. Mas sim incorporar, adequar eaprimorar pressupostos que venham ao encontro dos anseios daquela cultura. Este filme nos remete a analisar e a compreender enfaticamente as culturas decorporações bem sucedidas das fracassadas; onde valores estrategicamente agregados,adaptados e moldados podem tornar uma cultura efetivamente compartilhada e, com isso,promover o êxito da organização. Em contrapartida, a ineficiência na estrutura normativa deuma empresa pode acarretar além da deturpação da imagem no seu mercado de atuação, aruína de toda uma corporação. www.cursoraizes.com.br

×