Tecnologias server-side: PHPCarlos SantosLabMM 4 - NTC - DeCA - UAAula 10, 21-03-2013
Um pouco de história1995  • Rasmus Lerdorf desenvolve Scripts CGI em Perl (contador de    visitantes da sua página)  • ofe...
Um pouco de história2000  • PHP 4.0 passa a significar PHP: Hypertext Preprocessor  • motor/parser reescrito -> Zend Engine...
Arquiteturafunciona numa plataforma Web      • Exemplo: Apache Web Server + Módulo PHPpermite o desenvolvimento de aplicaç...
Caraterísticassimples de usar, generalidade das funções está disponível por defeitopoderosa, centenas de livrarias disponí...
Funcionamentotodo o PHP (embebido no HTML) é processado no servidorpara o browser (client-side) será enviada uma página ap...
Páginas estáticasuma página estática é uma página cujo conteúdo e aspeto foramdeterminados pelo seu autor.  • o conteúdo e...
Páginas dinâmicasuma página dinâmica para a Web é uma página cujo conteúdo e aspetonão são totalmente determinados no seu ...
Páginas dinâmicasexistem dois tipos de tecnologias dinâmicas:  • server-side (executado no servidor)     • PHP     • .Net ...
Como saber o que temos disponível no servidor?para ver a configuração do PHP atualmente instalada num qualquerservidor Web<...
estrutura e sintaxesintaxe a utilizar   <body>!   ! <?php echo "Hello World"; ?>!   </body>separação das instruções “;”   ...
estrutura e sintaxemúltiplos blocos de código PHP numa página HTML     <body>    ! ! <?php echo "Hello World"; ?>!    !   ...
Comentárioscomentários    <?php       // Este é um comentário       // Este é outro comentário       echo "Hello World";  ...
case sensitive?Case sensitive (both user defined and PHP defined)  • variables  • constants  • array keys  • class propertie...
Output<?php print("<p>Hello World</p>"); ?><?php print("<p>Hello World. I’m $name.</p>"); ?><?php echo "<p>Hello World. I’...
Output<?php printf(“Bar: %d garrafas.”, $bottles); ?>  • identificador de tipo/formato da variável -> %d (inteiro)  • mistu...
Output<?php printf(“Bar: %d garrafas.”, $bottles); ?>      Se $bottles = 6.113 -> “Bar: 6 garrafas.”<?php $MeuTexto = spri...
printf e sprintfespecificação do tipo de dados para a formatação:  • %b -> número binário  • %c -> caracter correspondente ...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

LabMM4 (T10 - 12/13) - Tecnologias server-side - PHP

1,406

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,406
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
63
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

LabMM4 (T10 - 12/13) - Tecnologias server-side - PHP

  1. 1. Tecnologias server-side: PHPCarlos SantosLabMM 4 - NTC - DeCA - UAAula 10, 21-03-2013
  2. 2. Um pouco de história1995 • Rasmus Lerdorf desenvolve Scripts CGI em Perl (contador de visitantes da sua página) • oferece esses script sob o nome – Personal Home Page1997 • PHP 2.0 (Personal Home Page/Form Interpreter) - utiliza linguagem C • popularidade cresce exponencialmente • desenvolve-se uma comunidade de programadores/utilizadores1998 • PHP 3.0, em 1999 tem já mais de 1 milhão de utilizadores • Andi Gutmans, Zeev Suraski
  3. 3. Um pouco de história2000 • PHP 4.0 passa a significar PHP: Hypertext Preprocessor • motor/parser reescrito -> Zend Engine • introduz: gestão recursos, OOP e gestão de sessões2004 • PHP 5.0 (versão atual é a 5.4.##) • maior suporte a OOP com desenvolvimento de frameworks (Zend) • suporte a XML, Web Services, … • utilizada em mais de 20 milhões de web sites…20?? • PHP 6.0, ainda em desenvolvimento…
  4. 4. Arquiteturafunciona numa plataforma Web • Exemplo: Apache Web Server + Módulo PHPpermite o desenvolvimento de aplicações Web numaarquitetura de 3 camadasApresentação• HTML,  CSS,  Javascript,  AJAX,  …Lógica• PHPDados• MySQLa linguagem PHP é processada no servidor (server-side)está normalmente embebida em páginas HTML e gera HTML!
  5. 5. Caraterísticassimples de usar, generalidade das funções está disponível por defeitopoderosa, centenas de livrarias disponíveis (acesso facilitado a funções)flexível, permite a livre escolha das soluções para a implementação dasaplicações Web (por exemplo: escolher livremente o SGBDR a utilizar)gratuitadesenvolvida colaborativamente, maior evolução
  6. 6. Funcionamentotodo o PHP (embebido no HTML) é processado no servidorpara o browser (client-side) será enviada uma página apenas com HTML <body> <p>Hello World</p> </body>
  7. 7. Páginas estáticasuma página estática é uma página cujo conteúdo e aspeto foramdeterminados pelo seu autor. • o conteúdo e o aspeto são constantes independentemente de quem visita a página, quando a visita ou como a visita • alterações numa página estática só podem ser efectuadas através da edição do código • exemplo: uma página HTML que se encontra publicada num servidor Web
  8. 8. Páginas dinâmicasuma página dinâmica para a Web é uma página cujo conteúdo e aspetonão são totalmente determinados no seu estado inicial (isto é, quando foipublicada pelo seu autor) • os conteúdos e aspeto são determinados após um utilizador executar um pedido da mesma, ao servidor Web, através de um browser • os conteúdos e aspeto da página podem variar de pedido para pedido • exemplo: página HTML com PHP embebidono momento em que existe um pedido de acesso à página, o PHPembebido é executado no servidor para gerar a página final
  9. 9. Páginas dinâmicasexistem dois tipos de tecnologias dinâmicas: • server-side (executado no servidor) • PHP • .Net (ASP) • JSP • Perl • ... • client-side (executado no browser) • JavaScript • DART • Flash • ...
  10. 10. Como saber o que temos disponível no servidor?para ver a configuração do PHP atualmente instalada num qualquerservidor Web<?php phpinfo(); ?>mostra módulos extras ativos no PHPo PHP no Apache é configurado através do ficheiro php.ini
  11. 11. estrutura e sintaxesintaxe a utilizar <body>! ! <?php echo "Hello World"; ?>! </body>separação das instruções “;” <body>! ! <?php! ! echo "Hello World";! ! echo “Peace and Love!!!!“;! ! ?> </body>
  12. 12. estrutura e sintaxemúltiplos blocos de código PHP numa página HTML <body> ! ! <?php echo "Hello World"; ?>! ! <p> Outro HTML</p>! ! <?php echo “Peace and Love"; ?>! </body>
  13. 13. Comentárioscomentários <?php // Este é um comentário // Este é outro comentário echo "Hello World"; /* Este é outro comentário que ocupa mais do que uma linha */ echo "Olá Mundo"; ?>comentários no estilo shell unix <?php! ! # Este é um comentário! ! # Este é outro comentário! ! echo "Hello World";! ?>
  14. 14. case sensitive?Case sensitive (both user defined and PHP defined) • variables • constants • array keys • class properties • class constantsCase insensitive (both user defined and PHP defined) • functions • class constructors • class methods • keywords and constructs (if, else, null, foreach, echo etc.) http://the-echoplex.net/log/php-case-sensitivity
  15. 15. Output<?php print("<p>Hello World</p>"); ?><?php print("<p>Hello World. I’m $name.</p>"); ?><?php echo "<p>Hello World. I’m $name.</p>"; ?>
  16. 16. Output<?php printf(“Bar: %d garrafas.”, $bottles); ?> • identificador de tipo/formato da variável -> %d (inteiro) • mistura/formata a parte dinâmica e parte estática da string<?php $MeuTexto = sprintf(“Preço: %.2f.”, $Price); ?> • igual ao printf mas devolve resultado para uma variável do tipo string
  17. 17. Output<?php printf(“Bar: %d garrafas.”, $bottles); ?> Se $bottles = 6.113 -> “Bar: 6 garrafas.”<?php $MeuTexto = sprintf(“Preço: %.2f.”, $Price); ?> Se $Price = 25.9183 -> $MeuTexto = “Preço: 25.92.”
  18. 18. printf e sprintfespecificação do tipo de dados para a formatação: • %b -> número binário • %c -> caracter correspondente ao código ASCII • %d -> número inteiro com sinal • %f ->número em vírgula flutuante • %o -> número em octal • %s -> string • %u -> número inteiro sem sinal • %x -> número hexadecimal em minúsculas • %X -> número hexadecimal em maiúsculas
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×