Transportes 2 a_total

292
-1

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
292
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
12
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transportes 2 a_total

  1. 1. março2014 Evolução dos transportes
  2. 2. 22  Durante muitos milhares de anos o homem não conheceu outro meio de transporte e locomoção além das próprias pernas, até à invenção da Roda.  No Antigo Egito o homem inventou a roda. Inventando a roda, partiu para a melhoria de condução e transportes.  Os egípcios inventaram a quadriga que era utilizada nas batalhas principais pelos nobres e pelo faraó. Sendo utilizada mais tarde pelos gregos e romanos (no Coliseu para lutas entre os gladiadores). Quadriga1ª roda
  3. 3.  Tudo começou em 1817, quando o barão alemão Karl Draiss Von Samerbronn inventou um novo meio de transporte. Ele queria algo que fosse prático e divertido ao mesmo tempo.  Arranjou duas rodas do mesmo tamanho, pô-las em linha (mas a da frente não virava), acrescentou um guiador, juntou um quadro com um selim e eis que surgiu a Draissienne. 3 Karl Draiss Von Samerbronn
  4. 4.  A ideia era a pessoa cavalgar em cima do quadro, montada no selim, impulsionar o aparelho empurrando-o com os pés (no chão) de forma a que este avançasse. Não havia pedais!  Esta “bicicleta” feita de madeira gozou de uma certa popularidade. Mas não era confortável principalmente se fosse conduzida fora de locais planos.  Em 1865, um inventor francês teve a ideia de colocar pedais na roda da frente (roda dianteira). 4 Draissienne
  5. 5.  A nova e melhorada Draissienne foi então batizada de "velocípede", mas popularmente era conhecida como o "agitador de ossos".  Cinco anos mais tarde, apareceu o primeiro aparelho feito inteiramente de metal. A grande inovação foram as novas rodas com pneus de borracha e longos raios que garantiam uma forma de transporte bem mais macia que as anteriores. 5
  6. 6. 66 A bicicleta de roda gigante  Ao mesmo tempo, que a bicicleta se tornava um pouco mais cómoda fez-se uma nova mudança: a roda dianteira tornava-se cada vez maior.  Os fabricantes perceberam que quanto maior fosse a roda, maior era a distância percorrida com uma pedalada.  Estes aparelhos foram os primeiros a chamarem-se bicicletas. Quem as possuía eram jovens com bastante dinheiro e que conseguiam pagar o seu alto preço (custava mais ou menos seis vezes o salário de um trabalhador normal!).
  7. 7. 77 A bicicleta de roda gigante  Mas nem tudo eram vantagens: como o centro de gravidade se situava no local onde a pessoa se sentava, qualquer pequeno obstáculo que se apanhasse pela frente (um buraco ou uma pedra no percurso) era mais do que suficiente para que a bicicleta girasse sobre o eixo dianteiro e o ciclista caísse! Por causa disto, para as senhoras e senhores “respeitáveis” foi inventado um verdadeiro triciclo para adultos!
  8. 8.  O tempo foi passando e a bicicleta de roda gigante foi tendo algumas melhorias.  Uma das mais importantes foi a adaptação de rodas dentadas aos pedais. Pensando na falta de segurança das rodas altas, foi inventado um sistema que voltou a utilizar duas rodas do mesmo tamanho, empurradas dos pedais ligados a um sistema de rodas dentadas.  O problema, infelizmente, continuava a ser material das rodas que, feitas de borracha, continuavam a manter a bicicleta bem desconfortável.  Um belo dia, um jovem veterinário irlandês, Dunlop, lembrou-se de fazer alguma coisa para tornar os passeios de triciclo mais confortáveis, inventou o pneu (mático)! 8 Bicicletas mais seguras
  9. 9. 99 As bicicletas modernas  A bicicleta torna-se confortável e todas queriam uma. Servia tanto como meio de transporte para o trabalho, como de veículo de passeio e diversão.  Muitos anos depois,vários fabricantes de bicicletas começaram a fazer-lhe alterações, de forma a torná-la mais atrativa para os jovens.  As suas características eram em muito parecidas com as dos automóveis e motocicletas.  Mas a bicicleta, tal como a conhecemos hoje, é muito parecida com os modelos das décadas 60 (com 3 mudanças) e 70 (com 10 mudanças).
  10. 10. 1010 Galeria de bicicletas
  11. 11. 1111 Carro  Em abril de 1908, a Ford lança no mercado dos Estados Unidos Model T, veículo robusto, seguro fácil de guiar e principalmente barato. Quando um era capaz de guiá-lo ou consertá-lo,sem precisar de motorista ou mecânico.  O automóvel, embora tenha sido criado na Europa, foi aperfeiçoado nos Estados Unidos. A indústria americana apercebeu-se rapidamente do quanto era importante aperfeiçoar o automóvel. Os técnicos fizeram esforços para tornar os veículos mais confortáveis e originais. Modelo T
  12. 12. 1212 Carro  O KDF foi o primeiro modelo fabricado pela companhia alemã Volkswagen. Foi o carro mais vendido no mundo, ultrapassando em 1972 o recorde do Ford modelo T. O último modelo do KDF foi produzido no México em 2003.  Logo depois, carros de passeio e camionetas começaram a ser fabricados: Volkswagem , DKW-Vemag, Willys-Overland, Simca, Galaxie, Corcel (da Ford), Opala da Chevrolet). Todos estes veículos, embora montados no Brasil, eram projetados nas mtrizes europeias e norte-americanas, utilizando a maioria de peças e equipamentos importados. Volkswagem
  13. 13. 1313 Comboio  John Blenkinsop, construiu uma locomotiva em 1812.  Esta máquina usava também carris de ferro- fundido, que vieram substituir definitivamente os trilhos em madeira usados até aí. Estes trilhos ou linhas de madeira foram desevolvidos na Alemanha por volta do ano de 1550.  George Stephensoe, inglês e mecânico nas minas de Killingworth, construiu a sua primeira locomotiva, a Blucher, em 1814. A Blucher, destinava-se ao transporte dos materiais da mina e conseguia puxar uma carga de 30 toneladas à velocidade de 6 quilómetros por hora.
  14. 14.  Stepheson viria a construir a primeira linha férria, entre Stockton e a região mineira de Darlington, inaugurada em 27 de Setembro de 1825. Esta linha tinha 61 km de comprimento.  Mais tarde, Stepheson construiu a linha férria entre Liverpool e Manchester, local onde foi usada uma nova locomotiva, a Rocket, que atingia os 30km/hora. 14
  15. 15. Galeria de imagens 15 Trevithicks Funcionamento da locomotiva a vapor 1ª locomotiva elétricaLocomotiva a vapor
  16. 16. 1616 Locomotivas a vapor  O escocês James Watt, com a introdução de várias alterações na conceção dos motores a vapor, contribuiu também para o desenvolvimento dos caminhos de ferro. A partir daqui, a evolução do comboio e das linhas ferroviárias tornou-se imparável, tranportando o progresso à volta do globo.  Em meados do século XIX já existiam muitos milhares de quilómetros de via férrea por todo o mundo. Neste último, com a colonização do Oeste, este número atingiu mais de 400 mil quilómetros no início do século XX. James Watt
  17. 17.  As locomotivas passaram do vapor à eletricidade. No dia 31 de Maio de1879, Werner Von Siemens apresentou na Exposição Mundial de Berlim a primeira locomotiva elétrica. No entanto, o seu desenvolvimento só foi significativo a partir de 1890, mantendo-se a sua utilização até aos nossos dias. 17 Werner Von Siemens
  18. 18. 1818  Nos fins do século XIX, Rudolf Diesel inventou o motor de injeção a diesel e novas locomotivas foram desenvolvidas usando esta nova tecnologia; foram também criadas locomotivas que utilizavam os dois conceitos (elétrico diesel). Estas máquinas depressa começaram a ganhar terreno às velhinhas locomotivas a vapor. No entanto, por exemplo em Portugal, se mantiveram no ativo até 1977, ano em que foram definitivamente afastadas, acusadas de serem causadoras de diversos incêndios.  Mais recentemente, foram desenvolvidas também locomotivas com turbinas a gás e com elas chegamos aos comboios de alta velocidade, capaz de atingir altas velocidades. Locomotiva a diesel Rudolf Diesel
  19. 19. 1919 TGV  No dia 1 de Outubro de 1964, os japoneses inauguraram a sua primeira linha de alta velocidade, ligando Tóquio a Osaka com as famosas locomotivas Shinkansen.  A França foi o maior impulsionador deste tipo de comboio, com o seu TGV “Train à GrandeVitesse”; em 23 de setembro de 1981 foi inaugurado o primeiro troço da linha Paris– Lyon.  A 3 de Março de 2007, um TGV, atinge os 574,8 km por hora na nova linha Paris-Estrasburgo, batendo o anterior recorde de velocidade ferroviário que era de 515 km.  Em 1993 é inaugurada a linha que une Paris à Belgica, Holanda, Alemanha e ao Reino Unido através do Túnel da Mancha.  Em 1863 o metropolitano já tinha feito a sua viagem inaugural em Londres, movido com uma locomotora a vapor.  Em 1890, com a mudança para energia elétrica, o metropolitano teve o seu grande desenvolvimento: em 1897 chegou aos Estados Unidos, e a Portugal apenas em 1959.
  20. 20. Galeria de TGV 20 Famosas locomotivas Shinkansen Shinkansen
  21. 21. 2121 Trabalho realizado por:
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×