• Save
Gregos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
9,895
On Slideshare
9,892
From Embeds
3
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
6

Embeds 3

http://www.slideshare.net 3

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Trabalho realizado por: Patrícia Mendes Nº19 7ºA In,http://images.google.pt/imgres?imgurl=http://www.trilhaseaventuras.com.br/images/noticias/grecia05.jpg&imgrefurl=http://www.trilhaseaventuras.com.br/atividades/materia.asp?id_atividade=11&id=155&usg=__GKpzp3LdQdfICeWVf_51AmqansY=&h=314&w=420&sz=49&
  • 2. In, http://img156.exs.cx/img156/3944/mapagrecia0qk.jpg
  • 3.
    • Características do Território
    • As comunicações eram dificultadas pelo acidentado do território, de estrutura montanhosa.
    In, http://www.trilhaseaventuras.com.br/images/noticias/grecia02.jpg
  • 4.
    • Clima e actividades económicas
    • O clima grego é quente e com pouca precipitação portanto pouco propicio ao desenvolvimento da agricultura, no entanto nas poucas planícies existentes, plantavam cereais, (trigo, cevada) , a vinha, a oliveira e a figueira. Nas montanhas desenvolviam a actividade caprina e ovina. Face às características geográficas desenvolveram ainda a pesca e o comercio marítimo
    In,http://2.bp.blogspot.com/_44q3phZQMic/SE0I1cANQDI/AAAAAAAAADM/0g4bovz3B3Q/s200/gr%C3%A9cia.bmp
  • 5.
    • Formação de Cidades – Estados
    • Como já referido as características acidentadas do terreno não propiciavam a comunicação. Assim criaram-se Cidades-Estado ( POLIS ) formadas pelo espaço rural e urbano à sua volta, com governo e administração próprios. Algumas destas cidades tinham muralhas defensivas e na parte alta ( acrópole ) situavam-se as construções religiosas ( templos e estátuas de deuses), na parte baixa ficava a praça pública .
    In, http://www.colegiosaofrancisco.com.br/alfa/civilizacao-grega/imagens/grecia-antiga2.jpg
  • 6.
    • As cidades estado tinham um forte sentimento de independência:
    • Esparta – o poder esteve sempre nas mãos de um pequeno grupo de aristocratas. Estes sujeitavam os espartanos a uma educação rígida e a uma exigente preparação militar.
    • Atenas – o poder estava centrado essencialmente nos comerciantes pois o comercio crescente e dominante concedia-lhes o referido poder.
    In,http://www.s2.com.br/s2arquivos/361/Imagens/1197Image.jpg
  • 7.
    • A colonização grega
    • Entre os séc. VII e VI muitos gregos emigraram devido:
    • - à pobreza dos solos.
    • - aos conflitos entre cidades-estado.
    • - e ao crescimento populacional – o que agravou a falta de terras e alimentos.
    • Começando na Grécia, fundaram colónias nas margens do mar Negro e por todo o mediterrâneo. Estas colónias mantinham laços com a cidade de origem, reforçados pelas relações comerciais, língua comum , costumes, jogos e deuses. Apesar de estarem espalhados por várias regiões mantinham a sua identidade, assente na ideia de que pertenciam ao mesmo povo que partilhava, a mesma comunidade cultural: o mundo helénico.
    In,http://www.enciclopedia.com.pt/images/TRIREME.jpg
  • 8.
    • Atenas:
    • Transformou-se numa das mais ricas e prósperas cidades do mundo grego.
    • Está localizada nas margens do mar Egeu, na península da Ática.
    • A prática da agricultura estendia-se pelos campos da península Ática. O clima e solo pobre impossibilitaram que Atenas se tornasse auto-suficiente.
    • Importavam cereais, madeira e metais que trocavam por produtos artesanais (armas, navios e cerâmica) e excedentes agrícolas (azeite, vinho e figos).
    • O comercio era realizado por via marítima.
    • A moeda passou a ser aceite no comércio.
    In,http://www.estadao.com.br/fotos/atenas_viagem.jpg
  • 9.
    • A sociedade ateniense:
    • A sociedade ateniense estava dividida em três grupos:
    • Os cidadãos, homens livres com mais de 18 anos, com serviço militar cumprido e filhos de pais atenienses, tinham direito a ter terras, casas e participar no governo da cidade.
    • Os metecos, homens nascidos noutras cidades, não podiam ter terras e participar no governo da cidade. Dedicavam-se ao comércio e ao artesanato e eram obrigados a pagar impostos e serviço militar.
    • Os escravos, prisioneiros de guerra, filhos/as de escravos, executavam os trabalhos pesados. Não tinham direitos políticos nem liberdade. Em Atenas eram protegidos por leis e alguns acabavam por ser libertados.
    In,http://www.tribunadodireito.com.br/2005/julho/imagens/grecia.jpg
  • 10.
    • A vida quotidiana:
    • Muitos atenienses viviam no campo e dedicavam-se à agricultura, alguns eram artífices e outros mercadores. Haviam ainda outros que tinham outros ofícios ou viviam dos rendimentos da terra.
    • Acordavam cedo – a primeira refeição do dia era muito simples ( composta por pão e vinho)- a maior parte do dia-a-dia do homem era feita no exterior de casa.
    • A mulher vivia dependente do homem. Até casar ficava sob poder paterno. A grande parte da vida era passado no gineceu ( parte da casa reservada às mulheres) ai entregavam-se a lida da casa e à educação dos filhos.
    • A refeição mais abundante era no fim do dia, em momentos especiais o jantar era a altura para o homem receber convidados, assistir a momentos musicais e de dança e discutir temas de filosofia e politica.
    • Os alimentos eram cozinhados em fornos de pedra ou sobre braseiras moveis. A iluminação era feita com lamparinas alimentadas com azeite.
    In,http://sol.sapo.pt/photos/olindagil/images/544658/original.aspx
  • 11.
    • O funcionamento do regime democrático ateniense
    • A forma de governo era a democracia em que todos os cidadãos eram iguais perante a lei.
    • Os principais órgãos da democracia ateniense eram:
    • A Eclésia ou Assembleia Popular, formada por todos os cidadãos, decidia a paz e a guerra , aprovava leis designava os seus representantes noutros órgãos.
    • A Bulé ou Conselho dos Quinhentos, a principal função era a preparação das leis que eram votadas pela Assembleia.
    • Os Magistrados tinham como responsabilidade o poder executivo, os arcontes tinham funções religiosas e judiciais e os estrategos comandavam o exercito e a marinha e controlavam as finanças.
    • O poder judicial era exercido por dois tribunais: a Helieia (tribunal popular) e o Areópago (formado por antigos arcontes)
    • Desta forma, os cidadãos podiam participar directamente no governo da cidade. Por isso se diz que esta era uma democracia directa.
    In,http://www.colegiosaofrancisco.com.br/alfa/civilizacao-grega/imagens/esparta1.jpg
  • 12.
    • Limites da democracia ateniense
    • Assim em Atenas, só os cidadãos ( cerca de 10% da população), tinham direito a participar no governo da cidade. Às mulheres dos cidadãos, aos metecos e aos escravos esse direito não era reconhecido.
    In,http://ouvidodemaxwell.com/images/oom8_teatro_grego_sicilia_site.jpg
  • 13.
    • Os deuses
    • Os gregos eram politeístas ( adoravam vários deuses). Os deuses eram representados à semelhança dos homens, com as suas características físicas, defeitos, paixões, distinguindo-se dos humanos pelos seus poderes sobrenaturais e pela imortalidade.
    • Zeus - considerado pai dos deuses;
    • Hera – mulher de Zeus e deusa do casamento;
    • Apolo – deus do sol e das artes;
    • Afrodite – deusa da beleza e do amor;
    • Poseidon – deus do mar;
    • Artemisa – deusa da caça e da floresta
    • Atena – deusa da inteligência
    • Deméter – deusa das colheitas
    • Dionísio – deus do vinho
    • Hermes – deus do comércio
    • Hefesto – deus do fogo
    In,http://4.bp.blogspot.com/_yrkPiBSZMh0/SLlgLvWuRLI/AAAAAAAAAP8/2xs6lMXZl5Y/s320/img_ares.jpg
  • 14.
    • Os deuses (continuação)
    • Os gregos prestavam também culto aos heróis. Estes eram considerados como estando entre os deuses e os homens e eram venerados pela bravura das suas acções, por exemplo na fundação de uma cidade ou na sua defesa. Os heróis eram considerados semi-deuses. Heróis como Ulisses, Aquiles, Ajax, e Herácles eram muito populares na Grécia.
    In,http://www.educ.fc.ul.pt/docentes/opombo/hfe/protagoras/images/hefesto_4.jpg
  • 15.
    • Os cultos
    • Os Gregos realizavam cerimonias religiosas ( cultos), para conseguirem favores e protecção dos deuses. No espaço púbico, o culto dos deuses era prestado nos templos e nos altares espalhados pela cidade. Nos templos, sob a orientação da sacerdotes e magistrados, realizavam-se orações, oferendas, sacrifícios de animais e procissões . Em casa, celebravam-se também cerimónias religiosas, no altar doméstico, com objectivo de honrar os antepassados ou pedir ajuda numa data importante para a família ( um nascimento, um casamento, uma morte).
    In,http://marius70.no.sapo.pt/vestais.jpg
  • 16.
    • A formação do cidadã o
    • Até aos sete anos as crianças eram educadas em casa sobretudo pela mãe.
    • Depois dos sete anos :
    • As meninas permaneciam em casa no gineceu, onde eram preparadas para serem boas donas de casa e futuras mães.
    • Os rapazes, eram acompanhados por um escravo, o pedagogo, começavam a frequentar a escola. Aí aprendiam a ler, escrever e a contar. Eles também tinham ginástica.
    • A partir dos quinze anos:
    • Aperfeiçoavam a preparação física no ginásio enquanto falavam com os professores sobre gramática, retórica e música.
    • Aos dezoito anos:
    • Tinham preparação militar durante dois anos. Depois de concluírem a preparação eram considerados cidadãos.
    • Uma das finalidades desta educação era preparar os jovens para a intervenção na vida cívica da cidade.
    In,http://www.doutrina.linear.nom.br/Cientifico/Filosofia/filosofia.jpg
  • 17.
    • Teatro
    • O teatro surgiu na Grécia, ligado às festas religiosas em honra do deus Dionísio. Era muito apreciado pelos gregos, os géneros teatrais mais divulgados eram a tragédia e a comédia.
    • A tragédia era uma história dramática que se baseava nas relações entre homens e deuses, nos conflitos e paixões humanas.
    • A comédia fazia críticas á sociedade e costumes da época, procurando ridicularizar pessoas e situações e provocar o riso na assistência.
    • As representações eram feitas ao ar livre, em anfiteatros ( espaços de forma semi-circular, construídos na encosta de monte ) que podiam chegar a receber 10 mil espectadores. As mulheres podiam ir ao teatro mas não representar.
    In,http://1.bp.blogspot.com/_hbaKawTe_B8/SMGI6BstewI/AAAAAAAAFzk/TWxBvm-yRGI/s400/2150317.jpg
  • 18.
    • O pensamento grego
    • Os gregos destacaram-se em várias ciências como na matemática e na medicina. Entre os nomes dos maiores homens da ciência desse período os mais famosos foram Pitágoras ( na matemática ) e Hipócrates ( na medicina ).
    • Os gregos preocupavam-se com a procura do saber, tentando encontrar respostas para diversas perguntas, aqueles que se dedicavam a encontrar as respostas chamavam-se filósofos. Destacou-se neste domínio o ateniense Sócrates que defendeu a importância do reconhecimento da ignorância e do dialogo como forma de alcançar a verdade, uma das frases da sua autoria é «Só sei que nada sei». Destacaram-se também como filósofos Platão, Aristóteles, Heródoto e Trucides.
    In,http://byfiles.storage.msn.com/y1pkWczKyCXiAff4a0V2hzWZhnyigMbkTuHRmvGU2FNskGmlwNh24sUIrY1KsrjkGLS
  • 19.
    • Os jogos
    • Os jogos tinham um carácter sagrado para os gregos. Para participarem vinham atletas de toda a Grécia. Os jogos eram tão importantes que os gregos paravam a guerra para participarem neles,
    • Os atletas eram homens livres e representavam as suas cidades de origem. Os vencedores dos jogos eram considerados heróis e o seu prémio era simbólico – uma coroa de oliveira ou de louro. Os atletas competiam pela honra de vencer.
    • Só os homens e mulheres jovens podiam assistir, as mulheres casadas estavam proibidas de ir assistir.
    • Os mais antigos jogos eram os Jogos Olímpicos. Eram realizados de quatro em quatro anos, em honra de Zeus na cidade de Olímpia.
    • Em ano de jogos no fim de Julho anunciava-se a realização de tréguas sagradas. A partir daí quem fosse apanhado armado na cidade ficava prisioneiro de guerra.
    • Os jogos duravam cinco dias e realizavam-se catorze provas distribuídas por várias modalidades: equestre, corrida, luta e pentatlo ( salto, corrida, lançamento do disco e do dardo)
    In,http://olimpia776.warj.med.br/img/discobolo.jpg
  • 20.
    • A arte e a arquitectura
    • A arte caracteriza-se pela harmonia e equilíbrio das poções e formas, por isso se diz que e feita à imagem do homem.
    • A arquitectura era para os gregos a arte mais nobre de todas. Na Grécia foram construídos grandiosos templos, teatros e estádios.
    • Os templos são símbolos de poder religioso e político das cidades-estado e eram normalmente, construídos na acrópole ( o local mais alto e visível da cidade ). Normalmente possuem uma planta rectangular, onde as colunas se destacam, as colunas eram utilizadas nos interior e exterior dos edifícios. No seu interior tinham também uma estatua as oferendas dedicadas ao seu deus. A maior parte dos templos eram muito semelhantes embora possa-mos distinguir três etilos ou ordens principais: o estilo dórico, jónico e coríntio.
    In,http://www.colegiosaofrancisco.com.br/alfa/civilizacao-grega/imagens/arte-grega17.jpg
  • 21.
    • A escultura e a cerâmica
    • A escultura tinha como principal tema a figura humana, habitualmente um jovem no auge na sua forma física. A maioria das esculturas tinham o tamanho real e eram de tal maneira realistas que pareciam ter vida. Normalmente estavam representados deuses, atletas e heróis. Os nomes de escultores mais conhecidos eram: Policleto, Míron e Fídias.
    • Os gregos utilizavam os seu talento na pintura para ornamentarem as suas peças de cerâmica. Motivos mitológicos e cenas do quotidiano são os principais temas destas representações. São habitualmente pintadas de cor vermelha sob um fundo preto. A cerâmica grega tem sido um dos maiores instrumentos de estudo da história dos mesmos.
    In,http://www.geocities.com/astrologyhouses/images/hermeslarge.jpg
  • 22.
    • LAGARTIXA, Custódio ; PEREIRA, Helena e GOMES, José ,Viver a História 7º ano, 1ªedição, Carnaxide, Santillana Constância, 2006.