Os Perigos Da Internet. EstratéGias Para Minimizá Los.

2,620 views

Published on

Os Perigos da Internet: Estratégias para minimizar os riscos.

Published in: Education
0 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,620
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
104
Actions
Shares
0
Downloads
87
Comments
0
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Os Perigos Da Internet. EstratéGias Para Minimizá Los.

  1. 1. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet Carla Ramalho B Monteiro 8 de Fevereiro de 2009
  2. 2. O que é a Internet? <ul><li>A Internet é um conglomerado de redes em escala mundial de milhões de computadores interligados que permite o acesso a informações e todo tipo </li></ul><ul><li>É o sistema de informação global que: </li></ul><ul><li>É ligado por um endereço único global baseado no Internet Protocol (IP) ou suas subsequentes extensões; </li></ul><ul><li>É capaz de suportar comunicações usando o Transmission Control Protocol/Internet Protocol (TCP/IP) ou suas subsequentes extensões e/ou outros protocolos compatíveis ao IP; </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  3. 3. Computador Modem (interno, externo ou PCMCIA) Linha telefónica normal, linha RDIS, linha telefónica normal, linha RDIS, ligação por cabo ou ADSL Hard ware necessário para aceder à Internet Computador Modem (interno, externo ou PCMCIA)
  4. 4. Normalmente, as empresas que fornecem as ligações à Internet (Fornecedores de serviços – ISP) disponibilizam todo o software necessário. Este software permite o reconhecimento do modem e a ligação do computador à Internet e, consequentemente, a troca/partilha de informação com outros computadores. É ainda necessário dispor de um Web browser, que é um programa que nos permite a visualização de páginas da Web. Software necessário para aceder à Internet
  5. 5. Um Fornecedor de serviços (ISP – Internet Service Provider ) é uma entidade (empresa ou organização) que nos abre uma “porta” de entrada para a Internet. O nosso computador é ligado ao computador dessa entidade que, por sua vez, está ligada à Internet. Fornecedor de serviços necessário para aceder à Internet Os Fornecedores de serviços disponibilizam programas que permitem: A ligação ao seu servidor Navegar na Internet – Web browser A visualização e cópia de ficheiros a partir da Internet, envio e recepção de mensagens, participação em grupos de discussão, etc.
  6. 6. História da Internet A Internet surge em 1969, nos Estados Unidos da América. Pretendia-se desenvolver uma rede de comunicações que interligasse os supercomputadores da defesa americana e de algumas grandes universidades, de forma a que, no caso de haver um ataque nuclear, as comunicações não fossem interrompidas. Em 1972, a DARPA ( Defense Advanced Research Projects Agency ) apresenta a ARPANET que as ligações existiam entre todas as bases de defesa e, em caso de destruição de uma delas, a comunicação estabelecer-se-ia automaticamente, através de uma outra base. Garantindo
  7. 7. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet No início dos anos 80, a ARPANET adopta um conjunto de protocolos – TCP/IP – que permitem a universidades, centros de investigação – MSFnet – e outros departamentos militares – MILnet – e governamentais americanos criarem as suas próprias redes e ligarem se também à ARPANET. Nasce assim a Internet
  8. 8. A janela do Internet Explorer - IE        Barra de título Barra de menus Barra de ferramentas Padrão Barra de endereços Barra do Explorer Painel do browser        Barra de estado
  9. 9. A barra de ferramentas Padrão Retroceder página Web Avançar página Web Parar o carregamento da página Web Recarregar (chamar de novo) a página Web Abrir a página definida como página principal Procurar conteúdos na WWW Visualizar os favoritos Reproduzir automaticamente ficheiros digitais de multimédia Aceder ao histórico ( sites visitados recentemente) Enviar, por correio electrónico, uma hiperligação ou página Web , ler grupos de discussão Imprimir página Web Editar página Web Debate Aceder ao Messager
  10. 10. A barra de endereços É na barra de endereços que digitamos o endereço da página que pretendemos visualizar. Também, quando acedemos a uma página através de uma hiperligação, o seu endereço é visualizado nesta barra. A barra de hiperligações Esta barra contém endereços de alguns sites a que pretendemos ter um acesso mais rápido.
  11. 11. A barra de estado Esta barra situa-se no rodapé da janela do Internet Explorer e permite visualizar: A evolução do carregamento da página Web. O nível de segurança do site. O tipo e/ou local de acesso que estamos a usar ( offline / Internet / Intranet).
  12. 12. Regras de Segurança que se deve cumprir: Faça Cópias de Segurança - Backup <ul><li>Permitem a recuperação de alguma informação, em caso de danos nos ficheiros originais. </li></ul><ul><li>Decidir o que copiar é uma questão pessoal. </li></ul><ul><li>Prioritário - tudo o que não conseguir substituir. </li></ul><ul><li>Sugestões a ter em conta: • Documentos pessoais; • Fotografias digitais; • Software que adquiriu e transferiu da Internet; • Música que adquiriu e transferiu da Internet; • O seu livro de endereços de correio electrónico; • As suas hiperligações favoritas . </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  13. 13. Crie uma Palavra-passe segura <ul><li>Crie palavras-passe longas - devem ter uma extensão de 8 caracteres ou mais. </li></ul><ul><li>Combine letras, números e símbolos. </li></ul><ul><li>Use palavras e frases que sejam fáceis de recordar, mas difíceis de descobrir por outra pessoa. </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  14. 14. Estratégias a evitar <ul><li>Sequências ou caracteres repetidos: &quot;12345678,&quot; &quot;222222,&quot; &quot;abcdefg,&quot; . </li></ul><ul><li>substituir caracteres por símbolos semelhantes. </li></ul><ul><li>usar o seu nome de utilizador. </li></ul><ul><li>palavras do dicionário, seja em que língua for. </li></ul><ul><li>usar sempre a mesma palavra-passe para todas as situações. </li></ul><ul><li>usar sistemas de armazenamento on-line. </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  15. 15. Sair em segurança <ul><li>E-mail </li></ul><ul><li>Plataformas </li></ul><ul><li>Fóruns </li></ul><ul><li>etc. </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  16. 16. Dicas de Segurança - Práticas para evitar fraudes na internet 1) Proteja seu computador Assim como tomamos precauções de segurança, por exemplo, em nossa casa ou no automóvel, precisamos ter cuidados com relação ao nosso computador. Para isso, é necessária a utilização de alguns programas que irão formar uma camada de proteção contra algumas ameaças. Estes programas podem ser obtidos de diversos fabricantes em pacotes integrados ou de forma individual. Pelo menos 3 tipos de proteção são necessários: - Antivírus: Um programa antivírus irá proteger seu computador contra os denominados “vírus de computador” e suas variantes, como worms (veja o glossário para uma melhor compreensão destes termos). É imprescindível que o antivírus tenha uma característica chamada “atualização automática”, que garante que o programa irá buscar novas atualizações automaticamente e com freqüência no mínimo diária. - Firewall pessoal: Um programa denominado “firewall” irá manter uma barreira lógica entre seu computador e a Internet, evitando que atacantes façam acessos não autorizados. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  17. 17. - Anti-Spam: Este programa irá auxiliar a filtrar o conteúdo indesejado de e-mails, descartando automaticamente aqueles que forem considerados “Spam”. Observação Importante: A eficiência destes programas de proteção está relacionada com a forma como os mesmos foram instalados e configurados. Caso não se sinta seguro para efetuar a instalação e configuração dos mesmos, consulte o suporte especializado dos fabricantes. 2) Não forneça senhas Nunca informe qualquer senha para qualquer pessoa ou para qualquer pedido de cadastramento ou sob nenhum argumento. 3) Fique atento a barra de endereços de seu navegador Verifique se o endereço digitado não mudou durante a navegação. Caso seja uma conexão segura (aquela conexão com endereços iniciados em https:// e com o cadeado activado), clique no cadeado e verifique se a informação do certificado corresponde com o endereço na barra de endereços do navegador. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  18. 18. 4) Pagamento Um das formas mais comuns de aplicação de golpes é a exigência de pagamentos antecipados. Certifique-se sobre a procedência do site e em caso de dúvida, contacte a empresa através do atendimento on-line ou telefone fixo. Ao sentir qualquer desconfiança, não efectue o pagamento. 5) Dados pessoais Em caso de dúvida da procedência do site, não forneça os seus dados pessoais. 6)Ofertas tentadoras Não aceite ofertas tentadoras via email , geralmente encaminhadas por endereços falsos, que prometem prémios instantâneos ou descontos especiais. Certifique-se sobre a procedência do e-mail e em caso de dúvida, contacte a empresa através do atendimento on-line ou telefone fixo. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  19. 19. 7) Programas de invasão Cuidado com mensagens beneficentes ou que contenham imagens de catástrofes, actos de barbárie, pornografia, acidentes etc. A curiosidade do internauta é explorada pelos falsários, com o intuito de aplicar golpes. Geralmente os arquivos com as supostas imagens carregam programas de invasão (trojans) que se instalam de forma oculta no computador do usuário para posteriormente roubar senhas e outros dados confidenciais da pessoa. Sempre apague estas mensagens, mesmo que o remetente seja uma pessoa conhecida. 8) Emails Não abrir, em hipótese alguma, anexos de emails vindos de desconhecidos ou mesmo de conhecidos mas com texto suspeito. Só clique em links se tiver certeza absoluta que o remetente lhe enviou um arquivo anexado. Em caso negativo apague imediatamente a mensagem. Nunca clique arquivos com extensão desconhecida. Na dúvida, apague. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  20. 20. 1-Não darei informação pessoal como a minha morada, o meu número de telefone, o telefone e a direcção do trabalho dos meus pais ou a morada da escola onde estudo sem a permissão dos meus pais. 2. Se alguma informação me fizer sentir algum incómodo informarei os meus pais o mais depressa possível. 3. Nunca me encontrarei com alguém que tenha conhecido pela Internet sem a devida autorização dos meus pais. Se os meus pais estiverem de acordo assegurar-me-ei de que o encontro é num lugar público e serei acompanhado(a) pela minha mãe ou pelo meu pai. 4. Nunca enviarei a minha fotografia ou qualquer outra coisa a alguém sem que os meus pais o tenham permitido. 5. Não responderei a nenhuma mensagem que me cause incómodo. Se o fizer digo-o aos meus pais para que eles se ponham em contacto com os responsáveis. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  21. 21. 7. Não darei a minha senha (password) de Internet a ninguém (incluindo os meus melhores amigos), excepto aos meus pais. 8. Serei um bom utilizador da Internet e não farei nada que possa causar prejuízo a outras pessoas ou que esteja fora da lei. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet 6. Falarei com os meus pais para combinar as regras para poder navegar na Internet. Entre os meus pais e eu decidiremos o tempo que posso estar ligado(a) e os lugares a que posso aceder. Não entrarei em outros sítios nem quebrarei as regras sem a permissão deles
  22. 22. <ul><li>Procedimento mais frequentes de indivíduos perigosos que utilizam a Internet para influenciar crianças e jovens </li></ul><ul><li>-Oferecem atenção, carinho, amabilidade e dinheiro; -Interessam-se pelos jovens e manifestam simpatia relativamente aos seus problemas; -Aproveitam temas de interesse dos jovens como música da moda, passatempos e actualidades; -Nas conversas abordam temas dum modo aberto e descontraído com o propósito de acabar paulatinamente com as inibições dos jovens; -Divulgam imagens pornográficas; -Aliciam as suas vítimas por telefone e também procuram combinar encontros. </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  23. 23. Regras de Educação que se deve adoptar ao navegar: NetEtiquette Conjunto de atitudes e normas recomendadas (não impostas) para que todos os utilizadores possam comunicar através da Internet de uma forma cordial e agradável. Nunca escreva numa mensagem de correio electrónico algo que deseje manter em sigilo. Não envie correio electrónico desnecessário apenas para encher a caixa dos destinatários. Lembra-se que do outro lado está alguém que pode estar a pagar o tempo de conversação, por isso não abuses do tempo do utilizador. Evite o calão. Expresse sempre as tuas ideias de um modo claro, simples e com uma linguagem precisa.
  24. 24. Glossário de termos que deve saber: <ul><li>Correio electrónico: Software . É o nome dado às mensagens textuais ou outros ficheiros trocados entre computadores através de uma rede de comunicações. Apesar da banalização do correio electrónico ter acontecido no contexto da Internet, o termo designa igualmente as mensagens trocadas entre os postos de trabalho numa rede local, os terminais de um sistema multi-utilizador ou outros similares. Usa-se também o termo inglês email (ou e-mail). </li></ul><ul><li>Freeware : Software disponível para download na Internet de forma gratuita. </li></ul><ul><li>Pop-up : Anúncio publicitário de janela automática. </li></ul><ul><li>HTTP : - Iniciais de Hypert Text Transmition Protocol, ou protocolo de transmissão de hipertexto. Usado para transmitir páginas web usando o protocolo de rede TCP/IP. Os endereços da World Wide Web são escritos designando inicialmente o http:// que indica que estão alojadas num servidor HTTP e que permite ao browser reconhecer a localização de uma página. </li></ul><ul><li>Links são palavras ou ilustrações pré-estabelecidas como “pontos de saltos”. Quando nelas se clica, provocam a transferência para outro assunto ou página Web. </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  25. 25. Se tiverem Internet vejam os vídeos: http://www.youtube.com/watch?gl=BR&hl=pt&v=6AIQQ4HAokk http://www.youtube.com/watch?v=OH08FGMY6og&eurl=http://asturminhasdastic.blogspot.com/ 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  26. 26. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet Navegação é o processo de se mover de um website para outro seguindo links. licitadas, enchendo as caixas de correio dos utilizadores e aumentando o volume de tráfego na rede. Ex: mensagens publicitárias de correio electrónico. SPAM: Na sua forma mais popular, um spam consiste numa mensagem de correio electrónico com fins publicitários. Spyware : é um &quot;software&quot; malicioso que permite a recolha de informação do computador do utilizador por parte de desconhecidos. Na generalidade, o spyware poderá vir integrado em programas não fidedignos, ou em determinadas componentes transferidas, quando se acede a um site de Internet. Ex: existem várias formas de o spyware ou outro software indesejado entrar no seu computador. Um truque comum é instalar o software sub-repticiamente durante a instalação de um outro software de que necessita, como um programa de partilha de ficheiros de música ou de vídeo.
  27. 27. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet <ul><li>Trialware : Software disponível na Internet para fazer download e utilizar durante um período de tempo limitado. </li></ul><ul><li>Trojans (Cavalos de Tróia): exemplo de Vírus geralmente camuflados num programa legítimo, executam outras funções com o desconhe­cimento do proprietário do equipamento. Ex: o sistema apresenta mensagens de erro pouco usuais. </li></ul>
  28. 28. <ul><li>Vírus : na sua maioria encontram-se incluídos no código de programas ou ficheiros e poderão danificar o seu computador ao propagar-se de ficheiro em ficheiro e até mesmo de computador em computador. Ex: o computador tem um funcionamento mais lento do que é habitual. </li></ul><ul><li>Worms : exemplo de vírus, têm a mesma finalidade do vírus, mas propagam-se automaticamente, replicando-se assim em grande volume. Ex: o computador reinicia sozinho e depois não funciona normalmente. </li></ul><ul><li>WWW significa World Wide Web e é o ambiente multimédia da Internet, a reunião de texto, imagem, som, vídeo e movimento na Internet </li></ul>07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet
  29. 29. 07-06-09 Professora Carla Monteiro Segurança na Internet

×