As potencialidades de um ambiente virtual de aprendizagem no ensino de  inglês da UNED de Duque de Caxias do Colégio Pedro II
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

As potencialidades de um ambiente virtual de aprendizagem no ensino de inglês da UNED de Duque de Caxias do Colégio Pedro II

on

  • 2,687 views

Apresentação com base nos dados da dissertação de mestrado em Linguística Aplicada (UFRJ) de Claudio de Paiva Franco.

Apresentação com base nos dados da dissertação de mestrado em Linguística Aplicada (UFRJ) de Claudio de Paiva Franco.

Statistics

Views

Total Views
2,687
Views on SlideShare
2,674
Embed Views
13

Actions

Likes
0
Downloads
20
Comments
1

1 Embed 13

http://www.slideshare.net 13

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Olá Prof. Claudio Franco,
    Parabéns pela pesquisa! Apreciei a abordagem e aprendi sobre a aprendizagem de línguas online. [Escrevo aqui, mas falo de sua Tese também! :)]
    Agora continua as pesquisas no Moodle 2.0? Melhorou mas o que traz em sua pesquisa permanece na nova versão. Vou buscar acompanhar mais seu trabalho. Desejo apreender mais sobre a metodologia do ensino de línguas para a atuação como DE.
    Aproveito convidar para nosso Grupo no Face 'Filtros Educação & Aprendizagem XXI' [http://www.facebook.com/groups/273110999370929/] , onde buscamos agregar boas pesquisas e outras referências. Acabo de indicar seu material. :)
    Ciberabs! E Sucesso!!
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

As potencialidades de um ambiente virtual de aprendizagem no ensino de  inglês da UNED de Duque de Caxias do Colégio Pedro II As potencialidades de um ambiente virtual de aprendizagem no ensino de inglês da UNED de Duque de Caxias do Colégio Pedro II Presentation Transcript

  • As potencialidades de um ambiente virtual de aprendizagem no ensino de inglês da UNED de Duque de Caxias do Colégio Pedro II Apresentação com base nos dados da dissertação de mestrado em Linguística Aplicada (UFRJ) de Claudio de Paiva Franco* 2009 * Disponível em: http://www.slideshare.com/cpaivafranco
    • Tendo em vista o dilúvio informacional do ciberespaço e alunos pertencentes à geração de nativos digitais, ou seja, aqueles que já nasceram em meio a tecnologias digitais, torna-se imprescindível criar oportunidades de aprendizagem que rompam os limites da sala de aula presencial, transgredindo as limitações físicas e temporais da educação convencional. Portanto, criou-se um ambiente virtual de aprendizagem para servir de complemento à disciplina de Inglês .
    Justificativa
    • Apresentar e discutir, a partir da percepção dos participantes (alunos e professor-pesquisador), as contribuições do uso de um ambiente virtual de aprendizagem como componente integrante de um curso presencial de inglês que prioriza o ensino da habilidade de leitura. Pretende-se discutir também as características específicas desse ambiente virtual elaborado que propiciaram tais contribuições. Além disso, são analisadas as relações possivelmente estabelecidas entre os componentes on-line e presencial do referido curso.
    Objetivo
      • A instituição de ensino onde a pesquisa foi conduzida - Colégio Pedro II - está localizada na cidade de Duque de Caxias e é uma autarquia federal do MEC.
      • A unidade escolar investigada ofereceu, em 2009, a 1ª e a 2ª séries do Ensino Médio.
      • O ensino de inglês prioriza a habilidade de leitura, sob a concepção sócio-interacional.
      • A carga horária é de três tempos semanais de 45 minutos cada um, distribuídos em dois dias.
      • Utilizou-se a plataforma Moodle para desenvolver os componentes on-line, um para cada ano do Ensino Médio (ING1 e ING2).
      • Os alunos-participantes começaram a acessar o ambiente virtual em 04/03/09 e os dados desta pesquisa foram gerados ao longo de, aproximadamente, 5 meses.
    Contexto de Pesquisa
    • Professor-pesquisador;
    • 140 alunos de quatro turmas do Ensino Médio:
    Participantes (1/2) TURMA Série Alunos Sexo Feminino Masculino 1101 1a série 31 20 (65%) 11 (35%) 1107 30 12 (40%) 18 (60%) 1101 e 1107 61 32 (52%) 29 (48%) 1201 2a série 40 25 (62,5%) 15 (37,5%) 1203 39 24 (62%) 15 (38%) 1201 e 1203 79 49 (62%) 30 (38%) Todas 1a e 2a séries 140 81 (58%) 59 (42%)
  • Participantes (2/2) Acesso à Internet nas turmas da 1ª série Acesso à Internet nas turmas da 2ª série Atividades realizadas pelos alunos da 1ª série Atividades realizadas pelos alunos da 2ª série
    • Contribuições pedagógicas do uso do AVA:
    • possibilidade de empoderamento dos participantes;
    • aumento da interação entre os participantes;
    • possibilidade de estreitamento de laços afetivos entre os participantes;
    • contribuição para o desenvolvimento da autonomia;
    • contribuição para formação de uma comunidade de aprendizagem on-line;
    • contribuição para dupla imersão de conhecimentos;
    • viabilização de maior reflexão sobre a aprendizagem;
    • possibilidade de desenvolvimento da leitura hipertextual;
    • possibilidade de acompanhamento detalhado da participação dos usuários;
    • possibilidade de oferecer uma aprendizagem mais atraente.
    Resultados da pesquisa
    • Possibilidade de empoderamento dos participantes
    Resultados da pesquisa (2/18) <Aluno B9> [...] aqui (no componente on-line) tenho mas liberdade do que na sala de aula ... aqui temos alguns recursos a mais...facilitando e tirando dúvidas. <Aluno B9> As atividades on-line ajudam quando tem pessoas q naum participam muito em sala e se soltam mais na net .
    • Aumento da interação entre os participantes
    Resultados da pesquisa (3/18) Mensagem dentro do Moodle (quarta, 4 março 2009) <Aluna C6> [20:33]: Teacher, eu enviei scrap pro seu orkut falando q estava com dificuladade, como já sai do orkut, enviei por aq mesmo,já resolvi tudo okay ? Beijo e boa noite .
    • Possibilidade de estreitamento de laços afetivos entre os participantes
    Resultados da pesquisa (4/18) <Aluna C1> O site foi um elemento de interação entre alunos e professores que impulsionou o nosso interesse pela língua inglesa e colaborou para a dinâmica das nossas atividades presenciais . <Aluna D15> [...] (a inclusão de um componente on-line) melhora o relacionamento de professor com aluno, ou vice-versa e professor com a turma, ou vice- versa. <Aluna C1> O site foi um elemento de interação entre alunos e professores que impulsionou o nosso interesse pela língua inglesa e colaborou para a dinâmica das nossas atividades presenciais .
    • Contribuição para o desenvolvimento da autonomia
    Resultados da pesquisa (5/18) <Aluna D11> Às vezes quando entro e vejo uma atividade que nem foi comentada em sala ainda, dependendo do meu compreendimento sobre ela, eu faço, caso contrário espero que seja explicada pelo professor.
    • Contribuição para formação de uma comunidade de aprendizagem on-line
    Resultados da pesquisa (6/18) <Aluna B1> Porque algumas vezes não compreendi a matéria em sala de aula e consegui entender na plataforma com o ponto de vista dos outros alunos . <Aluna B5> Na plataforma nós nos relacionamos com outros alunos também , sempre tem atividades onde postamos comentários seguidos e assim, há interação entre vários alunos, inclusive de diferentes turmas .
    • Contribuição para dupla imersão de conhecimentos
    Resultados da pesquisa (7/18) <Aluna A6> É uma forma inovadora e na minha opinião incentiva o aluno a fazer os exercícios, justamente por estar ligada com a tecnologia. As tarefas online fazem com que revisemos e treinemos o que foi visto em sala de aula fazendo e com que o aprendizado seja facilitado, relacionando também que indiretamente aprendemos a usar recursos da internet que podem ser desconhecidos para alguns . <Aluna D4> A atividade proposta na plataforma on-line em que mais gostei de participar foram todas que envolviam pesquisa em site diferentes, como o site de biografias, dietas, etc. Essas atividades além de ajudar a compreender a língua estrangeira, nos dá mais conteúdo relacionado ao contexto geral .
    • Viabilização de maior reflexão sobre a aprendizagem
    Resultados da pesquisa (8/18)
    • Possibilidade de desenvolvimento da leitura hipertextual
    Resultados da pesquisa (9/18) <Aluna A2> [...] Foi engraçado, pois eu nunca escolheria o indivíduo que escolhi (Ray Charles), mas no site proposto para a tarefa (Biography.com) não havia a biografia de ninguem que eu havia escolhido. Foi muito legal, pois conheci mais sobre esse grande cantor/compositor e pude compartilhar isso com meus colegas.
    • Possibilidade de acompanhamento detalhado da participação dos usuários
    Resultados da pesquisa (10/18) <Professor> [...] dificuldades (.) tá (.) do que você não gostou de participar? Você colocou que foi a atividade das dietas. <Aluna D7> Foi. Por que eu não consegui! [risos] <Professor> ahã. Você [...] vai tentar fazer de novo? <Aluna D7> sei lá (.) já tentei duas vezes (.) fazer. Só que eu não consegui traduzir! Entendeu? <Professor> ahã <Aluna D7> Aí eu falei assim [...] ah, deixa lá [...]
    • Possibilidade de oferecer uma aprendizagem mais atraente
    Resultados da pesquisa (11/18) <Aluna A3 > Sim, porque muitas vezes fico com preguiça de fazer o dever em casa, ou até em sala de aula... On-line é mais rápido e menos cansativo . <Aluna C8> Acho maravilhosa a relação do ambiente on-line com o das aulas e tal, por que na minha opinião, a gente entende melhor, os deveres de casa ficam mais &quot;agradaveis&quot; de serem feitos por estarmos na frente do computador ... [...] parece que os deveres ficam mais fáceis , sei lá.. Alguma dúvida que eu tenha eu olho os tópicos anteriores, tem como aprovitar que já estou on-line e procurar mais sobre o assunto na net. Se as atividades extras fossem meros deveres de casa, 1° que eu nao faria por ser INGLÊS, e segundo que nao teria ninguém pra compartilhar conhecimento e tal...
    • Características favoráveis do AVA:
    • utilização do recurso “Fóruns”;
    • organização do conteúdo do curso;
    • instruções claras e objetivas;
    • envio de mensagens individuais e coletivas;
    • utilização de atividades interativas.
    Resultados da pesquisa (12/18)
    • Utilização do recurso “Fóruns”
    Resultados da pesquisa (13/18)
    • Organização do conteúdo do curso
    Resultados da pesquisa (14/18) <Professor> [olhando para o questionário com as respostas impressas] outra coisa que gostei é quando você fala assim “ a plataforma é incentivadora ao estudo e também o professor explora de todas as maneiras para que esta fique sempre muito organizada e atrativa . Quais maneiras vêm a sua mente, assim, o que você acha que eu faço para que a plataforma fique organizada e atrativa? <Aluna A6> olha, organizada porque você bota todas as aulas assim perfeitamente em ordem [...] tudo com número [...] e atrativa porque [...] Ah, tem o joguinho também, gente eu acho muito legal, fico fazendo e pareço uma criança, [...] mas eu adorei o negócio do joguinho [...] até serviu pra minha irmã [...]
  • Resultados da pesquisa (15/18)
    • Instruções claras e objetivas
    <Aluno D3> Não, não tive (dificuldade para participar das tarefas on-line). As tarefas estavam bem explicadas com o &quot;passo a passo&quot; sobre do que fazer e como fazer .
  • Resultados da pesquisa (16/18)
    • Envio de mensagens individuais e coletivas
    Mensagem dentro do Moodle (terça, 21 abril 2009) Professor [09:10]: Queridos, Estou enviando esta mensagem para lembrá-los de que, como ainda não colocaram uma foto no perfil de vocês, talvez o motivo seja técnico. Como eu já havia mencionado em sala de aula, basta que vocês enviem um email para mim (cpaivafranco@yahoo.com.br) com uma foto em anexo. Dessa forma, eu mesmo posso atualizar o perfil de vocês! Bom feriado!! =p [ ]s, Claudio
  • Resultados da pesquisa (17/18)
    • Utilização de atividades interativas
    <Aluno C15 > [...] [referindo-se à atividade favorita] discourse markers por que foi um joguinho interativo . <Aluna A6> [...] e atrativa [referindo-se à plataforma] porque [...] Ah, tem o joguinho também, gente eu acho muito legal, fico fazendo e pareço uma criança, [...] mas eu adorei o negócio do joguinho [...] até serviu pra minha irmã <Professor> é, você falou [...] o de prefixos, né? <Aluna A6> é. Até serviu pra minha irmã que ela ta fazendo curso [...] Aí, também serviu pra ela.
    • Possíveis relações percebidas pelos participantes entre o componente on-line e o presencial:
      • relação de complementaridade.
    Resultados da pesquisa (18/18) <Aluna D6> Uma atividade complementa a outra nos ajudando a aprimorar o inglês. <Aluno A8> A plataforma sempre abrange, a partir de seus tópicos de exercícios, questões relacionadas ao que se aprende em sala de aula . [...] A plataforma on-line serve como um complemento para as atividades desenvolvidas na sala de aula, sendo uma forma de aprimorar ainda mais o nosso conhecimento. <Aluna C1> As atividades on-line complementam e aprofundam os nossos argumentos sobre determinado assunto, além de dinamizar o conteúdo escolar.
  • Considerações finais
    • A proposta de ensino semipresencial através da inserção de um componente on-line pode apresentar contribuições pedagógicas incrivelmente positivas para alunos e professores . Durante a fase de implementação do componente on-line de inglês, outros professores começaram a desenvolver um componente on-line para suas disciplinas. No total, a plataforma da UNED Caxias disponibilizou 6 cursos on-line para a 1ª série do Ensino Médio e 5 para a 2ª série . Pretende-se, em 2010, oferecer suporte on-line para mais disciplinas.
    • A eficiência da inserção do componente on-line elaborado dependeu muito mais dos aspectos pedagógicos contemplados na criação do ambiente virtual, isto é, do planejamento do curso e desenho do conjunto das atividades, combinados à mediação adequada do professor .
    • Observou-se a importância de o professor ser proficiente com a tecnologia utilizada e desenvolver estratégias pedagógicas para explorar todas as potencialidades oferecidas pela referida tecnologia.