Combústivel Redes Sociais

720 views

Published on

Published in: Technology, News & Politics
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
720
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
13
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Combústivel Redes Sociais

  1. 1. Combustível Alimentando a chama da criatividade O que são Redes Sociais
  2. 2. <ul><li>Rede Social é uma das formas de representação dos relacionamentos afetivos ou profissionais dos seres entre si ou entre seus grupos de interesses mútuos. </li></ul><ul><li>- Compartilhar idéias e valores </li></ul><ul><li>Pessoa com interesses e objetivo comuns </li></ul><ul><li>Essas redes sociais estão hoje instaladas principalmente na Internet devido ao fato dela acelerar a disseminação das idéias. </li></ul>
  3. 3. Redes sociais mais acessadas no Exterior
  4. 4. Redes sociais mais acessadas no Brasil
  5. 6. http://rmacomunicacao.com.br/2009/05/academia-20-oficina-de-twitter/ Vídeo
  6. 7. Em 2000 e 2004, a internet já despontava como organismo essencial de uma disputa eleitoral, mas nada comparado com ao que aconteceu agora, em 2008. Sendo mais específico, ao que a campanha épica do candidato Barack Obama foi capaz de fazer no ambiente online e nas novas mídias em geral, ao mesmo tempo que influenciou permanentemente a linha que divide online e offline e atingiu a cultura pop. E mais do que simplesmente anunciar, foi uma campanha que reescreveu as regras de como atingir os eleitores, arrecadar dinheiro, organizar voluntários, monitorar e moldar a opinião pública, além de lidar com ataques políticos, muitos deles feitos por blogs que nem existiam há quatro anos atrás. Barack Obama: O presidente que mudou as eleições.
  7. 8. Como diz matéria no NY Times , tratou-se de iniciativas guiadas pela tecnologia, focadas no microtarget, tão engajadoras que foram capazes de envolver americanos, que nem nunca tinham votado antes, no processo eleitoral, em especial o público jovem-adulto. O que no fim das contas vai significar um recorde de comparecimento às urnas. É óbvio que a televisão e os jornais continuam desempenhando papel importante na escolha de um presidente, mas não como antes. Se transformou em uma via altamente influenciada pela internet, ao invés do contrário. E quando Obama veiculou um comercial de 30 minutos nas três maiores emissoras de TV americanas, o fez com dinheiro arrecadado na web. Quando se fala em 120 mil seguidores no  Twitter , um grupo no Facebook com 2.3 milhões de membros e 11 milhões de views em  um vídeo no YouTube , os números parecem baixos se comparados ao alcance de uma mídia de massa, mas formam uma comunidade de pessoas que fazem diferença, que são altamente multiplicadoras e influenciadoras.
  8. 9. Essa comunicação feita de pessoa pra pessoa construiu uma gigantesca plataforma de conteúdo que independeu da vontade de grandes grupos de mídia. Mais do que isso, provou o poder da integração, da mensagem pulverizada nos mais diferentes meios. Por outro lado, a televisão e os jornais aprenderam grandes lições com as possibilidades da internet, produzindo conteúdo exclusivo, aproveitando o que é gerado pelas pessoas e desenvolvendo ferramentas, mapas interativos, widgets eleitorais, etc. Alguns exemplos: mapas da CNN , Yahoo , CQ , New York Times , Washington Post . Projeto Video Your Vote do YouTube . Twitter Vote Report. Twitter Election. Google 2008 U.S. Election. São ferramentas que permitem analisar, compartilhar, agregar, categorizar, dissecar tudo quanto é tipo de informação sobre as eleições, que além de informar estimulam a participação do usuário. Aplicativos que não eram possíveis nas eleições passadas, e hoje são parte integrante das mídias sociais.
  9. 10. http://www.interney.net/?p=9766300 Métricas em Mídias Sociais
  10. 11. Ferramentas do http://twitcam.com/ http://tweetscan.com/ http://tweetdeck.com/beta/ http://twitbin.com/ http://twitdir.com/search_lite.php http://twitpic.com/ http://search.twitter.com/ http://twitted.me/ http://www.tweetopiniao.com.br/ http://www.midiassociais.blog.br/ferramentas-twitter/ http://tweetstats.com/ http://www.twhirl.org/ http://idgnow.uol.com.br/internet/2009/09/09/confira-cinco-tendencias-para-o-twitter/

×